O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


Qual foi o melhor jogador do campeonato 2016/2017?

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Modo "Crente no Pai Natal": ON

 ●  + 12 comentários  ● 
O nosso leitor Tiago escreve o seguinte comentário a propósito da contratação de Djaló:

"Pessoal, ainda ninguem percebeu que o Benfica está a emprestar jogadores a clubes que estão ligados ao FCP, para quebrar essa influencia ??? Relativamente ao Djaló, o SLB está a preparar a cama ao SCP. Vejamos: - Fatura do Incendio - Divida do clube Espanhol ao SCP - Djaló a custo 0 Reparem só se isto não são armas para derreter o que resta do SCP. As crónicas do blog são boas mas as de ontem e de hoje são feitas mais com o coração do que com a cabeça."

Obviamente que tenho que ligar o modo "Crente no Pai Natal" para aceitar esta teoria, mas vamos lá ligar esse botão e concordar obviamente que, nessa perspectiva, seria uma excelente iniciativa ver a conversão de Braga e Leiria por via da contribuição para o seu sucesso, e apostar numa relação privilegiada com Fernando Gomes seria, na prática, dar ao FCPorto a provar do próprio veneno. Isto ao mesmo tempo que se penalizava fortemente o SportingCP pela "bajulice" ao FCPorto.

Com sinceridade, tenho mesmo muita dificuldade em aceitar esta teoria. Até pelos vastos exemplos de toda uma última década de tiros nos pés em matéria de alianças estratégicas. Bom, se calhar não foram tiros nos pés para os interesses individuais de quem levou a cabo a estratégia... foram sim para os interesses do SLBenfica.

Djaló, a julgar pelas notícias que começam a sair cá para fora, foi uma casmurrice do Jesus que acha que vai fazer dele um grande jogador, capaz de lhe travar aqueles momentos de diarreia mental que com frequência o víamos fazer no SportingCP - honra lhe seja feita, naquelas condições fazer melhor era impossível. Da mesma forma que "casmurra" contra o Capdevila, entendeu convencer o Vieira e "casmurrou" a favor do Djaló. Oxalá resulte!

Quanto às ligações a Braga e Leiria, se no primeiro caso as atitudes em campo (e algumas fora do campo levadas a cabo pela Direcção) já deixaram claro que não há qualquer inversão à estratégia de prejudicar o Benfica a todo o custo, já no segundo caso ainda recentemente despediram o Director Geral (ou Desportivo) alegando como prejudicial a sua pretensa ligação ao SLBenfica, a Domingos Soares Oliveira e aos negócios de jogadores (André Almeida, Elvis, Shaffer e Oblak).

Por fim no caso da FPF, será que é mesmo preciso falar do quanto Fernando Gomes já nos prejudicou e na forma elogiosa, pós eleições (pudera!) que Pinto da Costa já voltou a referir-se ao amigo de sempre, fazendo cair por terra as teorias de afastamento entre ambos?

Por muito que eu queira acreditar no contrário, estas últimas acções (Amorim no Braga, contratação de Djaló, mais um GR no Leiria e parece que agora também um avançado) podem indiciar que estas acções não passam do regresso do que achávamos poder já fazer parte do passado, as famosas: "Vieiradas". Oxalá esteja enganado!

PS- Só uma nota sobre a ligação com o Leiria. Há também a circular a teoria oposta que diz que o tipo que foi demitido do União de Leiria o foi por ligações, sim, mas a Antero Henrique - mas que depois se "cozinhou" a notícia à moda do Sistema para que parecesse o inverso. Quem souber a verdade que a esclareça...

Contra a corrente

 ●  + 10 comentários  ● 

Rúben Amorim rumou a Braga e aqui D'El Rei. «Os benfiquistas têm memória» e naturalmente recordam a proximidade do SCBraga com o FCPorto que vem valendo a hostilização do Benfica sempre que lá se desloca e, mais recentemente os problemas sui generis nos geradores.

Ao fim ao cabo o presidente bracarense é portista e como Rui Moreira e muitos outros, aspira ao lugar de Jorge Nuno Pinto da Costa que um dia pertencerá ao bibota Fernando Gomes. Daí que tudo se possa esperar, não fosse o SCBraga ser actualmente o n.º 2 da St.ª Aliança.

Porém - escrevia LB que reside em Braga - juntar lenha à fogueira cortando relações só contribuirá para maior extremismo na cidade dos arcebispos, algo que objectivamente nada beneficiará o Benfica, apenas e só o jogo sujo de António Salvador que de braço dado com Pinto da Costa conseguiu propagar a semente do anti-benfiquismo numa cidade em tempos considerada como a 2.ª casa do Benfica.

No plano desportivo, Rúben Amorim não quer jogar a lateral e além do mais quer jogar com regularidade, aspirando marcar posição no Euro que se avizinha. Reintegrá-lo com o plantel encarnado e chegarmos à eventualidade da convocatória de Paulo Bento não o incluir, só contribuiria para uma ruptura irremediável entre Rúben Amorim e Benfica.

Rúben Amorim não poderá pois culpar Jorge Jesus dos seus futuros males e, sorte o assista em Braga, ajudará o clube a marcar presença na pré-eliminatória da Liga dos Campeões 2012/2013, fará parte da convocatória para o Euro, e ainda poderá brilhar num emblema que merece a atenção da prospecção de muitos emblemas internacionais.

Voltar ao Benfica é que duvido, e também economicamente pode vir a ser positivo.

Só para que conste

 ●  + 31 comentários  ● 
A forma despudorada como o SLBenfica, ou direi antes o nosso Presidente, faz "negociatas" com o SCBraga é humilhante para todos os que são agredidos verbal e fisicamente quando vamos a Braga, sem que o António Salvador alguma vez tenha feito algo que não fosse incentivar esses comportamentos.

Depois do apoio ao Fernando Gomes, de não termos tido uma voz activa nas eleições da Liga em prol de António Laranjo ("comido" nos bastidores pelo Sistema) e de continuarmos insistentemente a proteger e reforçar o SCBraga para estes fazerem o jogo sujo do Sistema corrupto... só falta mesmo anunciar o acordo de 25M€ com o Joaquim Oliveira para a paciência transbordar a muito benfiquista. Ou então não...

... Estranhamente, reparo que isto já faz pouca ou nenhuma confusão à generalidade dos benfiquistas, assistir ao SLBenfica a servir de base de apoio e engrandecimento da vida pessoal e profissional de Luis Filipe Vieira (o que não condeno... apenas lamento que seja às custas dos interesses do SLBenfica).

Pelos vistos compensa agredir benfiquistas!

 ●  + 24 comentários  ● 
Alguém que me explique o empréstimo do Ruben Amorim ao Braga.


Pelos vistos compensa apedrejar jogadores do Benfica, o autocarro, agredir adeptos, simular faltas para expulsar o Javi, insinuar que há jogadores racistas no Benfica e vandalizar Casas do Benfica. 
Existiam outras alternativas para Ruben Amorim, incluindo reintegrá-lo no plantel. Agora emprestar a um clube que se tem destacado por ser mais papista que o Papa nas suas relações com o Benfica por um ano e meio???
Mas esta Direcção está no Benfica para defender os interesses do clube ou os interesses dos parceiros de negócios do Presidente???

Quanto ao Djaló, apesar de não gostar das qualidades do jogador pelo menos para mim a sua contratação tornou-se um ponto de honra a partir do momento em que o Sporting tenta f*der a carreira a um antigo jogador seu só para o impedir de vir para um rival depois de o ter descartado. Mesmo que seja suplente pouco utilizado ou um César Peixoto 2 a situação exigia o seu resgate.
A rivalidade entre clubes tem limites e não se pode prejudicar jogadores apenas por clubite. Haja limites de decência na rivalidade (algo que esta Direcção lagarta parece não ter).

Tendo dito isto, não compreendo a recusa em ceder um jogador de 33 anos que supostamente veio a custo zero quando haviam ofertas por ele. Teríamos prejuízo de um ou dois mihões de euros? Talvez, mas ao menos poupava-se em salários e não se cortava as vazas a um jogador que já não é jovem e que assim certamente não irá ao Europeu. Atitude muito deselegante.


Esperemos ao menos que a Direcção esteja com os olhos bem abertos á competição porque os Corruptos fizeram dois grandes negócios no fecho de mercado. O meio-campo do Porto acabou de dar um salto dramático em qualidade, assim como o ataque.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Mercado: Estava a correr bem demais

 ●  + 21 comentários  ● 
Eu já aqui disse e repito: Tirando um defesa esquerdo, não precisávamos ir ao mercado em Janeiro. Aliás, se repuséssemos a normalidade com a titularidade de Capdevila... nem isso era preciso (não deslumbraria, mas chega e sobra!).

Ver chegar Djaló é, para mim, incompreensível! Não vou aqui discutir os méritos de um jogador que tirando a estreia pelo Sporting no Guadiana, quando marcou ao SLBenfica, não fez mais nada que justificasse ser contratado pelo SLBenfica.

Djaló é um... Jara mais rápido e menos potente. Vem para médio direito? Segundo avançado? É incompreensível porque seja como for não acrescenta nada.

Ao contrário do que dizem, André Almeida é o que deve ser a alternativa a um jogador da dimensão física de Maxi Pereira: uma alternativa credível, jovem e com potencial. Posto isto, penso que respondi aos que pediam mais um defesa direito ou que segurassem Amorim para essa posição.

Ruben Amorim, qualitativamente em campo, merece muito mais do que ser alternativa a um jogador que faz mais de 10 jogos de seguida. E principalmente merece jogar na sua posição de raiz (médio box to box). Agora... SCBraga? Por amor de Deus! Emprestar um jogador aquele clube é uma afronta aos sócios do SLBenfica que são achincalhados e humilhados com insultos em cada jogo em Braga... como resultado da campanha da Direcção do SCBraga que o incentiva e pela proximidade umbilical destes com os corruptos.

Na defesa continuamos a rezar para que saia Capdevila (ganhaste, Jesus!) para entrar Eliseu ou Sílvio - seriam as minhas apostas e relegar (finalmente) Emerson para o banco... ou bancada! Já não era sem tempo!

Para fechar, dois nomes circulam na imprensa: ManUtd disposto a uma loucura de última hora por Javi Garcia, o que considero que representaria entregar o título ao FCPorto ao perdermos este jogador a meio da época (e sem sequer tempo para uma substituição adequada). Nelson Oliveira poderá sair para jogar com a regularidade que a sua enorme qualidade merece. Enquanto não houver no SLBenfica coragem para apostar nele como se aposta em Rodrigo, não será possível ver o Nélson a marcar mais golos que... Cardozo (sim, não me enganei! E até acrescento que bastarão 2 a 3 jogos consecutivos a titular entre os melhores para o vermos...).

O Longo braço do FCP

 ●  + 10 comentários  ● 
Nota prévia: Parabéns aos nossos atletas e Técnicos pela excelente vitória contra o Feirense. Fantásticos todos, especialmente o Grande Capitão Luisão - vejam na foto em a Bola a sua expressão, lá no 1º andar, a fazer o corte perante a oposição de vários adversários que mais parecem pigmeus -, o Grande e impiedoso Cardozo, o extraordinário Rodrigo, pleno de força e talento e o Nolito fura-fura. Muito bem, mas; é necessário fechar melhor o meio-campo, trocar mais e melhor a bola - há que reduzir distancias, abrir linhas de passe e fazer a receção em movimento -, romper mais pelas alas, melhorar a qualidade dos centros e cruzamentos onde estivemos muito mal. Muito bem o Witsel na meia-distância, especialidade onde tem que insistir mais; se continuar a fazê-lo vai marcar muitos golos. O golo do Feirense foi muitíssimo bem marcado; não sei o que falhou na nossa defesa nesse lance. Terá havido falha de marcação? Há que manter o rumo, melhorando sempre.

Já foquei anteriormente este tema quer no Geração, quer na Tertúlia enquanto comentador. Uma pequena noticia no CM de 27.01.2012, pág. 34, veio reforçar as minhas suspeitas. Trata-se dos casos Vale e Azevedo (VA) e dos Noname; não questiono as condenações pois não conheço os acórdãos nem sou jurista; mas não acredito em certas coincidências. O Juiz de ambos os casos foi, alegadamente, um ex-dirigente Portista - Vice-Presidente da Casa de Lisboa do FCP - o qual calculou o cúmulo jurídico de Vale e Azevedo em 18 anos.

Diz a referida notícia que a defesa de Vale e Azevedo apresentou no Tribunal de Inglaterra o depoimento de um Juiz Português em atividade, em que este questiona a validade de julgamento de VA. O Juiz José Costa Pimenta, citado pelo Advogado de defesa Alan Jones, diz em depoimento escrito que “não foi respeitado o sistema de seleção de Juizes” escolhidos para julgar o ex-Presidente do Benfica, entre outras irregularidades. O Magistrado foi alvo de um processo disciplinar que culminou com a sua aposentação compulsiva.

A minha convicção é de que há uma mensagem implícita nestes casos, oriunda do lóbi Portista e seus alegados cúmplices, com o intuito de advertir o Mundo Benfiquista de que “ o braço azul” é muito longo e tem ramificações em todo o lado, incluindo no poder judicial e magistraturas. Por alguma razão o Apito Dourado só apanhou “a rataria”. Por alguma razão ninguém incomoda os responsáveis pela violência de que os Atletas e Adeptos do Benfica têm sido vítimas. Por alguma razão ninguém põe os superdragões na ordem - o braço armado da futura região Porto. Por alguma razão ninguém “pia”, como se tudo isto fosse normalíssimo!

Posto isto, lembro a todos, o artigo 21º da Constituição da República Portuguesa, segundo a qual, “ Todos têm o Direito de resistir a qualquer ordem que ofenda os seus direitos, liberdades e garantias e de repelir pela força qualquer agressão, quando não seja possível recorrer á autoridade pública.

Portanto, exige-se aos responsáveis pela segurança; investigação, acusação e julgamento dos autores de alegados ilícitos judiciais, desportivos ou sociais, neste caso, descriminação dos Benfiquistas, que cumpram a sua obrigação de os meter na cadeia, como é próprio de um Estado de Direito. Os donos de Portugal são os Portugueses. TODOS!

Um abraço a todos

Persona non grata

 ●  + 10 comentários  ● 
A sério?!? O FCPorto prejudicado pela arbitragem?!? O assunto não pode deixar de causar estranheza não fosse a história dos últimos 30 anos tão rica em episódios dúbios e em indubitáveis valores como Rosas, Calheiros, Donatos Ramos, Pratas, Isidoros e Costas que, de convicções próprias a quinhentinhos, de frutas a viagens, vinham tendo invariavalmente infelicidades de sentido único.

Também por isso o povão está satisfeito e, desvalorizando a choraminguice dos abastados e que de barriga cheia hoje esperneiam, reclama igualdade e deixar para trás essa história de conivências e de promiscuidades que a nossa estimada Comunicação Social e Justiça portuguesa sempre juraram a pé juntos não existir, mas que o sr. Youtube ainda impertinentemente vai relembrando.

A máquina de propaganda da Comunicação Social essa, escolhida a dedo no mesmo período e agora composta por vassalos que de avental anotam as encomendas à Tavares Teles, bombardeia-nos com um pouco de tudo, desde as opiniões dos teóricos maricas da brilhantina, às capas e tribunais que não deixam passar o nobre acontecimento. Mas nem assim conseguem subvalorizar a hecatombe de ontem.

O herói do povo e réu dos opinadores, esse, Bruno Paixão, é o mesmo que em 1 de Março de 2004 Pinto da Costa encomendava dizendo «Acho que pode ser o Bruno(...) Não nos apita há muito», e que em 4 de Julho de 2003 era assunto entre o bimbo-mor e Pinto de Sousa, os quais debatiam a sua classificação para ver se o punham a internacional. Bruno, o mesmo que reunira com Lourenço Pinto, Carlos Ribeiro e Pinto de Sousa a 25 de Setembro de 2010 na circunstância dos 100 anos da AF Lisboa e cinco dias depois de ter feito vista grossa a uma mão de Rolando no Nacional-FCPorto, é agora persona non grata.

NDR1: Parabéns ao Gil que não merecia bodes expiatórios.

NDR2: A Justiça Desportiva tem mais uma possibilidade de demonstrar que está viva e que a sua linha de acção vai além de coleccionar multas. Havendo regulamento para declarações do calibre de «(...)Querem encomendar as faixas e levar a outra equipa ao colo», importa dizer tratarem-se de declarações graves e que por exemplo em Inglaterra afastariam Vitor Pereira do banco por muitos jogos. Seria pois dois em um, por um lado demonstrariam que há coragem e por outro Herculano Lima ainda prestaria mais um bom serviço ao seu FCPorto.

A Vergonha da Comunicação Social que temos!

Avatar
 ●  + 9 comentários  ● 



E no domingo na SIC assistimos a isto...



Tudo isto só vem confirmar que é fundamental o Benfica não renovar os direitos televisivos com a Máfia! Sim! Este comportamento concertado da CS prova isso. O Benfica tem a obrigação de dar um golpe mortal na Olivedesportos, e essa oportunidade de ouro está aí à porta. Chegou a hora de partir a casca à santola! É essa a exigência de milhões de benfiquistas.
Seja, pois, feita a sua vontade. Ámen.

As diferenças sempre estiveram à vista.

Avatar
 ●  + 3 comentários  ● 

A história nem sempre se repete.

Avatar
 ●  + 8 comentários  ● 
Entre azia, mau perder e malas extraviadas, a noite de 29de Janeiro foi infeliz para os condenados por corrupção. 
Além de verem que os árbitros desta vez não deram a ajuda do costume, que a equipa adversária não lesionou os melhores jogadores no último treino e que o Defour não convence como o Hulk nas tentativas de sacar faltas e penalties, o pior nem é isso.
O que mais dói aos batoteiros é que a equipa está partida, sem crença, e sem qualidade para triunfar. E que o seu timoneiro não passa de um incompetente ressabiado que fala com uma arrogância típica dos idiotas(não aqueles que têm ideias, mas dos que são mesmo estúpidos que nem uma porta).
Dói-lhes também o facto de isto colocar à vista de todos que a classificação é mentirosa, pois o FCP devia estar a muitos mais pontos, tivessem todas as arbitragens sido correctas e todos os adversários jogado com a mesma raça e empenho do Gil Vicente.
Nada está garantido nem ganho, mas se a justiça imperar, a melhor equipa será campeã, sem qualquer margem para dúvidas.
Nota: Consta que além das modalidades, também os calotes nos vencimentos chegaram já ao futebol dos corruptos. O Papa ainda vai em peregrinação definitiva ao Brasil...

domingo, 29 de janeiro de 2012

Uma multidão juntou-se nas imediações do Dragão...

Avatar
 ●  + 24 comentários  ● 

...para celebrar o apoio à cerâmica portuguesa!

Queriam o recorde do Benfica? Ah pois é...!

Têm mérito. Eles tentaram...

 ●  + 13 comentários  ● 
... Sim, falo do "putedo" que manda agora no futebol nacional, pelo qual dão a cara Fernando Gomes e Mário Figueiredo na FPF e Liga, respectivamente, mas que não são mais do que os representantes dos interesses dos verdadeiros patrões do futebol nacional - Pinto da Costa e Joaquim Oliveira - bem secundados por fieis escudeiros como Lourenço Pinto, António Salvador, Rui Alves, etc.

Ontem era uma oportunidade perfeita para recolocar o SLBenfica atrás do FCPorto que joga hoje em casa de um dos principais apoiantes de Mário Figueiredo à Liga, apoiado na iniciativa mentirosa deste de que tudo faria para que ninguém descesse este ano. Com isto, Manuel Fiuza mudou de voto e convenceu outros a fazer o mesmo.

Era o momento perfeito para o "payback". O Gil Vicente estendia a passadeira ao FCPorto e o SLBenfica, o único dos grandes obrigado a jogar em St. Maria da Feira, teria redobradas dificuldades em passar este teste complicado.

Têm mérito. Eles tentaram... (E estranhamente o Jesus até resolveu ajudar ao deixar o Nolito no banco).

Mas lixaram-se! Nem com a prepotência e má arbitragem de Rui Costa, que tentou condicionar as saídas e transições rápidas do SLBenfica...

Em Portugal não há sequer vergonha e depois dos jogos de FCPorto e SportingCP contra o Feirense se terem realizado no Municipal de Aveiro... tivemos mesmo que jogar na Feira. Estranho, não?

Dizia, e bem, o Jesus ontem: "o Feirense em casa com os grandes não é fácil para ninguém"... deve ser por isso que só o SLBenfica teve que jogar lá.

Só para terem uma ideia, em Aveiro o Sporting colocou cerca de 18.000 pessoas e o FCPorto 12.000 pessoas. O Municipal de Aveiro leva mais de 30.000 e mesmo assim o SLBenfica teve que jogar num campo (além de pequeno) apenas com 5.000 pessoas...

Só um detalhe final para os que andam por aí a dizer que o fiscal de linha anulou um golo limpo ao Feirense. Duas notas sobre isso:

1. O golo não foi anulado porque o árbitro apitou antes de o jogador sequer rematar.
2. O que foi assinalado (ver sinalética do fiscal de linha) é pé em riste do jogador que passa a bola

imagem obtida através do nosso companheiro "EternoBenfica"

sábado, 28 de janeiro de 2012

De quem é a culpa?

 ●  + 14 comentários  ● 
Antes de passarmos á discussão de futebol apenas quero perguntar de quem é a culpa por o Benfica se ver obrigado a jogar num estádio sem condições para acolher jogos do Campeonato Nacional???

De quem é a culpa da vedação que delimitava a bancada em que estavam colocados os adeptos do Benfica ter caído no festejo do golo encarnado?

E agora eu pergunto: E se alguém tivesse morrido com a queda?

Os patéticos "senhores" que mandam no futebol português odeiam tanto o Benfica que até obrigam o clube a jogar em estádios sem condições e não se importam de colocar em risco a integridade física de adeptos inocentes com estas escolhas???
Exige-se um apurar de responsabilidades por uma situação que poderia ter sido bem pior...

Eu sei que o futebol português é uma anedota em que indivíduos pseudo-respeitáveis tão-se borrifando para a Justiça e os valores que regem o Desporto, mas que raio agora já se coloca a integridade dos adeptos em risco?? O que virá a seguir? Vamos ter que jogar num pelado com bancadas de madeira podre?

Feirense - BENFICA

Avatar
 ●  + 27 comentários  ● 
Com 27 minutos de jogo...um relvado miserável. Cheio de areia, facilmente 'esburacável'...uma vergonha que na Liga profissional de futebol seja permitido jogar nisto.

Vamos ver como corre o jogo. Para já, muita velocidade de ambas as partes, e a postura que se esperava do Feirense: está a jogar a final da Champions.

Balanço desportivo num momento decisivo

 ●  + 9 comentários  ● 
Futsal - 1º na fase regular na entrada para 2ª volta
Hoquei - 2º no final da 1ª volta
Basquetebol - 1º na fase regular na entrada para 2ª volta
Andebol - 4º na fase regular da 2ª volta
Voleibol - 1º a caminho do final da fase regular
Futebol - 1º na entrada para a segunda volta

Excepção feita ao Hoquei e Andebol, o SLBenfica lidera em toda a linha o desporto colectivo em Portugal. PONTO FINAL! Inventem o que quiserem, mas a verdade é esta!

No Hoquei ao contrário do passado distante, podemos claramente chegar ao título. Talvez no Andebol seja uma missão bastante mais complexa, mas acredito que podemos terminar no pódio pelo menos.

Eu sou dos que tem cobrado o tal "mandato desportivo" de Luis Filipe Vieira e olhando aos resultados e às perspectivas de chegarmos ao final nestas classificações, teremos que dar o mérito DESPORTIVO a quem preparou estas equipas.

Os escalões de formação também estão a fazer um excelente trabalho e a equipa B de futebol está muito perto da construção final.

Estamos numa fase relevante dos campeonatos e é importante manter a estabilidade e focalização que nos permitiram chegar até aqui. Ainda vamos no "intervalo".

Aos que têm reclamado por uma acção mais relevante na abertura de mercado, peço que reflitam um pouco mais porque, tirando a questão óbvia da lateral esquerda, o plantel do SLBenfica tem todos os recursos para o título de campeão.

É fundamental manter os olhos na próxima temporada em termos de preparação desportiva. Há vários jovens a merecer mais atenção e talvez seja relevante reforçar a equipa técnica com alguém com melhor capacidade/conhecimento sobre esta transição dos mais jovens para as exigências de uma equipa como o SLBenfica.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

FCPorto HUMILHADO pelo Santos

 ●  + 15 comentários  ● 
O presidente do Santos, Luís Álvaro Oliveira, revelou nesta sexta-feira que o FC Porto fez uma oferta por Paulo Henrique Ganso. No entanto, o dirigente classificou-a de «cómica». Luís Álvaro Oliveira disse que ia responder por uma questão de educação.

«Não temos interesse nenhum em sequer abrir conversa no que nos foi proposto, propostas como estas, eu diria que são cómicas, para não dizer trágicas», disse o presidente do Peixe, em declarações à Sport Tv do Brasil.

«Eu diria que há um erro de digitação, na proposta há um 0 a menos», declarou Luís Álvaro Oliveira, que acrescentou: «Mas vou responder segunda-feira dizendo que não temos nenhum interesse e mandar uma cópia para os sócios dos direitos dele.» - vídeo

Exija a defesa dos interesses do Benfica!

Avatar
 ●  + 21 comentários  ● 
Eu fui daqueles que durante muitos anos olhava para o Belenenses com uma simpatia especial. Desde pequeno que ía muitas vezes ao Restelo e isso contribuiu muito para tal sentimento.
Recordo um Belenenses com uma presença forte no futebol nacional e até mesmo nas competições europeias.
As vitórias nos jogos da Taça UEFA frente ao Barcelona(1987) e frente ao Bayer Leverkusen(1988), bem como a vitória na Taça de Portugal em 1989 e o terceiro lugar na época 1987/1988 vincavam essa ideia.
Com o passar do tempo, esse sentimento foi desaparecendo. Durante o consulado do presidente Sequeira Nunes, qualquer simpatia que ainda tinha desapareceu.
O Belenenses, assim como tantos outros clubes, achou que o caminho para a fortuna era ser capacho de Pinto da Costa. Era frequente, mesmo em semanas que o FCP jogava em casa, ver PC a almoçar ou jantar no Restaurante Varanda Azul, no Restelo. A cooperação em assuntos do interesse de PC foi muito evidente.
Essa política resultou no enfraquecimento do clube e princípio de uma debilidade financeira que prejudicou fatalmente o projecto de expansão que o clube acalentava desde à muito.
Após anos fracos, que incluiram a descida de divisão, surgiu um presidente que lutou contra esses interesses antigos instalados e que trabalhou muito para tentar trazer de volta o clube aos tempos mais vistosos. Cabral Ferreira reformou o velhinho Estádio do Restelo, dando-lhe um conforto e condições que reclamava à muito.
Lutou contra os verdadeiros 'velhos do Restelo' que muito o tentaram prejudicar e ao clube. O caso Meyong foi um desses reveses.
Foi atraiçoado por uma doença que o impediu de continuar o trabalho a que se propôs e nesse dia, o Belenenses pode dizer que parte do seu futuro também morreu.

Desde então, dois 15ºs lugares e descida à Liga Orangina colocaram o clube no sítio que merece.
Sim, merece. Quem não luta por si próprio e se prostitui para receber palmadinhas nas costas do mestre merece desaparecer.

O Belenenses está afogado em dívidas e penhoras e sem solução à vista para os seus problemas. Onde está agora o seu grande amigo PC?

O mesmo destino tiveram Salgueiros e Boavista, 2 clubes históricos do futebol português que acharam que servir PC seria o caminho do sucesso.

O que é extraordinário é os dirigentes ainda não terem percebido que o FCP e o seu presidente não têm qualquer interesse em ajudar ou cooperar com ninguém. Agem como parasitas que sugam o que podem e quando o seu hospedeiro já não tem nada para dar, deixam-no moribundo e se possível até dão o tiro de misericórdia.

Os adeptos destes clubes, na sua maioria, merecem assistir ao definhamento dos seus clubes pois nada fizeram para combater esta realidade.

Realidade que me recuso a aceitar no nosso clube, o Benfica. Fi-lo no passado, e faço-o agora.
Só quem não quer é que não percebe o conflito de interesses que atinge alguns dos dirigentes do clube. Conflito esse em que o Benfica tem sido o principal prejudicado.

Exijo que quem está no Benfica defenda os interesses do clube acima de todas as coisas.

O movimento que surgiu esta semana para defender os adeptos do Benfica da exploração de que são vítimas em cada jogo fora do clube pode marcar algo muito importante.

A importância que deve ser dada a quem faz do Benfica o maior clube português e um dos maiores do mundo.

Quem são esses? Os atletas? Os dirigentes? Não.

São os adeptos. Sem eles o que é o Benfica? O que é qualquer clube?

Fora das 4 linhas

 ●  + 7 comentários  ● 
Desconheço se porventura as virgens ofendidas de 2005 que tanto espernearam por o Estoril-Benfica ter sido disputado no Estádio do Algarve, serão eventualmente capazes de manter a coerência desta feita, com o Benfica a não ter as mesmas benesses do FCPorto de jogar em Aveiro. Provavelmente não.

De qualquer das formas tudo me parece perfeitamente normal, até mesmo as razões de Rodrigo Nunes que «acha por bem» jogar no seu estádio. Numa era em que as necessidades financeiras imperam e não dáo tréguas aos clubes que vivem permanentemente em sobressalto, abdicar do Estádio de Aveiro com capacidade para 30 mil pessoas para acolher 5.494 pessoas, não deixa de contrariar o óbvio ou até a tão propalada lei da oferta e da procura que, há quem diga, poderia permitir bilhetes com valores mais ajustados à realidade nacional.

Assim, considero fantástico que um clube recém-promovido abdique de uma receita que poderia rondar os 350.000 Euros, da mesma forma que compreendo que perfeito, perfeito, seria Rodrigo Nunes poder contar com as bancadas de Aveiro a circundar o portentoso relvado de Santa Maria da Feira. Mas não se pode ter tudo...

Numa Liga em que os factores exógenos terão forçosamente que aparecer na sua plenitude mais tarde ou mais cedo, folgo sobretudo em saber que o discurso de Jorge Jesus para os atletas é que a conquista do título será uma tarefa árdua e que exigirá o máximo de empenho.

Quem é que nos defende desta pouca vergonha?!!

 ●  + 4 comentários  ● 
O descaramento total no futebol português!

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Divulguem por todo o lado

 ●  + 12 comentários  ● 
As gentes começam a juntar-se nas imediações do estádio por volta das 15h. Abrem-se as malas dos carros: há leitão, há cabrito, há tachos de arroz, há batatas fritas de pacote, há sacos enormes de pão, há azeitonas, há queijo, há grades de cerveja a perder de vista, há garrafões de vinho. Há cachecóis e bandeiras do Benfica. As gentes comem e convivem. Já são quase 18h. Assam-se umas chouriças ao ar livre. Mais pão. Mais azeitonas. Alguém pergunta pelo leitão. Já foi todo. E o cabrito também. Mais cerveja. Mais vinho. Mais convívio e mais Benfica. Já são quase 20h. As gentes guardam os despojos do banquete novamente nas malas dos carros e encaminham-se para o Marcolino de Castro. É um mar de gente. Aquele estádio minúsculo nunca na vida poderá albergar tamanha multidão. Mas as gentes não entram. Centenas e centenas de aparelhos de rádio são ligados. As gentes cantam pelo Benfica e aplaudem. O barulho é ensurdecedor. Lá dentro, os vinte e sete sócios do Feirense também aplaudem a sua equipa. Os jogadores do Benfica não vêem ninguém de encarnado nas bancadas mas sentem-se como se estivessem perante 65 mil almas na Luz. Sim, o barulho é realmente ensurdecedor. Cá fora canta-se o hino do Benfica a plenos pulmões e vozes entarameladas pela cerveja e pelo vinho. Os jogadores arrepiam-se. Um funcionário do Clube Desportivo Feirense dirige-se à turba e, hesitante, a medo, pergunta: "Mas... Não vão entrar?" A família benfiquista ignora o homenzinho, prossegue com os cânticos de apoio e, algures, um cartaz é erguido: "Vão roubar para a puta que vos pariu". Éter

Para Santa Maria da Feira haverá uma primeira romaria como forma de divulgação, embora os bilhetes estejam já esgotados. Sim, estão a ler bem: vamos a Santa Maria da Feira apoiar o Benfica fora do estádio, aproveitando o momento para lançar o que se seguirá em todas as próximas deslocações que o Benfica fará até final da época. A ideia é simples: temos 3 semanas para divulgar no maior número de sites, blogues, fóruns, o que seja, a iniciativa e fazê-la crescer ao ponto de, na deslocação a Coimbra, já termos alguns objectivos cumpridos: http://apoiamosporfora.blogspot.com/2012/01/ideia

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

O livro

 ●  + 5 comentários  ● 
Ainda vamos ver publicado um livro sobre o Beira-Mar-Benfica de 1976-77, a par do que vimos acontecer com Inocêncio Calabote, merecedor inclusive de uma cerimónia com pompa e circunstância aquando da sua publicação, contando com inúmeras figuras ilustres do universo portista.

Desenganem-os mais cépticos, factos como o Benfica se ter sagrado campeão com 9 pontos de avanço ou o King em 12 jogos ao serviço do Beira-Mar ter marcado apenas 3 golos, serão certamente questões de pormenor, atendendo tratarem-se de indivíduos que já conseguiram feitos como mudar a data de fundação para 1893, ou propalar a historieta do «clube do regime» cujos resquícios ainda por aí andam.

Além do mais a clientela dá-se bem com actos de má fé, sendo que entre os acéfalos que bebem o suco da demagogia, contextualizar o futebol de há 40 anos em pleno séxulo XXI será mais uma barreira perfeitamente ultrapassável. De facto os episódios são fugazes e há que se agarrarem ao que podem.

Diria mesmo que é capaz de ter sucesso, ao fim ao cabo os portistas gostam de obras de ficção – desde que não sejam da Carolina Salgado.

NDR: Se me derem a honra do prefácio, darei o melhor de mim a relatar quando em 1985 avançado Cadorin do Portimonense revelou à comunicação social como D'Onofrio lhe prometera 500 contos e uma transferência para o FC Porto ou um clube da Itália ou da Suíça, caso o jogador provocasse um penálti no início do jogo Portimonense-FC Porto.

Direitos Televisivos - E agora?

 ●  + 22 comentários  ● 
Parece unânime que chegamos à negociação dos direitos televisivos sem nada para negociar e a rezar pela conhecida "boa vontade" e amizade do Sr. Joaquim Oliveira.

Obviamente que o aparecimento do excomungado (será mesmo?) mano Oliveira não foi inocente e teve como objectivo expor o Presidente Vieira à obvia fragilidade da sua gestão neste tema. Os fantasistas acharam que ele estava a fazer um favor ao Benfica...

Posto isto, quando a grande maioria (se calhar a totalidade) dos sócios prefere qualquer opção que não implique renovar o contrato com a Olivedeportos, impõe-se perguntar o que deve então fazer a Direcção?

Na minha opinião, deve explicar aos sócios porta fechada o que está em causa em termos de obrigações, opções e implicações de cada uma delas, cabendo aos sócios deliberar em consciência se a Direcção deve ou não negociar com a Olivedesportos... Até porque se trata de um contrato que apenas termina já no mandato da próxima Direcção (seja ela qual for). Será correcto ser esta direcção a negociar?

Olhando para o cenário mais provável (renovação com a Olivedesportos) na ordem dos 25M€ - como antecipo há mais de um ano - como devemos ver esse acordo?

DEIXEM AS VOSSAS OPINIÕES ÀS DIFERENTES QUESTÕES.

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Primeiros na primeira volta

 ●  + 4 comentários  ● 
Portugal, 24 de Janeiro de 2012

Excesso de trabalho tem-me impedido de registar alguns pontos de vista sobre a carreira futebolística do nosso Benfica. Contudo sempre se arranja um tempo, mesmo que seja para falar de um tema já algo ultrapassado: a liderança do Benfica ao cabo da 1ª volta.

O interesse que tem analisar o comportamento da equipa ao fim da 1ª volta, resulta do facto de termos jogado contra todas as equipas, o que do ponto de vista matemático permite algumas leituras e conclusões. Admite-se alguma linearidade nesta matéria pois dando de desconto a ordem dos jogos, que não favorece ninguém já que os nossos adversários também têm esse factor, podemos concluir que, grosso modo, se perdemos 6 pontos na 1ª volta é crível que a 2ª volta também resulte em perda semelhante. Dará ainda assim para ser campeão?

Este Benfica tem um dos melhores desempenhos dos últimos anos. Mérito do tantas vezes criticado Jorge Jesus, muito mais do que de Filipe Vieira como certos adeptos ilustres querem fazer crer, numa lógica de seguidismo, tipo culto do “querido líder”. Esqueceram-se que Vieira, como Presidente, já teve 7 treinadores, a todos deu os jogadores que podiam ser contratados, e os resultados ficaram bem aquém dos obtidos por Jorge Jesus.

Jorge Jesus conseguiu então após 18 anos, ser líder ao fim da 1ª volta. Se considerarmos a 1ª volta sem derrotas, teremos de recuar mais uns bons anos. Talvez 26 ou 27! Se somarmos a este pequeno recorde, as 18 vitórias consecutivas da época passada, os 17 anos interrompidos para chegarmos a uma meia-final de prova europeia, mais os 84% de pontos conquistados no título de há 2 anos, enfim, como benfiquista só lhe posso dizer obrigado: custa dinheiro, mas vêm-se resultados.

Conseguimos fazer 86,7% de pontos neste campeonato, contra todo o tipo de campanhas desestabilizadoras perpetradas pela comunicação social, e que condicionam o pensar de tantos adeptos: 1) tivemos a fase da equipa estar mal fisicamente, quando marcávamos cedo mas não goleávamos (Guimarães, Olhanense, Basileia), 2) temos agora a fase que a equipa só marca nos últimos 20 mn (Gil Vicente), 3) tivemos a fase “deixem jogar o Capdevilla”, 4) tivemos a fase “está a queimar o Nolito”, 5) tivemos a fase “Rodrigo e Nelson Oliveira vão sentar o Cardozo”, 6) tivemos a fase das “invenções” (em jogos que fez apenas gestão do plantel, por opção ou por necessidade – castigos e lesões). Etc, etc. Treinador do Benfica que não ganhe os jogos todos, não serve ...

Apesar disso e enquanto essa mesma comunicação social se “babava” com as N vitórias consecutivas do SCP, regra geral contra 10 e com 1 penalty a favor pelo meio, o Benfica lá ía (contra 11, sem penaltys e com golos mal invalidados – Olhanense e Paços de Ferreira). Com ou sem nota artística! Até chegar aqui, em 1º lugar, com muito trabalho, muito planeamento, muita coragem, muita calma, muita qualidade espremida de cada um dos talentos.

As conclusões lineares são contudo perigosas, porque não há qualquer relação cientifica sobre o rendimento da 1ª e da 2ª volta (recordo o caso do Sporting de Espinho, talvez em 1996/97, que fizeram uma 1ª volta de Taça UEFA e depois acabaram por descer de divisão) e também porque temos um rival que é melhor e mais perigoso que os outros, porque nunca é vitima de erros de arbitragem graves e bárbaros como nós. Ainda agora com o Gil, com 1-1 o árbitro assinalou livre indirecto dentro da área contra nós, num lance unanimemente considerado pelo Tribunal de O JOGO, como casual (o “benfiquista” de ABOLA pelo contrário, condescendeu e branqueou a decisão do árbitro). E se o Gil fizesse 1-2?

A tarefa que se avizinha é pois dura e difícil. Será necessário continuar como até aqui, pondo o resultado à frente da exibição, porque o que conta são os 3 pontos (embora para certos benfiquistas de “barriga cheia”, por vezes isso não chegue). Acreditar nos profissionais que já obtiveram tantas e tão boas marcas, como estas e todas as que foram obtidas nas últimas 2 épocas e meia. Cerrar fileiras em torno da equipa, encher o estádio, apoiar os nossos e assobiar os adversários. O Benfica vai precisar desse Inferno da Luz para reconquistar um título que merece e que já podia estar mais bem encaminhado se o FCP tivesse obtido os resultados condizentes com o seu futebol e não com as decisões dos árbitros: Guimarães, Gil Vicente e Feirense entre outros.

Sporting a caminho do abismo!!!

 ●  + 26 comentários  ● 
Este ano o Sporting Clube de Portugal, organização mais que centenária e com um papel relevante na propagação do ideal desportivo e de Portugal no mundo, fez uma aposta de alto risco. Jogou todas as fichas financeiras no aumento da dívida e no reforço do plantel. Vieram bons jogadores e um bom treinador. E o milagre esteve à vista até ao jogo com o Benfica....uma dúzia e meia de jogadores que não se conheciam estavam a transformar-se numa equipa temida. E de repente, com jogos contra o Glorioso, o Porto e o Braga, o atraso torna-se insuperável...Quando menos se esperava... Que terá acontecido? Acabou a sorte e a "paciência"? Não sei. Contudo, sei que o Sporting pode acabar por insolvência...por incapacidade de gerar receitas que permitam pagar a dívida acumulada...porque fez uma aposto tipo "tudo ou nada" e as probabilidades apontam fortemente para que seja "nada"...ou seja, em breve, muito em breve, fará companhia ao Belenenses...e esta vai ser a década em que isso vai acontecer. Seria preciso que os sócios do Sporting subscrevam mais um ruinoso empréstimo obrigacionista, e mais outro...e mais outro...em que cada um serve para pagar o anterior... P.S. Não sei se estou contente...porque o Sporting poderia ter feito melhor...poderia ter proposto uma fusão amigável com o Benfica...vendendo os terrenos de Alvalade, desmantelando a sua equipa profissional e mantendo a secção de atletismo. Foi pena.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Entre apoiar o Benfica e subscrever a BTV ou manter a Sportv o que vão fazer?

Avatar
 ●  + 33 comentários  ● 
Dizem que será difícil a BTV conseguir assinantes caso passe a canal codificado para transmitir em exclusivo os jogos do Benfica em casa. Isto porque vão querer manter a Sportv não só para ver os jogos fora do Benfica como para acompanhar os outros desportos.
Numa altura em que tantos apregoam o seu benfiquismo pela blogoesfera através de comentários e posts, eu pergunto:

Entre apoiar o Benfica e subscrever a Benfica TV ou manter a Sportv o que fariam?

Nota: Pelo que se lê e se ouve, a resposta não é tão óbvia assim para muitos. Ainda ontem, de bifana e cerveja na mão, o assunto não era pacífico.

Doping? Eles corriam...corriam tanto...tanto...mas como conseguiam?

 ●  + 22 comentários  ● 
Eles corriam....corriam muito...mesmo muito....O marcador do golo do empate o espelho da equipa. Era defesa direito, mas também interior direito e extremo direito. Ele descia e subia todo o flanco....atacava, sprintando. Recuperava a bola, sempre sprintando. Todo o jogo. Sem quebras. Ele e os outros 10 da equipa. Que Gallo... Eu assisti a tudo isto. A meu lado, um par de médicos que estranhavam, estranhavam muito mesmo, a forma como a equipa forasteira corria. Sempre a chegar primeiro à bola, sempre a ganhar as bolas divididas. Sempre a correrem os noventa minutos, sem quebra de ritmo. Mas a correrem e a rematar com pouca clarividência. Sempre. Mas muito. E então alguém verbalizou o que todos estavam a pensar: "estes tipos correm que se fartam...devem ter uma preparação especial". E então lembramo-nos do livro do ex-jogador Fernando Mendes. E como algumas equipas fazem para correr...correr mesmo muito... Claro que nós sabemos que o controlo anti doping é muito eficaz em Portugal. Afinal quase ninguém é apanhado...épocas inteiras com zero a um caso positivo. Só pode ser porque prima a verdade desportiva...só pode.... Porque em boa verdade vos digo...uma equipa que corre tanto...que chega sempre primeiro, disputa os primeiros lugares do campeonato...não está na metade baixa da classificação...só pode ser porque apenas correm muito de quando em vez.... P.S. Caros leitores, esta "estória" é mera ficção nascida num Domingo à noite....qualquer semelhança com algo que tenham visto ontem à noite é mera coincidência.

domingo, 22 de janeiro de 2012

Exibição descolorida

 ●  + 9 comentários  ● 
Não me vou alongar muito em relação a este jogo mas hoje não estivemos bem. Pelo que se passou em campo, o resultado é extremamente pesado para o Gil Vicente. Em termos de oportunidades de golo ou de situações de perigo o Gil Vicente teve quase tantas como o Benfica. Hoje não tivemos ao nosso nível, exageramos no passes curto e tabelas a meio campo, faltou-nos imaginação, faltou-nos objectividade. Tivemos muita posse de bola mas na maioria dessa posse não fomos capazes de ser efectivos e perdemo-nos em passes e tabelas quando poderíamos ter rematado mais. Por vezes este Benfica exagera nas tabelinhas quando têm espaço para rematar à baliza.

Acredito que iremos ter mais jogo destes, onde as coisas não nos correm bem e é importante ganharmos esses jogos mas não nos podemos colocar a jeito. Uma palavra também para o Gil Vicente que se mantiver esta intensidade de jogo garantirá rapidamente a manutenção.

Continuamos invictos e na frente do campeonato, por isso nada de depressões por uma exibição menos conseguido, porque acontece a todos os clubes. Este jogo já é passado e temos de nos concentrar já no próximo.

CARREGA BENFICA!!!!!!

Comentem o Benfica vs. Gil Vicente

 ●  + 1 comentário  ● 
 Assim que começar o jogo os comentários ficam abertos e livres de moderação, excepcionalmente.

sábado, 21 de janeiro de 2012

OXALÁ ...REZEMOS !!!!!

 ●  + 3 comentários  ● 

Comunicado do SLBenfica - 21-01-2012 18:51
Um estilo infelizmente generalizado

Seguindo uma máxima que começa a fazer doutrina em alguns jornais de que o que conta é o título e não propriamente o conteúdo da notícia, o Expresso publicou hoje, na sua primeira página, que o “Benfica vende jogos por metade do que pedia”, explicando de seguida que “encarnados queriam 40 milhões pelos direitos televisivos dos jogos, mas renovação com a Olivedesportos rondará os 20 milhões”.

A Benfica Futebol-SAD vem esclarecer que não tem nenhuma oferta, nem fechou nenhum acordo com a Olivedesportos e que o destaque feito à notícia publicada na página 18 do caderno de economia do Expresso, bem como a construção da mesma, é abusivo e revela a completa adulteração do que devem ser as boas práticas jornalísticas.
-------------------------------------------------------------------------------------
-------------------------------------------------------------------------------------

Direitos televisivos
(...) A informação acerca do assunto é quase diária e nem sempre é credível. Há muito ruído e pouco esclarecimento. Deste modo, defendo que, neste momento, Luís Filipe Vieira deverá encontrar uma solução que permita, dentro da família benfiquista, discutir a situação, esclarecer os sócios acerca das suas intenções e ficar esclarecido acerca das intenções dos associados.

Nem sempre as emoções das massas são o melhor conselheiro na condução racional dos negócios do nosso Clube. Ainda assim, o assunto em apreço é de tal ordem sensível que uma decisão tomada apenas na solidão de um gabinete e indiferente à vontade dos sócios pode colocar em causa a própria decisão. - Pedro Ferreira

Comentário do Dia - Em Braga os Benfiquistas NÃO diminuiram!

 ●  + 4 comentários  ● 
Moro em Braga e sou benfiquista! (Não sou de Braga, não nasci em Braga e não pretendo ficar até ao fim da minha vida em Braga)

Fui muitas vezes ver jogos do SLB ao 1º de Maio, contra o Braga, mas também contra o Moreirense e acho até contra o GMR. O estádio estava sempre cheio de Benfiquistas, mesmo contra o Braga, nos poucos anos que a fruta e chocolates andavam distraídos e o SLB ganhava um campeonato saia para a rua com muitos outros milhares a festejar! Hoje não é assim!
No ultimo título do Benfica meia dúzia de garotos, com a conivência das autoridades, tomou de assalto o centro da cidade, onde carros com crianças foram apedrejados! Estariam eles a festejar o facto do GR do GIL deixar cair a bola misteriosamente, ou de com o marítimo poderem jogar fora das quatro linhas, ou de com o GMR Artur Soares Dias ter voltado atrás e marcado penaltis até o Braguinha ganhar, ou até a VERGONHOSA expulsão do Cardoso em Braga, talvez por ter levado duas bolachadas e o fiscal de linha virar a cara e disfarçar? Não sei o que estariam a festejar, porque não tinham ganho NADA. O que eles queriam era impedir o Campeão de festejar e conseguiram-no, porque a policia viu-os a assaltar a desactivada casa do Benfica, roubar e destruir e nada fizeram, a policia viu-os a apedrejar os carros que passavam e nada fez.

Desenganem-se os que pensam que em Braga os Benfiquistas diminuiriam, porque ainda somos a maioria (o que não faz de nós melhores, apenas maiores)

É normal que se apoie o clube da cidade, mas também é normal TER O DIREITO DE NÃO O APOIAR E SER DE OUTRO CLUBE QUALQUER, mas, pelo menos em Braga, ser Benfiquista é crime e demonstrá-lo é desafiar a sorte!

Em minha opinião, para o Benfica e para o futebol, era melhor que equipas como o Braga crescessem e conseguissem tornar o campeonato mais competitivo, mas não da forma que o Braga o está a fazer, incitando ao ódio ao Benfica e numa clara postura pró-corrupto, porque já outros o fizeram e depois desapareceram (Boavista, Salgueiros, etc etc..)

Bubbles, in Chauvinismo no futebol? NÃO!

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Chô, Chô, Chauvinismo!

 ●  + 7 comentários  ● 
Obrigado a todos.

Caro Pedro: É imperioso defender o sagrado direito à Liberdade de, também no futebol, cada um apoiar quem muito bem entender, respeitando todos os que o merecem. O “ataque” aos apoiantes do Benfica tem dois objetivos; um desportivo em benefício da desejada expansão do FCP e outro político visando provocar fraturas sociais abrindo caminho para a, por muitos desejada, regionalização. Todos os Benfiquistas do Norte têm a minha especial admiração. Abraço.

Caro João: Quero acreditar na sua boa-fé; pretendi alertá-lo e aos que pensam de igual forma das armadilhas subjacentes a esse pensamento. Nós Benfiquistas, não temos uma “guerra” com os Portistas. Alguns Portistas, alegadamente liderados pelos seus dirigentes, é que nos têm movido guerra, porque dela necessitam; quer para motivar os seus atletas, quer para condicionarem árbitros e adversários, quer para promoverem as fraturas sociais necessárias à implantação formal da regionalização, pois quanto a mim, em muitos aspetos e à revelia dos Portugueses, a regionalização já está no terreno.

Então o João acha que as pessoas devem apoiar o clube da sua terra se for tipo Braga, mas se for o Lamas já não! Lá se vai a sua tese!

Mesquita Machado já foi o meu herói! Houve uma época em que, corajosamente e sem papas na língua, denunciou as alegadas trafulhices do futebol. De repente calou-se e candidatou-se à Câmara de Braga pelo PS - quanto a mim aliado de longa data do FCP -, que ganhou e onde permanece há longos anos, parecendo por vezes que ainda tem um pé no Braga (Ou serão os dois)? Gostava de perceber o que mudou no futebol para ele ter abandonado a denúncia das alegadas trafulhices. Se calhar, deixou de haver alegadas trafulhices para o seu clube.

Então o João acha que em Inglaterra, Itália, Espanha, França, não se verifica idêntica disparidade orçamental entre clubes que em Portugal e que não há, nesses países, em todo o lado, adeptos dos correspondentes grandes? Não é necessário demonstrar o contrário, pois não?

Tem todo o direito de se indignar e condenar todos os que têm atitudes pejorativas à sua cidade, bem como o de gostar só do seu clube. Porém, sentir-se-á diminuído se se fechar ao prazer de disfrutar da arte de bem jogar futebol, ao são convívio dos adeptos adversários leais e, sobretudo, se tolerar aos seus as indignidades que reprova aos adversários.

Finalmente, caro João; não sei se gosta de boxe. Eu gosto. Neste desporto, o regulamento estabelece as categorias dos pugilistas de forma que os adversários da mesma categoria tenham capacidades físicas equivalentes. Eu acho bem. E acho que deve aplicar-se princípio idêntico no futebol. Que espetáculo se pode oferecer num jogo disputado num campo exíguo onde a equipa da casa se acantona à frente da área com os seus atletas a distribuir “fruta” pelos adversários mais talentosos, impedindo a equipa adversária de jogar? Chama a isto competitividade?

É necessário também, sim, mudar a mentalidade de muitos treinadores lusos para ensinarem os seus atletas a jogar em vez de os mandarem dar “paulada”. O resultado do projeto de MF será o nivelamento por baixo. Não se iluda João, estou convicto de que andam por aí muitos clubes a viver de financiamento público encapotado, que inevitavelmente, vai acabar. Não há mais! Abraço.

Caro Diogo: Obrigado pela correcção; estava na dúvida mas não confirmei. Gosto da música de JPP e acho que tem potencial para evoluir. Abraço.

Caro 218219: Esse é um dos sagrados direitos de cada um. Felicito-o pela clarividência. Também tenho saudades dessa Académica - de quem fui adversário quando joguei -, que, infelizmente, parece ter caído na teia do “sistema”, destruindo um legado que valorizava o futebol nacional. Todos éramos um pouco Academistas. Abraço.

Caro Bubbles: Testemunha uma plêiade de cumplicidades que atenta contra o Estado de Direito. Pois é, como muito bem observa, agora, parece que só há um representante da cidade do Porto; qual é, qual é?... O FCP! Uau! Parece que ninguém estranha! Depois dos Mouros, dos Judeus, dos Cristãos Novos, dos Católicos, dos Maçons e dos Fascistas, parece que há gente que pensa ter chegado agora a vez dos Benfiquistas, em nome da regionalização. A mesma força que derrubou a ditadura não se vergará aos novos déspotas e oportunistas que subvertem os princípios democráticos. Bubbles, não se esqueçam nunca: um homem com medo é meio homem! Abraço.

Caro bicho: Temos que respeitar o João, fazendo-lhe ver o outro lado, como é o caso. Abraço.

Viva Portugal!

Mais leitinho para o mamão !!!

 ●  + 1 comentário  ● 
Na seara onde o MAMÃO semeia o seu trigo - devidamente manipulado para ser isento de joio -   as  sementes já estão no lugar certo em terra farta e grada,  adicionadas com os melhores adubos do mercado, onde não faltará também a água que está guardada em represa cheia, para que nada falte a uma boa safra.

Os dois capatazes, destacados em comissão de serviço sempre atentos e vigilantes, um na LIGA e outro na FPF que  por via satélite, manterão contactos com os maiorais e chefes de escala e de turnos, zelam para que tudo corra com o que foi agendado em devido tempo, com o seu AMO.

Para o aumento da colheita -
os  tempos estão maus e há que aumentar a produção, mas com a mesma despesa -  Estão já planeados para o próximo ano, o plantio de mais 4 centos  hectares de vinha,  denominada UVA MIJONA.

Meos,
Trocando por miúdos, o que eu quero dizer é que, os dois empregados do olibeiredo,  com o anúncio do  preconizado  aumento para 18 clubes,  nivelando por baixo o futebol tuga podre e corrupto, aprestam-se para banquetear e obsequiar o seu patão com mais 4 jogos do Benfica,  4 dos Corruptos A, 4 do Ceportem/submissos e  4 dos Corruptos B, para não falar nos 4 de todos os outros 14 clubes e tudo a preços antigos. Quer dizer, receitas novas a preços da tal uva mijona que querem plantar.

Não vejo ninguém a falar neste tema. O Benfica ainda está a tempo de incluir esse aumento de jogos, no preço a acordar -
oh da guarda, devo estar ensandecido, por dar já o contrato com a sporka-tv como dado adquirido, vou já lavar a boca - mas, como o contrato com os corruptos e bota-fogos, estão já acordados até 2.018 pergunto eu, como é que é???

LOL... sempre a mamar, é a sina do mamão!!!

Ele deu a volta da despedida...vendam-no rapidamente!

 ●  + Sem comentários  ● 
Ontem o rapazinho deu a voltita de despedida, após mais um esforçado jogo que culminou num empate contra o segundo classificado da Liga de Honra...Um empate de honra, portanto... E ele tem mesmo que dar a voltita de despedida....porque os seus colegas não recebem há algum tempo e vai ser necessário pagar-lhes os salários...antes o fora o Levezinho...Agora o Joãozinho...!

Aumentem a transparência...nas transferências de jogadores

 ●  + 6 comentários  ● 
O caso Falcão e a sua transferência é paradigmático...."desapareceram" 10 milhões do alegado valor da transferência em comissões pagas aos supostos intermediários. Para além do bizarro de serem necessários intermediários para negociar com um vizinho muito conhecido (Atlético Madrid) não deixa de ser curioso que estas comissões foram pagas a sociedades localizadas em zonas "off shores" que se caracterizam pela pouca ou nenhuma transparência e identidade dos seus beneficiários últimos. De facto, se o caso Vale e Azevedo e o prodigioso barco "Lucky Me" nos ensina alguma coisa, é que não basta saber quem são os "donos" formais destas misteriosas entidades empresariais sedeadas em zonas offshore. Empresas que nunca criaram um posto de trabalho, nunca pagaram um cêntimo de imposto... Ainda mais grave é não se poder acreditar que estas sociedades são detidas por sociedades de advogados...sabido que estas meramente representam os interesses de alguém...É preciso negociar apenas e só apenas com empresas cujos beneficiários efectivos, económicos, sejam conhecidos inequivocamente... Desta forma menos transferências e menos negócios "estranhos"... Sim, os direitos televisivos têm enorme potencial para serem "estranhos"...aguardemos....

Encontrada a solução para os Direitos Televisivos

 ●  + 17 comentários  ● 
Uma Assembleia Geral de Sócios do Sport Lisboa e Benfica! Sim... isso mesmo.

Não há dúvidas que o melhor para o Clube será agendar-se uma sessão de esclarecimentos, onde inclusivamente se convidem os sócios a apresentarem moções de trabalho ou disponibilizar-se para soluções que beneficiem o clube financeiramente e em termos de divulgação da marca e imagem do Sport Lisboa e Benfica.

O tema é de vital importância e envolvimento de todos os sócios do Benfica, pelo que esta sessão é fundamental ser realizada antes de qualquer negociação. Os benfiquistas são os donos do Clube e têm o direito de se proporcionar.

Tem a palavra o Sr. Presidente da Direcção do Clube (não da SAD).

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Chauvinismo no futebol? NÃO!

 ●  + 9 comentários  ● 
O caro João, que teve a amabilidade de comentar a minha crónica “A Liga dos Pequeninos”, é da opinião que a falta de competitividade que se tem verificado no nosso futebol é consequência da disparidade de meios entre os chamados grandes e os outros, e que, aqueles, ainda roubam pontos a estes. Defende que as pessoas devem aprender a gostar da sua cidade e apoiar o clube da sua Terra, desagradando-lhe que “os grandes” sejam recebidos como se fossem “donos” dela. Por tudo isto, apoia o novo Presidente da LPFP que anunciou a duplicação do financiamento dos Pequenos e médios clubes(PMC), sacrificando “os quinhões” da Olivedesportos e dos “grandes”.

Ora bem; isto é um novelo com muitas pontas! Eis a minha opinião:

Toda a gente gosta do clube da sua Terra, porém, nada impede que goste de outro clube qualquer, ou até de todos os outros clubes. Nem sempre a equipa da nossa terra tem os predicados que gostamos de ver numa equipa. Então, sendo, neste caso o futebol, um espetáculo desportivo, onde se deve privilegiar a arte de bem jogar, é normal e saudável que cada um, além de gostar da equipa da sua Terra, também goste dos clubes que melhor espetáculo desportivo proporcionam. É por isso que eu, por exemplo, “adorando” a música de Luís Góis, não deixo de gostar da de Chris Christofferson! Não há nenhum mal nisso. Já acho mal que, por exemplo, aos iranianos, não seja sequer permitido, ouvir Christofferson ou outro qualquer músico não iraniano, sob pena de ir parar às medonhas catacumbas.

O futebol, quanto a mim, não deve ser usado como instrumento de afirmação política; nem local, nem regional, nem nacional, embora seja uma prática corrente a nível internacional e, também depois de 74 e até hoje, em plena Democracia, a nível nacional e regional. São bem conhecidos os propósitos de Hitler ao usar os Jogos Olímpicos de Berlim de 1936 para afirmação do regime nazista e da superioridade da raça ariana sobre todas as outras. Felizmente que, o grande, o imortal, Jesse Owens, de raça negra, desacreditou tamanha imbecilidade, com as suas vitórias fulgurantes.

E que mal tem que a população de uma qualquer cidade, vila ou aldeia, receba os forasteiros, incluindo equipas de futebol adversárias que admira, com amabilidade? Nenhum! A hospitalidade é uma qualidade tradicional do Povo Português. E ninguém é dono dos afetos de outrem! O jovem José Pedro Pais cuja música aprecio, tem um tema com o verso; “Ninguém é de Ninguém”. Quem ousa negar?

Pierre de Coupertin foi o fundador dos Jogos Olímpicos e acreditava, quanto a mim erradamente, que a qualidade de uma nação se reflectia na qualidade do seu desporto de alta competição. E é por acreditar nisto que a maioria das nações se atropela e algumas cometem monstruosidades para ganhar. Na verdade, procuram, muitas delas, o reconhecimento internacional do aparente sucesso de regimes fracassados. É o que se passa com Portugal.

As consequências do projeto de MF, traduzir-se-ão, quanto amim, na perda de competitividade internacional dos “grandes” (G), na inflação dos custos de exploração dos PMC (anulando o incremento de receitas devido ao consequente agravamento dos salários dos atletas), na continuação da dependência dos PMC dos G, do fastidioso “brutebol” luso e da “eterna” suspeição de compadrios com eventuais esquemas de “arranjo” de jogos.

Também nós temos o nosso Hitler desportivo! Talvez o João não se tenha apercebido, mas, essa história do “dever” das pessoas gostarem do clube da sua Terra em detrimento de certos outros, quanto a mim, faz parte da estratégia da “máquina de propaganda azul”, largamente difundida na comunicação social, com o fim de desgastar o maciço apoio social de que o Benfica goza, permitindo uma aproximação do FCP em termos de adeptos.

Por exemplo; em Braga, antes, recebia-se a comitiva do Benfica em clima de festa e amizade, realizando-se o jogo num ambiente festivo e saudável onde muitos adeptos apoiavam simultaneamente as duas equipas. E isso parece que era muito, muito mau mesmo! Assim como que um símbolo do “faxismo”! Agora não! Agora vivemos em Democracia; o regime da Liberdade, da tolerância, da solidariedade, da fraternidade, da responsabilidade, da competência, do respeito pelos outros! Por isso, agora, a comitiva do Benfica é recebida, “civilizadamente”, à pedrada, os jogos são uma guerra campal e os Benfiquistas de Braga são perseguidos, insultados e agredidos! Isto é que é defender o clube da Terra, pois então!

Caro João; gostar do clube da nossa Terra e da nossa cidade, vila ou aldeia, sim, ótimo, mas que nunca sirva de pretexto para ostracizar ou agredir outros clubes e seus adeptos. Muito menos para servir espúrios interesses de terceiros que não hesitam em instrumentalizar os inocentes e legítimos afetos dos outros, incluindo dos adeptos do seu próprio clube, para proveito próprio.

Um abraço ao João,


Um abraço a todos

A evolução da lagartada

 ●  + 6 comentários  ● 
  
Antes                      













Depois

















As novas botas














O novo avançado














O novo emblema


















Isto é o Sporting Comédia de Portugal.

Obrigado por existirem, sem vocês isto não tinha piada nenhuma!!

Curtas

Avatar
 ●  + 13 comentários  ● 



- Taça da Liga corre bem, e tudo indica que a primeira prova de fogo deste 2012 será aí.

- Nolito, será desta que convenceste o JJ?

- Capdevilla...Emerson...qual o melhor? Hmmmm...deixa ver: vou usar o método Mourinho.

Quantos mais títulos tem que ter o Capdevilla para o acharem um jogador, digamos, acima da

média?

- Pepe: nunca simpatizei com ele, nem o queria na selecção. Mas há muita hipocrisia nas críticas

que lhe dirigem. Especialmente dos jornalistas que o levaram ao colo para a selecção nacional.

Algum jogador do Barcelona é inocente? Tenham paciência!

-Por falar em paciência, o Domingos ontem passou-se. Foi interessante vê-lo falar no túnel

de Braga. Como a vida dá voltas, não é Choramingos?

- Os lagartos de vez em quando acertam. Embora fosse claro que as imagens do túnel eram

agressivas, ninguém tinha nada a ver com isso. Caíram na armadilha dos corruptos, deixando

à solta jornalistas avençados. As novas com os girassóis/borboletas são de um humor muito bom!

- Nélson Oliveira, tens muito a evoluir, em especial na forma como lidas com o peso da camisa

gloriosa! Domina isso e verás que, com oportunidades, terás um futuro risonho.

- Mourinho não se safa de mais uns dias penosos. E em parte merecidos. A história com o Barça

é idêntica à nossa história com os corruptos na altura em que Mourinho estava lá. Ninguém põe

em causa que os corruptos tinham uma equipa muito boa, mas até nessa altura eram beneficiados.

Algo de que Mourinho se tem queixado no último ano e meio relativamente ao Barça. E por tudo

isso, cada derrota com os catalães custa muito mais.

- As diferenças são substanciais. Em 2 jogos, o Benfica recebe 72000 pessoas na Luz. Comparando,

os corruptos recebem 39000 pessoas(dizem eles).

Percebem porque o Benfica merece um acordo televisivo que o remunere pelo real valor da marca?

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Verdades acima das convicções

 ●  + 23 comentários  ● 
Goste-se ou não da gestão de Luis Filipe Vieira, das opções ou da postura. Goste-se ou não do que tem sido o retorno da gestão desta Direcção. Goste-se ou não da defesa cega de certos tipos de argumentos ou, pior, pessoas individuais em vez do Clube...

... Uma coisa é certa: Há verdades que são tão objectivas e factuais que têm que estar acima de quaisquer convicções e interpretações. É essa a análise que faço do tópico do Vermelhovsky no Antitripa e que gostava de transcrever abaixo:


Começo este post, dando a minha opinião sobre o jogador Danilo.

Tudo o que o vi fazer no Santos, durante o último ano, indicam que é um jogador com grande potêncial. Tem boa técnica, é rápido e nas mãos de um bom treinador pode chegar a um nível excelente.

Bom, dito isto, vamos é falar de guito.

Danilo custou ao Clube Assumidamente Corrupto, 13 milhões pagos a pronto ao Santos, mais de 4,834 milhões em comissões. São 17,834 Milhões de Euros.

Além disso os Corruptos da Areosa tiveram que aceitar que o atleta ficasse mais 6 meses no Santos e ter de emprestar um jogador avaliado em 3 a 4 milhões por um ano.

Fazendo os calculos por alto, este Danilo custou aos CORRUPTOS cerca de 20 milhões de euros (contando os salários do Fucile, que eles vão pagar enquanto ele estiver no Santos).

Sinceramente é muito... ou melhor, não é muito... é um ABSURDO.

Como eu disse, é um jogador com grande potêncial, mas não era nenhuma estrela do Santos, e não acredito que consiga ser rentabilizado para valores muito acima do que eles pagaram.

E depois há as consequências do negócio, que se viram nos últimos meses.

Como é que um clube gasta tanto dinheiro num jogador e depois não consegue pagar outros jogadores, não tem guito para pagar salários, não consegue contratar jogadores que fazem falta ao plantel?

Enquanto isso na Luz, com menos dinheiro, fomos contratar Bruno César, Witsel e Garay... e os 3 chegaram no início da época e são fundamentais na equipa. E qualquer um deles vale mais hoje, do que o que o Benfica pagou por eles.

Lembro também que CORRUPTOS quiseram contratar Bruno César e Witsel. Mas foram COMIDOS pelo Vieira... e lá tiveram que abrir o cuzinho ao Santos para ter o Danilo e foderam-se todos!!!

Como eu disse... o Danilo até pode vir a ser um grande jogador... mas o Bruno César e o Witsel já o são e custaram muito menos!!!!

*************************************************

Como já vi alguém perguntar, será que com estes valores absurdos, também vão colocar em cima dele a pressão que foi colocada em Roberto e outros que custaram valores exagerados (mas nunca tanto) no SLBenfica?

SportTV

 ●  + Sem comentários  ● 

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

A Liga dos Pequeninos

 ●  + 9 comentários  ● 

Mário Figueiredo (MF) ganhou as eleições para a LPFP porque prometeu aos clubes pequenos e médios (PMC), mais lugares e mais dinheiro, garantindo que esta é a via para aumentar a competitividade dos clubes de futebol em Portugal, beneficiando do anátema que António Oliveira, implicitamente, lançou sobre António Laranjo - suposto candidato da Olivedesportos e dos “grandes”. Ganhou por seis votos, restando cerca de dois anos e meio para o termo do mandato, o que significa, que a maioria atual pode não se verificar na votação dos temas a tratar ainda no atual mandato.

MF tem um currículo académico sólido; é licenciado em Direito pela Universidade de Coimbra e tem um MBA, não sei em quê. Apresenta uma larga “tarimba” profissional na área do Direito Desportivo - cerca de dez anos -, quer enquanto sócio da “famigerada” Sociedade de Advogados de Gil Moreira dos Santos, Caldeira, Cernades & Associados quer trabalhando com vários clubes, tendo representado o Marítimo em inúmeras comissões da Liga, sendo ainda genro de Carlos Pereira, Presidente do Marítimo. Portanto, conhecerá bem a Regulamentação Desportiva, tal como os bastidores desta e do futebol em geral.

Quanto a mim, o cargo exige competências algo diferentes das habitualmente atribuídas a um jurista; visão, iniciativa, persuasão e coesão. Qualidades mais frequentes em quem lida de perto com o mundo empresarial. Por outro lado, não confio em ninguém que trabalhe ou tenha trabalhado naquela Sociedade de Advogados. Não preciso de explicar porquê, pois não?

Os vetores principais do seu projeto, consistem no propósito de aumentar a competitividade das ligas de futebol aumentando as receitas globais e redistribuindo-as de forma a duplicar as receitas dos PMC. Para isso, propõe o aumento do número de jogos na primeira Liga - 32 para 34 -, a retoma dos patrocínios das empresas de apostas propondo a regulamentação dos jogos de azar conforme o modelo francês (não sei o que é), e a centralização da venda dos direitos desportivos acreditando que entrarão novos “players” que aumentarão a receita global dos direitos, tal como em Inglaterra onde o aumento verificado parece ter sido de 60% após a entrada de um novo player.

Não acredito no modelo do alargamento, tal como José Manuel Delgado (JMD) e Manuel Martins de Sá (MMS). O CM de hoje, noticia na pág. 32 que o jogo da 1ª jornada Feirense-Nacional teve 731 espetadores! O Paços de Ferreira tem uma média de 712 espetadores! (O nosso clube lidera com 329047 espetadores).

O caminho a seguir é precisamente o inverso; reduzir o número de clubes da 1ª Liga aos que tenham condições de sustentabilidade, 10 ou 12 introduzindo o play-off com os seis primeiros classificados da primeira fase - solução preconizada por JMD. A receita de cada um será substancialmente maior, reflectindo-se na qualidade dos planteis e no futebol ofensivo, com maior espetáculo, mais incerteza, mais público, mais audiências e maior competitividade externa geral.

Por outro lado, a debilidade financeira da maioria dos clubes está no centro da suspeição de corrupção, pela dependência que revelam no trânsito de atletas com os ditos grandes, traduzindo-se, em última análise, num financiamento efetivo. Não deveria ser permitida a cedência de atletas a clubes do mesmo escalão do mesmo país. Bem sabemos o que costuma acontecer nalgumas situações. No entanto, esta é matéria que parece não preocupar MF! E isso, é muito mau sinal.

Quanto à centralização da comercialização dos Direitos, aceito que pode funcionar - está em vigor em França e Itália após intervenção do Governo e tem muitos defensores - se, apenas se, aparecerem novos interessados e NENHUM DELES TIVER TRATAMENTO PREFERENCIAL! O que parece não ter acontecido até aqui. (Em Espanha continuam a ser negociados individualmente).

Neste cenário, é óbvio que o investidor perde capacidade negocial face à negociação individual. A eficácia do processo dependerá do equilíbrio da repartição, a qual deverá ser feita de forma a não retirar competitividade aos grandes, aumentando a dos PMC. Ora, a única forma de o fazer é reduzindo o nº de clubes! E é por isto que o projeto de MF está condenado ao fracasso. E aqui está uma diferença essencial entre um empresário e um jurista.

Convém ainda lembrar que, se se pode aumentar a receita centralizando a negociação, também se pode aumentá-la dividindo-a em fatias. É este um dos métodos mais eficientes de maximizar as receitas. Portanto, defendo um método misto, faltando definir o modo de fatiamento.

Outro importantíssimo tema, tem a ver com as quotas de jogadores Portugueses nas equipas nacionais. MF, defende a não limitação dos estrangeiros e o incentivo aos jovens atletas nacionais, apostando na formação, nas infraestruturas e na redução do salário mínimo para atletas com menos de 21 anos.

Volta e meia, aparecem “uns maduros” a, implicitamente, censurar os clubes portugueses por terem poucos atletas nacionais! Como se os seus dirigentes fossem culpados! Nenhum grande clube Português consegue manter na sua equipa um bom atleta profissional Português, pela simples razão de que não podem competir financeiramente com clubes estrangeiros com orçamentos da ordem dos 400/500 ME, quando o deles é de 60/80 ME! A Lei Bosman é da responsabilidade dos políticos e não dos dirigentes desportivos! Por outro lado, bem sabemos que “o Patriotismo” e “clubismo” de tais atletas não os impede de largar tudo por melhor salário - salvo exceções . Já lá vai o tempo em que não queriam ser mercadoria! Agora, é uma questão de verba.

Portanto; mais atletas nacionais nas equipas nacionais, sim, mas com garantias para os clubes que financiaram a sua formação. Infelizmente, o dirigismo desportivo em geral, não está socialmente bem visto mercê de uns “artistas” que têm andado por aí a fazer “asneiras”. No entanto, são eles os grandes motores do futebol que temos. O dirigismo desportivo honrado é uma das áreas de gestão mais difíceis que há. No meio do “lixo” há muita virtude; coragem, imaginação, amor, gratidão e generosidade. É forçoso reconhecê-lo.

Posto isto: a minha convicção é de que, independentemente de quem estiver nos órgãos desportivos, o futebol nacional só se emancipará quando a Olivedesportos sair de cena, condição esta necessária, mas não suficiente.

Um abraço a todos

recentes

ranking