O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 28 de julho de 2012

Eusébio Cup

 ●  21 comentários  ● 
Melhor homenagem a Eusébio não poderia ter havido!!! Um bom jogo de futebol e com muitos golos!!! Vencer 5-2 ao Real fez com que Eusébio recuasse no tempo!!

Quanto á vitória do Benfica, foi uma excelente vitória contra um adversário que está mais atrasado na preparação e sem muito dos seus jogadores titulares, a defesa era toda ela constituída por jovens.

Isto não tira qualquer mérito ao Benfica!!! O que vou dizer é mais para os adeptos adversários que devem estar hoje com uma azia descomunal e andam já a desvalorizar a vitória do Benfica. Caros amigos, o Real jogou com uma segunda linha na sua generalidade, embora estivessem a jogar jogadores muito utilizados no onze inicial da época passada, mas TODOS os jogadores que entraram em campo do lado do Real são bastante melhores que TODOS os jogadores do Belenenses, Santa Clara, Sheffield Wednesday, Charlton, Servette, Évian e Celta de Vigo. Alguns seriam titulares de caras em qualquer dos três grandes em Portugal!!!

É óbvio e notório que o Benfica tem neste momento mais andamento que o Real mas marcar 5 ao Real, mesmo com segundas linhas, é de enaltecer e de elogiar. Também não é para andarmos por aí tipo lagartos todos inchados.

Quanto ao jogo do Benfica, fizémos um bom jogo mas continuamos a apresentar deficiências posicionais nas transições defensivas, bem como que o problema na lateral esquerda continua. Acredito que o Melga possa vir a dar um grande defesa esquerdo mas tem mesmo muito que aprender naquela posição e a questão que se coloca é simples: Quantos pontos poderemos perder por causa da lateral esquerda? Eu mantenho a minha opinião, deveríamos ter um lateral esquerdo ao nível de Máxi. Continuo a ser da opinião que em vez de dar-mos  oito milhões pelo Ola deveríamos ter comprado primeiro um bom lateral esquerdo para fazer crescer Luisinho ou o Melga na sua sombra. Não está em causa a qualidade de Ola mas sim prioridades.

Para mim, Carlos Martins, Nolito e Enzo são titulares indiscútiveis, por agora. Aliás, penso até que Enzo é o melhor extremo que temos no plantel!!! Digo isto não pelo jogo que fez ontem mas por pormenores que já havia demonstrado em outros jogos!!

A prioridade desta direcção é contratar um bom defesa esquerdo e manter esta equipa. Não vender é a prioridade!! Se tal acontecer, a direcção estará de parabéns e teremos uma equipa forte!!!

Witsel é, para mim, o melhor médio centro da actualidade!!! Fantástico!!!!



sexta-feira, 27 de julho de 2012

Dar as chaves ao ladrão e queixar-se de assalto!

Avatar
 ●  25 comentários  ● 
É o que o Benfica (e muitos benfiquistas) têm feito nos últimos anos.

Defino em poucas palavras o comportamento dos dirigentes do Benfica: ingenuidade, falta de amor ao benfiquismo, falta de profissionalismo e incompetência pura. 

Neste assunto, as responsabilidades são partilhadas com os patéticos dirigentes do Sporting, que com raras excepções, preferiram se submeter à vontade do sistema, que lutar para o asfixiar. O resultado? O Sporting passou de um clube que luta pelo título, o segundo maior clube português, para uma amostra do que já foi, a caminho da 'belemnização'.

Mas o que me importa é o Benfica.

Desde Fernando Martins que entregamos nas mãos dos ladrões o controle da arbitragem. O pouco saudoso Adriano Pinto era o homem que tudo manipulava e que estabeleceu nas estruturas dos árbitros o conceito de 'benefício' à corrupção.
Nesse tempo, muitos foram os que tentaram combater esse fenómeno que começava a ser preocupante. Mas como o próprio presidente do Benfica, Fernando Martins, apelidava o presidente do FCP de amigo, essas vozes rapidamente eram silenciadas.

Nunca antes as gentes que viviam de ódio ao Benfica e a Lisboa(para que fique esclarecido, eu gosto da CIDADE do Porto, e não a confundo com clubismos) tinham conseguido ter um acesso tão grande ao cerne do futebol.

Como se isso não tivesse sido suficiente, eis que Manuel Damásio torna-se noutro Fernando Martins. O desastre para o Benfica continua. Os resultados do clube ressentem-se como nunca disso.

Depois vem JVA. Um chico esperto que vivia de 'tecnicalidades' das leis e que viu na sede dos benfiquistas em regressar ao sucesso uma oportunidade para ele próprio se defender das aldrabices que já tinha feito no passado.
Mais, nem sequer soube ter consigo homens que o defendessem dos ataques óbvios que viriam do sistema.
Teve boas ideias, como a troca dos antigos porteiros por uma empresa de segurança. O ataque à hegemonia da Olivedesportos. Entre outras. Mas sempre foi um vigarista.

Após isso veio Vilarinho, e através dele, Vieira.

Havia uma espécie de acordo antigo em que os presidentes da FPF nunca poderiam ser portistas.
Seriam sempre do SLB, do SCP ou do CFB, ou indicados por estes.
Porquê? Porque os antigos sabiam o que aconteceria se alguém daquela cepa chegasse à cadeira de poder do futebol português.

E é Vieira que apoia pela primeira vez alguém que vem directamente da estrutura corrupta para a presidência da FPF.

Os resultados? Com Facturas, o FCP vence 2 campeonatos seguidos, sendo que o segundo com um treinador de 2ª divisão, péssimo futebol, e com Vieira a glorificar os árbitros e eles a cuspirem-lhe na mão de imediato.

Amigos, para o peditório da arbitragem também já me fartei de dar.

Querem arbitragens limpas, isentas? Então não apoiem corruptos!
Querem uma estrutura do futebol justa? Então não coloquem lá quem não o é.
É mesmo dar as chaves de casa ao ladrão e depois queixar-se de assalto.


Nota:
‘Amigo’ do FC Porto trama Filipe Vieira

Ricardo Rodrigues Pereira impediu que a queixa do Sporting contra Luís Filipe Vieira fosse arquivado. O relator do acórdão – vogal do Conselho de Disciplina da FPF, que já foi defensor de Lourenço Pinto, advogado próximo do FC Porto e de Pinto da Costa – que levou à suspensão (45 dias) e multa (2500 euros) aplicada ao líder do Benfica, por ofensas à reputação e honra de Luís Duque, recusou o que lhe foi proposto pela instrutora do processo, Paula Castro. Após a fase de instrução, a jurista da FPF defendeu que era Duque e não o Sporting quem tinha legitimidade para a "promoção do procedimento disciplinar" e propôs o arquivamento. - In 'Correio da Manhã'


quinta-feira, 26 de julho de 2012

Problemas laterais I

 ●  42 comentários  ● 
Portugal, 26 de Julho de 2012

A pré-temporada do Benfica é normalmente marcada por debates que a comunicação social lança, e que dada a sua repetitividade, ou seja, dado que ano após ano há sempre um tema novo que se prolonga durante a época, na minha opinião isso é premeditado, pretendendo entreter os benfiquistas e desviar a atenção dos problemas graves que irão acontecer com a arbitragem. Em particular com esta, que é a componente administrativa mais influente na definição do campeão.

Este ano o tema é, a adaptação do Melgarejo a defesa esquerdo vs utilização de Luisinho, e a falta de um substituto ao nível do Maxi Pereira.
Questões da treta na minha opinião. Problemas laterais ao que realmente importa: a arbitragem. Vejamos.

Ao longo dos anos, os defesas laterais do Benfica, seja à esquerda, seja à direita, não têm tido vida fácil junto de adeptos e em particular comunicação social. Os adeptos são, na esmagadora maioria, caixas de ressonância do que se diz e escreve nas rádios e jornais. Portanto o problema não é de agora, não se entendendo – excepto se admitirmos que é para criar temas – a insistência com que o assunto tem sido referido na comunicação social.

Assim de cabeça, e sem querer ser muito exaustivo, nos últimos 15 anos lembro-me de Scott Minto, Bruno Basto, Harkness, Okunowo, Rojas, Pesaresi, Da Silva, Escalona, Éder, Miguelito, Ricardo Esteves, Cristiano, Fyssas, Leo, Nelson, Maxi Pereira (adaptado de médio ala), Coentrão, (adaptado de médio ala), Emerson. 

Lembro-me que Calado foi diversas vezes adaptado a defesa direito (ele que era centro campista no Estrela da Amadora, quando foi contratado pelo Benfica), lembro-me que Manuel José colocou Panduru a defesa direito num jogo com a Fiorentina, lembro-me que Mourinho adaptou Uribe a defesa direito no jogo com o (não sei quantos que nos eliminou na 1ª eliminatória da Taça UEFA), lembro-me que Koeman ensaiou duas vezes o Ricardo Rocha e o Alcides a defesas laterais em Lille e em casa com o Manchester United, várias vezes o Ricardo Rocha foi adaptado a defesa esquerdo, idem com Jardel ou Miguel Vítor mais recentemente. Obtivemos bons resultados e maus resultados, com estas adaptações.

De todos estes nomes, os adeptos, regra geral gostaram mais dos defesas que gostam de subir no terreno e cruzar para a área, ou rematar à baliza com frequência: Léo, Coentrão, Maxi Pereira num patamar superior, Scott Minto e Nelson num patamar inferior. Os restantes foram pura e simplesmente trucidados.

Portanto todo este debate sobre as características do defesa esquerdo ou da necessidade de ter um substituto à altura do Maxi pereira, é conversa repetitiva, aborrecida, chata e que foge ao objectivo principal: qual o modelo de jogo preferencial do Benfica e nesse modelo, quais as características que os defesas laterais devem ter? 

Enquanto as questões não forem colocadas neste plano, todos os anos iremos andar aqui às cabeçadas sobre quais os melhores “nomes” (não as “funções” que devem desempenhar) para a lateral esquerda, para o substituo do lateral direito, etc, conversa da treta que não leva a lado nenhum, excepto à divisão dos adeptos.

E depois não percebemos como é que o SCP ganha o torneio Pepe a duas equipas da 2ª divisão de Honra (!?), sem marcar qualquer golo (!?), sem que a comunicação social questione quem jogou a defesa direito ou esquerdo, se jogaram bem ou mal, mas para nós, no Benfica, e após vitórias sobre o Marselha (2-0) e Hamm, (3-0) e empate com Lille, a questão dos defesas laterais foi associada a esses bons resultados.

Temos de saber que estes problemas laterais comandados a partir da comunicação social, têm uma intenção que não é benéfica para o Benfica. Não podemos cair no logro de nos dividirmos com o que tem pouco interesse em ser discutido.


quarta-feira, 25 de julho de 2012

Isto é preparar a época ao pormenor

 ●  30 comentários  ● 
"39' - Golooo do FC Porto (1-0), por Lucho! O argentino coloca a bola muito bem, sem hipóteses para Hélder Godinho, que até adivinhou o lado...

38' - Cartão amarelo para Pedro Cervantes, pela falta que origina o penálti.

38' - Penálti para o FC Porto! O árbitro da partida assinala mão na bola de Pedro Cervantes... A repetição mostra que não há qualquer infração."

Eles não brincam em serviço!!! É tudo treinado ao pormenor, inclusive aqueles lances mais comuns nos jogos dos corruptos, os penaltis inexistentes!!!

Espero que esta época a nossa direcção esteja atenta e actuante ao que se irá passar no campeonato!!!
 

A FPF voltou ao trabalho!!

 ●  30 comentários  ● 
Desculpem a sobreposição de textos mas esta tinha de ser.

"Luís Filipe Vieira apanha 45 dias de suspensão
dirigente multado em 2.500 euros
 
O Conselho de Disciplina da Liga sancionou Luís Filipe Vieira com 45 dias de suspensão e 2.500 euros de multa no âmbito de declarações proferidas após o jogo com o Sporting da 11.ª jornada.

A partida em causa terminou com uma vitória por uma bola a zero para os encarnados mas ficou marcada pelos incidentes no final da partida, com algumas cadeiras do Estádio da Luz a terem ardido na zona que foi reservada para os adeptos do Sporting" 


 Fico feliz pelo preocesso a Vieira estar terminado e decidido. Assim fico com a certeza, ou se calhar não, que esta semana ou na próxima saírá o castigo ao Sporting, uma vez que os acontecimentos estão inter-ligados.

Tudo o que seja menos de, pelo menos, um jogo de interdição do WC XXI é uma autêntica injustiça e passarão a mensagem de que se pode fazer tudo num estádio de futebol que não há problema nenhum!!!

Já agora, quero acreditar que faltará também pouco tempo para que a FPF obrigue os submissos a pagarem a factura dos danos, ou se calhar eu sou é muito ingénuo.
 

Bonito gesto de Coentrão

 ●  1 comentário  ● 

"5.ª edição da Eusébio Cup

Benfica – Real Madrid: Fábio Coentrão pode voltar à Luz

A 5.ª edição da Eusébio Cup é já esta sexta-feira e, segundo o Jornal “A Bola” existe a possibilidade do antigo jogador das “águias” voltar à Luz e dar o seu contributo pelo Real Madrid, é certo, ao troféu que visa homenagear o “Pantera Negra”.

É conhecida a empatia existente entre Fábio Coentrão e o público benfiquista que nunca o esqueceu – e possivelmente não o esquecerá –, sendo que este seria o regresso mais aguardado entre os benfiquistas.

O treinador dos “merengues” tinha dispensado o lateral esquerdo e outros jogadores do seu plantel que estiveram em acção no Euro 2012, mas o internacional português explicou a José Mourinho que fazia questão de marcar presença na partida, algo a que o técnico pareceu sensível.

Referir que, para além de Fábio Coentrão, os adeptos do Clube da Luz podem ainda matar saudades de Di María"


A confirmar-se a presença de Coentrão, espero que quem lá esteja lhe faça a devida homenagem por tudo o que deu ao Benfica e por este gesto que nos dias de hoje é cada vez mais raro!!!

O director desportivo que há em mim

 ●  27 comentários  ● 
Vender

Jardel
Mora
Kardec
Fernandez
Júlio César
Carole
Menezes
Elvis
Shaffer
Leo Kanu

Objectivos: Fazer dinheiro e reduzir a folha salarial do Benfica, assim como outros compromissos inerentes à contratação/manutenção de jogadores profissionais.

Vender (mantendo percentagens dos passes)

Sidnei
Jara
Airton
Urreta

Objectivos: fazer dinheiro, mas manter percentagens dos passes acreditando que são jogadores com potencial e que podem, ainda, triunfar no futebol Mundial.

Emprestar

Miguel Rosa
David Simão
Hugo Vieira
Michel
Nuno Coelho
Oblak
Alipio

Objectivos: dar tempo de jogo a estes jovens,de preferência na 1ª liga e que nos permita perceber melhor a possibilidade de virem a integrar o plantel principal. 4 dos 7 jogadores são Portugueses e, como já defendi, a regulamentação dos empréstimos deveria, também, proteger os jogadores Portugueses.

Equipa B

Leandro Pimenta
Luís Martins
Rúben Pinto
João Cancelo
André Gomes

Objectivos: dar minutos a estes miúdos, sempre com a possibilidade de serem chamados em jogos do campeonato, taça de portugal e taça da liga.

Comprar

Lateral esquerdo - Ziegler é um bom nome


Pioridade nº 1: segurar as jóias coroa (Witsel, Javi, Garay, Cardozo, Gaitan)


Publicado também em benficadependente.blogspot.com


terça-feira, 24 de julho de 2012

Já chateia!!!

 ●  57 comentários  ● 
Roberto: 31 golos sofridos
Artur: 27 golos sofridos

Portanto a diferença está em quatro golos sofridos, portanto, Artur é melhor por quatro golos. Pensei que com a troca de guarda-redes o Benfica desceria os números para metade, afinal foram só menos 4 golos. Soberbo!!!!

Esperem... Temos o Artur mas saiu o Coentrão para entrar o Emerson, que nos fez sofrer golos atrás de golos!!!

Coentrão: 31 golos sofridos
Emerson: 27 golos sofridos

Olha, melhorámos!!! Como foi possível?

Enquanto não meterem na cabeça que o problema da defesa do Benfica não são os jogadores não vamos evoluir neste aspecto. Acham que Máx, Luisão, Garay e Javi são maus jogadores? Acreditam mesmo que é por causa do Emerson que sofremos tantos golos? Enquanto a equipa não for trabalhada defensivamente nos aspectos posicionais iremos continuar a sofre golos atrás de golos, seja com Coentrão ou com o melhor lateral esquerdo do Mundo!!!

Outra coisa que eu não concordo é criticar-se o Benfica pelo recurso apresentado em relação aos empréstimos. Na minha opinião o Benfica esteve bem e mal ao mesmo tempo. O Benfica deveria ter contestado mas ao mesmo tempo deveria ter apresentado uma proposta á Liga onde se limitiaria os empréstimos a clubes do mesmo campeonato e ao mesmo clube. Esta deveria ser a postura do Benfica!!

Tentem perceber uuma coisa, a partir do momento que o Benfica começa a negociar os direitos de televisão lá vem á baila aquilo da negociação colectiva. Isto mais não é do que a consciência de que o Benfica com mais receitas fica muito mas muito mais forte que qualquer clube em Portugal, nada é por acaso. enquanto recebíamos o mesmo ou menos que os corruptos ninguém se lembrou da tal negociação colectiva.

Quando o Benfica tem um lote de jogadores que pode emprestar a vários clubes da Liga, eis que o sistema vem com a história de acabar com os empréstimos. Tudo coincidências do futebol tuga!!! quando eram só os corruptos que tinham vários jogadores emprestados por vários clubes da primeira Liga com a vergonhas que se passaram e que todos se lembram, ninguém andou preocupado com os empréstimos.

Já agora, gostaria também de perguntar aos dirigentes do Benfica se já receberam o dinheiro da lagartada submissa!!


O Benfica de hoje e o futuro

Avatar
 ●  22 comentários  ● 
Caríssimos amigos,

Quem costuma acompanhar a blogoesfera sabe que não sou um simpatizante da actual direcção e do rumo que vem seguindo.
No entanto, como português que sou, espero sempre todas as épocas que apareça um D.Sebastião que nos guie até ao sucesso.
Infelizmente, e apesar do insucesso das últimas 2 épocas, o Glorioso continua a cometer os mesmos erros. Não supre as necessidades do plantel, não esclarece os benfiquistas do caminho a seguir, nem sequer se preocupa em ser agregador quanto ao apoio dos mesmos benfiquistas.

Nos assuntos estruturais para o futuro, como os direitos televisivos ou a dívida a longo prazo, nem uma palavra aos sócios pagantes, verdadeiros donos do Benfica clube.

Quanto às razões do fracasso nas 2 últimas temporadas, nada muda e a estrutura amadora continua de vento em popa. Quem quer acreditar que os árbitros desculpam tudo, continua a não dar importância ao que podemos controlar, que é o que está dentro do Benfica.

As necessidades do plantel, que passam quer por um defesa esquerdo quer por uma alternativa ao Maxi, e também pela venda de um activo como o Gaitan ou o Cardozo(Aqui del rey!! Vender o Cardozo!!!), continuam por suprir.

O reforço da estrutura do futebol com alguém que blinde o balneário e imponha uma política que defenda os interesses do clube, vinda de cima a JJ, também não acontece.

Resumindo, o futuro imediato do Benfica passa pela inauguração do Museu e por outras iniciativas a divulgar.
As vitórias, que são o que mais importa para um clube com mais de 100 anos de história., continuam a ser relegadas para segundo plano.

Os sócios, baluarte do benfiquismo, continuam a ser divididos em seguidistas e em opositores.

A política do clube continua a mover-se num campo nebuloso, que ninguém consegue dizer que vai neste ou naquele sentido.

Aos que acham que estamos no bom caminho, meus queridos amigos, discordo totalmente de vós.

O Benfica não se renova, não demonstra capacidade de liderar uma força alternativa à que tem destruído o futebol português, e como a recente questão dos empréstimos de jogadores demonstra,  mantém-se como muleta dos interesses dos outros.

Que triste que é este Benfica!

Nota: renovei 2 lugares cativos APENAS devido ao amor ao clube.

segunda-feira, 23 de julho de 2012

Já está esquecido?

 ●  11 comentários  ● 
"Caso Cardinal: Conselho de Disciplina da FPF abre processo de averiguações"

Fonte: Um qualquer pasquim

Queria só perguntar aqui ao pessoal se alguém sabe alguma coisa deste assunto. A Taça já se disputou, o treinador do Nacional veio a público dizer que se a coisa não ficasse resolvida antes da Taça fazia e acontecia, afinal calou-se. Estamos prestes a iniciar a temporada e a FPF anda muda e calada em relação a isto, inclusive os pasquins da nossa praça, coisa que até nem estranho.

Como parece óbvio para todos, a ideia é deixar andar o tempo, tentar fazer esquecer a coisa e num dia qualquer, no meio de algum acontecimento controverso, a FPF lança um comunicado a arquivar o processo e a coisa passa quase sem ninguém notar, pois andam distraídos a falar de outro assunto qualquer, merdias incluídos claro.

Prétemporada: a fase Polska

 ●  35 comentários  ● 
Portugal, 23 de Julho de 2012

A pré-temporada do Benfica teve no passado fim-de-semana, um torneio disputado na Polónia (Polska) que se caracterizava por um calendário muito exigente: 2 jogos com cerca de 18 horas de intervalo, caso disputássemos a final, ou menos de 16 horas, caso não disputássemos a final.

Como é sabido, finalmente sofremos golos e finalmente sofremos a 1ª derrota. Digo finalmente com alguma ironia, porque o irritante debate que existiu na blogoesfera após a fase Gama, era de que tínhamos problemas nas laterais da defesa, JJ devia aprender inglês para falar melhor com Ola Jonh, JJ estava a gerir mal as escolhas optando por equipas constituídas à base de jogadores do ano passado em vez de ir lançando alguns dos reforços. Enfim, mais do mesmo: a já habitual ressonância do que a comunicação social escreve e diz.

Nos 2 jogos que o Benfica fez agora, apresentou esquemas de jogo e opções claramente distintas. Contra o adversário teoricamente mais acessível, o campeão polaco, jogamos com um 11 com poucas alterações em relação à equipa do ano passado (Melgarejo na lateral esquerdo e Yannick a médio ala direita), e jogou-se em 4-2-3-1 o tal modelo mais equilibrado. 

Este jogo foi bastante bem conseguido apesar dos 2 golos sofridos. O primeiro, parece-me indefensável (se fosse o Roberto não faltava gente a dizer que se tinha lançado tarde), o segundo resulta de um erro de marcação de Maxi que deu demasiado espaço – uns 3 a 4 metros - ao avançado e este fez um grande golo. Mas deve destacar-se a reacção da equipa, que por sorte, nessa fase de jogo estava bem estruturada com Carlos Martins, Olá Jonh e Gaitan a servirem Kardec (que havia substituído Cardozo aos 66 mn).

o segundo jogo resulta para mim um completo mistério em termos de opções para o “onze” base e ao próprio modelo de jogo (4-4-2 com pouco losango, pois Saviola jogando atrás de Cardozo é pura ilusão de rentabilidade).

Sabendo que o PSV seria dos 3 adversários aquele que na teoria era mais difícil, não se percebe a opção por um modelo de jogo mais arriscado, porque mais ofensivo e mais desequilibrado nos processos defensivos. E não se percebe a opção por jogadores que haviam feito 90 mn, 18 horas antes!

Sem incluir o guarda-redes, o Benfica alinhou com 5 jogadores que tinham sido titulares 18 horas antes, 3 dos quais defesas (Maxi, Luisão e Garay)! O PSV alinhou com 3 que haviam sido titulares contra o Athlétic, e todos do meio campo para a frente: Van Bommel, Toivonen e Wijnaldum.

No final o Benfica acabou com 2 jogadores totalistas (180 mn jogados), Luisão e Garay, e Maxi só não foi por ter sido expulso aos 77mn (jogou ainda assim 167 mn). No PSV, nenhum jogador foi totalista! Os que andaram mais perto fizeram ainda assim menos minutos que Maxi Pereira: Toivonen, Van Bommel e Wijnaldum, com 135 mn. Tantos como Melgarejo (defesa) que não teve “pernas”, cometendo diversos erros de posicionamento que resultaram nos golos 2 e 3 do PSV.

Depois dos jogos é mais fácil descobrir os erros, mas a mim parece-me que a chave da primeira derrota da época, passa pela incompreensível gestão dos minutos jogados pela defesa (notem que o PSV alterou todos os defesas e até o guarda redes, do primeiro para o segundo jogo). O facto dos golos do PSV surgirem nos últimos 20 mn, associado à incapacidade de reacção do Benfica e ao completo desmoronar da organização de jogo, só pode ser assacado à componente física e não às mediatizadas adaptações de jogadores.

Quem viu o jogo percebeu que a dada altura (ainda 1-1), os jogadores do PSV passavam de “mota” pelos nossos e insistiam com lançamentos para as costas dos defesas laterais, mais do lado esquerdo do que do lado direito. Fácil de ver.

Desta vez tenho de dizer que Jorge Jesus falhou. Com fragor. Não pela derrota mas por uma série de erros que contribuíram para que não pudéssemos jogar para ganhar. A falta de confiança em Luisinho (jogou 45 mn para dar lugar ao estafado Melgarejo que jogou 135 mn), a falta de coragem para repetir Yannick na lateral direita como fizera contra o Marselha (descansando Maxi), a falta de coragem para apostar numa dupla de centrais distinta, Luisão e Jardel num jogo, Garay e Miguel Vítor noutro, por exemplo. Dar confiança estimula não só o jogador em questão, mas todo o grupo. E JJ deve saber isso. 

Não aceito pois o argumento de que “os jogadores estavam cansados e continuamos a construir uma equipa”. Isso é atirar poeira para os olhos dos adeptos. Desta vez não desfrutei e fiquei preocupado pela incapacidade de gente (incluindo Rui Costa e António Carraça) tão “batida” no futebol, não perceber a importância da componente física, na qualidade do desempenho colectivo.

domingo, 22 de julho de 2012

Mais do mesmo!!!

 ●  33 comentários  ● 
Parece que andava muita gente satisfeita com este Benfica que até nem tinha sofrido golos no estágio, mas eu não tinha gostado nada de algumas movimentações defensivas da equipa mas dei o devido desconto porque a pré-época estava a começar.

Este fim-de-semana veio a confirmação daquilo que eu suspeitava... A equipa continua a defender mal, ou melhor, a não defender porque não se pode chamar defender aquilo. Até os amadores que jogamos no estágio conseguem ser superiores nesse capitulo. Chega a ser constrangedor ver esta equipa do Benfica defender!!! Pelas palavras de JJ após o estágio em que salientou que a equipa não tinha sofrido golos, fiquei animado porque senti que finalmente o treinador tinha entendido que o Benfica tinha de começar a defender como um equipa profissional, e senti que o treinador iria trabalhar esse aspecto. Aliás, eu acredito que ele está a trabalhar nesse aspecto mas tem tanto mas tanto para trabalhar...

Quero dizer que não ter um único defesa esquerdo da qualidade que se exige a uma equipa que quer ser campeã também não ajuda nada. Gostaria de saber onde é que Luisinho ou Melgarejo são melhores que Emerson ou Cap. Se os responsáveis do Benfica entendem que Emerson e Cap não servem para o Benfica, então seria prioridade comprar um lateral esquerdo de qualidade inegável. O que fez o Benfica? Gastou uns largos milhões num extremo, posição onde temos Gaitan, Bruno César, Nolito e Enzo, podendo Rodrigo fazer a posição e ainda temos o Urreta. Lateral esquerdo de inegável qualidade? Vamos no dia 22 de Julho e nem vê-lo!!!

Meu caros, eu acredito que JJ apostará no 4x2x3x1, podendo jogar em 4x4x2 dependendo das características do jogador que jogará ao lado de Cardozo. Para mim isto já é uma evolução positiva mas JJ tem mesmo muito que trabalhar nos aspectos defensivos!!! Dá dó ver esta equipa defender daquela forma!!!

Para já, e para mim, em termos defensivos a evolução é nula. Vamos aguardar e ver a evolução nesse aspecto, ainda falta um mês para entrarmos em competição, portanto, acredito que JJ conseguirá afinar a equipa em termos defensivos, se assim não for, iremos ter muitos dissabores ao longo da época.

ranking