O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 5 de março de 2011

As profecias de Jesus e... Os Fraquinhos

 ●  6 comentários  ● 
Ouvi atentamente a conferência de imprensa de Jorge Jesus para o jogo com o SCBraga. Tenho que admitir que ele está cada vez mais perto, cada vez mais refinado, na perfeição das mensagens a passar para o exterior.

Jorge Jesus é possivelmente o mais mordaz e eficiente comunicador do SLBenfica neste momento.
Haverá, desejo, trabalho de casa do nosso Dpt. Comunicação - se não houver é muito triste.

Desde o "ataque" aos gostos passados das gentes de Braga pelo Carlos Xistra - que agora tentam desdenhar para não ficarem colados a alguma manobra corrupta que ele venha a fazer - passando por "picar" o FCPorto sobre o jogo com o Guimarães, num dois em um que atira também ao Manuel Machado... Até chegar à valorização dos jogadores do Benfica e à impressionante constatação de que o que diferencia o SLBenfica dos colossos europeus é a capacidade financeira, porque futebolisticamente e ao nível da potenciação de jogadores de top mundial... Estamos ao nivel deles. As titularidades de todos os jogadores por nós vendidos a clubes de topo, mostram bem o que conseguimos fazer.

Nesta temática não ficou esquecida a loucura em que estão a entrar os colossos por Fábio Coentrão. Espero, porque a qualidade, e polivalencia no corredor esquerdo, assim o ditam, que sejamos intransigentes no minimo aceitável - 30M€. Há uns tempos, achei que poderíamos ter investido mais no contrato do jogador e renovado também a clausula para os 45M€, que nos dariam agora folga para tentar negociar acima dos 30M.

Como Jesus afirmou, está a fazer-se um bom trabalho em campo, que é importante nao estragar nos gabinetes. Este ano não podem outra vez sair mais que duas/três unidades do núcleo duro - Coentrão, Cardozo e Javi são os alvos e acho arriscado deixar sair os três, mas entendo que poderá estar a fazer-se um trabalho de casa este ano que o permitirá. Menos de 30M por Coentrão, 18 a 20M por Javi e 20 a 25M por Cardozo serão maus negócios e na calha estão Rodrigo, Nelson Oliveira, Matic, Taiwo (?), Carole, etc...

***************************
Por fim uma nota, já esperada da minha parte, para os FRAQUINHOS adeptos do futebol. Quase nenhuns davam atenção ao tema do Regime Jurídico da FPF, o GB e o Ndrangheta (pela "voz" do Inespugnabile) eram dos poucos que davam importância ao tema, tal como aconteceu com o alerta do apoio ao Fernando Gomes - que agora todos choram.

Hoje em dia, já uns quantos falam deste tema dos estatutos da FPF enquanto se lembram que se calhar deviam ter-nos ouvido mais quando foi a questao das eleições da Liga. Mas ainda assim, quando alguém tenta que se faça alguma pressão sobre os lobbys para que os estatutos sejam aprovados, através de manifestações publicas junto à FPF pela verdade desportiva, praticamente ninguém adere, divulga ou sequer comenta - se fosse para comentarem uma nova contratação ou os 23M do Liverpool pelo Fabio já pode ser.

Se os estatutos voltarem a nao ser aprovados, ou se o Benfica continuar a ser roubado, depois lembrem-se de perguntar o que fizeram para ajudar a mudar a situação que vos leva para os computadores escrever em blogues e fóruns sobre assuntos que nunca vos fizeram levantar o cu da cadeira.

sexta-feira, 4 de março de 2011

19/3 Manifestação "Pelo Futebol com Verdade" (by Jotas)

 ●  5 comentários  ● 
Na sequência do excelente tópico do SouBenfica, Obrigado Pinto da Costa, o nosso assíduo leitor Jotas "lançou o réptil" (eheheh) e o GB decidiu aceitar dar-lhe voz imediatamente:

"Quem realmente gosta de futebol e da verdade, no dia 19 de Março, deveria fazer uma manifestação junto da sede da FPF e só deixar dali sair os corruptos do nosso futebol, com os novos estatutos aprovados"

Mais alguém se quer encarregar de dar voz a esta iniciativa, de estar presente na sede da FPF no próximo dia 19 de Março, Sábado, para mostrar a esta gente que o futebol nacional é nosso, para nós e não deles?

Como diriam os anúncios dos bancos em voz rápida e imperceptível: ESTE TÓPICO NÃO DISPENSA A LEITURA ATENTA DO TÓPICO DO SOUBENFICA: Obrigado Pinto da Costa

Obrigado Pinto da Costa

 ●  4 comentários  ● 
Acho que falo em nome da restante equipa do GB quando agradeço ao Sr. Pinto da Costa e ao seu peão Sr. Lourenço Pinto (AFPorto), devidamente secundado pelo sempre disponível Carlos Coutada (AFBraga) e o Sr. Julio Vieira (AFLeiria), a estes ainda posso juntar o Sr. Horácio Antunes (AFCoimbra).

Um agradecimento pelos serviços prestados ao futebol português desde que foram criados e autorizados os actuais estatutos da FPF, salvo erro em 1993, até aos dias de hoje. Conseguiram manter sempre o Porto na senda dos títulos, o Braga a renascer das cinzas para 4º grande e o Leiria e Académica a fazerem o papel de peões muito bem pagos. Já repararam na curiosidade:

» AFPorto - títulos do Futebol Clube do Porto
» AFBraga - crescimento do Sporting Clube de Braga
» AFCoimbra - manutenção contínua na Liga e melhoramento das contas da Académica
» AFLeiria - manutenção contínua na Liga e protecção e ilibação do Bartolomeu

As equipas B terminaram porque se subissem podiam ter um papel desvirtuador na realidade da classificação das equipas. Mas o Porto tem três equipas B na primeira divisão e ainda tem mais umas alinhadas rotativamente.

Desde essa altura, foram 11 títulos para o Porto, incluindo um penta e um tetra e um bicampeonato e só o Benfica evitou males maiores. Nestes 16 anos apenas por duas vezes não ficaram em primeiro ou segundo classificados.

Dizer que esta hegemonia única no Mundo não é obra e graça de corrupção ao mais alto nível, é pura demagogia. Antes deste actual regime jurídico e já com muitas «manobras esquisitas» de Pinto da Costa nos bastidores, não havia ninguém (nem o Benfica) que dominasse o futebol nacional, alternando-se os campeões.

Sinceramente, acho que eles vão acabar por viabilizar os novos estatutos e assumir a derrota e até já devem estar a trabalhar em novas formas de manter o poder, principalmente através do Madaíl. E só o vão fazer porque têm medo de algo que terá um custo brutal e quase irreparável para eles: Ficar (outra vez) fora da Champions no próximo ano.

Não percam o meu post sobre o puto ruivo que já ninguém aguenta

PS- Javi Garcia só por mais de 12 milhões? Foda-se! Não faltam aí mais 12 milhões à conta? 24 sff.

Já ninguém aguenta isto

 ●  Sem comentários  ● 


Tinha que ser. O puto tinha que voltar a falar do Benfica e voltar tentar que à 19ª vez vai conseguir finalmente meter pressão no Benfica para que não ganhemos, desta vez à equipa B do clubezeco de merda treinado (lol) pelo puto ruivo.

Desta vez foi para «bater pívias» ao trabalho do Jorge Jesus. bla bla bla bla bla se estão cansados é bom sinal, é porque estão a lutar por todos os seus objectivos, quem me dera bla bla bla bla são uma ameaça real ao Porto bla bla bla bla que já já não há pachorra para ouvir este merdoso nervoso a falar do Benfica.

Este puto está todo borrado, mas que vá chorar para perto do paizinho corrupto porque já ninguém tem pachorra para o ouvir e o Jesus já nem lhe liga nenhuma.

Rapidinhas:
- O Aimar está no ponto para facilitarmos a saída dele para o River Plate. O GB falou há dias num acordo que garantisse a opção de compra sobre uma jovem promessa do River, parece-me uma óptima ideia, até porque o Nico será um grande substituto para número 10.

- Parabéns ao Rui Vitória pela final da Taça da Liga (finalmente um jogo honesto, sem corruptos ou submissos envolvidos), ao que junto o Nelson Oliveira e o David Simão.

- Parabéns também ao Mozer que já leva sete jogos onde só perdeu um e já «roubou» pontos ao Sporting (ok, nestes não é grande proeza) e ao Braga.

quinta-feira, 3 de março de 2011

OFF TOPIC IMPORTANTE: Escolha do Patriarca de Lisboa

 ●  2 comentários  ● 
A RÁDIO RENASCENÇA ESTÁ A NOTICIAR A GRANDE REVIRAVOLTA NA ESCOLHA DO SUCESSOR DE D. JOSÉ POLICARPO PARA O CARGO DE PATRIARCA DE LISBOA.

DESDE O PEDIDO DE RESIGNAÇÃO DO PRELADO, COMEÇARAM A CIRCULAR OS NOMES DOS 3 POTENCIAIS CANDIDATOS:


- D. MANUEL CLEMENTE, BISPO DO PORTO;

- D. CARLOS AZEVEDO, BISPO AUX. DE LISBOA

- D. ANTÓNIO MARTO, BISPO DE LEIRIA-FÁTIMA

PORÉM, E POR PROPOSTA DA NUNCIATURA APOSTÓLICA, O PAPA ACABA DE NOMEAR PARA CARDEAL PATRIARCA DE LISBOA,

D. LUIS FILIPE VIEIRA, BISPO DA LUZ.

OS ARGUMENTOS CANÓNICOS, SÃO DEMOLIDORES :

1. DIRIGE, HÁ SEIS ANOS, A MAIOR CATEDRAL DO PAÍS.
2. É O LÍDER DE 6.000.000 DE FIÉIS SEGUIDORES.
3. FALA, TODOS OS DIAS, COM JESUS.

Esta vai passar no "barulho das luzes"

 ●  6 comentários  ● 
A astúcia está a melhorar para os lados da Luz, infelizmente em muitas vezes não no sentido de "acertar" nos destinatários certos. Um "timming" perfeito, depois da vitória sobre o SportingCP, para fazer passar uma decisão de impacto financeiro.

Diz o Comunicado do SLBenfica à CMVM: "PONTO ÚNICO: Autorizar, nos termos do n°. 2 do art. 8° do Contrato de Sociedade, o Conselho de Administração a deliberar a sobre a emissão de papel comercial ou instrumento de dívida equiparado até ao montante máximo de Euros 50.000.000,00 (cinquenta milhões de euros), nos demais termos e condições da respectiva proposta"

Em 2009 já havia sido efectuado um plano de 40M€ a 5 anos, portanto até 2014, agora são mais 50M€. Eu não quero agoirar, mas ao contrário de alguns que vêem logo para os comentários elogiar estas medidas, também não as vou criticar, dado não estar ainda devidamente informado sobre os objectivos, benefícios e, eventuais, riscos desta operação. Voltarei ao tema.

Benfica 2 Sporting 0 E vão 18

 ●  11 comentários  ● 

 E vão 18 vitórias. 18 vitórias consecutivas, provavelmente uma das maiores séries consecutivas de vitórias de sempre do Benfica que tem um sabor ainda mais doce por ser contra um dos maiores rivais. Quanto ao Sporting vão 8 jogos, 8 jogos consecutivos sem ganhar, uma das mais negras séries de sempre para aqueles lados.
Com esta sequência de resultados, o Benfica tem sobre si todos os holofotes demonstrando que quem merece ser líder neste campeonato podre, não fossem as arbitragens com sabor a fruta, somos nos! O verdadeiro líder do futebol português veste de encarnado e o bom futebol e os resultados falam por si. Quanto mais tempo esta serie se prolongar mais pálida por comparação sera a imagem deixada pelos Outros. Mesmo que no fim o Benfica não seja campeão, se ganharmos os outros títulos em jogo esta será sempre a época do Glorioso e eventualmente ninguém se lembrara daqui a uns anos que o campeão foi uma outra equipa que só alcança alguns resultados recorrendo a jogadas sujas.

Uma vitoria que foi um premio para os 49000 nas bancadas que apoiaram a equipa durante todo o jogo e a empurraram para a frente!

Contrariamente ao que era esperado, não houve poupanças na equipa de hoje excluindo Aimar que foi preterido por Carlos Martins.
Na minha opinião, hoje assistiu-se a um Benfica a meio gás que decidiu não imprimir aquele ritmo diabólico que tão bom resultado tem dado nestes últimos jogos para se poupar para outros jogos. Apesar disso, na primeira parte assistiu-se a um domínio total do Benfica nos primeiros 20 minutos com as habituais combinações pelas alas de Coentrao (principalmente) e de Maxi com os jogadores mais ofensivos criando situações de aflição para a defesa leonina. Fica na retina um lance em que Cardozo chegou atrasado para um cabeceamento a cruzamento de Gaitan.
Contudo, contra a corrente do jogo o Sporting marcou na primeira vez que foi a baliza muito por culpa de uma péssima saída de Roberto. No entanto, os jogadores do Benfica reagiram a esta adversidade como fizeram a todas as adversidades que surgiram nos ultimo 18 jogos: cerrando os dentes, unindo-se e trabalhando em conjunto para dar a volta ao texto. Foram pra cima do Sporting e o empate, mais que justo, chegou nem quinze minutos depois do golo do Sporting através de um cabeceamento fulminante de Cardozo. Contudo, este lance surgiu de um canto originado por outro falhanço do paraguaio que voltou a marcar pessimamente um penalti deixando que Patrício adivinhasse o lado e defendesse. Já começa a ser altura de JJ atribuir o dever de marcação de penalties a outro jogador pois depois de tantas oportunidades dados a Cardozo de recuperar a confiança começa a ser altura de por os interesses da equipa em primeiro lugar.
No resto da primeira parte viu-se que a equipa tentou carregar para cima do Sporting e ainda deu para se assistir a algumas maldades como o túnel de Salvio a Evaldo mas no geral falharam-se muitos passes e não se conseguiram construir jogadas com principio, meio e fim.

A segunda parte comecou com um Sporting mais atrevido com um remate de Postiga por cima a mostrar que os lagartos estavam vivos e ali para discutir o resultado. Contudo, os verde e brancos estão num péssimo momento, os defesas sao trapalhoes e Rui Patricio nao ajuda nada quase dando um brinde a Cardozo que interceptou um pontape do guarda-redes que ia dando golo.
Por sua vez, o Benfica parecia estar também a pensar no próximo jogo e as substituicoes efectuadas ao longo da segunda parte acabaram por seguir essa linha: saida de Gaitan por Jara (que entrou bem no jogo, imprimindo velocidade) e de Carlos Martins por Aimar que nao teve tempo para fazer muita coisa pois saiu com queixas pouco depois tendo entrado Menezes para o seu lugar.
Apesar de o Sporting tentar discutir o resultado, o que se via era um Benfica que dominava territorialmente e a quem pertenceram as melhores oportunidades de golo, como um cabeceamento a barra de Cardozo, muito por culpa também da diferença de categoria das defesas com Luisao imperial a limpar tudo o que aparecia a frente e muito bem assistido por Sidnei.
Ficava a ideia de que apesar de nenhuma das equipas estar a imprimir um ritmo de jogo elevado também nenhuma queria ir para penalties e felizmente a felicidade do jogo, a "estrelinha" de campeão favoreceu quem mais tinha feito para vencer. Javi Garcia marcou golo já depois do minuto 90 num lance em que a defesa leonina nao fica isenta de culpas. Se se preocupassem em jogar a bola em vez de olharem para o fiscal de linha talvez as coisas fossem diferentes para eles.

No final, a vitoria premiou a melhor equipa em campo que podia ter saído do relvado com uma goleada e que foi o justo premio para todos!

Positivo: Crença dos jogadores que não desistiram ate ao fim. Javi Garcia que foi essencial nos momentos cruciais do jogo: o penalti foi feito sobre ele e marcou o golo da vitoria. Cardozo, apesar de ter falhado um penalti, esteve muito activo no jogo e só por azar não marcou mais um ou dois golos: os lagartos já devem ter pesadelos com ele. Luisao imperial na defesa - enquanto estiver a jogar assim acho que o Benfica ate podia jogar só com ele a frente de Roberto que o Benfica continuava sem sofrer golos. Coentrao esteve endiabrado e fez a cabeça em agua a João Pereira. Grande apoio da bancada.

Negativo: Roberto fica mal na fotografia no golo do Sporting. Amarelos estúpidos de Coentrao e Salvio por simulações completamente desnecessárias. Alguém lhes ensine que nesta altura do campeonato não podem arriscar cartões em lances destes especialmente a Coentrao que esta farto de levar cartões.

Uma nota final para Jorge Sousa: por muito que me custe admitir hoje teve uma arbitragem isenta e acabou por estar bem o que me surpreendeu sobremaneira... Vamos la ver como vai ser com o Xistrema este fim-de-semana.

quarta-feira, 2 de março de 2011

Eu nem sou destas coisas

 ●  5 comentários  ● 
Mas depois de tanta choradeira (sem sentido) do Couceiro por causa da arbitragem e da miserável tentativa de levar o jogo para penaltys, só merecem ser gozados! Mesmo depois de eu ter prometido a mim mesmo que da mesma forma que não gozo com deficientes ou bato em senhoras... também não se deve gozar com estes coitados.

GRANDE BENFICA! Vamos lá pensar em moderar este esforço a que se está a submeter alguns jogadores.

Quero a terceira final consecutiva!

 ●  2 comentários  ● 
Hoje uma vez mais é dia de ir á bola. Pouco antes das nove da noite começa o jogo mais importante da equipa...porque é o próximo, mas porque nos pode transportar para a terceira final consecutiva da Taça da Liga.
Pelo que vejo na imprensa, as principais novidades devem ser as entradas de Moreia e Jara para os lugares de Roberto e Saviola, mas é previsível que o Airton entre para o lugar do Javi, o mesmo dizendo-se do Martins/Fernandez para a vaga do lesionado Gaitan.

O que quero ver hoje é a mesma equipa guerreira e espectacular dos últimos dezassete jogos. É isso que peço e acho que não é muito. Somos superiores, muito superiores e por isso devemos encarar o jogo com confiança, mas sabedores que do outro lado 11 rapazes vão estar a jogar a vida, pelo que devemos também ser humildes e batalhadores.
Hoje quero uma vez mais um Benfica á Benfica, ou se preferirem, um Benfica á JJ!!

Carrega Benfica rumo á final!!

p.s Amigos, aproveitem se tiverem tempo, para ir bem cedo, pois ás 19 Horas recebemos o Águas Santas para o Campeonato Nacional de Andebol. Pavilhão 2!

Não basta mandar umas larachas, Vieira

 ●  6 comentários  ● 
O que andavam o F.Gomes e o J.Oliveira a fazer na Gala do Benfica com honras de Estado? Não chega ao Vieira ler uns comunicados e uns discursos bonitos para enganar os tolinhos dos sócios, é preciso mostrar que sabe o que é o Benfica, que gosta do Benfica e que não pactua com essa gentinha. Já não chegava termos o «engenheiro sportinguista» a tratar das finanças, ainda temos que abrir as perninhas a esses dois alinhados do Sistema? Já que falo nesse, vejam uma análise das contas no Chama Gloriosa. Preocupa qualquer um.

ADN Benfica: GANHAR

 ●  1 comentário  ● 
Não gostei de ter visto os jogadores na Gala até horas tardias, começo por vos dizer. Espero que na Luz não haja uma ideia que os lagartos são «favas contadas» devido ao momento triste (que começa a ser habitual) que vivem.

O Jesus já veio dizer que a perder alguma competição que seja a Taça da Liga e que o Sporting esta é a única competição que pode ganhar e que vão dar tudo, e por outro lado que pode introduzir alguns jogadores com mais frescura física, o que não quer dizer mais qualidade.

Eu sei que as «bolas quentes» dos sorteios nos meteram neste ciclo infernal de Estugarda-Sporting-Estugarda-Martímo-Sporting-Braga e não foi por acaso. Eles sabem bem as datas das competições europeias e quando podem sobrecarregar os jogos do Benfica.

Mas amanhã é derby e nem que seja para a Liga das caricas, derby é para ganhar, dê por onde der, custe o que custar.

Bora lá Benfica! Para ganhar aos lagartos!

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

3 jogos, 3 arbitros da AFPorto???

 ●  5 comentários  ● 
Depois do Artur Soares Dias, depois do Vasco Santos agora e a vez do Jar Jar Binks!!
Não existem mais árbitros neste Pais alem dos da cidade do Porto para arbitrar os jogos do Benfica?

Esta na hora da Direcção do Benfica se insurgir contra estas nomeações cirúrgicas ou pelo menos mandar a boca quanto a estas encomendas...

Aposto que contra o Braga vamos levar com o Olarápio.
Estão a fazer de tudo para acabar com a serie vitoriosa do Glorioso como as ultimas arbitragens lastimáveis tem demonstrado.
A Taca da Liga e um dos objectivos desta temporada e vão tentar tirar este titulo ao Benfica por meios ilegítimos e ainda por cima na Luz!

Uma nota especial também para a besta do Pedro Henriques que n'O Nojo escreveu o seguinte sobre o lance de penalti na área do Maritimo: "Roberge estava de costas para a bola e não vê a sua trajectória. Esta vai na direcção do seu braço, acabando por lhe tocar de forma não deliberada."
 No entanto á 2 anos este merdas anulou um golo ao Benfica contra o Nacional por isto:


Cambada de vendidos!

Preparem-se que isto vai piorar ainda mais nos proximos tempos.

Berlusconi e Joaquim Oliveira - As Semelhanças

 ●  2 comentários  ● 
Desculpem lá voltar mais uma vez a este tema. Sim... é perseguição ao todo-poderoso homem sombra, Joaquim Oliveira, não pela pessoa, não pelos seus negócios, não pelo seu império... mas unicamente pelo impacto que este seu desígnio de poder tem no meu clube do coração, o SLBenfica. É importante esclarecer que nada me move contra o homem e o empresário que, reconheço, conseguiu montar um Monopólio que poucos de nós enjeitariam criar.

Lembrei-me hoje do paralelismo entre o cada vez mais contestado em Itália Berlusconi e o tuga Joaquim Oliveira.

O primeiro é dono de um enormíssimo império dos media através do Grupo Mediaset, ao qual se junta o cargo de proprietário do Milan e de líder de Governo Italiano. É o que se pode chamar o "pleno" de influência de uma personagem que se distingue pela extravagância, boémia e despudor. A escandaleira é o passatempo favorito, deste líder de um grupo empresarial que opera na vertente da Publicidade (duas empresas), Televisão sinal aberto (quatro canais), Pay-TV, Produção de Conteúdos, Canais de Informação e Desporto, Direitos Televisivos de Modalidades desportivas de top, Online/Web e Tecnologias de Informação.

Mas há mais, com extensões ao mercado financeiro, retalho, etc. Podem consultar todo império aqui, bem como a respectiva cronologia. Se quiserem mais alguns dados sobre o Grupo, podem consultar AQUI.

Em Portugal, há um paralelo a Berlusconi em Joaquim Oliveira, mas eu diria que numa vertente mais low-profile, dado que Joaquim Oliveira assume claramente o papel de homem-sombra, o homem que não fala nem gosta que falem dele, reservando-se ao direito de controlar todos os que com ele interagem atrás de uma poderosíssima máquina de influência social, política, económica e, especialmente, política.

O Grupo Controlinveste, nasceu em 84 apenas e hoje conta com um império impressionante, suportado na sua construção pelos barões da Banca, onde se destacam acordos como os do empréstimo de 200M€ para comprar a Lusomundo, que teve um período de carência de vários anos.

Como Berlusconi, é no poder político e governativo que Joaquim Oliveira dá o salto no seu império, até então limitado ao futebol, direitos televisivos e publicidade estática nos estádios. Em 1998 em parceira com a RTP e PT Multimédia (Estado Português) lançou a Sporttv. Em 2001, novamente com a benção do Estado português, lançou um projecto mais abrangente (Sportinvest Multimédia), desta feita em parceria com a PT, dedicados à distribuição de conteúdos informativos e multimédia na área do desporto, com destaque para o domínio total dos direitos televisivos e multimédia do futebol. Em 2005, como referi, "patrocinados" pelo BCP, adquirem a Lusomundo e nesse processo junta-se a TSF, JN e DN ao Jogo, Sporttv, etc. juntamente com publicações num regime estratégico-geográfico como o DN da Madeira, Açores Oriental, etc. isto além de controlar todo o sector de impressão (Navprinter) e distribuição (VASP) de imprensa.

A Sportinvest Multimédia tem ainda uma posição na Agência Lusa, novamente com ligações ao Governo. Já a Controlinveste tem ainda várias participações financeiras em sociedades desportivas e empresas de telecomunicações assim como controla uma operação no sector do turismo, a agência de viagens Cosmos, que dispõe de um portal de comércio electrónico.

Tal como o exemplo de Berlusconi, Joaquim Oliveira é igualmente detentor de um poder imenso, capaz de influenciar a sociedade, promover ou destituir líderes desportivos, financeiros ou políticos. Atrás dele, como no caso de Berlusconi, há toda uma máquina financeira e política onde a sua protecção é garantida.

Em Itália, Berlusconi tem sido alvo de um crescente número de manifestações contra o líder italiano, cansados das humilhações internacionais a que as suas extravagâncias têm sujeitado o povo italiano, juntamente com os crescentes crimes económicos que têm vindo a lume.

Quando apareceu o "caso BPN", obviamente que Joaquim Oliveira foi apanhado no processo, mas recusou-se a prestar declarações na Assembleia da República (Comissão de Ética), ficando por investigar qual a sua ligação e implicação nesse processo.

Como Berlusconi, o empresário português montou um esquema que só pode ser desmontado por algo maior, muito maior que o seu império e que o poder social dos seus protectores. Só o SLBenfica o pode desafiar, como só o povo poderia desafiar Berlusconi. O Povo saiu à rua para iniciar a queda de Berlusconi, mas o SLBenfica tarda em assumir uma posição firme contra Joaquim Oliveira e em garantir condições para o que me parece mais fundamental de todo o processo: PROMOVER A SAÍDA DE JOAQUIM OLIVEIRA DA SAD DO BENFICA E DA SPORTINVEST DA BENFICA MULTIMÉDIA - que se compre a sua posição nas empresas.

Neste enquadramento, talvez sim... talvez seja complicado alguém vir a desafiar Joaquim Oliveira no panorama nacional, pois seguramente que os patrões políticos e económicos tudo fariam para dificultar essa missão a um concorrente do magnata do Norte. Posto isto, resta ao Benfica lutar pelas condições justas e, acima de tudo (reforço) pela independência total de Joaquim Oliveira.

Parabéns Glorioso!!

 ●  4 comentários  ● 

No dia de 28 de Fevereiro de 1904 um grupo de 24 ex-alunos da Casa Pia, onde se destacava Cosme Damião (com apenas 18 anos), criou nas traseiras da Farmácia Franco o Sport Lisboa...



O Glorioso nasceu á 107 anos pelo sonho de um grupo de rapazes pelos padrões de hoje. O sonho que foi carregado e alimentado durante imensos anos pelo mítico Cosme Damião de tornar o Benfica o maior clube português e um dos maiores da Europa. Algo que veio a acontecer apartir da década de ouro de 60...

Parabéns grande Sport Lisboa e Benfica! 107 anos de juventude em que inúmeros atletas contribuíram para te imortalizar em inúmeras modalidades.

Que venham outros 107 anos com tantas conquistas como estes.
Este ano é um orgulho ver que temos jogadores e equipa técnica que defendem a camisola com orgulho, concentração e união dignos dos pergaminhos do clube.


O tópico abaixo deste não deve ser ignorado. A roubalheira que nos meteu no segundo posto.

Quando o Bola7 fala, a malta ouve

 ●  13 comentários  ● 
O nosso companheiro Bola7 está sempre atento a tudo, desta vez deu voz a um brilhante texto sobre as vitórias corruptas, publicado no Serbenfiquista pelo Royal Flash:

Todos sabemos que o Benfica começou muito mal a época. O jogo fraco que fez na super taça, em que o Porto foi claramente superior, começou logo por dar grande alento ao Porto para a época que se seguia.

Quim, Ramires e Di Maria deixavam o Benfica, para os substituir chegaram Roberto, Salvio e Gaitán. Jogadores jovens e grande potencial (já confirmado) mas sem grande experiência.

Principalmente por estes factores, e talvez algum excesso de confiança, o Benfica começou a época de forma tremida, sofrendo 3 derrotas nos quatro primeiros jogos da temporada. O Benfica fazia então, o pior arranque de sempre no campeonato nacional.

O Porto por seu lado, começou forte e com um tridente atacante muito forte (Hulk-Falcão-Varela). Vilas Boas também ele muito bem a manter a equipa compacta e motivada, demonstrando bom trabalho táctico, principalmente na defesa, onde vários jogadores eram/são considerados algo abaixo da média. As saídas de Bruno Alves e Raúl Meireles não se fizeram sentir na equipa.

Mas o pior ainda estava para vir. Como confirmação da superioridade portista, o Benfica foi ao Porto perder por 5-0 e ficar assim ainda mais longe da conquista do bi-campeonato.

O Benfica soube, no entanto, dar a volta por cima a este mau momento, e actualmente (finais de Fevereiro) soma 10 vitórias consecutivas no campeonato. Perfazendo um total de 48 pontos. No entanto a desvantagem para o Porto continua muito grande, de 8 pontos.

Convém então perceber como foi esta vantagem tão grande alcançada. Além da falta de competência do Benfica nas primeiras jornadas, e da competência do Porto e de Vilas Boas, haverá mais algum factor que tenha causado uma vantagem tão dilatada do Porto sobre o Benfica? Isto, deixo ao vosso critério, só irei mostrar vídeos e factos deste campeonato.

Vamos então aos vídeos:

Jornada 1

Benfica vs Académica (1-2)

Ficam 2 penaltis por assinalar a favor do Benfica com o resultado em 1-1.

Minuto 2:55 deste vídeo podem ambos os lances ser revistos:



Naval vs Porto (0-1)

Porto ganha por 1-0 com um penalty inexistente. Neste vídeo, pode-se confirmar que a bola toca no corpo do jogador da Naval e não no braço. O penalty aparece no minuto 82 do jogo, quando o mesmo parecia destinado ao empate.


Jornada 4

Guimarães vs Benfica (2-1)

Minuto 21 – Saviola isola-se e fica sozinho frente ao Guarda-redes adversário, há fora de jogo mal assinalado

Minuto 36 – Com o resultado já em 1-1, Aimar é pontapeado na área. Penalty por assinalar para o Benfica

Minuto 49 – Jogador do Benfica derrubado à entrada da área. Fica a dúvida se a falta é dentro ou fora, mas o árbitro (?), bem posicionado, manda mais uma vez seguir.

Minuto 57 – Golo mal anulado ao Benfica por suposto fora de jogo

Vários amarelos ridículos foram ainda distribuídos por jogadores do Benfica naquela que foi das arbitragens mais vergonhosas a que o futebol português já assistiu.

Tudo isto, pode ser comprovado no seguinte vídeo. Devido à natureza gráfica de roubo evidente, avisam-se os mais sensíveis que poderão ficar chocados:


Na jornada 4, Porto vs Braga, com o resultado em 3-2 e ao cair do pano, Beluchi empurra com o cotovelo um jogador do Braga, lance passível de grande penalidade que não foi assinalado. Mais 2 pontos poderiam então, teoricamente, ser retirados ao Porto.

O lance pode ser confirmado no minuto, 2:52 do seguinte vídeo:


Jornada 7

Guimarães vs Porto (1-1)

Com o resultado em 1-1, o Guimarães é lesado devido a um penalty não assinalado contra o Porto, o puxão de Fucile ao avançado do Vitória é bem visível:


Jornada 13

Porto vs Setúbal (1-0)

Porto ganha o jogo com uma grande penalidade mal assinalada (ridiculamente mal).



Jornada 17

Beira Mar vs Porto (0-1)

Mais uma vez, o Porto ganha devido a um penalty fantasma.

Mergulho claríssimo de Hulk:



Para sermos justos, tem de ser referido que na jornada 16, o Benfica vai ao reduto da Académica vencer por 1-0 com um golo em fora de jogo do Saviola. Isto apesar de no mesmo jogo ficar um penalty claríssimo por assinalar para o Benfica por mão na bola, como se pode confirmar ao minuto 3:50 do seguinte vídeo:


Também há que referir, que na jornada 12, o Porto foi a Alvalade empatar com o Sporting por 1-1, e o golo do Sporting é precedido de fora de jogo não assinalado.

Nas jornadas 3 e 5, em Nacional e Rio Ave, respectivamente, ficam também 2 penaltis (um em cada jogo) por assinalar contra o Porto, mas sem influência directa no resultado.

Fazendo um exercício meramente teórico, o Porto deveria ter menos 5 pontos (-2 do jogo com a Naval, -1 do jogo com o Guimarães, -2 do jogo com o Setúbal, -2 do jogo com o Beira-Mar e +2 do jogo com o Sporting).

O Benfica, por seu lado, teria mais 2 pontos (+1 do jogo com a Académica na Luz, +3 do jogo com o Guimarães e -2 do jogo com a Académica em Coimbra). Por razões de imparcialidade, o penalty não assinalado contra o Benfica em Coimbra fica de fora destas contas.

Posto isto, convém terminar dizendo que na minha opinião, o Porto está realmente forte este ano, mas é completamente injusto o campeonato já estar mais que decidido quando ainda faltam 10 jornadas para terminar. Com arbitragens decentes, o Porto provavelmente ainda estaria em primeiro, mas nunca com uma vantagem tão confortável.

É bom que isto não seja esquecido, visto que os campeonatos ganhos pelo Benfica são sempre injustamente catalogados de “túneis” ou “colinhos” e etc.

Benfica nos Quartos de Final da Taça Challenge

 ●  Sem comentários  ● 
O Benfica venceu este domingo o HC Motor (30-23) no pavilhão número 2 da Luz e carimbou o passaporte para os quartos de final da Taça-Challenge.

No início da partida era notório que o Benfica só poderia seguir em frente se apresentasse uma defesa muito agressiva (tal como tinha acontecido fora), de forma a tentar parar uma equipa ucraniana que tinha uma média de altura bem maior que a do Benfica.

O HC-Motor chegou a estar na frente por três pontos (a dois de empatar a eliminatória), com o Benfica a acusar alguma dificuldade o que levou a duas exclusões. Mas então sucederam os dois momentos chave antes do intervalo. O Carlos Carneiro começou a acertar e o Ricardo Candeias entrou para o lugar do Ferreirinho e o Benfica conseguiu um parcial de 5-0 que lhe permitiu passar para frente, chegando ao intervalo a vencer por 15-13.

O resto do jogo confesso que já não segui no pavilhão, mas tive oportunidade de ver após o futebol na Benfica TV e o que se viu foi uma equipa muito confiante que foi galopando no marcador, terminando com uma vitória pro 30-23.

Agora que venham os Quartos!

domingo, 27 de fevereiro de 2011

O cansaço, os nervos, a crença, a recompensa!

 ●  9 comentários  ● 
Ainda estou afónico depois de um final de jogo impróprio para cardíacos em que deu para tudo, mas podemos dizer, mesmo que não tivéssemos ganho, que a equipa jogou à campeã!

A equipa inicial do benfica contava com o seguinte onze: Roberto; Maxi, Luisão, Jardel, Coentrão; Javi Garcia; Sálvio, Aimar, Gaitán; Saviola, Cardozo.

Na primeira parte viu-se um Benfica que sempre procurou a vitória, mas o cansaço da sequência de jogos fez-se notar profundamente. Vários jogadores denotavam deficit físico (Gaitán, Sálvio, Maxi Pereira) e consequentemente o discernimento mental no desenvolvimento das jogadas não era o melhor. Mesmo assim dominámos claramente o jogo, perante um Marítimo que sabia ao que vinha, defender com linhas baixas com um jogador na frente e dois extremos nas linhas a tentarem tirar proveito dos lançamentos longos dos colegas, e embora a produção ofensiva tenha ficado aquém de outros jogos nos últimos tempos criámos bastantes situações para estar a frente do marcador antes do intervalo, neste caso com os postes (remate de Gaitán) ou um grande guarda-redes Marcelo a negarem o evidente. O jogo chegou ao intervalo relativamente calmo, e mesmo nas bancadas o apoio do público que acedeu em bom número (55 mil) não se fazia ouvir marcadamente.

Na segunda parte o Benfica entrou decidido a resolver o jogo mas com o passar dos minutos caiu sobre a equipa um síndrome que se não for controlado torna-se muito incapacitante, os nervos. Sentia-se que os jogadores queriam resolver rápido a questão mas ao fazê-lo tornavam-se por vezes inconsequentes, perdulários na finalização ou ofereciam bolas adversário. Mesmo assim o guarda-redes do Marítimo foi defendendo tudo o que se lhe foi deparando, entre as quais uma defesa monumental a livre de Cardozo que já antes tinha levado a bola ao ferro num momento de azar. Entretanto entrámos no período da dança das substituições, numa altura em que a equipa já começava a perder gás por desgaste físico acumulado, entrou primeiro Jara para o lugar de Aimar, Kardec para o lugar de Gaitán e pouco depois com o Benfica balanceado e a acumular ocasiões falhadas o Marítimo chega ao golo numa daquelas situações do campeonato português que sabem realmente a injustiça, mas é assim o nosso futebol, bola parada, jogador do Marítimo a ganhar de cabeça com bom enquadramento e a bola a entrar junto ao poste direito de Roberto, sem hipóteses de defesa.

Nestas alturas vejo bem a maneira de ser de muitos adeptos portugueses, pois neste caso o familiar com que estava a ver o jogo já não o quiz ver mais, sofremos golo, o jogo estava perdido... é triste que se pense assim, mas como já disse aqui no blog várias vezes, é cultural... Ao contrário do mau agoiro de muita gente os jogadores não desanimaram e correram para cima do adversário e poucos minutos depois Coentrão(grande exibição) faz um cruzamento tenso a encontrar sálvio que finalizou inapelavelmente. Estava de volta a crença Benfiquista e tiveram de ser os jogadores mais uma vez a fazer os adeptos acreditar! O jogo entra na recta final e Carlos Martins entra para o lugar de Javi Garcia numa altura em que o Benfica já nem pensava em defender, os ataques sucediam-se e mais uma vez o guarda-redes do marítimo fez uma
grande defesa a cabeceamento de Kardec, e com isto o estádio inteiro desesperava com tantas ocasiões e luta sem a devida recompensa...mas mesmo no final, depois de tanto saltarmos sem o devido festejo, numa bola de ressaca Coentrão (quem mais poderia ser?) meteu a bola na baliza na última jogada do encontro, e o estádio veio abaixo! Foi daquele momentos que definem épocas e as vezes vidas, pois quando se luta assim e se atinge os objectivos a ferros, isso dá-nos uma força e alma inexplicáveis...

Obrigado a todos os jogadores e equipa técnica por me fazerem acreditar!

A luta e o sacrifício foi uma imagem de marca de toda a equipa, mas destaco o nosso Fábio, defendeu, atacou, marcou, suou...um jogador à Benfica! E também uma palavra para um adversário de hoje, o guarda-redes do Marítimo que nos dificultou a vida ao máximo e fez uma exibição igualmente brilhante.

E é assim, mais uma semana a acreditar que ainda podemos almejar ao título, em que o Porto não pode descansar em definitivo no campeonato e concentrar-se na Europa, e no que toca a mim e espero que a todos os benfiquistas, não terá descanso ainda por muito tempo!

Agora é pensar no próximo jogo, onde vamos lutar por um lugar na final da taça da Liga frente aos lagartos. Cansados? Sim. Resignados? Nunca!

Sintomas: Esperança seguido de Azia

 ●  Sem comentários  ● 
Se isso te aconteceu hoje por volta das 19.45, é bem provável que tenhas sido contaminado com a doença da azulite-corrupta. Não tem cura, lamentamos, e a tendência é a piorar jornada após jornada, entrado em fase terminal quando assistirem pela TV aos mais de 200.000 a festejar no Marquês de Pombal.
Pensaram que era hoje que festejavam uma derrota, ou até um miserável empate, do SLBenfica? Pois... TEMOS PENA!

Geração Zandinga

 ●  7 comentários  ● 
Comecemos por um tema que me é muito querido: A formação do SLBenfica! Há largos tempos que eu tenho vindo a afirmar que, mais que a formação de jogadores, era preciso o SLBenfica formar treinadores que, com "cultura de Benfica" possam impedir as movimentações corruptas, sendo imunes a elas, ao mesmo tempo que apoiamos os clubes com menos recursos a ter bons profissionais e formamos treinadores que no futuro possam ser alternativa para serem contratados.

Rui Vitória e o excelente trabalho feito à frente do modesto Paços de Ferreira é um claríssimo exemplo disso. Com muita pena minha, Mozer não teve o apoio que deveria ter tido quando saiu com Mourinho, mas ainda assim podemos considera-lo um treinador isento e com "cultura Benfica" no seu passado - cultura Benfica é isenção, honestidade, exigência e vontade de vencer.

Com Rui Vitória, que mostra claramente poder continuar uma caminhada de crescimento que pode até fazê-lo daqui a uns anos regressar à Luz, foram David Simão e Nelson Oliveira. Dois jovens, que há muito jogam juntos. Arriscaram neles na primeira divisão, aos 19 anos são hoje titulares indiscutíveis da equipa e um factor quase fundamental na manobra ofensiva da equipa-revelação da temporada, com todo o mérito.

Há muito que reclamo que estes dois jovens merecem, juntamente com Miguel Rosa, lutar por duas vagas no plantel para a próxima temporada, sendo que o Miguel poderá ainda merecer mais uma temporada emprestado, mas na primeira divisão. Em 2012/13 Miguel Rosa e Yartey, poderão juntar-se a Nelson Oliveira, Roderick e David Simão no plantel senior do SLBenfica.

Como Rui Vitória, é preciso depois que haja coragem e não sejam jogadores "apenas bons" a tirar o lugar e as oportunidades de "mostrar serviço" a jovens da nossa formação. Eles têm qualidade, eles podem e devem ser opção válida e devem treinar com os melhores e ao mais alto nível.

*****************
Outro tema igualmente que mostrou que vale a pena os benfiquistas imporem-se é quando "apertamos" a imprensa e somos nós a ditar as regras. Já repararam bem na diferença de tratamento e nas perguntas menos abusivas da imprensa, depois de termos imposto uma medida há muito defendida por mim para os "por no lugar" como a exclusividade de alguns conteúdos (como conferências de imprensa) para a BenficaTV?

Lembram-se das polémicas das conferências de imprensa de lançamento dos jogos serem exclusivas para a BenficaTV? Pois é, agora andam uns anjinhos... para poderem estar na sala!!! Há mais de um ano que defendi nisso no "Dossier SLBenfica by GB", no tópico da Comunicação.

*****************
Um vice-presidente que me tem surpreendido pela positiva, pela agressividade face aos valores podres dos futebol, é Rui Gomes da Silva, que voltou mais uma vez a insurgir-se contra as "jogadas de bastidores" do futebol português corrupto, a propósito da contratação de Leonardo Jardim (que ainda vai defrontar o Benfica pelo Beira-Mar) para o SCBraga... pelo FCPorto.

É isso mesmo, é preciso ter a coragem de denunciar, de fazer chegar a mensagem aqueles que são os "consumidores" deste futebol podre.

*****************
Por fim, o meu amigo Vermelhusco há dias falava numa potencial viabilização dos novos estatutos da FPF, alegadamente por a AFPorto juntamente com Braga e Leiria aceitarem avançar com os novos estatutos se a FIFA e a UEFA assumissem a responsabilidade legal sobre esta acção.

Tal como eu previa, e logo escrevi num comentário ao Vermelhusco, a UEFA e a FIFA estão-se nas tintas para Portugal, para o futebol português e jamais iriam assumir qualquer responsabilização neste processo, quando os "lordes" que futebol não querem ser honestos.

A resposta não se fez esperar e a UEFA e a FIFA demarcaram-se mais uma vez de assumirem qualquer posição neste processo, reiterando apenas que nada há de ilegal no novo regime jurídico.

A ameaça é cada vez mais real e se o Governo tiver coragem de endurecer as medidas, quando o FCPorto perceber que a conquista deste título mentiroso e corrupto tiver o mesmo resultado que ficar em 10º lugar (sem Liga dos Campeões e respectivo dinheiro), rapidamente chegará a ordem ao Lourenço Pinto para que viabilize o processo e procurarem novas formas de corromper o futebol nacional, caso contrário, não só vão vender os aneis, como os dedos, as mãos, os braços... tudo.

ranking