Bonito gesto de Coentrão
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quarta-feira, 25 de julho de 2012

Bonito gesto de Coentrão

 ●  + 1 comentário  ● 

"5.ª edição da Eusébio Cup

Benfica – Real Madrid: Fábio Coentrão pode voltar à Luz

A 5.ª edição da Eusébio Cup é já esta sexta-feira e, segundo o Jornal “A Bola” existe a possibilidade do antigo jogador das “águias” voltar à Luz e dar o seu contributo pelo Real Madrid, é certo, ao troféu que visa homenagear o “Pantera Negra”.

É conhecida a empatia existente entre Fábio Coentrão e o público benfiquista que nunca o esqueceu – e possivelmente não o esquecerá –, sendo que este seria o regresso mais aguardado entre os benfiquistas.

O treinador dos “merengues” tinha dispensado o lateral esquerdo e outros jogadores do seu plantel que estiveram em acção no Euro 2012, mas o internacional português explicou a José Mourinho que fazia questão de marcar presença na partida, algo a que o técnico pareceu sensível.

Referir que, para além de Fábio Coentrão, os adeptos do Clube da Luz podem ainda matar saudades de Di María"


A confirmar-se a presença de Coentrão, espero que quem lá esteja lhe faça a devida homenagem por tudo o que deu ao Benfica e por este gesto que nos dias de hoje é cada vez mais raro!!!

1 comentários blogger

  1. Dois jogadores que deixaram marca na Luz em particular entre os adeptos. Di Maria era o tal "Brinca na areia" para o entendido Miguel SOusa Tavares.

    Fizeram uma época fantástica no Benfica, a do titulo, não podendo esquecer que se nesse ano sofremos poucos golos, foi também porque Coentrão não tinha que subir tanto, já que Di Maria punha tudo em "pantanas". Depois estava David Luiz numa grande forma, tal como Luisão, muito mais que Quim. Foram apenas 20 golos sofridos, 1 de penalty.

    Na época seguinte, Coentrão, Gaitan e Roberto, sofremos 31 (o Roberto sofreu 23 golos em 25 jogos). Depois veio Emerson, Gaitan e Artur e sofremos 27 golos (todos por Artur).

    Perceber que os golos sofridos não dependem apenas de um guarda redes, de um defesa, de um avançado, mas de todo um conjunto, seria meio caminho andado para perceber como devemos fazer para sofrer menos golos, e com isso fazer mais pontos.

    Espero que Coentrão jogue e que o nosso meio campo tenha a sagacidade de lhe meter muitas bolas nas costas :)

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários.
Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.
Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.
Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares