O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


Qual foi o melhor jogador do campeonato 2016/2017?

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Jesus pode sair do Sporting nos próximos dias...

Avatar
 ●  + 31 comentários  ● 
O Gordo parece estar a querer levar longe demais a relação com o treinador e depois do "se ele vai, eu também vou" em Coimbra no Domingo e alegadamente terá insistido partilhar com Jejum os momentos mais íntimos do treinador com a esposa, algo que foi recusado pelo treinador e que está a gerar um grande mau estar entre os dois... O treinador alega que já é suficiente irem aos pares ao wc e que não tolera mais que isso, pois não está para ouvir bocas sobre a paternidade da filha do gordo, como acontece o Léo do Monaco.

Último dia, última chance.

Avatar
 ●  + 105 comentários  ● 

Último dia de mercado, última possibilidade de se suprir algumas insuficiências do plantel.

O jogo de sábado mais uma vez demonstrou que este plantel está longe de ter os argumentos necessários para uma época inteira de grandes competições.

A não ser que o gestor e decisor do futebol do Benfica, Luis Filipe Vieira, queira desde já entregar o campeonato aos adversários, fazer a mesma figura triste da temporada passada na Champions e contentar-se, talvez, com uma Taça da Liga, é vital que se reforcem algumas posições claramente sem qualidade. Pelo menos qualidade para um clube como o Benfica.

Os argumentos financeiros não podem ser desculpa para a incompetência demonstrada até agora na falta de reforços. Quem gasta 9M em 50% do passe de Raúl está à vontade para gastar em mais reforços NECESSÁRIOS para o plantel.

De todos os que chegaram, apenas Mitroglou tem servido.

De resto, os jogadores contratados têm sido zeros à esquerda ou intervenientes em negócios pouco explicados ao povo benfiquista.

Os primeiros jogos da temporada têm demonstrado que Pizzi não serve para criador de jogo nem para ser titular. Talvez para jogador de banco. Nada mais que isso. Eliseu continua a ser um defesa incompetente e que desestabiliza o equilíbrio do resto da defesa.

Luisão não vai para novo e está a ter um início de temporada muito fraco, com erros atrás de erros. Porque não se foi ainda buscar um central dominador para suceder ao brasileiro?

Depois os extremos. Gaitan tenta servir para tudo, mas não dá. Vítor Andrade está em crescimento e por isso não será ainda uma solução imediata para todos os fogos.

Na frente, o grego está a afinar as posições com Jonas e veremos se Raúl será uma alternativa.

Ou seja, demasiadas fragilidades e insuficiências para esta altura da temporada, quando os adversários já trabalham com um plantel estabilizado há semanas.

Daí que, apesar de algumas falhas que Rui Vitória tem evidenciado nos seus primeiros jogos a doer, não se pode negar que tem trabalhado com menos qualidade ao dispôr que os adversários e que têm-lhe pedido que faça muitas omoletes com poucos ovos.

Não esqueço que nos últimos 2 anos, em que fomos campeões, a equipa andou sempre até Janeiro a jogar um futebol fraco e com resultados tangenciais. Aí não houveram esquisitos, apesar dos 3 anos anteriores em que tínhamos assistido a mais um Tri do FCP.

Também não vi esquisitos quando a equipa na temporada passada, em Dezembro, já estava fora das competições europeias e da Taça de Portugal.

Tanto Rui Vitória como o plantel têm margem para melhorar. O treinador precisa de aprender rapidamente o que é treinar um clube como o Benfica, e Luis Filipe Vieira tem até à meia noite para provar que vai cumprir a palavra de dar as mesmas condições a Rui Vitória que deu ao anterior.

Nenhuma formação triunfa se não puder crescer ao lado de jogadores de qualidade. Foi isso que sempre defendemos no NGB.  
 

domingo, 30 de agosto de 2015

Parabéns rapazes!!!

Avatar
 ●  + 21 comentários  ● 


35M recusados

Avatar
 ●  + 52 comentários  ● 
Segundo à imprensa francesa, o Mónaco recusou uma proposta de 35M€ pelo Bernardo Silva... Entendem que o jogador pode valer ainda mais dentro de um ano.

... Cavaleiro não vai chegar a tanto, mas como anda a jogar no Monaco não tardará a sair também por valores significativos.

Depois olhamos para o Benfica e vamos Mukthar, Candeias, Bebe, Marçal, Taraabt, Carcela, Ola John... Que entre salários e custos de contratação se calhar já custaram perto da receita que tivemos com estes dois jovens.

sábado, 29 de agosto de 2015

Samaris explicou o "meio gás"

Avatar
 ●  + 131 comentários  ● 
Resumo tudo nas palavras que ouvi na rádio no flash do Samaris num "recado" enviado aos colegas - repito, o jogador fez questão de se dirigir aos colegas (onde se incluiu referindo-se à "nós"): temos que trabalhar mais nos treinos.

Se calhar esta necessidade do Samaris expor isto poderá explicar algumas coisas. Porventura há jogadores que têm que esquecer a amizade e paixão pelo anterior treinador.

A relação entre Pedro Guerra e Luís Filipe Vieira explica-se?

Avatar
 ●  + 44 comentários  ● 


"Foi Pedro Guerra, atual diretor de conteúdos da BTV, quem tornou público, em 2001, o crime de roubo pelo qual Luís Filipe Vieira foi condenado a 20 meses de prisão em 1993. Na altura, o agora diretor de conteúdos do canal do Benfica era jornalista no semanário O Independente, cuja última edição saiu para as bancas em setembro de 2006, quando Vieira já era gestor do futebol da Sociedade Anónima Desportiva (SAD) do clube da Luz.

Confrontado pelo CM com o facto de no passado ter investigado jornalisticamente o crime pelo qual foi condenado o atual presidente dos encarnados, e agora trabalhar no canal do Benfica, Pedro Guerra recusou fazer qualquer comentário.

Na notícia que escreveu há 14 anos, o diretor de conteúdos da BTV conta os pormenores do roubo de um camião que foi planeado por Luís Filipe Vieira na madrugada de 28 de março de 1984.

O presidente das águias planeou este crime para ajudar o amigo José Luís Gama, um industrial de Arganil. "Um caso de contas que não foram honradas, relacionado com uma cessão de quotas da empresa Transportes Internacionais de Mercadorias, Lda.", lê-se no artigo de Pedro Guerra.

Além de ter tornado público o crime do presidente do clube para o qual trabalha atualmente, o jornalista escreveu que Luís Filipe Vieira "não mostrou arrependimento" e ainda teve sorte, juntamente com os outros cinco arguidos, por apanhar duas leis de amnistia "que lhes valeram o perdão total das penas". - Correio da Manhã.

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

A propósito da palhaçada da imprensa...

Avatar
 ●  + 36 comentários  ● 
A imprensa, alguma em especial, anda vergonhosamente a querer "colar" o acto alegadamente ilícito de um funcionário do SLBenfica ao Presidente e a alusões nunca confirmadas e que nunca passaram de rumores com origem no FCPorto...

Porém, não me lembro de ter visto alusões semelhantes à amizade de outros Presidentes com presidiários, tendo sido este praticamente o primeiro com quem ele celebrou a conquista de uma taça...


... Nem me lembro de ter visto a imprensa tão interessada em investigar mais sobre notícias recentes que davam conta de um dirigente arguido de uma investigação da PJ:

Operação Fénix: Prisão preventiva para 13 detidos. Diretor-geral da SAD do FC Porto é também arguido

Curiosidades...

A imagem do SLBenfica...

Avatar
 ●  + 13 comentários  ● 
... no site oficial do Atlético de Madrid, a propósito do sorteio da Champions:


Bruno Carvalho anuncia candidatura.

Avatar
 ●  + 124 comentários  ● 

"Bruno Carvalho anunciou esta sexta-feira na sua página pessoal do Facebook a candidatura às eleições para a presidência do Benfica no próximo ano. O empresário volta a candidatar-se depois de ter sido derrotado por Luís Filipe Vieira em 2009.

Eis o comunicado completo:
Conforme anunciei aqui, há já alguns dias, eu estava em período de reflexão relativamente à possibilidade de me candidatar a Presidente do Benfica nas eleições que ocorrerão em Outubro do próximo ano.

Quem me segue sabe que estou profundamente insatisfeito com o rumo das coisas.

É certo que ganhámos 6 das últimas 8 competições que disputámos e que somos bicampeões.

No entanto, o ego do Presidente foi mais forte e não aguentava que a glória fosse para outro e teve que interromper o ciclo, colocando à frente do Benfica alguém que cedesse muito mais às suas exigências e, sobretudo, que não lhe roubasse o palco.

Por outro lado, o aventureirismo deste Presidente conduziu o Benfica a uma situação financeira extremamente perigosa, tendo feito obra, mas não tendo pago nada, à semelhança do que muitos andam, há anos, a fazer a este país.

É certo que muitos não querem saber de negócios dúbios e nada transparentes como os de Roberto, Pizzi ou Garay e não se preocupam com os negócios obscuros com Braga e Atlético de Madrid promovidos sempre pela mesma pessoa.

Nem vale a pena mencionar que Vieira assumiu a Presidência do Benfica através de um número de sócio absolutamente questionável, não me deixando de surpreender que neste país não tenha havido um único jornalista que tenha levado isto a sério tendo sempre todos preferido ignorar o assunto.

Todos estes assuntos estão há demasiado tempo debaixo do tapete.

Mas esta questão da droga não pode ser ignorada.

O senhor agora acusado e detido por posse de 9,5 kg de cocaína foi o mesmo que, em 2009, veio com o Sr. Presidente do Benfica ameaçar-me a um hotel de Lisboa onde eu preparava a minha candidatura.

Toda distância que tentarão colocar entre esse senhor e o Presidente do Benfica será apenas para enganar todos aqueles que querem ser enganados.

Já chega de trazerem o nome do Benfica para a lama.

Estou cansado de verem fazer isso.

Alguém tem que fazer o enorme esforço de repor a honra e dignidade à maior instituição de Portugal.

Há muitos notáveis no Benfica, mas todos fingem não ver nada do que se passa e no meio dos seus tacticismos, na sua busca de migalhas que lhes vão dando, preferem calar-se.

Eu não sou desses.

Alguém tem que pôr cobro a isto.

E não são reportagens vergonhosas como aquelas que a SIC fez neste verão que enganam todos.

Por estar frontalmente contra o que se passa no Benfica é que assumo, sem tibiezas, uma candidatura em 2016.

Não sei se vou ganhar ou perder, apenas sei que sou o único que parece estar disponível para esta batalha.

Sei que tudo farão para que pensem que não me posso candidatar, mas estão enganados e não adianta perseguirem esse caminho.

O Benfica precisa se transparência, rigor e de voltar a ser uma instituição com dignidade.

Não é com esta gente que o Benfica vai lá.

Em 2016, ver-nos-emos nas urnas e os Benfiquistas poderão escolher se querem este caminho do enxovalho e de um clube ao serviço de uma pessoa ou se querem o seu Benfica de volta.

Eu estarei na luta.

Podem contar comigo." - Record.

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Esclarecimento do JN.

Avatar
 ●  + 42 comentários  ● 

"Um dos detidos, funcionário do Sport Lisboa e Benfica, tinha na sua posse nove quilogramas de cocaína, que transportava numa viatura", comunicou a Procuradoria-Geral da República (PGR), em nota escrita enviada ao JN, através do seu gabinete de imprensa. Tal como o JN noticiou hoje em primeira mão, a PJ tem aquele suspeito, José Carriço, referenciado como diretor do Departamento de Apoio aos Jogadores do Benfica.

A mesma nota recebida esta quinta-feira da PGR confirma ainda que, no âmbito do mesmo inquérito, "foram também efetuadas buscas ao gabinete deste arguido [José Carriço] nas instalações do Sport Lisboa e Benfica, clube que não é visado nas investigações".

Questionado pelo JN, ontem à noite, o diretor de comunicação do Benfica, João Gabriel, quis declarar "apenas que é um problema da justiça com o cidadão José Carriço. Nada a ver com o Benfica", sublinhou.

Além de José Carriço, a PJ deteve outro indivíduo, na operação realizada em finais de julho e que passou então despercebida.

Presentes a um juiz de instrução, ambos os arguidos ficaram em prisão preventiva." - JN.

Comunicado do Sport Lisboa e Benfica.

Avatar
 ●  + 15 comentários  ● 

"Comunicado

Em julho passado, no âmbito de um processo de investigação mais vasto e no cumprimento do seu dever, a Polícia Judiciária deteve em Sintra um ex-funcionário do Sport Lisboa e Benfica.

A Polícia Judiciária contou de imediato com a colaboração do Sport Lisboa e Benfica, postura que se mantém e manterá. Foi neste enquadramento que a PJ teve acesso ao antigo espaço que o referido ex-funcionário ocupava no estádio, tendo recebido, sobre o mesmo, toda a informação solicitada.

O Sport Lisboa e Benfica, como qualquer outra instituição, não é responsável pela prática de atos ilícitos dos seus ex ou atuais funcionários fora das suas competências profissionais.

A forma leviana, incorreta e cheia de insinuações como a notícia tem vindo a ser divulgada por alguns órgãos de comunicação visa, objetivamente, atingir o bom-nome e a honorabilidade do Sport Lisboa e Benfica, comportamento que não vamos tolerar ou consentir.

Assim, irá o Sport Lisboa e Benfica denunciar, pelos meios e nos locais adequados, estes comportamentos e reclamar aos seus responsáveis a devida compensação pela reiterada violação do direito ao seu bom-nome."

-----------

Custava muito ter publicado isto logo de manhã em vez de falar um serviçal com vontade de protagonismo?

Este comunicado não explica pontos essenciais como a viatura apreendida, o acesso do funcionário (ou ex) às instalações do clube nem quem as frequentou com ele, mas é um bom começo.

Grupo da Champions.

Avatar
 ●  + 41 comentários  ● 

SL Benfica
Atlético de Madrid
Galatasaray
FC Astana

És grande!!!!

Avatar
 ●  + 11 comentários  ● 

Exige-se um inquérito interno.

Avatar
 ●  + 125 comentários  ● 

É engraçado como o tempo vai desmascarando as atitudes de alguns "habitantes" da blogoesfera. 
Gente que salta de blogue em blogue desdobrando-se em comentários por todo lado com a missão passar a mensagem que os incumbiram de fazer.

Esses supostos grandes "benfiquistas" são aqueles que se invocam diferentes dos outros benfiquistas e adeptos de outros clubes. Melhores, mais puros, reclamam dos métodos utilizados pelo "inimigo", mas refletem na perfeição os métodos introduzidos no futebol português pelo FCP de Pinto da Costa.

Reclamam-se correctos, mas não conseguem escrever umas palavras sem classificar todos os que de si discordam de FDP's. São incapazes de produzir uma ideia própria, repetindo até à exaustão os méritos que só eles vislumbram na política do endividamento e da incompetência da gestão desportiva.

Tanto criticaram a submissão cega ao líder em outros clubes mas imitam-nos por aplicarem a si mesmos uma submissão acrítica ao presidente do seu clube, sendo hábeis na criação de cortinas de fumo para ele não ser posto em causa.
O exemplo está nos ataques de que Rui Vitória tem sido alvo. O problema é sempre ele e nunca quem o escolheu. 

Nos últimos dias até li que benfiquistas que debatem em programas de televisão com elevação, que se recusam a descer ao nível de outros habituados a chafurdar no insulto e na pobreza moral, são um problema e deviam ser todos afastados. 
Os habituais comentários de que "não me revejo em tal personagem MAS..." são reveladores de um vale-tudo para certos "benfiquistas". Preferem descer ao nível do lixo televisivo que tanto criticaram do que recusar se revolver nesse lamaçal de gente fraca de espírito mas com um mau intímo gigantesco. 
Quem se tentar equivaler aos adversários, no pior que eles têm, como faz o execrável director de propaganda conteúdos, revela desconhcer por completo o que é o Sport Lisboa e Benfica.
A Casa dos Segredos também tem muitos fãs, mas isso não transforma esse telelixo num bom conteúdo. Haverá sempre gente reles que gosta de ver gente reles.

Daí que hoje já nem surpreende se a gravidade do que foi dado a conhecer ao grande público hoje não chocar muitos dos "benfiquistas".

A prisão em Julho de alguém que recebia na Luz cidadãos colombianos, segundo o "Observador", e que depois é preso num carro do clube com 9,5 kgs de cocaína é algo que noutra qualquer instituição obrigaria a um inquérito interno rigoroso.

O facto de o nome da operação estar conotada com o Estádio da Luz é grave. O facto de ser um funcionário do clube é grave. O facto de usar as instalações do clube para receber gente estranha à actividade do mesmo, sem que ninguém se interrogue porquê, é grave. O facto de mesmo que já não fosse funcionário do clube estar a transportar num automóvel do clube DROGA é grave.

Se isto fosse com alguém ligado ao FCP ou ao SCP, o que diriam esses "benfiquistas"? 

Que explicações vai dar o Benfica sobre este caso? Vamos ter que nos contentar com conversa de um simples empregado como Gabriel? Vai Luis Filipe Vieira esconder-se novamente ou vai ter coragem de falar aos benfiquistas, repudiando o sucedido e ordenando um inquérito interno ao sucedido?

O Mundo ao contrário...

Avatar
 ●  + 17 comentários  ● 

O dia de ontem no Sporting, a juntar ao que tem acontecido no Benfica, e também no Guimarães mostra possivelmente um factor interessante de pensar sobre ele: O que mudou... não devia ter mudado.

O Sporting não está mais forte, está sim mais endividado
O Benfica não está mais sólido, está sim mais desnorteado
O Guimarães não está mais ambicioso, está sim mais fragilizado

Ora, parece que Jorge Jesus, Marco Silva e Rui Vitória estavam no lugar que deveriam estar... ainda hoje. Com eles nas posições anteriores, possivelmente... 

... o Sporting estaria menos endividado e talvez até tivesse entrado na Champions pois a pressão seria menor e o Marco nos momentos decisivos, ao contrário do Jesus, não falha.

... O Benfica estaria menos desnorteado e talvez até tivesse sido possível ajustar o critério da forma como Jesus vê a aposta em jogadores de efectiva qualidade na formação.

... o Guimarães estaria a continuar a sua aproximação ao SCBraga, com Rui Vitória a posicionar-se para crescer com o clube ou "saltar" num futuro próximo para um clube de ambições intermédias como SCBraga.

É interessante olhar para esta perspectiva, pois curiosamente por esta altura os três clubes têm uma franja muito grande de adeptos que já começam a ter saudades dos treinadores anteriores e até das formas de trabalhar anteriores.

Neste momento, e tive oportunidade de falar com um colega de trabalho grego, que vive na Grécia e que é um grande aficionado do Olympiacos, talvez sejam mesmo os gregos os únicos a estar satisfeitos com toda esta revolução de treinadores, pois, segundo ele, saíram a ganhar com a mudança do Vitor Pereira pelo Marco Silva e, segundo ele, apenas o Ernesto Valverde superou na última década na Grécia à frente do Olympiacos.

Na verdade, parece que os três clubes viram oportunidade de mudar coisas que, aparentemente, parecem ter mudado para pior nos três casos, sendo que na minha opinião apenas o SLBenfica mudou para pior por culpa própria e devido à sede de poder que aqui já tenho vindo a referir nos últimos tópicos (ver: 5 dias e tanto por fazer...Estrutura: O Rei vai Nu!O Pecado Capital da Estrutura do Benfica...).

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

E se o treinador eliminado hoje...

Avatar
 ●  + 87 comentários  ● 

...fosse Rui Vitória?

O que se diria do homem!

Mas como o mestre quando perde nunca é por culpa do "fio de jogo" ou das "rotinas defensivas"...É azar.

Esperem! Já sei! "A prioridade é o campeonato."
Onde é que já ouvi isto?

Pena que não tenhamos 3 equipas na Champions.

Arranca a "Missão Pagar ao Jesus"

Avatar
 ●  + 41 comentários  ● 


Um forte abraço aos "jihadistas sociais" que gostam de aparecer por aqui...

Coentrão no... Mónaco.

Avatar
 ●  + 43 comentários  ● 

"O Monaco e o Real Madrid oficializaram esta quarta-feira a transferência de Fábio Coentrão para o clube francês, por empréstimo de uma temporada. O lateral-esquerdo não tinha espaço nos merengues e acaba assim por rumar a um emblema orientado por Leonardo Jardim e onde encontrará compatriotas como Ricardo Carvalho, João Moutinho, Bernardo Silva e Ivan Cavaleiro.

O negócio inviabiliza assim qualquer regresso do internacional português ao Benfica, como chegou a ser veiculado pela imprensa internacional durante o defeso."

Parabéns Vieira. Lixaste o Real Madrid agora ficas apeado. O outro também é construtor civil mas não é nem saloio,aldrabão nem atrasado mental como alguns que te rodeiam.

O que vale é que Rui Vitória está a ter as mesmas condições que JJ teve.

E os interesses do Benfica pá?! Onde ficam no meio destas vontades todas?!

Avatar
 ●  + 53 comentários  ● 
Um leitor fala hoje na hipótese (que para ele é uma certeza) de que Fábio Coentrão não é já jogador do Benfica (empréstimo a pedido do próprio Fábio), porque o Presidente do Real Madrid não quer mais negociatas com o Benfica desde o episódio Garay, no qual se sentiu enganado.

Bem, isto é evidentemente especulação minha, e tenho de assumir que posso estar a dizer uma grande asneira MAS...

Não me surpreenderia rigorosamente nada...

Não me surpreenderia nada que o Real Madrid se sentisse enganado no episódio Garay, porque de facto, a maioria dos Benfiquistas (onde me incluo) sentiu exatamente o mesmo mas por outras razões...

Recordo-me que nos passados anos, Benfica e Real Madrid realizaram vários negócios e, em abono da verdade, foram negócios em que o Benfica nunca saiu a perder...

ATÉ... Garay claro está...

Porque aí, recordo-me muito bem que o ano passado, antes do Presente de Natal antecipado de um defesa central de categoria mundial para o Zenit, vinha nos jornais que o Benfica estava interessado em Casemiro do Real Madrid, num negócio quase feito (e até um jogador que nos fazia muita falta) MAS...

Entretanto aconteceu o mirabolante episódio Garay, e escassos dias depois Casemiro era apresentado... No Dragão claro está...

E desde então também, negócios entre Benfica e Real Madrid... nem vê-los.

Bem, já sei o blá blá blá de alguns, que Garay saiu por um saco de caramelos porque estava prometido, e porque o jogador queria sair, e porque tinha de se fazer a vontade, e porque o Grande Presidente nada podia fazer...

E com o Matic foi a mesma coisa, e com o Maxi outra igual, e com o JJ outra parecida e com o Enzo idem idem aspas aspas... E com o Jonas e o Júlio César, cá estaremos para ver...

Aliás, como bem sabemos, e tal como LFV prometeu, o Benfica não precisa de vender jogadores. Não! Se o Benfica vende não é porque precisa. O Benfica vende porque são os jogadores que a isso nos obrigam! É sempre bom esclarecer estas coisas.

MAS...

E os interesses do Benfica pá?! Onde ficam eles no meio de todos estes pactos secretos, de todas estas vontadinhas que têm de se fazer sempre aos jogadores?! O que fica para os Benfiquistas no meio disto tudo? Palmadinhas nas costas e o já tradicional "Paciência, aguenta e não chora, confiámos no gajo, demos-lhe tudo e no fim o Judas lixou-nos!"? 

Eu sou o primeiro a compreender que os jogadores procuram vidas melhores, que por vezes não é possível chegar ao que eles querem, que o Benfica será sempre um clube vendedor, que nenhum jogador diz não ao Real Madrid tal como um do Tondela não diz não ao Benfica (por muito dinheiro que o Tondela lhe oferecesse) MAS...

E os interesses do Benfica pá?! E as competições em que estamos inseridos? E os projetos quebrados a meio?! E a ambição dos adeptos?! E os outros jogadores que cá ficam em Janeiro, também eles com sonhos de finais de épocas felizes, sonhos de valorização, mediatismo e rampas de lançamento para outros voos?!

Evidentemente,

Os interesses do Benfica têm de ser SEMPRE defendidos, e essa é a função do Presidente:

Ou renovando contratos a tempo e horas;

Ou vendendo antes dos contratos terminarem, para não chegarmos a estes dead lines com a corda na garganta e reféns da vontade dos jogadores e empresários sem qualquer poder negocial;

Ou renovando contratos mesmo que tudo não passe de uma fantochada, renovações para sair nos jornais mesmo que puxando de alguns milhões extra, mas com a promessa de deixar os jogadores sair no Verão seguinte por dinheiro que se veja e já com negócios alinhavados (como fez o Porto com o jogador Fernando por exemplo, que podia ter saído de borla)

Borla por borla, mesmo que o Benfica anuncie a venda por 20 e no fim não veja dinheiro nenhum, antes isto que comunicar à CMVM e cá para fora que uma das figuras da equipa saiu realmente de borla! Poupem-nos pelo menos a humilhação!


Agora, oferecê-los?! Assim à descarada?! Isto não! Presentes de natal do género de Garay são merecedores de entrarem para o rol do anedotário nacional...


Não só pela perca de Garay em si (pelos valores pelos quais saiu mais valia tê-lo obrigado a ficar mais um ano com uma compensação qualquer), como agora, pelo que parece, com o Real Madrid de costas voltadas para nós e muito mais inclinado em negociar com o nosso grande rival.

5 dias e tanto por fazer...

Avatar
 ●  + 53 comentários  ● 

"O mercado corre a nosso favor" era uma frase de José Veiga que vinha muitas vezes com outra frase relacionada com a falta de recursos e que ele também tornou célebre: "ir às compras com um saco de caramelos".

Curiosamente, parece que voltámos ao tempo destas situações, pelo que será porventura justo dizer que andámos 7 ou 8 anos para trás com a saída do Jorge Jesus...

Não é que tivesse sido Jorge Jesus a fazer o Benfica avançar, mas foi devido à auto-imposta autonomia de Jorge Jesus que o poder ficou concentrado em que percebia de futebol. Era ele que de forma autónoma definia a estratégia e até abordava jogadores (foi conhecido o caso do Danilo). Se juntarmos o Vieira e o Jesus, dava uma espécie de "Manager à inglesa" mas dividido por dois, o que obrigava a que a estrutura andasse a "toque de caixa" de todos eles.

Vieira teve o mérito de criar e disponibilizar recursos para a dita estrutura. Jesus teve o mérito de a saber usar. A estrutura teve o mérito de se profissionalizar e serem hoje profissionais de elite em várias áreas como é o caso de Lourenço Coelho, Bruno Mendes e o BenficaLAB em geral, toda a estrutura de Scouting, etc. 

Porém, e reforço que é apenas a minha opinião, com a saída do Jesus este edifício simplesmente... desmoronou por completo.

Na leitura que faço à distância possível, portanto passível de poder estar enganada, a estrutura que vivia "acabrunhada" atrás de Jesus e obrigada a se alinhar com uma liderança obcecada por resultados, viu na saída de Jesus a oportunidade de "se chegar à frente" e dividir para reinar. Rui Costa, João Gabriel e Paulo Gonçalves têm hoje mais autonomia para se posicionarem na liderança de algumas temáticas e Domingos Soares Oliveira é claramente o DDT do SLBenfica (e todos sabemos o que acontece às empresas quando há alguém que pensa ser um DDT).

Voltando ao José Veiga e às suas famosas citações "Não se percebe como há tanto poder numa pessoa de fora que só deveria liderar a parte financeira" (não foram exactamente estas palavras, mas a ideia é esta!).

Ora, a saida de Jesus era uma oportunidade dourada de iniciar um novo ciclo, mantendo uma liderança obcecada com resultados desportivos, mas com uma liderança mais profisisonal e menos "bronca". Em Portugal (ou melhor, português) só José Mourinho poderia fazer esse papel. Ou então era a oportunidade de ir buscar um treinador com capacidade e potencial... e ter um líder do futebol que, como já aqui foi escrito vezes sem conta: Não pode ser Luis Filipe Vieira e este não deixa que seja o Rui Costa (que está por provar que tem competência para tal).

A estratégia já não estava lá! Vieira deixava isso a cargo do JJ... e ele não tinha estratégia, tinha uma concepção do futebol e terraplanava tudo e todos à volta dele para lá chegar. Não olhava a meios para atingir os fins o que causava natural desgaste nas relações... mas ao final do dia Vieira suportava porque entregava resultados. É por isto, e só por isto, que compreendi a que a relação com o Jesus teria um prazo de validade.

Porém, assim que se viram livres do Jesus... todos basicamente saltaram para os espaços de poder e agora temos um clube, sem estratégia mas com muita vaidade.... e isso está bem patente no facto de a 5 dias do fecho do mercado temos UMA VITÓRIA em todos os jogos realizados (oficiais e de preparação), já temos UMA DERROTA OFICIAL em dois jogos. e temos UM PLANTEL TOTALMENTE DESEQUILIBRADO E INDEFINIDO...

Voltando a "bater na mesma tecla", se decidimos não ter a via em que não importavam os meios desde que se atingissem os fins, então agora temos que reestruturar a estrutura e isso não significa "distribuir o poder pelos mais espertos", mas sim repensar liderança... na verdade criar uma liderança efectiva que seja uma liderança com capacidade de liderar e que seja uma liderança orientada ao sucesso e aos resultados do core business: FUTEBOL.

Porém, no SLBenfica parece que ninguém quer perceber isso e é mais importante distribuir o protagonismo do que orientar e preparar para o sucesso. O que interessa ao sucesso e os resultados se podem ter poder e ter a mania que são alguém importante numa das maiores multinacionais portuguesas? Pois...

- O Presidente jamais entregaria o futebol a alguém...
- O DSO jamais deixaria de minar o trabalho de quem não pensasse, como ele que o estádio e os jogadores são simples fontes de custo e receitas
- E a "entourage" dos que têm os novos mini-poderes jamais aceitaria ter (ou voltar a ter, para alguns) um líder que não fosse um deles e que tivesse autonomia sobre eles e sobre todo o futebol.

Senhoras e senhores... parece que voltámos à feira das vaidades, ao "saco de caramelos" e ao cemitério de treinadores!

Na verdade, quanto à parte do saco de caramelos, antes que venham com a história do dinheiro gasto... mesmo nessa altura gastava-se muito dinheiro no total, só que eram muitos "pequenos dinheiros" que juntos faziam um "grande dinheiro"... ou seja, menos critério e os custos altos. Gastar 30M€ em 10 jogadores de 3M€ não tem a mesma garantia de qualidade de gastar 30M€ em três jogadores de 10M€, utilizando os recursos existentes e os da formação para completar as necessidades de segunda linha.

Sugestão para a TVI24.

Avatar
 ●  + 54 comentários  ● 

Bernardino Barros e Pedro Guerra?

Acrescentem o Dias Ferreira e passam a ter o trio de anormais mais completo da TV.  Não terão audiências mas conseguirão ser os mais populares junto das instituições de psiquiatra.

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Estrutura: O Rei vai Nu!

Avatar
 ●  + 51 comentários  ● 


Há quem diga que para o verdadeiro benfiquista não há meio termo: Ou estamos tremendamente entusiasmados e vamos ganhar a Champions, ou estamos em depressão forte e até se instala o receio de nem dar para ficar a meio da tabela. Simplesmente não há meio termo.

Por isso há algumas pessoas que insistem em elogiar as coisas que são bem feitas e criticar as coisas que são mal feitas que acabam sendo confundidos com cata-ventos, ouvindo frequentemente que mudamos de opinião ou que antes apoiávamos mas agora já admitimos que está mal ou vice versa...

Enfim, a esses, como muitas vezes refiro o que recomendo é que parem de ler aqui neste ponto porque para os parágrafos seguintes é preciso mais do que desonestidade intelectual para os entender.

Reservo também uma palavra aos vários leitores da sombra de "jihadistas sociais" e aos profissionais de comunicação do Sporting (especialmente, por serem mais e mais inexperientes) e para os do FCPorto: Vejam se entendem: Nós sabemos quem são, nós já apanhámos a maior parte dos vossos IPs e sabemos quem escreve, mesmo quando clicam no "Anónimo". Acham mesmo que vale a pena?

Feitas as ressalvas iniciais, vamos lá para uma crítica a um factor do SLBenfica que já aqui várias vezes elogiei e até defendi perante aqueles a que ela se referem de forma jocosa: A Estrutura que compõe o futebol do SLBenfica.

Já aqui tenho referido alguns tópicos onde aponto claramente à dita Estrutura pelo falhanço que se está a verificar em Rui Vitória:




Mas há aqui um ponto que ainda não dei especial atenção e que, apesar de todos os erros e faltas de inteligência expostos nos tópicos anteriores, poderia ter sido acautelado e, não tendo sido, não só reforça o que escrevi nos tópicos referidos (especialmente no do Pecado Capital), mas demonstra uma tremenda incompetência: O Processo de Transição.

No tópico O Pecado Capital da Estrutura do Benfica... penso que ficou claro que, na minha opinião, quiseram "atirar fora Jesus" não pelo que ele fazia, mas porque queriam ser eles a fazê-lo, queriam ser eles a ter o poder. Foi uma questão de poder, nada mais.

Porém a melhor forma de assegurar que esse poder seria duradouro seria preparando bem essa transição, mas ao invés, qual Manchester United, simplesmente se "mandou aos lobos" um treinador de equipa pequena e esperou-se que ele fosse engulido pelas regras e pelo poder... e ainda ter resultados.

O Manchester United viu isso com o Moyes e, pelos vistos não compreendeu e Van Gaal está a sentir as mesmas dificildades que Moyes teve de quebrar um ciclo de 27 anos. Nesta situação, quase podemos dizer que ter 6, 10 ou 27 anos... acima de 5 anos no clube já é sempre a mesma dimensão, pelo que as sucessões de Jesus e Ferguson podem efectivamente ser equiparadas.

Ora, talvez por serem duas situações de longevidade ímpares no futebol europeu de topo... foram duas situações imensamente mal conduzidas e com péssimos resultados desportivos.

E porquê? Simplesmente porque se procurou rapidamente direccionar o "Poder" e se esqueceu o "Saber". Não houve, em nenhum dos dois casos, uma preocupação de tornar a vida mais fácil a quem vem.

Sabendo que vinham de realidades diferentes (e mais pequenas), Vitória e Moyes deveriam ter tido o dobro do cuidado por parte das suas estruturas, o dobro da atenção. Deveriam ter assegurado aos treinadores um processo de transição controlado nas diferentes dimensões externas e internas.

Pelo contrário, ambos foram confrontados com o "Poder" que fora desde logo tomado, restanto-lhes a menor autonomia possível e, o pior, foram confrontados com o interesse do clube dar continuidade ao passado, ignorando a propriedade intelectual de quem chega.

Em resumo, alguém acredito que os novos treinadores poderiam trabalhar como os anteriores e obter os mesmos resultados. Ora, como eu aqui escrevi ontem, ninguém é Ferguson nem Jesus... como ninguém nunca será no Guimarães ou no Everton o Vitória ou Moyes.

Enquanto o SLBenfica se mantiver com a sua estrutura focada no "Poder", e ontem penso que fui claro a identificar quem rapidamente, na minha opinião, quis ocupar o espaço de poder de Jesus, ignorando que o "Saber" não se impõe e não dá continuidade ao que já não existe e não procurando desenvolver um novo ciclo de conhecimento, de trabalho e de colaboração... simplesmente não vai funcionar seja como Rui Vitória, Vitor Pereira, Marco Silva ou qualquer outro treinador-fetiche que muitos de vocês falam por aí.

Assumidamente, um INSTITUCIONALISTA LAMBE-CUZISTA

Avatar
 ●  + 212 comentários  ● 
Confesso que nunca vi muito de Pedro Guerra... O meu conhecimento desta figura singular do nosso clube e da sua Super-Estrutura da Narrativa, deve-se em abono da verdade, a este blogue, onde de quando em vez fui lendo algumas opiniões sobre o Senhor.

Confesso também que, ainda que sendo subscritor da BenficaTV, é um canal que praticamente só frequento para assistir a jogos. Não vou dizer que é um bom canal nem um mau canal, porque não sou pessoa habilitada a formular esse juízo mas, por feitio e feitio apenas, nunca tive a mínima curiosidade por frequentar fontes de informação onde sei que a informação me chega já filtrada e inclinada à partida.

Sou adepto de informação independente, de fontes independentes, mesmo consciente que esta independência é apenas a independência possível, pois mesmo em canais de informação supostamente neutros, essa neutralidade só vai até certo ponto, e estamos sujeitos evidentemente à deturpação da informação consoante o sujeito que a profere.

Mas isto apenas para dizer que conheço muito pouco de Pedro Guerra. A CMTV é também um canal que não vejo, pelo que, só nas últimas duas semanas, ao passar pelo Prolongamento da TVI, pude dar melhor conta das verdadeiras capacidades narrativas deste Senhor...

E de facto, é de bradar aos céus... E vou ter de assistir a este programa mais duas ou três semanas, porque tenho a certezinha absoluta que o programa não aguenta muito mais do que isso no atual formato, sem vermos os comentadores andarem à chapada em direto, ou então, o mais provável, alguém se levantar da cadeira por se recusar pura e simplesmente a discutir seja o que for com esta figura do universo encarnado...

Porque de facto, o fanatismo é tanto, o lambe-cuzismo é tanto, o tom de conversa de taberna é tão acentuado, o espírito das conversas de rua de que quem ganha o argumento é quem fala mais alto é tão notório, que de facto, cansa e cansa mesmo ouvir este Senhor.

Que falta de classe! E são figuras como esta depois, que dão azo a muito do anti-benfiquismo que se vai vendo por aí, porque de facto às tantas, todos os nossos adversários ficam a pensar que aquele estilo taberneiro é característico de todos os Benfiquistas.

Eu aqui me confesso, que às tantas eu próprio, já torcia para que de facto o comentador verde ou azul fosse capaz de encostar o nosso à parede.

Porque este Pedro Guerra é de facto asqueroso. Porque ele não vai ao programa limitar-se a dar a sua opinião. Este é um homem que dá a sua opinião mas não ouve a dos outros. Ele martela, e martela, e escarafuncha, e contrapõe, e fala por cima, e fala mais alto, porque a opinião dele é a única opinião válida e a única que é dita com o rigor que reclama para si próprio!

E que rigor é esse?!

O rigor é por exemplo reclamar rigor na sua análise de grandes penalidades através de fotografias! E nem vou aqui discutir se os penalties são bem marcados ou não. Vou discutir sim, que ele chama a isso rigor.

Suponhamos que um defesa está parado e não se mexe, e um avançado vai recuando, recuando, e tropeça na perna do defesa...

Ora aí está, o rigor deste senhor é provar que é penalty porque tem a foto do momento do contacto entre as duas pernas, embora a foto não possa OBVIAMENTE e RIGOROSAMENTE mostrar quem toca em quem!

Mas há mais:

Este senhor não se limita a comentar. Ele cria o próprio alinhamento do programa e puxa por todos os assuntos que quer falar, obrigando os outros a irem atrás dele. E os outros têm que o ouvir, com aquela cara de enfado porque de facto já não conseguem ouvi-lo, e o moderador do programa Sousa Martins vê-se que não tem pulso para a peça...

Este Pedro Guerra tem a lata de puxar do assunto do aplauso de Bruno Carvalho ao árbitro do Sporting vs Paços de Ferreira, como o exemplo do que nunca deve ser feito, e que isso sim é que devia preocupar os Sportingustas!

Quando Sousa Martins lembra que aqui não há anjos, e que TODOS os presidentes já criticaram árbitros, Pedro Guerra insurge-se porque o seu Deus Vieira nunca fez tal coisa.

O fanatismo deste Guerra é tão elevado, que pela primeira vez vejo o moderador deste tipo de programas a envolver-se nos bate bocas, a querer calar este senhor e a colocá-lo no seu sítio. E de facto, em questão de segundos, Sousa Martins descobre na net vários momentos em que LFV criticou árbitros.

Mas o Guerra não se fica, e de facto criticou no jogo em questão, mas o Conselho de Arbitragem deu razão a LFV. Conclusão: Afinal já se pode criticar, desde que se tenha razão.

Sousa Martins mais uma vez entra na discussão e diz a Guerra que também ele é um vira-casacas, e que dantes defendia Jorge Jesus com todas as letras e agora usa de tudo para o atacar.

E o Guerra defende-se mais uma vez, assumindo-se como um Institucionalista, em suma alguém que defende sempre a Instituição, e que obviamente e assumidamente está ali a a representar. Na verdade, o que Pedro Guerra confessou é que é um INSTITUCIONALISTA LAMBECUZISTA e que a sua opinião vale zero porque de facto não é a sua, mas a opinião estilo camaleão que se molda aos interesses da Instituição e se calhar daqueles que lhe pagam.

Quando o médico Lagarto confessa que esteve num almoço com Luís Duque, e que este lhe confessou que nunca foi tão ofendido por alguém no futebol, como o foi no balneário da Luz após um Benfica vs Sporting por Luís Filipe Vieira onde todos os nomes lhe foram chamados, Pedro Guerra defende o DONO uma vez mais, invocando que o seu apoio posterior a Luís Duque para a Liga de Clubes  prova o grande homem que LFV é.

E de facto é isto. Sei que aqui muitos virão defender o estilo do homem, o lambecuzismo e tudo o que lhe queiram chamar, mas a mim, um Benfiquista como todos e com direito à minha opinião, a mim enoja-me!

E o mais grave, é que tudo isto é o rosto da politica do traulitismo da palavra que vem de cima da super-estrutura, que o coloca neste tipo de programas para desemprenhar aquele papel, para fazer aquele nojo de trabalho, para depois se esconder atrás do personagem na sua santidade para dizer que nunca disse nada nem nunca fez nada nem nunca falou mal de ninguém! Pois não, não fazem porque têm alguém a fazer o serviço por eles.

E depois este sujeito, tem a lata de louvar a atitude Benfiquista deste clube impoluto que é o NOSSO, que mesmo tendo sido roubado em 5 penalties e 5 explusões, aceita a derrota sem falar de arbitragens!

Ai não fala?! Então de que outra coisa falou ele ontem na 1 hora e 40 minutos que esteve a berrar (sim, a berrar), programa em que apenas deixou 20 minutos para os outros falarem e expressarem também eles as suas opiniões?

O que me choca mesmo é que isto não é um Benfiquista que caiu no programa para falar do seu clube de forma apaixonada e independente, e até com liberdade para uma crítica de quando em vez com espírito construtivo! Não!! O que me choca é que este sujeito está ali em representação da Super Estrutura e em consonância com o tipo de discurso e mensagem que quer passar, e que acredita religiosamente que esta é a melhor forma de se credibilizar e passar uma mensagem positiva para o exterior!


Se me identifico com isto? De maneira nenhuma, e aqui assumo com a independência que reclamo para mim próprio mesmo quando o assunto é o clube que amo, que este Pedro Guerra enquanto Benfiquista me envergonha!

recentes

ranking