O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 2 de janeiro de 2016

Enorme, um Gigante!

Avatar
 ●  28 comentários  ● 

VENDAM O RENATO!!! JÁ!!!

Avatar
 ●  68 comentários  ● 
O rapaz não se enquadra no nosso onze nem que o Rui Vitória tente muito.

Esforço, Garra, Luta, Determinação, Entrega, Qualidade... A jogar dessa maneira não faz qualquer sentido jogar pelo Benfica, que tantos jogadores se esforçam para pouco fazer e nada trabalhar.

Não são numeros do Transfermarkt, são da vida real

Avatar
 ●  31 comentários  ● 
Com sinceridade, teorias de ataque cerrado e cego ao próprio clube, na tentativa de dizer que um clube foi obra de um homem, tendo como base um site de transferências...? You can be better than that... um site que diz que o Talisca vale 9,5M e o Renato Sanches 800mil? Mas cuidado que diz que o Jimenez vale 8M, afinal o Benfica não pagou assim tanto.

Quem é que diz os números todos das transferências desse site? Será o SCP_1906, ou o eusebio, já sei é o RickY e o wacfwaef juntamente com o Mainz05-forever... para o caso de não saberem esses são os reputados e crediveis "Data Scouts" do site que na equipa conta com um português a viver em Hamburgo, Marcel de Almeida. São mais ou menos tão credíveis como aqueles que durante anos transformaram o Tozé Marreco num fenómeno do Football Manager.

Há duvidas que esta malta é perfeitamente conhecedora dos detalhes das transferências, especialmente quando falamos de Portugal? Obvio que não há... não descredibilizemos o SCP_1906, o eusebio, o RickY e o wacfwaef... esses vultos do conhecimento e da credibilidade informativa.

E era também interessante perguntar ao SCP_1906, o eusebio, o RickY e o wacfwaef ou ao Marcel de Almeida quanto aumentou por mês a folha salarial de Belenenes, Braga, Benfica e Sporting nos legados do supra-sumo da barbatana. O meu amigo Redmoon vai fazer o favor de ligar aos cinco vultos do conhecimento da liga portuguesa e solucionar essa dúvida.

Assim sendo, perdoem-me preferir a vida real aos sites independentes de miudos que contribuem com informação que lêem nos jornais. Não tenho pachorra para discutir as minhas opiniões com base no que dá mais jeito...

Passando à frente, não são numeros do Transfermarkt, são da vida real os que gostava de partilhar sobre as transmissões televisivas em 2015 - dos jogos transmitidos em canal aberto. Se em 2014 o FCPorto só teve um jogo entre os mais vistos, já neste ano que passou


Na lista dos 20 programas mais vistos do ano, há cinco jogos envolvendo o FC Porto e outros cinco com o Benfica, embora com vantagem acumulada dos portistas (10.658.900 milhões de espectadores, contra 10.307.900 dos benfiquistas). Já o Sporting conta com três partidas neste ranking 
in Record

Ora, bem sei que não aparecem no Transfermarkt, mas tentem olhar para estes números quando vierem pedir que o Benfica tenha mais 50% de receitas nos direitos televisivos do que os concorrentes diretos, neste caso o FCPorto.

Estes números, que não são da responsabilidade do SCP_1906, do eusebio, do RickY e do wacfwaef, mas sim das agências de audiências que medem as audiências em canal aberto e são reconhecidas pelos respetivos canais como credíveis.

Dito isto, reforça-se mais uma vez a minha convicção que o SLBenfica fez um excelente negócio ao valorizar os seus direitos de transmissão televisiva acima dos seus rivais, cedendo ao seu parceiro muito menos capacidade de escala e obtenção de receitas com o SLBenfica.

Mentiras que se desmontam por si

Avatar
 ●  51 comentários  ● 
Vamos pois aos factos que desmentem o post anterior do BenficaByGB e falar um pouco do percurso recente de Jorge Jesus no que respeita ao "estoiro" que provoca nas finanças de todos os clubes por onde passa, como ele apregoa:

2006/2007
Reforços Belensenses:
Costinha, Rodrigo Alvim, Marco Gonçalves, Mancuso, Manoel, Carlitos, Roma, Cândido Costa – Todos a custo zero

Vendas Belenenses
Pelé: 1.3 Milhões
Meyong: 1.2 Milhóes
Total: 2.5 milhões

Classificação: 5º Lugar


2007/2008
Reforços Belensenses:
Weldon 0.2 Milhões euros
Sandro Moreira 0.1 Milhões euros
Todos os outros a custo zero
Total: 0.3 milhões euros

Vendas Belensenses:
Dady: 3.5 milhões
Nivaldo: 3 milhões
Garcês: 0.45 milhões

Total: 6.95 milhões

Classificação: 8º Lugar

E no final dessa época, Jorge Jesus sai do Belenenses, e o Belenenses vende mais 2.35 milhões de euros e compra 0.5 milhões de euros, logo, como se vê, um investimento acima de qualquer investimento efetuado enquanto Jorge Jesus esteve na liderança da equipa.


2008/2009
Compras Braga: Mossoró, Yazalde, Luís Aguiar, Cala, Filipe Oliveira, Leone
Total Compras: 2.13 milhões de euros

Vendas: Zero

Classificação: 5ºLugar

E no final dessa época, como sabemos, Jorge Jesus foi para o Benfica, e desse plantel que Jesus deixou em Braga foram vendidos  9.4 milhões de euros em jogadores como João Pereira, Luís Aguiar, Orlando Sá e César Peixoto.

Nestas três épocas pré Benfica portanto, no total Jorge Jesus gasta:

2.43 milhões de euros (!!) em reforços (os tais investimentos brutais de que o GB fala) e vende 19 milhões!


Mais palavras para quê?! A mentira desmonta-se por si...

Mas como diz o BenficaByGB “Desde que saiu (do Belenenses) ficaram... problemas financeiros para resolver uma equipa que não mais se encontrou depois de vários compromissos assumidos acima das possibilidades para satisfazer os desejos do treinador.

A isto pois um verdadeiro LOL

E o que diz o BenficaByGB sobre a passagem de Jorge Jesus pelo Braga?
Seguiu-se o SCBraga, 5º lugar no campeonato e mais uma vez, tal como no Belenenses, o maior orçamento de sempre o clube naquela temporada - que se manteve na época seguinte e que valeu o segundo lugar ao Domingos Paciência. Nas duas épocas seguintes o nível de investimento manteve-se mas foi insustentável continuar após Leonardo Jardim.”

Outro LOL a isto. O maior investimento de sempre foi gastar 2.13 milhões e vender 9.4 no final da época?! É a isto que o GB chama arruinar as finanças do Braga?!

Mais rigor e honestidade intelectual exige-se!

Sobre o Benfica não vale a pena falar muito porque a mentira é de tal forma descarada que todos os Benfiquistas conhecem a história sem serem precisas grandes cábulas:

Em 2009/2010 gastaram-se 34.30 milhões e venderam 6.83 milhões

EM 2010/2011 gastaram-se 36.83 milhões e venderam-se 85.98 milhões

EM 2011/2012 gastaram-se 30.46 milhões e venderam-se 41.19 milhões

Em 2012/2013 gastaram-se 26 milhões e venderam-se 76.23 milhões

Em 2013/2014 gastaram-se 56.70 milhões e venderam-se 44.30 milhões

EM 2014/2015 gastaram-se 38.7 milhões e venderam-se 104.65 milhões

Totais Compras: 222.99 milhões de euros
Totais Vendas: 359 milhões de euros a que se somam 92.2 milhões de outros jogadores que saíram nesse final de época e de outros que foram contabilizados apenas na corrente época como Rodrigo ou André Gomes.

Como se vê, no Benfica também, mais um descalabro financeiro Made By Jorge Jesus


E em 2015/2016 pois, Jorge Jesus chega ao Sporting para outro investimento de magnitude elevadíssima:

Total de compras de Jorge Jesus no Sporting:
9.25 milhões de euros

E no Benfica, em ano de vacas magras, porque ao Rui Vitória ninguém dá dinheiro, quanto já se gastou?
Pois, 17.25 milhões, onde ainda não se contabiliza Cervi.


Como já aqui disse, estou-me nas tintas para Jorge Jesus. Saiu, saiu, é passado! Mas mentiras hão-de ser sempre desmentidas por mim. É muito fácil escrever um enredo muito bonito, é preciso é que os factos sustentem os floreados. Neste caso, e como se constata, o BenficabyGb construiu um enredo muito bonito mas totalmente desprovido de realidade.


fonte:transfermarkt

Jesus e o "Day After" - Quo vadis futebol?

Avatar
 ●  27 comentários  ● 
A primeira vez que Jesus fez a diferença como treinador foi no Belenenses, em duas épocas fez um 5º lugar e na segunda época levou o clube do Restelo ao 8º lugar no maior investimento de sempre do Belenenses no futebol. Desde que saiu ficaram... problemas financeiros para resolver uma equipa que não mais se encontrou depois de vários compromissos assumidos acima das possibilidades para satisfazer os desejos do treinador. Aquele 8º lugar seguiram-se duas "linhas de água" e depois mesmo a descida.

Seguiu-se o SCBraga, 5º lugar no campeonato e mais uma vez, tal como no Belenenses, o maior orçamento de sempre o clube naquela temporada - que se manteve na época seguinte e que valeu o segundo lugar ao Domingos Paciência. Nas duas épocas seguintes o nível de investimento manteve-se mas foi insustentável continuar após Leonardo Jardim. Desde então, nunca mais o clube se encontrou e os resultados têm sido pouco mais do que modestos.

Qualquer destes clubes teve que, depois do legado de Jorge Jesus, voltar a baixar as expectativas orçamentais e "descer à realidade", pagando um preço demasiado elevado pelos sucessos desportivos que Jesus lhes trouxe.

Ao cabo de seis anos do Benfica, Jesus foi finalmente projectado aos sucessos pelos nosso clube e pela primeira vez venceu títulos - três campeonatos e duas taças de Portugal em seis anos, não é brilhante mas é muito mais do que todos os antecessores.

Porém, a frase que marca estes seis anos, é a mesma que marcara a os três anteriores no Braga e Belenenses e os resultados que se estão a seguir no Benfica são também os mesmos que se seguiram no Braga. Jesus dizia ontem numa entrevista à TVI24, depois de dizer que nunca foi convidado para um grande clube europeu que, "o SportingCP tem que investir mais se quiser ter melhores resultados".

Esta é a chave da saída de Jorge Jesus do SLBenfica. Não sou partidário da tese de que Jesus saiu porque quis. Jesus saiu porque percebeu que "a torneira ia fechar" e Vieira via com bom olhos a saída porque "queria fechar a torneira" dos milhões pagos ao treinador e no reforço do plantel.

Obviamente que o "tolinho das aldrabices" e o dono de 30% da SAD (Alvaro Sobrinho), como Lis Filipe Vieira, vão dar tudo o que Jesus pedir a troco dessa chegada aos desejados títulos, ignorando o impacto futuro da frase do treinador: 
"o SportingCP tem que investir mais se quiser ter melhores resultados"...

Claro que o Sporting tem que investir mais, tem o Sporting e todos os clubes. Se o Tondela investir 80M€ num ano possivelmente luta pelo título com o Petit a treinador. O desafio de Jesus no Sporting - que não quis ter no SLBenfica - deveria ser precisamente o inverso: Pegar num dos melhores legados de formação da europa, entretanto ultrapassado pelo Benfica, e fazer mais e melhor do que Leonardo Jardim e Marco Silva com as condições que eles tiveram ou menos - tendo em conta de que o desígnio do "tolinho das aldrabices" há cerca de um ano era de que tinham de cortar salários.

Isto traz-me ao negócio Pizzi... um pedido de Jesus!

Quem acredita, portanto, que o no futebol hoje em dia é tudo branco ou preto, está enganado. Desde há muito tempo que o Benfica e o Atlético de Madrid, que não é propriamente um bom pagador, usam o expediente das aquisições para saldar dívidas entre si... e é precisamente o que penso que aconteceu neste caso - devia haver alguma dívida do Benfica com o Atlético de Madrid que foi paga "metendo mais dinheiro" em cima dos 50% do Pizzi que iamos comprar. Eu admito que tenha sido algo tipo 4 ou 5M... mais o que faltava pagar de algum processo pendente.

Se o Presidente deveria assumir que este negócio tem um expediente associado? Sim, deveria... mas será que pode fazer uma coisa desses quando todo o mundo do futebol usa estes expedientes e "planta" as noticias de forma a passarem nos pingos da chuva?

Podia o Presidente do Benfica assumir que não quis ficar com Jesus porque ele exigia que se gastasse muito dinheiro em contratações e que era caprichoso em investimentos como Talisca, Pizzi, Bebé, Djaló, Eliseu... só aqui estão investidos 24M€ que o Benfica dispensava bem...

Mas voltando ao negócio Pizzi e juntando aqui Jimenez, se o Benfica "à tolinho das aldrabices" anunciar um negócio de Gaitan com o Atletico de Madrid no final da época por 45M€ ficariam contentes? A maioria do povão sim, outros mais espertos perceberiam então os 9M pelo Jimenez e os 8 pelo Pizzi, percebendo que se calhar estariam aqui "devolvidos" 10M€ ao Atlético de dinheiro que nunca saíra da Luz para saldar 45M€ que nunca entrariam todos na Luz.

It's business... Se eu gosto que seja assim? Não! Se sei que se faz pelo Mundo inteiro e que não é um problema desde que o clube não saia prejudicado? Sim, sei. Eu preferia que o Jimenez e o Pizzi viessem pelo real valor e que uma futura aquisição do Atlético não fosse inflacionada, mas infelizmente é o que o povão gosta de ler.

O Futuro

Tenho então alguma dificuldade em entender quando muitos dizem que Jimenez, Grimaldo ou Pizzi são exemplos de negócios anti-Formação, o que como podem entender é falso.

A estratégia do SLBenfica nunca será nem poderia ser focada totalmente na formação e teremos sempre que apontar a jogadores jovens de qualidade e que possam mais tarde ser transaccionados acima dos valores que custaram.

Jesus não quis ficar para gastar menos, em menos jogadores e apostar na formação. Seguiu para onde aceitassem que se 
"tem que investir mais se quiser ter melhores resultados". É compreensível! O que desejo, e parece manter-se, é que o Benfica não vá atrás desse modelo apenas para poder mostrar resultados, tal como muitos o pedem.

Esse processo está a fazer vitimas dentro do Benfica e do plantel. Rui Vitória tem a dura missão de aguentar o barco durante esta tormenta, mas acho que não ficará ao leme quando as águas ficaram mais estabilizadas.

Infelizmente, Rui Vitória acabará vítima não de Jesus, mas de um processo de transição duro do 80 para 8 e para o qual os adeptos do Benfica não estão preparados. Penso que dificilmente ficará no SLBenfica no final da temporada - qualquer treinador no seu lugar dificilmente faria melhor e dificilmente cá ficaria no ano seguinte, o que não invalida que Rui Vitória não esteja demonstrar não ser treinador de clube grande como Paulo Fonseca e Vilas Boas também não foram, mas como Marco Silva ou Vitor Pereira mostraram conseguir - talvez o futuro, já estabilizado, passe por um desses dois treinadores.

PS- Ontem ouvi, pela primeira vez, Jesus falar à "tolinho das aldrabices": Passou a entrevista à TVI24 a referir-se ao Benfica vezes sem conta como é habitual, mas agora mudando de "Benfica" para "o clube rival". É lamentável... tal como foi, mas não tanto, reclamar a si a formação, por exemplo, de Oblak. Mas é o que temos...

sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

Estou curioso como se vai justificar isto.

Avatar
 ●  32 comentários  ● 

23 milhões de euros gastos com Pizzi e Jimenez(50% passe).

Alguém que não quis dar mais um milhão pelo Falcão ou que achou o Siqueira caro tem muito que explicar.

Mais que isso,  alguém que vendeu o Garay por 2.4M tem mesmo muito que explicar!

Ou só há desvalorização quando é o Benfica a vender? Onde está o negociador implacável?

Quem explica também porque Vieira faz estes negócios com o Atlético de Madrid?
Aqui poderá estar uma ajuda.

Quem dentro do Benfica acha que nos devemos preocupar como é que Sporting ou FC Porto pagam as contas anda a criar cortinas de fumo para enganar os benfiquistas.

O que escondes tu Bruno: Contas tu ou conto eu?

Avatar
 ●  73 comentários  ● 
Corria o início de Dezembro quando o SLBenfica e a NOS anunciaram, sim o SLBenfica E o seu parceiro anunciaram uma parceria de longa duração por um valor até então nunca visto em Portugal... e depois de então também não.

Foram, como referiu o Presidente do SLBenfica, meses de negociações para chegar o dia e acontecer isto:

A NOS apresentou-se ao lado do SLBenfica, explicou a sua aposta num evento onde quis associar a sua imagem à do SLBenfica, e nas palavras do seu CEO refere o seguinte: "Queremos estabelecer parcerias semelhantes a esta com todos os clubes do futebol profissional. Queremos acordos similares com todos os restantes clubes, onde se incluem os referidos [pelo jornalista (FC Porto e Sporting)], mas também todos os outros".

Depois disto, cerca de duas semanas depois era anunciado outro acordo:

Numa salinha do campo do Lumiar, tudo o que existe são imagens do canal da NOS a filmar as assinaturas e uma miserável fotografia para a posteridade tirada... dentro da sala com o "tolinho das aldrabices".

Então no dia em que assinam o maior contrato do Mundo e arredores, o tratamento dado ao referido acordo é o mesmo que tem o acordo assinado dois dias depois com o Braga, Belenenses ou o Marítimo?

Já sei... o "tolinho das aldrabices" é tão forte a negociar que meteu uma clausula a dizer que o Miguel Almeida tem que pagar mais do que a todos e... não pode falar. É isso, não é? Já o pobre coitado do CEO da NOS claro que se tivesse assinado o maior contrato de parceria com um clube não ia querer anunciá-lo com pompa e circunstância, pois não tem qualquer interesse em ver o impacto positivo, por exemplo, nas ações em bolsa.

Ah espera... acabam de nos chegar imagens que efectivamente o Miguel Almeida falou aos jornalistas e fez uma apresentação orgulhosa do maior contrato da história do futebol português:

O "tolinho das aldrabices" bem pode vir dizer que ficou a espera - haverá seguramente uns anormais lá no seu clube que acreditam que contratos destes se negoceiam e, entre jurídicos, se passam ao papel depois acordados em... uma semana (ou até menos se o "tolinho das aldrabices" o disser).

Muitos adeptos que comem gelados com a testa também podem vir dizer que o SLBenfica foi "comido por lorpa" pela NOS e pelo "tolinho das aldrabices", mas é o próprio CEO da NOS que os expõe ao ridículo quando afirma publicamente e ao lado do SLBenfica que estava em negociação para contratos semelhantes com FCPorto e SportingCP, o que demonstra a clara sintonia e cautela contratual do SLBenfica com essa situação.

Agora para terminar a pergunta de 1M€: Se o "tolinho das aldrabices" tinha assim tanta capacidade negocial, porquê assinar com a empresa que poderia ter clausulas de salvaguarda com o SLBenfica, quando por exemplo a MEO nunca poderia beneficiar o SLBenfica à posteriori?

A resposta é simples e tem o nome que tem ditou as regras do acordo do clube do Lumiar e que será o destinatário de grande parte do dinheiro deste acordo:


Esperemos então pelo momento em que o "toninho das aldrabices" virá dizer que por acto de fantástica gestão empresarial pagou grande parte da dívida ao MillenniumBCP - entidade que financiou a NOS neste acordo (e em todos os demais clubes) para com isso os clubes liquidarem grande parte da dívida que têm com o banco.

Então mas o "tolinho das aldrabices" não tinha dito que era o maior acordo do futebol português? Pois... mas possivelmente sem sequer é o maior da história do clube do Lumiar!
Então mas o "tolinho das aldrabices" não tinha dito que o dinheiro era todo para o clube gastar? Será... o pouco que sobrar depois de pagar ao banco!

Mas há mais... E aos poucos será conhecido!

Acordos, Vieira e Pizzi.

Avatar
 ●  50 comentários  ● 

O companheiro de blogue Benfica Eagle citou um estudo encomendado pela Liga de Clubes à Deloitte que apresentou a seguinte “demografia” quanto à distribuição de adeptos em Portugal:

1- SL Benfica – 4,1M

2- FC Porto – 2,6M

3- Sporting CP – 2,1M

Na verdade, estudos realmente credíveis que demonstrem na realidade como se distribuem os adeptos do futebol em Portugal praticamente não existem.

Todos partem de um pressuposto mentiroso: De que o FC Porto se aproxima das audiências obtidas pelo SL Benfica, de que o FC Porto tem mais de 2M de adeptos ou que é sequer o segundo clube com mais adeptos em Portugal.

Aliás, o próprio novo patrocinador do clube condenado por corrupção considerou que o FC Porto tem no máximo 1,9M de adeptos em Portugal, o que poderá estar mais perto do real valor que considero não passar muito dos 1,5M.

Se olharmos às audiências , por exemplo de 2014, noTOP20 dos programas mais vistos estão 9 em que jogou o SL Benfica.

Já o FC Porto só consegue entrar nesse ranking quando recebeu....o SL Benfica!

Em 2015, o clube do Guarda Abel consegue liderar os programas mais vistos no jogo em que...levou 6. De resto, nem vê-los na lista.

Mas que dizer do que se vê por esses estádios de Portugal?

Bem, claramente o Glorioso enche qualquer estádio que visite. É comum até os clubes pequenos procurarem deslocar os jogos para recintos maiores a fim de maximizarem as receitas. Sem igual, portanto.

O Sporting tem conseguido também, à sua escala, números interessantes nas visitas aos estádios dos adversários e povoa bem as bancadas por esse país fora. Já se viu isso com Leonardo Jardim, com Marco Silva e agora mais com Jorge Jesus.

Já o FC Porto, fora do Dragão e do eixo Contumil-Gondomar, os estádios onde se desloca o clube condenado por corrupção desportiva são um deserto de adeptos. Têm o grupo amigo do “Vítor do Ouro” e alguns adeptos residuais.

O único estádio para baixo do Porto em que costumam ter uma presença de adeptos mais visível é no Restelo.

Toda esta guerra de números sobre quem conseguiu o melhor negócio deve ser vista à luz no real número de adeptos, as reais audiências e não o que meia dúzia de avençados pretender fazer: colocar o FC Porto ao nível dos clubes de Lisboa em termos de adeptos e visibilidade em Portugal.

Se me disserem que fora de Portugal o FC Porto é mais conhecido que o Sporting, concordo. Mas se me disserem que lá fora alguém está disposto a pagar para ter jogos apenas do FC Porto, mentem.

Portanto, face ao que realmente vale, assim como era na Sporttv, o FC Porto foi quem conseguiu o melhor negócio. Receberá o dobro do que realmente vale.

Já o Sporting também faz um bom negócio para um clube que não é campeão desde o tempo em que muitos quarentões adeptos do clube de Alvalade ainda tinham uma farta cabeleira.

O Benfica faz um negócio não merecedor do nome “mau” mas um negócio insuficiente para o impacto que tem no mundo de futebol, dentro e fora de Portugal.

Daí que a entrevista de Luis Filipe Vieira ao jornal “A Bola” seja mais uma manobra de propaganda ao nível de quem a preparou: fraca.

Não entendo porque é que o acordo com a NOS tem a“dimensão ímpar do Benfica salvaguardada” mas afinal há necessidade de novas reuniões em Janeiro. E se há reconhecimento da necessidade de rever valores não é porque afinal o acordo do Benfica não é tão bom quanto o pintaram?

É curioso também Vieira querer colocar na NOS a responsabilidade da gestão da Sporttv quando afinal a gestão do canal de desporto continua com os mesmos. Conversa para otários acreditarem.

A justificação para um contrato a 10 anos é também do piorzinho que já li. “O momento atual é aquele em que os conteúdos, nomeadamente os desportivos, estão mais valorizados.” Onde é que Vieira descobriu esta pérola? Será que faz ideia, por exemplo, do desenvolvimento contínuo do mercado virtual e do valor crescente desse mercado ? Quem é que vai receber os milhões das subscrições em África, na Europa e nas Américas?

Este contrato, com esta duração, garante a sustentabilidade e o futuro do Benfica.” Isto quer dizer que afinal a propaganda que o clube era sustentável e estava bem era mentira? Agora é que vai ser!

Ficamos a saber também que estamos em terceiro lugar porque “temos tido, em alguns momentos, a falta da estrelinha que tem acompanhado os nossos rivais”. Não é falta de arte do treinador, não são erros de gestão nem sequer insuficiência de qualidade no plantel. É falta de estrelinha.

Vá lá, Vieira assume que o responsável é o próprio pela gestão do futebol. Por isso, quem anda a chorar por JJ ou a lamentar Rui Vitória deve pedir responsabilidades a quem tomou as decisões.

Vieira perdeu também uma oportunidade de, perante a pergunta sobre os “kits”, desmentir os vouchers. Desviou o assunto e tornou a não encerrar o tema. Estou para ver quando entram no tribunal as acções contra o Sporting ou o seu presidente.

Relativamente a finanças, entre outras respostas redondas, Vieira afirma que “nunca atiramos responsabilidades para 5 ou 10 anos à frente”. Então quer dizer que o estádio está pago e que sonhamos com o atirar para 2020 e tal do pagamento desse encargo e de outros?

Vieira também se afirma apreensivo sobre as notícias de um novo acordo entre o Sporting e a banca. Já agora, também ficou apreensivo quando o Benfica foi o único clube a não renegociar com a banca o seu serviço de dívida em 2013/2014? Quando o seu universo de empresas renegociou a dívida também ficou apreensivo face aos restantes clientes do BES?

Esta entrevista é uma cópia de tantas outras em que as mensagens escritas por João Gabriel e pelo rei dos Leitões e é propaganda para gente limitada, quer no pensamento ou na informação.

Para finalizar, acho curioso que continue a ser preocupação de Vieira e da sua entourage atacar no Sporting quando quem instrumentaliza a FPF e a Liga é o FC Porto.

Quem tem sido mais beneficiado em momentos chave esta temporada é o FC Porto. Mas como Vieira afirma, a defesa do Benfica não afecta as suas ligações pessoais.

O Benfica parece mais preocupado em atacar o clube do índio verde que o principal interessado em que o Sporting esteja em baixo: o FC Porto. Será que Vieira está a querer ajudar o seu amigo do círculo de confiança?

Uma última nota: Luis Filipe Vieira fala dos jornalistas, ou de alguns, mas corre para os jornais a dar entrevistas de propaganda sempre que pode.

Fala de “Ligas da Verdade” como se isso importasse a alguém mas não se preocupa em ter na TVI24 um assalariado da BTV.

A TVI24 que tem sido a sarjeta do jornalismo, quer no vergonhoso caso Banif com consequências fatais para os visados, quer no branqueamento de um vigarista como o Pinóquio do Rato, ou até mesmo no programa diário mais especulativo da TV portuguesa que aborda o futebol.

Aí a seriedade do jornalismo não importa. Não será por acaso que os seus 2 conselheiros mais próximos estão ligados à TVI.

P.S.: A notícia da compra de Pizzi pelos inaceitáveis 14M é mais uma evidência de que o Benfica é um instrumento para alimentar Jorge Mendes, Doyen e o seu universo restrito de clubes como o Atlético de Madrid.
Ficar com o Siqueira era caro, não era Vieira?
Por isso é que o passivo não desce apesar dos milhões de vendas.

Um brinde ao jogador mais caro da história do Benfica

Avatar
 ●  12 comentários  ● 
Talvez seja eu a chegar a um estado de saturação tal que já não consiga ter estômago para isto nem acreditar na ingenuidade de outras leituras mais razoáveis e inocentes, mas custa-me a engolir isto tudo, e muito...

Em Madrid devem de haver uns ares especiais, melhor ozono ou co2 na atmosfera, mais clorofila na relva ou nutrientes especiais na comida, mas o Atlético deve ser o único clube do mundo que consegue valorizar jogadores que chegam lá e não jogam, e que depois são vendidos para Lisboa como craques de outro mundo...

Já sei que falar em suspeições vai ofender muita gente, que de facto acredita sempre na inocência de tudo e esta é uma qualidade que invejo e não tenho, mas vou-me ficar por isso, apenas pelas coincidências...

Mas de facto é absolutamente extraordinário que em anos de vacas magras, nos anos em que se quer emagrecer os orçamentos, nos anos da poupança, nos anos em que se anuncia que jogadores por 8 e 9 milhões jamais, nos anos dos Vitórias e nos anos em que um treinador Bi-Campeão ganha demais e tem de sair, surgirem estes dois craques Jiménez e Pizzi na Luz e, pasme-se, vindos do mesmo sítio...

Em ano de vacas magras, eis o craque Jiménez, na Luz por 9 milhões correspondentes a apenas 50% do passe, e tudo isto, pasme-se, depois da fabulosa performance de 800 minutos jogados em 28 jogos com a camisola do Atlético, e diga-se, um jogador que ainda hoje, no transfermarkt está avaliado em 7 milhões de euros, e claro, pelo passe todo!

É cedo para análises definitivas ao jogador?! Claro que sim! Até pode vir a ser um craque de outro mundo, tudo é possível! Mas há algo que não podem esconder: O que o Benfica pagou por este jogador é um valor extremamente inflacionado, e que simplesmente, o jogador não vale! Ponto! Por estes valores pornográficos havia no mercado muito melhor e com muito mais garantias de pegar de estaca desde logo!

Aguardo com ansiedade o dia em que o Benfica anuncie ao mundo a compra dos restantes 50% do passe por outros 9 milhões, para que orgulhosamente possamos apresentar o mexicano como o craque mais caro de sempre da história do Benfica...

Até esse dia chegar, desculpa lá Jiménez, mas esse estatuto esta reservado para o craque Pizzi, que custou apenas... 14 milhões...

Sim Pizzi, esse craque que, pasme-se, aos 26 anos de idade já conseguiu 4 internacionalizações pela fantástica seleção portuguesa onde no miolo e no seu lugar proliferam craques como Miguel Veloso a tapar-lhe o lugar, e um jogador que conseguiu jogar 459 minutos em 16 jogos com a camisola do Atlético, e de onde foi emprestado para o Deportivo, 19º classificado da Liga Espanhola 2012/2013, logo, como e bem estão a adivinhar, um jogador que chegou à Luz extremamente valorizado e com uma legião de colossos europeus a tentar garantir o seu passe. 

Já na Luz, como bem sabemos, Pizzi tem sido tudo menos um titular indiscutível, e não esqueçamos, já tem 26 anos, não sendo propriamente um jovem à espera de atingir o seu pique... Um jogador de 14 milhões pode chegar à Luz alguma vez sem ter no campo posição fixa e sem conseguir impor-se como dono de lugar nenhum?!

Serve isto para desvalorizar o jogador Pizzi, que para mim merece tanto respeito como qualquer outro, que dá sempre o seu melhor e que não é de facto um mau jogador?!

Claro que não! O que está em causa são os valores absurdos enviados constantemente para Madrid por jogadores que não valem nem metade do que se pagou por eles, em anos em que, dizem, temos de emagrecer os custos, e apostar na prata da casa, e o blá blá blá do costume.

Mas algum jornalista tem coragem de perguntar estas coisas ao Presidente do Benfica? De fazer ver aos grandes entrevistados a aberração de certas decisões? De lhes tentar fazer perceber pelo menos, que a um adepto do Benfica é dificílimo olhar para isto tudo, e acreditar que estes elementos dão à nossa costa baseado apenas em critérios desportivos?!


Um brinde àqueles que ainda conseguem acreditar... Eu confesso: Não consigo. 

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

2016. Ano Novo.

Avatar
 ●  14 comentários  ● 

A todos os que visitam o NGB desejamos um 2016 muito feliz.
Aos benfiquistas desejo títulos e felicidades pessoais.
Aos outros muitas felicidades pessoais e azia desportiva. :)

Grande abraço a todos!

A promessa... outra vez

Avatar
 ●  23 comentários  ● 
aqui tinha registado a promessa do nosso presidente, quando apresentou o negócio NOS.

Hoje, depois da entrevista do nosso presidente, quero deixar bem vincado ISTO.



Fantástico! Pizzi por 14 milhões!

Avatar
 ●  102 comentários  ● 

Este Atlético de Madrid anda sempre a ser comido pelo presidente.

"O Benfica, que detinha metade dos direitos económicos do futebolista português Pizzi, anunciou hoje que adquiriu os restantes 50% ao Atlético de Madrid por oito milhões de euros.

"A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD (...) vem informar que adquiriu os restantes 50% dos direitos económicos do atleta Luis Miguel Afonso Fernandes (Pizzi) que remanesciam na titularidade do Club Atlético de Madrid SAD pelo valor de oito milhões de euros", lê-se no comunicado enviado pelo campeão português à Comissão do Mercado de Valores mobiliários (CMVM).

O médio de 26 anos, que foi adquirido pelo Atlético de Madrid ao Sporting de Braga em 2011/12, está a cumprir a sua segunda época no Benfica, depois de ter estado emprestado pelos 'encarnados' ao Espanyol em 2013/14, época em que os 'encarnados' comprarem metade do seu 'passe' por seis milhões de euros."

Vou sempre falar de ti... enquanto quiseres falar de mim, gordo!

Avatar
 ●  20 comentários  ● 
"A minha estratégia foi esperar para ver o que acontecia nos rivais e, depois, a partir daí, fazer valer a dimensão do Sporting. Nunca tinha visto o Sporting fazer um negócio a este nível, de patrocínios e de direitos televisivos, melhor do que os rivais" 



Eu imagino as masturbações intelectuais que isto deve gerar em alguns acéfalos que acreditam que contratos de 10 anos, com validações jurídicas e implicações orçamentais de dimensão são negociados em 5 ou 10 dias. O problema nem é tanto os acéfalos que se deixam enganar... o problema é mesmo os que não são acéfalos e aceitam que o trapaceiro os trate como incapacitados mentais.

O responsável máximo dos leões revelou ainda que uma operadora propôs um negócio que incluía comissões, mas não revelou a sua identidade, negando-se ainda, por motivos de confidencialidade, a desvendar os valores associados a cada uma das parcelas do negócio (diretos de TV, distribuição da Sporting TV e patrocínios na camisola e Estádio)

Fantástico! Ao nível do Vale e Azevedo talvez, reparem:

"Nunca tinha visto o Sporting fazer um negócio a este nível, de patrocínios e de direitos televisivos, melhor do que os rivais" 

MAS


"negando-se ainda, por motivos de confidencialidade, a desvender os valores associados a cada uma das parcelas do negócio"


Espetacular! O negócio dos rapazes é feito em 5 dias e é melhor que o dos rivais... porque ele diz que sim e todos têm que acreditar nele... porque sim!


"Há os que querem fazer as coisas de uma forma apressada, ou porque têm estratégias específicas, ou porque têm eleições, dívidas de centenas de milhões para pagar."

Esta cola sempre bem! Dizer que o Benfica tem dívidas para pagar. Mas... Finanças: Análise dos 3 Grandes (1º Trimestre 2015/2016). Quem será que tem realmente dívidas para pagar? Bom... na verdade as últimas noticias explicam antes que... tem dívidas, sim, mas para NÃO PAGAR!

Depois de ler a entrevista de Luis Filipe Vieira

Avatar
 ●  23 comentários  ● 
Lendo a entrevista completa de Luis Filipe Vieira hoje... mais uma vez não concordo com todas as perspectivas - principalmente quando se põe a falar de futebol, mas no que diz respeito aos temas essenciais de gestão empresarial, ainda que não tenha lido nada que já não fosse a opinião que tenho vindo a escrever, fiquei totalmente esclarecido sobre o trabalho diferenciador que está a ser feito num pilar que considero fundamental: a sustentabilidade e resiliência económico-financeira do Sport Lisboa e Benfica.

No que diz respeito aos temas relacionados com os contratos da NOS e MEO... registo que continuamos a ver benfiquistas a tomar como certas as artimanhas de presidentes adversários e a desvalorizar e desmentir o próprio Presidente. Humm.. deve ser pela obra (não) feita do gordo.

A entrevista: O futuro a desenhar-se como aqui sempre previ

Avatar
 ●  41 comentários  ● 
Os jornalistas têm de ser muito melhores do que aquilo que demonstram nas perguntas que fazem... Mas não as podem fazer, porque ter uma grande entrevista com o Presidente encarnado no último dia do ano são privilégios que importa manter para dar azo a entrevistas futuras, e por isso as perguntas feitas são sempre aquelas que sabemos: as que tocam nos assuntos aos de leve, sem ferir suscetibilidades nem encostar ninguém à parede, em suma, entrevistas para fazer cumprir os objetivos do entrevistado e não do público em geral que a seguir vai ler.

Em suma, uma entrevista para encher chouriços... Repare-se:

EM RELAÇÃO AOS DIRETOS TELEVISIVOS:

LFV:“Os contratos do Sporting e do Porto só foram possíveis porque o Benfica voltou a liderar o processo (...) Portanto só podemos estar orgulhosos de que outros clubes possam beneficiar da revolução que foi iniciada por nós.” 

A isto pois, um verdadeiro LOL... Vamos lá Benfiquistas, vamos todos celebrar e dar as mãos, que se lixe se outros recebem quase tanto como nós, que se lixe se andámos anos a dizer que exigíamos ser pagos de acordo com a nossa dimensão e que essa dimensão era de anos luz em relação aos adversários, o que importa é o orgulho de podermos dizer aos nossos rivais, vocês fizeram o contrato das vossas vidas, mas por nossa causa que iniciámos a luta. Prometo que hoje à meia noite não me esquecerei de fazer um brinde a isto!



ABOLA:Mas o acordo com a NOS contempla essa salvaguarda (cláusula em função dos valores dos contratos de Porto e Sporting)?

LFV:Obviamente. E por isso em Janeiro voltaremos a estar sentados com a NOS, algo que está contemplado no nosso acordo.

Obviamente para nós também. Obviamente que todos percebemos que isto é assumir que se não está satisfeito com o contrato que se fez tendo em conta o que outros fizeram. Obviamente que isto é assumir que neste momento são outros a rir-se. Obviamente aqui o jornalista deveria perguntar que tipo de cláusulas são essas, se são os 20% ou os 10% ou os 25% de que se fala. Deveria perguntar se ia em Janeiro à NOS partir o bolo-rei ou buscar mais dinheiro! Mas não, muda-se de assunto e nem uma pergunta é feita neste sentido.


ABOLA:Mas falar em 515 milhões é um número impressionante.

LFV: O que é importante é perceber quanto vão receber os clubes nessas componentes, direitos televisivos, canal do clube e publicidade nas camisolas e no estádio. Como já disse as conclusões são fáceis.

Sim Presidente, as conclusões são fáceis. Para já as conclusões, tendo em conta os Relatórios, são as contas apresentadas pelo Benfica Eagle já neste blogue, e que confirmam aquilo que já todos os Benfiquistas sabem: Tendo em conta a dimensão das marcas, em termos relativos os rivais fizeram um contrato bem melhor que nós.


SOBRE RUI VITÓRIA
Todos os treinadores estão dependentes de resultados. Qual é a margem de manobra de Rui Vitória?

Qual foi a margem de manobra do nosso último treinador? Como bem se lembra foi muito grande, as pessoas é que às vezes têm tendência para esquecer. Aí tem a resposta.

Presidente, francamente, Jorge Jesus teve margem de manobra porque ganhou logo na sua primeiro época com um futebol de sonho, e aí criou a sua almofada... Se a sua primeira época tivesse sido o que está a ser neste momento a primeira época de Rui Vitória, todos sabemos que teria saído muito rapidamente, tal como saiu Quique Flores... Atirar areia para os olhos das pessoas, não.


O BENFICA MADE IN BENFICA

ABOLA: Já lhe fizeram alguma oferta ou perguntaram sobre a possibilidade de vender o Nélson Semedo, o Renato Sanches ou o Gonçalo Guedes?

LFV: Não vou revelar nada em relação a isso, apenas que são três jogadores em quem acreditamos muito e que fazendo o trabalho que têm de fazer não faltarão clubes interessados. Para já o que nós queremos é que cresçam dentro do Benfica e nos ajudem a atingir os nossos objetivos.

Hahaha, reparem no pormenor, “para já”... Reparem no outro pormenor “não vou revelar nada em relação a isso” (afinal o que há para revelar Presidente?!? Que já estão vendidos como se diz?!?!)...

Isto não era hora de uma resposta categórica? Dizer algo como “ eles são o futuro do Benfica e nos próximos três anos só saem pelo valor das cláusulas?”... Mas não, mais uma vez as reticências... As mesmas reticencias que se puseram em relação a Cancelo e Bernardo (“Sim, há para lá umas cláusulas quaisquer”), e todos sabemos o que aconteceu a seguir.

Evidentemente, são jogadores, COMO AQUI SEMPRE DISSE, com guia de marcha a MUITO curto prazo e que terão uma passagem muito fugaz pelo nosso clube, a não ser claro, que sejam medianos... Serão tanto parte de um projeto como um Witsel ou um Markovic! Passarão pelo clube, mas sem ficarem tempo suficiente para que à sua volta se possa construir o quer que seja! 

O Benfica Made in Benfica é uma treta como SEMPRE AQUI DISSE: O que há é o Cash Made in Benfica, num clube onde já todos percebemos que o cifrão é que manda e se sobrepõe a qualquer projeto desportivo!

Mas muito em breve aqui estarei a relembrar tudo aquilo que escrevi ao longo dos últimos anos sobre este assunto...




Para todos um bom ano... Haveria mais para escrever sobre a entrevista de hoje mas o champagne já está fresco e a partir de agora seria só dizer asneiras

ranking