O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 26 de janeiro de 2013

Finalmente vitória em Braga!

 ●  22 comentários  ● 
Finalmente viu-se o Benfica a ganhar em Braga com Jorge Jesus!

Um jogo marcado por um Benfica com duas faces.
Na primeira parte, Jesus montou um Benfica diferente do habitual muito por culpa da indisponibilidade de Cardozo. O Benfica entrou com um meio-campo reforçado com Gaitán a jogar como maestro. O Benfica entrou forte e a aposta em Gaitán foi ganha com este a saber lançar os alas e Lima que por sua vez aproveitaram bem as (muitas) fragilidades defensivas do Braga, com o guarda-redes Beto a ficar mal na fotografia nos dois golos.
Viu-se uma equipa concentrada com uma defesa solidária, um Artur ao seu nível habitual (depois das oscilações nos últimos dois jogos para o campeonato) e um meio-campo e ataque fortes. Sálvio e Lima a darem água pela barba aos bracarenses.

Na segunda parte viu-se um Benfica diferente que entrou mais cauteloso e a jogar claramente para defender o resultado. Uma táctica contra-natura para o Benfica de Jesus e que normalmente resulta em dissabores para o Benfica.
Felizmente, desta vez as coisas correram bem porque (atipicamente) o Benfica jogou contra 11 e não contra 14 como costuma ser hábito nestas deslocações. O Braga tentou pressionar e chegar ao empate mas a mim nunca ficou a impressão de que pudesse lá chegar com vários elementos-chave da equipa claramente desinspirados e sem aquela vontade anti-benfiquista típica dos ressabiados.

Apesar de não ter gostado da táctica na segunda parte, tenho que dar a mão á palmatória a Jesus. Baralhou a equipa e com isso confundiu o Braga e na segunda parte a aposta na defesa do resultado funcionou com a equipa a corresponder. Não será algo que recomendo que se faça contra outras equipas fortes (principalmente no Dragão no fim do campeonato) mas desta vez funcionou.

Para ser franco estava á espera que fosse este o jogo em que o Benfica ia ser atirado para baixo pela corrupção. Estava á espera daquelas armadilhas típicas dos Corruptos B, de um árbitro caseiro e de um público hostil. Comparado com anos anteriores não se viu nada disso. O público esteve mais calmo que o habitual (será resultado de os "queridos amigos" do Porto terem provocado a morte de um bracarense? De se aperceberem que a retórica anti-benfiquista de Salvador é só fogo de vista de quem é parceiro de negócios de Vieira e que vende jogadores ao Benfica se o dinheiro aparecer?), não se viram armadilhas rasteiras da estrutura do Braga e o árbitro surpreendentemente não assaltou o Benfica. Devem estar a guardar os Proenças, Jorges Sousas e Xistras para o final do campeonato...

Final da 1ª volta - retóricas

 ●  27 comentários  ● 

Portugal 26 de Janeiro de 2013

Começa mais logo a nossa 2ª volta da Liga do futebol “portoguês”. Terminada a 1ª fase de todos jogarem contra todos, podemos tirar algumas conclusões e conjecturar outro tanto.
A análise nua e crua dos números indica que temos os mesmos pontos da época passada, mais 6 do que na época anterior onde defendemos o título e mais três do que na época do título. Estou a referir números do ciclo Jorge Jesus, uma vez que antes dele, ninguém se aproximou destes (bons) números.
Em relação ao goal-average, temos um bom número de golos marcados, 39, que a serem confirmados na 2ª volta irão ultrapassar os golos marcados no ano do título, até agora o melhor neste item, dos últimos 15 anos. Em relação aos golos sofridos, são 11, três dos quais de penálti, dois deles em Coimbra. Trata-se também de um bom número, só ultrapassado pela positiva, no ano do título.
Outras características em relação à 1ª volta. Em relação aos confrontos com o SCP, ganhamos outra vez o primeiro jogo (só no ano do título não conseguimos, empatando 0-0), mas em relação ao Braga, pelo 4º ano consecutivo, voltamos a perder pontos com eles (2 empates e 2 derrotas). Quanto ao FCP idem, mas pelo 3º ano consecutivo (1 derrota e 2 empates).
Por muitas voltas que se dê à leitura dos números, esbarramos sempre numa constatação simples: com Lima, Melgarejo, Olá Jonh e Sálvio, fizemos os mesmos pontos do que com Saviola, Nolito, Bruno César e Emerson. Sublinho que no ano passado, em termos de calendário, deslocamo-nos a Braga e ao FCP, e recebemos o SCP. Este ano foi o contrário, pelo que nem é legitimo dizer-se que no ano passado tivemos um melhor calendário.
Dito de outro modo, gastaram-se 5 milhões no Lima, 11 milhões no Sálvio, 8 milhões no Ola Jonh, 2 ou 3 milhões no Melgarejo, e temos os mesmos pontos do que no ano anterior, com Bruno César (5,5 milhões), Nolito (custo zero?), Emerson (1 milhão) e Saviola (5 milhões).
Mas mais. Ao contrário do que esta comunicação social avençada aos interesses do “sistema” (nos quais se inclui a protecção da imagem do Sr.º Vieira) propagandeia, com primeiras páginas de Lima, Sálvio e Ola Jonh, mais colunas de opinião a dizerem o mesmo das “grandes” exibições destes três “reforços”, os números mostram o contrário. Assim, apesar dos golos “fantásticos” do Lima, a verdade é que ele marcou 8 golos em 14 jogos (melhor que Saviola que fez 4 em 18 jogos), média inferior à que teve na última época no Braga, 20 em 30 jogos. Apesar dos “arranques” de Sálvio, marcou 4 golos em 14 jogos, muito fraco quando comparado com os 10 golos do Bruno César em 26 jogos, ou os 11 golos do Nolito em 29 jogos. Ola Jonh nem entra nestas contas.
Como se percebe, compreendo bem a frustração de Nolito e Bruno César. Eles sabem que fizeram uma boa época, marcaram muitos golos e ajudaram o Benfica a ganhar muitos jogos, estiveram nos quartos de final da Champions, ganharam a Taça da Liga e só a arbitragem os impediu de serem campeões. Em vez de serem premiados, não! Foram trocados... é duro...
Então impõem-se a pergunta: como é que os jogadores contratados apresentam binómios custo/resultados piores do que os jogadores que cá tínhamos, e no geral, temos a sensação que estamos a jogar melhor?
Pois é simples: quando falo de comunicação social e sua capacidade de nos iludir e fazer crer coisas que não são, aqui temos mais um exemplo. Como podíamos falar de outros, desde o Roberto, Emerson ou Thomas que não eram tão “fracos” como eles conseguiram fazer crer que eram.
O papel da comunicação social é aqui determinante para formular as opiniões que conhecemos sobre Lima, Ola Jonh e Sálvio. Que, como já aflorei noutros textos, não é um papel desempenhado ao acaso. Há que desviar as atenções dos adeptos da realidade desses negócios: Sálvio foi contratado para que o Atlético pagasse ao FCP o que deviam, Olá Jonh foi já vendido à Doiyen, a mesma empresa que comprou parte do Defour e Mangala ao FCP. E Lima foi contratado para que o Braga não perdesse dinheiro com o jogador, que ficaria livre este mês de Janeiro.
Denominador comum? A imagem de LF Vieira. Há que a proteger, enganando os adeptos e sócios do Benfica, resumidos a papel de figurantes e pagantes de todas estas barbaridades. Mas o Sr.º Vieira não é o presidente do Benfica? Como se percebe, actua como um peão de outros interesses, sobrecarregando o orçamento do Benfica sem contrapartidas desportivas e económicas garantidas. Há pois que o proteger e passando o ideia que não ganha mais porque Jesus é teimoso, como se diz que o Lima é fantástico. O adepto é fácil de iludir...
Ressalvo que os jogadores em causa não têm culpa de nada, e que até os acho bons jogadores. Mas dada a situação financeira do Benfica, o que se passou nesta pré temporada em termos de opção de investimento foi uma arrepiante farsa. Os resultados desportivos confirmam que tudo não passa de uma ilusão. 
Vai começar a 2ª volta. Espero que o desempenho da equipa se mantenha, e dos reforços em particular, que melhore de modo a ajudar o Benfica a atingir a principal meta: o campeonato. Se isso for conseguido, tudo será esquecido.

Aquele Sorriso Inesquecível

Avatar
 ●  5 comentários  ● 



"Os 15 jogadores do plantel que viveram aquela tragédia e os outros que perceberam rapidamente a dor imensa, lembraram sempre a memória do Miki, nos momentos difíceis da época. Era qualquer coisa que vinha cá de dentro e não se explicava. Era uma força mágica que nos corria o corpo e nos fazia esgotar o fôlego, superar a dor, dilatar as forças e enfrentar todas as dificuldades. Para ser sincero - posso dizê-lo agora porque ninguém descobriu antes - o Benfica jogou sempre à margem dos regulamentos neste campeonato: jogámos com 12 e ninguém viu! 
Quando Pedro Henriques apitou para o final do jogo no Bessa, ninguém viu mas o Miki andava aos pulos e aos gritos no relvado. Ninguém viu mas ele encharcou toda a gente com repuxos de champanhe. Ninguém viu mas ele abraçou os colegas, um a um. Ninguém viu mas ele deixou rolar as lágrimas pelo rosto, com aquele sorriso inesquecível. O Miki fez questão de morrer a sorrir porque já previa este desfecho".

SIMÃO SABROSA

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

A entrevista de Mário Figueiredo, Presidente da Liga

 ●  1 comentário  ● 

Confesso que apenas no carro ouço rádio. Uma das minhas preferidas é a TSF, que para mim será sempre TSF - Rádio Jornal.
E ontem ao final da tarde, apanhei sem querer, a entrevista do Presidente da Liga de Clubes, Mário Figueiredo, acabado de cumprir o seu primeiro aniversário no seu cargo, no programa "Entrelinhas" do jornalista João Ricardo Pateiro com o seu colega Mário Fernando.

E Mário Figueiredo, logo a responder à primeira questão colocada, assumiu que o seu grande objectivo neste seu mandato é abrir o mercado das transmissões televisivas, retirando o monopólio à Olivedesportos.
Diz o Presidente da Liga que na forma actual de como estão negociados os direitos televisivos ( DT ) dos jogos da Liga, os clubes são prejudicados financeiramente. Aliás o termo utilizado foi mesmo "asfixiados"

Na queixa apresentada pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional ( LPFP ) à Alta Autoridade da Concorrência ( AdC ), em relação ao monopólio da empresa de Joaquim Oliveira, a LPFP  crê que os actuais clubes da Liga podiam receber 100 a 200 milhões a mais, do que os actuais 60 milhões que recebem !!
Os números são justificados por análises de "várias empresas independentes" ao facto de os clubes estarem a viver sob um monopólio.

Esse monopólio é criado com contratos de longa duração, onde muitos deles terminam em 2018 ou mesmo 2019, com cláusulas de exclusividade, que por si só inibem o aparecimento de um concorrente, com o agravante de os contratos terminarem em anos diferentes, tornando ainda mais difícil para um possível concorrente entrar no "mercado" pois pouco interesse teria em comprar os direitos de apenas um clube, pois o interesse maior é comprar os jogos de um campeonato.
E a "cereja no topo do bolo é" a cláusula de preferência existente em todos os contratos, em favor da Olivedesportos, não dando assim qualquer hipótese à concorrência de entrar no negócio das transmissões televisivas e mantendo este mercado fechado.
Considera abusiva também a posição da Olivedesportos como parte interessada do lado dos clubes, como accionista no capital de SAD´s e parte interessada no lado do transmissor dos jogos como accionista da Sport TV.
Mário Figueiredo vai mais longe ainda ao considerar que os contratos em vigor são nulos, por impedir a concorrência !!

A asfixia de receitas dos clubes nos direitos televisivos, junta-se o facto de há mais de um ano, os clubes estarem proibidos de fazerem publicidade a empresas de apostas desportivas, quando 1/5 do Top 20 europeu dos clubes com maiores receitas, o fazem, por exemplo.
Na questão das apostas on line, existem por essa Europa fora, diferentes legislações, o que permiteria no entender de Mário Figueiredo, que o Ministro que tutela o desporto, já ter tido tempo suficiente para legislar esta matéria que na sua opinião ajudaria a trazer outra receita importante para os clubes portugueses.

Reparei que em toda a entrevista, Mário Figueiredo quando queria referir-se à Olivedesportos, dizia "o monopolista" ou "a empresa monopolista", com uma única excepção.

Falou do contrato com o monopolista sobre a Taça da Liga, ainda do caso único na Europa, que a Liga seja uma competição organizada pela Liga de Clubes, mas que está "fora" da órbita da LPFP, a marcação dos jogos e das suas horas, apontando o dedo ao contrato monopolista dos DT.
Continuou a guerra com Fernando Gomes, indirectamente acusando-o de ser um testa de ferro do monopolista e afirmando que Fernando Gomes entrou no FC Porto pela mão do monopolista.
Sobre o alargamento deu indicações que neste momento não é prioritário, apesar de acreditar que seria importante uma Liga com 18 clubes.
A relação institucional entre LPFP e FPF também foi tema, mas Mário Figueiredo acusou a FPF de tentar marginalizar a LPFP, como no caso do "Totonegócio", ao negociar dívidas de clubes profissionais, colocando a LPFP de lado e que a FPF só pagou porque perdeu todos os processos em tribunal e que poderia perder a Utilidade Pública.

Duas menções ao Benfica nesta entrevista. A primeira questionado se Vale e Azevedo tinha razão ao considerar que o contrato que o Benfica detinha era nulo, Mário Figueiredo declinou comentar por não estar na posse de todos os detalhes dessa situação.
E sobre a rejeição da proposta dos 22 milhões de euros por parte do Benfica, o Presidente da LPFP foi vago e não respondeu directamente à questão, mas ficou a ideia de que acredita na centralização dos direitos televisivos na Liga e que assim com concorrência e outros valores em cima da mesa é possível ter Benfica e os restantes clubes satisfeitos.
Os moldes da distribuição do dinheiros dos direitos podem ser baseados como em Inglaterra onde a diferença do 1ª classificado para o último são de 60%, ou como em Itália, onde o historial dos clubes, a sua base de apoio é o garante da maior fatia do "bolo", mas tudo será decidido pelos clubes em Assembleia.

Para ouvir toda a entrevista na íntegra, é só clicar aqui

Anarquia.

Avatar
 ●  11 comentários  ● 
Jogo do Campeonato em Setúbal - AQUI.

Jogo da Taça da Liga - AQUI.

Regulamentos infringidos pelo FC Porto, em prejuízo do Setúbal, e da verdade desportiva das competições em causa.

Estaremos numa anarquia, ou afinal as regras aceites pelos clubes são para cumprir?

Deve o Benfica assobiar para o alto, pois não é nada connosco? 

Selecção Nacional - Futebol Formação

 ●  3 comentários  ● 

Uma das minhas grandes paixões no futebol, é a formação. E tenho falhado aqui no NGB nesse tema.

Deixo-vos aqui a lista dos jogadores do Sport Lisboa e Benfica nas várias selecções nacionais de futebol, para que ao verem na Benfica TV, saibam quem são os que neste momento são de maior potencial

No fim de semana passado, houve um estágio dos Sub 15, com vista aos jogos contra a Turquia a 11 e 13 de Junho. Os convocados do Benfica foram :
José Gomes, Madiu Bari, Pedro Pereira, Ricardo Araújo, Ricardo Mangas e Vasco Santos
Nota para Vasco Santos, acabado de chegar ao nosso clube, vindo do Feirense.

Também na semana passada, houve um estágio dos Sub 16, onde o Benfica dominou a convocatória com base na equipa campeã nacional de Sub 15 da última época. Os convocados foram :
- Buta, Diogo Gonçalves, Fábio Duarte, Fábio Novo, João Carvalho, João Coelho, Pedro Amaral, Pedro Rodrigues, Renato Sanches e Ruben Dias
Os Sub 16 vão ter dois jogos de preparação em Fevereiro no Algarve frente à Escócia e Áustria

A preparar o Torneio do Algarve em Fevereiro e a fase de qualificação para o Europeu em Março na Inglaterra, os Sub 17 trabalharam no início de Janeiro, os atletas do Benfica chamados foram :
- Costa, Gonçalo Guedes, Gonçalo Rodrigues, Lima e Romário Baldé

Esta semana saiu a convocatória para o Torneio de Las Palmas de Sub 18, onde Portugal irá defrontar uma selecção local, a Espanha e o México. Os benfiquistas chamados foram :
- Alexandre Alfaiate, Filipe Nascimento e João Nunes

Finalmente, os Sub 19 lusos, preparam a sua participação no Torneio de La Manga, onde defendem o título nas 4 últimas edições, e onde o Benfica domina a convocatória com sete atletas :
- Bernardo Silva, Fábio Cardoso, Hélder Costa, João Teixeira, José Costa, Rebocho e Rudinilson Silva

Para finalizar, lembrar que há dois derbies nas camadas jovens este fim de semana e que todo o apoio é pouco no Caixa Futebol Campus !!

Amanhã às 15 horas defrontamos o Sporting para o Campeonato Nacional de Juvenis, a 1ª Jornada da 2ª fase, onde se qualificam os dois primeiros classificados para a Fase Final.

E no domingo às 11 horas, novamente o Sporting no Caixa Futebol Campus, mas agora para o Campeonato Nacional de Iniciados, 2ª fase, 1ª jornada.
Neste escalão, qualificam-se para a Fase Final, os três primeiros classificados dos 3 grupos mais o 2º melhor classificado.

Força Benfica !!

António-Pedro Vasconcelos: "É assim que se perdem campeonatos"

Avatar
 ●  12 comentários  ● 

António-Pedro Vasconcelos, em exclusivo para o Master Groove.
ESTE CAMPEONATO - DISSE-O LOGO NO PRINCÍPIO DA ÉPOCA, APÓS O ANÚNCIO DA PROMOÇÕES E DESPROMOÇÕES DOS ÁRBITROS PORTUGUESES NA UEFA - VAI SER DECIDIDO PELAS ARBITRAGENS, COMO ACONTECEU, ALIÁS, EM ANOS ANTERIORES.

ESTE ANO, ATÉ AO JOGO NA LUZ COM O FCP, NÃO HOUVE EM GERAL RAZÕES DE QUEIXA NEM DAS NOMEAÇÕES NEM DAS ARBITRAGENS. O CAMPEONATO ESTEVE EQUILIBRADO, NÃO FORAM NOMEADOS ÁRBITROS QUE NORMALMENTE PREJUDICAM O BENFICA (PROENÇA, BENQUERENÇA & C.ª). 

O JOGO DA LUZ, NO ENTANTO, FOI ANTECIPADAMENTE CONDICIONADO PELOS PORTISTAS, QUE LEMBRARAM LOGO QUE JOÃO FERREIRA TINHA SIDO “O ÁRBITRO DO TÚNEL” (ALUSÃO AOS GRAVES INCIDENTES DE HÁ TRÊS ANOS QUE LEVARAM À CONDENAÇÃO DE HULK E SAPUNARU E EM QUE O RELATOR DOS INCIDENTES FOI PRECISAMENTE JOÃO FERREIRA). 
NO FINAL DO JOGO, SEM QUALQUER FUNDAMENTO, TREINADOR E PRESIDENTE DO FCP LANÇARAM-SE DE IMEDIATO NUMA CAMPANHA CONTRA A ARBITRAGEM, NUMA LINGUAGEM EXACERBADA, HISTÉRICA, DA PARTE DE VÍTOR PEREIRA, COMO É COSTUME, CÍNICA, COMO NOS HABITUOU, DA PARTE DE PINTO DA COSTA. 

E O QUE FEZ O BENFICA? CALOU-SE. ENCOLHEU-SE. DEIXOU PASSAR A IDEIA DE QUE HAVÍAMOS SIDO BENEFICIADOS. VIEIRA E JESUS ELOGIARAM A ARBITRAGEM, EM VEZ DE DIZEREM QUE FOI, COMO DEVIAM SER TODAS, IMPARCIAL: JOÃO FERREIRA CONDESCENDEU NALGUNS LANCES DUM LADO E DE OUTRO; ERROU PARA OS DOIS LADOS, COISA A QUE NÃO ESTAMOS HABITUADOS NESTES "CLÁSSICOS". 

A VERDADE É QUE, QUANDO PRECISA DE PRESSIONAR, O FCP FAZ NOTÍCIA, FALA A UMA SÓ VOZ, INDIGNA-SE (SOBRETUDO SE NÃO TIVER RAZÃO), E CHEGA MESMO AO PONTO DE DAR UMA CONFERÊNCIA DE IMPRENSA, COMO FEZ HÁ DOIS ANOS, COM UM VÍDEO HABILIDOSO A DENUNCIAR A ARBITRAGEM DE DUARTE GOMES (LEMBRAM-SE?), NA VÉSPERA DE UM NOVO CLÁSSICO NA LUZ. E O BENFICA O QUE FAZ? REAGE EM VEZ DE AGIR: EM VEZ DE O FAZER NO DIA SEGUINTE, PÕE A CIRCULAR NA NET, ALGUNS DIAS DEPOIS, UM VÍDEO COM UM AR CLANDESTINO QUE MOSTRA JOGADAS DURÍSSIMAS DE JOGADORES DO FCP QUE PASSARAM IMPUNES, A RESPONDER A OUTRO DO FCP.

QUANDO SENTE QUE ESTÁ EM PERIGO, QUE É PRECISO JUNTAR AS TROPAS, O FCP, MESMO SEM RAZÃO, GRITA PARA O EXTERIOR A SUA INDIGNAÇÃO. O BENFICA, CHEIO DE RAZÃO, SUSSURRA PARA DENTRO, PARA OS SEUS ADEPTOS, UMA DENUNCIA ENVERGONHADA.

ENTRETANTO, O FCP MARCOU PONTOS, JÁ CONDICIONOU AS FUTURAS ARBITRAGENS, JÁ FEZ PASSAR IMPUNEMENTE A IDEIA DE QUE FOI PREJUDICADO, JÁ OBRIGOU VÍTOR PEREIRA (ESTOU A FALAR DO QUE NOMEIA OS ÁRBITROS, NÃO DO QUE SE QUEIXA DELES!) A VIR EXPLICAR-SE E CONFESSAR QUE SÓ NÃO NOMEOU PEDRO PROENÇA (O TAL QUE DEU O CAMPEONATO AO FCP NO ANO PASSADO), PORQUE ESTAVA DE FÉRIAS!

E, NA VÉSPERA DO JOGO EM SETÚBAL  VÍTOR PEREIRA INSISTIU NA MESMA TECLA: VEIO DIZER QUE TEMIA AS PRÓXIMAS ARBITRAGENS. O RESULTADO NÃO SE FEZ ESPERAR. FOI NOMEADO PEDRO PROENÇA, O ÁRBITRO QUE PINTO DA COSTA QUERIA NA LUZ, O MESMO QUE NO ANO PASSADO DEU O CAMPEONATO AO FCP E QUE, NA ÚLTIMA JORNADA, FOI NOVAMENTE NOMEADO PARA O JOGO DA CONSAGRAÇÃO.

O RESULTADO NÃO SE FEZ ESPERAR: PP FEZ UMA ARBITRAGEM HABILIDOSA, INDIGNA DE UM ÁRBITRO QUE ACABA DE SER CONSAGRADO O MELHOR ÁRBITRO DO MUNDO (!), QUE DESTA VEZ AJUDOU O FCP NOS ÚLTIMOS MINUTOS, QUANDO A VITÓRIA ESTAVA EM PERIGO, COM UMA DECISÃO ABSURDA, QUE ACABOU COM A RESISTÊNCIA DO VITÓRIA.

A CONCLUSÃO É QUE, EM MATÉRIA DE FUTEBOL, CONTINUAMOS A SER AMADORES. ONDE ESTÁ O DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO? ONDE PÁRA O JOÃO GABRIEL? AINDA ESTÁ NO BENFICA? E SE NÃO ESTÁ, QUEM O SUBSTITUIU? E QUEM LIDERA A DIRECÇÃO DO FUTEBOL? E O QUE FAZ O RUI COSTA NO BENFICA? E O CARRAÇA? 

É ASSIM, MEUS SENHORES, QUE SE PERDEM CAMPEONATOS! E, NO FIM A CULPA VAI SER DO TREINADOR! POR QUE RAZÃO VIEIRA, QUE ESTÁ A RENOVAR CONTRATOS COM VÁRIOS JOGADORES, NÃO RENOVA COM JESUS. PORQUÊ? PORQUE PRECISA DE UM “BODE EXPIATÓRIO”, NO CASO MAIS DO QUE PROVÁVEL, DE QUE AS COISAS CORRAM MAL E QUE O BENFICA, COM DUAS OU TRÊS ARBITRAGENS HABILIDOSAS, APESAR DE SER A MELHOR EQUIPA, COMO ACONTECEU NOS ÚLTIMOS ANOS, ACABE POR PERDER O CAMPEONATO.

ESTIVE HÁ DIAS EM JERUSALÉM, ONDE CONSTA QUE JESUS (O DE NAZARÉ) FAZIA MILAGRES. MAS ONDE TAMBÉM ME LEMBRARAM QUE ACABOU CRUCIFICADO!

QUANDO SERÁ QUE VIEIRA ABRE OS OLHOS? QUANDO SERÁ QUE O BENFICA DECIDE TER UMA ESTRUTURA PROFISSIONAL PARA O FUTEBOL? QUANDO SERÁ QUE DEIXA DE SER VÍTIMA E LEVA ÁS ULTIMAS CONSEQUÊNCIAS OS DESABAFOS QUE, TODOS OS ANOS, O PRESIDENTE, QUANDO JÁ NÃO HÁ NADA A FAZER, LANÇA AOS MICROFONES E PERANTE AS CÂMARAS, E QUE SÓ SERVEM PARA DAR BOA CONSCIÊNCIA MAS NÃO REPÕEM A VERDADE NEM DEVOLVEM TÍTULOS NEM CAMPEONATOS?

António-Pedro Vasconcelos, in: Master Groove

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Caras do Sistema e do Anti-Benfica.

Avatar
 ●  6 comentários  ● 
"O novo investidor do Sporting é a Servilusa."

"O meu dentista gosta das minhas arbitragens."

"Em 2013 quero aprender inglês."

"Ladro bem não ladro presidente?"

"Desde que o Futre me entalou com aquela do chinês, só me resta o Anti-Benfica."

"Prémio Lance Armstrong 2012."

Lágrimas de crocodilo.

Avatar
 ●  11 comentários  ● 
"José Mota queixou-se em conferência de imprensa do trabalho de Pedro Proença, mas já antes os adeptos o haviam insultado, especialmente depois da expulsão de Jorginho, a segunda do V.Setúbal e do jogo. 

No final, meia dúzia de adeptos ficaram à espera do árbitro para lhe mostrar insatisfação e, em tom irónico, desejaram que tivesse "uma noite descansada", depois de uma "noite de vergonha." 

Proença não gostou e chamou o polícia mais graduado que lhe fazia guarda, pedindo que este afastasse as pessoas. Fê-lo de forma audível e respondendo aos insultos que ouviu. "Não tenho que aturar isto, ser enxovalhado por meia dúzia de energúmenos", disse. 

Os sócios voltaram a protestar e a polícia teve mesmo de os afastar." in O Nojo.

O presidente do V. Setúbal arrasou a arbitragem de Pedro Proença no encontro com o FC Porto e diz que falta humildade ao árbitro de Lisboa...
"O senhor Pedro Proença não tem condições para apitar mais jogos, até porque chamar energúmenos a meia dúzia é chamar a uma cidade inteira. Foi malcriado e prepotente. É o melhor árbitro português, teve no ano passado o seu momento de glória, os portugueses aplaudiram, todos nos rendemos à sua categoria mas falta-lhe humildade. Eusébio foi considerado o melhor jogador do mundo e tinha uma humildade fantástica. Proença tem de descer à terra e deixar de andar em bicos dos pés. Quando se sobe muito alto, a queda é grande. Desejo-lhe boa sorte e que não apareça no Bonfim tão cedo", afirmou Fernando Oliveira, em declarações à TSF.

O líder do clube sadino revelou ainda que os adeptos do clube "estão ofendidos" com a atitude do árbitro. "A polícia estava presente e não teve necessidade de fazer qualquer identificação. Aliás, responderam-lhe quado ele lhes chamou energúmenos. Disseram-lhe apenas isto: nós vamos para casa de consciência tranquila, não sei se você vai".

As críticas estendem-se à atuação de Pedro Proença em campo: "Houve uma dualidade de critérios gritante. É esta diferença de um clube grande para um pequeno. Infelizmente, já estamos habituados. Se fosse ao contrário, não exista penálti nem expulsões", afirmou." in O Nojo.

O QUE SE VIU MAIS FOI COMO JOSÉ MOTA TENTOU FINGIR QUE ESTAVA ZANGADO. OU O PRESIDENTE DO SETÚBAL AGORA A SIMULAR UMA ZANGA COM O PROENÇA, O MESMO QUE TINHA LÁ ESTADO EM DEZEMBRO E QUE NADA INCOMODOU O PRESIDENTE SADINO POR NÃO TER PERMITIDO AO SETÚBAL JOGAR PERANTE O FCP NUM RELVADO QUE IRIA PREJUDICAR OS JOGADORES MAIS HABILIDOSOS, LOGO, O FCP. 

A HISTÓRIA É SEMPRE A MESMA. GENTE FINGIDA, QUE TROCA A SUA VERTICALIDADE POR UM PUNHADO DE EUROS OU POR FAVORES.
A REALIDADE É QUE O SETÚBAL ESTÁ ABAIXO DA LINHA DE ÁGUA. BEM FEITO!

Barbaridades

 ●  14 comentários  ● 

Aimar é provavelmente o jogador mais simpático do Benfica nos últimos 20 anos. É gentil. Não faz ondas. É elegante. Tem fair play. Trata bem os adeptos – e estes, com total justiça, colocam-no num pedestal. Ao falarem do jogador argentino, os benfiquistas adoptam uma pose reverencial. O tom de voz é baixo e os gestos são contidos – exactamente o contrário do que acontece com as palavras.

Por gostarem tanto do jogador, os adeptos do Benfica esquecem-se que o Aimar que eles idolatram nunca esteve em Lisboa. Nasceu na Argentina, brilhou no River Plate e, depois de viver os seus melhores anos de vida futebolística em Valência, aterrou no aeroporto da Portela. Quando chegou ao Benfica, o jogador que foi um dia já não existia (para quem tem dúvidas, veja os melhores vídeos dos seus tempos de juventude em fernandoesteves.com, bem como aquilo que Messi dizia sobre ele quando era um menino, e tire as suas conclusões. Aviso para benfiquistas: pode ser uma experiência dura).

Observar os truques de Aimar com a camisola do River Plate é um exercício simultaneamente único e penoso. Único porque dá a oportunidade a quem gosta de futebol de observar um jogador de eleição, um pensador, um líder e um desequilibrador nato. Penoso porque esse atleta nunca passou pelo campeonato português, demasiado fraco para atrair futebolistas desse calibre na melhor fase das suas carreiras.

Aimar é – foi? - um génio com ideias e substância. No livro “O Erro de Descartes”, o neurocientista português António Damásio defende que o criador perfeito não é aquele que tem as ideias mais incríveis; é o indivíduo que, perante a imperatividade de decidir entre muitas opções possíveis, escolhe rapidamente a melhor para si ou para o grupo em que se insere. Aimar fazia isso semanalmente no River Plate, onde se tornou a alma da equipa quando ainda era um pós-adolescente. E repetiu-o no Valência, clube onde ainda hoje o seu nome provoca nostalgia entre os adeptos. Em Portugal, nada disso aconteceu. Não há dúvidas de que Aimar, que afinal ainda não é desta que vai para o Dubai, será eterno nos corações dos adeptos do Benfica. Mas é uma ilusão e um logro pensar que ficará na história do clube. E isso diz tudo sobre a sua passagem por Portugal.

Por Fernando Esteves, editor da Sábado. In Record.

Depois de escrever uma barbaridade destas chego á conclusão que existe gente que devia ser proibida pelos tribunais de escreverem uma linha que fosse sobre futebol.
E a mente brilhante no Record que achou boa ideia dar espaço num jornal desportivo para se ler algo tão estúpido devia ser despedida. Um desperdício de espaço.

"Football Money League" by Deloitte

Avatar
 ●  9 comentários  ● 

1. Real Madrid 512.6 milhões de euros
2. Barcelona 483 
3. Manchester United 395.9 
4. Bayern 368.4 
5. Chelsea 322.6 
6. Arsenal 290.3 
7. Manchester City 285.6 
8. Milan 256.9 
9. Liverpool 233.2 
10. Juventus 195.4 
11. Dortmund 189.1 
12. Inter 185.9 
13. Tottenham 178.2 
14. Schalke 04 174.5 
15. Nápoles 148.4 
16. Marselha 135.7 
17. Lyon 131.9 
18. Hamburgo 121.1 
19. Roma 115.9 
20. Newcastle 115.3 
21. Valência 111.1
22. Benfica 111.1
23. Atlético Madrid 107.9
24. Ajax 104.1
25. Estugarda 103.2
26. Everton 99.5
27. Aston Villa 98.6
28. Fulham 98.0
29. Sunderland 96.4
30. Galatasaray 95.1
31. Corinthians 94.1

O relatório completo, aqui.

Num ano em que o SL Benfica tem os principais contratos de publicidade e direitos televisivos a caducar, este tema torna-se ainda mais actual e importante.

Não tem o SL Benfica maior dimensão humana que a muitos dos clubes do TOP 20?
O que falta para que também neste capítulo o clube possa estar à altura dos seus pergaminhos?


P.s.: A 3ª parte da análise à gestão de LFV já foi publicada no 'Ontem'.

Miguel "Benfica" Rosa

 ●  19 comentários  ● 

Há jogadores assim! Jogadores que se tiram a camisola, continuam com ela vestida... na pele!

O Miguel Rosa é um desses jogadores. Ele não joga no Benfica, nem é do Benfica... é "É BENFICA"!

Infelizmente, não sei se a estrutura ou se apenas o treinador têm alguma dificuldade em lidar com um jogador que está sempre inconformado. Quando está a ganhar por 2, quer ganhar por 3... quando está a ganhar por 10, quer ganhar por 11... quando joga 10', quer jogar 11', quando joga na B, quer a principal... quando outros marcam, quer marcar ele, etc. etc. etc.

Pelos vistos, e Nolito é um exemplo semelhante, este tipo de "Guerreiros" dão-se mal na Luz. Carlos Martins foi "despachado" para Espanha antes de ser amaldiçoado pelas lesões quando estava em grande nível. Nolito e Miguel Rosa são subjugados na equipa principal, mesmo com este segundo a acumular prémios de melhor jogador da segunda liga há quase três anos consecutivos.

Se discordo em absoluto da saída e das poucas oportunidades de Nolito, mais discordo ainda da falta de oportunidades ao Miguel Rosa. Inaceitável.

O jovem do Benfica e benfiquista, inconformado por natureza, estará seguramente insatisfeito e verá sempre com bons olhos quem lhe queira dar o valor que o Benfica não dá.

Possivelmente nunca virá a ser um génio do futebol, mas será seguramente um grande jogador da nossa liga portuguesa... no SLBenfica ou no clube que souber aproveitar os seus "softskills" e "hardskills" que o SLBenfica não quer aproveitar e o toma por certo.

FORÇA MIGUEL! Tu mereces um futuro melhor. Eu gostaria que fosse no SLBenfica, mas para tal é capaz de ser preciso saires para um clube de segunda linha, depois assinares pelo FCPorto e aí, como o Miguel Lopes ou o Sílvio, o SLBenfica irá tentar aproveitar uma oportunidade para te contratar.

Liga Zon Fruta

Avatar
 ●  2 comentários  ● 

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

A jogar com um clube submisso e com o Proença a apitar...

Avatar
 ●  13 comentários  ● 
"Percebeste porque não tens que te preocupar, Vitó?"

André Lima: o porquê de não treinar em Portugal.

Avatar
 ●  8 comentários  ● 
André Lima queixava-se há uns dias de não ter lugar no futsal português.
O post 'André Lima sem papas na língua' levantava a questão de porquê o treinador campeão europeu não ter lugar no futsal português.

A resposta é esta: André Lima não está a treinar em Portugal porque não possuiu habilitação de treinador de futsal adequada, ou seja, nível III.
Quando treinou o Benfica, era outra pessoa que aparecia nas fichas de jogo como treinador.

Portanto André, em vez de abusares da estima que temos por ti e aproveitares isso para te lamentares, acaba primeiro o curso e depois então fala.  

O 'superior interesse' das instituições.

Avatar
 ●  13 comentários  ● 
Ao ler a segunda parte deste post no 'Cacifo do Paulinho', pensei no sentido distorcido de democracia que se tem observado em diversas lideranças, dentro e fora do futebol, e no 'superior interesse' das instituições.

Todos vimos na TV o que se passou nas últimas eleições do Sporting
Afinação aos resultados, votos desaparecidos em sacos pretos, o presidente eleito a ser protegido por dezenas de seguranças, em vez de ser levado triunfalmente. 
Pareceu tudo, menos algo democrático.
O 'superior interesse do clube' fez com que ninguém colocasse uma providência cautelar para que a realidade fosse aferida pelas autoridades.

Também no Benfica as coisas não foram um exemplo para ninguém.

Dois candidatos que não tinham condições para o ser, por razões distintas. 
Rangel por ter quotas em atraso correspondentes a alguns anos.
Vieira porque as irregularidades com os seus nºs de sócio demonstraram que não tinha antiguidade de sócio para se candidatar, conforme relatado aqui.

Segundo afirmaram várias personalidades com responsabilidade no clube na noite das eleições, o 'superior interesse do clube' obrigou a que as candidaturas fossem validadas pela Assembleia Geral.

O que é o 'superior interesse do clube'? 

Se esse 'superior interesse' colide com a legalidade, não se torna automaticamente em algo que não interessa à instituição?

Não será a legalidade o superior interesse de qualquer pessoa ou instituição?

Clube de Comédia do Campo Grande.

Avatar
 ●  3 comentários  ● 
- Insua por Nolito e Kardec!

E porque não:

- Volkswagen por Lima e Rodrigo

- Bolo de Arroz por Garay

Este Godinho Lopes é o maior!! Qual Benny Hill, qual Seth Macfarlane, qual Ricky Gervais!!

Godinho RULES!!!!!! :D


Rubrica GB: A primeira jornada da CAN 2013

 ●  1 comentário  ● 

Numa palavra: DESILUSÃO!

Um marasmo de mau futebol, de resultados pouco emotivos e de um baixíssimo nível qualitativo, num momento em que o Mundo do futebol se está a virar para "novos mercados", o futebol africano está a perder caminho para se afirmar como uma alternativa com jogadores de qualidade para "alimentar" o sedento futebol europeu.

A prova está a decorrer na Africa do Sul que na jornada de abertura não foi além do fraquíssimo resultado a zero com Cabo Verde, o mesmo que repetiram mais tarde Angola e Marrocos. Gana e Congo repetiram o empate e o Mali (de Keita) lá apareceu com a primeira vitória sobre o Niger, mas dia seguinte voltam os empates de Zambia e Etiópia e da Nigéria e Burkina Faso. Hoje finalmente a Costa do Marfim de Drogba, Touré e companhia lá bateram o Togo, o mesmo que fez a Tunísia (num remate à bomba) já nos descontos evitando mais um jogo sem golos nem história.

Posso estar enganado, ou os países africanos vão perder mais uma chance para demonstrar que têm bons valores que possam ser olhados como alternativa aos mercados sul americanos. Vamos ver e continuar a acompanhar a CAN.

FLY EMIRATES?

 ●  5 comentários  ● 

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

A promessa de LFV sobre bilhetes e quotas.

Avatar
 ●  27 comentários  ● 
O 'Sócio Encarnado' trouxe este assunto à baila, e de facto merece ser analisado.

Luis Filipe Vieira, a reboque de uma medida anunciada por Rui Rangel, prometeu implementar uma política de baixa de preços nos bilhetes para os jogos na Luz e também no valor das quotas.

Até agora, o bilhete família é uma resposta insuficiente para o que foi prometido, como resposta às dificuldades que sócios e adeptos do Benfica atravessam e para a crise que afecta Portugal. 

Medidas avulsas não chegam. É preciso que o presidente do Benfica honre a sua palavra.

A comparação efectuada entre os preços praticados no próximo jogo europeu do Benfica é um exemplo dos preços absurdos que se praticam em Portugal.

Ora vejam(retirado do 'Sócio Encarnado'):




Os bilhetes para Público no jogo Benfica vs Bayer Leverkusen da Liga Europa, têm preços fixados entre os 20€ e os 50€, enquanto que os bilhetes para Público no jogo Bayer Leverkusen vs Benfica da Liga Europa, têm preços fixados entre os 14€ e os 42€.

O preço dos bilhetes não é a única razão para a Luz não encher, mas é uma das principais.
Está mais que na altura que Luis Filipe Vieira honre uma das suas promessas eleitorais.

O Burro ( ou será Asno ? ) voltou a falar

 ●  13 comentários  ● 

Hoje o treinador do FC Porto voltou a falar de arbitragens na conferência que antecede o jogo do relvado do Sado que estava bom, mas para o Pedro Proença não estava porque a chuva miudinha iria estragar-lhe o gel no cabelo.

Os nossos únicos rivais para o título deste ano, voltam a usar a mesma verborreia do ano passado que lhes deu o título.

Parece que com a saída do João Gabriel as respostas por parte do nosso clube têm sidos mais rápidas.
Se no caso do "Salvador dos Malões" não se referiu directamente ao nosso clube no passado domingo, Vítor Pereira colocou-se a jeito, ao referir-se a Matic para levar uma resposta condizente.

A bola está do lado do Benfica agora.

P.S. - Recado ao Vítor Pereira : Ó meu, se o Matic fosse expulso contra o teu clube, ele jogaria sempre em Braga, porque iria cumprir o castigo da expulsão, no jogo de Moreira de Cónegos para a Taça de Portugal.
Taça de Portugal, sabes o que é ? Ah pois não sabes...Foste de vela em Coimbra no ano passado e em Braga este ano.

Nova Rubrica: Palavra de GB

 ●  14 comentários  ● 
Ao cabo de mais de 10 anos de "vida online" optei por mudar de rumo no conteúdo que partilho com os nossos leitores. Chegou a hora de largar o radar virado apenas para a Luz e trazer outros temas da actualidade para o blog.

O blog GeraçãoBenfica (agora NGB) começou por ser o espelho das conversas de café sobre o Benfica, a vontade de partilhar a opinião, de dar voz à revolta contra o Sistema podre, mas entendo que chegou a hora de diversificar. A paixão pelo desporto traz-nos outros temas que continuam reservados às conversas de café e que podem também ser trazidos ao NGB para partilhar com os nossos leitores.

Não terei reservas em falar de futebol nacional ou internacional, modalidades ou rumores, mas sempre com a mesma linha: dar a minha perspectiva e opinião, nunca mais que isso, nunca menos.

O meu primeiro tema dá-se pelo nome de: Pep Guardiola.

Para muitos, a anunciada contratação no Bayern foi uma péssima escolha de Pep, que poderia ir para Inglaterra ou Itália, poderia manter-se acomodado no Barcelona, etc.

Para outros foi um ponto de fuga da "luta" com José Mourinho, ao evitar Inglaterra (e as propostas do City ou Chelsea).

Mas há, felizmente, os que vêem fora da caixa e apontam a uma brilhante gestão de carreira de Pep Guardiola que, mais uma vez, soube estar à frente do seu tempo e dar um passo de gigante ao escolher o mais solido campeonato da Europa do futebol, onde as transferências milionárias ainda não chegaram (já nem chegarão - já explico porquê), onde não há novos ricos metidos a gestores empresarias num mundo que não é de empresas mas de futebol, onde não há magnatas e corruptos...

... Mas há um futebol sólido e equilibrado, com vencedores que mudam com frequência - ainda que não necessariamente com diversidade - há clubes geridos por ex jogadores que se dedicaram aos princípios da pureza do desporto-rei, num país que lidera a Europa e liderará o futebol europeu quando e se a UEFA não recusar na regra do Fair Play financeiro - chegará o momento de enfrentar os colossos a falharem a regra e aí quero ver se a UEFA manterá a regra - assim o desejo.

A regra do Fair Play financeiro mudará o plano de investimentos absurdos feitos pelos magnatas russos e árabes, para potenciar o equilíbrio entre esses investimentos e as receitas.

Quando isso acontecer no final desta temporada, os clubes portugueses (talvez à excepção do Benfica) sentirão muitas dificuldades e, noutra dimensão superior, os clubes Ingleses irão passar uma travessia do deserto de tão endividados que estão.

Nesse momento irá ascender a solida a bem gerida Bundesliga, onde pontificará já Pep Guardiola e já estará a preparar um trabalho sustentado de renovação do conceito de futebol do Bayern. À Alemanha chegarão novos craques (sem os valores que pagaram os ingleses) e nascerá um novo futebol alemão influenciado por novos jogadores... E mais uma vez, já lá estará Guardiola na linha da frente a liderar essa mudança.

Guardiola entrou para a história do futebol Mundial como líder de uma das melhores equipas de sempre deste desporto... E entrará novamente como o fio de prumo da revolução do futebol alemão, num salto qualitativo para a liderança.

A ver vamos, como diz o cego...

O Feio, O Porco e o Mau

 ●  13 comentários  ● 


O FEIO
 "Estou muito feliz, pois o Sporting é o topo do futebol português"

Joãozinho, jogador do Sporting por empréstimo do Beira-Mar


O PORCO
 Braga contrata defesa central ao Beira Mar


O MAU
 Bruno César confirma saída para o Al-Ahli sem deixar saudades no Benfica




É este tipo de sportinguistas que...

Avatar
 ●  9 comentários  ● 
...se afirmam independentes, isentos, imparciais, mas que no fim não passam de anti-benfiquistas encapotados, que fazem com que benfiquistas como eu, que defendem uma aliança Benfica/Sporting, por vezes pensem que eles merecem que o Sporting acabe mesmo.


Nota: Afirmou Rui Gomes da Silva que o realizador da Sport TV contratado para fazer o Benfica-Porto é um administrador do Porto Canal. 

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

a 3ª vez em Moreira de Cónegos

 ●  7 comentários  ● 

O Sport Lisboa e Benfica soma e segue na liga portuguesa.
Hoje em Moreira de Cónegos, conquistou os três pontos, com golos de Sálvio e Lima.

Apesar de na 1ª parte o Benfica ter praticamente tido 60% de posse de bola, o Moreirense fechava-se bem, pressionava melhor e foram mesmo os da casa no primeiro lance do jogo a criarem perigo por Ghilas a rematar sem ângulo ao ferro de Artur.
O capitão Diego Gaúcho ia liderando a linha defensiva do Moreirense, até à sua lesão já no período de compensação, enquanto praticamente Ghilas era o homem que equipa do Benfica deitava o olho para impedir situações de perigo para a baliza de Artur.

No reatamento Sálvio com um remete cruzado inaugurava o marcador ( 47 minutos ) e o Moreirense dava sinais que sem bola, ia-se cansando de correr atrás da bola.
Casquilha com uma onde de lesões no seu plantel e sem grandes opções, mexeu na sua equipa no que pôde, mas ou Luisão, ou Artur nos cruzamentos e bolas paradas lançadas para a àrea iam resolvendo.
O Benfica chegou ao 2 x 0 por Lima aos 71 minutos, num bom movimento em diagonal para a esquerda e à saída do guarda redes, picou-lhe a bola.
O Glorioso ainda podia ter feito mais um golo, num jogo que acabou por ser mais fácil do que se poderia estar à espera, num jogo sem casos e sem dificuldades de ser arbitrado por João Capela.


A Taça da polémica

 ●  9 comentários  ● 

Veio aqui e na edição jornal de sábado, na penúltima página, a que eu considero uma das mais importantes do jornal Record, por muitas vezes colocarem lá pequenas notícias que passam sem grandes alaridos e que são de vital importância, uma referência ao facto da a AF Lisboa estar a desenvolver com os clubes de Lisboa, conversas preparatórias com vista a pressionar a F.P.F. e a Secretaria de Estado do Desporto, para que a Final da Taça de Portugal desta época seja disputada onde merece, no Estádio Nacional.

O Shadows aqui e aqui já se tinha insurgido com as declarações de Fernando Gomes, Presidente da F.P.F. sobre a possibilidade de a Final da Taça de Portugal não se vir a disputar no Jamor.

E congratulo-me que a AF Lisboa, sem grandes alaridos, ou seja, mandando recados pelos órgãos de comunicação sociais, esteja a fazer a o que lhe compete :

Defender o futebol em Portugal.

A mala de cartão do António Salvador

 ●  12 comentários  ● 

Como bom vimaranense que sou, resolvi afinfar no líder dos Marroquinos, o Salvador das malas de cartão brasileiras, via Angola, pelas construções de templos da Igreja Universal do Reino de Deus ( IURD ), que a sua empresa está a desenvolver em Angola.

Ontem o benjamim de Mesquita Machado, que ambiciona ser um dia o presidente do clube mãe do seu actual clube a que preside, soltou a verborreia que já se torna um "must" quando antecede uma partida com o Benfica.
A tradição diz-nos que vai alternando com Mesquita Machado esses ataques vis, de baixo nível.
Não tenho dúvidas que o recado para Salvador, veio via sms de um Blackberry já visto faz uma semana.
As insinuações que fez ontem, tiveram claramente um alvo : Sport Lisboa e Benfica

Curioso foi que o lance da cotovelada de Salino a um jogador do Vitória de Setúbal, não mereceu qualquer reparo do moço de recados, nem tão pouco dos jornalista presentes dos jornais O Jogo e Record.
Parece que à altura do lance, apenas o jornalista da A Bola, não estava a coçar os olhos...

Com a saída de João Gabriel da liderança da comunicação do Benfica, notou-se uma melhoria, que se espera que se mantenha.
As renovações de Matic, Jardel e Cardozo, abafaram as declarações pós-jogo do clássico da semana passada e rapidamente houve resposta dente por dente, olho por olho, ao vídeo colocado pelo FC Porto sobre as incidências da partida da última jornada.

A única resposta que hoje espero, é uma vitória inequívoca em Moreira de Cónegos, sem casos, do género da que aconteceu em Coimbra.

Mas amanhã, espero e desejo uma resposta às insinuações proferidas ontem no Estádio Axa / Municipal de Braga.

E que se lixem os negócios "Presidenciais" de Moçambique e que Luís Filipe Vieira não se sente no camarote em Braga.

P.S. - Jorge Sousa ou Pedro Proença, são as minhas previsões para arbitrar o jogo. Fica aqui escrito para "memória futura"

É janeiro e já somos campeões !!!

 ●  2 comentários  ● 

É verdade !!

Os nossos juniores femininos e masculinos de Atletismo tornaram-se hoje Campeões Nacionais de Pista Coberta que decorreram este fim de semana em Pombal.

Em masculinos demos um chito !! 203,50 pontos seguidos da Juventude Vidigalense com 136,50 pontos e o Sporting com 89 pontos.

Em femininos foi mais difícil !! Tivemos 209 pontos, em 2º Sporting com 206,50 pontos e a Juventude Vidigalense com 136,50 pontos.

Destaque para a equipa de 4x200 metros feminina que bateu o recorde nacional com 1m43s58.

Parabéns à secção de Atletismo do Sport Lisboa e Benfica e a todos que integram as equipas juniores !!

domingo, 20 de janeiro de 2013

O Amigo Salvador!!!

Avatar
 ●  32 comentários  ● 
"Salvador diz que arbitragem de Duarte Gomes foi «vergonhosa e tendenciosa»

O presidente do SC Braga não poupou nas críticas a Duarte Gomes, especialmente no lance que resultou na expulsão de Paulo Vinícius, futebolista que fica assim impedido de defrontar o Benfica, na próxima jornada do campeonato.

«Em 10 anos nunca saí deste estádio tão indignado após uma vitória expressiva como esta. Foi uma arbitragem vergonhosa, tendenciosa mesmo, [Duarte Gomes] andou durante todo o jogo a tentar arranjar forma de expulsar jogadores do Braga e depois expulsou o Paulo Vinícius num lance em que ele não fez nada para isso. Se é falta, é cartão amarelo. É uma expulsão vergonhosa», começou por dizer António Salvador, para depois acrescentar:

«Só no tempo do Calabote é que se usavam arbitragens destas, no futebol atual, no futebol moderno e credível, não pode haver.»

Duarte Gomes «teve este ano a pior nota de um árbitro, 1,9: não foi para a “jarra” e hoje fez a exibição que todo o país viu», prosseguiu, pedindo depois ao presidente da Comissão de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, Vítor Pereira, que «veja e analise o que se passou e tome as medidas que tem de tomar».

Apesar da ausência de Paulo Vinícius, Salvador mostrou-se confiante num triunfo diante o Benfica: «Não tem problema, vão jogar onze e estes jogadores vão disputar o jogo com humildade e caráter e certamente que vamos ganhar!.»

O amigo Salvador perante a proximidade do jogo com o Benfica largou toda a sua verborreia. 
Caladinho e desaparecido perante os roubos que o seu clube sofreu frente ao FC Porto, agora deita cá para fora todo o seu ódio e raiva.

E nós, Benfica? Caladinhos que no clube não se atacam os amigos.

O Gomes, o Craveiro e o clube do coração.

Avatar
 ●  3 comentários  ● 
Ecoa hoje uma notícia sobre as ligações de Fernando Gomes e Tiago Craveiro ao clube do coração, o FC Porto, e em como isso supostamente estará a incomodar muita gente nos clubes.

Os perigos da relação entre Fernando Gomes, Tiago Craveiro e o FC Porto já tinham sido aqui relatadas no NGB em várias ocasiões, e em especial no post 'Apresentamos Tiago Craveiro - Director de 'Desenvolvimento'' a 22 de Agosto de 2012.

Parece que ou andou muita gente a dormir, ou então as malas cujo conteúdo lhes adoçava a boca começaram a não aparecer.

Como falar mal de Fernando Gomes em público incomoda o Presidente do Benfica, conforme afirmou Rui Gomes da Silva no programa 'O Dia Seguinte', quero ver como vai o Benfica reagir a (mais) esta mão do FC Porto no poder do futebol.

O longo braço de Pinto da Costa e do FC Porto continua a estender-se. 
Que faz o Benfica? Bate-lhe na mão com uma vara para o encolher ou inequivocamente, cala-se?

Vários 'Lance Armstrong' no futebol de hoje.

Avatar
 ●  23 comentários  ● 
"Pensavam que era só eu?"

A história de Lance Armstrong está longe do seu epílogo. 
A entrevista que deu a Oprah Winfrey foi concebida para tentar obter a simpatia da opinião pública, mas não se livrou ainda das repercurssões que as suas declarações certamente causarão. 

Durante anos, foi apresentado como um exemplo do atleta quase perfeito. 
Performances fantásticas, 7 vitórias incríveis na prova rainha do ciclismo, a Volta à França, um herói que tinha vencido um cancro...era a imagem perfeita para empresas e dirigentes desportivos.

Entre esse sucesso, surgiram por vezes algumas alegações de doping. 
Em 2005, alegadamente as análises a 6 amostras de urina recolhidas durante a prova francesa em 1999 tinham acusado a presença de Eritropoetina, que de forma simplificada, aumenta o nível de glóbulos vermelhos no sangue, melhorando assim a troca de oxigénio, aumentando a capacidade muscular e elevando a resistência ao exercício físico

Após acusações em público entre jornalistas, o atleta e vários organismos, o resultado dessas análises não foi validado pois foi considerado que as amostras tinham sido contaminadas. E a coisa, apesar de recorrente polémica, passou.

Nos últimos dias, Armstrong na entrevista que concedeu e que foi exibida em 2 partes, admitiu ter tomado a Eritropoetina, ter recebido transfusões do seu próprio sangue, ter tomado testosterona, hormonas de crescimento e cortisona.

Este homem fez mais de 600 testes de doping oficiais durante a sua carreira. Apesar de alguma controvérsia com as já referidas análises de 1999, as vozes oficiais sempre negaram qualquer irregularidade e este batoteiro pode passar mais de 10 anos incólume. Vencendo, estabelecendo recordes, sendo apresentado como alguém de 'outro mundo', com a conivência de comentadores, jornalistas e organismos.

Afinal...era uma fraude. 
Fê-lo sozinho? 
Que dizer de quem lhe fornecia as substâncias? 
Que dizer dos técnicos e organismos anti-doping dos países onde Lance correu e supostamente fez análises? 
Que dizer de quem encobriu não só Lance, mas como as dezenas de atletas que recorreram aos mesmos esquemas e que ainda não estão formalmente acusados, sob pena de o ciclismo mundial ir quase parar?

A batotice e a fraude, em troca de subornos e esquema de favorecimento de milhões de euros, nunca estiveram tão envolvidos nos resultados desportivos actuais no futebol como agora. 
As alterações nos formatos das competições europeias na última década não foram estranhas a essa influência.

O que me preocupa é que devido a esses esquemas, os verdadeiros atletas e desportistas são ofuscados por outros que, embora possam até ter talento e qualidades técnicas superiores, não tinham ou têm capacidade atlética para competirem profissionalmente
Outros mantém-se sempre em forma, sem lesões, mantendo constante durante os 90 minutos a capacidade invejável de sprint e resistência devido a essas mesmas substâncias que tomam.

Lance Armstrong manteve durante anos a fio o seu mito. 
Quem mais se manterá como mito e durante quanto mais tempo? Quantos ídolos falsos adorarão os adeptos do futebol?

  

ranking