Março 2018
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 31 de março de 2018

Bora Couceiro, tu consegues excluir o Fejsa e o Jardel

Avatar
 ●  + 123 comentários  ● 
Santa Aliança estará com grande intensidade em Setúbal! Aceitam-se apostas para as provocações e jogadas constantes a tentar massacrar o Jardel e o Fejsa até os retirar do clássico. O Couceiro pode até perder por 5... se conseguir retirar um ou os dois, irá para casa a beber champanhe e... com a carteira cheia, não é Sobrinho?

Xistra igual a si próprio!

Avatar
 ●  + 26 comentários  ● 
A preparação do jogo do Xistra foi fácil: "quem são os jogadores que podem ficar impedidos de jogar com o FCPorto? OK..."

Impressionante a vontade do árbitro de penalizar os jogadores do Benfica para, em Setúbal, ficarem fora do clássico!

#VerdadeDesportivaàPorto

SL Benfica - Vitória Guimarães

Avatar
 ●  + 16 comentários  ● 

Confesso que a Águia Vitória sair do estádio em vez de aterrar no emblema não foi um bom sinal.

O jogo não está a ser fácil mas o golo trará uma segunda parte mais aberta para o tipo de jogo do SLB.

Vamos lá!

Madureira "descai-se" e revela estratégia

Avatar
 ●  + 18 comentários  ● 
"Os tribunais vão encarregar-se de julgar se é verdade ou mentira, mas da vergonha e da fama já não se livram"

Era só isto que eles queriam... À falta de factos, inventaram!

PS- entretanto, para hoje temos Xistra, não vá o jogo dos FALIDOS correr mal, é melhor acautelar na Luz

FALÊNCIA: Sporting com 537,6M€ de "Passivo Total" (MCI 2016/2017)

Avatar
 ●  + 80 comentários  ● 
Na Assembleia Geral do Sporting Clube de Portugal, realizada a 28-06-2015, o actual Presidente do Sporting (Bruno de Carvalho) apresentou a evolução do Passivo dos seus antecessores, considerando como Passivo Total o Passivo + VMOC's, de acordo com o Método de Consolidação Integral (MCI):

"Considerada Dívida de Financiamento o montante das VMOC's registadas contabilisticamente nos Capitais Próprios" 
(Bruno de Carvalho, Assembleia Geral do Sporting Clube de Portugal, realizada a 28-06-2015)

Fonte 1: Assembleia Geral do Sporting Clube de Portugal (28-06-2015)
Fonte 2: Resumo da Assembleia Geral (28-06-2015) WikiSporting

Seguindo a mesma metodologia de Bruno de Carvalho, chegou o momento de comparar a evolução do "Passivo Total" (Passivo + VMOC's), até Junho de 2017, do Grupo Sporting em relação a entidades externas, seguindo também o Método de Consolidação Integral (MCI):



FALÊNCIA: Sporting com 537,6M€ de Passivo + VMOC's (MCI)


QUADRO RESUMO:



Se Bruno de Carvalho acrescentou os VMOC's, considerando-os como dívida financeira, na análise ao Passivo do SCP dos anteriores Presidentes do Sporting CP, apresentada na Assembleia Geral do Sporting de 28 de Junho de 2015, então para que a análise comparativa seja correcta entre todos os Presidentes, é necessário também acrescentar os VMOC's ao mandato de Bruno de Carvalho, para se perceber a evolução das Responsabilidades Totais do Sporting CP.

Para quem tiver dúvidas sobre a informação apresentada, pode visualizar o R&C Consolidado do SCP com os seus próprios olhos, elaborado de acordo com o Método de Consolidação Integral (Passivo - Pág 9 | Vmoc's - Pág. 35): Link do R&C no Site Oficial do SCP


Atendendo à análise de todos os Presidentes do Sporting CP, é possível apresentar 4 conclusões ao nível do Passivo Total (Passivo + VMOC's): 
- Filipe Soares Franco foi o ÚNICO Presidente do Sporting CP que conseguiu reduzir o Passivo Total, baixando de 383,7M€ para 331,3M€!
- Bruno de Carvalho é o pior presidente da História do Sporting CP, ao nível do Passivo Total, com responsabilidades de 537,6M€, superando pela primeira vez a barreira dos 500M€!
- O Sporting CP é de longe o clube com maior Passivo dos 3 Grandes, em Portugal.
- O Sporting CP está "falido", com um saldo negativo de 266,6M€!


Se considerarmos a análise do Método de Equivalência Patrimonial (Passivo + Perdas em Empresas Associadas + VMOC's) as Responsabilidades Totais do Sporting "Clube" em relação a Empresas do Grupo SCP e Entidades Externas, são as seguintes:




A Situação do Sporting "Clube", em relação a todas as empresas do Sporting (SAD, SGPS, etc) e também em relação a todas as entidades externas ao Grupo Sporting, representa um total de 587,9M€ de Responsabilidades por pagar, com um saldo negativo de 348,2M€ entre o Activo e as Responsabilidades Totais por pagar.

Para quem tiver dúvidas sobre a informação fornecida, pode visualizar o R&C do SCP, segundo o Método de Equivalência Patrimonial , com os seus próprios olhos (Passivo - Pág 43 | Vmoc's - Pág 53 | Perdas em Empresas Associadas (parecer da PwC - Pág 90): Link do R&C no Site Oficial do SCP

Para finalizar,
- O Grupo Sporting (Clube + SAD + SGPS, etc) está "falido", com responsabilidades totais de 537,6M€ e um saldo negativo de 266,6M€, em relação a entidades externas!
- O Sporting "Clube", detido pelos sócios, está igualmente "falido", com responsabilidades totais de 587,9M€ e um saldo negativo de 348,2M€, em relação a empresas do Grupo Sporting e a entidades externas!
 

sexta-feira, 30 de março de 2018

Os mesmos que aqui ameaçam, ali condicionam

Avatar
 ●  + 14 comentários  ● 


Todos os que foram grandes jogadores que me fizeram apaixonar por este desporto, me merecem o maior respeito, e Manuel Fernandes não foge à regra.

O mesmo ex-jogador que foi achinchalhado pelo seu presidente - que teve a falta de respeito de lhe pedir que não apoiasse um adversário nas eleições - é o mesmo ex-jogador que hoje se rebola na lama em defesa do quem lhe chamou o pior, de quem o ofendeu e de quem o humilhou.

Infelizmente, sem pedirmos nem querermos chegam à caixa de correio do NGB muitas denúncias e informações que vão explicando porque estas coisas acontecem. O que uns têm sobre / contra os outros para poder exigir deles as mais reles atitudes.

Até hoje não viram e não irão ver essas informações pessoais da vida de cada um expostas no NGB. Como disse em resposta à reles ameaça por email: essa "guerra" não é nossa e mesmo que fosse, não vale tudo. Talvez por isso sejamos do Benfica... somos diferentes para melhor.

Não deixa, contudo, de ser interessante ver Bruno de Carvalho e Nuno Saraiva a criticar os comentadores do Benfica por terrorismo de comunicação enquanto assistimos a isto. Repare, quem quiser, o pedido de João Alves para que estas posições não chegassem aqui.

Os meus sentimentos Manuel.

A ameaça é a arma dos fracos. Mais uma tentativa...

Avatar
 ●  + 57 comentários  ● 

Outra vez? Já da outra vez te disse da outra vez que tens que ter cuidado com a pontuação senão nem as ameaças se percebem.

Fechar o blog? Podes continuar a tentar, mas há formas mais simples do que andarem a tentar adivinhar a password ou estar sempre a reportar o blog à Google, já nem eles vos ligam nenhuma... mas a próxima vez que o fizeres, perco o respeito e até estes emails descartáveis que usam para estas mensagens aparecem aqui e acredita que é a informação menos importante... sabes bem que é facil (e que nós sabemos, também sabes!) mostrar aqui quem são, onde estão... e até mais coisas.

Fiquem lá com a vossa guerra, para a qual vos pagam, ataquem os dirigentes, os clubes, as marcas e o futebol português. Continuem a ser pagos para avençar jornalistas e conseguir destruir o futebol português. Continuem a tentar encontrar o dia em que só existam os dois clubes para tentar que possam ganhar alguma coisa...

Até lá deixem-nos em paz! Deixem os adeptos dos clubes em paz e não nos arrastem para essas guerras que não são nossas. Sabemos que para gente como vocês, ganhar de forma digna é crime... mas sermos adeptos dos nossos clubes e gostarmos de escrever em blogs sobre isso não pode ser crime.

Não vale tudo. A ameaça é a arma dos fracos! Atacar até os adeptos??? Dá para descer ainda mais baixo? Avisa o Tolinho que não vale tudo, nem para aqueles que não têm seguranças pagos pelos clubes, como ele.

E parem de tentar entrar nas caixas de correio e no blog... acredita que não somos nós que vamos destruir o vosso plano, por dois motivos: 

Primeiro porque não somos uns merdas, somos apenas benfiquistas que gostam de comunicar para benfiquistas sobre a paixão que os une (e ultimamente sobre as tentativas de a destruir). 

Depois por são vocês mesmos que vão destruir esse plano, é quem vos paga... porque podes enganar uma pessoa uma vez, podes até enganar alguns algumas vezes... mas não se engana todos para sempre.

Um abraço, meu caro. Apesar de tudo és uma pessoa, que tem agora esse emprego mas um dia terá outro, porém terá sempre familia!... e eu acredito que as pessoas se redimem sem ser preciso ser reles, baixo ou desrespeitar cada um e a sua privacidade.

Vou esperar que leias isto... e depois vou apagar... e esta conversa vai, espero, ficar por aqui e vamos fingir que não fizeram isto de novo.

A culpa agora é dos jogadores? Cobardes!!!!

Avatar
 ●  + 63 comentários  ● 
Sem tomates para chamar Pinto da Costa e Bruno de Carvalho para os responsabilizar pelo estado de guerra, insinuações e calúnias constantes, Pedro Proença resolve chamar os capitães dos clubes.

COBARDE!

PS- Se o Record pensa que meter o Pizzi na capa é uma provocação ao Benfica e ao Luisão... Pobres coitados amestrados da Cofina! Precisam de muito mais que isso!

quinta-feira, 29 de março de 2018

Tolinho das Aldrabices engana o Correio da Manhã para atacar o Benfica

Avatar
 ●  + 43 comentários  ● 

Chegou à nossa caixa de correio (obrigado aos rapazinhos que andam a tentar aceder-lhe - se quiserem umas dicas de como não dar nas vistas, digam ao João para nos mandar um mail que a malta ensina a não deixarem "pegada") uma confirmação triste e vergonhosa.

Então o Tolinho das Aldrabices e a sua "entourage" fizeram chegar ao Correio da Manhã uma notícia a dar nota que o Presidente do Benfica, pouco interessado no atual momento crítico do campeonato, foi para a Tailandia de férias num resort de luxo. A "notícia" tinha detalhes e tudo...

O problema é que... Luis Filipe Vieira estava em Lisboa, nunca de cá saiu e aqui vai continuar, como podem ouvir de viva voz - com direito a ter o jornalista da Btv a gozar o prato e tudo: AQUI

Já agora, aproveito a oportunidade para dar os parabéns ao craque de sempre: Rui Costa.

Dou também os meus sentimentos ao grupo Cofina que, na sede de ganhar o espaço de Joaquim Oliveira - agora nas receitas das apostas online - deixaram-se controlar e orquestrar pelos garotos que escrevem pelo Minion e pelo Tolinho no Facebook, que escrevem nos blogs (apesar de o desmentirem - já agora oh João, é facil de comprovar, se a "Judite" quiser saber como.......) e que pelos vistos controlam / avençam os diretores e subdiretores das publicações da Cofina.

Ou muito me engano ou a Cofina irá acabar nesta história ao lado do Tolinho das Aldrabices, reduzida a uma sombra de si mesma, arrastada pela ambição, mentiras e falsidades do rapazote doente.

Aí está uma consequência do que se passa no nosso futebol. Quem assume responsabilidades?

Avatar
 ●  + 41 comentários  ● 


Vítor Pereira, o saneado da arbitragem portuguesa, foi o principal responsável por termos tido um árbitro a apitar a final da Champions e a final do EURO.

Apesar do boicote de que foi alvo por alguns dos árbitros mais cotados nos últimos tempos em que liderou a arbitragem, pela campanha suja que tinha o objectivo de o afastar da arbitragem, Vítor Pereira soube defender lá fora a imagem da nossa arbitragem.


Com Fontelas Gomes, não temos ninguém no Mundial. Nem um assistente. Em ano de VAR, em que se anunciava uma nova era na nossa arbitragem, isto é um sinal evidente do descrédito que o nosso futebol, arbitragem e campeonato têm lá fora.

Fontelas Gomes, Tiago Craveiro e Fernando Gomes são os principais responsáveis por tudo isto. Cada um no seu pelouro, tinham a obrigação de defender publicamente, e de forma enérgica, todo o edifício do futebol.

Mas em vez disso, fogem às suas responsabilidades e permanecem em silêncio perante a guerra instalada.

Fernando Gomes está mais preocupado em vender a sua imagem pessoal na UEFA e na FIFA. É inacreditável que o responsável máximo do futebol português não tenha vindo uma única vez a público exigir outro comportamento aos clubes.

Tiago Craveiro está preocupado em granjear o apoio das Associações para ocupar num futuro próximo o lugar de Fernando Gomes. 

Fontelas Gomes é um líder fraco, inútil e sem qualquer possibilidade de levar a nossa arbitragem a um patamar elevado.

Parabéns a todos que têm contribuído para a sarjeta que é o futebol português.

Os Planos do Penta: de Vieira, do Tolinho das Aldrabices e do Chico Esperto

Avatar
 ●  + 40 comentários  ● 

Já não há duvidas! Todos estão a querer aproveitar-se da oportunidade de o Benfica conquistar o Penta.

Comecemos pelo fim e pelo Chico Esperto! Atualmente é uma "personagem" (sim, tipo de filme de comédia) muito apreciada entre os adeptos portistas. Tal como o Tolinho das Aldrabices, segue uma estratégia típica dos políticos: Dizer a maior asneira, mas a de forma a que os eleitores gostem de ouvir:

No caso dos dois artolas o caso é semelhante: Podem fazer as asneiras que quiserem, desde que regularmente ataquem o Benfica.

O Tolinho das Aldrabices e o Chico Esperto usam isso por motivos diferentes:

- O Chico quer ser presidente do FCPorto e tem procurado, com esta falácia dos emails ganhar notoriedade e empatia junto dos portistas para poder "ir a jogo" quando o Papa morrer ou for viver com a Nanda para o Brasil - sim, porque o homem só sai de lá num caixão, porque de outra forma sabe que aquilo que o espera é a pildra! Alternativamente, pode sempre ir fazer uma viagem ao Brasil e, inesperadamente, ter algumas questões de saúde que o impeçam de voltar de um sitio onde tem sigilosamente constituido património.

- O caso do Tolinho das Aldrabices é diferente. O rapazola montou uma "máquina" da forma típica dos miudos novos-ricos da linha: com o dinheiro do pai, neste caso do clube e de um "investidor" que precisava fazer passar o dinheiro numa "maquina de lavar" depois de nos ter roubado a todos vários milhões.

A máquina do Tolinho das Aldrabices é engenhosa, tenho que reconhecer: O clube paga todas as suas depesas, luxos e devaneios, ele acumula vencimentos elevados e prémios de (não) performance e acumula dinheiro - que já tratou de multiplicar por dois ao assegurar o mesmo modelo à mulher. Com isso, ganha tempo e recursos para pagar diversas dívidas, recuperar de processos judiciais e fiscais.

Para toda a estratégia funcionar, ambos precisam apenas de uma coisa: distrair os seus acólitos através de ataques constantes ao SLBenfica. 

Sabendo que terão poucas condições para manter os clubes sustentáveis ("quem vier atrás que feche a porta") o plano passa por justificar a ausência de conquistas... com insinuações FALSAS e/ou DETURPADAS sobre o SLBenfica.

Na cabeça dos seus adeptos fica uma mensagem simples: Os clubes dos Chico e do Tolinho não perdem... o SLBenfica é que rouba os títulos de uma forma cuja ilegalidade só eles podem ver e convencer os seus adeptos.

A estratégia passa por fazer tanto barulho constante... que ninguém terá tempo de antena, capacidade ou falta de berço para descer ao nível deles e contestar ou ripostar.

Pelo caminho, como bonus, podem conseguir outra coisa: afastar do SLBenfica os patrocinadores e fontes de receitas que nos diferenciam e colocam noutro patamar de sustentabilidade, para tal há que manter as insinuações FALSAS e/ou DETURPADAS  procurar manter o clima de suspeição e escândalo sobre o Benfica e sobre o futebol português. É um "long shot" mas... mesmo que não resulte, afeta!

Resta-nos o plano do SLBenfica e de Vieira: Pagar para vencer... mas não, não é como têm feito os clubes rivais. É pagar aos jogadores do SLBenfica que estão absolutamente determinados no penta para provar a todos que todas as conquistas têm sido feitas por mérito e dedicação.

Luis Filipe Vieira, não sei se o fez ou fará, mas se eu estivesse no lugar dele, juntava o plantel e duplicava o valor dos prémios de cada jogador, treinador e equipa técnica, em caso de conquista do Penta.

Caso, como acredito e desejo, o Penta seja uma realidade, com as regras de Fair Play, com a antecipação de receitas a um nível brutalmente absurdo e com a falta de títulos e sustentabilidade do projeto desportivo e de gestão... eu acredito que nos próximos 24 meses assistiremos ao "estoiro" dos dois clubes que optaram por "salvar a pele de pessoas" ao invés de "salvarem o clube".

quarta-feira, 28 de março de 2018

BOMBA: Novas regras do Fair-Play Financeiro 2.0 vão obrigar clubes a reduzir a "DIVIDA"!

Avatar
 ●  + 88 comentários  ● 

Fair-play financeiro 2.0 

"A Associação Europeia de Clubes (ECA), reunida em assembleia geral em Roma, anunciou uma nova série de regras em acordo com a Uefa. Segundo a ECA, essas mudanças deverão ser aprovadas no próximo Comitê Executivo da Uefa, previsto para 24 de maio, e entrariam em vigor para a próxima temporada. 

A ECA validou o princípio de uma evolução das regras atuais do fair-play financeiro, buscando reduzir "a duração das avaliações", explicou Michael Verschueren, responsável pelo grupo de trabalho que tratou dos dossiês financeiros, citando o período atual de "18 a 22 meses para que a Uefa possa intervir".

"Introduzimos dois novos indicadores. O primeiro trata do nível de endividamento máximo em relação ao Ebidta (receita antes de impostos) do clube", explicou. O segundo indicador diz respeito aos gastos com transferências, com um saldo máximo de 100 milhões de euros entre os gastos e vendas durante uma janela do mercado. "Se um clube ilude um desses indicadores, a Uefa terá um mecanismo que lhe permitirá comprovar rapidamente se as regras estão sendo respeitadas. Isso permitirá atuar muito mais rápido que no passado", continuou Verschueren. 

A entidade europeia poderia neste caso verificar o orçamento do clube para o ano em andamento e o anterior, assim como a previsão orçamentária para o próximo ano."

Fonte: AFP  (Agence France Press)



Porque motivo o Benfica anda a reduzir passivo e a reestruturar 100M€ de dívida financeira que tinha no Novo Banco através de um adiantamento de fornecedores (NOS)? 
Eis a grande questão do momento!

A 24 de Maio 2018 vão ser aprovadas novas regras para o fair-play financeiro com prazos muito mais curtos de análise e de intervenção junto dos clubes, e existem 2 regras fundamentais que entram em vigor, para além das que já existiam:

- 1) Redução dos deficits anuais entre as contratações e vendas. Vai deixar de ser possível a um clube investir mais de 100M€ entre vendas e contratações, em cada período de transferências. o que aconteceu com o PSG que investe 400M€ em Neymar e Mbappé no espaço de 2 épocas vai deixar de ser possível, a não ser que nesse período tivessem vendido 200M€ em jogadores, para compensar a situação.

- 2) Redução do endividamento dos clubes face ao EBITDA. Apesar de o rácio ainda não ser conhecido na totalidade, um clube vai ter de apresentar situação equilibrada, e além disso vai ter também de controlar o aumento do "endividamento", ainda para mais em situações de elevados prejuízos. O que aconteceu com o Porto nas últimas 2 épocas vai deixar de ser possível. Acumulou 58M€ de prejuízos há 2 anos e apresentou 35M€ de prejuízos na época passada, mas ainda assim conseguiram aumentar  o endividamento e o passivo total, e apenas no final da época, em Junho de 2018, é que irão tentar vender 80M€ a 100M€ em jogadores, no espaço de 30 dias, para tapar o "buraco" financeiro desta época.

Importa referir que Domingos Soares de Oliveira (Administrador da Benfica SAD) é um dos membros da Direcção da ECA - Associação Europeia de Clubes, que negociou o acordo com a UEFA, e apesar de apenas agora ser conhecida essa medida do "controlo do endividamento dos clubes", é natural que o Benfica já ande a preparar o futuro com a devida antecedência devido à redução e ao controlo do endividamento dos clubes que estava a ser preparado pela ECA e pela UEFA.

Resta saber se o EBITDA vai ser analisado em relação à dívida financeira ou em relação ao passivo total dos clubes.

Se o rácio do "EBITDA - lucro antes de juros, impostos, amortizações e depreciações" for em relação ao endividamento (financeiro) defendido pela UEFA, nesse caso o Benfica já estava a reduzir o endividamento financeiro de 300M€ para 250M€, política iniciada desde o verão passado, e resta saber se os 100M€ adicionais da NOS irão ser contabilizados em "outros credores - Adiantamento de clientes" ou em "dívida financeira - factoring". Se for contabilizado como Adiantamento de clientes então a divida financeira da Benfica SAD baixaria de 300M€ para 150M€ em menos de 1 ano. Resta aguardar por mais esclarecimentos quanto aos detalhes da operação.


Para concluir, os clubes terão de obter lucros (antes de juros, impostos, amortizações e depreciações), e além disso terão também de controlar a sua dívida. Se quiserem aumentar a dívida irão ser obrigados a aumentar também o EBITDA, que equivale a terem de alcançar "lucros operacionais, incluindo as transferências de jogadores".

Passará a ser impossível clubes como o Porto e Sporting apresentarem prejuízos enormes, e em contra-ciclo ainda poderem aumentar dívida e passivo como fizeram desde 2010!

RESUMO:

De 2010/2011 até ao 1º Semestre 2017/2018:
A Benfica SAD subiu o passivo de 380M€ para 385M€ (+5M€)
A Porto SAD subiu o passivo de 202M€ para 380M€! (+178M€)
A Sporting SAD  subiu o passivo de 166M€ para 271M€ (além de 128M€ em VMOC's)! (+105M€, além do aumento em 80M€ nos VMOC's nesse período)

De 2010/2011 até ao 1º Semestre 2017/2018:
A Benfica SAD apresentou 76M€ de lucros!
A Porto SAD apresentou 153M€ de prejuízos!
A Sporting SAD apresentou 105M€ de prejuízos!

Ou seja, de 2010/2011 até ao 1º Semestre 2017/2018:
A Benfica SAD aumentou o passivo em 5M€ e compensou com lucros de 76M€!
A Porto SAD aumentou o passivo em 178M€ e teve  prejuízos de 153M€!
A Sporting SAD aumentou o passivo em 105M€ (além do aumento de 80M€ em VMOC's) e teve prejuízos de 105M€!

De referir que, por exemplo, o EBITDA da Benfica SAD, de 2010 até ao presente momento, foi bem superior a 76M€ porque para essa análise não são considerados os juros, amortizações, depreciações e impostos pagos nesse período de tempo.


Para finalizar, não admira que o "AVISO" e a Análise Financeira publicada em 1ª mão, e em EXCLUSIVO, no Blog Geração Benfica, em Abril de 2017, tenha sido a publicação mais visualizada de sempre deste blogue com mais de 120.000 visitas:


A união necessária é com eles!

Avatar
 ●  + 44 comentários  ● 


A união necessária é em torno destes senhores: os jogadores e equipa técnica do Sport Lisboa e Benfica!

E não é por acaso que coloquei a foto destes 2 jogadores: Jonas e Pizzi. 

Critiquei muitas vezes Jonas por só marcar contra os menos cotados e não com os grandes, por não marcar nos jogos europeus já faz 2 anos e por ter exibido várias vezes tiques de vedetismo inaceitáveis, e que caíram mal no grupo na altura.

Mas também é justo referir o papel que Jonas tem desempenhado nos últimos 2 meses e pouco. A postura em campo, os golos e a humildade evidentes merecem ser louvados e reconhecidos. Obrigado Jonas por esse papel que tens desempenhado. 

Por isso, uma das "fezadas" que todos alimentamos é que Jonas será um dos nossos trunfos nas 7 finais que decidirão quem é o campeão!

A minha opinião sobre a qualidade do jogador Pizzi também é conhecida. Só que nesta altura decisiva todos são importantes. Daí que, esteja Pizzi ou não em campo, sei que será mais um elemento fundamental na união do grupo de trabalho rumo ao Penta. Quanto a isso, sei que é um camarada, e por isso obrigado Pizzi!

O jogo frente ao Guimarães é a chave que abre a porta da liderança. Passar essa porta será no jogo com os Andrades. Fechá-la ao adversário será em Alvalade.

Portanto, sábado temos todos que criar um grande ambiente na Luz, à antiga, pressionando os adversários e puxando pela equipa, todo o jogo!!

A exigência para com os jogadores e a equipa técnica será máxima. Disso penso não restarem dúvidas. 
São jogos decisivos e no SL Benfica só jogamos para ganhar! Para vitórias morais existe o clube do Campo Grande.

Haverá momentos de nervosismo dos adeptos? De alguns suspiros ou assobios? Provavelmente. Mas não se deixem impressionar. É o calor do momento e a exigência normal dos adeptos de um dos maiores clubes do mundo.

Olhem para o vosso peito e para o símbolo que ostentam! É o Glorioso Sport Lisboa e Benfica. 

A responsabilidade, pressão e ansiedade que o Manto Sagrado vos dá ao mesmo tempo confere-vos um poder fantástico: a motivação de estar no mesmo lugar onde Eusébio, Coluna, Águas(pai e filho), Torres, Simões, Valdo, Paneira, Thern, Bento, Shéu, Diamantino, Chalana, Isaías, JV Pinto, Ricardo Gomes, Nené, Humberto Coelho, Toni e tantos outros passearam classe e escreveram páginas de ouro na nossa história.

E é essa história, esse legado fantástico, que vos deve carregar a um novo feito: ser Penta!

Tenham orgulho no que têm feito nas últimas semanas. Vocês voltaram a acreditar e nós também.

Vamos lá ao Pentacampeonato!! 

Que o golo do título seja do Jonas ou do Pizzi! 

Nota: Esqueci-me de mencionar o Nelo, o Tavares e o Pringle. Peço desculpa pelo lapso. :)

Belenenses - FC Porto: escolha a opção certa.

Avatar
 ●  + 57 comentários  ● 


A) Vitória do FC Porto

B) Vitória do Belenenses

C) Empate

D) Silas e Rui Pedro Soares são adeptos fanáticos do FCP. Tens ilusões oh Shadows?

E) Só espero que o Belenenses tenha o mesmo empenho que demonstrou com o SLB

Atenção que não compro a ideia de que há uma conspiração de todos contra o SLB. Mas também não tenho ilusões de quem se diz "Belém" por fora mas por dentro...

Os problemas cognitivos do Chico

Avatar
 ●  + 26 comentários  ● 
"A Sport TV resolveu tomar partido, interveio de forma decisiva em prejuízo do FC Porto. E quem são os beneficiados? Em primeiro lugar, o Benfica. Em segundo, o Sporting. Como todos sabem, o FC Porto vai jogar à Luz, e na mesma semana, a meio da semana, em Alvalade a meia-final da Taça de Portugal. O FC Porto pediu para jogar na Luz no sábado e essa pretensão não foi conseguida. O Benfica fez-se de morto, dizendo que tanto lhe fazia, mas não foi atendida, porque o Sporting só pode jogar no domingo devido às competições europeias. Então, para haver igualdade, o jogo ficou marcado para domingo, creio que às 18h15. O normal seria que o jogo da Taça se disputasse na quinta-feira, como o FC Porto queria, e depois jogaria a jornada na segunda, procurando dar o mínimo de descanso aos jogadores e cumprir as 72 horas", referiu o diretor de comunicação do FC Porto.

Ora o Benfica diz que tanto faz...
O Sporting recusa...
E o Chico conclui que o Benfica controla a Sporttv e beneficiado!

Antes era só ridículo... Agora já é estupidez!

terça-feira, 27 de março de 2018

Classe!

Avatar
 ●  + 68 comentários  ● 
"És um labrego trolha e aldrabão! Já não te consigo aturar! Vai mandar no G15 e aproveita e vai... Idiota aldrabão... Adoras ser o presidente do Benfica B... Agora faz mais um comunicado...", afirmou Bruno de Carvalho no Facebook.

"Recorrendo ao estilo verbal do estadista: Oh meus badamecos Ventura e Guerra! O único atraso que existe é o vosso: Esse sim, é um grande, enorme e gigantesco atraso mental", afirmou Nuno Saraiva no Facebook

#nuncaacabem #presidentedoTetra #vitalicio 

O Gabinete de Crise está de férias...

Avatar
 ●  + 105 comentários  ● 

...só assim se explica que o SL Benfica não reaja/desminta as notícias de que:

- Afinal terá sido verdade(segundo o JN) de que o tal sobrinho do Oficial de Justiça estava em vias de entrar para o SLB. 
O JN até relata um encontro vigiado pela PJ em que o tema principal de conversa teria sido a contratação do senhor. - Record.

Verdade ou mentira?

- Oferta de bilhetes a um responsável da Embaixada de Moçambique que "tem sido inexcedível nos "vistos" para a empresa do Presidente", segundo uma comunicação divulgada AQUI

A empresa do Presidente tem alguma coisa a ver com o SL Benfica? 

Verdade ou mentira?  

Afinal Luis Filipe Vieira estava ou não a falar a sério?

Não foi verdade que o SL Benfica, quer o clube quer a SAD, defenderam a posição e comportamento de Paulo Gonçalves? Então porque esperam em desmentir estas alegações?

Ou agora que não há emails no Universo dos Tolos vamos assistir a mais uns meses em que o nome do SL Benfica será arrastado para o universo de clubes de província?

A hora de Ruben Dias na Selecção Nacional

Avatar
 ●  + 54 comentários  ● 


Quem assistiu aos jogos da Selecção Nacional percebeu que um dos problemas de Fernando Santos é a escolha dos centrais.

E o problema está mesmo em Fernando Santos e não nas opções disponíveis. Vejamos por exemplo o caso de Rolando, de 32 anos. 
Ignorado nos últimos anos por Fernando Santos, que até preferiu levar ao Europeu de 2016 Ricardo Carvalho, que tem mais 7 anos que Rolando, parece que agora é a grande solução tentada por Fernando Santos.

Curioso é que o mesmo seleccionador que convoca Bruno Alves mesmo que o central esteja até desempregado, foi incapaz de dar uma chance a André Pinto que fez excelentes temporadas ao serviço do SC Braga. 

Bem, estes jogos com o Egipto e a Holanda provaram que Rolando será uma solução para os atacantes adversários e não para a defesa portuguesa.

Apesar de ter ficado de fora por lesão, Ruben Dias tem sido consistente, capaz e revelado uma maturidade invulgar para um jovem que chegou esta temporada à primeira equipa do SL Benfica.

Fernando Santos é um treinador medroso, incapaz de "revoluções" ou de arriscar muito. 
Aliás, viu-se no Europeu de 2016 que só quando foi obrigado, por força dos resultados, a tirar o "Montinho" do meio campo e a colocar outras opções como Renato, William ou Adrien, é que a equipa melhorou e partiu para a conquista do troféu.

Portanto, se Ruben Dias mantiver a bitola elevada que tem demonstrado, e em especial fizer bons jogos contra FCP e SCP(teoricamente os mais exigentes), Fernando Santos não terá qualquer chance de deixar de fora o central do SL Benfica.

segunda-feira, 26 de março de 2018

Exclusivo: "O futuro do SL Benfica (dos sócios) joga-se daqui a uma semana mas não só...", por Rui Gomes da Silva

Avatar
 ●  + 125 comentários  ● 


DAQUI A UMA SEMANA ...

... ou, para ser mais preciso, na segunda feira à noite, muito possivelmente, nada será como hoje!

Não porque ... “o que é não pode ser” (na formulação de Ernst Bloch, filósofo marxista, muito citado pelo Prof. Manuel Sérgio, e por isso, invocado, um dia, “de ouvido”, pelo “mestre da tática”), mas porque o campeonato se começará a resolver nos 3 jogos principais de sábado, domingo e segunda!

Quem perder pontos muito dificilmente os recuperará, e se, como diz o povo ... “candeia que vai à frente, alumia 2 vezes”, então o melhor será ganhar quando os outros (ou um dos outros) o não fizer.

Porque se o inverso acontecer, não há sonho que nos faça chegar ao penta!

Só dependemos de nós.

“Só” temos de ganhar todos e cada um dos 7 jogos que faltam ... rumo ao 37!

O “EXPRESSO”, OS OUTROS E A LIBERDADE DE OPINIÃO 

João Vieira Pereira, Diretor Adjunto do Expresso, no seu “Bloco de Notas” (pág. 3 do Caderno de Economia), escreve sobre um plano europeu que vai relegar a nossa economia ... “para algo perto da insignificância”!

Lá iremos, mais à frente, fazer a ligação deste objetivo com o que poderão querer, também, fazer ao Benfica!

Antes, porém, um parêntesis, para fazer uma referência ao “Expresso” ... hoje eleito, para os lados da Luz, como um dos alvos a abater, ... por ter enveredado pela (na óptica de alguns) publicação de notícias com o único objetivo de destruir o Benfica!

Como se isso dependesse mais do que se escreve e diz no “Expresso”, na “SIC”, no “Correio da Manhã”, no “Record”, na “CMTV” ... do que faz quem está no Benfica!

O mesmo “Expresso”, hoje com Pedro Santos Guerreiro como Diretor ... que chegou a entrevistar Jorge Jesus num encontro de quadros, onde este atacou quem, na altura, sobre ele, dizia que o “rei ia nu”, nos quais, com toda a modéstia, me incluía!

Cumprindo a regra que sabemos existir em todos os momentos: um conjunto de banalidades dito de forma arrogante e em voz alta ... faz parecer ter carisma e, por isso, capacidade de liderança, a quem não tem características para ser chefe ... a não ser pela ameaça!

Nada de novo, dirão os mais avisados!

Nem isso, nem, depois, as constatações que fazemos de onde cada um dos queixosos vai “metendo” notícias - de novidades “lá de dentro” ou de ataques “cá para fora” (com medo da própria sombra ... vá lá saber-se porquê)!

GRUPO BENFICA? NÃO, OBRIGADO!

Pode até ser - agora - que o “Expresso” fique contente com os termos ... mas confesso que estou farto deste discurso, pretensamente tecnocrático, que usa terminologia como “Grupo Benfica”, “Marca Benfica”, “Instituição Benfica”, etc., etc., etc.

Não está no nosso ADN e só pode ser fruto de quem vê o Benfica como uma empresa com o capital a não pertencer aos sócios!

Percebo, até, que esse pode ser o caminho que está a ser sonhado por alguns.

Não é o meu!

Porque isso é matar o Benfica nascido em 1904, o Benfica que é “nosso”, de todos os sócios, e não de alguns capitalistas ...

Só espero não ter razão antes do tempo!

Porque a diferença, essa, ... num futuro muito próximo ... vai-se, por certo, fazer entre os que, sendo do Benfica, querem que o Benfica continue a ser dos Sócios e os que, dizendo-se do Benfica, invocarão um futuro radioso se o Benfica deixar de ser dos Sócios!

E como estas coisas acontecem quando menos se espera ...

UM ANÚNCIO MAL EXPLICADO ... NUM CAMINHO DE JUSTIFICAÇÃO DO INJUSTIFICÁVEL 

Pode até ser - agora - que o “Expresso” concorde com o anúncio de que o Benfica se prepara para reduzir o seu passivo, mas (correndo o risco de não alinhar no elogio fácil) eu discordo!

Porque essa redução será feita, não pelos resultados de um ou dois exercícios, ... mas por antecipação de receitas!

Ou seja - acreditando nessa versão ... e para além das questões tão bem colocadas em artigo publicado aqui no NGB, ontem - estaremos a reduzir, de forma evidente, a nossa capacidade desportiva para os próximos anos!

Ou seja, este discurso que arrebata aplausos muito facilmente, é a antecâmara de uma justificação do inexito desportivo, para as épocas que aí vêm!

Lá virão as desculpas do “não sou eu que marco golos”!

E nós, todos contentes por os milhões do futebol se perderem num crescimento interminável de relvados no Seixal ou em edifícios e projetos que não visam o ganhar tudo cá dentro e tentar ganhar tudo lá fora, aceitaremos isso como uma inevitabilidade!

Que, obviamente, não é!

É aqui que entronca a citada coluna de João Vieira Pereira, no seu “Bloco de Notas” de sábado (pág. 3 do Caderno de Economia do “Expresso”).

Eu não sei se haverá um plano europeu que visa relegar a nossa economia ... “para algo perto da insignificância”!

Vamos percebendo isso na política, na economia, ... possivelmente sem reagirmos como devíamos!

Mas temos o dever de alertar os que tendo responsabilidades no Benfica - por certo com um conceito diferente do que é e deve ser o Clube no futuro - estarão a caminhar para um Benfica igual aos outros, cá dentro, e (muito) inferior aos outros, lá fora!

Jean Bodin, político francês do séc. XVI, definia uma entidade soberana como aquele que ... “não conhece superior na ordem externa nem igual na ordem interna”.

É esse o meu sonho para o Benfica!

Ganhar tudo cá dentro por ser superior, tentar ganhar lá fora por ser igual!

Não quero ir por caminhos que sejam a justificação de ser igual cá dentro e inferior lá fora!

E, com isso, ter como inevitáveis as derrotas na Europa do futebol, apenas se lembrando da hipótese de podermos ser Campeões Europeus ... para enganar os menos avisados (porque eles não acreditam no que dizem).

Isso não é o Benfica!

Não é o que me ensinaram que o Benfica é e, muito menos, o que eu quero para o Benfica!

Também aqui ... e porque há muito a ganhar antes de se ganharem os jogos todos ...

... Vamos a isto, Benfica?

sábado, 24 de março de 2018

Discurso de Luis Filipe Vieira nos Açores

Avatar
 ●  + 106 comentários  ● 

"É bom estar aqui nestas ilhas, onde as dificuldades nunca foram mais fortes do que a força da vossa vontade. E que melhor sítio do que estar aqui na Terceira com a vossa presença, naquela que tem sido a nossa praia, a praia da vitória. As vitórias são mesmo a nossa praia, mas não caíram do céu, bem pelo contrário – resultaram sempre de muito trabalho. Trabalho bem visível como o que foi feito nas novas instalações da Casa do Benfica da Ilha Terceira que acabámos de inaugurar. Uma Casa que é um dos grandes exemplos de trabalho e dedicação, dado que para todos os jogos na Luz são vendidos bilhetes e muitas viagens são organizadas para Lisboa. Casa que também recebe e apoia as nossas modalidades quando disputam jogos aqui na Terceira, numa ilha onde em 2007 se organizou o Congresso, momento de viragem para uma nova dinâmica e modernização das Casas do Benfica", disse Luís Filipe Vieira, no começo do discurso na Praia da Vitória, em Angra do Heroísmo.

"Se existe projeto que melhor testemunha o trabalho que temos vindo a desenvolver, nestes últimos anos, tem sido o da criação e ampliação de novas Casas do Benfica em todo o mundo, fazendo chegar aos Sócios, adeptos e simpatizantes o vasto leque de produtos e serviços que hoje oferecemos", reforçou.

"No Sport Lisboa e Benfica temos bem a noção do trabalho que realizámos para devolver a credibilidade, a sustentabilidade e o sentido de futuro ao clube, com a construção de infraestruturas desportivas, com a aposta na formação e com uma gestão rigorosa e equilibrada. No Sport Lisboa e Benfica temos orgulho no passado e num presente em que os resultados são conquistados em campo, com a força dos nossos adeptos e com a ambição de quem é o maior de Portugal e uma referência cada vez mais global e internacional", afirmou o presidente.

"Neste clube não temos um projeto pessoal desgastado, temos um projeto desportivo e empresarial de futuro. O projeto desportivo assenta em bons resultados desportivos e numa aposta na formação. O projeto empresarial assenta no rigor e equilíbrio financeiro e numa forte aposta em infraestruturas que prepare o clube para as próximas décadas. Na parte desportiva, começaria por realçar o que disse há dias. As nossas vitórias são sempre por nós e só por nós. Nunca contra ninguém. Respeitamos os nossos rivais e adversários porque eles dão mérito e valorizam as nossas vitórias. Sei bem que vivemos um ciclo de vitórias muito forte. Conquistámos o Tetra e não escondemos a nossa ambição de irmos ao Penta. Todas essas vitórias foram conquistadas com mérito desportivo. Pela força dos nossos atletas e pela convicção dos nossos técnicos. Só isso, mas isso é muito!", acentuou o líder benfiquista.

"Daqui a umas dezenas de anos, quando os nossos filhos e os nossos netos olharem para trás, o que verão é a história e o legado que cada um dos clubes deixou. É aqui que entra a responsabilidade dos dirigentes. A história centenária dos clubes portugueses exige a todos, sem exceção, que saibamos estar à altura dos novos desafios. Estou particularmente à vontade para vos falar disso, porque nestes 18 anos, como todos os Benfiquistas sabem, nas alturas das vitórias, quando ganhámos, ganhámos todos. Quando perdemos, fui sempre o primeiro a dar a cara e a assumir as responsabilidades. Para este ano, os objetivos estão bem identificados: a conquista do Penta e lutar pelos títulos em todas as modalidades", frisou Luís Filipe Vieira, no desenvolvimento da sua exposição aos Benfiquistas.

"Mas hoje, em particular, quero realçar o caminho e o compromisso, para que quero mobilizar todos os benfiquistas. As nossas palavras de ordem serão: união da equipa, compromisso, apoio dos adeptos e confiança. União da equipa tão bem testemunhada por aquele gesto do Jonas, igual a um dos mais belos golos da sua carreira, quando na recente Gala convidou todos os seus companheiros para subirem ao palco e partilharem do seu prémio individual. Foi um momento que explica muito o ambiente que se vive no nosso Clube. Um Clube em que todos estamos unidos e com um compromisso muito forte – e que, quero que isso fique muito claro, nunca deixa ninguém para trás –, em que a solidariedade entre todos é um dos segredos dos nossos resultados", realçou o presidente, sob fortes e repetidos aplausos, exaltando de seguida "outro fator fundamental: o apoio dos adeptos".

"Estamos a chegar a um momento decisivo da época. Tal como tem vindo a acontecer com confiança e determinação, vamos dar aquele apoio, de que tanto nos orgulhamos sempre que a equipa jogue em qualquer lado. Vamos criar uma autêntica Onda Vermelha nestas finais que nos faltam. A hora é de mobilização, de dar tudo – mas tudo – à Benfica, rumo ao Penta", enfatizou Luís Filipe Vieira.

"Temos tido bons resultados desportivos, mas também bons resultados de gestão e de rigor financeiro. O nosso percurso tem sido feito com os pés bem assentes na terra. E por isso dizemos com orgulho que neste Clube dependemos de nós próprios. Somos um Clube totalmente livre e autónomo. Não estamos nem intervencionados pela UEFA, nem vivemos da boa vontade de créditos de última hora da banca. Ultrapassámos as dificuldades com muito trabalho, estamos com os olhos postos no futuro. E é por isso que vamos reduzir a nossa dívida bancária em 100 milhões de euros", destacou, com orgulho, o líder benfiquista.

Sobre este ponto, Luís Filipe Veira aproveitou para detalhar o que está a ser feito e deu uma grande novidade. "O que o Benfica fez foi descontar do contrato celebrado com a NOS, conforme estava prometido, os primeiros 100 milhões de euros. Já estão em Portugal e penso que até ao fim deste mês/primeira semana de abril estarão liquidados os 100 milhões de euros a uma instituição financeira em Portugal. Quer dizer que o Benfica irá libertar todas as garantias que existiam dentro dessa instituição, inclusive o Estádio da Luz, que passará a ser do Grupo Benfica sem nenhuma hipoteca", assumiu o presidente, sendo brindado com nova ovação.

Os resultados desportivos e os resultados financeiros levaram Luís Filipe Vieira a explicar os projetos do Benfica. "É importante que os Benfiquistas entendam que, quando entrámos nesta Odisseia há 18 anos, foi dito claramente que queríamos preparar o Benfica para os Benfiquistas. Foi isso que eu disse diversas vezes e é aquilo que hei de repetir constantemente. O Benfica será sempre dos Benfiquistas, e com esta operação recenete que fizemos, mais será dos Benfiquistas", situou.

"A nível de infraestruturas, é importante pensarmos na próxima década e nas novas gerações. O Benfica tem de se preparar com infraestruturas do melhor que possa existir em termos europeus. E o Clube vai continuar a investir. No Seixal, estamos a fazer o primeiro investimento: um edifício com 5000 metros quadrados, em construção, que poderá abarcar todas as estruturas do Sport Lisboa e Benfica no Centro de Estágio. Estamos a aumentar a capacidade hoteleira e passaremos a ter mais 27 quartos. Estamos também a aumentar e a duplicar a própria Cozinha. São obras que estarão concluídas até 30 de junho", informou o presidente.

"Estamos também em negociações finais de um contrato para um direito de superfície de 50 ou 75 anos, ainda não está fechado, com um espaço junto ao Centro de Estágio que nos vai permitir permitir fazer mais sete campos relvados e mais um polo hoteleiro. Aquilo que vos estou a dizer é para fazer, não é para prometer - é para fazer! E vai começar de certeza a ser feito este ano!", declarou Luís Filipe Vieira, reagindo os Benfiquistas com mais aplausos.

"Paralelamente, vamos dar início a um Colégio, que numa primeira fase será para 650 alunos, e numa segunda e terceira fases poderá ter capacidade máxima para 1200 alunos. É muito importante que o Clube tenha este Colégio porque definitivamente qualquer um dos nossos jovens poderá desenvolver-se em termos desportivos em nossa casa, mas também estudar sempre. É mais uma valência que vamos ter para cada vez mais formarmos melhores jogadores e melhores homens", realçou.

"O Caixa Futebol Campus é o nosso principal projeto. Não há um clube na Europa que tenha hoje tantos jogadores disponíveis para chegarem a uma primeira equipa como o Sport Lisboa e Benfica. Para quem pensava que era impossível voltarmos a ter um Benfica à Benfica, com jogadores feitos na casa, garanto que vamos ser capazes de o fazer. Não ainda neste ano nem no próximo, mas eles estão cá para serem lançados. Neste fase em que há bastantes jogos de seleções, só o Benfica forneceu 46 jogadores a todas as seleções nacionais! É irreversível: o paradigma do Benfica é este e não vai mudar. E é por não ter mudado que apareceu o Rúben Dias e vão aparecer outros Rúbens Dias na primeira equipa. Garanto-vos que no próximo ano o Benfica vai ter no mínimo sete jogadores da formação num plantel de 24 elementos", frisou o presidente.

"Vamos fazer também o Centro de Alto Rendimento. Estamos à espera de uma reunião com a Câmara Municipal de Oeiras. É importante que qualquer atleta das nossas modalidades possa aspirar a ser dos melhores do mundo ou da Europa. É mais uma infraestrutura necessária no Sport Lisboa e Benfica", disse. "Outro projeto que será lançado entre junho/julho é a rádio Benfica. Vai ser uma realidade este ano", juntou o presidente.

"O projeto da internacionalização do Benfica vai continuar nos mercados emergentes, nos Estados Unidos e na China. Queremos estar fisicamente lá. A marca Benfica tem de estar presente. Outro projeto fundamental passa pela Fundação do Benfica, que não serve só para ajudar jovens, serve principalmente para o Benfica estar mais humanizado. E para isso teremos de fazer uma homenagem a todos aqueles que vestiram a nossa camisola. A Casa do Atleta, que se fixará no Seixal, será uma realidade para podermos apoiar quem venha a necessitar de ajuda", referiu o líder benfiquista.

"Estes são os projetos que queremos concluir. Estão todos lançados e iremos trabalhar afincadamente para quando terminarmos o nosso mandato termos todos estes projetos concluídos, com um Benfica preparado para o futuro. Ou seja, aquilo que era um sonho para todos nós, vai-se tornar uma realidade. Valeu a pena sonhar, porque vamos concretizar todos os nossos sonhos, que é o mais importante", salientou Luís Filipe Vieira.

"Amanhã [domingo] estarei numa homenagem a um homem de quem todos nós guardamos gratas recordações: Germano, esse homem íntegro e um dos grandes símbolos da história do Benfica. Amanhã [domingo] lá estaremos presentes com jogadores de diversas gerações. A mística vem muito do reconhecimento, pelo trabalho do talentoso atleta, do abnegado treinador, dirigente ou funcionário, mas também do dedicado sócio, adepto e simpatizante. Isto é o Benfica!", exclamou o presidente.

"Neste clube todas as vitórias foram conquistadas de forma digna e limpa, como reconhecem todos os treinadores e atletas nossos adversários. Não vamos é deixar de estar focados nos nossos principais objetivos. Nada nem ninguém nos fará desviar da rota. Somos o maior clube português e não contribuiremos para a destruição, que se está a fazer, desta fantástica indústria que é o futebol. A sã rivalidade é o que devemos transmitir e o bom senso é uma exigência para todos sem exceção", apontou, antes de rematar a intervenção.

"Caras e caros Benfiquistas dos Açores e da Terceira: é uma alegria muito grande estarmos aqui e podermos sentir este fervor benfiquista. Agradeço-vos profundamente. Vamos estar sempre determinados, acreditem que o Benfica é hoje um clube com futuro. Devemos sentir um orgulho enorme em todo o trabalho que fizemos nos últimos 18 anos e que pouca gente acreditava que era possível fazer. Viva o Benfica!", exclamou Luís Filipe Vieira, no remate de um discurso que empolgou a plateia." - SL Benfica.

Alguns pequenos comentários, ficando uma análise mais profunda para depois:

- Passamos de 5 jogadores da formação garantidos no plantel para 7, em cerca de 15 dias

- Diminuir 100M na dívida bancária não é o mesmo que dizer diminuir o passivo em 100M. Veremos o reflexo de tudo isto nas contas,  sendo que o foi garantido por Vieira que o SLB fica amarrado à NOS e a um contrato miserável durante mais não sei quantos anos. A NOS esfrega as mãos de contente pois continua a financiar-se à custa de todos os benfiquistas. Por isso é que os jogos continuam na BTV

- A NOS adianta o valor ou o SL Benfica realizou alguma espécie de "factoring"? Se sim quanto custa a operação?

- Quanto custarão todas as obras de betão que se vão multiplicando nas promessas de Vieira? Só as anunciadas nos últimos tempos representavam mais de 30 milhões de euros. Mais edifícios no Seixal para quê? O SL Benfica é um clube do Seixal? Porque Vieira insiste em desviar da Luz tudo o que esteja relacionado com o dia a dia do clube?  

- Quanto vai custar mensalmente manter mais não sei quantos campos de futebol, estruturas de "alto rendimento" ou até uma rádio?

- O que explica que o SL Benfica antecipe receitas para pagar dívida? Onde estão os milhões das transferências dos últimos anos?

- Vieira vai ou não garantir que o SL Benfica não vai fazer até ao final do mandato mais nenhum empréstimo bancário?

- Esta liquidação de responsabilidades junto de uma instituição é resultado de alguma negociação ou contrapartida paralela?

Veremos nos próximos dias o que se vai saber.

sexta-feira, 23 de março de 2018

É impressão minha ou...

Avatar
 ●  + 62 comentários  ● 


...há uma epidemia de lesões no futebol português?

"Extremo deixou a concentração da seleção argelina para regressar a Portugal.

Afastado do jogo com a Tanzânia, devido a problemas físicos, Yacine Brahimi deixou esta sexta-feira a concentração da seleção argelina para regressar ao Porto, onde vai recuperar das mazelas musculares identificadas pelo selecionador Rabah Madjer na segunda-feira, altura em que o extremo se juntou no estágio.

À semelhança de Héctor Herrera, que também foi dispensado na seleção do México, Brahimi vai passar a estar sob a alçada do departamento médico do FC Porto. Madjer ainda tinha esperança de contar com o jogador dos dragões para o particular com o Irão, mas o médico da Argélia considerou que seria melhor opção "devolver" o criativo ao clube azul e branco." - O Jogo.

Estão ou não estão a apostar tudo o que podem no campeonato? Nervosos...!

Rumo ao Penta! Rumo ao Hexa!!

O revisionismo como arma de propaganda.

Avatar
 ●  + 94 comentários  ● 


Um mito urbano repetido nos últimos anos, e que vi relembrado em algum comentário ontem ou anteontem, é que os benfiquistas tinham-se apercebido do vigarista que era João Vale e Azevedo e tinham corrido com ele em eleições.

Só que isto não poderia estar mais longe da verdade. Não só os benfiquistas não correram com João Vale e Azevedo como a poucos dias das eleições ele estava em condições de ser reeleito!

O que impediu o seguidor do coveiro do SL Benfica, Manuel Damásio, de ser reeleito?
Dois "pormaiores": Mário Jardel e Eusébio da Silva Ferreira.

Manuel Vilarinho não conseguia ganhar vantagem face a João Vale e Azevedo e então anunciou que se fosse eleito, traria Mário Jardel para o Sport Lisboa e Benfica. Não só o prometeu como reafirmou:

"Para acabar com as dúvidas, desfazer boatos e como garantia de que a notícia Jardel não é virtual, prometo aos sócios que, a não ser verdade tudo o que afirmei acerca de Mário Jardel e do Galatasaray, oferecerei ao Benfica Futebol SAD a quantia de cem mil contos". A BOLA (26/10/2000)

Não só Mário Jardel não veio, comprovando a mentira pregada aos sócios, também os 100 mil contos nunca ninguém os viu e o brasileiro acabou por ir para o Sporting onde foi campeão e marcou 67 golos em 62 jogos.

Mas juntamente com o "trunfo" Jardel, há outro momento chave: Eusébio aparece num dos últimos jantares da lista de Vilarinho, não apoiando explicitamente mas dizendo que tinha ido dar um abraço a um amigo.

Foi o suficiente para, apesar de muito nervosismo na noite das eleições, Manuel Vilarinho conseguir ultrapassar JVA e vencer. Mas mesmo assim, o vigarista ainda recebeu 38% dos votos!

Ou seja, os benfiquistas, mesmo com evidências, não estavam com vontade de afastar João Vale e Azevedo da presidência do clube. De tal forma que os jornalistas nessa noite de eleições estavam em força...na sede de campanha de Vale e Azevedo.

Curiosamente, um dos argumentos que usavam contra Vale e Azevedo é que o SL Benfica não "rasgava" contratos referindo-se à decisão de Vale em rescindir unilateralmente os contratos com Joaquim Oliveira.

Dizia Vilarinho: "Se queremos projectar uma imagem altiva do clube temos de respeitar os compromissos assumidos" - A Bola (19/10/2000).

Só que poucos dias após as eleições, o Tribunal da Relação de Lisboa dava razão ao SL Benfica e considerava os contratos com a Olivedesportos nulos. Ou seja, teria sido a quase certa morte da Olivedesportos e a libertação do SL Benfica do sistema.

Como sabemos, Vilarinho voltou a entregar à Olivedesportos os direitos do SLB por 10 anos e a preço de saldo, permitindo assim que tudo o que não era pago ao SLB fosse canalizado para alimentar o clube do Apito.

Dos presidentes que vi, o único a ser "corrido" foi Fernando Martins, e os sócios que votaram nesses tempos tinham razão...

Isto só para manter viva a memória de todos e em especial dos que muitos anos depois podem ter a  tentação de querer reescrever o que se passou para criar uma versão mais "friendly" seja lá para quem for. A propaganda de quem está no poder é sempre uma arma difícil de combater.

Já agora, e indo a reboque de um artigo do Alberto Miguéns, também não deixa de ser curioso a facilidade com que benfiquistas de sempre como Ricardo Araújo Pereira ou João Miguel Tavares são enxovalhados, chamados de pseudo-benfiquistas, de oportunistas e outros mimos. 


Enquanto isso protege-se quem gosta de comentários ofensivos para o clube e os seus adeptos, e até se chama isso de "benfiquismo".


Enquanto isso quem cuspiu no clube quando o Sport Lisboa e Benfica mais precisava dele é convidado para um dia de festa do clube ou para o camarote presidencial.


Sim, estamos a falar de Pacheco como poderíamos falar de outros. Quando o SL Benfica passava um momento difícil, Pacheco não só virou as costas ao clube que lhe tinha dado tudo como levou outro ingrato: Paulo Sousa.

Nos tempos mais recentes, até na fundação do Sport Lisboa e Benfica queriam mexer. Agradeçam ao Alberto Miguéns tal não ter acontecido.

Podem fazer de tudo para reescrever a história do SL Benfica só que os benfiquistas de gema e de sempre têm uma memória à prova de revisionismo.

quinta-feira, 22 de março de 2018

O caso João Marques mantém-se enquanto esse senhor estiver no SL Benfica. E já agora, que definição de benfiquismo é esta?

Avatar
 ●  + 79 comentários  ● 


Ontem fomos todos surpreendidos pela atitude do novo treinador de futebol feminino do SL Benfica ao verificarmos que colocou um gosto num comentário em que entre outras coisas continha as expressões "Polvo Vermelho" e "SLB FDP's".

Rapidamente alguém se apercebeu (e em boa hora) e foi divulgado em exclusivo pelo Papoila Saltitante.

Também com a mesma celeridade o vice presidente do SL Benfica, Fernando Tavares, veio a público com uma expressão curiosa: "De certeza que foi inadvertidamente. Conheço bem o João e o seu benfiquismo".


Bem, eu sei que a concepção de benfiquismo que alguns membros da direcção defendem é algo diferente da que eu acredito e defendo. Mas vamos lá então, em imagens também divulgadas pelo Papoila, verificar o "benfiquismo" de João Marques:



Olha lá o "benfiquismo" do homem!! Só podem estar a gozar com isto não é?

É certo que João Marques, face ao sucedido, veio mais tarde fazer uma declaração só que já é tarde.

Ao contrário de outros clubes, no SL Benfica não se perseguem atletas ou técnicos porque têm no coração outro clube. São profissionais e a vida pode levá-los para onde não esperavam ou não preferiam. Nada a dizer quanto a isso.

Mas o que está em causa é que já estando ao serviço do SL Benfica, João Marques demonstrou apreço público num comentário ofensivo para o clube que lhe paga.

Quer dizer: criamos um gabinete de crise para atacar que nos difama e afinal "dentro de casa" há gente que partilha desses mesmos ataques ao SL Benfica? Foi o que João Marques fez ao colocar o "gosto".

E o que levou Fernando Tavares a vir afirmar o "benfiquismo" que afinal se vê não existir? Já vale tudo para validar decisões?

O Sport Lisboa e Benfica ou se dá ao respeito ou não. 
Para se dar ao respeito, e ainda para mais numa altura como esta, tem que dispensar este senhor que concorda com um comentário que insulta o Sport Lisboa e Benfica e os seus adeptos.

A união faz-se nas bancadas para sustentar o poder que vem do campo.

Avatar
 ●  + 68 comentários  ● 


Nas últimas semanas, fruto do momento difícil que o SL Benfica vive devido à devassa da correspondência privada do clube bem como aos processos judiciais que envolvem já 3 dirigentes, tem-se apelado muito à união.

Quando ouço falar em união, fico à espera que quem lança o apelo seja capaz de mobilizar os benfiquistas. 

No entanto, quem o faz depois vem falar em betão, em rádios, em hotéis, em tudo menos no essencial: continuar a vencer por sermos cada anos mais fortes no único local em que foi construída a nossa história gloriosa: no campo!

A união dos benfiquistas é feita nas bancadas de todo o mundo: no estádio, nos cafés, nas casas particulares, nas colectividades, etc.

E essa união gira unicamente em torno dos atletas e treinadores que sobem ao relvado, ao ringue, ao pavilhão, e onde disputam a única coisa que fez deste clube grandioso: a vitória.

Por isso, tudo o resto que venham apresentar como "motivo de união" é irrelevante para o que é a essência do clube. 

Os benfiquistas sabem isso e a única vez que se uniram em torno de "betão" foi nos anos 50. O que fizeram? 

Pagaram uma quota suplementar para custear a construção do estádio da Luz, participaram na "campanha do cimento" oferecendo ao clube sacos e sacos de cimento e participando inclusive através de trabalho voluntário na construção do mesmo!


E tudo para quê? Para dar aos nossos atletas, e sem qualquer favor estatal como aconteceu com o estádio do FCP, por exemplo, um local digno e capaz de poderem continuar a dar o seu melhor e a vencer!

Chegamos a ter o 3º maior estádio do mundo e tivemos muitos jogos com mais de 100 mil pessoas nas bancadas com o expoente máximo a 4 de Janeiro de 1987 em que 140 mil pessoas viram um hat-trick de Rui Águas na vitória por 3-1 frente ao FC Porto.


Por isso, quando quem chegou ao clube (e já agora ao benfiquismo) vier pedir união, lembre-se que a legitimidade para pedir união advém de sustentar esse pedido com o reforço da capacidade de vencer dentro do campo, sem métodos ou procedimentos que repliquem o que os invejosos fazem ou fizeram para combater a nossa grandeza. Sem nada que manche o que presidentes como Borges Coutinho, Ferreira Bogalho, João Santos, Jorge de Brito ou Maurício Vieira de Brito ajudaram a construir.

Hoje o Sport Lisboa e Benfica deveria estar a viver um ano de consagração e com grande serenidade e alegria.

Os adversários vivem os tempos mais difíceis de sempre: 
- FCP está endividado, com tudo o que são receitas já antecipado, sem implantação suficiente para poder aguentar anos de seca com o apoio da massa associativa, e sob intervenção da UEFA, estando até em risco de exclusão das provas europeias por incumprimento

- SCP está pelo 5º ano consecutivo a gastar o que não tem, sustentado por endividamentos sucessivos, adiamento de pagamentos, financiamentos "alternativos" e com uma cruz às costas que já lhes custou quase 30 milhões em 3 anos para ganhar uma Taça. 

Sendo Tetracampeões, este seria naturalmente o ano em que apostavamos no Penta subindo mais uns degraus no reforço competitivo da equipa para também na Champions podermos regressar a tempos em que era normal atingirmos uns quartos de final. 

Não foi isso que aconteceu. Estamos em Março, o nome do clube é enxovalhado há 10 meses, contratamos mais de 20 jogadores e apenas 1 serviu para a equipa principal(e só entrou a muito custo tendo que esperar tapado por um Filipe Augusto qualquer).

Não podemos ganhar sempre, é um facto, embora me inclua nos benfiquistas a que Souness se referiu como "aqueles que acham que o clube tem o direito divino de ganhar todos os jogos". 

Mas a união e o verdadeiro poder vêm das vitórias no campo. E quando essas vitórias não aparecem, essa união e poder são cimentados pelas percepções inequívocas de que a direcção fez o máximo para dotar a equipa dos melhores jogadores e que a equipa e treinadores deram o máximo em todos os jogos para vencer. Sem condicionamentos ou segundas intenções.

A união nas próximas semanas será a mesma que tem enchido todos os estádios por esse país fora: adeptos nas bancadas em torno da equipa no campo. E esse poder que vem do campo, mesmo que noutros lados haja uma fissura, uma invasão ou um VAR que facilite a vida aos adversários, será fortíssimo.

Uma nota final quanto à Gala de ontem: quando o discurso do presidente do SL Benfica é ilustrado no site oficial com a fotografia abaixo...não tenho mais comentários a fazer.


ranking

recentes

Mensagens populares