O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


terça-feira, 30 de novembro de 2010

Até Quando?

 ●  + 23 comentários  ● 
SAD com resultado líquido positivo de 6,9 milhões de euros

"A SAD do Benfica apresenta, no primeiro trimestre da presente época desportiva, resultado líquido positivo de 6,9 milhões de euros, anunciou a sociedade em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Os valores divulgados representam uma melhoria de 13,1 milhões de euros face ao período homólogo da época transacta, na qual o resultado líquido consolidado ascendeu a 6,1 milhões de euros de prejuízo. «Este resultado está directamente relacionado com os resultados obtidos com transacções de atletas», pode ler-se no comunicado, referindo-se às transferências de Ramires (Chelsea), Halliche (Fulham) e Makukula (Manisaspor).

Em contraponto, o passivo consolidado da SAD encarnada aumentou 6,7 por cento, situando-se agora em 399 milhões de euros, com o aumento a explicar-se muito pelos investimentos efectuados na aquisição de atletas no decorrer do trimestre (Roberto, Gaitán, Oblak e Jara)."

in A Bola

Será apenas uma questão de rectórica, ou tudo o que incha acaba por rebentar mais tarde ou mais cedo? Sim, os resultados foram positivos, mas só devido a venda de Ramirez em grande medida, o facto é que sem vendas de jogadores o Benfica vive acima das suas possibilidades, e isso é bem sabido dos trimestres negativos em épocas que não ganhamos nada...No final só se pode dizer que o Benfica dá prejuízo e não é pouco... Lá virão dizer alguns, mas todos dão... então continuemos assim todos felizes da vida a caminho do precipício, quem sair em último que feche a porta...

Não estou a imputar responsabilidades, isto é um mal do futebol em geral como negócio, embora tivesse a esperança que a direcção do meu clube fizesse a diferença... O futebol é o espelho da nossa sociedade, onde vivemos de vida emprestada, comemos emprestado e possuímos emprestado e quando nos formos deste mundo os nossos filhos pagarão a factura por nós.

Ao ver os números do passivo só posso ver uma coisa, a morte lenta. 400 milhões hoje, amanhã 1000 milhões? Onde irá parar? Não é possível continuar assim para sempre, com uma dívida a continuar a crescer e que nada aconteça...

Um dia virá, tal como está agora prestes a acontecer ao nosso país, em que teremos de responder aos nossos credores, e nessa altura quem salvará o Benfica? No caso do nosso clube não haverão nem fundos europeus nem FMI's e quanto aos adeptos, por muita vontade que tenham de salvar o clube, simplesmente nem com todos os fundos de todos os adeptos juntos salvaremos a instituição pois a situação se arrastou tanto que a dívida é assutadora e terá de fechar as portas por insolvência... Reedição do caso Fiorentina?

Este último parágrafo foi uma visão negra do futuro e espero que não se concretize, mas nesse parágrafo pensei como os economistas portugueses vêm a situação actual de Portugal... e com tantos debates, comentários e entrevistas, penso que todos sabem a opinião deles...

O regresso do "Tosco"

 ●  + 7 comentários  ● 
Sei que o post já vem um pouco fora de tempo, devido a minha falta de disponibilidade, mas nunca fora de contexto.

O Tacuara voltou à competição, e a fazer o que melhor sabe, golos! Até deu para fazer de assistente ao golo do Saviola. Mais uma vez se confirma algo que eu NUNCA tive dúvidas, Cardozo é um elemento indispensável no 11 titular e quando não está presente a produção ofensiva da equipa ressente-se significativamente e nota-se a equipa em esforço para conseguir chegar à área contrária. Poderão falar no jogo com a Naval, que vencemos por 4-0, mas não se notou nesse jogo a desenvoltura e fluidez deste último jogo. Cardozo é um avançado que mete os defesas em sentido, prende-os, abre linhas de passe e corredores de desmarcação para os colegas...mais que tudo, além de matador é um jogadores que faz os outros jogar, e aí está a utilidade do "tosco" no meio dos tecnicistas, eles precisam do tosco para aguentar com o jogo físico dos oponentes e assim terem liberdade criativa.

Agora vamos ver quantos jogos ele vai aguentar até ser assobiado, porque basta Cardozo fazer um jogo que seja menos conseguido que logo há adeptos a fazerem-se ouvir. Não tenho nada contra jogadores como Saviola ou David Luiz, nem nunca irei assobiar jogadores da minha equipa, mas com a época que estes dois jogadores têm feito, seja lá porque razões for, se se chamassem Óscar Cardozo já tinham sido enterrados em assobios e vendidos a preço de saldo. Infelizmente há estas discrepâncias de tratamento de jogador para jogador, onde nos deixamos levar mais pelo coração que pela razão, e a razão diz que Cardozo é dos melhores jogadores que temos.

Brincadeira de garotos!

 ●  + 17 comentários  ● 
Uma garotada é o que me parece. O clube de merda adora fazer estas coisas e o Benfica vai atrás e dá-lhes «tempo de antena». Comentei uma vez um post do GB em que este dizia o Porto só é grande se nós deixarmos e se lhes dermos importância. Concordo mesmo.

Este tipo de garotadas só dá tempo de antena e visibilidade a esse clube de merda que cresce a construir esta divisão entre norte/sul entre Benfica/Porto.

Só acho triste estarmos cada vez mais próximos das atitudes de merda destes gajos de merda e começarmos a gostar cada vez mais de nos recrearmos com estas garotadas.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

"GB is the house!" Sobre os Gangsters...

 ●  + 10 comentários  ● 
O Vermelhusco chamou a atenção (e muito bem) no tópico Olha os gangsters a defender um dos seus... para um inacreditável comunicado dos Corruptos sobre a FlashInterview do Jesus ontem.

Como o GB tem a fama de ser muito pródigo em "teorias da conspiração", resolvi ligar isto tudo ao dia de hoje. Vejam o encadeamento dos últimos acontecimentos:

» Derrota humilhante no Dragão
» Derrota humilhante em Israel e consequente eliminação da Champions
» Focos de desestabilização no balneário com Saviola e David Luiz à cabeça
» A Blogsfera já crucificava Jorge Jesus e exigia responsabilidades a Luis Filipe Vieira

Mas há o habitual "balão de oxigénio":
» Vitória (justíssima) em Aveiro e segue-se então...

» Nova demonstração de agressividade verbal de Jorge Jesus (esteve bem!)
» União imediata dos benfiquistas em torno da atitude de Jorge Jesus
» "Frisson" enorme do SLBenfica sobre o tema da FlashInterview
» Inicia-se mais uma "guerra de surdos" entre o FCPorto e o SLBenfica
» União imediata dos benfiquistas contra a atitude dos corruptos

A imprensa a dar uma ajudinha na união da Direcção com os benfiquistas, quando a coisa estava a ficar preta...
Entretanto, no barulho das luzes, sucede-se a AG da SAD para aprovação quase unânime de mais um prejuízo, desta vez de 19M€ (coisa pouca), sustentados nos... resultados desportivos!

Digam lá que desviar as atenções em dia de AG não dá jeito!? Especialmente quando se falava no regresso dos avisos recentes no Seixal... desta feita à porta da AG.

Na mesma AG acontece um facto surreal:

» O Sport Lisboa e Benfica, presidido por Luis Filipe Vieira, propôs na AG da SAD "um voto de confiança aos Órgãos Sociais que exerceram funções durante o exercício a que reportam as contas ora aprovadas". Para os mais distraídos, estamos a falar dos Orgãos Sociais presididos por... Luis Filipe Vieira.

Ou seja, o Presidente do Clube Luis Filipe Vieira propôs um voto de confiança ao Presidente da SAD Luis Filipe Vieira????! O pedido foi aceite e na votação, imagine-se, Luis Filipe Vieira votou... favoravelmente. Confiram no "Ponto 3" da Ordem de Trabalhos da AG.

Não sei se ria... se chore!

PS- Desculpem lá dois tópicos no mesmo dia, mas hoje "apeteceu-me"! Foi esta "teoria da conspiração" à GB e antes, para os mais "simpáticos", tinha sido uma demonstração de cagança e prepotência do GB: "By GB: Onde é que eu já vi isto?"

Olha os gangsters a defender um dos seus...

 ●  + Sem comentários  ● 
Oram digam-me lá o que é que os corruptos têm a ver com o caso da Flash Interview e com o não-cumprimentos das regras pelo jornalista?? Ah, espera... O jornaleiro não cumpriu os regulamentos e mostrou a sua veia anti-benfica. Pois está explicado.

Eis a resposta do Benfica:

Co Adriaanse
Luís Fabiano
Derlei
Paulo Assunção
Adriano
Rodriguez
Costinha
Raul Meireles
Matt Fish (basquetebolista)
Paulo Martins (RTP)
Pedro Figueiredo (RTP)
João Pedro Silva (RTP)
Marinho Neves (jornalista)
Fotógrafo do JN atropelado à saída do tribunal.

E mais um sem número de pessoas que optaram pelo silêncio!

A todos a nossa solidariedade!

Lapidar!!

By GB: "Onde é que eu já vi isto?"

 ●  + 1 comentário  ● 
"O auditório do Caixa Futebol Campus foi o palco escolhido para a apresentação do modelo de jogo e do jogador à Benfica. Numa iniciativa que contou com a presença do presidente do Sport Lisboa e Benfica, Luís Filipe Vieira e de todos os treinadores do Clube, debateu-se a implementação de um sistema à altura do Clube da Luz.

O presidente dos “encarnados”, Luís Filipe Vieira, explicou o objectivo do Clube para a próxima temporada: “É daqui que vão aparecer os futuros craques do Sport Lisboa e Benfica e em princípio, na próxima época, vamos colocar dois ou três atletas da formação, no plantel principal”.

A importância do capital humano também foi realçada pelo presidente: “Estamos a falar como empresa e o mais importante de qualquer empresa é o capital humano. É esse que gera riqueza e aqui gera futuros craques do Clube.”

Quem também esteve presente no Caixa Futebol Campus foi o administrador-executivo da SAD, Domingos Soares de Oliveira, que, em declarações à Benfica TV, destacou três elementos essenciais no caminho para o sucesso: “A fórmula do sucesso passa pelo talento, pelo compromisso e pelo equilíbrio. O talento permite-nos exceder todas as expectativas, o compromisso é o que pretendemos de todos os profissionais e o equilíbrio, que é necessário em qualquer organização, onde qualquer pessoa tem de saber qual é o seu papel e que entenda que faz parte da solução.”

O director técnico do Centro de Formação e Treino, João Santos, explicou o que significa e o que se pretende de um jogador do Benfica: “Como diz o nosso lema “Um por todos e todos por um”, tem de ser um jogador solidário, com grande espírito de sacrifício, com muito talento, capaz de desenvolver ritmos de jogo cada vez mais intensos, porque será esse o futuro do futebol.”"

Ora deixa cá ver... Blog GeraçãoBenfica, 19 de Maio de 2010: FORMAR! Jogadores, equipas e Clubes! reza assim:

"Em tempos defendi que o SLBenfica deveria ter uma estratégia de formação de um "protótipo de jogador Benfica" e de um "protótipo de treinador Benfica"".

E mais tarde no dia 4 de Junho:As parcerias para a formação

"- Modelo evolutivo de treinadores nos escalões de formação, a começar em Pré-Escolas, até aos Juniores e parceiros de futebol Profissional e Semi-Profissional
- Modelo evolutivo de Integração para jogadores nos primeiros dois (a três anos) de senior, de acordo com as parcerias estabelecidas.
- Inclusão anual no plantel senior, de forma selectiva e muito criteriosa, de um a dois jogadores formados no Clube"

E maaaaais uma vez a 30 de Agosto: Tarda e... falha?

E nem sequer vou apelar um tópico de 10 de Julho de 2009 há mais de um ano, portanto: Reestruturação/Profissionalização do Futebol de Formação

Posto isto, falou Luis Filipe Vieira, falou o tal Administrador (que eu julgava ser da área financeira e marketing... mas pelos vistos é mais, razão tinha o Veiga quando disse à saída que ia ser ele o protagonista inacreditável no futuro), falou o recém chegado à Luz João Santos e que é aparentemente o responsável pelo projecto...

E Rui Costa? Terei percebido mal quando entendi que é o Administrador da SAD, remunerado para ser o Administrador para o Futebol? Se calhar entendi mal...

Vamos ver o futuro desta medida! O princípio é bom... mas já falhou na comunicação!

Já ninguém nos leva a sério...

 ●  + 7 comentários  ● 
Temos o clube cheio de instabilidades internas, mas depois de Jesus já descobrimos outro culpado para isso: A IMPRENSA! Malvados que insistem em contar o que não sabemos conter, mas que nos dão jeito para crucificar o Jesus quando interessa.

“A flash interview é por definição uma zona de entrevistas rápidas do operador televisivo que, segundo o artigo 26 dos regulamentos de competição, deve ter uma duração máxima de 90 segundos e deve versar apenas sobre o jogo”

“a zona de entrevistas rápidas não é para perguntar sobre o jogador A ou B, não é garantidamente para perguntar se um Governo teve ou não interferência editorial na informação da TVI e não é garantidamente para perguntar se a Manuela Moura Guedes foi ou não censurada enquanto esteve na TVI”

“o Benfica reserva-se no direito de não comparecer na flash interview”


Por João Gabriel em mais uma tentativa de desviar atenções do essencial, focando no acessório.

Sobre o mesmo tema, recomendo a crónica de uma grande benfiquista hoje no Record (será que esta também vai ser processada)?:

Cardozo! As saudades do Tacuara fizeram-se sentir pelos pés infelizes do seu substituto destas semanas, Kardec. Aqueles dois golos e meio, dando a outra metade a Saviola, fizeram de Cardozo o herói da partida com o Beira-Mar.

Era um jogo de tudo ou nada, mata-mata, amor ou ódio entre treinador e benfiquistas, depois da vergonha com o Hapoel. Mas só houve reconciliação entre equipa e adeptos. Não sou terrorista e venho apregoando a estabilidade, mas já me sobram poucas dúvidas: o Glorioso é muito maior do que JJ. Assim que se apanhou a ganhar por 3-0, Jesus mexeu logo na equipa para fazer entrar os suspeitos do costume desta época. Este mister, ou não percebe nada de psicologia de massas e não lê os adeptos, ou está convencido que a sua teimosia compensa: a 15’ do fim, troca Cardozo por Kardec… será que estava surdo há 15 dias, quando o capitão Nuno Gomes jogou 5 minutos, marcou e a Luz chorou com ele? Esqueci-me… ele, Jesus, é que sabe. Por isso é que já com Salvio a jogar e Jara quase a entrar, sofremos o único golo dos aveirenses.

O presidente afirma que o Benfica conta é com Jesus, mas já lhe cortou as pernas às desculpas: “Jesus tem a equipa que pediu”, disse Vieira esta semana. A verdade é esta: JJ queimou David Luiz e Saviola, de vez, no Dragão. Saviola, sem explicação possível, nem jogou. Lembram-se do “Caracoleta” de gatas, a tentar apanhar Hulk? A humilhação incapacitante que não terá sido colocá-lo com tamanha tarefa na lateral esquerda, onde o mister sabe, e todos sabemos, que David Luiz não rende? Mas se o vendermos no mercado de inverno perdemos, no mínimo, uns 10 milhões.

A festejar os golos de Aveiro estiveram abraçados 10, mais Roberto ao longe, e ninguém partilhou um aceno com o banco. A culpa está muito longe de ser só sua, mas a tática e o onze são. Jesus, “então tchau”

Crónica "O Voo da Águia"

E com isto já ninguém fala das culpas que o Vieira tem nisto tudo. Está montado o circo habitual.

Rui Costa: the king-maker.

 ●  + 5 comentários  ● 

No seguimento dos meus posts de análise sobre a realidade do Benfica tanto ao nível dos erros cometidos nesta pré-época que levaram ao desmontar uma estrutura vencedora e sobre como, na minha opinião, um movimento de oposição deve agir para ser uma oposição credível a esta Direcção liderada por Luís Filipe Vieira vou concluir esta análise com o protagonista que considero a peça-chave na definição do papel que o Benfica vai ter no futebol português nos próximos anos bem como de quem vai assumir as rédeas de poder do Benfica: Rui Costa.

Antes de tudo convém salientar que muito do que se fala sobre mau ambiente entre Jorge Jesus e Rui Costa não passa de especulação. Duvido muito que esse mau ambiente seja tão acentuado pois se há algo que ninguém possa ter dúvidas é de que Rui Costa é altamente profissional e, independentemente do nome do treinador tenta sempre disponibilizar os melhores jogadores possíveis para qualquer treinador.

Considero que Rui Costa é dos melhores Directores Desportivos do Benfica desde Gaspar Ramos (apesar da burrice que foi a contrataçao de Artur Jorge este homem enquanto dirigente combateu o Porto como pode e deu imensos títulos ao Benfica além de 2 finais da Taça dos Campeões Europeus e isto em momentos conturbados do clube a nível financeiro - ou seja em condições piores do que as que Vieira tem hoje á disposição). As várias razões para eu pensar assim incluem estas em particular:
- Dá cobertura ás equipas técnicas e plantel dando o peito ás balas sempre que necessário;
- Sabe mandar as bocas certas no momento certo não permitindo o galvanizar dos corruptos (como a boca sobre os jogadores desviados pelos corruptos o ano passado se devem á incompetência do departamento de prospecção portista);
- Enquanto tinha a gestão das contratações em seu cargo soube conjugar uma política de aposta em jovens valores ligados a empresários com quem o Benfica tem relações privilegiadas (Kia e Bertolucci) com a contratação de jogadores consagrados e/ou com experiência no futebol europeu como Suazo, Aimar, Saviola, Javi Garcia entre outros;
- Até ao momento, nunca se notou que deixa de apoiar uma equipa técnica por desaguisados pessoais.
- Tem a escola de dirigismo italiana. O que parecendo que não, quer dizer que sabe lidar com mafiosos e polvos (em Portugal há um polvo em Itália há muitos...)

Pode haver quem argumente que Veiga é melhor, mas para mim Veiga não é melhor como Director-Desportivo. O papel que Veiga desempenha muito bem é saber mexer-se nos bastidores e meter as mãos na porcaria do nosso futebol e a sabotar as jogadas dos corruptos. É importante ter alguém que faça isso - um papel que para mim devia caber essencialmente ao Presidente e quanto muito a um Vice-Presidente.

Rui Costa sempre soube desempenhar as suas funções ao melhor nível e considero que muito do mérito nos títulos conquistados nos ultimos 2 anos (duas Taças da Liga e um Campeonato) deve ser atribuido a ele.
Um dos motivos que me levam a criticar Vieira tão acerrimamente foi a forma como usou Rui Costa. A partir do momento em que o Benfica foi campeão, a primeira preocupação de Vieira foi esvaziar o papel de Rui Costa enquanto Director Desportivo em público numa entrevista em que o atacou, com a alteração dos estatutos elevando o número mínimo de anos de sócio para se ser Presidente para 25 barrando a sua candidatura em 2012 e assumindo a gestão do plantel (entradas e saídas, renovações, etc) com os resultados que se conhecem nesta época após não precaver a saída de Ramires nem indo buscar um dos grandes nomes pedidos por Jesus para lutar pelo título e para fazer uma melhor figura na LC.

A mim, causa-me confusão ver o papel menor que lhe foi reservado no Benfica deste ano especialmente tendo em conta o que alcançou no clube tal como me indigna que surjam notícias a tentar ligá-lo a negócios obscuros e situações estranhas como a falência da agência de jogadores do seu primo. Rui Costa é das poucas pessoas nesta Direcção que tem um passado benfiquista inquestionável e ataques ao seu carácter são absolutamente ridículos especialmente tendo em conta que abdicou de um salário anual de 5 milhões de euros para representar o Benfica!

Agora querem-me fazer crer que precisa de se meter em negociatas manhosas para sacar uns trocos? Não duvido que receba alguma comissão dos negócios de jogadores pois também tem que ganhar algo para viver mas é alguém desinteressado em viver á custa do clube e sim mais interessado em assegurar negócios vantajosos para o clube ao invés de bons para os intervenientes no negócio (como faz um certo Presidente que desde que chegou ao clube criou uma fortuna que não tinha...).

No entanto, tendo em conta as humilhações a que o Benfica tem sido submetido esta época várias vozes criticaram Rui Costa por ser conivente com a situação.
Contudo, a atitude de Rui Costa tem sido a mais correcta. Não dá o peito ás balas porque não tem que assumir responsabilidades por uma situação de que não é responsável mas também não critica Vieira ou Jesus criando ainda mais instabilidade interna.

Convém não esquecer que o Benfica ainda tem imensos objectivos por atingir esta temporada: Taça de Portugal, Taça da Liga, Liga Europa e apesar de tudo fazer o melhor campeonato possível.

Por isso considero que Rui Costa tem que agir da maneira que mais defende os interesses do clube (acho que é dos únicos membros desta Direcção que pensa em defender primeiro os interesses do clube que os seus próprios interesses): tem que ficar calado até ao final da época sobre os erros cometidos por outros, tentar blindar ao máximo o plantel e colocar todos a remar na mesma direcção de modo a garantir algum dos objectivos do clube.

Chegado o final da época, Rui Costa tem que reflectir profundamente sobre o que pretende para o Benfica: o amadorismo reinante com esta Direcção á deriva ou levar o clube para um novo rumo. Devido á sua reputação imaculada junto dos sócios Rui Costa detém um capital de influência que só Eusébio pode igualar.
Logo, Rui Costa tem uma posição de força inigualável no Benfica e no final desta época deve fazer-se valer desta força:
- Forçando mudanças no comportamento de Luís Filipe Vieira e recriando uma estrutura vencedora no clube, deixando a Vieira um papel institucional (limitado á defesa dos interesses do Benfica nos orgãos do dirigismo do futebol português e no relacionamento com instituições como bancos, Estados, outros clubes, etc)

- ou demitindo-se e assumindo-se como uma força aglutinadora de algum movimento que queira desafiar Vieira na liderança do clube retirando um dos poucos factores de credibilidade desta Direcção junto dos sócios.


A força e a legitimidade desta Direcção cinge-se ao sucesso desportivo que o clube alcançará (e esta época está a ser desastrosa com o principal objectivo - o campeonato - quase inalcançável e o segundo objectivo - chegada á 2ª fase da LC - falhado com estrondo) e ao apoio de Rui Costa a Vieira. Sem este apoio esta Direcção não teria tido a legitimidade para se comportar como se comportou no processo eleitoral nem teria alcançado os resultados que alcançou. Ou alguém duvida que se Rui Costa tivesse apoiado José Eduardo Moniz, as eleições teriam sido antecipadas como foram?

Rui Costa, no final desta época tem que reflectir se este é o Benfica em que acredita, se está satisfeito com o irrelevante papel que lhe foi destinado depois de ter sido uma das peças fundamentais na conquista do último título e se quem está no clube é o melhor para ele.

Basicamente Rui Costa é o King-maker. A sua palavra e as suas acções são essenciais para definir quem manda no Benfica e se ele souber e estiver disposto a capitalizar este seu papel, na minha opinião o Benfica só sairá a ganhar.
Na minha opinião se alguém quiser criar uma oposição credível a esta Direcção terá que assegurar o apoio de Rui Costa e reservar-lhe um papel de destaque na gestão desportiva do clube.

Rumo ao bi-campeonato europeu!!

 ●  + 1 comentário  ● 

Com muito brio, os nossos jogadores de futsal honraram a camisola e fizeram o que se lhes exigia apurando-se para a final four da Uefa Futsal Cup.
Como o Sporting fez o improvável e eliminou os campeões espanhóis existe a forte possibilidade de assistirmos a uma final portuguesa na prova maior do futsal europeu.
Esperemos que isso aconteça e que mostremos aos lagartos quem é o maior clube português no futsal.

As modalidades este ano têm servido para lembrar que o Benfica não é só futebol e têm tido participações meritórias em todas as competições. O Benfica está na liderança do campeonato de Vólei, 2º classificado no Basquete onde está a fazer uma participação meritória nas competições europeias além de ter ganho a Supertaça aos corruptos, 2º classificado no Hóquei tendo ganho a Supertaça aos corruptos e apenas no andeol está com uma participação abaixo do exigido no 3º lugar atrás de Corruptos e ABC (embora também tenha seguido em frente nas competições europeias).

domingo, 28 de novembro de 2010

A cura do nosso mal é tão simples...

 ●  + 3 comentários  ● 
Esteve hoje à vista durante mais de uma hora! Quando se é eficiente e competente nas decisões... tudo se torna mais fácil.

Quanto se entra em campo com a noção que se errou, que voltou a ser preciso provar que merecem aquela camisola... tudo se torna mais fácil.

Jorge Jesus percebeu que a sua atitude de "José Mourinho da Reboleira" não o ia levar a lado nenhum! Saiu a terreiro para assumir que tem culpas e voltou áquela atitude guerreira de quem anda a procura de mostrar a sua capacidade e competência.

Voltaram à equipa Rubem Amorim e Carlos Martins! Coentrão parece definitivamente ter voltado a fixar-se na defesa. Uma "perfume português" que já mostrou resultados...

Desta dinâmica beneficiam todos: do Presidente aos Jogadores... com Saviola e David Luiz incluidos, a mostrar melhor rendimento! Com melhor rendimento "forçam" melhores cuidados e atenção de Jorge Jesus... e mais uma vez evitam-se os problemas que são do conhecimento de todos.

"Em casa onde não há pão, todos ralham e ninguém tem razão"! Por isso mesmo acredito plenamente na verdade das situações conhecidas sobre Saviola e David Luiz, especialmente. Aliás, a reacção de Jorge Jesus hoje na flashinterview é vem demonstrativa disso mesmo.

Este não é o treinador que eu desejo para o Benfica. Este não é o presidente que eu quero para o meu clube (nem nunca votei nele sequer). Mas já que são os que lá estão, pelo menos sejam competentes, pois como está à vista é fácil o Benfica ser forte e superior aos outros, quando (ainda que acagaçados) aqueles que mandam e decidem, agem de forma competente e eficiente.

CARREGA BENFICA!

Jorge Jesus em Grande

 ●  + 8 comentários  ● 


Exultei com a forma como Jorge Jesus reagiu á prepotência do jornaleiro da TVI, que pensa que por o Benfica estar num momento menos bom pode agir como agiu! O ódio pelo Glorioso é mesmo grande em muita gente para reagirem daquela maneira quando pensam que está numa situação de fraqueza.

Depois de finalmente JJ ter assumido as culpas pelos desaires estrondosos desta época e de ter agido como qualquer treinador deveria agir, tirando a pressão sobre os seus comandados dando a cara por eles(e mostrando a Luís Filipe Vieira como um verdadeiro líder se deve comportar em vez de atirar a batata quente para os seus subordinados).
Agora quero ver o que a Direcção faz em relação a este incidente. Isto e as notícias absurdas que têm sido postas a circular deviam originar um black out de todos os responsáveis do clube incluindo jogadores.

A boca sobre a Benfica TV mostra que este jornalista não estava ali para fazer o seu trabalho com isenção e profissionalismo mas sim para tentar criar instabilidade no Benfica.


E já agora meu caro jornaleiro avençado reveja as regras sobres as flash interviews:

LIGA PORTUGUESA DE FUTEBOL PROFISSIONAL REGULAMENTO DAS COMPETIÇÕES ÉPOCA DESPORTIVA 2010/11 Artigo 26º - Comunicação Social (...) 18.No final de cada jogo em directo, será realizada uma entrevista (Flash Interview), de carácter obrigatório..., que o operador televisivo integrará na sua emissão normal e deverá respeitar os seguintes termos: a) Terá de se iniciar nos 5 minutos após o efectivo termo do jogo, tendo uma duração máxima de 90 segundos para cada interveniente, e APENAS DEVERÁ VERSAR SOBRE AS OCORRÊNCIAS DO JOGO QUE SE ACABOU DE DISPUTAR; (cortesia do comentador Natálio Santos)

Sem sombra de dúvidas que o Benfica está num péssimo momento, mas apesar de haver divisões sobre quem são os principais responsáveis (ou Vieira ou Jesus) acho que falo por todos quando digo que os benfiquistas estão unidos na defesa do clube contra os ataques torpes de que está a ser alvo por parte dos média, que como abutres tentam amplificar a crise no clube.

Como o Darth disse, não faz sentido falar de demissões da Direcção neste momento crítico do clube. Vários erros foram cometidos mas tem que haver estabilidade, cabeça fria, racionalidade e união para que o clube atinja os objectivos mínimos desta época.
Parecendo que não, o Benfica ainda tem várias competições em que pode participar para ganhar: Taça de Portugal, Taça da Liga, Liga Europa e tem que garantir o 2º lugar no campeonato pelo menos.
Além disso é essencial trabalhar para garantir que a FPF não é controlada por um "amigo" dos corruptos e garantir que o contrato de transmissões televisivas atinge valores justos para o Benfica.

Por isso será que a crise é tão acentuada como certos jornaleiros querem fazer passar? Então não é o Benfica que está isolado no 2º lugar e a 5 pontos dos lagartos??
A quem é que interessa passar a ideia de que há problemas no balneário??

P.S. - Hoje não escrevo crónica do jogo pois por motivos profissionais só consegui ver os últimos 20 minutos de jogo. Mas fico aliviado por saber que acabaram as invenções e Ruben Amorim jogou a médio-direito dando maior cobertura a Javi Garcia e que o Takuara voltou a fazer uma exibição de classe a demonstrar porque é um jogador tão importante para o clube apesar de não jogar um futebol estéticamente apelativo.

Mal por Mal...Entendam-se!

 ●  + 7 comentários  ● 
As notícias sobre o ambiente tenso dentro do clube da luz têm surgido em catadupa nos últimos tempos. O "animal" jaz moribundo no deserto e os "abutres" esperam pacientemente que ele dê o seu último fôlego entre olhares agoirentos, para se fazerem aos despojos. Esta situação toda tem sido uma benção para a comunicação social (abutres) que vê nisto tudo a oportunidade de especular à vontade. Por muito mau serviço de informação que seja, estão a fazer pela vida, ao aproveitar as dúvidas que cada vez mais crescem no seio dos benfiquistas sobre o que realmente vai tão mal no seio da águia para que a equipa e os resultados estejam tão aquém do esperado.

Eu embora não esteja a favor desta direcção não sou a favor de eleições antecipadas, acredito que há mandatos para cumprir e que têm a obrigação de fazer o melhor pelo Benfica enquanto lá estiverem. O que se pede mais aqui é que os sócios criem um movimento de pressão sobre a direcção para que esta se ver os problemas por si própria e haja em conformidade, então que o faça encostada a parede pela massa humana do glorioso. E o que se pede a esta direcção neste momento? Que sirva de força aglutinadora e de exemplo para todos os subordinados, departamento de comunicação, departamento de futebol, equipa técnica e jogadores.

Os casos que vêm na comunicação social, sejam verdade ou não, são uma mostra do que os adeptos podem ver do que se passa em campo. Nota-se falta de empenho, desmoralização...e isto tudo depois de uma época como a passada é bastante provável que seja devido a conflitos de balneário, alimentados por uma direcção que não tem sabido apaziguar esse mesmo ambiente. Jorge Jesus pelo que dizem os jornais anda cada vez mais nervoso e insultador com o acumular de resultados negativos, e que isso fez com que jogadores como Saviola e David Luiz se tenham "rebelado" contra o treinador, o que também não deixou outros jogadores satisfeitos com estes. Ou seja, estamos numa situação onde temos grupinhos no balneário, onde se defendem e atacam dependendo da "filiação", e isto em qualquer equipa de futebol, é a morte do artista. Uma equipa sem união pode ter muito bons jogadores, que o Benfica tem, mas não valerá nem de perto o que pode produzir. E isso significa muitos prejuizos para o clube, tanto em termos de troféus, carisma e finanças. São estes aspectos, a juntar a erros de planificação, egos de presidente e treinador, corrupção a alastrar, que nos meteram na posição em que estamos.

Temos de nos mentalizar que precisamos nós (adeptos) de nos unir mas no movimento para forçar a direcção a tomar as medidas necessárias, isto se ela não as tomar por si própria. Revoluções muito poucas vezes resolvem os problemas, como disse o GeraçãoBenfica no tópico Outro Presidente? Nem pensar...é com este! Elegemos este presidente e agora temos de nos conformar com ele pelo menos até as próximas eleições, agora é tentarmos expremer o máximo que pudermos dele de positivo que ele pode dar ao clube.

No seio do clube é que as coisas não podem continuar como estão no presente...

Ps: Na altura em que eu escrevi boa parte deste post ainda faltavam algumas horas para o jogo que agora está terminando, por isso não me vou alongar nas observações sobre o jogo, deixarei isso para outro GB friend, mas posso dizer que se verificou a falta que fazia a esta equipa tanto o Cardozo, como elemento de finalização e de ligação com outros elementos de ataque, e o Rúben Amorim, que veio trazer a estabilidade necessária ao meio campo que foi notória nestes últimos tempos só com Javi Garcia como elemento defensivo. O regresso destes jogadores serão um factor de estabilização do plantel, tanto em termos emocionais como posicionais e de eficácia, agora é esperar que tanto a direcção como a equipa técnica também consigam concentrar os objectivos de todos os jogadores do plantel no sucesso do Benfica e não em briguinhas e em egos magoados.

sábado, 27 de novembro de 2010

Benfica segue em frente na UEFA Futsal Cup

 ●  + 1 comentário  ● 


Os campeões europeus venceram o Time Lviv, numa partida da segunda jornada da Ronda de Elite da UEFA Futsal Cup. Quando faltavam três segundos para o apito final, o capitão dos “encarnados”, Pedro Costa, desfez o empate e garantiu os três pontos.

A equipa de Paulo Fernandes apresentou-se nesta partida com um cinco inicial composto por Vítor Hugo, Joel Queirós, Gonçalo Alves, Davi e César Paulo e encontrou um adversário complicado, confirmando as palavras do técnico “encarnado” na antevisão ao encontro.

A primeira parte foi muito equilibrada, com jogadas de parada e resposta. Ao intervalo o nulo subsistia, com os golos a estarem guardados para o segundo tempo. A etapa complementar ofereceu espectáculo no Pavilhão sérvio.
Os ucranianos até foram os primeiros a marcar, por intermédio de Yakunin (31’), mas o Benfica reagiu e nunca desistiu de alcançar o triunfo. Joel Queirós devolveu o empate no minuto seguinte (32’) e a três segundos do final do jogo, Pedro Costa alcançou o tento da vitória.

Nesta mesma ronda, os sérvios do Ekonomac Kragujevac venceram os croatas do Nacional Zagreb por 4-1, o que coloca os sérvios e os portugueses na liderança do Grupo A, com duas vitórias cada um. O primeiro lugar e consequente apuramento para a Final Four será decidido no próximo domingo, dia 28 de Novembro, entre o Benfica e o Ekonomac.
Cortesia: www.slbenfica.pt

O Benfica e os títulos que não ganha!

 ●  + 11 comentários  ● 
Tenho lido bastantes comentários sobre o Benfica e os títulos que não ganha. O SouBenfica escreveu ontem um post intitulado: «Perto de sermos “Um clube que um dia ganhou”». Este título fez-me pensar um pouco e a curiosidade em comprovar uma ideia que tenho, fez-me ir ver o que ganhou o Benfica nas últimas três décadas. De 1981 a 2010 ganhou 9 campeonatos e 8 taças de Portugal. Descodificando, foram: 5 mais 5, nos anos oitenta; 2 mais 2, nos anos noventa e 2 mais 1, na primeira década deste século! Se considerarmos de 86 para cá, são 6 títulos de campeão e 5 taças de Portugal. Em 24 anos perdemos 18 títulos!

Não venho em defesa de LFV! Eu apenas defendo o Benfica. Aqueles que acham que defendo LFV, distorcem a realidade ou não aceitam que alguém possa pensar de forma diferente e tudo porque o Benfica não ganha! Equação simples: não ganhamos, logo, ninguém no Benfica presta!!!

Se quisesse ir por aí diria que, afinal, sempre são dois títulos em sete anos e uma taça de Portugal. Se fizer uma multiplicação simples chego à conclusão que para ganharmos 8 títulos precisamos de 28 anos, ou seja, está dentro da “normalidade”! Concluo, então, que somos “um clube que um dia ganhou”.

Obviamente, que não penso assim. São muitas as razões para estes números mas a principal (depois da corrupção), e é dela que quero falar somos nós, os benfiquistas! Depois de Fernando Martins e ao mesmo tempo que surgia uma personagem mafiosa no futebol, o descalabro iniciou-se. Um clube carregado de vitórias começava a ser fustigado por derrotas e os seus dirigentes faziam a fuga para a frente. Não tinham outra solução a não ser ganhar e, como não ofereciam fruta aos árbitros, viravam-se para a contratação de jogadores.

Como isso não resultava e os benfiquistas queixavam-se da falta de disciplina no balneário e da mística que se estava a perder. Empreendem outra fuga para a frente e contratam um capataz para por os “homens” a correr! O resultado foi catastrófico – estivemos dez anos sem ganhar um campeonato e sem dinheiro para nada. Aí sim, vivi humilhações, vi jogadores a irem para o rival Sporting porque tinham ordenados em atraso. Antes disso, já tinha visto Rui Águas fugir para os corruptos logo depois disputar uma final da taça dos campeões. E vi, em muitos telejornais, chamarem-nos de caloteiros pois de todo o lado se reclamavam dívidas.

Ao bater no fundo, os benfiquistas entenderam que precisam de salvadores para o próprio clube e não para ganhar. Sem dinheiro e totalmente descapitalizado foi um empreendimento gigantesco o que se consegui realizar nos últimos dez anos! Percebendo isso ninguém apareceu a reclamar o trono, tinham que enfrentar, como alguns lhe chamam, o Rei Sol. O seu brilho, sem títulos, era muito forte e ofuscava muita gente. Por seu lado, os benfiquistas anónimos e mais velhos sabiam de onde tinham saído e o que enfrentavam para poder ganhar!

Mesmo assim são muitos os erros cometidos e sempre pela pressa em ganhar. Os benfiquistas são insaciáveis e desesperam pelo regresso à glória. Quem dirige os destinos do nosso clube, tem de saber satisfazer-nos. Não nos contentamos com pouco. Temos de ganhar e limpar a corrupção do futebol. Como os actuais dirigentes não conseguem fazer isso, venham outros que com eles vamos conseguir!

O ano passado, antes da época começar, eram muitas as críticas sobre a incapacidade para preparar a época. Falcão e Álvaro Pereira tinham-nos fugido e logo para os corruptos. Vieram jogadores para passar férias e um suplente do Real Madrid por 7 milhões! No fim ganhamos o campeonato e tínhamos 5 jogadores que valiam mais de 20 milhões cada um! O herói chamava-se Jorge Jesus!

Este ano aconteceu exactamente o mesmo, criticas e mais criticas sobre a preparação da época, sendo ridículo a campanha contra Roberto. Começamos mal, muito mal (com a corrupção a ajudar) e pronto, tudo se desmoronou. Defendia-se que não se devia vender jogadores, que o presidente era um mentiroso por vender jogadores abaixo da cláusula de rescisão, que se devia contratar jogadores pagos a peso de ouro! Pois bem, o esforço para ficar com todos deve ter sido imenso e só os dois que se foram não justificam a hecatombe de uma época para a outra e muito menos o apoio dado ao actual presidente da Liga.

Por mim, tinha deixado sair também David Luiz e Cardoso e mandado às urtigas Jorge Jesus, a confirmar-se que usou de algum tipo de chantagem nunca deveria ter renovado e ainda recebíamos algum dos corruptos! Treinador para o seu lugar, Paulo Bento, e não pelo que está a fazer na selecção, mas sim, pelos quatros anos no Sporting em que ficou sempre à nossa frente e com muito menos recursos!!!

Como poderia LFV, ou outro qualquer presidente justificar a saída de JJ e logo para os corruptos?!!! Impossível, caía o Carmo e a Trindade! É por isso que os principais culpados pelos anos de poucas vitórias somos nós. A pressão que causamos e o entendimento que temos do que se passa no nosso clube é feito apenas com a contagem de títulos. Não estou a dizer que LFV quisesse fazer isso, a questão é que não o podia fazer mesmo que o quisesse!

Ao contrário do corrupto, que aparece depois de um tempo de vacas magras e obtêm resultados, granjeando com isso um poder intocável que faz com que praticamente todos os adeptos se sintam impedidos de o criticar mesmo que soubessem que tinha matado a própria mãe. No Benfica, estas três décadas seguiram-se a tempos de vacas gordas, o que faz com que a cobrança pelas derrotas seja estonteante e retire a lucidez… Nisso somos os principais culpados. Muitos dirão que se nos explicarem as coisas, se nos esclarecerem, se não nos mentirem e se não fizerem maus negócios estaremos com eles. Eu, pelo conhecimento das últimas três décadas, direi que se não ganharmos não nos calamos e só destabilizamos o clube indo de encontro à estratégia principal do corrupto.

Oxalá me engane, mas tudo indica que o circo está montado. E como sinto isso vou contribuir para o espectáculo, o que nunca faço, e dizer que a minha única esperança é que JJ se demita, racionalmente sinto que nunca irá acontecer! Quanto a LFV, acho que não deve demitir-se, e digo-o, não para o defender, mas sim, porque isso não funciona como as chicotadas psicológicas e sinto que possa perder-se muito do bom que ainda se têm. A época ainda tem muito para dar e temos jogadores para lutarmos por algum coisa!

Desde o inicio de época que vi em JJ o principal problema! Foram as considerações sobre Quim e sobre Cardozo. A presença no camarote na final da taça depois da maneira como a equipa do Benfica e os seus jogadores foram recebidos na pocilga dos corruptos. Afirmações como: “a jogar assim somos imparáveis”, “estamos a fazer a pré época”, “em Setembro é que vai ser”, e as muitas mais que foi proferindo! O tratamento a Nuno Gomes, a dispensa de Urreta e até de Yebda. O nunca enfrentar o corruptos evitando criar anticorpos!

Não pensem que ache que isso resolve tudo, mas o risco de mais uma época miserável é possível de suceder e desta vez não temos só mancos por muito que se fale em desequilíbrios no plantel!

Quando vejo jogadores que perdem a bola e não reagem (em jogos consecutivos) acho o seu treinador incompetente, a não ser que se trate de Cristiano Ronaldo ou Messi ou outros do mesmo calibre…

Honestamente, tenho de o dizer, nunca gostei de Jorge Jesus, mas mesmo quando vi que cometeu erros ou teve posturas que me desagradaram não o critiquei! Afinal, era o treinador do Benfica! Nunca gostei da sua atitude para com os corruptos nem lhe vi uma a única critica! Imaginemos o que diria o treinador dos corruptos se LFV chamasse caceteiros aos seus jogadores… É dessa forma, também, que se tem o plantel nas mãos – Mourinho é exemplar nesse aspecto. JJ não quer estragar o seu futuro…

Também não gostei quando LFV contratou JJ, mas não o vim criticar apenas porque não gostei. Hoje, posso afirmar que foi um erro, e de palmatória o da renovação. Mas como seria possível deixá-lo ir para os corruptos?

Se tivesse em primeiro lugar e apurado na liga dos campeões, poderia eu dizer o mesmo? Não, claro que não. Mas todos os críticos de LFV estariam na mesma situação.

Por muitas voltas que se dê, tudo se resume às vitórias, só que no Benfica, felizmente, não vale tudo para as conseguir!

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Perto de sermos "o clube que um dia ganhou"

 ●  + 14 comentários  ● 
Lembram-se do Sport Lisboa e Benfica de Costa Pereira ou Bento? ... do Veloso ou Mário João?... do Cruz? Félix, Germano, Humberto Coelho, Ricardo Gomes ou Mozer? Do Sport Lisboa e Benfica de Coluna, João Alves, Valdo? De Simões, Nené ou José Augusto? Do clube de Rogério Pipi, Chalana ou Cávem? Eusébio, José Águas, Torres, Rui Águas, João Vieira Pinto?

Em comum, todos estes jogadores têm o facto de terem contribuído para hoje o clube ter 32 títulos nacionais, curiosamente todos eles ganharam mais e melhores títulos para o Benfica que os actuais jogadores (e dirigentes).

É preciso quem está no Benfica perceber que ganharam o 32º título de campeão nacional, não ganharam os 32 títulos, nem os mais de 100 que temos na história!

Entretanto, saiu hoje o famoso ranking da IFHHS sobre a última década (2001 a 2010). Se no topo da tabela não há nada de novo, sobre o futebol português há um facto que curioso para muitos:

> Nos últimos 10 anos, o Benfica (43º) aparece atrás de Sporting (26º) e Porto (14º)

Ou seja, na prática, o que este ranking nos diz é que precisamente no período da presidência do Luis Filipe Vieira, este já conseguiu por-nos atrás do Porto e Sporting nesta última década, segundo os critérios da IFFHS.

No caso do Sporting, de tão mau que aquilo é, torna-se embaraçoso aparecer atrás deles, mas no caso do Porto, eles aparecem já a apenas 8 títulos dos 32 campeonatos conquistados pelo Benfica. Já nos apanharam internacionalmente e no ano passado chegaram a ser "o clube com mais títulos na Europa no séc. XXI". Enjoa-me! Muitos podiam ganhar... mas não aqueles! Irrita-me ser cada vez mais pequeno perante eles, até ao dia que vejo cada vez mais perto de os ver com mais títulos que nós se nada fizermos.

Façam o que quiserem! Mas não deixem que quem está no Benfica o torne "no clube que um dia ganhou".

recentes

ranking