O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 5 de agosto de 2017

Ótimo começar a ganhar mas...

Avatar
 ●  83 comentários  ● 
Ótimo começar a ganhar, num jogo onde se confirmaram virtudes e defeitos tão referidos nos últimos tempos.

Um jogo onde se confirma que ao Benfica falta um guarda-redes de créditos firmados e um lateral direito que dê garantias de qualidade em mais momentos do jogo do que nos oferece André Almeida, e onde também se percebeu mais uma vez porque é que o Benfica passa por dificuldades acrescidas sempre que defronta equipas com mais qualidade e mais letais no momento da finalização.

Quando as pernas estão frescas e a equipa consegue pressionar em bloco parecemos uma equipa fantástica... Mas rapidamente oscilamos momentos de brilhantismo com outros de absoluta banalidade quando recuamos no terreno e queremos controlar o jogo a partir de trás, pondo a nu algumas fragilidades do nosso jogo. Hoje foi mais um jogo onde demos duas/três grandes oportunidades de golo ao adversário, e onde em alguns períodos simplesmente não conseguimos sair a jogar.

As boas notícias são que a raça e a vontade de vencer se mantém, e que do meio campo para a frente a equipa parece formada. Sferovic veio para somar, e é um jogador de força e de explosão com características diferentes do que já tínhamos, e que ao mesmo tempo é um jogador de muito mais apoio ao meio campo no momento da perda da bola do que Mitroglou. Até agora, uma muito agradável surpresa.


De negativo... mais uma lesão de Grimaldo, e muscular, parece.  São muitas e sucessivas e seria bom que deixássemos de assobiar para o ar.

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Convocados para a Supertaça.

Avatar
 ●  94 comentários  ● 

Júlio César de fora.

Krovinovic e Mitroglou estão fora da convocatória devido a problemas físicos.

André Horta, Kalaica, Rúben Dias, Buta e Carrillo também ficam de fora, mas por opção.

Rui Vitória convocou Diogo Gonçalves e João Carvalho.

Lista de convocados:

Guarda-redes: Paulo Lopes e Bruno Varela;

Defesas: Lisandro, Grimaldo, Luisão, André Almeida, Jardel e Eliseu;

Médios: Fejsa, Filipe Augusto, Salvio, Pizzi, Cervi, Chris Willock, Chrien, Diogo Gonçalves e João Carvalho;

Avançados: Raúl Jiménez, Jonas, Seferovic e Rafa.

---------------------------------

Uma equipa sólida começa a construir-se na defesa. 

Perdemos 3 titulares na defesa, as contratações para esses lugares ou não existem ou são insuficientes.

Ederson já se sabia que ía para o Manchester City há muitos meses. Quem nos acompanha certamente recordará 2 vezes a que me referi a Ederson em Fevereiro e Março como cidadão(citizen).

Daí que é inaceitável que não tenhamos um guarda redes à altura já contratado e pronto no começo da temporada.

Júlio César não tem condições físicas nem de qualidade para ser o titular. Não é de agora e é por demais sabido na estrutura do SL Benfica. Um jogador que nem no autocarro por vezes consegue viajar não pode estar no plantel.

Júlio César já foi um gigante guarda redes. Hoje não o é.

Iniciamos a temporada com muitas interrogações. Quem acha que a história se repete vive num mundo alternativo.

Esperava inciar a temporada do Penta de outra forma. 

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Depois dos 222M€ de Neymar, nada será como Antes.

Avatar
 ●  30 comentários  ● 
TOP 10 - Transferências Mais Caras 
Fonte: Transfermarkt

Depois dos 222M€ de Neymar, nada será como Antes.

A inflacção generalizada irá ser uma realidade, e medidas anti-proteccionistas poderão começar a ser defendidas, no curto e médio-prazo, pelas entidades gestoras e reguladoras do futebol europeu e mundial.

Além dos 222M€ da transferência, se somarmos os mais de 300M€ em salários, só nessas 2 rúbricas o custo anual representará mais de 100M€/Ano em salários e amortizações com um só jogador!

O Benfica gasta cerca de 100M€/Ano em salários e amortizações de passes, com todos os Jogadores que contratou. 
O PSG vai gastar mais de 100M€/Ano num único jogador!


A loucura só agora começou: Em breve Mbappé pode ir para o Real Madrid por 160M€+20M€ em objectivos e o substituto de Neymar no Barcelona (Dybala, Coutinho, ou outro) poderá custar entre 100M€ a 150M€!

Um dia os clubes-brinquedo chegam a Portugal... E quem vier depois que feche a porta

Avatar
 ●  54 comentários  ● 
Certo e seguro que Neymar dirá muito em breve quando se apresentar em Paris que não vai pelo dinheiro. Vai sim pelo lindo e maravilhoso e aliciante projeto do PSG, e até porque o PSG era um sonho desde pequenino quando andava a jogar à bola descalço lá pelas favelas no Brasil;

Aliás, tal como Fábio Coentrão que chegou este ano a Alvalade e imediatamente disse que o coração é verde, que sempre foi verde, se bem que fizesse juras ao vermelho não vai há pouco mais de 24 meses;

Já Pepe também anunciou em alto e bom som para quem o quis ouvir que teve propostas de Espanha, Inglaterra e Itália mas... Escolheu o Besiktas, sensibilizado que ficou com mensagens que recebeu do adeptos turcos a pedir-lhe que ingressasse no clube;

Ou Maxi Pereira, que após tantos anos a defender o vermelho com unhas e dentes, aterrou no Dragão já com sangue azul e ainda vem jogar à Luz e provocar os adeptos que sempre o acarinharam, apenas e só porque não quer que fiquem duvidas a ninguém sobre o seu profissionalismo e que causa defende ele neste momento.

São sinais dos tempos com certeza, que não me chocam, diga-se.

Mais do que ser-se Benfiquista, ou Portista ou Madrilista a 100%, o que esta gente é, é acima de tudo profissional de futebol a 100%... E enquanto se é profissional de futebol não há cá clube de coração nem paneleir*#es dessas!

Não há cá misturas nem pode haver! Primeiro a vidinha deles, os carros novos e as piscinas, dos jogadores e das suas famílias, e depois sim o clubismo, os clubes de coração (se ainda os tiverem quando tudo termina), para voltarem um dia aos estádios como adeptos quando já tiverem pendurado as chuteiras! (mas quantos voltam realmente aos estádios como adeptos, a não ser que como convidados de uma tribuna presidencialista qualquer com direito a champagne e croquetes?)

Já aqui escrevi mais do que uma vez, para aqueles sempre saudosos dos tempos do amor à camisola e que nunca hesitam em lembrar referências do passado como exemplos desse amor, que se Eusébio tivesse nascido 50 anos mais tarde tinha jogado na Luz seis meses e hoje tinha uma estátua em Madrid.

Ele e tantos outros, hoje símbolos e lendas vivas de clubes portugueses no passado, mas que andam a treinar nas Arábias em clubes que não querem, ou nas TVs a arrastar-se como comentadores e a prestarem-se a papéis que só escolheram para não terem de morrer de fome.

Acho que se perguntassem a esses, aos tais símbolos do passado que tanto nos orgulham, se trocavam todo esse simbolismo e amor à camisola e as carreiras inteiras num só clube dos seus tempos pela vida de luxo que se vive hoje nem que fosse ao serviço de 10 clubes diferentes, não haveria nenhum que hesitasse por um minuto sequer.

E por isso a nós adeptos resta cada vez mais aproveitar o momento, não exigir aos jogadores nada emocionalmente porque não existe emoção na hora de falar o dinheiro, e compreender também que aquilo que se pode e deve exigir a cada jogador dos nossos clubes é profissionalismo a 100% enquanto cá estão. Cumprido isso, pouco mais há para exigir.

Para Neymar, diz-se, contas feitas e se o brasileiro cumprir o seu contrato em Paris, em verbas de transferência e ordenados, serão em 5 anos 500 milhões de euros!! E só para o pai de Neymar são 40 milhões, a juntar aos 25 que ainda nem há pouco recebeu pela renovação de contrato do seu filho com o Barcelona! Pornográfico? Acho que sim! Tenho dificuldade em aceitar que se pague tanto dinheiro para dar uns chutes na bola, especialmente porque, para quem paga é apenas mais um brinquedo.

Se fosse o futebol a gerar esse dinheiro, os sócios e as receitas do clube, nada a opor. Mas como não é, como são apenas uns quantos magnatas que fartos da vida aborrecida que levavam decidiram que iam comprar uns clubes e estoirar fortunas a brincar ao futebol, não aceito tão bem porque desvirtua todas as competições e mina o espaço da paixão clubística que é aquele em que me movo.

De positivo, apenas perceber que, em tempos em que o futebol ameaçava falir em alguns países com tradição, foram estes magnatas a financiá-lo e a permitir que a roda continuasse a girar. É difícil por exemplo imaginar o Benfica e outros clubes a realizar tanto dinheiro em transferências nos últimos anos, não fossem estes magnatas a perder a cabeça nos seus caprichos e a permitirem que tanto dinheiro role de clube para clube.

Talvez a nós Portugueses, num país onde esta moda dos clubes-brinquedo ainda não pegou, continue a ser fácil olharmos para esta moda com algum distanciamento e a achar que para nós é sempre bom.

Mas acho que nem para nós é... É também por causa destes clubes-brinquedo que para nós portugueses, competir e ambicionar algo na Europa é cada vez mais uma miragem, e pelos quais se calhar é tão mais fácil focar-nos mais nas folhas contabilísticas de excel em vez de em objetivos futebolísticos ambiciosos.

Last but not the least, o que aconteceria se amanhã chegasse a Portugal um desses brincalhões magnatas do petróleo e fizesse com o Sporting por exemplo o que o outro fez com o Paris Saint German?

O que seria?! Seria o óbvio! Imediatamente se acabaria com a conversa sempre tão linda para os adeptos de que o Benfica continuaria a ter a maioria da SAD, e que se f?#esse a maioria da SAD porque os Benfiquistas querem é vitórias!

E depois, claro, íamos fazer igual e vender o clube e mais de 110 anos de história a um qualquer maluco que nos alimentasse o sonho durante uns tempos... E quem viesse depois que fechasse a porta!


O verdadeiro lagarto, dragarto, híbrido. Tudo menos sportinguista

Avatar
 ●  57 comentários  ● 

"Todos os atletas estão impedidos contratualmente de usar a cor vermelha em representação do clube, seja no calçado ou nos acessórios. O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, proibiu contratualmente os atletas do clube de utilizar o vermelho enquanto forem funcionários do emblema leonino." - Sapo Desporto.


Bruno de Carvalho, o "linhas brancas" como lhe chamam alguns, sabe-se lá porquê, não hesitou em assumir que não se importa nada que o clube que mais lucrou com a travessia no deserto do Sporting goze com ele.

É muito natural que este adepto do FC Porto aprecie Bruno de Carvalho. Foi graças ao presidente do Sporting e à forma como montou o plantel que o FCP na temporada passada garantiu a entrada directa na Champions.

Também nós no Sport Lisboa e Benfica somos gratos ao "presidente do Tetra": Bruno de Carvalho.

E apreciamos estas figuras ridículas de dragartos que nem sabem o que são. O que não são, sabemos todos nós: sportinguistas.

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Lukas Hradecky.

Avatar
 ●  64 comentários  ● 

As suas estatísticas não impressionam. Pelo contrário, revela alguma consistência na média de sofrer pelo menos um golo por jogo. Alguém já o viu jogar? Tem tido azar nos defesas que jogam à sua frente, é isso?

Faz algum sentido trocar um dos melhores guarda redes do mundo por um guarda-redes mediano que não se destaca por nada a não ser...por sofrer golos?






terça-feira, 1 de agosto de 2017

Onde está agora o IPDJ? Ou sairá mais um comunicado do FCP? A PSP do Porto não tem vergonha disto?

Avatar
 ●  42 comentários  ● 



"Os jornais galegos 'La Voz de Galicia' e 'La Opinión de Coruña' dão esta terça-feira conta de momentos de pânico vividos por adeptos do Deportivo Corunha no domingo na cidade do Porto, horas antes do duelo com o FC Porto, partida que marcou a apresentação dos dragões aos seus adeptos e associados.

Segundo o 'La Voz de Galicia' - que fala numa perseguição a envolver 20 ultras do FC Porto -, um dos adeptos dos galegos terá sido mesmo internado na Invicta, em consequência dos "brutais golpes" de que foi alvo. O referido fã do Depor, segundo o seu pai, terá mesmo de ser operado para debelar a situação.

Ainda segundo as informações vindas de Espanha, os adeptos do Deportivo terão fugido do ataque dos ultras e utilizado um centro comercial ao lado do Estádio do Dragão para se refugiarem. Depois, terão entrado em contacto com a polícia, que os escoltou até aos seus veículos. Dali voltaram à Corunha, sem ver o jogo para o qual adquiriram bilhete." - Record.

---------------------------

Resumindo, adeptos estrangeiros deslocam-se ao Porto para ver um jogo amigável e afinal nem lhes é permitido assistir ao jogo porque a PSP do Porto em vez de os proteger e "varrer" a zona de todos os desordeiros resolve mandar os estrangeiros embora.

É a impunidade a que as claques do FCP estão habituadas a usufruir. É o tratamento de privilégio que a PSP do Porto aparentemente dá às claques do FCP.

Pergunto eu: de que serve o tal registo no IPDJ nestes casos? Sabem ou não que os tais ultras são membros dos Super Dragões?

Onde andará agora o azeiteiro que escreveu o comunicado do FCP?

ranking