Problemas laterais I
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quinta-feira, 26 de julho de 2012

Problemas laterais I

 ●  + 42 comentários  ● 
Portugal, 26 de Julho de 2012

A pré-temporada do Benfica é normalmente marcada por debates que a comunicação social lança, e que dada a sua repetitividade, ou seja, dado que ano após ano há sempre um tema novo que se prolonga durante a época, na minha opinião isso é premeditado, pretendendo entreter os benfiquistas e desviar a atenção dos problemas graves que irão acontecer com a arbitragem. Em particular com esta, que é a componente administrativa mais influente na definição do campeão.

Este ano o tema é, a adaptação do Melgarejo a defesa esquerdo vs utilização de Luisinho, e a falta de um substituto ao nível do Maxi Pereira.
Questões da treta na minha opinião. Problemas laterais ao que realmente importa: a arbitragem. Vejamos.

Ao longo dos anos, os defesas laterais do Benfica, seja à esquerda, seja à direita, não têm tido vida fácil junto de adeptos e em particular comunicação social. Os adeptos são, na esmagadora maioria, caixas de ressonância do que se diz e escreve nas rádios e jornais. Portanto o problema não é de agora, não se entendendo – excepto se admitirmos que é para criar temas – a insistência com que o assunto tem sido referido na comunicação social.

Assim de cabeça, e sem querer ser muito exaustivo, nos últimos 15 anos lembro-me de Scott Minto, Bruno Basto, Harkness, Okunowo, Rojas, Pesaresi, Da Silva, Escalona, Éder, Miguelito, Ricardo Esteves, Cristiano, Fyssas, Leo, Nelson, Maxi Pereira (adaptado de médio ala), Coentrão, (adaptado de médio ala), Emerson. 

Lembro-me que Calado foi diversas vezes adaptado a defesa direito (ele que era centro campista no Estrela da Amadora, quando foi contratado pelo Benfica), lembro-me que Manuel José colocou Panduru a defesa direito num jogo com a Fiorentina, lembro-me que Mourinho adaptou Uribe a defesa direito no jogo com o (não sei quantos que nos eliminou na 1ª eliminatória da Taça UEFA), lembro-me que Koeman ensaiou duas vezes o Ricardo Rocha e o Alcides a defesas laterais em Lille e em casa com o Manchester United, várias vezes o Ricardo Rocha foi adaptado a defesa esquerdo, idem com Jardel ou Miguel Vítor mais recentemente. Obtivemos bons resultados e maus resultados, com estas adaptações.

De todos estes nomes, os adeptos, regra geral gostaram mais dos defesas que gostam de subir no terreno e cruzar para a área, ou rematar à baliza com frequência: Léo, Coentrão, Maxi Pereira num patamar superior, Scott Minto e Nelson num patamar inferior. Os restantes foram pura e simplesmente trucidados.

Portanto todo este debate sobre as características do defesa esquerdo ou da necessidade de ter um substituto à altura do Maxi pereira, é conversa repetitiva, aborrecida, chata e que foge ao objectivo principal: qual o modelo de jogo preferencial do Benfica e nesse modelo, quais as características que os defesas laterais devem ter? 

Enquanto as questões não forem colocadas neste plano, todos os anos iremos andar aqui às cabeçadas sobre quais os melhores “nomes” (não as “funções” que devem desempenhar) para a lateral esquerda, para o substituo do lateral direito, etc, conversa da treta que não leva a lado nenhum, excepto à divisão dos adeptos.

E depois não percebemos como é que o SCP ganha o torneio Pepe a duas equipas da 2ª divisão de Honra (!?), sem marcar qualquer golo (!?), sem que a comunicação social questione quem jogou a defesa direito ou esquerdo, se jogaram bem ou mal, mas para nós, no Benfica, e após vitórias sobre o Marselha (2-0) e Hamm, (3-0) e empate com Lille, a questão dos defesas laterais foi associada a esses bons resultados.

Temos de saber que estes problemas laterais comandados a partir da comunicação social, têm uma intenção que não é benéfica para o Benfica. Não podemos cair no logro de nos dividirmos com o que tem pouco interesse em ser discutido.


42 comentários blogger

  1. Concordo 100% com este texto.
    Os benfiquistas deveriam 1º pensar pela própria cabeça e não irem atrás de tudo o que a comunicação social diz que é muita barbaridade como por exemplo no JN (jornaleco dos corruptos) que no dia seguinte à contratação do Rojo pelo Sporting escreveu na capa "Sporting perde (Charlton) mas rouba Rojo ao Benfica"??? Depois adeptos do Benfica leêm isto e começam logo a chorar por um jogador que se for preciso nunca na vida o viram jogar.
    Nestes últimos dias tem vindo em todas as capas de jornais frases do género "JJ quer LE", "JJ vai ter de esperar pelo LE", "JJ só terá LE e não LD", "JJ prefere o lateral X para o Benfica" e pronto, lá anda a comunicação social sempre a bater na mesma tecla e os benfiquistas em pânico como se o mundo fosse acabar".
    É preciso ter muito cuidado com o que vem na imprensa, pois muitas noticias são só para destabilizar, sendo que o Record é o pior deles todos. Quem não se lembra das notícias que saíram "David Simão rescindiu e já não é jogador do Benfica" e "Miguel Rosa não quer jogar na equipa B e vai rescindir com o Benfica". Onde é que estão esses 2 jogadores agora?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse é um dos pontos meu caro. Nós devemos fazer este papel de saber perceber o que interessa do que não interessa. A nossa Direcção tem de ser ais proactiva na defesa dos interesses do clube, porque as mal intencionadas criticas ao futebol, são - na minha opinião - uma forma de atacar a equipa através da manipulação dos nossos adeptos.

      Eliminar
  2. mas porque haveria a comunicação social falar dos laterais do sporting se nao é uma lacuna do plantel? se ainda falasses no caso do porto em que jogou com mangalá e djalma nos jogo da pré-epoca ainda se percebia... agora do sporting.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dei o exemplo do SCP porque quando ganhamos ao Marselha e ao Hamm, e empatamos com o Lille, essa questão dos laterais do Benfica foi colocada, apesar das vitórias. O SCP teve desempenhos muito modestos no torneio Pepe e a comunicação social não arranjou nenhum tema onde pegar. É isso que quero focar mais: no Benfica há sempre um tema onde criar polémica através de não inocentes debates.

      Mas tens razão no que diz respeito ao FCP, com a diferença que o FCP ganhou (com ajuda uma vez mais dos erros dos árbitros).

      Eliminar
  3. Provavelmente por lapso ou omissão, esqueceu o nome de Shaffer que custou cerca de 2 Milhões €, e recordo-me na altura, há 3 anos de alguma Comunicação Social, ter garantido que seria bem superior à 1ª opção que seria Alvaro Pereira.

    Neste contexto, Falcao, James ou Alvaro Pereira entre outros, foram "descobertos" pelo Scouting Department do Benfica, entretanto, esses nomes surgem a circular, e são transferidos para o Porto?! Será que Luís Filipe Vieira já sabe quem é o "bufo"? Ou continua à solta algures em qualquer Departamento da Benfica SAD. Alguém tem notícias sobre o mesmo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. para desmistificar um ano antes de se ter falado de falcão para o benfica ele foi associado aos corruptos tendo eles desistido do negocio e optaram em vez dele pelo boneco verde, mas isto não invalida o que se passou depois, é só para não andarem a dizer incorrecções.

      Eliminar
    2. João Carlos,

      O certo é que optaram e bem, quer pelo Hulk, e pelo Falcao. Desportivamente falando, não desdenharia ter ambos no Benfica, Financeiramente, um já lhes garantiu 45 M €, o "boneco verde" num Mercado depressivo deverá chegar aos 50 M€. Bons negócios? Concerteza que sim, não reconhecer isso mesmo, é ser "autista"!

      Eliminar
    3. E quanto desses 45 do Falcão e dos hipotéticos 50 do verde, entram nos cofres do Gerente da Caixa???

      Eliminar
    4. Pegunta: Porque razão a SportMultimedia deixou de ser parceira oficial do SPORT LISBOA E BENFICA?
      Resposta: BUFO Nº1

      Eliminar
    5. Por acaso foi mesmo esquecimento, até porque gostei de ver o Schaffer jogar contra o Milan. Depois caso não saibas, o Benfica vendeu 40% do passe ao BenficaStarFund por 1,4 milhões de euros. Do ponto de vista de investimento, até ao momento ficou ela por ela. Não vou falar das razões que levam Schaffer a não jogar, porque teria de falar em mais nomes, mas acrescento o seu nome na "lista".

      Mais esclarecimentos. Álvaro Pereira disse há cerca de 1 ano que NINGUÉM do Benfica o abordou para lhe fazer uma proposta. Tudo o que leste e ouviste, faz parte do folclore desta comunicação social controlada pelo Joaquim e pelos adeptos do SCP em Lisboa. Atacando o Benfica, ganham moral os adeptos de FCP e SCP. O Sr.º Vieira pouco percebe disto bem sabemos, como também não sabe que coca cola não se escreve com 4 letras.

      Sobre James e Falcao, aqui vocês laboram num erro muito típico. Quem vos garante que eles no Benfica ganhariam o que já ganharam no FCP? Óbviamente não ganhavam! Porque as arbitragens não deixavam. E lá estamos no mesmo assunto de sempre: há um conjunto de jogadores que ganham notoriedade no FCP, que depois através da bem montada campanha na comunicação social são vendidos por milhões (ler os meus textos intitulados "como vender melões" I, II e III), a maior parte destes jogadores desaparece do mapa, apesar de continuar a ter boa comunicação social, também da responsabilidade das avenças pagas pelo empresário Jorge Mendes, que está ligado a todas essas "fabulosas" vendas.

      Falcao foi o que rendeu mais, mas já li no JOGO que o passe era detido a 50% por Jorge Medes (fiquei estupefacto e se não viesse no JOGO não estava aqui a reproduzir). Mas quanto vos custou a birrice de contratarem o Cristiano Cebola Rodriguez, que felizmente para nós, permitiu que o Di Maria tivesse mais minutos e mostrasse o seu potencial de 25+6+5 milhões? E por falar Em contratações "roubadas" ao Benfica, ainda vos lembrais do meu conterrâneo Marco "não sei das quantas"?

      Vocês naturalmente, porque são os nomes que esta comunicação social controlada vos põe todos os dias à frente, só falam dos casos bem sucedidos. Se analisarem os casos dos barretes, se calhar ireis pensar melhor se vale a pena "roubar" jogadores ao Benfica ...

      Uma última: no Benfica o James não poderia ser escolhido em 2 épocas seguidas como "jogador revelação". Olha só o Witsel e o Bruno César que não mereceam sequer nomeação para essa categoria, mas um jogador do Olhanense mereceu .. está tudo controlado ...

      Eliminar
  4. Já sabemos que para a comunicação social não interessa o tema arbitragem e portanto cabe ao Benfica lança-la se não a lança eles vão para um tema, que quer tu queira quer não interessa aos benfiquistas, se tens dúvidas basta vasta veres os vários post e coments por essa net.
    Se é verdade que existe muita gente que emprenha pelos ouvidos a grande maioria pensa pela sua cabeça, mesmo tendo opiniões diferentes das tuas e mesmo não estando correctas.

    Cometes algumas incorrecções Maxi Pereira nunca foi médio, se quiseres ele sempre foi um ala aquilo que os ingleses chamam de winger, o Camacho é que o colocou a médio direito ele na selecção e no Uruguai sempre jogou a lateral num esquema de 3x5x2 sem ninguém á sua frente.
    No jogo da fiorentina que referes foi Jamir que jogou a lateral direito no esquema de 3x5x2.
    No jogo com o Halmstad uribe jogou a defesa esquerdo.

    Já agora junta aí o Abel Xavier que no estrela era trinco.

    No final acabas por referir que o tema interessa não nos moldes como vem na comunicação social mas que o tema interessa e muito.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Antes de mais obrigado pelas correcções. De Maxi referi o que na altura veio publicado na comunicação social. Penso que exageras nas tuas conclusões porque ainda hoje o Maxi é muitas vezes utilizado a médio ala ou winger (como queiras) na selecção do Uruguai.

      Não falei do Abel Xavier porque como referi, apenas tentei abranger um período de 15 anos, mais ou menos. E Xavier julgo que saiu do Benfica antes de 1997...

      Quanto á maior parte das pessoas pensarem pela sua cabeça, é apenas uma opinião. Já ouvi muitos dizerem isso mas publicarem textos e teses em torno dos assuntos que se falam no momento. Na comunicação social.

      O tema "defesas laterais" não tem interesse em ser mediatizado como tem sido, porque não leva a nada, excepto a criar assuntos que pelo campeonato a dentro irão justificar os sucessivos erros de arbitragem. O ano passado a páginas tantas era o Emerson e o Capdevilla, há 2 épocas atrás era o Roberto, etc., mas o Proença continua a errar da mesma maneira, o Benquerença, Hugo Miguel, Jorge Sousa, etc, todos continuam a errar da mesma maneira.

      O tema "defesas laterais" tem interesse em ser discutido se o fizermos no âmbito do modelo de jogo do Benfica. E aí verás que existem muitas possibilidades e muitos caminhos. Eu por exemplo, prefiro defesas que defendem, como Emerson, mais do que defesas que atacam, como Coentrão. Por várias razões que um dia destes poderei tentar explicar.

      Eliminar
  5. Eis discussões colaterais mesmo, mas também fundamentais.

    Perdoe-me o autor deste excelente texto, mas sinto saudades de laterais "á Benfica" : Artur "russo", posteriormente o seu clone, Alvaro Magalhaes ( o melhor Adjunto que o Benfica teve nos ultimos 20 anos, e tao fundamental foi naquele título), Veloso, Pietra, Alberto e recordo-me de Adolfo, com os meus 8 anos após um jogo, foi-me apresentado pelo saudoso Dr Borges Coutinho "UM SENHOR", naquela temporada 72/73, Campeões com 2 empates: nas Antas, e no ultimo jogo na Tapadinha.

    Caros amigos, confesso-vos que saudades sinto desse Benfica dos anos 70/80 (nesse período aprendi a ser Benfiquista, sem estrangeiros, recordo-me em 1980, o brasileiro Jorge Gomes ter sido o 1º de muitos a "invadir" o Benfica), dominador e hegemónico cá dentro, e respeitado e quase venerado no exterior!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela opinião e elogio. Lembro-me menos bem desses tempos. Foram outros tempos. Os nossos adversários não tinham a evolução que o desenvolvimento do país, depois lhes proporcionou. Sem tirar mérito a esses excelentes e dedicados profissionais, parte do seu sucesso residiu na forma de jogar da época. Hoje tenho fundadas dúvidas sobre se teriam o sucesso que tiveram na altura, jogando da mesma maneira ...

      Basta comparar o sucesso que tivemos nas competições europeias nesses anos 70 e 80, e o que temos hoje (mesmo não ganhando taças, estamos lá e em fases bem avançadas das provas, como este ano).

      Eliminar
  6. Totalmente de acordo com o post. É isso tudo. O que é desesperante é o défice de clareza de raciocínio de muito benfiquista.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que os nossos analistas, os tais que supostamente estão ligados ao Benfica, quando falam nos programas dos Trios (que têm alguma visibilidade), deveriam fazer mais pela alteração da mensagem. Os nosso dirigentes deveriam incluir no seu discurso, mensagens estratégicas que aflorassem o assunto.

      Todos deveríamos fazer um pouco mais para mostrar que sabemos que estamos a ser tratados de forma diferente pela comunicação social.

      Como eu costumo dizer, a equipa de futebol é o "coração" do Benfica. Eu não gosto que seja atacada da forma como é, independentemente de quem é o Presidente.

      Eliminar
  7. Concordo e subscrevo o texto.

    Anónimo, pensa que ao falar no bufo está a dizer uma grande coisa, mas só realça a idiotice que graça em algumas mentes, pois se não sabe fica a saber que o problema das fugas de informação ficou resolvido assim que o Benfica trocou de empresa que fazia a gestão do correio electrónico (entre outras coisas) do Clube.

    Percebeu agora ou é preciso fazer um desenho?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que o "bufo" é algo que existe e existirá no Benfica (não interessa explicar porquê, agora). Também dá jeito para quem quer especular sobre as razões do Benfica não ganhar campeonatos e perder alguns jogadores para o FCP. Ou seja, para abafar a incidência dos erros dos árbitros.

      Isto é uma "teia" bem montada, na qual não devemos nós, os principais interessados, fazer mais furos ...

      Eliminar
  8. Faltou a adaptação daquele que se tornou o melhor lateral direito da Europa, Miguel.

    Não acho que seja uma questão da treta pois revela muito da incompetência com que o futebol do SLB é gerido. Como pode ser questão da treta quando temos um treinador que aposta e defende, contra tudo e contra todos, o Emerson, deixando proscrito Capdevilla, uma época inteira e depois, no findo da mesma, despacha os dois e o SLB demora meses a preencher a lacuna? Como esta gestão pode ser uma questão da treta? O treinador só decidiu despachar Emerson no final da época? Já não estava pensado? Uma época não se pensa quando acaba a anterior, é preparada e pensada bem antes. Isto não é uma questão da treta. Que se assuma Luisinho como o lateral e Melga como a opção e temos o assunto resolvido mas o treinador não o faz portanto assume-se a falta de um elemento para a lateral o que impede q a questão seja da treta.

    Não invalida nada da questão dos jornais. Sabe q estou, há muito tempo, do seu lado nessa batalha mas muita da treta q os jornais espetam aos benfiquistas resulta de incompetência nossa em gerir as coisas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muita da treta que os jornais espetam aos benfiquistas é culpa destes, como diz o Eagle, "Os adeptos são, na esmagadora maioria, caixas de ressonância do que se diz e escreve nas rádios e jornais". Como o teu comentário bem demonstra.

      Eliminar
    2. "Os adeptos são, na esmagadora maioria, caixas de ressonância do que se diz e escreve nas rádios e jornais" - É verdade sim senhor, mas também o é, que o Benfica se põe muito a jeito com ''certas'' contratações...

      Eliminar
    3. Manuel, como até conseguiste ser educado faço-te uma pergunta:

      Que parte do meu comentário é invenção dos jornais? Que parte do meu comentário não é um retrato fiel do que o SLB (e não os jornais) fez em relação à lateral esquerda?

      Eliminar
    4. Obrigado pela chamada de atenção. Miguel foi uma adaptação (mais uma) que resultou bem. Creio que foi Chalana quem o fez, num jogo com o Gil Vicente na Luz, depois de Jesualdo ter sido despedido.

      A minha opinião sobre a questão Emerson é mais simples. JJ continua a gostar do jogador, mas a Direcção riscou-o para evitar polémicas. Como riscou - nesse caso vendendo - Roberto.

      Se a compra de Luisinho foi de iniciativa de JJ ou da Direcção, neste momento não tenho dados para responder. Mas não seria a primeira vez que o Sr.º Viera contratava jogadores da sua iniciativa, como o caso do brasileiro Diego (?) que esteve aí, e foi despachado porque Veiga não tinha sido informado da sua contratação.

      Muitas vezes esquecemos que o treinador é almofada de decisões da Direcção. No Benfica isso infelizmente acontece muitas vezes.

      Qualquer conclusão sobre o papel de JJ em relação a Emerson, pode ser muito precipitada.

      A questão é da treta, na minha opinião, porque se continuam a discutir "nomes" e não "desempenho de funções". Na minha opinião isto é andar aos círculos e não sair do mesmo sitio.

      Eliminar
    5. Pedro, um benfiquista que diz isto, Que se assuma Luisinho como o lateral e Melga como a opção e temos o assunto resolvido mas o treinador não o faz portanto assume-se a falta de um elemento para a lateral o que impede q a questão seja da treta".

      Mas que se assuma o quê? Quem pensas tu que és? Percebes alguma coisa de futebol? Que autoridade é que tu tens para estar a aqui a exigir ao treinador do teu clube algo de que não entendes nada? Deixa o Benfica me paz. Deixa as pessoas que trabalham no Benfica a fazer o seu trabalho em paz! Mostras arrogância e soberba, vícios muito feios nos humanos! Sim, porque os animais não são assim.

      Eliminar
  9. Primeiro os media não falam no scp porque não vende e nós vendemos e muito!
    Depois enquanto pensarmos que no Benfica está tudo bem e o mundo é que está contra nós, enquanto não mudarmos a nossa mentalidade e aceitar as criticas que importam como algo construtivo para melhorarmos e ignorarmos completamente aquelas que são para desestabilizar não vamos crescer, vamos ano após ano chorar o segundo lugar por causa dos árbitros, por causa tudo, menos por termos preparado mal uma época, por termos um plantel desequilibrado ou pura e simplesmente porque o adversário foi melhor.
    Só tendo consciência das nossas fraquezas podemos ser mais fortes, pensando que está tudo bem e que o mal está fora não vamos a lado nenhum.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro, você pode dar as voltas que quiser, mas um campeonato é uma sucessão de 30 jogos disputados por 3 equipas. Ignorar ou pretender que não se passa nada com as equipas de arbitragem, que os erros são meramente casuísticos e se distribuem igualmente por todas as equipas, isso sim, é uma prova de FRAQUEZA.

      Não digo que o mundo está contra nós, o que digo porque resulta da constatação de factos é que a comunicação social faz parte deste sistema que "ensina", "educa" os adeptos a verem o futebol da forma que o meu caro aqui exemplifica.

      Isso é uma "má educação", é apenas algo superiormente definido (pelos estrategas dos "media") para ter adeptos dóceis e submissos, que se viram contra os seus próprios jogadores (inédito em países civilizados) ou treinadores (idem), mas não contra as causas externas que provocam derrotas e insucessos.

      O Benfica não vende simplesmente mais. O Benfica serve para abafar muita coisa que vai mal nos outros clubes, porque quem o faz sabe que é assim. Por exemplo, quando o SCP perdeu em casa com o Guimarães 2-3 depois de estar a vencer 2-0 até à expulsão de João Pereira (que por acaso no último SCP-Benfica se fartou de dar cacete e saiu sem punição disciplinar), a capa do dia seguinte do RECORD era "com Jesus pelos cabelos"! E nós tínhamos perdido os tais 5 com o FCP no dia antes desse jogo do SCP. Tente imaginar como seria se o SCP perdesse 5 no FCP e no dia seguinte o Benfica perdesse 2-3 em casa com o Guimarães, e quais as capas dos jornais ... eram as mesmas meu caro ... e porquê? Pense, ok?

      Quanto às nossas fraquezas, esse é o problema central. Para si isso mede-se pelos resultados. Ora eu vejo os resultados pelos erros dos árbitros, já vi que o meu caro amigo não o faz. Logo não podemos coincidir sobre o que são as nossas fraquezas ... e o que precisamos de reforçar, etc, etc ...

      Eliminar
  10. Nós não sabemos qual vai ser o modelo de jogo. E será que JJ e LFV sabem?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não! Não fazem a mínima!

      Eliminar
    2. O Presidente do Benfica não julgo que deva saber. Mas JJ sabe e muito bem: o Benfica de ataque, da pressão alta, de jogar a maior parte do tempo no meio campo adversário. O Benfica que vai a casa do Shalke04 e do Liverpool empurrar essas equipas ara a sua grande área e depois leva com golos, com mais ou menos facilidades, em contra ataques...

      Para este modelo de jogo, independentemente da táctica, cada posição ocupada por um jogador, deve ser devidamente pensada.

      Como eu não sou adepto deste modelo de jogo, obviamente estou em minoria a falar destes assuntos ... mas posso defender a minha opinião ...

      Eliminar
  11. E esta novidade do "jovem" Nelson que tem 29 anos, ser envolvido numa suposta troca com Nolito para o Bétis? Sim, é certo que Vieira pede 4 Milhões, mais o Nélson, mas a ser verdade tais contornos deste negócio, será sofrível no curto-prazo, Nelson faz a direita e a esquerda, mas tem 29 anos. Nolito é um activo que tem de ser bem mais rentabilizado, é mt curto, tendo em conta o valor e importancia de Nolito. Este negócio tem contornos que faz lembrar: "Levam o jogador, e em troca recebemos um jogo de equipamentos completos e 20 bolas"... A acontecer este negócio, revela um manifesto desespero de Vieira, que é revelador de TORMENTAS!

    Qualquer

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ao longo da pré temporada há diversas noticias lançadas para criar confusão. O Benfica precisa de vender jogadores e por isso tem de se calar quando saem estas barbaridades (lançadas para atiçar o "apetite" de .. outros clubes). É um jogo muito complicado.

      Eu como sempre fui contra este modelo empresarial, porque já se estava a ver no que ia dar (lucros aos Bancos e contas enormes para pagar aos sócios do Benfica), sou critico da submissão da Direcção, embora perceba que eles não têm muito campo de manobra com esta estratégia da comunicação social.

      Eliminar
  12. Revejo-me nos comentários do João Carlos e do Pedro, mas em relação ao post gostaria de acrescentar
    que muitas vezes é a própria estruturado Benfica que alimenta os capitulos da telenovela e a rabila dos defesas esquerdos é bem sinonimo disso.

    Depois o famigerado Bruxo foi o Viera que o celebrizou aos quatro ventos em entrevista a um canal de televisão faltando saber se já foi exorcizado e se para isso pediu ajuda ao seu amigo papa.

    Claro que Viera segue as instruções do seu agenciado para a comunicação que custa (((dezenas de milhares mensalmente))) os olhos da cara ao Benfica numa jogada que o promoveu de director de comunicação a agente tendo o seu lugar sido ocupado por uma figura decorativa, assim tipo Rui Costa.

    Não foi invenção da imprensa uma entrevista do Miguel Rosa onde dizia que o Viera lhe tinha garantido que ficaria na equipa A.

    Pelos vistos mentiu-lhe e como o rapaz é bom moço engoliu.

    Claro que este silêncio é estratégico e nada como criar ansiedade, ainda para mais com as eleições à porta. Quanto mais tarde mais impacto terá o anúncio do desejado defesa esquerdo e outra qualquer truta que até poderá ser dispensável e logicamente não será amanhã na festa do King. É muito cedo pois ainda falta mais de um mês para o fecho do mercado.

    Cirurgicamente será anunciada a nova rádio não para interesse do benfica mas bem ao exemplo da BTV para essencialmente endeusar o grande líder.

    Depois virá o museu e outros coelhos sairão da cartola porque o homem teme que desta vez não seja um Bruno Carvalho que lhe apareça pela frente e ficava mal desta vez ter de adiar as eleições.

    Foi dado à estampa, hoje, um estudo de um organismo internacional que diz que a produtividade dos portugueses é fraca devido à sua baixa formação. Possivelmente têm razão porque anda por aí muita gente a engolir tudo o que diz a comunicação social e também as patranhas de um iletrado como o Viera.

    Assim não admira a idiotice que por grassa que alguns confundem com "graça".

    São os maneis desta deste e quejandos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo Conde, não é preciso dizer grande coisa sobre a liderança a que o nosso Glorioso Benfica está entregue depois de 27 de Outubro de 2000. Já foi dito quase tudo. Umas coisas são a consequência das outras ...

      Fraca ou imbecil liderança, apoios inexplicáveis à máquina portista da FPF e da Liga, boicotes bem decididos mas logo de seguida anulados por pressão dos inimigos do Benfica e principais beneficiários do fim do boicote, estratégia de endividamento e promessas de futebol espectáculo que com regras de arbitragem viciadas, é um suicidio, etc, etc.

      Mas o Benfica tem sido grande e assim espero que continue para resistir a tanta maldade ...

      Eliminar
  13. Caros amigos,

    Após estas conversas laterais, urge abordar questões fundamentais: Eleições!

    Hoje mesmo, Bruno Carvalho ex candidato derrotado nas ultimas eleições ao SL Benfica, afirma que há já um candidato putativo às eleições de Outubro. E a pergunta surge: Quem será esse mesmo candidato? Teremos uma oposição forte e credível? Espero e desejo um debate de ideias elevado, que discuta projectos, sem "fulanizar" os mesmos.

    Perspectivo um Trimestre bem "quentinho", eleições em Outubro, e temos um arranque de Campeonato nada fácil: Braga em casa, não temos vencido nas ultimas jornadas inaugurais, e 2 deslocações seguidas na 4ª/5ª Jornada a P Ferreira e Académica. Estas 5/6 primeiras Jornadas, poderão ser fundamentais quanto ao desfecho dessas eleições? Ou quanto ao futuro de Jesus? Inclino-me mais para a 2ª possibilidade.

    E agora, surge-me outro cenário, recordo-me da época 09/10 (lembram-se de Roberto?), nas primeiras 6 jornadas, o Benfica perdeu 3 jogos (Académica em casa, e perdemos em Guimarães e Nacional), e perdemos a Final da Supertaça, perante um cenário catastrófico como este, Jesus será despedido (e também sairão 4 Milhoes €), e eis Vieira a levar em "bandeja de prata" a cabeça de Jesus aos sócios descontentes, e consequentemente, salva a sua própria pele.

    Cenários, cenários, mas o futuro do Benfica irá desenhar-se no curto-prazo, e tão fundamentais serão as bolas que batem na trave e entram, ou as outras que teimosamente apenas ficam à porta...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo, percebo o eventual interesse da questão, mas neste momento essa também é uma questão lateral ao futebol. Do meu ponto de vista quanto mais atenção e polémica criarmos à volta das eleições, mas argumentos damos ao "sistema" para nos roubar com as arbitragens.

      Lembro os jogos de Vale e Azevedo, na época que perdeu as eleições, 2000, onde a camapanha ruidosa contra ele, afinal resultou contra a equipa de futebol. No FCP, 1ª jornada (agora já não se podem encontrar na 1ª jornada), Rojas expulso, derrota por 2-0. Em Leiria 1-1, penalty escandaloso tirado sobre João Tomás, agarrado por trás até ao ponto de quase lhe despirem a camisa interior de alças, Tiago com conduta violenta não é expulso, Sabry por 2 faltas no meio campo leva 2 cartões amarelos e é expulso. Empatamos aos 94 mn com um golo soberbo do espanhol com 34 anos (que era velho, o Nuno Gomes com 35 ainda não era) a mais de 30 metros. O José Leirós marcou porque pensava que não dava em nada.

      Se fizermos isso este ano, arriscamo-nos a voltar a ser roubados, mais do que em anos anteriores, porque estamos distraídos com as eleições.

      De qualquer maneira gostava que o candidato a existir, perguntasse ao Sr.º Viera porque razão desta vez as eleições não foram antecipadas como na ultima vez. Ou se as razões que justificaram essa antecipação, se esgotaram aí (e eu acho que não).

      Eliminar
    2. Caro eagle1,

      Deixo-lhe a minha "chapelada", está sempre bem preparado e documentado, e quando fiz referência no meu comentário ao próximo início de Campeonato, indiciava justamente que podem mesmo surgir situações anómalas, e o "ruído" das eleições podem "mascarar" as mesmas.

      Razões ou factores para que tal possa acontecer:

      1º As eleições que irão provocar "guerras" internas", e desviar as atenções dessas mesmas situações anómalas.

      2º A suspensão de Vieira, e os supostos insultos a Duque, podem criar um clima desfavoravel para o Benfica e Presidente.

      3º O corporativismo da arbitragem, poderá também criar sérios problemas ao Benfica. As recentes declarações de Proença, são um sério aviso.

      Eliminar
  14. Para analisar um lateral é sempre necessário tentar perceber o que o treinador o obriga a fazer (caso a caso) , por exemplo o Schafer chegou fez dois ou tres jogos que achei mais ou menos contudo o jesus estava sempre a repreendê-lo... (viu-se na TV)- resultado foi mandado embora rapidamente. O Coentrão no início via-se que era um jogador bom de bola mas que demorava a pegar - porque jogava a extremo e ele é péssimo quando chega ao pé da baliza e é necessário rematar, jesus colocou-o a transportar a bola e fazer assistências no que é óptimo - resultado jogador de nível mundial (mas continua a rematar mal). Melgarejo é um jogador bom de bola e remata muito bem, como defesa não sabe ocupar espaços mas como é tão bom o treinador ou o ensina ou o põe a jogar mais apoiado de modo a poder render. Já agora o Mora faz-me lembrar o Vata ninguém gostava dele mas junta à baliza adversária cuidado com ele - eu ainda tenho saudades do Vata - bola no pé era perigo iminente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sua opinião é bastante técnica, mas pode estar eivada de algumas incorrecções. Não apreciei a forma como o Schaffer foi "encostado" mas não devo julgar o treinador por causa disso. Era importante que alguém da estrutura do Benfica percebesse e aceitasse a justeza da decisão do treinador. O que me parece que não acontece.

      Sobre Coentrão, apenas posso dizer que ataca bem, defende mal. Alguns golos que o Roberto levou resultaram das faltas que tiveram de ser feitas no lado dele, ou porque ele não estava (o que é lógico) ou porque ele tinha de as fazer porque estava mal posicionado. Em termos de especulação digo que Coentrão saiu no melhor momento. Se ficasse mais um ano, e já sem Roberto a tapar-lhe as costas, iria ser criticado por defender mal.

      Entretanto temos o Emerson que defende bastante bem, fomos aos quartos de final da Champions, mas somos criticados (e deixamos) porque ele não ataca tanto como o Coentrão.

      Percebe a minha angustia nesta matéria, não percebe?

      Eliminar
  15. Caros amigos,

    Voltando ao tema "lateral", hoje Jesus após a Eusébio Cup, reincidiu no auto-elogio: "Inventei o Coentrão e ele deu 30 Milhões, o Melgarejo tem algumas semelhanças, tambem pode dar qq coisa..." Eis um sinal claro que não virá nenhum lateral esquerdo, e Melga a subir (e sem rotinas a defender), Maxi a subir, irão descompensar e começaremos a sofrer mtos golos, e uma equipa constroie-se de tras, para a frente. Só para relembrar, na época passada em 15 jogos em casa para o Campeonato, só o Sporting e os Juniores do Leiria ñ marcaram Luz, e a pergunta fica: Alguma equipa desiquilibrada consegue a regularidade dos Campeões?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tinhas de encontrar qualquer coisa para dizer mal? E se virasses o disco e elogiasses alguma coisa, só para variar?

      Eliminar
    2. Caro Manuel,

      Toda a Nação Benfiquista rejubilou com a vitória sobre o Real, porém, devemos ter os pés bem assentes na terra.

      Faço respectivo "copy-paste" de afirmações de Mourinho após esse belo jogo e resultado. Deveremos entende-las de forma pro-activa, antecipar cenários e possibilidades num mero jogo, ou num Campeonato de 30 jogos é fundamental.

      "Eles prepararam-se para este jogo, estão numa fase avançada, espero que sirva para lhes aumentar a auto-estima, mas de uma forma equilibrada, porque se lhes aumenta a auto-estima por ganharem a esta equipa, pode ser negativo", afirmou o treinador dos merengues, derrotados, esta sexta-feira, no estádio da Luz.

      O técnico adiantou ainda que "dos 19 títulos" que ganhou, na pré-época conquistou "zero".


      P.S. Creio que ganhou a Eusébio Cup ao serviço do Inter.

      Eliminar
  16. É verdade que no plantel do SLB o problema dos laterais é existente mas temos de ver que neste momento se o Benfica for ao mercado depois dos jogos olímpicos e do campeonato da europa o preço dos jogadores está inflacionado, é preciso ter calma e deixar o tempo passar para que surja o melhor negocio!

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares