O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


O Benfica deve vender em Janeiro?

sábado, 3 de dezembro de 2016

Avatar

Ufa! Finalmente a depressao de novo!

 ●  + 53 comentários  ● 


Já estava a ficar preocupado! Há 10 meses que uma derrota, um jogo menos conseguido, um mau resultado não fazia acender todas as luzes, que não tínhamos tantos especialistas a identificar as carências e as dificuldades, os problemas e os alertas

E ao fim de 10 meses, finalmente estamos em via de perder o campeonato! Lideramos mas já se viu tudo! Agora é sempre a perder porque estes 10 meses foram obra do acaso e da sorte.

Parabéns aos verdadeiros campeões. Ah espera

Avatar

Notas soltas sobre o jogo de ontem

 ●  + 25 comentários  ● 
1. O pior período da equipa foram os últimos 20 minutos, quando Rui Vitória mexeu e colocou a carne toda no assador. Prova-se a tese de que nem sempre os jogos se ganham colocando mais homens na frente, principalmente quando isso resulta num desenho tático baseado na anarquia e no desespero.

2. Mitroglou pode ter uma ou outra noite má ou um período mais ou menos longo de seca de golos mas, todos compreendem o seu papel na equipa e como a sua presença é importante para que a equipa possa jogar como gosta e sabe. Já Jimenez, ao fim de 18 meses, é um jogador desintegrado, sem papel no coletivo (e não estou a dizer que é só culpa dele), que precisa de basear o seu jogo na correria louca a todas as bolas para que a sua presença em campo seja sentida e possa provar a sua utilidade. No jogo da Turquia, a sua entrada em campo foi o convite que faltava para que o adversário avançasse no campo dez metros e nos desferisse o golpe final (o homem não segura uma bola lá à frente para que a equipa possa respirar). Até ao momento, muito pouco para tanto milhão.

3. Gonçalo Guedes é um jovem promissor, de talento indiscutível, que está a fazer o seu caminho, que neste momento tem de ser forçosamente marcado por alguma irregularidade. Mas é também um daqueles jogadores a quem bastam 20 minutos na partida para perceber logo se vai ter uma boa ou má noite. Ontem foi um daqueles jogos em que se percebeu logo que ia passar ao lado do jogo.

4. Luisão, teve uma má semana e, já se percebeu, vai ser um alvo fácil sempre que o Benfica sofra golos e os seus erros serão sempre analisados com uma lupa bem maior do que os erros do parceiro ao lado, independentemente da justiça ou injustiça no tom de algumas criticas. Quando se entra num estado destes, é certo e sabido que se está a prazo e perto do fim e que a paciência já não é muita, e que mais semana menos semana vai ter de dar lugar a outro. O problema é que os outros são Lizandro que não me convence e Jardel que está lesionado. Com Lindelof provavelmente de saída, não me parece que seja ainda desta que LFV vai cumprir a promessa de que os reforços futuros estão todos no Seixal!

5. André Almeida é jogador à Benfica e um daqueles que devia estar entre nós para sempre. Cumpre, é esforçado e não compromete. Mas também não faz a diferença. Ontem fez falta um lateral esquerdo com mais rotação que permitisse também a Cervi não ter de ir sempre no um para um e pudesse procurar outros espaços.

6. Numa equipa com excesso de extremos, já todos perceberam onde está o excedentário: Carrilho! Não está em causa aquilo que todos sabemos que é capaz de fazer. O que está em causa é que não parece ter o espírito certo para jogar neste Benfica neste momento. E quando não se tem o espírito certo numa equipa cujo espírito é a melhor força que tem, o caminho só pode ser o dar lugar a outros, que também podem ter noites más como Carrilho, mas que ainda assim deixam sempre a pele em campo e parecem lá estar sempre de corpo e alma!

7. O meio-campo defensivo da equipa continua a ser Fejsa e mais três ou quatro jogadores levezinhos e de tração à frente a quem se pede algum espírito de sacrifício na hora da perda de bola. É curto, especialmente quando Célis e Samaris são jogadores banais, e quando Danilo chegou como aparente solução e depois nem sequer foi inscrito na Liga dos Campeões. Contra equipas que sabem trocar a bola, a incapacidade de encurtar o espaço desta equipa, de segurar a bola e sair a jogar sem ser em correrias loucas, é gritante!

8. Pizzi, aqui o fui criticando algumas vezes, frisando sempre que não está em causa a sua qualidade (que reconheço), está sim a relação qualidade - preço. É justo dizer que Pizzi é hoje o patrão desta equipa e que esta depende muito da sua inspiração e capacidade de sacrifício. E este parágrafo serve pois para reconhecer a qualidade e o contributo do Pizzi neste Benfica Tri-Campeão de Rui Vitória, mas se calhar para reconhecer também, e um pouco em continuidade com o ponto anterior, que talvez este meio-campo do Benfica precise de um outro (mais um) patrão.

9. Dê-se as voltas que se der ao texto, a verdade é que em jogos grandes, o saldo de Rui Vitória tem sido até ao momento muito fraco. É imperativo derrotar o Sporting para que esta ideia seja colocada imediatamente de lado, e agora mais ainda quando uma nova derrota significará a perda da liderança do campeonato.

10. Se há semanas que podem marcar a sorte das equipas e dos treinadores, esta é seguramente uma dessas semanas.





  
Avatar

Perder no Funchal para vencer Nápoles e Sporting.

 ●  + 16 comentários  ● 
De todos os jogos em que se podia esperar um deslize no campeonato, este era o menos aconselhável. 

Antes de um jogo decisivo para a continuidade na Champions e antes de receber um adversário directo na disputa do campeonato, uma vitória era o resultado em linha com o que se espera sempre do Sport Lisboa e Benfica.

"É uma estupidez falar de arbitragem." 
Se nos referirmos às arbitragens manhosas que têm ajudado os adversários, é sinal que estamos atentos. Mas falarmos das arbitragens dos nossos jogos como desculpa de um mau desempenho é não querer perceber o que correu mal. Além disso, este Conselho de Arbitragem foi apoiado pelo Benfica.

Não me quero alongar com nomes de jogadores...hoje. Mas Rui Vitória tem que entender que não há lugares cativos ou vacas sagradas. Quem não rende ou corresponde ao que se espera dele tem que sair da equipa.

Ninguém espere que apenas um jogador segure o meio campo defensivo ou que uma defesa remendada seja a solução para jogos importantes. 

Os próximos 2 jogos são fundamentais para a entrada na segunda parte da temporada.

Mesmo que amanhã Sporting e FC Porto vençam nada de especial acontecerá se vencermos o Nápoles e o Sporting.

Mas ninguém vai compreender que se falhe nos próximos 2 jogos. Treinador e jogadores têm de interiorizar isso.

Continuar na Champions e no primeiro lugar do campeonato são objectivos para cumprir.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Avatar

Quem joga com este espírito, pode perder um jogo aqui ou ali, mas dificilmente perde um campeonato!

 ●  + 68 comentários  ● 
Talvez não seja aquilo que alguns esperam ouvir de mim nesta altura... O mais fácil neste momento é sempre criticar, o jogador que escorregou, aquilo que o árbitro não marcou, o azar que nos toldou, o resultado que torna herói ou réu qualquer treinador...

Da minha parte, o que fica do jogo de hoje, é o reforço da fé que tenho nesta equipa e neste grupo...

Quem joga com este espírito e tem no seu grupo todas estas individualidades, pode perder um jogo aqui ou ali, mas dificilmente perde na maratona de um campeonato!


Avatar

Marítimo - Sport Lisboa e Benfica.

 ●  + 12 comentários  ● 
O Benfica vai jogar com: Ederson; Nélson Semedo, Luisão, Lindelof e André Almeida; Fejsa; Salvio, Pizzi e Cervi; Gonçalo Guedes e Mitroglou.

Como se esperava a escolha para tapar o lado esquerdo é André Almeida. Também de assinalar o regresso de Mitroglou.

Uma vitória será um excelente resultado num campo sempre difícil.

Carrega!!
Avatar

A carteira sem fundo do Atlético de Madrid.

 ●  + 39 comentários  ● 

"Nico Gaitán equaciona regressar ao Benfica, no verão do próximo ano, noticiaram ontem meios de informação de Espanha, com o programa Punto Pelota, da Intereconomia TV, e o diário ‘As’.

Desconcentente com a pouca utilização no Atlético Madrid, o internacional argentino, de 28 anos, não descarta um regresso à Luz, onde considera ter vivido seis boas temporadas, tendo vencido três campeonatos.

Transferido para o emblema colchonero, a troco de 25 milhões de euros, Gaitán realizou até ao momento 10 jogos, sendo que foi titular apenas em três. Diego Simeone já fez saber que o futebolista será um dos pilares da equipa, assim que que ultrapassar o período de adaptação.

Gaitán completou o jogo com o Guijuelo, para a Taça do Rei, na passada quarta-feira, e no final foi elogiado pelo treinador dos colchoneros." - Record.

Esta notícia, com eco em Espanha e Itália, não surpreende ninguém. 

Gaitan saíu do Benfica "obrigado" por Luis Filipe Vieira e, sem ter o destaque ou a utilização que tinha no Benfica, é natural que pense no sítio onde era uma estrela e foi muito feliz.

Mas sendo com o Atlético de Madrid, eu diria que...não.

Mesmo com o dinheiro envolvido no negócio futebol hoje em dia, é de estranhar que um clube gaste em quase 3 anos cerca de 127M€ em jogadores que cedeu, não utilizou ou quase e não utiliza: Gaitan, Vrsaljko, Jackson Martinez, Vietto, Kranevitter, Mensah ou Cerci.

Isto só mencionando os mais caros. 

Por isso, por muito que goste do Nico, mais negócios com o Atlético de Madrid não. Nem com nenhum dos clubes do universo Mendes/Doyen/China. Está por provar o real ganho em negócios com essas entidades.

Sou um romântico? Não. Sou um realista. 
Os anos passam, as transferências milionárias sucedem-se, e as contas dos clubes, em particular o Sport Lisboa e Benfica que é o que nos interessa, continuam no vermelho e a piorar.

Já contibuimos demasiado para o novo estádio do Atlético de Madrid.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Avatar

Sporting: Passivo "recorde", Custos "galopantes", Comissões e Perdão de Juros!

 ●  + 158 comentários  ● 
Apesar de a publicação dos Relatórios e Contas do 1º e 3º Trimestre ter deixado de ser obrigatória por parte da CMVM, devido a directivas europeias, a Sporting SAD preferiu publicar o R&C de forma a tentar apresentar um "brilharete" pelo facto de terem vendido 75M€ em jogadores com Mais-valias de 60M€.

O problema é que nesse mesmo R&C do Sporting é possível verificar várias situações NEGATIVAS ao nível do "Passivo" recorde, Custos galopantes, Comissões nas transferências e Perdão de Juros:


1) Passivo da Sporting SAD (sem considerar o Clube e SGPS) já supera os 400M€!
O Passivo da SAD subiu para os 276,9M€, ao qual acrescem 127,9M€ de VMOC's, subindo o Passivo "REAL" da Sporting SAD para valores acima dos 400M€! 404,8M€ de "Passivo + VMOC's"!

Confirma-se a informação que transmiti há alguns meses de que o Sporting tem um PASSIVO+VMOC's Consolidado (SAD + Clube + SGPS) superior a 500M€, superando o Benfica por larga margem!

É a primeira vez na história do Sporting que o Passivo + VMOC's "apenas" da SAD supera os 400M€! Nunca tal se verificou no passado, em épocas anteriores de ex-Presidentes e de ex-Treinadores do Sporting!

Este é o motivo pelo qual o Sporting Clube Portugal RECUSA-SE a apresentar o Relatório e Contas Consolidado do Grupo Sporting (SAD + CLUBE + SGPS), relativo à época 2015/2016! O Jornal Expresso bem pode esperar "sentado" por essa informação!

Em termos de Capital Próprio, excluindo o efeito dos VMOC's que ainda não foram convertidos, a situação continua negativa em -90,0M€, e até final da época a situação irá agravar-se para um valor próximo dos -120M€ negativos, se não forem realizadas vendas adicionais até 30 de Junho 2017.


2) Custos Operacionais e Custos de Pessoal "galopantes"
Em apenas 3 meses, gastaram 24,5M€ em termos Operacionais o que representará Custos Operacionais de 100M€/Ano, quando na época de Leonardo Jardim apenas gastaram 42,0M€/Ano e com Marco Silva gastaram 52,1M€/Ano!! Ou seja, com Jorge Jesus os Custos Operacionais aumentaram 138%!

Ao nível dos Gastos de Pessoal a despesa foi de 15,1M€ em apenas 3 meses, o que representará mais de 60M€/Ano, quando na época de Leonardo Jardim apenas gastaram 25,0M€/Ano e na época de Marco Silva gastaram 25,1M€/Ano!! Ou seja, com Jorge Jesus os Custos de Pessoal aumentaram 140%!

Mesmo que os Proveitos Operacionais possam aumentar para os 65M€/Ano (sem considerar as receitas UEFA), juntando os 20M€ de Receitas com a UEFA que poderão alcançar até final da época, verifica-se que pelo 2º ano consecutivo a Sporting SAD prepara-se para apresentar um Resultado Operacional Negativo. Em 2015/2016 foi de -9,7M€ e seguindo a tendência o Resultado Operacional poderá superar os -15M€ negativos em 2016/2017! Por exemplo, na época de Marco Silva o Resultado Operacional foi positivo em +6,3M€.

Infelizmente, no R&C não foi apresentada a evolução dos Gastos de Pessoal com a Equipa Técnica. Se o tivessem feito teriam de explicar o facto de Jorge Jesus ter passado de um salário de 5M€/Ano para 8M€/Ano!


3) Custos com "Comissões" nas Contratações e nas Vendas!
A Sporting SAD adquiriu em 3 meses 17M€ em jogadores (Bas Dost 10M€, Elias 2,5M€, Castaignos 2,5M€, André Souza 1,0M€ e Douglas 1,0M€) e os custos totais com aquisições foram de 19,5M€! Ou seja, existiram mais de 10% em "Comissões" nas 5 contratações.

Na época anterior, em 10 contratações e renovações registadas no 1º Trimestre de 15,4M€ os custos totais rondaram os 25,5M€. Ou seja, pagaram comissões de 40% sobre o total de gastos com contratações e renovações no 1º trimestre de 2015/2016!.

A Sporting SAD vendeu 3 Jogadores no 1º Trimestre de 2016/2017 por 74,5M€ (João Mário 40M€, Slimani 30M€, Naldo 4,5M€) além de 0,7M€ de outros Proveitos com Atletas + 0,1M€ em mecanismo de solidariedade e apenas tiveram 59,5M€ de mais-valias! Ou seja, existiram mais de 20% em "Comissões" nas 3 Vendas.

Bem sei que é necessário considerar 2,4M€ do Valor líquido contabilístico dos Atletas vendidos, no entanto nos comunicados do facebook do Sporting e na Comunicação Social ninguém quer saber disso para nada quando analisam as "Comissões" pagas pelo Benfica. Esta "observação" fica para registo futuro!

Também foi curioso constatar que a Sporting SAD não explica no R&C que dessas vendas 50% dos Rendimentos acima de 8M€ terão de ir obrigatoriamente para a Banca, para amortização de empréstimos e também para o fundo de reserva dos VMOC's. Para um clube que se diz "transparente" foi engraçado verificar esta "omissão".

Rendimentos com Atletas (R&C 16/17) = 72,9M€
Excedente acima de 8M€ (16/17) = 64,9M€
Valor que terá de ser entregue obrigatoriamente à Banca (50% do Excedente) = 32,45M€*
* De acordo com a Cláusula 5ª e 24ª do Acordo Quadro com o Novo Banco e Millennium BCP.

Ou seja, mesmo que a Sporting SAD consiga aguentar até final da época com lucros a rondar os 30M€, os lucros irão ser totalmente retidos pela Banca, tal como já tinha adiantado em 1ª mão!

Por falar em verbas retidas, neste momento já são superiores a 15M€ os valores retidos pela UEFA relativos às verbas a receber das "Competições Europeias" que estão registadas como "Outros Activos Correntes", e que o Sporting não recebeu! Nem uma linha existe no R&C do Sporting a explicar o porquê dessa situação pouco usual ter acontecido, na medida em que deveriam explicar aos sócios e accionistas a verdadeira razão: Condenação no Caso Doyen/Marcos Rojo e Penhora das receitas da UEFA.


4) Perdão de Juros supera os 10M€/Ano
Confirma-se que a Sporting SAD continua a beneficiar em 2016/2017 de um "Perdão de Juros". Os financiamentos obtidos pela SAD são de 128,0M€ a que se juntam os 127,9M€ de VMOC's, e atendendo aos 255,9M€ de financiamentos obtidos + VMOC's a Sporting SAD apenas pagou 1,1M€ de custos financeiros no 1º Trimestre 2016/2017. 

Considerando uma taxa média de 6,25% obtida no mercado obrigacionista, a Sporting SAD deveria pagar 16M€/Ano em Juros (4M€ por Trimestre) em todos os Empréstimos + VMOC's, em vez de 1,1M€ por Trimestre que anda a pagar. Ou seja, confirma-se que a Sporting SAD está a ter um perdão de juros superior a 10M€/Ano!
 


Conclusões Finais:
- PASSIVO E CAPITAL PRÓPRIO: O Passivo + VMOC's supera pela primeira vez na HISTÓRIA da Sporting SAD os 400M€, e em termos consolidados já supera os 500M€! O Capital Próprio da SAD, excluindo o efeito VMOC's, está nos 90M€ negativos e deverá rondar os 120M€ negativos no final da época. No entanto, os anteriores Presidentes é que estão a ser processados por "gestão danosa"!
RESULTADOS OPERACIONAIS: Mesmo gastando 140% a mais do que nas épocas de Leonardo Jardim e Marco Silva os resultados desportivos não estão a aparecer, e o "buraco operacional" é cada vez maior! No entanto, foi o anterior treinador que tentaram despedir com "justa causa"!
- RESULTADOS COM  JOGADORES: O Sporting pagou comissões de 10% a 40% nas Contratações e de 20% nas Vendas, e as receitas das Competições Europeias estão penhoradas para pagar à Doyen pela venda do Marcos Rojo! No entanto, acusam os rivais de pouca "transparência" nas transferências!
RESULTADOS FINANCEIROS: A Banca continua a dar um Perdão de Juros ao Sporting superior a 10M€/Ano! "O Zé Povinho que se lixe" e que pague a factura dos 2 Bancos intervencionados!
- RESULTADOS DO EXERCÍCIO: Na época passada tiveram 31,9M€ de prejuízos e esta época poderão aproximar-se dos 30M€ de lucro. No entanto, como esse lucro apenas irá ser alcançado através da venda de Jogadores isso significa que o potencial lucro será todo "retido" pela Banca!

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Avatar

O tudo por tudo de Pinto da Costa.

 ●  + 82 comentários  ● 


O FC Porto batoteiro, corrupto e manipulador está a passar o seu pior período desde que Pinto da Costa e Pedroto tomaram conta do clube.

Quando NES foi anunciado como treinador, o meu palpite era que o rapaz não chegaria ao Natal como treinador do FC Porto e está bem encaminhado para que isso suceda.

O grande problema do FC Porto de Pinto da Costa é que não estão habituados a jogar limpo, a terem que lutar pela vitória sem um empurrãozinho de árbitros ou com jogadores adversários a facilitarem o golo, ou ainda sem utilizarem terceiros para prejudicar os adversários.

Tudo isso foi fundamental no trajecto do FC Porto nos últimos 30 anos.

O Apito Dourado, propriamente dito, não mudou nada quanto a tudo o que eram os métodos do FC Porto. 

O que realmente fez a diferença foi o serviço público prestado por um anónimo ao colocar no Youtube as escutas que expuseram a vergonha que tanta gente se esforçava por esconder!

A partir daí, mesmo com a imediata colocação de Fernando Gomes na Liga de Futebol, as coisas começaram a mudar. Os árbitros mais velhos estavam a chegar ao fim da carreira, os dirigentes intermédios e fundamentais no funcionamento do “sistema” tinham medo de ser apanhados em novas escutas e assim o FC Porto foi tendo cada vez mais dificuldades em controlar o futebol português.

Hoje, com uma nova geração de árbitros, o FC Porto está desesperado. Mesmo tendo conseguido colocar Paulo Costa no Conselho de Arbitragem, os corruptos não estão a conseguir controlar os árbitros e assim obter aquele empurrãozinho tão importante em outros tempos.

Até mesmo a “fórmula milagrosa” do druida Povoix que foi tão descaradamente utilizada no jogo com o Sport Lisboa e Benfica(só André André e Varela é que não passaram no exame branqueador) não salva uma equipa sem inspiração, descrente e quem sabe até com problemas em receber a horas. 

Daí que Pinto da Costa esteja a recorrer a tudo: o regresso de João Pinto à estrutura do futebol na esperança de incutir algum do espírito do antigamente, o envio cedo na temporada das famosas malas, e a tentativa de condicionar os árbitros com ataques às decisões dos mesmos.

Também Fernando Gomes veio a terreiro pela primeira vez em vários anos relembrar que é adepto do FC Porto, enviando um recado discreto a toda a estrutura da FPF. Aliás recados não faltam levados pelo braço direito de Fernando Gomes, Tiago Craveiro mais conhecido entre os seus amigos como “Cachecol do Porto”.

Portanto, temos um FC Porto completamente à nora em que apenas os portistas fanáticos colocados no aparelho político das Câmaras Municipais da área metropolitana do Porto lhe podem valer com benesses sucessivas utilizando o dinheiro dos contribuintes portugueses.

Temos um FC Porto presidido por alguém que ainda vive numa era que terminou. Restam-lhe as velhas amizades e os fanáticos. 

O campeonato precisa de um FC Porto forte? Sim, precisa. Mas esse FC Porto só será bem vindo com uma limpeza profunda. Sem Pinto da Costa nem qualquer elemento ligado aos roubos e manipulação de resultados. Até isso acontecer, espero que este FC Porto bata no fundo e que todos os jogos esse fundo seja…cada vez mais fundo.

O mal que o FC Porto de Pinto da Costa fez ao futebol português e ao Sport Lisboa e Benfica é imperdoável. 

Roubou títulos, troféus, manipulou clubes e pessoas, desviou através dos seus acólitos dinheiro devido ao nosso clube como sucedeu no contrato firmado com a Olivedesportos durante 10 anos, incentivou e usou de violência usando os Superdragões para intimidar toda a gente no futebol e fora dele, e cultivou o ódio como combustível para um ideal.

Quem assistiu aos anos 80 e 90, ao clima de ódio e violência, não pode achar que este FC Porto faz qualquer falta. Pelo contrário, deve ser humilhado e escorraçado.

Venha quem queira fazer do FC Porto ou de qualquer outro clube algo sério, honesto e transparente. Mas se calhar isso é pedir muito.

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Avatar

Algumas notas sobre Finanças: Contratações e Direitos Televisivos

 ●  + 58 comentários  ● 
Nota 1 - Jogadores

Depois dos regressos de Ederson e André Horta não admira que o Benfica tenha interesse nos regressos de Pedro Pereira (Sampdória) e Pedro Nuno (Académica).

Habituem-se a estas operações de mercado. Não é por acaso que regularmente apresento a análise sobre os jogadores promovidos a nível mundial, que passaram pela formação e/ou equipa B.

Também continuará a ser habitual a prospecção e a contratação de jovens talentos como Grimaldo ou Marcelo Hermés, que quase ninguém conhecia.

Nota 2 - Direitos Televisivos

Finalmente a Administração da Benfica SAD "abriu os olhos" sobre a NOS e sobre a SportTV (nada que já não tivesse avisado desde o primeiro momento). 

O ano de 2019 poderá ser o último ano de ligação do Benfica à NOS.
 
Por aqui me fico ... para já!



NOTA FINAL: uma nota de solidariedade para os amigos e familiares das pessoas que faleceram na comitiva do Chapecoense.
Avatar

As questões do NGB sobre o Sporting que o "amigo" Saraiva não quer responder.

 ●  + 83 comentários  ● 

Quadro retirado do blogue "Sporting com Filtro"(link incluído)
Basta aparecer alguém a levantar questões sobre a forma actual e futura de financiamento do Sporting e o "amigo" Saraiva vem logo com perguntas sobre o Benfica e Luis Filipe Vieira.

Pois o "amigo" Saraiva anda muito distraído. É que no Benfica, mesmo contra algumas vontades, os assuntos mais quentes são sempre debatidos. Doa a quem doer.

Essas "novidades" que Saraiva pensa ter trazido já foram abordadas, espremidas e debatidas.

É alguma novidade que Amílcar Pires era unha com carne com Vieira? Que o ajudou no tratamento da dívida do seu grupo empresarial dando até melhores condições que ao Benfica?

É alguma novidade que deixam muitas dúvidas os negócios que envolvem as tranferências de jogadores vindos da América do Sul? Não têm sido os próprios benfiquistas a questionar a direcção sobre esses negócios? O que têm os lagartos a ver com isso?

E já agora, que clube é que pode afirmar total transparência em qualquer transferência hoje em dia? Não sejam ridículos.

Já agora seriam interessante é que o "amigo" Saraiva desse o exemplo e respondesse ao seguinte:

- O Sporting tem os vencimentos da equipa de futebol em dia? Tem conseguido pagar esses vencimentos todos os meses a tempo e horas?

- Quem é que financia o ordenado milionário de quase 8M/ano de Jorge Jesus? 

- É ou não verdade que o Sporting já deu como garantia para financiamento valores do contrato assinado com a NOS, retirando assim a futuras direcções valores fundamentais para a gestão financeira do clube?

- Adrien tem ou não prometida a saída do clube em Janeiro?

- O que escondeu o regresso de Elias ao Sporting?

- É ou não verdade que Inácio regressa ao futebol para se livrar do jugo de Bruno de Carvalho?

- É ou não verdade que Bruno de Carvalho defendeu que a Sporting TV só deve ter comentadores aprovados pelo presidente e que se revejam na postura de Carlos Dolbeth?

- É ou não verdade que William Carvalho espatifou o Porsche na noite e depois inventou a história que estava em casa e que foram os "amigos"?

- É ou não verdade que o balneário do Sporting tem já uma fatia grande dos jogadores contra o treinador, as suas opções e postura perante os atletas?

- Quem é afinal o tal novo investidor que o "amigo" Saraiva quer esconder?

E como pergunta final, porque raio é que o "amigo" Saraiva não gasta o seu tempo a denunciar as malas que andam já a circular pelo país para incentivar os adversários de Benfica e Sporting a jogarem melhor?

Vamos lá ver se o "amigo" Saraiva tem assim tanta vontade de responder.

artigos recentes