O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quinta-feira, 30 de junho de 2011

O que fez o Vieira?

 ●  + 15 comentários  ● 
O que fez o Vieira quando o «estado maior» do futebol português se juntou?

O presidente benfiquista não marca presença na reunião ao contrário de Pinto da Costa, Godinho Lopes e António Salvador.

O edifício da Alfândega, no Porto, recebeu esta quinta-feira mais um Conselho de Presidentes.

Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica é o grande ausente do Conselho de Presidentes, que a Liga recebe no edifício da Alfândega, no Porto.

O presidente do encarnado fez-se representar por Paulo Gonçalves. Pinto da Costa marca presença com Antero Henrique. Pelo Sporting estão o presidente Godinho Lopes e Luís Duque

Renascença

Eles que decidam o que acham que deve ser o caminho (corrupto, claro) do futebol português. Intervir? Denunciar? Apresentar acções concretas? Isso é para o competentíssimo (é ver os processos ganhos) do Paulo Gonçalves, até porque fala melhor com eles porque já trabalhou na SAD dos Corruptos.

Ponto de situação

 ●  + 6 comentários  ● 
Antes de mais quero dizer que não me foi possível escrever porque tive um problema com a Internet mas já está tudo ultrapassado.

Após estes dias todos venho fazer um ponto de situação de algumas situações no Benfica e no futebol em geral.

Benfica: Estou, para já, satisfeito com a politica de contratações. Deixa-me satisfeito ver que acautelaram as posições em que estávamos deficitários, ainda faltando a posição de central. Para já não concordo somente com os empréstimos de Sidnei e de Airton. O Sidnei poderia ser muito útil como suplente, ainda para mais não iremos ter Luisão para a Champions, o que deixa o leque de opções limitado a Jardel, Fábio Faria e Leo Kanu, fazendo-me pensar que o central que falta vir terá de entrar de caras no onze titular. O Airton era o substituto natural de Javi, sendo Matic o médio box-to-box. Preocupa-me o excesso de estrangeiros, satisfaz-me ver os "putos da cantera", fico tonto com tanto jogador nos quadros do Benfica.

Miguel Vítor: Fala-se em mais um empréstimo, o que me faz imensa confusão. O rapaz sempre que jogou fê-lo muito bem, quer a lateral, quer a central. Para mim seria o terceiro central do plantel, senão mesmo, caso não venha um jogador de enorme qualidade, o colega de Luisão. Tem de acabar o medo de apostar nos jovens que demonstram ou demonstraram valor, como é este o caso.

Fábio Coentrão: A haver negócio com o Real só num dos seguintes moldes: 20 milhões + Garay + Drenthe, 25 milhões + Garay ou 30 milhões. Informava o Real destes moldes e se quisessem queriam, se não quisessem dava como encerrada a negociação.

Máxi Pereira: A renovação já deveria estar anunciada há muito tempo!! O jogador merecia uma renovação sem hesitações, tanto por motivos desportivos como pessoais, um jogador de qualidade e de raça.

Rui Costa: Penso que estará nas funções certas, junto de LFV na aquisição de jogadores. Lembram-se como foi buscar Aimar? É nestas funções que o Rui pode fazer a diferença.

Carraça: Disseram-me que o homem é Benfiquista, já me disseram que o homem é sportinguista, por isso, se alguém com a certeza me possa esclarecer eu agradecia. Espero que tenha todo o sucesso do Mundo como o homem que dá o corpo ás balas em defesa da equipa. Penso que Álvaro Magalhães também encaixava bem neste quadro.

Salvio: Face ás compras efectuadas, para mim, é assunto encerrado. Dar quinze milhões por um jogador lesionado quando temos Nolito, Gaitan, Urreta e Perez é uma loucura.

Nuno Gomes: Sempre fui um dos que defendeu o jogador de ataque absurdos e ridículos vindos dos mesmos que agora criticam a sua saída, eu não me esqueço da quantidade de vezes que muitos adeptos o apelidavam de "Maria Amélia" e que ele era bom mas era para modelo e que no campo a única coisa que fazia era andar sempre a compor o cabelo. Foi proposto ao Nuno um cargo na estrutura do clube, que nunca lhe foi dito qual, mas o que o jogador sempre disse foi que ainda se sentia capaz de jogar e assim queria que fosse. Sem espaço na equipa de JJ foi com normalidade que vi a saída de Nuno Gomes do Benfica. Ele quer jogar com regularidade e no Benfica isso não iria acontecer, neste aspecto JJ foi honesto com o jogador. Obrigado por tudo, desejo-te as maiores felicidades e espero um regresso para breve.

Pillas-Boas: Afinal a cadeira de sonho era outra!! Vamos ver agora de que fibra és feito sem as ajudas habituais. Depois de tantas juras de amor entre o peidoso e este merdas, nada como uma boa parelha de cornos ao peidoso mor, coisa que ele está habituado a fazer a clubes, esposas, ex-esposas e putas.

Vítor Pereira: Não foi a primeira escolha como é óbvio mas era muito chato e daria muito nas vistas irem buscar uns dos treinadores aos seus satélites Académica, Sporting ou Braga. Assim sempre faz uma homenagem ao verdadeiro obreiro do último titulo, Vítor Pereira, mas o das arbitragens.

Porra que a bola nunca mais rola!!!

Venda de Três Jogadores do Benfica

 ●  + 9 comentários  ● 
Não é novidade para ninguém por isso não se armem em hipócritas. Ao Benfica não basta vender Coentrão para pelo menos equilibrar as contas que estão num estado miserável, ao que não foi alheia a época também miserável. Mas mesmo que não tivesse sido, pelo menos dois teriam que sair. Assim, se calhar têm que ser mais.

Dito isto, a minha pergunta é simples: E se sairem Coentrão, Cardozo e Aimar do plantel?

PS- O Maxi continua sem renovar.

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Benfica: Gestão com coração?

 ●  + 16 comentários  ● 
Hoje foi noticiado que Peres Bandeira, um "long time servant" do Benfica, foi dispensado pelo clube. Não discuto a decisão. Ao cabo de 30 anos é perfeitamente crível que a sua utilidade tenha expirado. Normal... Aconselhável até para evitar vícios instalados! O motivo deste texto é outro. A gestão benfiquista do Benfica. LFV tem optado pela "profissionalização" da estrutura encarnada. Se bem que ninguém sabe o que abrange a tal estrutura. Vide Nuno Gomes, convidado que foi para um "cargo"... Voltando ao tema: a profissionalização. A verdade é que LFV tem escolhido "profissionais" para o futebol. Profissionais não benfiquistas. Os últimos a entrar foram António Carraça (Sporting) e Manuel Sérgio (Belenenses). Sejamos honestos, se o Benfica for campeão, ninguém se lembra do clube de ambos! Mas também é verdade que o trajecto para o título torna-se muito mais complicado, minando o Benfica de gente não ligada emocionalmente ao clube! E este ponto é que é o mais importante de ser debatido: em 6 milhões de pessoas não há gestores profissionais e competentes? Duvido! Então porquê da tendência de convidar não benfiquistas para a "estrutura" do futebol? Andará LFV mal aconselhado? Creio que sim... Dez anos, dois títulos, diz muito!



Peres Bandeira é benfiquista. Sócio 800 e picos do Sport Lisboa e Benfica! Só por isso não tem direito a ser dirigente "ad eternum" na Luz. Porém, a sua substituição, e a contratação de outros profissionais, tem de atender a critérios diferentes. Colocar a competência a par do benfiquismo! Repito: em 6 milhões de adeptos e num universo tão extenso de sócios tem de haver muita gente que consiga equiparar estes atributos por igual!



Eu sonho com um 11 benfiquista composto só por portugueses, na sua grande maioria formada no clube a levantar o título de campeão nacional! Porém, sei que tal é (praticamente) impossível. Mas também gostava que só fossemos ao estrangeiro quando em Portugal e na formação não existisse comprovadamente melhor! No dirigismo do SLB teria de ser igual. Não sou alérgico a n/benfiquistas no clube, desde que sejam bons profissionais, bons executantes e sérios! Mas também tem de haver a preocupação de procurar primariamente gente com estes atributos, mas que sejam benfiquistas...

Revelação Bombástica?

 ●  + 7 comentários  ● 
«Hoje, há duas pessoas que mandam no futebol do Benfica. [António] Carraça e Jorge Jesus. Mais ninguém. Cada qual sabe o que tem a fazer e eles é que decidem. Isto é a primeira ideia que tenho do futebol do Benfica. Os benfiquistas podem estar tranquilos porque, hoje, o Benfica está blindado. Mas bem blindado, ali não passa nada. Há rigor, as pessoas trabalham e sabem o que têm a fazer» disse o Manuel Sérgio.

Aí está o Benfica que o Vieira gosta
O Domingos Oliveira MANDA nas Finanças
O Paulo Gonçalves MANDA no Jurídico
O Jesus e o Carraça MANDAM no Futebol
O Vieira MANDA no Benfica
Por mensagens MANDA-SE o Jorge Batista calar (pudera, incomóda)

Agora, até este acabadinho de chegar MANDA postas de pescada.
E o outro resolveu também MANDAR os dirigentes benfiquistas sair do relvado.

Espetáculo! Ninguém ganha, todos enriquecem, ninguém é benfiquista... mas todos MANDAM!

Pelo caminho todos estes MANDAM benfiquistas embora. Hoje foi o Peres Bandeira (mais de 30 anos de Benfica), antes o Nuno Gomes, antes ainda o Rui Costa, o Rui Águas, o Andrade e Sousa, o Toni e muitos outros foram saindo pela porta pequena.

E ainda se apela ao Redpass? Eu sou do Benfica, não sou desta gente. Fiquem com este clube que eu espero pelo meu Benfica, o dos benfiquistas que sentem paixão pelo clube.

Ainda hão de ver este com outro... azul diferente do da foto. Teve azar, também é benfiquista.

O atletismo, a TV e o SCP

 ●  + 3 comentários  ● 
Portugal, 29 de Junho de 2011

O Benfica venceu o campeonato nacional de atletismo ao ar livre, somos portanto CAMPEÕES passados 15 anos, e é com grande alegria que partilho a emoção deste título. Tratou-se de uma vitória à Benfica, na última prova, possivelmente na última curva da corrida de 400 m planos! Uma vitória com muito suor, crença e lágrimas.

Dado o ineditismo desta vitória, que interrompe um ciclo de muitas (demasiadas) vitórias do SCP, pensei que as Televisões dessem destaque ao assunto. Mas avaliando pelo teletexto da RTP, não creio que isso se tenha passado. De facto quando o SCP conquistou o campeonato de Futsal, o teletexto da RTP abriu 3 linhas para notícias relacionadas com essa vitória. No caso do Atletismo do Benfica a mesma RTP abriu ... zero! Lá se vai a tese de que “a comunicação social fala do Benfica porque o Benfica é que vende”.

Não posso fazer mais comparações do que esta, porque por azar, nos dias seguintes à vitória do Benfica, vi pouco noticiário e ainda por cima, não consegui apanhar a parte do desporto. Mas não duvido nem um pouco que o critério seguido pelos censores da RTP, estação pública de televisão, na parte do teletexto, tenha sido o mesmo seguido para divulgação noticiosa da vitória. Pouco mais que zero.

Importa então fazer a comparação com a vitória do Futsal do SCP, e encontrar uma explicação mais lógica e realista do que a bazófia simplista de que “o Benfica é que vende”. E para mim a explicação é simples: o Benfica é utilizado para promover tempo comercial que rentabilize o investimento publicitário, mas em troca o Benfica não é bem retratado, não é bem promovido por esta mesma comunicação social que vende bem a publicidade quando o Benfica é noticia. E porque razão não lhes interessa que o Benfica tenha uma boa imagem junto do público específico de cada órgão de comunicação social? Porque as mensagens positivas galvanizam, potenciam a relação adepto/clube/atletas, dão estatuto ao clube por cada vitória noticiada, significam uma mensagem de esperança para a modalidade ou modalidades vitoriosas, etc., etc.

Infelizmente muitos altos dirigentes do Benfica ou analistas desportivos de renome, gostam de se desculpar – quando não sabem dizer mais nada – que as notícias especulativas da comunicação social são apenas porque o Benfica vende. Nada disso. O Benfica é atacado para fragilizar a relação entre o adepto e o clube, para potenciar o desânimo, para enfraquecer ou dificultar a aquisição de níveis mentais superiores. Ou seja, isto não é uma brincadeira, é uma “guerra” que tem de ser encarada como tal. Cruzar os braços tem sido a pior das estratégias...

Mudando ligeiramente de assunto, li hoje no invariável Correio da Manhã, que o SCP está a pensar impugnar o título de campeão do Benfica, porque numa das corridas um atleta do Benfica tocou, eventualmente obstruindo a corrida do atleta do SCP, e isso teria tido influência na classificação final (que foi à justa). Do SCP a gente nunca pode esperar nada de positivo. A fotografia que o CM utiliza para sustentar a argumentação do SCP é mais do mesmo: promoção às teses leoninas. A promoção que não fazem às vitórias do Benfica.

A ser verdade que a impugnação avança, que sirva de lição (difícil, pois em 10 anos não aprenderam quase nada) ao Sr.º Vieira e Cª, pois que já este ano, no campeonato de atletismo em pista coberta, um atleta do SCP entrou na pista do atleta do Benfica, empurrando-o ao ponto de quase o fazer cair. O Benfica venceu a corrida e o SCP ficou em 2º lugar. Logo na hora, os responsáveis do Benfica recorreram da decisão dos juízes de pista que não desclassificaram o atleta do SCP. Estes defenderam-se dizendo que só consideravam o empurrão e que este não tinha provocado dano ou que não tinha sido intencional. Ora a invasão de pista adversária dá desclassificação nos Jogos Olímpicos. E se o atleta do SCP fosse desclassificado, o Benfica tinha sido campeão.

O Sr.º Vieira protestou? Fez a parte que sim. Um embuste! Agendou uma reunião com a FPA e saiu de lá todo contente porque a reunião tinha sido proveitosa. A ver se não nos tiram agora um título, mais que justamente conquistado.

Sou Papalvo mas sou feliz

 ●  + 6 comentários  ● 
Espero que o processo que o GB me vai por por causa deste post seja igual ao que o Benfica vai por ao Jorge Baptista por causa de ele ter feito o que faz muitas vezes: dizer o que muitos sabem mas têm vergonha ou medo de dizer. Ele não teve no passado e não terá medo das mensagens que já recebeu.

Mas como eu nao sou o Jorge Baptista, vou antes optar pelo que tenho lido em alguns comentários, vou ficar feliz porque nada disto é verdade, porque os benfiquistas já escolheram um culpado, um tal de Jorge Gomes que pouco pára na Luz, mas que dá jeito ser o culpado por saírem cá para fora o e se passa nas reuniões da SAD. Bora lá enganar-nos a nós próprios. Eu também não gosto desse besuntas azul que temos na prospecção, mas dai a achar que é SÓ ele...

E vou também ficar feliz porque o Carraça mandou o Rui Cunha e o Alcino Antonio para a bancada. Raios parta, esses não sao profissionais e parece só podem entrar se forem adeptos do mesmo clube do Carraça. Espetaculo, podemos perder os jogadores para o Porto, se calhar temos bufos... Mas o Carraça agora nao deixa ninguém entrar no campo.

Por fim vou ficar feliz ao achar que é boa noticia esta cena do Coentrão. A venda dele nao entrou em Junho o que vai dar uma valente barraca nas contas, a não ser que o engenheiro resolva isso. Mas fico contente porque vou fingir que se o Vieira resistir a vender o Coentrão pelo que dão por ele, não vai ter que vender outros dois ou três para entrar o guito, e vou também fazer de contas que nao precisamos de uns 40 milhões de receita este exercício e que por isso se nao sair o Coentrão também não saem outros.

Sou enganado, por mim próprio mas sou feliz.

O fim das negociações sobre Coentrão

 ●  + 10 comentários  ● 
Segundo consta hoje na Marca o Real Madrid não oferece mais que 15 milhões mais um jogador por Coentrão.
Tendo em conta que esse jornal é a voz oficial do Real esta notícia acaba por ser como que uma confirmação de que o Real não está interessado a 100% no lateral-esquerdo do Benfica. Ou será apenas mais um capítulo de (mais) uma novela de Verão?

Se a notícia d'A Marca se confirmar então só resta ao Benfica fazer uma coisa: romper as negociações, se é que elas ainda estão de pé, e demonstrar de uma vez por todas que o Benfica não é um clube mendigo e subserviente que come e cala. Não se vende aquele que é muito provavelmente o melhor lateral-esquerdo do mundo por tuta e meia!

Depois de tanto circo, que até envolveu a viagem de Vieira a Madrid em vez de Pérez ou outro emissário do Real a Lisboa o que se vê é um clube que pura e simplesmente está sem dinheiro para apoiar a postura arrogante que apresenta.

Quanto a Coentrão a sua situação é bastante precáriaapós esticar a corda para ir para os madrilenos quando estes não estavam dispostos a corresponder ás pretensões do Benfica. É o que dá dar ouvidos a maus conselhos e hostilizar tanto a massa adepta do Benfica.

Bye-bye Oliveirinha?

 ●  + 2 comentários  ● 
Vindo esta notícia de quem vem não tenho a mínima confiança de que seja verdade. Mas seria uma notícia do Correio da Manhã que não me importava nada que fosse verdade!

Segundo o pasquim, o Benfica e Paes do Amaral estão prestes a chegar a acordo para a cedência dos direitos televisivos dos jogos em casa do Benfica para a Liga para Portugal e países lusófonos em troca de 30 milhões de euros por temporada a partir de 2013/2014.
Pelos vistos o Oliveirinha ainda terá uma palavra a dizer e pode optar por cobrir a oferta mas quem não manifestou interesse nenhum por atingir esses valores quando encetou negociações com a Benfica SAD muito dificilmente irá querer cobrir esses valores (embora tal jogada não me admirasse).

30 milhões de euros são um valor que na minha opinião reflectem verdadeiramente a dimensão do Benfica e são adequados ao mercado português e lusofóno (que acredito que seja onde Paes do Amaral pretenda ir buscar uma grande fatia dos proveitos que realizar com este negócio - especialmente Angola).
Para além disso libertaria o Benfica das garras de quem mais alimenta o Polvo e seria o início do declínio da SportTV pois é de salientar que Paes do Amaral é detentor dos direitos desportivos para o Campeonato Espanhol...

Convém não deixar passar toda a polémica em volta dos bufos

terça-feira, 28 de junho de 2011

Ainda as declarações de Jorge Batista

 ●  + 7 comentários  ● 
Sobre esta questão do Jorge Batista, sugiro que olhemos ao que o nosso companheiro Mastergroove partilhou no seu blog. Penso que podemos ter uma ideia do que eventualmente estará em causa:

"Os grandes clubes portugueses, nomeadamente os da capital, ainda não perceberam que têm os clubes pejados de espiões. Mails do Benfica caem nas mãos do Porto? Pois é meus amigos: Quando trabalhava no Sporting fazia relatórios semanais para serem entregues ao presidente Dias da Cunha, sobre estratégias de bastidores adoptadas pelos adversários. Quando dei por ela, havia alguém no Sporting que mal recebia os meus relatórios os enviava para Pinto da Costa e Valentim Loureiro. E esse espião está de novo no Sporting. Não aprendem". (Marinho Neves)

O autor desta opinião dispensa apresentações no combate ao Sistema Corrupto que existe no futebol português, pelo que nem que seja por isso merece da minha parte alguma credibilidade no que diz respeito à sua perspectiva sobre este tipo de questões.

Ora, com isto não quero dizer, como já li algumas opiniões, que o Presidente do SLBenfica está concordante ou conivente com estas situações. NÃO ACREDITO MESMO! Sinceramente acredito precisamente no contrário, que o Presidente apesar de todos os avisos e suspeitas, se mantém fiel à sua perspectiva sobre algumas pessoas e teorias, ignorando que essas mesmas pessoas em quem tanto confia por serem... "profissionais", são um problema no SLBenfica. Este é apenas, mais um episódio do que eu já tinha afirmado no tópico: SLBenfica: O Clube onde todos acham que têm opinião

Foram muitas as vezes que ouvimos e lemos os benfiquistas a defender o SLBenfica aos benfiquistas e hoje em dia poucos se identificam com "tipo de Benfica" que existe em alguns corredores da SAD: O tópico abaixo (Há bufos no Benfica? E Novidades?) dá conta de uma recusa do Humberto Coelho para integrar a SAD, tendo dado conta disso numa entrevista à Antena 1 -não ouvi, confesso. Também o Record publica uma entrevista com o Nuno Gomes que nos deixa algumas curiosidades sobre a sua dispensa, onde se nota muita mágoa (justificada, na minha opinião) e o próprio nos dá conta de um convite para um cargo na SAD que... o Nuno nunca sequer chegou a saber qual seria...

Em sentido inverso, já vimos o Dr. Andrade e Sousa ser despedido devido às divergências do profissional (e sportinguista) Dr. Domingos Soares Oliveira, sendo substituído no cargo pelo Dr. Paulo Gonçalves que vinha de profundas ligações às SAD do FCPorto e BoavistaFC. Já vimos chegar o Sr. Jorge Gomes que sempre afirmou o seu acérrimo portismo e esteve ligado a muitas "jogadas de bastidores" para prejudicar o SLBenfica. Já vimos ainda entrar (o sportinguista) António Carraça, que mais tarde se viu dispensado, para agora entrar de novo como... Director Geral, enquanto vemos Rui Costa com um papel cada vez menos relevante na estrutura. Como se não bastasse, outro sportinguista (Jorge Jesus) ainda se assume como o grande responsável pela valorização de DiMaria, Ramires, David Luiz e Coentrão bem como pelo título do SLBenfica, surreal.

Não sou ninguém para questionar a competência destes profissionais, era o que faltava! Mas por provar está a mais-valia que todos estes recursos trouxeram ao SLBenfica, pelo que, independentemente da sua competência, este tipo de gestão deixará sempre espaço para que surjam questões como aquelas que Jorge Batista levantou e outros no passado já o fizeram também.

O tempo dirá se Jorge Batista mentiu, o que seria gravíssimo do ponto de vista deontológico, ou se Jorge Batista prestou um serviço ao SLBenfica ao denunciar esta situação, o que seria gravíssimo para o nosso clube caso fossem confirmadas estas notícias.

Da sensação desorganizativa, da gestão orgânica confusa e dos factos que sustentam a teoria de Jorge Batista (desvio de jogadores e informações na imprensa)... disso não nos livramos. Cabe ao Sr. Presidente, como responsável pela liderança do SLBenfica, trabalhar no sentido de resolver estas questões para que definitivamente o SLBenfica se concentre cada vez mais no que deve: VENCER!

Directamente sobre as palavras de Jorge Batista, já o afirmei e repito: Era o que faltava o SLBenfica ter que se defender de uma acusação não provada. Quem acusa é que tem o ónus da prova e não o inverso.

Na minha perspectiva o Presidente do SLBenfica deveria sair a público, não eram precisas conferências de imprensa nem comunicados, para desafiar Jorge Batista a identificar quem são essas pessoas da estrutura do SLBenfica que ele afirma ter conhecimento de fonte fidedigna que fazem esse "jogo duplo"
.

Processos em tribunal? Por amor de Deus... de todos os anunciados, possivelmente uns nunca chegam a ser efectivados (não passam de barulho para "limpar a imagem") e os que avançam demoram eternidades nos tribunais acabando arquivados.

Comunicado SLBenfica sobre Jorge Batista

 ●  + 16 comentários  ● 
As afirmações proferidas ontem à noite, num programa de debate, na SIC Notícias pelo senhor Jorge Baptista, além de gratuitas e difamatórias, constituem ofensas à honra, dignidade e consideração da Administração da Benfica, SAD, dos seus membros e colaboradores.

A sua gravidade impõe o imediato accionamento dos meios e instrumentos judiciais adequados à sua reparação. Nesta conformidade, o autor destas afirmações será objecto das competentes participações crime que contra ele serão apresentadas.

Sinceramente? Acho um Comunicado despropositado e uma acção judicial menos propositada ainda. Era o que faltava o SLBenfica defender-se quando a acusação não é sequer concretizada/identificada.

Não querendo desvalorizar o post de há minutos do SouBenfica Há bufos no Benfica? E Novidades? (desculpem a sobreposição com o comunicado, pelo que fica desde já a nota para o lerem), mas impunha-se dar conhecimento do Comunicado do SLBenfica.

A minha opinião sobre o assunto? Fica para mais tarde, além de que já SouBenfica, o JediVermelho e o Vermelhusco deixaram as suas opiniões nos três textos abaixo e que devem ser lidas e reflectidas por parte de cada um de nós, onde o Vermelhusco teve inclusive o cuidado de colocar o video com as palavras de Jorge Batista.

Mais uma vez, as minhas desculpas ao SouBenfica pela sobreposição ao tópico Há bufos no Benfica? E Novidades? não querendo "abafar" o seu texto.

Há bufos no Benfica? E Novidades?

 ●  + 4 comentários  ● 
Como não quero mais emails do GB a pedir-me contenção, num assunto que mais uma vez a fragilidade da organização da actual direcção arrasta o nome do Benfica para coisas que nos envergonham, vou então apenas chamar a atenção para dois textos de um blogger que gosto de ler no Chamagloriosa.

Na blogsfera se calhar o GB é dos poucos que tenho lido que continuamos sem fazer a melhor contratação para o nosso futuro: ORGANIZAÇÃO e PAIXÃO pelo Benfica.

E sucedem-se os exemplos de que no Benfica a palavra «organização» é cada vez mais estranha e começa a ser mais estranho ainda perceber porque acontecem certas vergonhas que estão aos olhos de todos. Reparem bem:

«O eterno capitão Humberto Coelho veio a público, em entrevista à Antena1, dizer que declinou o convite feito por Luís Filipe Vieira para integrar a SAD do Benfica, explicando que não era um posto que lhe agradasse e que havia demasiada confusão nesta altura.

De facto Humberto Coelho esteve reunido em Lisboa com Luís Filipe Vieira no dia seguinte à famosa capa d'A Bola que anunciava essa integração, e está por saber se esse "spoiler" das canetas de aluguer terá ou não influenciado a decisão do grande Humberto. Não deixa de ser interessante ver que Humberto iria ocupar o lugar de Rui Costa, lugar para o qual foi falado em reunião da SAD (já que está na moda) o nome de José Couceiro. Acabou por vir outro sportinguista, António Carraça, responsável pela estrangeirização hardcore das nossas camadas jovens, e que foi despedido pelo mesmo Luís Filipe Vieira há três anos atrás.

O estranho no meio disto tudo é que o presidente referiu publicamente que esta época ia delegar menos, com isso atirando as culpas para quem quer que mandasse até aqui. Mas afinal as sondagens para mais cargos na SAD não pararam, como se pode ver de Humberto Coelho a António Carraça, passando por Nuno Gomes (a quem ofereceram um cargo sem sequer especificarem o que seria) e ainda pela promoção de João Gabriel a administrador da SAD.

Qual é a estratégia? Alguém consegue entender?»



Se isto não é exemplo suficiente de desnorte e explicativo porque motivo continuam a acontecer vergonhas atrás de vergonhas dentro do Benfica, reparem ainda nisto:

«Jorge Baptista fez ontem estremecer a nação Benfiquista, com um relato de coisas que manifestamente sabe sobre a forma como o Benfica é constantemente vigiado pelo Porto, e através de pessoas que trabalham no Benfica, que mandam no Benfica e que aconselham o Benfica.

Nada disto é novo, a única novidade foi alguém ter tido a coragem de publicamente o denunciar, ainda que sem nomes. E percebe-se, nestas questões é impossível provar o que se diz, as pessoas é que deviam abrir os olhos e pensarem que não existem assim tantas coincidências. Isto porque será sempre a palavra de quem sabe isto contra a palavra de quem se irá defender das acusações, e assim não chegaremos a lado nenhum. Por isso dizer os nomes das pessoas só ajudaria ainda mais a criar problemas para ele próprio, problemas que aliás estou em crer que terá de qualquer forma, como é possível ver pela leitura de alguns blogs.

Mas recordando algumas coisas, talvez tudo fique mais claro. Também conheço episódios mas prefiro não me meter nisso, vou antes dar uma ajuda a todos os leitores e cada um que tire as suas conclusões sobre a probabilidade de termos pessoas no Benfica que nada querem ajudar o clube. E o presidente sabe quem são, se nada faz é porque não quer.

- Paulo Gonçalves, ex-advogado do Boavista. Luís Filipe Vieira, quando este Paulo Gonçalves ainda estava conotado com as SADs portuenses, disse que se algum jornal voltasse a colocar este nome na rota do Benfica, iria contar toda a verdade sobre a personagem. Parecia falar de alguém bastante corrupto e com práticas condenáveis. Tempos mais tarde, foi o próprio Vieira que sem mais explicações o introduziu na SAD e lhe deu a pasta dos processos jurídicos. Todo um mundo de processos quentes, com o Apito Dourado à cabeça, onde conta quem viu que na defesa dos interesses do Benfica que apresentou na UEFA não podia ter sido mais amador.

- Domingos Soares de Oliveira, sportinguista confesso é mais um dos supostos Benfiquistas convertidos desta direcção. Já é sócio do clube, com direito a 5 votos, director-geral do clube, director financeiro da SAD, e o homem com mais poder na SAD do Benfica. É o único elemento da SAD com relações institucionais com o Porto, e tornou-se grande amigo de Fernando Gomes. Foi ele quem pressionou Luís Filipe Vieira a apoiar Fernando Gomes para a presidência da Liga, com os resultados que se conhecem, com a suposta contrapartida dele nos ajudar na negociação das transmissões de TV.

- Jorge Gomes, prospector freelancer que trabalha com o Benfica desde os tempos de José Veiga. Estranhamente Vieira viu imensos defeitos em Veiga depois de o meter no Benfica, mas de Jorge Gomes parece ainda não ter visto nada de mal, de alguém que ficou conhecido por dizer que o Porto é a sua religião e que teve um papel chave no tristemente célebre episódio da creolina no Estádio das Antes, há 20 anos atrás. Actua num mercado onde nos últimos anos o Benfica perdeu, entre outros, Falcao e James Rodríguez. Infelizmente o Porto nunca nos desviou os Patrics, Shaffers e Fernandez desta vida.

E há mais gente muito duvidosa na SAD. A maioria não é Benfiquista, e passeia petulantemente na Luz papagueando as informações do foro interno que sabe, procurando obter a admiração de todos quantos lhes dão atenção. Não é difícil de imaginar que possam haver fugas de informação num cenário como este. Eu próprio em tempos já consegui saber de algumas coisas ainda algumas das reuniões não tinham acabado, e até alguns jornais (um, em particular) já publicou por mais que uma vez conversas tidas em algumas das reuniões.

As fugas são evidentes, e não são de agora que foram denunciadas publicamente. A SAD é um saco de gatos cuja maioria nem tem qualquer filiação emocional com o clube (bom, os que acreditarem que existem conversões futebolísticas talvez discordem disto), e toda a gente lá dentro sabe disto.

Esperemos para ver os próximos capítulos, mas eu até já prevejo quais serão. Processo judicial no Jorge Baptista, comunicados a defender a integridade moral e profissional das pessoas no Benfica, e continuará tudo como dantes, numa estrutura cada vez mais mastodôntica e redundante e atulhada de tachos, muitos sem funções definidas. E, claro, os que ousam denunciar isto (para bem do Benfica), serão sempre os oportunistas que se aproveitam do mau momento para ter atenção, uns abutres, uns sabujos.

Acordem!»

Dois posts retirados daqui e daqui.

É CASO PARA PERGUNTAR SE ISTO TEM DEFESA POSSÍVEL, SE ISTO TEM EXPLICAÇÃO POSSÍVEL?

O Vieira tem algum bom motivo para insistir nestes erros evidentes ou tem antes algum motivo para não os corrigir? Eu não sei a resposta, quem souber que me explique.

Já nada espanta no Benfica: os bufos

 ●  + Sem comentários  ● 
Vivemos num tempo em que nada espanta no SLB... Desde jogadores a serem anunciados diariamente pelos jornais, até ao achincalho que outros dirigentes submetem o nosso clube e termina agora com um comentador ( dos mais reputados e mais conhecedores de futebol no país) a denunciar aquilo que para muitos era apenas uma fundada suspeita: há informadores no SLB! Mas há largos anos que isto acontece... O problema é que até há uns atrás sabia-se "apenas" o que se passava no balneário. Nas últimas épocas temos visto, constantemente, o Benfica a disputar taco a taco jogadores com o CRAC e por norma perde! Falcao, Álvaro Pereira, James, etc. Se nos recordármos, o interesse do SLB nestes jogadores apareceu escarrapachados nos jornais! E não digam que é invenção, pois o presidente do Cluj admitiu que o beiçolas portista foi-nos surripiado! Ora só por si é grave o aparecimento constante do interesse do SLB em jogadores. É certo que há alguma invenção, mas não tanta como muitos escribas acreditam! Muitas vezes são só sondagens a jogadores, mas o que é facto é que isso sai cá para fora! Porquê? Porque o SLB vende e porque alguém faz chegar informação valiosa aos jornais! Culpa de um estrutura permeável! Mas o mais grave é que o CRAC surripio-nos jogadores. E só não aconteceu com Carlos Martins, por exemplo, porque este manteve a palavra! Senão...

Ora bem, o caso de Carlos Martins é sintomático e foi contado pelo próprio! Alguém ligado ao CRAC, no dia antes da assinatura, assediou-o com uma proposta mais alta! Ora se era mais alta, é porque sabia o valor que o SLB ia praticar! E perante isto, Jorge Batista brindou-nos com uma evidência. E se o Benfica se silenciar perante "acusação" tão grave, vai ser conivente com a denúncia! Pois se alguém atenta contra o meu bom nome, eu terei de reagir, exigindo a reposição da honra! Não fico à espero que o acusador prove o que disse! Agora se ficar calado... estarei a admitir tacitamente o que contra mim foi dito!

Os adeptos do SLB devem ser cuidadosos na análise que fazem às palavras dos analistas e daí extrair o que importa! E neste momento, algo de muito grave foi dito e que empiricamente não é difícil de comprovar! Cabe aos sócios pedirem esclarecimento de tão complicado assunto em vez de dispararem contra o "mensageiro" desde logo! Porque sublinho de novo: o que JB disse não é difícil de, na teoria, comprovar!

Os bufos...

 ●  + 15 comentários  ● 

Pelos vistos parece que o jornalista Jorge Baptista acordou muitos benfiquistas para uma das duras realidades do Benfica actual: que tem bufos!
E bufos que não só relatam tudo o que se passa na vida interna do Benfica para os Corruptos como também fazem a lavagem de roupa suja e deitam coisas cá para fora os jornais que devem ficar dentro dos gabinetes.

Aponto desde já um dos suspeitos de ser "bufo":

O nosso(?) olheiro Jorge Gomes. Ou como acham que Álvaro Pereira, Falcão, James Rodriguez entre outros jogadores acabaram desviados para os Corruptos quando o Benfica descobriu-os primeiro e estava com as negociações adiantadas?

E este não há-de ser o único na estrutura encarnada e mesmo na Direcção do clube se não, por exemplo, como é que soube imediatamente que António Pedro Vasconcelos esteve presente na reunião dos Orgãos Sociais que decidiu boicotar os jogos fora do Estádio da Luz?

Mas isto espanta alguém??? Só quem está a dormir e prefere fechar os olhos á realidade portuguesa e mais especificamente do Benfica! Então num País em que temos candidatos a magistrados que copiam no exame de admissão, procuradores que se vendem por lugares á borla no antro da Corrupção e em que empresas que deviam ser imparciais desviam os e-mails internos do Benfica para os Corruptos alguém acredita que isto também não acontecia?

Meus caros é o que dá criar uma estrutura no clube composta por "profissionais" em vez de ser composta primeiramente por BENFIQUISTAS. Não me venham com tretas de que em seis milhões de benfiquistas não existem profissionais para todas as áreas de gestão do clube. 
É o que dá apoiar "profissionais" sócios dos Corruptos para Presidente da Liga!
O que eu quero saber é o que os "profissionais" andam ás custas do nosso clube para fazerem o rico trabalhinho que andam a fazer.

Odeio ter que dar este exemplo mas pelo Porto quem trabalha na estrutura do clube ou mesmo os empresários que negoceiam com eles têm que ser sócios do clube.


E o que mais me choca é ver benfiquistas que querem é matar o mensageiro em vez de exigir que se resolva o problema!

Acusação Gravíssima de Jorge Batista na SIC

 ●  + 23 comentários  ● 
Ontem num programa da SIC, Jorge Batista disse taxativamente que alguém dentro da direcção do SLBenfica fazia chegar ao FCPorto infromações "ao minuto" em transferências de jogadores chave no projecto do SLBenfica, como foi o caso de Falcão.

Torna-se fundamental, não que o SLBenfica o desminta (era o que faltava), mas sim que Jorge Batista tenha capacidade de provar ou mesmo indicar quem o fazia do lado do SLBenfica. Caso contrario, torna-se vital que o comentador tenha a humildade de dizer que utilizou um termo inadequado.

Quanto a nós, sócios, o que achamos disto?

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Éder Luís e Fellipe Bastos

 ●  + 6 comentários  ● 
Estes dois jogadores são, neste momento, dois activos importantíssimos do SLB. Se Éder Luís nunca me impressionou, já Fellipe Bastos mostrou qualidades interessantes para tão pouca idade! A verdade é que ambos, na sua passagem por Lisboa, estavam longe do 11 do SLB. Mas a época passada foi muito proveitosa para ambos, revelando-se fulcrais no Vasco da Gama, clube que acabou de anunciar a continuação de ambos. E o Benfica quer o Dedé. E que tal uma troca? Se temos tão boas relações com eles... Senão deviamos bater a outra porta que nos interesse no Brasil (Santos?) se o Vasco não facilitar a vinda do central! Comportamento estratégico, só isso! Não podemos ter jogadores emprestados a um clube que anda a dificultar tanto um negócio! Ou então, este acordo é a antecamera do anúncio da vinda de Dedé! Veremos!


P.S.- Adu está a entrar no último ano de contrato! É uma pena, os empréstimos sucessivos a clubes da treta não ajudaram! Creio que havia ali potencial, se o tivessemos emprestado a um clube da Liga! Assim, lá foram mais de 1,3 milhões euros à rua mais uns ordenados... Uma pena. E isto para não relembrar Balboa. Ai...

P.S.2- Por falar em activos, o empréstimo de Airton é algo que não me cabe na cabeça! Um jogador que mostrou qualidade, sai assim pela porta pequena! É certo que regressa ao Flamengo, mas emprestá-lo porque tivemos que "levar" com o Matic... E iremos chegar a um dilema: queremos que o Airton regresse? Se ele regressar, é sinal que o Matic e o Nuno Coelho não valem nada (5 milhões à rua). Se não regressar, é um activo de enorme qualidade desperdiçado... Enfim, estratégias...

Reflectindo sobre o que disse Danilo

 ●  + 8 comentários  ● 
Danilo, talvez a mais desejada aquisição dos benfiquistas neste defeso, manifestou que o Benfica "seria um bom clube para começar na Europa." Antes que venha o ataque sobre o brasileiro importa reflectir sobre o actual peso do SLB... O peso do Benfica para miúdos brasileiros com 20/21 anos! O que conhecem eles do SLB? Qual o valor comparativo do nosso clube com os demais da Europa? Danilo não é o primeiro a relevar para 2º plano a grandeza do SLB. Lembram-se de Ramires ou Di Maria? E importa começar a admitir que isto não tem a ver com falta de profissionalismo... Mas prende-se antes com o actual pouco peso internacional do SLB. Dói? Ai dói pois! Nevertheless, é verdade! Desde 1990/91 para cá o que fez o SLB? Tem 4 títulos de campeão nacional no currículo e duas meias finais europeias... E pouco mais! Portanto alguém pode condenar estas palavras? Não me parece...


Perante o cenário normal a cada sul americano que chega, devemos dar mais do que nunca a importância ao jogador português, de preferência formado na casa! Só assim se perpetua e renova o benfiquismo! Pois são os benfiquistas que sabem o que somos!


Só portugueses chegam? Não! Importa sim trazer estrangeiros de qualidade! Escolhidos a dedo! E não em barda. Para que ao chegarem digam que não conhecem o SLB e ao partir fiquem com saudades e sede de mais troféus! E que nos ajudem de novo a colocar o Benfica no mapa mundial! Para que daqui a 4/5 anos, um miúdo brasileiro, ao chegar à Portela, conheça bem o SLB e nem ponha a hipótese à partida de Lisboa ser uma ponte! E que diga: "É um previlégio jogar no clube onde jogou o Aimar, Luisão e o David Simão ou o Rúben Amorim"! Ou que pense que substituir o Miguel Rosa ou o Maxi vai ser "difícil, mas vou dar o meu melhor"!




Tem a palavra a cúpula do SLB! Voltar a colocar o Benfica no topo da Europa ou continuar o caminho para a ser apenas uma ponte, em vez de ser um previlégio... Bem sei que as realidades financeiras são diferentes. Porém, envergar a nossa camisola não pode ser uma "portagem"! E sim um orgulho! Têm a palavra os dirigentes e os sócios... O que querem para o Benfica? Ficarem chateados cada vez que um sul americano vem com esta conversa ou exigir mais ao próprio clube para que isto não aconteça? Digam vocês...


Continuem a ler, para o tópico do GB sobre a nossa camisola!

Primeiro estranha-se, depois entranha-se!

 ●  + 3 comentários  ● 
É o que tenho a dizer sobre a camisola alternativa do SLBenfica. A camisola até que é gira, sim. Obviamente que não é tão gira como um alternativo branco e vermelho... à Benfica, mas daí até dizer que é feia, agora depois de ver que é um dourado e não um "pastel"... sim.

Ainda assim, há sempre outro caminho, benfiquistas. Eis o exemplo do Altético Madrid depois dos adeptos terem reprovado o arrojo inicial da Nike.

Assim é o meu Benfica: EM PORTUGUÊS

 ●  + 5 comentários  ● 
Portugueses, benfiquistas e com qualidade. Sim, o André também é «dos nossos».


E principalmente meditem porque as Palavras do Ruben Amorim dão que pensar

Afinal o Sec. Estado do Desporto é outro

 ●  + Sem comentários  ● 
Alexandre Mestre, que já anteriormente tinha trabalho com Hermínio Loureiro quando desempenhou as funções de secretário de Estado. Alexandre Mestre é especialista em Direito do Desporto está entre os 20 advogados mais influentes do mundo em Direito do Desporto. Mais informações sobre o novo Sec. Estado Desporto.



ESTAREMOS SOBRE UM PONTO DE VIRAGEM DA JUSTIÇA NO DESPORTO?
Pagar para ver.

Até lá não se saem da cabeça as Palavras do Ruben Amorim que dão que pensar

Palavras do Ruben Amorim dão que pensar

 ●  + 3 comentários  ● 
«Nuno Gomes é uma grande perda, mas o Benfica é que decide. Espero que continue a ter sucesso»

«Vejo com alguma felicidade a entrada de jogadores da formação, ainda por cima portugueses»

Digam lá que este também é abutre e não sabe do que fala! Este é BENFIQUISTA!


Nuno Gomes em Braga? Wrong choice?

 ●  + 11 comentários  ● 
Nuno Gomes é um profissional de mão cheia! Um atleta exemplar que só não tem mais títulos no seu palmarés porque, em 12 anos de Benfica, teve de ser quase sempre uma das poucas excepções de qualidade! E essa é que é a verdade! O ex-capitão deu sempre o melhor de si e mesmo quando foi secundarizado, nunca foi um foco de incêndio! O próprio JJ, que o "encostou" de vez, o admite.

Nuno quis continuar a jogar! E fez muito bem! Se sente que tem mais para dar (como se viu nas poucas vezes que jogou em 2010/11), só tem mais é que jogar. E ao mesmo tempo afirma uma certa "alergia" a pseudocargos na estrutura de LFV, que usa ícones do Benfica para legitimar um rumo de actuação! Demonstra personalidade! Estou convencido que Nuno dará um excelente dirigente de futuro!

Nuno pode estar a caminho de Braga. O SLB, segundo se falou pediu ao jogador para não alinhar em Portugal. Não o deveria ter feito! Se não nos serve... serve a qualquer outro! Não jogar por cá teria de ser uma decisão do próprio! Mas e se ele for para Braga? Para mim, como benfiquista, Nuno Gomes desce consideravelmente! O Braga não é um rival nosso. Nunca irá ser! Mas pensa que é! E a atitude dos seus dirigentes, cães de fila do FCP, a escória que representa a claque desse clube, afiliada da escola SuperDragões e os pistoleiros que têm sido os jogadores bracarenses, sempre provocatórios quando o SLB por lá joga fazem-me desprezar no que esse clube se tornou. Cresceu à sombra da sua atitude antiBenfica. O que diz bem do nosso futebol!

Ao jogar em Braga (se se realizar), Nuno vende-se a essa escória! Alinha no discurso antiBenfica. Como Quim orgulhosamente fez e depois de ser achincalhado vezes sem conta! Nuno será um trunfo de António Salvador, na guerra provocatória Norte/Sul! Uma bandeira da capacidade do Braga em competir não pelo título de campeão, mas pelo título do "Nós odiamos mais o Benfica"! Não creio que Nuno alinhe conscientemente nisso, em oposição a Quim! Mas se aceitar ir para lá, alinha nesta querela pelo silêncio! E tornar-se-á num inimigo nosso! Tem de ser assim. Pois só assim o SLB ganhará! Encarando o eixo Porto-Braga como um inimigo!

Nuno é um profissional! Tem todo o direito a escolher o seu futuro. Porém, as escolhas que todos fazemos dizem sempre um pouco do que somos ou seremos! Muitos compararam o caso de Nuno Gomes com o de Raul. Há uma diferença: Raul manifestou desde logo que nunca jogaria em Espanha! Guardiola fez o mesmo... Símbolos são símbolos! Querem gostem ou não! E isto só acontece com Nuno porque possivelmento o clube o poderia ter tratado melhor, poderia ter-se despedido de outra maneira... Não sei.

domingo, 26 de junho de 2011

E para Sec. Estado do Desporto...

 ●  + 4 comentários  ● 
O nome mais falado, ainda não confirmado é o Dr. Carlos Marta, actual presidente da CM de Tondela. Podem consultar o respectivo curriculum no site da Câmara Municipal.

Já presidiu à AFViseu, que acumulou com a Presidência da Comissão Parlamentar de Fiscalização do EURO/2004 de onde saiu para substituir o Dr. Fernando Seara como Presidente do Conselho Superior do Desporto, cargo que ocupou já depois de chegar a Presidente da CM de Tondela.

Esteve na calha recentemente para avançar com uma candidatura à FPF.

Como é comum quando o governo é PSD, apesar de nortenho, não está ligado ao FCPorto - algo que caracteriza muito os "governos rosa". Antes pelo contrário, dado que o Dr. Carlos Marta foi (não sei se ainda é) Presidente da AG da Casa do Benfica de Tondela.

Boa notícia? Não sei, mas pelo menos parece-me não ser mais um vendido ao poder corrupto.

Um notável feito!

 ●  + 7 comentários  ● 
Não compensa o fraco ano nas modalidades de pavilhão e futebol, mas é de assinalar com orgulho a conquista do título nacional masculino em atletismo. Numa modalidade dominada pelo Sporting, conquistámos um título que fugia desde 1996! Que seja um estímulo para o futuro e que seja o início do reverter da tendência lagarta na modalidade!

Muito mau...

 ●  + 9 comentários  ● 
Da cor ao design, passando pelas caixas preta (meo) e azul (tmn)... que horrível! É assim tão difícil fazer uma camisola alternativa branca, com design vermelho, com mandam os estatutos? Não gostam de ganhar dinheiro?

Give Chelsea a chance...

 ●  + 5 comentários  ● 
Há muito que não temos novidades de Madrid acerca do Coentrão! Entretanto, em Inglaterra fala-se do interesse do Chelsea! Bom, com a sovinice de Jorge Mendes e José Mourinho sempre que toca ao Benfica, creio que seria a oportunidade de "ouvir" o tilintar da carteira de Abramovich! Para meter pressão a Perez! E se os números russos agradarem, why not? Ou então o Fábio amanhã apresenta-se e fica mais uma época! O que seria excelente!

Excelente Contratação do SLBenfica

 ●  + 2 comentários  ● 
Excelente curriculum com podem ver no aqui e nesta notícia d'A Bola. É o novo treinador de guarda-redes do SLBenfica. Parabéns a quem tomou esta decisão, é uma contratação de grande qualidade.

O que dizer disto?

 ●  + 7 comentários  ● 
«O Benfica vai anunciar mais reforços a partir da próxima semana, apurou o Correio da Manhã.

À Luz devem chegar Dedé (defesa-central) e Danilo (médio-direito), mais um ponta-de-lança, e Bryan Ruiz, avançado que tem acordo com o clube da Luz.»

E antes tinham escrito:
«O jogador, de 22 anos, pertencia ao Banfield, clube da primeira divisão da Argentina, mas na última temporada esteve emprestado ao Chacarita Juniors, do segundo escalão.
Lateral com grande vocação ofensiva, é visto na Luz como um talento a trabalhar no futuro e com enorme margem de progressão, mas só deverá chegar a Portugal em Dezembro, onde será uma alternativa para a faixa esquerda.
O Benfica acedeu ao pedido do Banfield para que Pablo Vergara se apresente apenas a meio da temporada, pelo que os seis primeiros meses vão ser de adaptação ao futebol europeu.»

Acham que isto pode ser verdade?
Este Vergara aos 22 anos emprestado à segunda divisão, tem tudo para ser outro Fernandez ou Andres Dias. Quanto às contratações nem sei o que pensar.

sábado, 25 de junho de 2011

O Football Manager do Redmoon

Avatar
 ●  + 19 comentários  ● 
Confesso que não jogo Football Manager, e por isso tenho alguma dificuldade em opinar sobre jogadores que não conheço, isto se partisse do princípio que esse famoso jogo retrata fielmente as potencialidades de cada jogador, o que não me parece que assim aconteça. Sei que aqui há uns anos havia um super craque nesse jogo chamado Mokoena, que pelo que que me parece na vida real teve uma carreira bem modesta.

Por isso, isto de nos armarmos em treinadores de bancada e virmos para aqui opinar e recomendar o plantel ideal da próxima época é um divertimento giro, e eu também gosto de brincar e idealizar um pouco mas, a base científica em que baseamos os nossos critérios de escolha, está corrompida logo à partida.

Está corrompida porque muito pouca gente conhece os Moras, os Nolitos, os Wasses, os Pérez, os Brunos Césares e os Ansaldis que aí vêm. Ah e tal, vimos uns vídeos giros no Youtube, que valem aquilo que valem. Eu no ano passado também vi uns vídeos do Jara na Argentina, e palavra de honra que pensei que o Benfica tinha comprado o Paulo Futre dos anos de ouro. Afinal, pelo que mostrou até agora, ainda pode vir a ser craque mas continua a ser um jogador em crescimento.

O que eu sei, e perdoem-me se estou errado mas foi o que li no jornal Expresso, é que o Benfica comprou até agora 12 jogadores, dez deles a custo zero, tendo comprado apenas os passes de Bruno César e Enzo Pérez. Ou o Benfica fez de facto um excelentíssimo trabalho de prospecção este ano e passou a perna a muitos clubes, ou então, quando um clube adquire dez jogadores a custo zero, faz-me desconfiar da qualidade. Se desses dez se aproveitassem cinco já não era mau.

Por isso, prefiro fazer a minha brincadeira de Football Manager sob uma outra perspectiva, não sobre as análises e recomendações de jogadores contratados e que não conheço, mas sobre o sistema de jogo da equipa, que é aquilo em que acho em que o Benfica precisa realmente de melhorar.

O Benfica falhou o ano passado, entre outras razões evidentemente, por falta de alternativas para cinco lugares chave na equipa: Maxi, Coentão, Gaitan e Sálvio. Cardozo tinha Kardec, mas kardec foi também de uma nulidade extrema. E nesse aspecto penso que o Benfica se precaveu este ano. Não posso ainda avalizar a qualidade de Wass, Perez ou Nolito, mas confiando que são jogadores com qualidade, pelo menos já estamos precavidos em relação a lesões e castigos, o mesmo se aplica a Nélson Oliveira que pode ser uma excelente alternativa a Cardozo.

No entanto, na minha opinião, o principal problema não foi ainda resolvido, e acredito (ou espero) que Jorge Jesus esteja a trabalhar nesse sentido. É que ao Benfica faltam jogadores para o 4-3-3. Há muitos números seis, muitos números dez, mas o número oito escasseia. Pelo que tenho lido, Nolito e Enzo Pérez são mais uma vez dois alas super ofensivos com dificuldade na recuperação, o que juntando a Aimar ou Bruno César, temos mais uma vez um meio campo onde apenas Javi Garcia (ou Matic ou Nuno Coelho) defende.

Se vamos jogar contra o Portimonense, a táctica ofensiva do compressor de Jorge Jesus resulta quase sempre. Mas se vamos para a Liga dos Campeões mais uma vez com esta táctica suicida do podemos marcar 4 golos mas podemos também sofrer 5, é certo e sabido que nos vamos dar mal muitas vezes.

Dito isto, na minha opinião continua a faltar-nos um… Ramirez para o 4-4-2, um jogador diferente de Pérez, Gaitan ou Nolito. No Benfica esse jogador tem sido Peixoto ou Ruben Amorim mas, Peixoto é limitado e Rúben Amorim devia lutar na minha opinião com Maxi pela posição de lateral direito.

Ao Benfica falta também o sistema alternativo, um 4-3-3 forte para se tornar finalmente numa equipa capaz de ombrear com as grandes equipas da Europa e de… Portugal. Falta-nos esse tal Ramirez (será Danilo esse jogador?) para o 4-4-2, e falta-nos um número 8, um jogador como… Tiago (poderá ser Matic?)… para ser o Moutinho do Benfica e ser a ponte entre o Javi ou o Matic e o Aimar ou o Bruno César num 4-3-3, partindo eu do princípio que David Simão e Miguel Rosa são jogadores para se irem integrando aos poucos.

Se não para jogar todos os jogos, acho que Tiago poderia ser um reforço importantíssimo para os jogos mais difíceis, um pouco à semelhança do papel que Park tem no Manchester United. Para além de bom jogador, é experiente, conhece a casa e o campeonato português, não deve custar balúrdios e ainda há poucas semanas disse que gostava de regressar.

E então sim, poderíamos libertar os extremos das missões defensivas e deixá-los fazer aquilo que melhor sabem fazer, manter o 4-4-2 nos jogos mais fáceis com Cardozo e Saviola na frente, e ter então a alternativa a Cardozo, um jogador mais móvel como Saviola, Jara ou… Rodrigo (acho que tem um potencial imenso), para jogar sozinho na frente num 4-3-3.

Isto claro, vale o que vale, vale tanto como qualquer outra sugestão ou post sobre a mesma matéria mas, como o pessoal gosta de brincar ao Football Manager e o Redmoon ainda não tinha brincado, o Redmoon achou que era hora de mostrar o que faria se estivesse na pele do Jorge Jesus.:))))

Partindo claro do princípio do que já tinha escrito há algum tempo: Que este era um Benfica a precisar de retoques e não de revoluções.



27 jogadores

Como as coisas são feitas...

 ●  + 5 comentários  ● 
... Desenganem-se todos aqueles que acreditam que o Jorge Mendes "arquitectou" a transferência do Villas Boas à revelia de Pinto da Costa (e já agora desenganem-se os que acreditam que Vitor Pereira foi a primeira escolha, porque foi Rui Faria - que recusou).
... Desenganem-se os que acreditam nas transferências milionárias dos jogadores do FCPorto apenas pela "magia" negocial de Pinto da Costa.
... Desenganem-se os que acham que a composição da equipa da CD da Liga de Clubes é feita "por acaso".
... Desenganem-se os que acreditam que Fernando Gomes se aborreceu com Pinto da Costa e por isso foi para a Liga de Clubes.
... Desenganem-se os que acham que Salvador, Alves e Pinto da Costa não compõem com Oliveira, Madaíl, Mendes e Gomes a "troika" que domina o futebol português.
... Desenganem-se os que acreditam que não há clubes "vendidos" a estes "patrões" a troco da permanência na I Divisão.
... Desenganem-se os que consideram que não há presidentes de Clubes a serem "remunerados" para facilitar negócios, para potenciar/valorizar jogadores, etc.

Depois de vários exemplos de "coisas estranhas" conhecidas em transferências de jogadores como P.Ferreira, Anderson, Pepe, Bruno Alves, etc. atentem bem a este exemplo de uma futura transferência de Moutinho, num excelente trabalho apresentado pelo Vermelhovsky no Antitripa:

"Tudo começa no dia 15 de Outubro de 2010. Nas antas era preciso guito e lá se vendeu 37.5% do J. Moutinho a uma empresa qualquer holandesa por 4.125 M€.

Para um jogador com o cláusula de rescisão de 40 milhões, receber pouco mais de 4 milhões por mais de 1/3 do passe parecia muito pouco. Seria de esperar que o clube conseguisse um valor maior, perto dos 6 a 8 milhões, o que valorizaria o jogador para 18 a 24 milhões de euros.

Mas não se vendem assim os passes, sem que fiquem alguns a ganhar. Especialmente os corruptos que há mais de 20 anos gerem aquele clube.

A empresa com quem eles fizeram o negócio chama-se Mamers B.V. e é holandesa. Só tem um accionista que é a "Stichting Mamers" que tem no seu conselho de administração Fernando Duarte Rodrigues Cordeiro (presidente), Fernando Duarte Rodrigues Cordeiro Filho (filho do presidente), António Fernando Maia Moreira de Sá e Flávio Azevedo Moreira de Sá.

António Fernando Moreira de Sá foi eleito para o Conselho Superior dos corruptos e é amigo de longa data de Peidoso da Bosta. O seu filho Flávio, é um ex-jogador da bola que chegou a jogar na 1ª divisão (Rio Ave) em 2004/2005. Seu sonho sempre foi chegar ao FCP, e mesmo com muitos favores, a falta de talento falou mais alto e acabou por desisitir do futebol ainda jovem.

Fernando Duarte Rodrigues Cordeiro é acionista da extinta SLN e foi membro do conselho de superior do BPN. Interessante frisar que já após a intervenção do estado no BPN, este senhor conseguiu que lhe fosse paga uma fatura de mais de 200 mil euros. É sócio em vários negócios e amigo do peito de António Fernando Moreira de Sá, tendo também relações próximas com Rui Moreira, Pintelho da Tosta e Reinaldo pasTeles.

Portanto este fundo é detido por 2 senhores que colocaram na sua administração 2 filhos. O negócio ficou então em familia e o que se sabe, é que se Moutinho for vendido, o fundo lucra muito mais que o Clube Corrupto.

Imaginem por exemplo (por muito ridículo que seja) que o minorca-rebolão é vendido por 25 Milhões de Euros. O Porto depois de pagar 25% das mais valias ao Sporting, os 5% de direitos de formação (ao lagartos e ao Portimonense) e os 37.5% a esta empresa, ficariam com pouco mais de 11.5 M€ que somados aos 4.125 recebidos desta empresa daria cerca de 15,5 M€. Subtraindo os 11 milhões que lhes custou o passe... seria 4.5 M€ de lucro (uma margem de lucro de pouco mais de 20%). Enquanto isso a Mamers B.V. receberia quase 9 M€, tendo um lucro de quase 4.8 M€ (muito mais que 100%) em menos de um ano.

Acreditam vocês que as 2 familias serão as únicas a faturar? Claro que não... Fernando Duarte e António Fernando não passam daquilo a que se chama no Brasil de "Laranjas". Gente que monta negócios de fachada mas em que os lucros são de outros, próximos deles. E neste caso, quem tem mais a lucrar é o tal dirigente que tem uma vida de sultão com ordenado de pedreiro. O tal que oferece casas, automóveis de luxo, joias no valor de milhares de euros... sem que se saiba de onde vem o dinheiro. Ou melhor, não sabem por que não querem ver.

Fiquem bem,
V."

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Tentar ajudar a arrumar a casa

 ●  + 20 comentários  ● 
Não que concorde com algumas opções tomadas, mas vou assumir como válidas grande parte das decisões tomadas. Até porque, como sócio do SLBenfica, a partir do momento em que são tomadas as decisões... passam a ser minhas também. Isso não implica que concorde com elas, mas implica que saiba conviver com elas.

Assim, e para mais tarde recordar, vou deixar aqui a minha ideia de como organizaria a estrutura e o plantel, face ao actual enquadramento de pessoas e decisões.

O Staff da SAD

Não há volta a dar ao facto de Luis Filipe Vieira ser a linha de responsabilidade directa da estrutura directiva da SAD. Na minha perspectiva deveria ser Rui Costa a liderar o futebol profissional e de formação, ficando Luis Filipe Vieira com um papel supervisor (enquanto Pres. SAD). Como já disse, é fundamental ter a liderar o futebol, alguém do futebol e que sabe e sente o SLBenfica. Luis Filipe Vieira não é essa pessoa em termos de background e seguramente não o é na paixão.

Mas admitindo que não podemos fugir deste centralismo penalizador, o desejável é que seja real o que a comunicação social anuncia de ter Rui Costa num papel decisor em termos de gestão e planeamento do futebol de uma forma macro (contratações, empréstimos, acompanhamento de jogadores, coordenação do scouting, relação com outros clubes, etc.).

António Carraça a assegurar todo o processo operacional do futebol profissional (acompanhamento da equipa, presença no banco, gestão de comunicação, acompanhamento dos jogadores, controlo da actividade extra-futebol, estágios, coordenação com treinador, integração com DIC, comunicação com a SAD, identificação das lacunas, idenficação de soluções a propor à SAD, etc.).

Já o prof. Manuel Sérgio, penso que deve ser mais do que um "espectador" e consultor dos treinadores, neste caso Jorge Jesus - mais tarde vão perceber porque considero o treinador o elo menos relevante da equação "staff". O Prof Manuel Sérgio deve trabalhar sobre a directa responsabilidade de Rui Costa e em perfeita sintonia com António Carraça, sim porque o seu trabalho é mais do que apenas operacional e mais do que apenas direccionado ao dia-a-dia do futebol.

Na minha opinião, Ricardo Lemos (Resp. Comunicação para o futebol) deveria estar sobre a responsabilidade de António Carraça. A coordenação e articulação com a imprensa diária, seja na libertação ou controlo de informação estratégica é importantíssimo que seja muito bem articulada com o Director Geral e mesmo com o responsável pelo DIC.

Sobre a responsabilidade de Rui Costa, deveria estar o scouting do futebol profissional que deveria ter uma estrutura de recursos humanos (scouts) e meios tecnológicos (recolha e tratamento de dados) totalmente independente do futebol de formação.

Por falar em futebol de formação, toda a vertente operacional deveria estar sobre a responsabilidade... do Director Geral, pois é! Do scouting à direcção técnica, passando pela gestão do Caixa Futebol Campus... tudo são vertentes que devem estar na égide do Director Geral de modo a que sejam estruturados e desenvolvidos de foram a servir o futebol profissional e não apenas no intuito de formar jogadores e... "depois logo se vê".

Por fim... o staff técnico. Treinadores, preparadores físicos e observadores são a base da pirâmide, um factor importante de sucesso, alargado por incluir o futebol profissional e a formação e fundamental na perspectiva que é o garante da efectivação em campo de toda a estratégia. Mas...

... pois é, mas! Mas não podem continuar a ser escolhidos "porque sim". Tem que acabar a elevada rotatividade de treinadores, preparadores e observadores fruto de insucessos desportivos. Está nas mãos de Rui Costa e de António Carraça a definição do perfil de treinador do SLBenfica e da metodologia de treino a implementar desde a formação até ao futebol profissional. 60% deste trabalho está feito...

Se olharmos aos clubes mais organizados e estruturados, quase que podemos arriscar dizer que lá qualquer treinador tem sucesso, isto porque a "máquina" funciona com grande autonomia e o treinador só tem que criar as bases técnicas e alinhar com o "rolo compressor" que é a organização do clube, seja na definição das carências do plantel, seja na comunicação para dentro e fora. Chega de "salvadores da pátria"... (por isto é que há pouco disse "neste caso Jorge Jesus"... é que pode claramente ser outro, se tiver as competências definidas pela SAD)

Neste enquadramento, há muito que defendo que a nossa formação deveria ser também uma "escola" de treinadores que pudessem depois evoluir em clubes com modelos de colaboração desportiva com o SLBenfica e, mais tarde, puderem regressar para a estrutura de futebol profissional do SLBenfica. Este modelo garante uma muito melhor continuidade dos projectos desportivos (incluindo modelos tácticos) e muito menores custos e riscos com as vertentes técnicas.

O mesmo se aplica também a preparadores físicos, adjuntos e observadores, onde o clube deverá sempre ter uma palavra a dizer na sua escolha. Obviamente que os treinadores têm a sua equipa de confiança, mas o modelo de mérito e identificação com o clube não podem ser esquecidos e as equipas técnicas têm que ser um misto de escolhas de confiança do treinador e do elementos do Clube. Por outro lado a "escola de treinadores" facilita esse processo na medida em que há uma maior identificação dos recursos com as pessoas, métodos, etc.

O Plantel
Todos sabemos que é preciso começar a cortar naquele número elevado de jogadores. Sabendo que uma parte desses jogadores foram contratados com o objectivo de se valorizarem, é preciso começar por perceber qual a nossa base de potenciação desses jogadores, ou seja, que clubes têm interesse em receber jogadores emprestados pelo SLBenfica para potenciar as suas temporadas desportivas, a troco de imparcialidade neste futebol corrupto vendido aos azuis.

Na minha perspectiva, Rui Costa tem um longo caminho a percorrer porque o futebol português está muito "minado" neste aspecto. Idealmente, penso que deveriamos privilegiar clubes de Lisboa, pela maior facilidade de acompanhamento dos jogadores (Belenenses, Atlético e Estoril estão todos na Liga Orangina). Além destes, Beira-Mar, Paços Ferreira, Olhanense e Guimarães parecem-me ser suficientes para implementar uma estratégia adequada. Acrescentaria apenas, um ou dois clubes no estrangeiro (Espanha e França ou Holanda) para colocação de jogadores a rodar na Europa.

Os jogadores a valorizar devem ser definidos em dois patamares (A, B, C e D) em função da sua etapa de evolução e potencial de atingirem um grau de competência suficientes para integrar o plantel do SLBenfica. Nos jogadores actualmente ligados ao SLBenfica, colocaria então a seguinte divisão:

(A - elevado potencial de integração) - Oblak, Roderick, Leo Kanu, Ruben Pinto, Yartey, André Almeida e Melgarejo.
(B - potencial moderado) - Fabio Faria, André Carvalhas, Leandro Pimenta, Lassana Camará, Bakar, Alípio Brandão, Luis Martins e Jean Silva.
(C - a observar/acompanhar) - Diogo Caramelo, Junior, José Graça, Ademir, Diogo Caramelo, Abel Pereira, José Coelho, Helio Vaz, André Soares.
(D - a dispensar) - Julio César, Filipe Menezes, Fernandez, Shaffer, Eder Luis, Fillipe Bastos, Airton, Weldon, Kardec, Yebda, C.Peixoto e Balboa. Nestes pode igualmente integrar-se aqueles jogadores por quem vejamos com bons olhos uma proposta, atractiva, mas cuja permanência será vista com interesse caso a proposta não surja de forma devidamente compensatória: Roberto, C. Martins, Cardozo, Aimar e Saviola.

Os jogadores dos patamares A e B deveriam ser cedidos em Portugal nas Ligas Zon/Sagres e Orangina, respectivamente. Os jogadores dos patamares C e D deveriam ser colocados em Portugal, na liga Orangina (ou inferiores), no estrangeiro ou mesmo no seu país de origem.

Assim sendo, cá ficam as minhas escolhas para 2011/12 para dar uma ideia ao Jorge Jesus:

GR: Artur Moraes, Moreira e Oblak - Excluo por completo a hipótese Roberto ficar porque entendo que o seu custo e vencimento são demasiado elevados para ficar se não for titular absoluto - o que considero que não tem condições para tal. Julio César entendo que não faz qualquer sentido no SLBenfica quando temos Oblak que pode e deve evoluir ao mais alto nível.

DEF: Wass e Maxi Pereira; Luisão, Dedé (5M€ abatidos com venda de Eder e Bastos?), Miguel Victor e Jardel; José Angel (5M€?) e Carole. - Assumo a saída de Coentrão como uma questão de tempo, considero Kanu demasiado "verde" para jogar no SLBenfica e reitero que Miguel Victor é hoje muito melhor jogador que Roderick.

MED: Ruben Amorim, Javi Garcia, Matic e Nuno Coelho; Bruno César, Gaitan, David Simão, Miguel Rosa, Enzo Perez, Salvio ou Danilo (7 a 9 M€), Nolito e Urreta. - Considero precipitada a incorporação de Ruben Pinto (quando temos David Simão e Miguel Rosa) e reitero a minha opção pela procura de um bom negócio por Aimar, não podemos ter um grande jogador (que é) a jogar apenas 60min e a descansar um jogo em cada quatro, ganhando 150mil/mês limpos.

AV: Nelson Oliveira, Rodrigo, Mora, Jara, Cardozo e Saviola. - Assumindo que é complicado alguém dar 20M pelo Cardozo, um jogador que "factura" como ele não deve sair por menos que isso. Salvo apareçam 20M (mínimo) entendo que não deve sair, apesar de eu não me rever minimamente nas suas competências. Saviola para mim tem o mesmo enquadramento de Aimar. Se sairem, têm que entrar dois novos jogadores para esta posição, ou pelo menos um, dado que a função de Saviola pode ser feita também por Salvio, Enzo Perez ou mesmo Gaitan.

Tréguas à crítica, até ver!

 ●  + Sem comentários  ● 
Tal qual a generalidade dos benfiquistas, a cada início de temporada sou imbuído de nova esperança. Independentemente dos antecedentes, das decisões difíceis de compreender e dos exageros nas aquisições, até ver entro em tréguas... As decisões estão tomadas, não há muito a observar! Com respeito por quem opta por esse caminho, também acredito que exercícios "a la" FM são pouco importantes. Vamos deixar, para já, esse trabalho a quem de direito.

Mesmo sabendo que a entrada de quatro jovens da formação é uma imposição legal, tenho esperança que esses mesmos 4 mosqueteiros sejam parte de um futuro radioso do Benfica! Tenho esperança que JJ ultrapasse as burrices da época passada e que este ano o SLB entre forte e confiante. Cardozo, se a dinâmica da equipa o permitir, irá marcar no mínimo uns 35 golos! O nosso guarda-redes vai ser de confiança! E as nossas novas camisolas vão inspirar todos os jogadores a serem melhores! E os melhores! É o nosso lugar!

Até a decisão de dar a Aimar o posto de subcapitão é positiva! É um belíssimo jogador, um profissional a 100% e de uma inteligência acima da média! Espero que seja um exemplo para os miúdos! Aliás, na minha opinião, Pablo Aimar daria um bom treinador! Renovar no final da época? Se ele o quiser, temos ali um grande capital humano, a não desperdiçar!

A minha expectatica corresponde claramente só à grandeza do meu clube! Assim, o percebam os jogadores e dirigentes do Sport Lisboa e Benfica!

A melhor contratação do SLBenfica?

 ●  + 8 comentários  ● 
Quem é, até ao momento, a melhor contratação do SLBenfica?

António Carraça?
Manuel Sérgio?

Artur Moraes?
André Almeida?
David Simão, Miguel Rosa, Nélson Oliveira e Ruben Pinto?
Melgarejo?
Bruno César?
Nuno Coelho?
Matic?
Nolito?
Enzo Perez?
Permanência de Aimar?
Permanência de Cardozo?


E quem falta ao plantel? Algum dos nomes já falados ou alguém que entendem que ainda não apareceu, quem?

Ansaldi?
Witsel?
Danilo?
Ruiz?
Dedé?
Garay?
Sarabia?

Por fim, quem está a mais que ainda não saiu?

Oblak?
Julio César?
Peixoto?
Miguel Victor?
Roderick?
Shaffer?
Fernandez?
Carlos Martins?
Weldon?

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Balanço das modalidades de pavilhão II

 ●  + 2 comentários  ● 
Portugal, 23 de Junho de 2011

Na continuação da avaliação dos resultados obtidos pelas modalidades de pavilhão na época que agora findou, hoje debruço-me sobre as duas modalidades que ficaram claramente abaixo das expectativas: o Vólei e o Futsal.

Vólei – desempenho mediano. Nota 3+. Vitória na Taça de Portugal frente ao Sp. Espinho, derrota no playoff do título com o AJ Bastardo. Se há modalidade em que fica evidente que uma equipa pode ser melhor que as outras mas não ser campeã porque falhou nos derradeiros episódios da época, o Vólei do Benfica é o exemplo por excelência. Fomos claramente melhores na fase regular. Fomos claramente melhores na 2ª fase. Tivemos apenas 2 derrotas no conjunto destas duas fases. Contudo perdemos o título, uma semana depois de vencermos com clareza (embora com dificuldades) a Taça por 3-0 frente a uma equipa de mais pergaminhos na modalidade, o Sp. Espinho. Terá funcionado algum excesso de confiança que se transformou em sobranceria? Julgo que sim. Vi parte do 1º jogo do playoff, que eprdemos por 1-3, e em dois dos sets, o resultado ultrapassou os 25, tendo a nossa equipa tido algumas bolas de set. Que não concretizou. Por ansiedade? Creio que sim. A sobranceria é inimiga da concentração e estimula a ansiedade dos jogadores.

Recordo que na época passada, o treinador Jardim afirmou antes da final da Taça, que íamos a Coimbra ganhar a Taça para a dedicar aos adeptos. O blá, blá do costume. Resultado: perdemos 3-1 com o Castelo da Maia. Curiosamente após essa derrota, começamos bem o playoff do título, à melhor de 5, e ganhamos os 2 primeiros jogos ao Espinho. Neste caso, penso que a sobranceria foi derrotada na Taça e a equipa foi humilde e competitiva no playoff do título, aproximando-se do seu real valor.

A sobranceria ou a falta de humildade é uma característica que frequentemente existe entre nós, seja pela facilidade como vencemos as fases regulares, seja pela natureza da nossa história, seja pela conjugação das duas.

Futsal – desempenho mediano. Nota 3-. Não dou nota negativa porque estivemos nas 4 finais que podíamos estar: UEFA Futsal Cup, Taça, Campeonato e Taça intercontinental (esta por estatuto). Falhamos apenas a Supertaça por não termos ganho nem o Campeonato nem a Taça. Se está banalizada a afirmação que as “finais são para ganhar”, também não é menos verdade que para as ganhar é preciso estar lá, ou seja, é preciso fazer um longo caminho de sucesso. E nós fizemo-lo no Campeonato (vencedores da fase regular sem derrotas).

Tenho uma certa dificuldade em falar do Futsal porque pensei que podíamos ganhar no mínimo o campeonato. Depois, vendo bem, os números devem fazer-nos reflectir. Nos dois últimos anos, um com Ricardinho e André Lima a treinador, outro com o treinador campeão no SCP mas sem Ricardinho, fizemos 7 jogos com o SCP na final do playoff. Ganhamos 1 jogo! Nos restantes, estivemos em vantagem por 4 vezes. Em 3 delas, a vantagem vigorava nos últimos 5 mn. Acabamos por empatar todos estes jogos, perdendo-os no critério de desempate: prolongamento ou penaltys. 4: é obra.

Mas se contabilizarmos as duas finais da Taça perdidas, frente a Belenenses e SCP, estamos na mesma: 2 empates que no prolongamento deram derrotas. A diferença é que com o SCP fomos nós a recuperar de 0-2 para 2-2 nos últimos segundos. Raro.

Se incluirmos o último título conquistado, 3-2 frente ao Belenenses, percebemos que as nossas vitórias dão muito trabalho. O Belenenses podia, inclusivamente ter ganho o título no jogo 4, em sua casa, mas aí o Benfica deu uma resposta de campeão e depois de estar a perder 3-0, ganhamos 6-3. Mas não são dificuldades a mais? Acho que são ...

A minha opinião é que (1) o Benfica não sabe defender, os jogadores são “formatados” durante toda a época, pela cultura reinante do clube, de ganhar pelo ataque e não pelo equilíbrio entre os processos defensivos e atacantes, (2) os jogadores do Benfica não são duros a meter o pé nos processos defensivos e (3) houve alguma sobranceria, mas ao contrário do Vólei, aqui a sobranceria foi activa. Foi assumida no discurso de alguns intervenientes. Destaco o Davi que afirmou que queria ser campeão em Loures.

Os resultados obtidos no Futsal deviam fazer-nos pensar sobre se o problema é o modelo de jogo, se são os jogadores, se é a cultura reinante no clube que prepara de forma errada a mentalidade dos jogadores.
E neste ultimo aspecto, a interferência da Benfica TV deve ser ponderada. Não me parece correcto, para a questão da concentração, fazerem longos programas antes das competições. Depois delas sim. Antes, nunca.

O homem certo no lugar certo

Avatar
 ●  + 17 comentários  ● 
Aqueles que vão acompanhando o que neste blogue se vai escrevendo, sabem que tenho sido desde o inicio um admirador de Jorge Jesus, continuando a defender a 100% a sua permanência no clube, apesar de alguns defeitos que também tem, nomeadamente a fanfarronice e as limitações do discurso, que muitas vezes o comprometem, arrastando com ele toda a instituição.

Mas este post vem a propósito das dezenas de comentários e de alguns posts que já li, salientando a arrogância de Jorge Jesus, por, vá lá saber-se porquê, não contar com Nuno Gomes nem Miguel Vitor para a próxima época. Arrogante porque, segundo os críticos, sobrepõe a sua vontade à do clube que, tal direcção submissa, não tem tomates para chamar JJ à razão.

Eu quero dizer que neste caso, a minha posição não tem sequer só a ver com o Jorge Jesus. Tem a ver com todos os treinadores de futebol com categoria suficiente para fazerem impor as suas ideias, para terem legitimidade para escolher aqueles com quem querem ir à luta. Sim, porque se há alguém na estrutura de um clube que deve de facto tentar impor ao máximo as suas ideias (porque só isso dará depois legitimidade às direcções para apontar o dedo) são os treinadores, porque são também eles que ao fim de dois ou três resultados negativos são corridos, varridos, muitas vezes destruídos, e culpados de tudo aquilo que a equipa não foi capaz de produzir.

Mourinho foi arrogante quando chegou a Madrid e disse que não contava com Raul nem com Gutti? Adrianse foi arrogante quando chegou ao Porto e disse que num esquema com 3 defesas precisava de um central rápido e que, por isso, Jorge Costa não entrava nas suas contas? Não acabou no Charlton com o aval (talvez contrariado) de Pinto da Costa?

Se um treinador tem as suas ideias, se é seguramente o primeiro responsável pelo sucesso ou o insucesso das equipas, se os treinadores são contratados por direcções, depois de dezenas de reuniões onde as ideias de cada um são conhecidas, se uma direcção entende que confia e deve apoiar esse treinador, estamos a falar de arrogância quando um treinador toma as decisões que são da sua competência?

Arrogância por um treinador se manter fiel às suas ideias, por se ter praticamente recusado a trabalhar com Mantorras que passou na Luz não sei quantos anos a "mamar", transformado (imposto) pelo padrinho Vieira na coqueluche da equipa, incapaz porém de dar três pontapés numa bola?

Jorge Jesus arrogante porquê? Por não abdicar de 4 torres na equipa, dois centrais, um trinco e um avançado, preferencialmente todos com mais de metro e noventa, onde Miguel Vitor não se enquadra? Por precisar das torres para os lances de bola parada onde costuma ser letal e para compensar os outros 5 jogadores de campo que têm pouco mais de metro e sessenta? Podemos discordar mas, não é legítimo?

Jorge Jesus arrogante porquê? Porque futebolisticamente não contava com Nuno Gomes? Tenho muito respeito pelo Nuno mas, caramba, será que o Nuno alguma vez foi um jogador acima da média, um ponta de lança à Benfica, apesar dos seus anos de casa? E não explicou JJ no último sábado, que apostou mais em Kardec do que em Nuno porque Kardec era uma aposta de futuro, e que no esquema em que o Benfica jogava, Kardec era o jogador mais parecido que tinha com Cardozo? Tudo isto não é legitimo? Ele que inclusivamente, fez questão de colocar Nuno Gomes em campo no último jogo da época, ainda aleijado para que recebesse os aplausos do público, sabendo de antemão que essa entrada do capitão talvez nos viesse a custar mais dois pontos como custou?

No país do fado é que há sempre tristezas e dívidas de gratidão, e sentimentalismos levados ao extremo. Vão lá ver se o Zola ficou no Chelsea, se o Raul ficou em Mardrid, se o Jorge Costa ficou no Porto, se o Scholes ou o Nevile ficam agora em Manchester, ou se o Maldini ficou em Milão. Em Portugal é sempre a merda das dívidas de gratidão a gente que chega aos trinta anos milionária... Acaba a carreira, não faz falta ao clube mas inventa-se um posto qualquer na hierarquia do clube onde possa encaixar, de preferência sem atropelar ninguém, para que passe a mística aos miúdos, enquanto o clube continua a pagar. Isto é o que eu chamo amadorismo, porque a mística passa-se de várias formas, passa-se até com estrangeiros como Aimares e Luisões, e passa-se especialmente com vitórias e estádios cheios.

Depois, se se gosta mais do que um jogador do que outro, ou se se gosta mais ou menos de Jorge Jesus, isso é outra questão. Eu pessoalmente gosto, apesar de, como já disse, ter defeitos que pode e deveria fazer um esforço por corrigir. Em dois anos conquistámos três títulos, coisa que já não acontecia há séculos; em ano e meio Jorge Jesus potenciou 80 milhões de euros em vendas que também já não acontecia há séculos, e futebol de qualidade também tenho visto, o que, infelizmente, também já não via… há séculos, exceptuando um período com Fernando Santos.

Tenho pois razão para estar optimista com mais uma época com Jorge Jesus à frente dos destinos da equipa. E já agora, a talhe de foice, já que já li aqui comentários do género de que o “Quique Flores” é que era bom, e que até a explosão do Di Maria, do Cardozo e do David Luiz, foi mérito do trabalho específico do Quique e não de Jesus… Sinceramente, não sei que merda de trabalho específico foi esse já que o David Luiz jogava a defesa esquerdo, o Cardozo não jogava, e o extremo esquerdo do Quique era Reyes que só não ficou na Luz por mais 5 milhões porque o Quique foi embora. Essa de pôr 6 quilos de massa muscular no Di Maria, convenhamos… Esse é trabalho de laboratório, é prática normal nos clubes imediatamente desde o momento que chegam…

Dizer-se que foi Quique que potenciou Di Maria não é justo, porque se houve alguém que assim que chegou a Luz disse imediatamente (até contra a vontade dos adeptos) que não precisava de gastar 5 milhões no Reyes porque tinha Di Maria, foi Jorge Jesus. Dêmos pois o mérito a quem o tem. Não tarda nada ainda vão dizer que o mérito da explosão do Fábio Coentrão é do trabalho específico do... Carlos Brito.

recentes

ranking

Em Defesa do Benfica