O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 12 de fevereiro de 2011

O onze ideal do novo milénio

Avatar
 ●  44 comentários  ● 
Dez minutos de pesquisa e eis muitos dos nomes que fizeram parte dos plantéis de futebol do Benfica desde o ano 2000. São muitos mas não estão todos, tendo deixado propositadamente de fora alguns que para mim seriam pouco mais do que irrelevantes.

O desafio é este: Qual é o teu onze ideal do novo milénio? A táctica é à escolha.

GUARDA-REDES

Robert Enke, Carlos Bossio, Moreira, Moretto, Quim, Butt, Júlio César, Roberto

DEFESAS
Ronaldo, Paulo Madeira, Dudic, Escalona, Marchena, Fernando Meira, Rojas, Miguel, Luís Felipe, Jorge Ribeiro, Diogo Luís, Argel, Cabral, Júlio César, Armando Sá, Alcides; Maxi Pereira, Sepsi, Bruno Bastos, Hélder, Ricardo Rocha, Luisão, Fyssas, João Pereira, David Luíz, Dos Santos, Miguelito, Sidnei, Miguel Vítor, Fábio Coentrão, César Peixoto, Léo, Nélson

MÉDIOS

Chano , Dani, Roger, Ednilson, Poborsky, Carlitos, Zahovic, Tiago, Rui Baião, Drulovic, Luís Carlos, Simão, Petit, Nuno Assis, karagounis, Laurent Robert, Chano, Geovanni, Manuel Fernandes, Katsouranis, Rui Costa, Maniche, Kandaurov, Di Maria, Christian Rodriguez, Aimar, Ruben Amorim, Yebda, Binya, Carlos Martins, Urreta, Reyes, Airton, Javi Garcia, Aimar, Menezes, Gaitan, Ramirez

AVANÇADOS

João Pinto, Pierre Van Hoijdonk, Suazo, Weldon, Saviola, Nuno Gomes, Mantorras, Marcel, Miccoli, Sabry, Sokota, Jankauskas, Derlei, João Tomás, Fehér, karadas, Cardozo, Makukula, kardec, Sálvio, Jara

P.S. Coloquei propositadamente a fotografia do Isaías, infelizmente um jogador da década passada, razão pela qual não entra nesta votação mas, presto-lhe desta forma a minha homenagem, um jogador que nunca foi consensual nas bancadas da Luz mas que sempre admirei muitíssimo, o Joker que fazia tudo acontecer. Quem se lembra dos jogos do Benfica contra o Arsenal e o Bayer Leverkusen sabe do que estou a falar.

Ainda a entrevista do Carlos Pereira...

 ●  3 comentários  ● 
Duas notas adicionais apenas sobre a entrevista do Carlos Pereira, presidente do Marítimo:

- A afirmação tácita de que o que está realmente em causa na questão dos novos estatutos da FPF - a perda de Poder (no novo modelo) essencialmente sobre a Arbitragem que, como sabem, sai da Liga para a FPF juntamente com a disciplina.

Carlos Pereira foi claro na denúncia de que o que preocupa o Sistema e, em particular, os que ele chama dos clubes que se movem em torno da arbitragem (FCPorto, SCBraga e Nacional), é a necessidade de garantir que apesar de perderem poder na AG, que conseguem nomear para a Disciplina e especialmente na Arbitragem quem lhes permita manter o modelo corrupto de favorecimento actual. Segundo o inespugnabile do Ndrangheta, este assunto já estará finalmente resolvido em favor, obviamente, do Sistema corrupto e "em um nome em carteira que não gerará grandes confusões e que está longe da opinião pública".

- A segunda questão tem a ver com o que Carlos Pereira chama de aproximação de Pinto da Costa aos contra-poderes que podem desafia-lo e fragilizá-lo, afirmando que "depois de Alexandre Pinto da Costa, só lhe falta ver Luis Filipe Vieira na tribuna" a convite de Pinto da Costa, numa evocação de que qualquer dia Pinto da Costa até a proximidade com o SLBenfica tenta para garantir o poder.


É por estas e por outras que há muito afirmo que é importantíssimo o SLBenfica vencer este bi-campeonato, quanto mais setas espetarmos no coração deste Sistema, mais o fragilizamos...

A Entrevista do Carlos Pereira

 ●  10 comentários  ● 
Vamos começar pela parte principal, na minha perspectiva: O Carlos Pereira só faz o que faz porque tem o Alberto João Jardim do lado dele, com capacidade para intervir. O Alberto João estará, porventura, farto que o socialista Pinto da Costa lhe dê cabo das contas, porque o cerco aperta-se ao Governo regional e ao dinheiro imenso que gasta no Marítimo (mais do que no Nacional).

Posto isto, e que obviamente não pretende desvalorizar a frontalidade do Carlos Pereira, mas antes enquadrá-la, resta-me a expectativa de que a mesma seja "apenas" o rastilho para o que há dias apelidei da necessária "Intifada" no futebol nacional.

E sim, meus amigos! O SLBenfica, se quer credibilizar o futebol nacional, tem a responsabilidade de defender todos os que quiserem dar a cara pela luta contra o Sistema corrupto. E por defender não pretendo dizer sair a terreiro e "colar-se" à luta, fazendo parecer tratar-se de uma luta sim, mas pelo domínio do futebol nacional e não pela sua credibilização.

Quando refiro a defesa dos que "estão no armário do medo", falo da disponibilização de recursos, da utilização da influencia na imprensa, da capacidade de ampliar as circunstâncias, etc.

O que Carlos Pereira diz hoje na entrevista não é mais do que todos já sabemos, do que as escutas já mostraram, do que as negociatas com "clubes amigos" (como Pinto da Costa chamou a Braga) mostram todos os anos. Sporting, Braga, Setúbal, Académica, Leiria, Nacional, Rio Ave, Portimonense, Olhanense, Belenenses estão entre os clubes que histórica e recorrentemente "facilitam" a vida ao FCPorto, a troco de migalhas que permitem aos dirigentes, pagar ordenados, ter patrocínios, jogadores emprestados, permanências na I Liga, etc.

Como já disse anteriormente, o Governo Regional da Madeira faz parte da SAD do Marítimo e possivelmente o Alberto João cansou-se de estar sempre a cobrir as necessidades financeiras, quando o Sistema depois penaliza o Marítimo, como a divida do Pepe (5M€) e o caso Kleber, onde ele deixou bem a entender que terá sido questionada a sua idoneidade, para dar cobro às manobras do Pinto da Costa.

Se queremos que seja o inicio da dita "Intifada" contra os poderes instituidos, contra os juízes habilidosamente posicionados para arquivarem as denuncias que são feitas, contra um Ministério Publico incompetente, contra um Sec. Estado igualmente comprometido, contra a guerra do poder do Lourenço Pinto em defesa do dono, contra as movimentações evidentes de Garrido e Pinto de Sousa, etc. ... Então é preciso dar o exemplo e mostrar aos restantes dirigentes que essa "Intifada" é possível, que Portugal terá um país melhor, que esses dirigentes terão clubes, resultados e receitas melhores, etc.

São precisas mais entrevistas como estas, que se ridicularizem os poderes corruptos, que se perca o medo de fazer cair as máscaras desta gentinha... mas é preciso que o exemplo venha de quem é ouvido, é preciso que Luis Filipe Vieira de uma vez por todas se junte a esta luta directamente e sem medos ou, se tem os telhados de vidro que lhe apontam para justificar a sua complacência, então que se afaste e permita que alguém o faça... pelo Benfica. Nada de Paulo Gonçalves metido nestas questões que, como outros que tais, tresanda a ligações no passado com esta gentinha...

A "Intifada" é possível, estas iniciativas são importantes, mas não podem ser isoladas nem podemos, todos aqueles que querem um futebol português mais verdadeiro, honesto e limpo, fingir que não é nada connosco...

PS- Continuem alerta, porque o castigo a JJ está a ser preparado...

A cilada esta a ser preparada...

 ●  6 comentários  ● 
Luisao, Coentrao, Salvio e Jardel estao em risco de suspensao se virem mais um amarelo neste jogo do Vitoria de Guimaraes. E o proximo jogo e com o Sporting em Alvalade!


Ao mesmo tempo observa-se agora uma "pressa" da Comissao Disciplinar da Liga no processo de inquerito ao arrufo de Jorge Jesus com Luis Alberto no jogo com o Nacional.

Ou seja, o Benfica corre o serio risco de ir jogar a Alvalade sem o seu treinador e sem 3 pecas-chaves da equipa!!!
Para isso basta que se verifique uma arbitragem habilidosa como a do Olarapio na primeira volta e que a Comissao Disciplinar da Liga do portista Fernando Gomes decida rapidamente o inquerito. Que coincidencia que se va tudo resolver antes do jogo com o Sporting...

Eles estao com muito medo! Vao usar todo o tipo de subterfugios para arredar de vez o Benfica do titulo porque a onda encarnada esta a crescer...

Vamos encher a Catedral!! Temos que criar um ambiente infernal e mostrar que nao deixaremos  que nos roubem.

P.S. - Vejam a entrevista de Carlos Pereira n'A Bola. O Benfica tem que se pronunciar sobre isto e por o Ministerio Publico sobre pressao, voltar a fazer pressao sobre o Laurentino Dias e arranjar formas de proteger o Maritimo. Comentarei essa entrevista dentro em breve se alguem do blogue nao comentar antes.
Mas faco ja um breve comentario: se se confirma que o MP tem arquivado queixas quando ha indicios fortes de manobras menos claras entao esta ai uma das muitas razoes porque a Justica portuguesa nao presta: esta infestada de gente sem escrupulos e que nao tem orgulho no que faz, de pessoas que poem interesses sinistros acima do primado da Lei, de pessoas que nao sabem discernir a diferenca entre o que devia ser um jogo e a LEI.

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Jorge Jesus: como a gestao desportiva tem impacto na gestao empresarial

 ●  11 comentários  ● 
Ontem os benfiquistas ficaram agradavelmente surpreendidos com a noticia de que o Benfica foi o 26o clube europeu que mais facturou em 2009/2010 e o 11o no capitulo das receitas de bilheteira. Ate o GB que nao e propriamente conhecido por morrer de amores pela Direccao elogiou estes valores.

Contudo, sendo que a gestao empreesarial do Benfica nao mudou nos ultimos anos desta Direccao (embora obviamente que tenha havido uma evolucao com o tempo) a que se deve a evolucao gigantesca de um ano para o outro no capitulo das receitas nao relacionadas com a venda de jogadores?
A algo muito simples: a uma gestao competente no plano desportivo que se verificou na epoca passada.


A boa gestao da equipa, a implementacao de um sistema de jogo atraente, o bom arranque no campeonato com o Benfica a nao ficar para tras logo nas primeirras jornadas e a contratacao de grandes nomes do futebol mundial como Saviola atrairam os adeptos o que contribuiu para um aumento significativo das receitas e uma media de assistencia no estadio que nao era alcancada a imensos anos. O ano passado, os benfiquistas mais jovens poderam sentir o Verdadeiro Benfica. Aquele que devia existir todos os anos.

O merito de toda esta evolucao registada no plano desportivo vai para Jorge Jesus, ja para nao mencionar o trabalho fabuloso feito com imensos jogadores que viram as suas qualidades potenciadas e foram trabalhados e preparados para niveis de elevada intensidade que contribuiram para ainda mais receitas, neste caso verbas de transferencias.

Como tal torna-se evidente que uma boa gestao do plantel e crucial para o sucesso empresarial de um clube de futebol ou SAD! Algo que foi descurado pelos Lagartos com os resultados que se conhecem.

Estes valores para mim tornam mais evidente que a gestao desportiva do clube nao pode estar presa dos caprichos de uma pessoa e deve ser pensada, estruturada e planificada para ganhar titulos, conquistando o primeiro posto e mantendo a competitividade no campeonato ao longo de toda uma epoca!
Algo tornado mais do que evidente esta temporada: comparem a media de assistencias no Estadio da Luz da epoca passada com a desta epoca e verificam a diferenca brutal que um campeonato mediocre e um mau arranque fazem nas receitas. O Benfica neste momento apresenta um optimo futebol e ja recuperou o "norte" no entanto as receitas de bilheteira e comerciais muito dificilmente atingirao os niveis da epoca passada pois efectivamente a deficiente gestao desportiva desta pre-epoca feriu de morte as hipoteses do Benfica lutar pelo campeonato e consequentemente defraudou as expectativas dos adeptos, desmobilizando-os.

Espero que muita gente no clube reflicta sobre estes numeros e compreenda que a gestao empresarial so tem a ganhar ao se implementar uma politica desportiva direccionada para a conquista de campeonatos e nao para a rentabilizacao de jogadores.

Dito isto, apesar de ssentir um certo orgulho por estes valores o que e um facto e que isto so ocorre como consequencia natural da conquista de titulos. Orgulho a serio advem da conquista de titulos e a forca do clube e medida pelo numero de competicoes ganhas! Benficas TVs, bons contratos televisivos, boas receitas de bilheteira e de merchandising, vendas de jogadores por valores chorudos sao consequencias naturais da conquista de titulos e do crescimento do clube e espero que isso seja compreendido e que passe a ser feito de tudo para que mais campeonatos sejam ganhos nos proximos anos.

Chalana

 ●  2 comentários  ● 
Sim, já sei que vai com um dia de atraso, mas ontem não tive disponibilidade para fazer este post para festejar o aniversário d'O Pequeno Genial.

Muitos parabéns!!

CARREEEEEGA BENFICA!

 ●  6 comentários  ● 


Grande deixa do nosso companheiro Coluna D'Águias Gloriosas

Poder de síntese

 ●  8 comentários  ● 
Estive eu ontem tão empenhado a escrever o elogio (devido) à Administração da SAD pela capacidade de potenciar as receitas e o nosso amigo Bola7 sai-se com esta: "Aqui está a prova em como a entrada de dinheiro não é problema no Benfica. É mesmo uma máquina a gerar o dito. Mas atendendo ao deficit crónico do clube, percebe-se que o verdadeiro problema reside na forma como se gasta…"

Também o Sr. Atletismo, o sportinguista Prof. Moniz Pereira, resumiu bem a minha preocupação pela falta de paralelo na gestão desportiva dos desempenhos empresariais: "estas novas personagens que estão e os que querem estar nos clubes podem ser muito boas com contratos, balanços e dinheiros, mas de desporto percebem pouco. O que é mau".

Tenho muito a aprender... eheheh!

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

O seu a seu dono

 ●  3 comentários  ● 
Sabem quem é responsável por isto? E por isto? E também por isto? Senhoras e senhores, os meus parabéns à Administração da Sport Lisboa e Benfica SAD por um efectivo e representativo sucesso empresarial.

Vamos por partes: Benfica é o 11º clube da Europa com maiores receitas de bilheteira (40M€) segundo o estudo da Deloitte, sendo este um factor relevante para ser o 26.º clube que mais facturou em 2009/2010 - nada mais nada menos de 98,2M - e o 17º com melhores receitas comerciais (41,2M€).

É obra meus amigos! Obviamente que não podemos ignorar que muitas destas coisas são feitas à custa de um crescimento galopante da dívida bancária e do passivo, mas ainda assim uma gestão danosa dessa retorno jamais permitiria registos como os que que se apuraram.

O que quero com isto dizer é que não é por a Administração da SAD tomar algumas decisões, na minha óptica penalizadoras, ou porque a gestão desportiva é deficiente, que deveremos deixar de elogiar uma performance empresarial - já que é uma realidade com a qual temos que conviver - a todos os níveis notável no enquadramento Europeu.

Curiosamente, o único indicador onde o SLBenfica não tem uma performance ao nível das melhores práticas de gestão dos clubes europeus é nos Direitos Televisivos, onde considerando jogos particulares e europeus a juntar aos nacionais, temos uma soma total de 16,8M€, cerca de 4x menos do que tem o Fulham da Liga inglesa.

Na minha opinião, mais uma vez, acho que não podemos equiparar o mercado português aos mercados que conseguem ter representantes neste estudo (Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha e França), pelo que me parece exagerado continuarmos a insistir nos 40M€ e, socorrendo-me de uma frase do nosso companheiro Blog ForumBenfica, torna-se evidente que o SLBenfica "é maior do que o país onde o clube está inserido", parece-me óbvio que jamais poderemos almejar "entrar neste campeonato".

Contudo, esse factor, para um clube com um desempenho comercial ao nível dos melhores clubes do Mundo, não pode deixar de ser um elemento que merece efectivo enquadramento com a projecção do Clube e urge a revisão deste indicador, mantendo eu a minha preferência para o rompimento com Joaquim Oliveira ou, na pior das hipóteses a renovação considerando a sua saída da SAD e da Benfica Multimédia.

Também em linha com esta perspectiva empresarial está a modernização da Megastore do SLBenfica que, de acordo com os responsáveis pelo merchandizing (em boa hora a TBZ faliu), estará ao nível do que vemos nos nossos pares internacionais.

Como diz o título, o seu a seu dono e há factores que merecem ser elogiados, destacados e, principalmente, servir de exemplo para o que é possível fazer e atingir e que deve ser replicado na Gestão Desportiva e no maior controlo da vertente de custos. Se nesta última parte, penso que estamos mais do que a tempo de melhorar, já na Gestão Desportiva, o facto de termos uma boa performance empresarial não representa imediatamente que essas mesas pessoas saibam e possam saber sequer fazer o mesmo na vertente desportiva.

Elogiar, sim...
... mas consciente das efectivas e grandes debilidades ainda a merecer a nossa atenção.

Balanço de uma época que ainda tem tudo para ser magnífica...

Avatar
 ●  11 comentários  ● 
Faz sentido dizer-se que qualquer clube que queira ser campeão nacional depende à partida dele próprio. Mas faz também sentido dizer-se que qualquer vitória está também dependente daquilo que os adversários forem ou não capazes de fazer.

Um exemplo do que digo seria lembrar que Fernando Santos foi terceiro com 67 pontos e acabou a época sobre fogo e brasas; já Trapatoni foi campeão com 65 pontos e os adeptos já pediam que ele ficasse. Domingos somou 72 e não pôde festejar nada. Isto para dizer que na minha opinião, o critério mais justo de avaliação de uma equipa de uma época para a outra é o numero de pontos somados. Em termos teóricos, o Benfica fazer este ano uma época melhor do que a anterior seria somar mais do que 76 pontos que foi o que somou na época passada, isto independentemente de acabar em primeiro ou em terceiro.

Pois dito isto, nesta altura temos menos 3 pontos do que na época anterior, e se no ano passado a época estava a ser excelente, esta não pode andar muito longe. O Benfica tem feito quase o mesmo, o Porto é que tem feito mais. Estamos na Liga Europa, nas meias-finais da Taça da Liga, e com pé e meio na final da Taça de Portugal, competição em que no ano passado falhámos redondamente. Claro, temos a grande desilusão da Liga dos Campeões, o sinal menos da época, competição onde falhámos redondamente, e onde pagámos bem caro alguma sobranceria e inexperiência da equipa e do treinador.

Agora, embora seja ainda muito cedo para fazer balanços, o tempo tem provado que muitos agoiros, sentenças de morte e tempestades em copos de água que por aqui foram sendo lançadas, não tinham razão de ser.

Jorge Jesus voltou a ser um excelente treinador, depois de um ano em que era o melhor do mundo e também de três meses em que muitos o queriam ver pelas costas.

Os reforços, que também eram fracos e dinheiro deitado à rua, têm mostrado que foram apostas acertadíssimas. E sim, incluo Roberto e Rodrigo neste lote. Gaitan, Jara e Sálvio parecem-me óbvios. Falhámos em Fábio Faria, um mal menor na minha opinião. Ninguém acerta em todos.

Os jogadores, que alguns diziam que andavam acomodados, e até houve quem dissesse que os jogadores se cansavam sempre do Jesus nas primeiras épocas e nas segundas só o queriam ver pelas costas, pois, pelo que me parece, continuam a correr tão ou mais do que o ano passado.

Também constato com agrado que por aqui nunca se mais se falou no Eduardo, esse sim, defendiam os entendidos, o guarda-redes ideal para o Benfica, e SÓ custava 5 milhões!

De Madrid também só vinham maus ventos ou sacas de cimento mas, que raio, o Reyes era grande jogador e só não ficámos com ele por 5 milhões porque o Jesus achou que era hora de apostar no Di Maria; o Sálvio é excelente e, pelo que parece, só não será nosso se não o quisermos (mesmo que custasse 15 milhões continuaria com grande potencial de se tornar num negócio lucrativo a curto prazo. Simão custou 15 milhões há quase 10 anos); e o Roberto, pois, desculpem aqueles que não concordam mas, eu sou da opinião que o Benfica contratou um excelente guarda-redes (aliás, escrevi-o aqui na hora em que todos lhe bateram).

O Jorge Jesus também já não tinha "pica", diziam alguns, andava adormecido com os 200000 euros ao mês que o Correio da Manhã disse que ganhava, verba essa que nunca ninguém confirmou. Mas ainda que fossem 200000 ao mês, será muito ou será pouco, para alguém que em ano e meio transformou uma equipa banal numa equipa campeã, com o bónus ainda de ter transformado em ouro jogadores anteriormente de segunda como David Luis, Coentrão, Di Maria e Ramirez (este um caso diferente), que renderão em transferências algo como 110 milhões de euros (contando com 30 do Coentrão)?

Resumindo e baralhando, o tempo tem mostrado que muitos agoiros bateram na trave, e tem mostrado principalmente que se tivessem sido dado ouvidos a muito do que neste espaço se foi escrevendo, o Benfica estaria hoje seguramente bem pior do que está! O Jesus já cá não estaria. O Eduardo já tinha regressado a Braga em Janeiro por empréstimo mas com bilhete só de ida.

Perdemos 12 pontos esta época, 9 deles nas primeiras 4 jornadas, 6 deles pontos roubados contra Guimarães e Académica. Só não é brilhante porque o FCP tem feito melhor, como todos sabemos com algumas ajudas externas. Estamos nesta altura a 8 pontos do primeiro lugar e, 8 pontos podem ser muitos ou podem não ser nada. A chave do campeonato está na próxima equipa que escorregar. Se for o Porto a escorregar, temos tudo para lá chegar. Se for o Benfica, é o fim do sonho do bi-campeonato e, nesse caso, apesar da caminhada excelente da equipa nos últimos meses, do carácter e da qualidade que tem demonstrado, talvez seja tempo de tirar o pé do acelerador na Liga Sagres, numa altura em que o acesso à Liga dos Campeões parece garantido.

Talvez seja então hora de apostar as fichas todas nas outras três competições, principalmente na Europa Cup, prova onde o ano passado não nos empenhámos o suficiente por sermos uma equipa cansada e que apostava tudo na Liga Portuguesa.

Três ou quatro competições ainda em disputa. Um grande Benfica em perspectiva. Esta, ainda tem tudo para ser uma época magnífica.

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Preparem-se para mais um escândalo este fim-de-semana.

 ●  10 comentários  ● 
Respondendo ao apelo do inespugnabile do blogue Ndrangheta quero chamar a atenção para a importância que a jornada deste fim-de-semana tem na definição do campeonato, ainda mais numa altura do calendário bastante complicada para o Benfica e fácil para o Porto excluindo este jogo.
Nesta jornada tanto o Porto como o Benfica vão ter dois jogos de elevado grau de dificuldade: enquanto que o Glorioso joga contra um Guimarães não-alinhado com nenhum grande e orientado por um treinador que odeia Jorge Jesus, os Corruptos vão ter uma deslocação que em condições normais teria tudo para ser complicada a Braga!

E porque eu digo que teria tudo para ser complicada? Ora bem, o Braga está a fazer um Campeonato muito abaixo das expectativas encontrando-se neste momento abaixo do Guimarães na tabela classificativa, o que não é encarado de ânimo leve por Marrocos (Braga). E neste fim-de-semana se o Braga ganhasse e o Guimarães perdesse passaria para a frente do Vitória. Se isto não fosse Portugal isto até seria provável de acontecer e seria normal que os jogadores do Braga entrassem a todo o gás contra o Porto.

Contudo, o Braga é orientado por um corrupto choramingas que baixa os olhos a toda a roubalheira e abre sempre as pernas ao dono, defendendo os interesses do Porto acima dos interesses de quem lhe paga salário! E isto a juntar a lesões "misteriosas" de jogadores emprestados pelo Porto ao Braga como no caso do Ukra. Basicamente já está a ser preparado o caldinho todo para que o Porto não perca pontos numa deslocação difícil!
Podem vir argumentar que todos os grandes fazem isso que eu respondo que é mentira!! Quando o Benfica jogou contra o Paços tanto o David Simão como o Nélson Oliveira jogaram.


Entretanto já saíram as nomeações dos árbitros para este fim-de-semana e já se sabe que o árbitro que vai apitar o jogo crucial Braga-Porto vai ser o "amigo" Duarte Gomes!!!



Ou seja, os corruptos estão a tremer como varas verdes e fazer de tudo fora de campo para manter distâncias para o Benfica! Está na hora de pôr as atenções sobre estas manobras.
Seria importante que alguém do Benfica, como Jorge Jesus ou o Director de Comunicação ou mesmo algum jogador, chamar a atenção dos jornalistas para esta situação, no seguimento das declarações feitas por Luisão no final do jogo contra o Setúbal a estranhar a "motivação" extra de certas equipas a jogar contra o Benfica comparada com a motivação que mostram contra os corruptos! Tem que se chamar a atenção dos jornalistas para que ninguém (ler: treinador) do Braga tenha a tentação de baixar as calças ao Porto.

Desmistificar os Flops nacionais

 ●  20 comentários  ● 
Uma estupidez! Aproveitando a deixa lançada pelo Bostinha, dei-me ao trabalho de olhar para o dinheiro desbaratado pelos três grandes nos últimos três anos. Reparem bem:

Porto (19): Stepanov, Benitez, Farias, Lino, Rodriguez, Bollatti, Tomas Costa, Madrid, Pele, Beto, Maicon, Addy, Miguel Lopes, Valeri, Prediger, Kieszek, Sereno, Souza e Walter.

Sporting (24): Ricardo Baptista, Ronny, Pedro Silva, Caneira, Grimi, Romagnoli, Rabiu, Derlei, Tiui, Mexer, Matias Fernandez, Angulo, Caicedo, Pongolle, Hildebrand, Zapater, Nuno Andre Coelho, Tales, Valdes, Torsiglieri, Cristiano e ainda o desaproveitamento anormal de jogadores de qualidade como Izmailov, Vukcevic e Stojkovic.

Benfica (15): Moretto, Jorge Ribeiro, Balboa, Fillipe Bastos, Binya, Urreta, Makukula, Patric, Shaffer, Sepsi, Luis Filipe, Peixoto, Filipe Menezes, Weldon, Eder Luis.

Dispenso fazer grandes contas sobre estas três realidades, mas estranhamente ou talvez não chegamos à conclusão que em número, o Sporting obviamente que domina o campeonato da estupidez e da asneira. Até aqui nada de novo. A parte que digo que é estranha ou talvez não é que o Porto comete bem mais erros do que o Benfica nas contratações.

Podemos até dizer que o Makukula, o Balboa e o Eder Luis custaram quase tanto como todos os erros dos adversários, mas isso só era verdade se nos esquecessemos que o Farias e o Stepanov custaram mais do que qualquer um destes, já para não falar nos 7 milhões pelo Rodriguez.

Como sabem, acho que a nossa política desportiva no Benfica não é correcta, ainda que seja forçado a concordar com aquele tópico do GB que via um lado interessante na preparação da próxima época com as entradas de Nolito e Taiwo para a ala esquerda, a passagem de Gaitan para o meio, etc.

Mas este tópico não pretende fazer a redenção da direcção porque como dizem quase todos os meus companheiros do blog, quase todos estes jogadores - aos que posso juntar o recém chegado Fernandez - eram à vista apostas de elevado risco de falharem, o que não acontece com jogadores como Gaitan ou Saviola, por exemplo.

O que se pretende com este tópico é que as políticas desportivas passem a minimizar os riscos, porque a crise económica está aí e é uma realidade, as regras da UEFA vão ser cada vez mais apertadas e muito bem e a situação financeira do Benfica está muito complicada, ao contrário do que os administradores apregoam.

E quanto a nós e à próxima temporada, com os acordos já feitos acho que podemos ter ilusão de que os erros deste ano poderão não ser repetidos, por exemplo parece que a saída do Coentrão já foi acautelada e a do David Luiz já tinha sido (Sidnei). Acho que poderemos também ter a ilusão de que não iremos gastar novamente de forma estupida milhões mal gastos.

E não se deixem deprimir com um tal de Iturbe, o novo Messi (ahahaha) que vai chegar para o Porto. Sobre este novo Messi só vos lembro duas coisas: Um novo Ronaldinho que era o Anderson e foi o que se viu, zero futebol foi apenas um negócio que encheu o cú a muitos comissionistas. E também uma frase que acho que foi do Vermelhusco quando foi a contratação do Fernandez: Nenhum jogador realmente bom, vem da Argentina por menos de 5 ou 7 milhões.

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Parabéns Javi Garcia!

 ●  5 comentários  ● 
E lembrar que este ENORME jogador ainda só tem 24 anos...mais que os votos de parabéns, o nosso obrigado por seres o que és com o manto sagrado vestido.

Carrega Javi!!

Bostinha e a «Intifada» do GB

 ●  1 comentário  ● 
O nosso companheiro GB pediu há dias que se fizesse uma «intifada» no futebol português e deu a entender uma ideia que acho estranha num português: Que isso deve começar nos adeptos, com a revolta contra dirigentes desportivos e governativos.

Se fosse um estrangeiro a pensar que o povo tuga consegue fazer o mesmo que tunisinos e egípsios eu ainda percebia, agora tirando os regionalistas exagerados do Porto, duvido que alguém consiga fazer seja o que for.

Num país normal, bastaria esta situação do Bostinha para se perceber a podridão que vai nos agentes desportivos. Ele pode ter tido muitos motivos para criticar a paz podre que se vive nos clubes grandes, e o Benfica não é excepção.

Eu ainda não tinha tido oportunidade de comentar esta ideia do GB, mas gostava de dizer que estou totalmente de acordo com a necessidade de o povo mostrar o seu divórcio irredutível contra esta corja que enriquece à conta dos clubes que são verdadeiras paixões que muitos de nós colocam ao nível da familia.

Mas se queremos a revolta, temos que começar dentro das nossas «casas». Temos que mostrar aos presidentes dos nossos clubes que somos vigilantes e não toleramos as falhas. E depois temos que estar ao lado deles, dos presidentes que cumprem, a dar-lhes força na luta contra os Laurentinos desta vida.

Sonhar acordado...

 ●  7 comentários  ● 
Pirlo acaba contrato no final da época com o Milan e o seu empresário anda a ver se lhe arranja colocação. Tem 31 anos, no futebol italiano que é dos mais competitivos da Europa durava mais uns 4 ou 5 no mínimo. É um dos meus jogadores favoritos e tem uma classe ímpar em campo.

Será que o seu amigo Rui Costa não lhe pode dar uma telefonadela a saber se ele não gostaria de envergar o Manto Sagrado?... :)

P.S. - Antes de me chamarem de burro estejam atentos ao título do tópico.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Putos da Formação para 2011/12?

 ●  17 comentários  ● 
O Presidente do SLBenfica disse que no plantel da próxima temporada, o SLBenfica terá cerca de 4 a 5 jogadores formados nos nossos escalões de formação. Acho um número talvez demasiado ambicioso, dado que eu apontaria a, no máximo, três jogadores - a não ser que o Presidente esteja a contar com o Roderick, Moreira e Amorim.

O SLBenfica tem emprestados alguns valores que penso que nos próximos três anos poderão representar valores seguros para o SLBenfica. Destes quem acham que deveria ser integrado para 2011/12, ou acham que nenhum deveria por não reunir qualidade para tal?

Paços Ferreira: Nelson Oliveira e David Simão
Beira-Mar: Ismahel Yartey e Ruben Lima
Olhanense: Jan Oblak
Fátima: André Carvalhas, João Pereira e Leandro Pimenta
Belenenses: Miguel Rosa
Servette: Lassana Camará e André Soares
Leicester: Miguel Victor

Destaquei a bold os que entendo fazerem mais sentido. A escolha mais "arrojada" seria a de Oblak, mas apenas porque Julio Cesar admito poder ser um bom guarda-redes, mas a mim não me convence, tal como o Moreira. Ele ou Moreira, um deles tem que dar lugar a um jovem com muita qualidade que jogará na Taça da Liga e treinará ao mais alto nível.

Há aqui muita matéria de discussão, como a não inclusão do David Simão, que entendo que deve ter uma temporada mais regular (como o Miguel Rosa) antes de chegar ao plantel, o mesmo se aplica ao Yartey que tem que trabalhar mais nos treinos antes de chegar ao plantel principal do SLBenfica. Leandro Pimenta e Saná têm que ser emprestados a clubes que lutem pela subida na Orangina na próxima temporada. O João Pereira e o André Soares, acho que dificilmente terão oportunidade, ainda que sejam bons jogadores, o Miguel Victor tem ritmo e qualidade, mas a baixa estatura limita-lhe a oportunidade.

Obviamente que temos mais emprestados, mas penso que esses (e mesmo alguns destes), dificilmente alguma vez chegarão ao plantel principal. E na forja há também mais uns quantos como o Ruben Pinto - muita, muita qualidade.

Isso já todos nós sabemos.

 ●  1 comentário  ● 

Ontem o miúdo ruivinho admitiu que o que lhe interessa é ganhar «Nem que fosse com um golo marcado com a mão...».
Nada que não saibamos. Por aqueles lados não se olha aos meios para atingir os fins, nem que para isso se tenham que oferecer pêgas a arbitros, ou pagar viagens para destinos tropicais, ou aliciar jogadores de equipas adversárias do Benfica... Não me admirava que também vendessem a alma ao Diabo só para isso (ainda não venderam??).


Mas pelos vistos agora admitem isso ás claras... Fico á espera do próximo jogo destas bestas para ver se vai ser com a mão na bola e o árbitro a assobiar.

O Falcão está bom, agora não está... agora está

 ●  11 comentários  ● 
Quantas vezes a ave de rapina dos corruptos já esteve para regressar à competição depois da misteriosa lesão que ninguém viu acontecer? Pois... esteve para regressar antes do jogo com o Benfica, logo a seguir ao jogo com o Benfica, para o jogo com o Rio Ave... e agora já vai ser (ou talvez não) para o Braga.

As técnicas de produção de fármacos em laboratório pelo homem do emagrecimento e administrador da SAD dos FCorruptosP, estão pelas ruas da amargura quando aparecem estes colombianos que, tal como o tuga ex-SCP, têm problemas em disseminar aqueles comprimidos amarelos que dão cabo do cabelo.

O que vale é que o gajo da ADOP está, estrategicamente, demasiado entretido a brincar aos tribunais com o Queiroz e não tem tempo para passar no Centro de Treinos que os contribuintes pagam para os FCorruptosP usarem de borla.

As 25 maiores transferências mundiais 2010/2011

Avatar
 ●  1 comentário  ● 
Em 2010/2011 o mercado de transferências de verão foi mais contido em relação aos valores recorde alcançados na temporada de 2009/2010, no entanto no período de inverno o mercado explodiu, principalmente em Inglaterra. A maior transferência da temporada foi a contratação do avançado Espanhol Fernando Torres por parte do Chelsea ao Liverpool por 58,5 milhões de Euros, tornando-se na 5ª maior transferência da história.

O Manchester City continua a ser o clube com o maior número transferências a fazerem parte da tabela das 25 maiores, onde as aquisições de Dzeko, Touré, Balotelli, David Silva, Kolarov e Milner, mas, mas o maior destaque vai para o envolvimento do Liverpool nas duas maiores transferência do ano, com a venda de Torres e a aquisição de Carroll ao Newscastle.

AS 25 MAIORES TRANSFERÊNCIAS MUNDIAIS 2010/11:

Jogador - País - Pos - Vendedor - Comprador - Valor

1 Fernando Torres ESP A Liverpool Chelsea 58.500.000 €
2 Andy Carroll ING A Newcastle Liverpool 41.000.000 €
3 David Villa ESP A Valencia FC Barcelona 40.000.000 €
4 Edin Dzeko BOS A Wolfsburg Manchester City 37.000.000 €
5 Angel Di Maria ARG M Benfica Real Madrid 33.000.000 €
6 Yaya Touré CM M FC Barcelona Manchester City 30.000.000 €
7 Mario Balotelli ITA A Internazionale Manchester City 29.500.000 €
8 David Silva ESP M Valencia Manchester City 28.750.000 €
9 Luís Suarez URU A Ajax Liverpool 26.500.000 €
10 David Luiz BRA D Benfica Chelsea 25.000.000 €
11 Aleksander Kolarov SER D Lázio Manchester City 22.700.000 €
12 Ramires BRA M Benfica Chelsea 22.000.000 €
13 Yoann Gourcouff FRA M Bordéus Olympique Lyon 22.000.000 €
14 James Milner ING M Aston Villa Manchester City 22.000.000 €
15 Bruno Alves POR D FC Porto Zenith St. Petersburg 22.000.000 €
16 Darrent Bent ING A Sunderland Aston Villa 21.500.000 €
17 Javier Marcherano ARG M Liverpool FC Barcelona 20.000.000 €
18 Carlos Eduardo BRA M Hoffenheim Rubin Kazan 20.000.000 €
19 Giampaolo Pazzini ITA A Sampdoria Internazionale 19.000.000 €
20 Andrea Ranocchia ITA D Génova Internazionale 18.500.000 €
21 Robinho BRA A Manchester City AC Milan 18.000.000 €
22 Mesut Ozil ALE M Werder Bremen Real Madrid 18.000.000 €
23 Luis Gustavo BRA M Hoffenheim Bayern Munique 17.000.000 €
24 André-Pierre Gignac FRA A Toulouse Olympique Marselha 16.000.000 €
25 Asamoah Gyan GHA A Rennes Sunderland 16.000.000 €

Notas: Os 18 milhões de Euros pagos pelo AC Milan ao Manchester City são pelo empréstimo do jogador, o que torna esta transacção no maior valor pago pelo empréstimo de um jogador a outro clube.

by Futebol Finance

Vitoria de Setubal 0 Benfica 2 Sangue, Suor e Lagrimas

 ●  3 comentários  ● 
Apos a vitoria alcancada no Estadio do Dragao a meio da semana para a Taca de Portugal frente ao Porto era essencial para as aspiracoes do Benfica no Campeonato Nacional vencer o Vitoria de Setubal para manter a perseguicao ao Porto na mesma distancia (11 pontos com menos um jogo) e para nao deixar esvaziar o capital de moral e confianca ganhos com a vitoria no Dragao. Tambem tinha outro factor que tornava este jogo importante: o Sporting empatou e era importante cavar ainda mais o fosso pontual para os lagartos que agora estao definitavamente afastados da luta pelo segundo lugar.

No entanto, este jogo era frente a uma equipa complicada constituida por jogadores experientes, sarrafeiros orientada por um dos bons treinadores portugueses que de certeza que tinha uma motivacao extra para empatar o Benfica de modo ao seu Sporting nao ficar ainda mais para tras. Uma equipa que jogou taco a taco enquanto teve folego e apoiada por uma falange de adeptos respeitavel e conhecida por nao morrerem de amores pelo Benfica.

Desta vez Jesus nao reservou surpresas no onze titular e entrou com a equipa esperada em campo contudo quem entrou melhor no jogo foi o Vitoria de Setubal com o dominio de bola e as primeiras oportunidades a surgirem logo apos o minuto 10 com Roberto um bocaco intranquilo no inicio.
Provavelmente ainda a ressentir-se do jogo no Dragao, que deve ter sido extremamente desgastante do ponto de vista psicologico e emocional alem de fisico, a equipa do Benfica demorou imenso a carburar. Custava a ligar mais que dois ou tres passes seguidos e a equipa do Vitoria de Setubal fazia um pressing alto e imediato a quem tinha a bola.
Consequentemente, a primeira grande oportunidade do Benfica  so apareceu ao minuto 25 apos insistencia de Aimar que isolou Saviola que nao conseguiu desfeitear o guarda-redes, na sobra Cardozo remata para a baliza mas Miguelito interceptou a bola.
Salvio estava em noite nao e Aimar e Saviola tambem estavam uns furos abaixo do costume enquanto que Gaitan parecia desaparecido em campo. O Benfica gradualmente comecou a dominar o jogo em termos de posse de bola e comecaram a surgir as oportunidades de golo, nao por nenhum dos desinspirados membros ofensivos  mas sim por Luisao primeiro num bom cabeceamento e depois numa jogada que mais parecia de um artista e nao de um defesa central e que se fosse golo seria seguramente um dos golos do ano. O guarda-redes do Setubal defendeu ambos os remates do Girafa e parecia lancar-se para uma exibicao brilhante.
A primeira parte estava a chegar ao fim, nao antes de Roberto ter tido oportunidade de brilhar ao cortar um livre muito perigoso de Pitbull e do momento magico do jogo que ironicamente surgiu num contra-ataque do Benfica ja no tempo de compensacao: Saviola carregou a bola pelo lado direito enquanto Gaitan subiu pelo lado oposto e pediu a bola avancado, este fez um cruzamento longo a que  Gaitan deu  o melhor destino rematando com a parte de fora do pe esquerdo sem sequer deixar bater a bola no chao. Golo indefensavel e momento de inspiracao da noite num jogo em que os artistas estavam todos desafinados.

Na segunda parte, viu-se um Benfica ainda mais desconexo e um Vitoria a acreditar que conseguiria empatar e a juntar-se a festa a cosmica besta do Cosme Machado decidiu juntar-se a festa com uma sinfonia do apito, apitando qualquer encosto de um jogador do Benfica e nao marcando nenhum lance dos jogadores de Setubal.
Felizmente, Roberto estava em noite inspirada talvez a sentir o bafo de Julio Cesar na sua nuca na luta pela titularidade da baliza e fez duas grandes defesas que garantiram a vitoria ao Benfica primeiro quando lhe apareceu cara a cara e depois a grande remate de fora da area ao fora-de-serie do Setubal, Pitbull.
Contudo depois desse lance o Vitoria finalmente deu o estouro fisico e acima de tudo pareceu de deixar acreditar que era possivel dar a volta ao resultado e Jara pouco depois de entrar sentenciou a partida com um golo que resultou de uma jogada iniciada que apanhou a equipa do Setubal em contra-pe por si proprio, apos passe de Maxi Pereira.
O jogo ficara resolvido mas ja nos descontos ainda poderia ter surgido o 3-0 se Miguelito nao tivesse voltado a tirar o pao da boca aos avancados do Benfica. Contudo, sera justo admitir que esse seria um resultado demasiado pesado para o que se viu das duas equipas em campo pois o Vitoria fez um jogo muito forte e deu bastante trabalho.

Positivo: Exibicao de Roberto, apesar do mau comeco fez defesas cruciais que seguraram o resultado. Na minha opiniao o melhor em campo. Boa entrada de Jara no jogo com o 4o golo em 5 jogos seguidos, este miudo ameaca tornar-se um caso serio e uma ameaca para Saviola e Cardozo. Luisao esteve imperial na defesa e Sidnei, discreto e eficiente.Bons golos, principalmente o de Gaitan.

Negativo: Desinspiracao dos artistas. Salvio, Aimar e Saviola estiveram desinspirados apesar do segundo ainda ter feito a assistencia para o primeito golo. Exibicao do apitadeiro do costume. So apitou faltas contra o Benfica e com essa arbitragem condicionou imenso o jogo do Benfica.

Agora vem uma semana sem jogos pelo mio para quem nao foi convocado para seleccoes o que permitira dar algum descanso aos jogadores.
E com este jogo o Benfica alcancou  a 15 vitoria consecutiva em jogos de competicoes nacionais o que permite que possa enfrentar a fase complicada de calendario que ai vem com a moral em alta e a colocar a pressao nos ombros dos rivais.

domingo, 6 de fevereiro de 2011

15? Não são para qualquer um...

 ●  7 comentários  ● 
Sabem quantas vitórias consecutivas fez o Barça para o campeonato ontem? 16... e neste momento são, "apenas", a melhor equipa do Mundo. O SLBenfica somou hoje a 15ª vitória consecutiva em todas as competições - ainda não contei, mas devem ser umas 12 para o campeonato.

Não quero, com isto, comparar obviamente o FCBarcelona ao SLBenfica, mas apenas porque infelizmente não tivemos este ano capacidade para preparar adequadamente esta temporada. Caso contrário, com as contratações certas para equilibrar um plantel que continua desequilibrado (agora até um pouquinho mais).

Porque antecipo que o Vermelhusco virá cá deixar-nos a habitual crónica, uma nota sobre o "patinho feio". Se o é... a culpa não é dos adeptos. Ou é do JJ por o colocar em funções defensivas, ou é dele próprio por efectivamente não ter qualidade para jogar no SLBenfica.

Para terminar, mais um golinho para o nosso Nelson Oliveira, aí vão 4 ao serviço do Paços (metade dos marcados pelo Cardozo, em menos de metade dos jogos), numa equipa que conta com nada mais, nada menos que 8 ou 9 avançados e o Nelson está apenas na sua primeira temporada de senior.

No próximo ano temos uma equação dificil: Cardozo, Saviola, Jara (definitivamente), Rodrigo - estes penso que com "lugar garantido" e ainda Kardec, Nelson Oliveira, Weldon, Nuno Gomes, Mantorras, falando-se ainda no Mora, Castillo, enfim... são apenas duas posições.

Resumo da semana e actualidades

 ●  7 comentários  ● 
Chegados ao fim de uma semana que pelo menos neste blog foi preenchida por tópicos de grande qualidade, e aqui deixo os meus parabéns ao RedMoon, apesar de não concordar com ele em tudo, isso não tira qualidade ao que ele escreve. Seja qual for a realidade final do negócio David Luiz, que ainda vamos ter de esperar bastante para ter a fotografia completa, como ele disse é momento de agradecer tudo o que o David Luiz fez pelo Benfica e pensar no futuro, deixando um voto de confiança ao presidente quanto ao desfecho do negócio. Que vás e sejas feliz, esta será sempre a tua casa...

Igualmente o RedMoon, há uns dias depois lançou um tópico que já eu escrevi sobre isso há uns meses atrás e que acho bastante pertinente discutir, que é o estado do futebol português e onde isso fere a génese do futebol, o espectáculo. Temos um futebol mesquinho e oportunista, que vive da hipocrisia de uns e da ganância de outros, ele com a sua visão privilegiada desde Inglaterra pode dizer melhor do que ninguém as diferenças profundas entre estes dois campeonatos e o porquê de lá os estádios estarem sempre cheios. Será só devido à qualidade dos executantes? Essa é a menor das diferenças... O que queremos em Portugal? Futebol ou clubismo?

Depois do grande jogo que fizemos frente aos corruptos no ladrão, o Vermelhusco escreveu um tópico que se eu tivesse na altura disponibilidade o teria escrito quase da mesma maneira, sem tirar nem por, Jesus tenha os defeitos que tiver, é um homem com "guts", meter Peixoto a meio campo num jogo decisivo para a nossa época e já tendo perdido lá 3 vezes desde que treina o Benfica, com o risco de ser de novo crucificado por ter "inventado" é de alguém que não se desvia dos seus ideais por nada deste mundo, e foi premiado por isso. Já com Cardozo na questão dos penaltis falhados e com Roberto na altura dos "perús", Jesus nunca se deixou demover da sua visão do Benfica, é mesmo caso de dizer, este homem até pode um dia sair pela porta pequena do Benfica (espero sinceramente que não, mesmo nos seus piores tempos sempre o apoiei) mas sairá com o sentimento que sempre fez tudo a sua maneira e não se deixou deturpar pela pressão de dirigentes ou adeptos, ele foi sempre JESUS, e essa é a grande diferença para outros. O "all-in" de Jorge Jesus

Por fim menção para as palavras do nosso presidente, as mais oportunas de que tenho memória nos últimos 4 anos e que põem em cheque o "senhor" Laurentino Dias tal como a actual situação da FPF, promovida por um bando de dissidentes alinhados com o polvo que pretendem manter o "status quo" a todo o custo, esperemos que com estas palavras, a inevitável linha de acção a que o nosso governo será obrigado a actuar para evitar sanções por parte da FIFA, se evite uma hecatombe ainda maior do futebol português, mergulhando ainda mais fundo na lama da vergonha e da pequenez... Não deixar cair a pressão sobre a corrupção!!

Passando agora mais para o lado da futurologia, embora começando por uma noticia que veio a lume hoje, os corruptos asseguraram a contratação de Djalma do Marítimo para a próxima temporada, curiosamente depois do Sporting ter falhado a sua contratação no final da janela do mercado de transferências de Janeiro, (e para quem não saiba, Djalma é associado da filiação corrupta) isto tudo a custo 0, quando o Sporting contratando-o agora teriam uma retribuição financeira... Ainda alguém veio dizer há uns dias que o dinheiro do Porto vale tanto como o do Benfica ou Sporting... Neste caso pelo menos, vale muiiiitttooo mais. Nos jornais ainda mencionam que Djalma é filho da antiga glória do Benfica Abel Campos e que passou pelas suas camadas jovens, sem sucesso, como se vê, andam sempre interessados em espetar puas nos rivais.

Mas regressando ao Sporting, mais uma vez o Porto vai "roubar" jogadores ao seu submisso "rival" de Lisboa e espero que metam a mão na consciência, até quando se deixarão enrabar e farão um sorrizinho aos seus "amigos" do Norte, só para alimentar a sua febre anti-benfica? Mais uma vez digo, eu acharia bem se os nossos dirigentes apoiassem, mesmo que em segredo, um candidato à presidência do Sporting que tire o clube da esfera dos corruptos, que pense "o Sporting sempre em 1º", que não se deixe levar em negócios de maçãs podres nem leve o clube ao ridículo com cenas de maracas. Digo mais uma vez, o futebol português precisa de um Sporting forte e independente, que permita um equilíbrio natural, competição saudável, órgãos dirigentes (FPF, LPFP) mais isentas, o Benfica precisa de um Sporting forte para ter mais chances de vencer, de não ter de jogar contra 14 em quase todos os jogos, só com um Sporting forte se poderá derrotar o sistema. Está na altura de meter outro "Dias da Cunha" na presidência desse clube. Deixo aqui um repto aos adeptos do Sporting, deixem de pensar no Benfica antes do vosso clube, e façam finalmente algo de bom pelo Sporting, porque vocês são os principais culpados pela actual situação do vosso clube.

Se realmente essa situação se viesse a concretizar, e aqui ninguém está a defender os lagartos, apenas o bem do futebol português e do próprio Benfica, verão que a possibilidade de um candidato isento à FPF sair vencedor seria mais possível, agora que o novo regime jurídico foi chumbado pelas forças de bloqueio, a situação vai arrastar-se e terão de ser adiadas as eleições para os novos órgãos dirigentes, que já com uma nova direcção no Sporting, independente, se pudesse angariar mais apoios entre os membros das associações de futebol fora da esfera corrupta para a eleição de alguém que finalmente levante o futebol português do buraco em que está metido, e que finalmente recuperada a reputação e o espectáculo não seja prejudicado pelo negócio da Sporco TV, as pessoas possam voltar aos estádios e ver jogos de boa qualidade sem risco de serem agredidas por "hooligans" amestrados do polvo e sem terem de fazer noitada quando no dia seguinte vão trabalhar.

Amigos benfiquistas, estamos num momento em que, mais um vez, podemos ajudar a fazer história e virar a página sobre o período mais negro do futebol em portugal, vamos ajudar a que isso aconteça ou fecharemos os olhos a pensar "não é nada connosco"? Pensem, se por acaso os Estados Unidos tivessem pensado assim na segunda guerra mundial, será que a democracia teria vencido?... Há que lutar por ideais, como pela própria vida...

ranking