O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 23 de julho de 2011

Ricardo Costa no Benfica?

 ●  14 comentários  ● 
Já que estamos numa de papar tudo o que vem nos jornais, que tal esta notícia do mesmo jornal que disse que vamos receber 40 milhões pelos direitos do Pais do Amaral:

Ricardo Costa apontado à Luz
Imprensa espanhola noticia interesse do Benfica no defesa-central do Valência. Internacional português, antigo jogador do FC Porto, chegaria à Luz por empréstimo de uma época.

A contratação de Adil Rami e a provável incorporação de outro central – fala-se de Pareja e Coloccini – deixam Ricardo Costa com pouco espaço no plantel che, e poderão abrir caminho à saída do português do clube espanhol.

De acordo com a Imprensa do país vizinho, o Benfica poderia pagar 500 mil euros pelo empréstimo do jogador, de 30 anos, até ao final desta temporada. Os encarnados ficariam com direito de opção a troco de 1,5 milhões de euros.

O treinador do Valência, Unai Emery, seria o principal obstáculo ao negócio, visto pretender contar com quatro centrais no plantel.


O Pinto da Costa ia adorar ter um bufo destes na Luz. Por mim, NÃO OBRIGADO

Esmiuçar os números

 ●  11 comentários  ● 
Acordámos hoje com duas notícias, uma no Expresso (da qual o SLBenfica demarca-se sem contudo a desmentir) e n'A Bola a propósito da venda dos direitos televisivos a Paes do Amaral por 45M€/ano. Outra notícia, desta feita no Correio da Manhã dá conta da venda do naming do Estádio da Luz a troco de uma verba na ordem dos 5M€/ano.

Naming do Estádio
Para os mais jovens pode parecer algo irrelevante, mas acreditem que é um tema sensível para os mais velhos habituados desde sempre ao Estádio da Luz. Recentemente o ManchesterCity vendeu o naming do estádio à entidade que já tinha o naming das camisolas, num contrato global a 10 anos no valor record de 150M€, ou seja, 15M€/ano. Já antes o Arsenal tinha feito um acordo semelhante (estádio + camisolas) por 100M€.

Domingos Soares Oliveira sempre teve esta ideia de gestão, muito antes de o António Salvador vender o naming da "pedreira" à Axa, ou antes de SportingCP e FCPorto nos copiarem o naming das bancadas e pavilhões. Em declarações recentes, avaliou a receita justa no limite inferior a partir do valor recebido pelo patrocínio das camisolas (aproximadamente 5M€).

Ora, feitas as contas, a confirmar-se a notícia do Correio da Manhã (não podemos considerar o jornal credível só quando nos apetece), estamos a falar de um valor na ordem dos 10M€/ano (camisolas + estádio), ou seja, 2/3 do que conseguiu o Manchester City e o mesmo... que conseguiu o Arsenal (e num contrato a 15 anos, mas com a atenuante de ter sido obtido em 2006).

A confirmarem-se estes números não há dúvidas que o SLBenfica volta a surpreender na gestão empresarial do Grupo Benfica, conseguindo resultados muito próximos de clubes com outro posicionamento de mercado e de ligas muito mais mediáticas que o SLBenfica.

Fora deste "campeonato" apenas Manchester United, Liverpool, Real Madrid ou Bayern com contratos só para as camisolas na ordem dos 20 a 25M€/ano, em contratos na ordem dos 4 anos.

Direitos Televisivos
Um assunto bem mais complexo. Inglaterra, França, Alemanha e agora Itália utilizam já o método de venda/negociação colectiva dos direitos televisivos. Em traços gerais, a distribuição dos valores é feita de forma teoricamente justa, ou seja, olhemos ao exemplo da Liga Francesa (assim evitamos exemplos com clubes de top mundial):
- A Liga disponibiliza um montante global de 517,8M€ em 2010/11
- 48,9% desse valor é distribuído em partes iguais por todos os 20 clubes da Ligue1 (12,6M€)
- 24,4% desse valor é distribuído em função da classificação nessa temporada (o primeiro recebe a maior fatia e os que descem não recebem nada)
- 5% desse valor é distribuído em função da performance desportiva (classificação) nas últimas 5 temporadas
- 21,7% desse valor é distribuído de acordo com as audiências nas últimas 5 temporadas

Na prática representa que o 1º classificado pode não ser o que mais ganha, porque as audiêncais pesam quase tanto como a classificação e além disso há também uma pequena fatia para a regularidade desportiva que, por consequência, dá mais visibilidade e audiências - logo mais valor.

Nas outras ligas há diferentes ponderações, mas andam todos à volta do mesmo conceito de performance e audiências.

Em Espanha a divisão é mais "leonina" com Real Madrid e Barcelona a receberem a maior faria dos mais de 600M€ (22%), correspondentes a quase 150M€ enquanto os outros clubes recebem bastante menos.

Curiosamente, as ligas Francesa, Inglesa, Alemã e Italiana que partilham métodos analíticos de distribuição de distribuição, têm cada vez mais equipas a crescerem e a aparecerem nos topos das classificações, tornando as suas ligas mais apelativas a melhores jogadores e patrocinadores.

Num exercício semelhante, a Liga Nacional vale cerca de 200M€ que é quanto a Olivedesportos receberá pelos direitos que compra aos clubes por cerca de 50M€. Curiosamente, quem mais lucra neste negócio é precisamente o intermediário ao contrário dos clubes.

Olhando a distribuições semelhantes às que se aplicam, por exemplo, em França teríamos os 200M€ a serem divididos em cerca de 49% pelos 18 clubes, ou seja, cada clube receberia 5,4M€/ano. Curiosamente um valor não muito longe dos 7,5M€/ano que recebe o clube com maior potencial de retorno em Portugal - o SLBenfica.

Se depois aplicarmos 25% em função da classificação da temporada anterior teremos 50M€ para distribuir por 14 equipas (se o primeiro receber mais de 10% estamos a falar em 5,5M€ para o primeiro, decrescendo até cerca de 500.000€ para o 14º). E com isto o primeiro da temporada passada já vai em 10,9M€ e os clubes de fundo da tabela em praticamente 6M€/ano.

Podemos continuar com as restantes ponderações da Liga Francesa para distribuir 20% pelas audiências dos últimos 5 anos, onde o SLBenfica recebia mais cerca de 5 ou 6M€ a juntar aos anteriores 10M€ que já viriam das demais ponderações e aos quais ainda juntaria mais 1 ou 2M€ dos últimos 6% a distribuir pela performance dos últimos 5 anos.

Na prática estaríamos a falar de um valor na ordem dos 17/18M€ por ano. Dirão alguns de vós que isso representa menos de metade do que as notícias dizem que o SLBenfica vai receber pelos direitos televisivos. E eu concordo em absoluto com essa análise que, numa primeira abordagem, seria muito penalizador para o SLBenfica.

Contudo...
... os clubes mais pequenos receberiam bastante mais, passariam a ser mais competitivos e menos sujeitos às jogadas corruptas sobre as quais o FCPorto tem sustentado toda a sua existência e sobre as quais tem assente a submissão que o clube do Norte tem imposto a esses clubes com dificuldades que não vêem alternativas à sua subsistência senão alinharem nesses jogos de interesse.

Teremos como contabilizar os milhões que perdemos devido a essas jogadas de bastidores que envolvem pagamentos, aquisições de jogadores, empréstimos de jogadores de forma obscura, aliciamento de presidentes, treinadores, etc? Quantos milhões vale acabar com esta situação?

Quantos milhões valerá ao SLBenfica que todos os clubes mais pequenos tenham interesse em obter vitórias, deixar de vir à Luz jogar apenas para prejudicar o SLBenfica, nem que isso implique cartões vermelhos ou ficarem de rastos nos jogos seguintes, cedendo pontos a rivais directos do SLBenfica?

A competitividade da Liga portuguesa iria forçosamente que subir, com isso o aumento de poder de desenvolvimento dos clubes e a aposta nas condições para formação e também na dotação dos respectivos planteis com jogadores com mais qualidade. Também mais recursos financeiros para melhorar as infra-estruturas e com isto começar a tornar a Liga portuguesa mais apelativa não apenas para "jovens em trânsito" ou jogadores em fim de carreira... e apenas nos três grandes.

Com tudo isto, a Liga de Clubes possivelmente em cinco anos passaria os 200M€ de receita para perto do dobro (ou mesmo mais) desse valor e com isso, os clubes passariam também a ganhar o dobro ou mais que isso em direitos televisivos e aí está estaríamos a falar de perto de 40M€/ano. Torna-se claro que o aumento da competitividade da Liga passaria a interessar a todos e os clubes e dirigentes mais dados à corrupção passariam a estar mais isolados fora do seu habitat, restando-lhes os árbitros...

Obviamente que esta não é uma análise linear. Claro que é perfeitamente viável olhar com indiferença para tudo o que gravita em redor do SLBenfica e dizer que se alguém der 30 ou 40M€ pelos nossos direitos televisivos nos tornamos (ainda mais) incomensuravelmente maiores que a Liga em que jogamos.

Isso é tudo verdade! Como também é verdade que só conseguiremos desenvolver e manter projectos desportivos duradouros e com profissionais de qualidade, quando tivermos uma Liga Portuguesa muito mais competitiva, com mais visibilidade e capacidade de atrair talentos de forma mais sustentada. O SLBenfica não existe sozinho em Portugal... e é exactamente o contexto onde nos inserimos que tem "minado" o futuro do Maior de Portugal.

Quanto às notícias recentes, pelo "status quo" instalado no futebol português, continuo céptico não só que o Paes do Amaral invista 40M€/ano em 15 jogos do SLBenfica, porque me custa perceber que isoladamente se consiga rentabilizar 2,67M€/jogo no actual contexto televisivo em Portugal; mas também mantenho algum cepticismo perante a "dormência" de Joaquim Oliveira neste processo, sabendo todos nós que Luis Filipe Vieira mantém uma relação de respeito com o magnata dos media, ao mesmo tempo que tem um contrato "armadilhado" até 2016.

Posto isto, obviamente que ficarei muitíssimo feliz por ver o meu cepticismo cair por terra perante a confirmação de um futuro acordo do SLBenfica com uma entidade que assegure os 40M€/ano pelos direitos televisivos dos 15 jogos do campeonato do SLBenfica.

Contudo, olhando numa perspectiva mais de longo prazo e resolução de problemas estruturais do futebol português e que afectarão o SLBenfica de forma inquestionável, talvez gostasse que houvesse vontade política para seguir o caminho das ligas francesa, inglesa, alemã e mais recentemente a italiana..

No entanto, se há cepticismo da minha parte em relação ao abandono de Joaquim Oliveira e a um contrato da dimensão de 40M€/ano por 15 jogos... mais ainda céptico fico sobre a vontade política de avançar para uma solução de negociação conjunta. É pena...

Seja como for, mesmo que isto acabe tudo no Joaquim Oliveira outra vez, o Presidente do SLBenfica está a fazer o que se exige: Pressionar e criar necessidade de reacção a Oliveira.

Oxalá eu esteja enganado e o Presidente do SLBenfica demonstre, como já fez noutras circunstâncias, que eu estou errado a este respeito. Esta devia ser a função/aposta do Presidente e deixar o futebol para quem tenha maior sensibilidade de gestão desportiva.

SLBenfica demarca-se da notícia do Expresso

 ●  4 comentários  ● 
O Sport Lisboa e Benfica ou qualquer outra empresa do Grupo Empresarial Benfica nada têm a ver com a notícia publicada na edição de hoje do semanário Expresso, com chamada na primeira página, sob o título "Sport TV perde jogos do Benfica". Comunicado Site Oficial SLBenfica

As notícias são positivas, mas não passam ainda de informações e não de concretizações como começa a ser confundido. Recordo que Joaquim Oliveira tem direito de preferência por este contrato até 2016. Os indícios são positivos, mesmo para os mais cépticos, como eu, neste assunto. Paes do Amaral - até há uns meses fora desta equação - poderá ser um indicador importante, mas é preciso aguardar pela clarificação de posições e valores. Para já, notícia positiva, mas apenas isso, contudo sem qualquer confirmação por parte de ambas as partes - nem é suposto que aconteça brevemente.

A confirmar-se (é importante percebermos que por agora são apenas notícias), no SLBenfica, um negócio desta magnitude teria que ser comunicado à CMVM, portanto este desmentido é perfeitamente normal por esse prisma enquanto não houver definições mais efectivas.

Mais que uma boa noticia, muito mais!

 ●  13 comentários  ● 
De uma assentada, o jornal A Bola apresenta hoje três notícias que - a confirmarem-se - são merecedoras de rasgados elogios à Direcção do SLBenfica e em particular ao seu Presidente, Luis Filipe Vieira.

Esta é talvez a que tem menos impacto, dado que ninguém acredita que Maxi tenha vontade de sair do SLBenfica, contudo é importante que o próprio jogador transmita a ideia da importância da sua ligação ao Clube, funcionando como um facto importante para o fecho rápido das negociações com o Paco Casal.

Em entrevista ao jornal, o brasileiro afirmou que está em Lisboa no Domingo, dizendo que não faz sentido alguns dos disparates que se têm escrito. Ainda ontem eu tinha reforçado isso mesmo, que Luisão jamais desrespeitaria o Clube e é importante que se pare com essas notícias de que o jogador se recusava voltar, etc. Atenção! Isto não quer dizer que o jogador sairá ou que fique, mas é importante para acalmar o teor de algumas notícias que dava conta de uma clivagem irreversível.

O Expresso e A Bola alinham ambos numa notícia que esta sim, para mim, coloca Luis Filipe Vieira na história do SLBenfica pelos melhores motivos e poderá significar um grande ponto de viragem no futebol português, num assunto onde sempre me tenho mostrado céptico que o Presidente o consiga.

Afirmam ambos os meios de comunicação que está por um fio o acordo com Paes do Amaral pelos direitos do SLBenfica, por um valor na ordem dos... 40M€, explicando A Bola um conjunto de indicadores que quase tornam impossível a Joaquim Oliveira subir a parada para acompanhar - nomeadamente aumentar para 32M€ o valor pago ao FCPorto, o que representaria dois valores incomportáveis para Joaquim Oliveira, que se tem debatido com dificuldades financeiras no grupo de media.

Obviamente que os próximos dias, talvez muitas semanas até, serão mais esclarecedores sobre o teor destas notícias, mas numa primeira análise estamos a falar de grandes notícias, que podem colocar o SLBenfica e o seu Presidente na história do futebol português pelos melhores motivos, infligindo uma machadada imensa no Sistema corrupto.

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Daniel Wass oficial no Evian

 ●  9 comentários  ● 
O Evian já oficializou o empréstimo de Wass. Senhor que se segue?

Luisão. Pegar ou Largar?

 ●  13 comentários  ● 
É muito fácil vir para os blogs "mandar postas de pescada" sobre o tema Luisão. Pudera... agora é fácil e à distância, sem ter o ónus da solução ainda é mais fácil.

Para mim é um ponto assente que o SLBenfica não quer vender Luisão - o mesmo já não posso dizer de Cardozo e Saviola que me parece que aguardamos uma boa oportunidade e já temos o trabalho de casa feito nesse aspecto. Aliás, mesmo com Luisão o trabalho de casa também está feito.

De um modo geral, penso que podemos estar confiantes no que diz respeito à "construção do plantel, tal como já tive oportunidade de escrever esta manhã. O que falha, sempre e mais uma vez, é a capacidade de gestão e antecipação, típica de uma organização... pouco organizada e com gente a mais e competência a menos.

O "problema Luisão" só virou problema por culpa do SLBenfica que deixou o jogador sair de férias sem a situação devidamente acautelada, sem chegar a um acordo com o jogador sobre o seu futuro de forma clara e habilmente "passada" à comunicação social de forma a vincular o jogador.

No final da temporada, conhecendo o perfil do jogador, era impensável deixá-lo ir para a Copa América sujeitos a que acontecesse precisamente isto que aconteceu. Além da definição prévia, deveria o SLBenfica ter garantido um apoio constante ao jogador através do Rui Costa junto do jogador e António Carraça junto do empresário.

A "fórmula" a utilizar com Luisão é precisamente a que advogo para Maxi Pereira, cuja ausência de renovação já cheira mal pelo arrastar enorme que já traz.

Não estou com isto a advogar a permanência de Luisão ou de Maxi, sendo que me parecem óbvios os benefícios desta situação. Mas o SLBenfica não pode nem deve ter a ambição de controlar o futuro dos jogadores, tal como percebe que os outros clubes também não controlam quando começamos a fazer a cabeça aos jogadores que queremos comprar. Infelizmente, deixamo-nos a nós próprios "provar do mesmo veneno". Isso é incompetência!

A sair, mesmo que só saísse agora após a Copa América, o Luisão e os responsáveis do SLBenfica já deveriam ter todo o processo controlado há muito tempo, não dando azo a este tipo de conversas de jornal que, independentemente do resultado final, acaba sempre por abalar a estrutura e marcar mais uma vez o jogador e o defeso.

Há mais de dois anos que neste blog tenho feito repetidos apelos à reestruturação e reorganização da SAD de forma mais competente e, acima de tudo, com mais competências no que é fundamental para garantir que não voltemos a cometer erros que, genericamente, são quase sempre organizativos.

Luisão (e Maxi) poderiam sair ou ficar no SLBenfica sem esta novela! É desnecessária... é transtornante para os adeptos que percebem que a estrutura da SAD se permite a si própria ficar vulnerável a este tipo de situações, o que num clube com a dimensão do SLBenfica e com a quantidade de gente que recebe dinheiro no SLBenfica... é absolutamente inaceitável.

Nesta altura, no que diz respeito a Luisão, eu não acredito em "fumo sem fogo". Obviamente que o jogador deseja sair para um último (?) grande contrato aos 30 anos e depois de seis temporadas na Luz. Esse desejo não é novo e, como já disse, é compreensível.

Posto isso eu não acredito que este assunto seja resolvido de outra forma que não seja a venda do jogador por valores abaixo do que desejaríamos ou, forçar o jogador a permanecer. Luisão, sendo um jogador respeitador para com o SLBenfica ficará, obviamente, contrariado... mas dará o seu melhor a cada jogo. A minha dúvida é se nos interessa ter mais uma vez "esse Luisão".

Reforço que a próxima "novela" do género será com Maxi Pereira se não nos apressarmos a resguardar o jogador, a nos mostrarmos dispostos ao que for necessário para o manter e garantir o acompanhamento permanente ao jogador até resolver o processo.

Com a chegada de Garay, um jogador com a experiência da mais competitiva liga do Mundo, a sucesso do comando da defesa não se coloca, pelo que a saída de Luisão não assume contornos de gravidade, num cenário de substituição pelo jovem Mangala, também ele com experiência de primeira equipa e primeira divisão, ainda que no campeonato belga.

O que sinceramente me custa a sério neste processo, quer saia ou permaneça o Luisão, é a forma como o processo foi mal conduzido. O mesmo já tinha acontecido com Nuno Gomes, o mesmo pode acontecer com Maxi Pereira, o mesmo acontece com muitos assuntos diariamente na gestão desportiva do Sport Lisboa e Benfica.

Não está em causa o resultado final da decisão, se fica ou se sai o jogador A ou B. O que está em causa é a forma pouco cuidada e pouco profissional que muitas decisões são tomadas, expondo o Clube, a SAD e os adeptos a situações perfeitamente evitáveis.

A gestão desportiva e a gestão de recursos humanos não é igual à gestão de "qualquer coisa" ou "qualquer negócio", é preciso estar rodeado de pessoas com elevadíssima sensibilidade para um conjunto de matérias muito delicadas que, se pouco cuidadas (como tem sido o caso), acabamos expostos ao desnecessário.

A explicação de perder jogadores para o Porto

 ●  9 comentários  ● 
"Estou muito feliz com essa nova etapa da minha vida que se inicia em janeiro, pois é um grande clube, habituado a ganhar títulos também. Mas até lá continuarei a dar sangue pelo Santos e quero, com os meus colegas, ser campeão brasileiro e do Mundial de Clubes em dezembro", afirmou Danilo

Quer queiramos, quer não, esta é a verdadeira explicação. Os jogadores já não fazem finca pé para ir para o Benfica, quando têm a oportunidade de ir para o clube do mesmo país que ganha mais títulos e lhes dará mais exposição a esse nivel, deixando a sua imagem associada a títulos e vitórias.

Podemos esconder-nos atrás de muitas teorias de subornos e outras coisas, mas a dura realidade é que eles nem precisam de subornar os jogadores ou empresários para ter a vontade dos jogadores e empresários do lado deles. Enquanto o Benfica não criar uma cultura e organização de vitória constante, isto não vai mudar e vamos continuar a perder jogadores.

Desmentir ou não desmentir...

 ●  1 comentário  ● 
O que leva o Benfica a apressar-se a desmentir o Record, como se fosse um brinquedo para o director de comunicação andar entretido, mas deixa constantemente de fora desta palhaçada que são os desmentidos, as investidas feitas pelo O Jogo ou Sporttv. Porquê?

E já agora que credibilidade têm estas atitudes quando a seguir outros orgãos de comunicação aparecem com confirmações dos empresários sobre o interesse do Benfica?

Urreta

 ●  2 comentários  ● 
Urreta fora da pre-eliminatoria para ser para rir ou quem sabe chorar.... Um dos atletas em melhor forma do Benfica fica de fora....

BenficaSempre

Aí está o SLBenfica 2011/12

 ●  22 comentários  ● 
Com a apresentação de Capdevilla (que jogador!), acho que podemos dizer que (salvo alguma saída não prevista de Luisão ou Cardozo) o plantel do SLBenfica está fechado quanto a entradas.

Como já aqui tenho escrito, aparte de uma habitual desorganização característica de um clube que tem gente a mais, com protagonismo a mais... e com competência a menos, a direcção do SLBenfica fez um excelente trabalho na construção do plantel para 2011/12.

Claro que podemos sempre questionar porque não o jogador A em vez do jogador B, isso é óbvio. Acho que até com Messi, Ronaldo, Xavi e companhia ia haver dúvidas em porque não antes Fabregas. Mas aparte disso e procurando esquecer por agora o desnorte que foi de contratar mais um camião de gente, muitos deles a pensar no futuro é certo, mas outros que sabemos que nunca jogarão no SLBenfica.

Podemos também lamentar a ausência portugueses no plantel ou a falta de aposta de Jorge Jesus nos jovens da nossa formação, especialmente nos que apresentam mais competências para "pegar" no plantel: David Simão e Nélson Oliveira.

Podemos ainda alertar para a teimosia e falta de capacidade de liderança de Jorge Jesus que colocam em causa muito do investimento feito nesta temporada onde, reforço mais uma vez, a Direcção fez apostas muito fortes, inteligentes e seguras.

Mas não é hora de apontar a isso, feita a apresentação do plantel, gostaria de partilhar a minha leitura do referido plantel, ao mesmo tempo que enquadrar o que na minha opinião podem ser as ambições comparativamente à época anterior e aos rivais.

BALIZA
Todas as grandes equipas têm uma estrutura composta por dois guarda-redes de grande qualidade, dois potenciais titulares, e um jovem com valor. Olhamos ao plantel do SLBenfica e está lá tudo: Artur Moraes, Eduardo e Mika. Dois portugueses e um brasileiro que justifica a aposta. A baliza do SLBenfica tem tudo para dar certo, seja Artur ou Eduardo o titular e é importante que Mika seja a aposta para a Taça da Liga.

DEFESA
Que luxo ter Garay e Capdevilla na mesma equipa. O primeiro é um central que faz lembrar Gamarra ou Ricardo Gomes - que saudades de ter um central assim, que só não foi titular no Real Madrid por ter no plantel grandes defesas como Sérgio Ramos, Pepe ou Ricardo Carvalho pela frente... e um bocadinho de teimosia do Mourinho.

A compor o quarteto, a "contratação" que falta é a renovação de contrato de Maxi Pereira. Este vale quase um "quanto é queres, Paco?". É mesmo assim... acabar com o folhetim, mesmo que nos custe muito mais dinheiro que justamente deveria. O Maxi vale, o Maxi justifica. E já vamos, atente-se numa defesa composta por Maxi, Garay e Capdevilla! Um luxo...

Fica a faltar o companheiro de Garay, sim o companheiro, com o argentino acho que temos um verdadeiro "patrão". Eu tenho muita fé neste jogador se ele não se acomodar e chegar com vontade de mostrar o seu valor - é aqui que Jorge Jesus deveria ter um papel fundamental, mas não sendo possível (porque não tem capacidade para isso) deveria ser Carraça a gerir isto.

Esse companheiro deveria ser, no ideal, Luisão. Mas sinceramente percebo a posição dele ao cabo de sete anos, 30 primaveras e cada vez menos brasileiros no "gang do chopinho". Isto para já não falar na potencial perca de estatuto de "patrão" da defesa. Não podemos censurar esse desejo do capitão Luisão, mas o jogador e o Bertolucci também têm que o fazer da forma correcta e encontrar uma grande proposta para o SLBenfica poder abrir mão do seu capitão, logo numa temporada onde Moreira e Nuno Gomes também saíram, tornando talvez Maxi Pereira e Cardozo nos jogadores com mais tempo de Clube... 4 temporadas (vão para a 5a).

Não podendo ser Luisão, que este não saia por uma proposta na ordem dos 10M€ que nos permitissem o investimento em Mangala, um jovem de elevado potencial e com já muitos minutos de futebol europeu nas pernas.

Na retaguarda destes jogadores que oferecem todas as garantias, Jorge Jesus deveria aposta (a meu ver) em jovens de elevado potencial e preferencialmente portugueses. Miguel Victor tem tudo para ser uma boa aposta para suplente, tal como Roderick. Seriam as minhas duas escolhas e optaria pela saída do Jardel. Alternativamente, manteria o Jardel e emprestaria o Roderick a um clube da primeira divisão onde jogasse com regularidade. Nos centrais penso que estamos bem servidos e é importante que o Jesus saiba promover a rotatividade, especialmente nos jogos mais acessíveis e nas Taças nacionais.

Essa máxima é valida também para as laterais. Na esquerda Emerson será a alternativa a Capdevilla, com muita pena minha não foi feita a aposta no Mário Rui. No flanco oposto Wass parece fora do baralho, pelo que haverá a expectativa para ver se o lugar de opção a Maxi será para Ruben Amorim - que já manifestou que não é o que mais lhe agrada - ou mesmo a permanência de André Almeida. Esta última opção não me agrada porque o André é um médio direito e não um lateral. Nem todos os médios podem dar bons laterais.

No meio campo defensivo, vão perdoar-me mas o Matic não me enche assim tanto as medidas como a muitos de vós. Entendo a sua permanência, até porque Jesus gosta de jogadores possantes para aquele lugar, mas eu apostaria em Nuno Coelho para alternativa a Javi Garcia e, no 4-3-3 também não seria Matic a alternativa a Witsel (excelente jogador), mas sim Carlos Martins. Ainda assim, seria pouco sério dizer que Matic não é bom jogador ou não tem o espírito de luta que é necessário - tem! Mais uma vez, em 4-4-2 ou 4-3-3 é importante que Matic possa ir servindo de alternativa a Witsel ou Javi Garcia.

Neste sentido, Nuno Coelho e Carlos Martins são para uma incógnita no que toca à sua permanência. Ficam... saem! Estou apreensivo quanto às oportunidades que terão se ficarem, contudo acho que se Jesus fizer o que raramente é capaz de fazer - rotatividade bem planeada - que o SLBenfica tem a ganhar (e muito) com a permanência deles.

Já no meio campo de ataque, com Witsel, Aimar e Gaitan para o centro do terreno (sim, Gaitan para o centro do terreno) parece-me que Bruno César tem um espaço de manobra muitíssimo reduzido! Não é seguramente um médio ala que sirva de alternativa a Nolito, como David Simão pode servir (mesmo sendo nº10), não é um interior como o David também pode ser. Ele é um puro 10, pouco habituado a um futebol rápido. Acho que teria tudo a ganhar em ser emprestado um ano em Portugal, até - um clube tipo Guimarães, por exemplo.

Nas alas, Nolito e Enzo Perez são craques e serão donos e senhores dos lugares, devidamente apoiados por dois jogadores que podem fazer as duas alas, Urreta e Gaitan, mas também David Simão ou mesmo Ruben Amorim, Carlos Martins e até Jara. Não faltam soluções seja para 4-4-2 ou 4-3-3.

Na frente de ataque, Cardozo parece-me "deslocado" deste filme de um futebol veloz de "passa e desmarca". Se jogarmos com dois avançados, fará muitos golos de encosto porque sabe estar no sitio certo. Eu sinceramente gostava de ter um jogador mais móvel... um Nolito, mas não estou com isto a tirar qualidade a Cardozo, apenas a dizer que precisávamos de outro tipo de avançado, talvez com outras características e com isto dizer que me agrada muito a ideia da contratação de Soriano.

A contratação de Soriano reveste-se ainda num factor complementar muito interessante: Sendo um jogador de grande qualidade, a sua capacidade de entendimento de longa data com um jogador que será um diferenciador de qualidade no plantel este ano - Nolito.

Contudo, o quadro actual de avançados, só faria sentido a entrada de Soriano, se houvesse uma proposta muito tentadora por Saviola, como acredito que possa vir a aparecer. Não saindo Saviola ou Cardozo, parece-me que estamos servidos no que toca à frente de ataque, dado o complemento assegurado por Rodrigo, Jara e Nélson Oliveira - e há ainda a hipótese Rodrigo Mora que poderá não ser um dado adquirido que saia.

Hoje o jornal O Jogo fala ainda que na Turquia, fontes próximas do Besiktas dão conta de uma proposta por Hugo Almeida - não me desagrada em absoluto - até por ser português. Soriano e Hugo Almeida só fariam sentido se acontecesse a saída do Cardozo e do Saviola.

Mangala se sair Luisão, Hugo Almeida se sair Cardozo, Soriano se sair Saviola. Será esta a ideia de Luis Filipe Vieira?

Apresentacão II

 ●  2 comentários  ● 
Eu sou doente do Benfica mas ainda consigo ver que há coisas menos boas no nosso clube.... li alguns comentários que fizeram ao meu post ,eu admito tudo , mas agora nunca ponham em questão o meu benfiquismo , porque mais benfiquista que eu é difícil ,é por isso que eu sai do estádio da luz no dia da apresentação algo apreensivo .
Mas como vos disse também aquele plantel para mim é o melhor plantel do mundo e por eles que eu vou cantar ate a voz me doer , é por aqueles jogadores que eu não vou dormir quando empatarmos um jogo.
Mas pelos visto não conseguimos começar um época sem o Sr. Luisão tentar ser a estrela do Benfica. Primeiro lugar acho que o Luisão e um grande jogador e que faz muita falta nesta equipa do Benfica, mas como pessoa e como capitão tem falhado e muito. Devia ser um orgulho para ele ser capitão do Benfica e acima de tudo a forma como tem sido acarinhado pela direcção , em todas as pré épocas tem respondido as suas birras com aumento de ordenado.
Por isso já chega , não sei quem tem razão se é o record ou o jogo uma coisa eu sei o jogador tem contrato , tem um clausula de rescisão por isso como ninguém pagou a clausula o jogador tem de se apresentar quando o clube mandar e ponto final. Alias se garay já esta cá o nosso capitão também devia ter tido vontade de participar na festa de apresentação do Benfica....


BenficaSempre

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Dupla para sonhar

 ●  21 comentários  ● 
Asneiradas e desorganizações habituais no Benfica à parte, queria só dizer que Garay e Luisão é uma dupla que me agrada muito. Que grande jogador é Garay. Juntamente com Witsel e Nolito são três adições de enorme qualidade. E temos ainda a dupla segura da baliza: Artur e Eduardo. Capdevilla dispensa apresentações e Maxi idem. Enzo Perez tem tudo para dar certo e Gaitan a 10 brilha como poucos (só Aimar consegue). Uns toques na frente de ataque e... Venham de lá essas vitorias à Benfica. Só falta o JJ não complicar...

Benfica continua a despachar gente

 ●  5 comentários  ● 
Depois de ter ontem visto o Jesus continuar a trocar os pés pelas mãos quando tem um plantel com tanta qualidade (aliás esse é o problema, ele já não tem mãozinhas para aquilo) vejo que o Benfica continua a arrumar a casa:

O Alípio que fomos comprar ao Real Madrid, vai ter um fabuloso empréstimo ao América Natal da serie C do Brasil, é tipo a 2a B cá do sítio.

Também o Elvis que diz o Jesus que o impressionou, foi emprestado ao Leiria depois de ter sido recambiado do Brasil por indisciplina. Mais um craque.

O Roberto a caminho de Espanha e Peixoto, Shaffer e Fernandez já nem apresentados foram.

Entretanto o CM diz que o Porto não vai desembolsar 13, mas 16 milhões. Aposto que nesta já muitos acreditam no CM, pudera dá jeito (o comentário é só para não termos a mania de mandar a baixo quando dá jeito e depois acreditar quando é a nosso favor).

Apresentacão

 ●  17 comentários  ● 
Aconteceu aquilo que eu mais temia , sair hoje do estádio da luz desiludido com tudo e com muitos medos para a nova época....
Desculpem se vou alguns pormenores parvos mas acho que é nas pequenas coisas que se vê os grandes clubes e os grandes homens....

1º- Que festa tão mazinha o nosso clube ofereceu hoje aos sócios e adeptos do nosso clube, o que aquela dança africana tem haver connosco???? Qualquer um de nos preferia por meia dúzia de miúdas giras a dançar ao som de musicas do Benfica, ou então por os gatos fedorentos apresentar o plantel tenho quase a certeza que faziam isso de borla.

2º- Qual é a equipa do mundo que faz apresentação do novo plantel sem apresentar o capitao? Sei que não podia estar de corpo mas pelo menos a foto dele, do maxi, do rodrigo, e do nelson oliveira devia ter sido mostrada ou não fazem parte do plantel?

3º- Será que não tinha tido mais lógica apresentar só os 28 que vão ficar no plantel? Qual é a lógica apresentar o Roberto e o Júlio César que todos sabemos que não ficam?

4º A uns anos Rui Costa era apresentado com a equipa esta ano não teve esse direito porque?

Quanto ao jogo tenho de ser sincero , e não gostei, acho que para um equipa que tem um jogo Tao importante daqui a uma semana já devíamos estar a jogar muito melhor, mas também entendo que ainda e altura de fazer experiências.
Gostei da estreia de emersson e de garay , não vi nada em B. César e em Wistel mas vamos esperar e não por ninguém la em cima e começar a deitar a baixo os outros temos tempo para uma avaliação mais cuidada....

BenficaSempre

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Lamentável, Sr. Jesus

 ●  35 comentários  ● 
A festa de apresentação do SLBenfica é isso mesmo... a apresentação dos jogadores do SLBenfica aos seus sócios e adeptos. Houve tempo para Emerson aterrar em Lisboa e fazer 90', houve tempo para Eduardo jogar, Garay também (que grande jogador), houve até tempo para Mora que só tinha jogado 22 minutos até ao momento...

... mas não houve tempo para dar o prazer e incentivo a dois jovens, que pelo menos um deles fará de certeza parte do plantel, para ter nem que fossem 10 minutos de jogo no dia da apresentação. Falo de David Simão e Ruben Pinto (este então nem um minuto sequer teve esta temporada).

Lamentável! Este é um exemplo do que sustento para dizer que o Sr. Jorge Jesus deixa muito a desejar em matéria de liderança.

Desculpem preocupar-me, como dizem alguns, com "peanuts"... Serão talvez "peanuts" para alguns, estarão outros preocupados já com o jogo do Trabzonspor, mas seguramente que nada teria ficado em causa se tivesse havido este pequeno cuidado, este gesto de incentivo para com dois jovens da nossa formação, deixados ao esquecimento.

Enquanto agir desta forma pouco cuidada, pode ser um bom treinador, nunca será um treinador à Benfica.

Entretanto, a adicionar ainda Mika, lá foram apresentados quatro guarda-redes e mais uns quantos jogadores que não vão ficar no plantel. Não se percebe...

Em defesa de Roberto I

 ●  15 comentários  ● 
Portugal, 20 de Julho de 2011

Telejornal RTP, hoje, 13h40: “o FCP contratou Danilo ao Santos por 13 milhões de euros, ganhando a contratação ao Benfica que também estava interessado no jogador. Vítor Pereira consegue assim o 7º reforço da temporada sem ter perdido qualquer das principais referências da equipa” e “o Benfica faz logo à noite o seu jogo de apresentação aos sócios, devendo ser apresentados os reforços Garay, Eduardo, Capdevilla e Emerson. Os sócios irão sentir a falta de 2 referências da equipa, Fábio Coentrão que foi transferido para o Real Madrid e Nuno Gomes que assinou pelo Braga. Para a presente temporada o Benfica já despendeu cerca de 26 milhões de euros”.
Que é que uma noticia da RTP tem a ver com a minha homenagem a Roberto? Há tempos atrás – 1 de Junho - colei aqui um texto intitulado “obesidade mental” no qual dava conta do que pensa um tal de Prof. Andrew Oitke de Harvard sobre as relações entre a comunicação social e o comportamento individual e colectivo das pessoas.
Escrevi também que “há muito que nas minhas cogitações de leigo, percebi que as mensagens da comunicação social não são iguais nem agressivas e geradoras de instabilidade para todos os clubes. E percebi que há uma modulação de conteúdos das mensagens em função dos poderes económicos que hoje tomaram conta dos órgãos de comunicação social (ocs), sejam jornais, rádios e televisões”.
Como se pode concluir, esta notícia RTP tem uma orientação que vai no sentido de esconder dos ouvintes que o FCP já gastou cerca de 30 milhões de euros com as suas contratações de Iturbe, Kelvin, Kléber, Alex Sandro e Danilo e que se hoje o FCP tem todas as suas principais referências futebolísticas é porque ninguém no mercado internacional, faz ofertas que lhes agradem porque Pinto da Costa já disse que 10 deles são substituíveis. Por outro lado, ao anunciar o jogo do Benfica e uma noite que se supõe de alegria, acrescentam logo de seguida algo para “cortar” essa alegria: a referência aos jogadores ídolos que já não estão. A indicação dos milhões que o Benfica gastou, vai na mesma linha de criar uma preocupação financeira e aumentar a pressão desportiva, pois quem gasta tanto quer ganhar desportivamente. E se os adeptos acharem que se gasta para ganhar, obviamente vão para o estádio cobrar mais da equipa. Aumentar a pressão cuja existência se conhece, mas que se teima em não perceber de onde vem a principal força que a aumenta: da comunicação social.
Foi também a comunicação social que “destruiu” as possibilidades de Roberto ter ambiente adequado a poder justificar as suas enormes qualidades. Como espero demonstrar com base na selecção de títulos, artigos de opinião, comentários, etc., que publicarei nos próximos textos, com os comentários que entender adequados.
Esta destruição contou uma vez mais, com a colaboração, por omissão, da Direcção do Benfica. Se falamos que o Benfica tem uma má política de comunicação social, o que é verdade, o caso de Roberto é dos que melhor exemplifica como se pode destruir um investimento elevado e inverter as regras da moral e da ética, em que os bons devem sair sempre a ganhar. Com o beneplácito da Direcção, onde uns pensam que ele é um bom guarda-redes e outros pensam que não. Onde o factor divisão de opiniões nunca resulta a favor do Benfica mas dos interesses e vaidades de quem lá está.
O interesse deste assunto é que não é virgem e repete-se ao longo dos anos. Sem que as pessoas, incluindo as da Direcção, se apercebam. Ou sem que percebam que têm de fazer algo porque estão em causa investimentos do Benfica e as expectativas de profissionais de futebol e respectivas famílias. Para além das expectativas dos sócios e adeptos do clube.
Termino este texto com o exemplo que vai marcar a directriz dos próximos: em 18 de Janeiro de 2004, o Benfica recebeu e venceu o Boavista por 3-2. Na Rádio Renascença, o relato foi conduzido por João Fonseca, com comentários de João Rosado e Pedro Sousa, este em estúdio. No 1º golo do Boavista disse João Rosado “concordo com o João Fonseca de que o Moreira tem alguma responsabilidade no golo”. Acrescenta o Pedro Sousa: “realmente Moreira não está isento de culpas”.

Se os adeptos nunca perceberam porque é que Quim foi contratado em Agosto de 2004, basta somarem muitos e muitos exemplos de comentários como este, sobre as alegadas insuficiências de Moreira na baliza. 7 anos depois nada mudou. Agora tocou a vez a Roberto!

Quem ganha com esta Guerra?

 ●  8 comentários  ● 
Espero que Giorgio, o Corrupto tenha parado para pensar depois da asneira que fez. Se por um lado soube mais uma vez intrometer-se num processo negocial do SLBenfica, tirando partido do trabalho feito pela estrutura da Luz (parece que não chega ser organizado)...

... por outro lado desta vez o SLBenfica vendeu-lhe cara a derrota obrigando-o chegar a limites irracionais para adquirir dois brasileiros: Danilo (13M€ + 10%) e Alex Sandro - dois sub20 que sendo bons não são bons o suficiente para estar na "canarinha" que esteve na CopaAmérica.

Esta "guerra" entre SLBenfica e FCPorto é única no Mundo!

Ninguém, em nenhum país no Mundo, tem levado a rivalidade a limites do irracional, ao incentivo à violência e à confusão do futebol e da rivalidade saudável no campo e fora dele... com o conceito de inimigo.

Todo o conceito de poder de Pinto da Costa alicerçou-se na rivalidade Norte/Sul... mas com a chegada de Luis Filipe Vieira ao SLBenfica, talvez ferido no seu passado relacional e de amizade com Pinto da Costa, essa rivalidade ultrapassou os limites do aceitável.

Estes dois processos (Alex Sandro e Danilo) que levaram um clube português a investir uma verba de 22,5M€ em dois jovens de 19 ou 20 anos que pouco provaram ainda no futebol e que olham para o futebol português como uma oportunidade. À medida que as dificuldades financeiras e a crise da dívida (também dos clubes) é uma realidade, parece que os dirigentes fingem que não se passa nada e continuam alegremente a por em causa toda a estrutura do futebol nacional a troco de rivalidades, protagonismos e atitudes infantis.

O que se segue? Que mais loucuras vai cometer este dirigente, corrupto por sinal, para mais do que procurar o sucesso do seu clube, preocupar-se acima de tudo com o evitar o sucesso de um clube rival?

Isso não é desporto...! Isso é estupidez! São esses comportamentos de "vale tudo" que depois passam cá para fora comportamentos extremados nos vândalos das claques portistas e que nos fazem pensar duas vezes em ir ao futebol com a família em dias de jogos com o FCPorto.

Isto já não tem a ver com FCPorto, com SLBenfica... já não tem a ver com futebol ou com desporto! Isto já tem a ver com um extremismo que a cada ano que passa ultrapassa mais um limite. Será que vai parar, por exemplo, se morrer alguém?

Será que vai parar se um dia um lunático, levado por estes exemplos, resolver cometer um crime contra um dirigente ou um jogador de um destes dois clubes?

Esta mensagem é válida para os dois Presidentes. Um porque sempre procurou incentivar um rivalismo regional estúpido a pretexto de ser a única forma de dar dimensão a um clube que ele tem consciência que nunca terá a dimensão, apoio e capacidade do SLBenfica. O outro, porque se deixa ir atrás deste tipo de comportamentos, querendo responder-lhe na mesma moeda sem ter nem a astúcia, nem a capacidade para lutar nesse campo (desta vez estivemos bem mais perto).

Eu percebo os objectivos de Pinto da Costa: Enquanto obrigarem o SLBenfica a dedicar-se a este tipo de questões, não nos dará oportunidade para nos organizarmos e estruturarmos a nossa Organização de forma preparada para todos os desafios.

Infelizmente, a solução passa exactamente pelo que fez Luis Filipe Vieira: Continuarmos a fazer o nosso trabalho, tentando melhorar a nossa competência organizativa, mas sem nunca esquecer de espreitar por cima do ombro, lançando pelo caminho umas armadilhas à estrutura do FCPorto altamente orientada a este tipo de extremismos, mantendo uma noção clara dos limites, tentando que sejam eles a ultrapassá-los ao ponto de contribuírem sozinhos para a queda do seu próprio império. Uma espécie de estratégia à Sun Tzu.

Genial Presidente genial!

 ●  16 comentários  ● 
Falando um pouquinho mais a sério do que o caro pjsimoes sobre o negócio Danilo gostava de congratular o Presidente do clube por ter feito o Bufoso estropiar por completo as finanças dos corruptos para "roubar" o jogador ao Benfica.

Ao subir a parada para os 13 milhões, conseguiu criar um negócio absurdo que, ironicamente vai ser bastante aplaudido pelos adeptos Corruptos pois o seu Capo conseguiu roubar mais um reforço do Benfica. Uma vitória pírrica obviamente, pois foi um negócio alcançado em condições absurdamente desfavoráveis para os azuis: 13 milhões mais 10% de uma futura transferência e a vinda em Janeiro de um lateral direito de 20 anos.

Isto depois de ter forçado o Porto a estourar a quantia absurda de 10 milhões de euros pelo suplente do nosso velho conhecido Leo enquanto o Benfica foi buscar o lateral-esquerdo do campeão francês por tuta e meia (sendo um jogador de 24/25 anos, logo com maturidade, experiência competitiva na Europa além de poder ser rentabilizado no futuro) e um internacional espanhol de reconhecida qualidade e super motivado para lutar pela presença no Europeu de 2012.

Para além de ter obrigado os idiotas de Contumil a estourar milhões em dois jovens verdes brasileiros no cômputo global, e confirmando-se que apenas Coentrão será vendido da equipa titular a construção do plantel deste ano foi bastante bem gerida:
- Contratação de bons valores (Garay, Enzo Pérez, Witsel, Bruno César, Emerson, Capdevilla, Artur, Eduardo),
- O nosso quinhão de jogadores roubados aos Corruptos (como Witsel e Bruno César),
- Com um certo equilíbrio entre os gastos de transferências (6 milhões Enzo Pérez, 7,5 milhões por Witsel, 5 milhões por Bruno César, 2,5 milhões por Emerson - 21,5 milhões) e receitas de transferências (24,5 milhões + Garay por Coentrão).

Agora falta apenas que os outros membros da estrutura encarnada estejam á altura: que Carraça frequente as casas onde as trafulhices com os árbitros são preparadas e que Jesus abra a pestana e finalmente estruture e aproveite todo o imenso potencial humano que lhe foi posto á disposição.

Começo

 ●  5 comentários  ● 
Depois de algum tempo de ausência , porque não gostei que da censura que foi sujeito no post que eu escrevi volto hoje a escrever porque hoje começa a nova época do nosso Benfica!
Depois de uns dias passados no suíça para JJ descobrir que plantel queria e podia ter no Benfica espero que hoje no estádio da luz entrem hoje os 28 melhores jogadores do mundo ( sim porque apartir de hoje é altura de apoiar estes jogadores para ver se em Maio la estamos nos com uma grande bebedeira a gritar que somos campeões). Dos 5 jogos que o Benfica fez apenas não vi o jogo contra o Dijon mas apesar de ser muito cedo já há algumas confirmações e outras nem por isso.

Matic- Gostei muito deste jogador, sinceramente estava a espera de menos sabe ocupar o espaço e tem visão de jogo , sai a jogar rápido e com passes longos pode ser um excelente jogador para dar descanso ao Javi ou para jogar com um duplo pivot nos jogos mais complicados

A. Almeida - Não e defesa direito , fez o que pode para ajudar a equipa , tecnicamente o não me parece mau jogador gostava de o ver jogar no lugar dele, mas também concordo que deve ser emprestado para ganhar "andamentos"

B. César- Acho que se pode resumir este jogador da seguinte forma é um jogador tipicamente brasileiro.Muito bem com a bola nos pés mas correr atrás dela "ta quieto" , só pode jogar a 10 nunca a extremo com JJ esta a tentar , faz me lembrar o Roger mas inferior....

Artur- O melhor que posso dizer é que esta ano vamos jogar com guarde redes, o ano passado olhávamos para a baliza e víamos pânico , agora olhamos para la e vimos o oposto , esta la presença , confiança, calma e muita qualidade.

David Simão- Deste jogador só quero pedir um coisa por favor metam a jogar no lugar dele , para mim e um excelente jogador.

N. Coelho - Não e nenhum fora de serie mas é um jogador com qualidade de deve ficar no plantel , pode ser um R. Amorim , quando entra não sabe jogar mal pode ser muito útil neste plantel.

Nolito- Traz a equipa a fúria espanhola , mesmo não jogando bem sempre que entrar no jogo de certeza que vai mexer com a equipa e levar para o ataca, vi grande jogos dele e um menos bom mas tenho a certeza que sempre que saltar do banco vai mexer com a equipa

E. Perez- É um senhor jogador, pode não explodir neste primeiro ano mas e daqueles que não engana , tem técnica e muita vontade, ataca e defende mas também acho que pode render mais no meio do que nas alas....

Witsel- Ao contrario deo nosso treinador ainda nao vi nada deste jogador, pode ser um super jogador nao digo o contrario mas os minutos que vi dele não consegui descobrir nada....

Se como tudo indica hoje vão ser apresentados Capdvilla , Emersson, Eduardo acho que fica a faltar um ponta de lança para fazer concorrencia a Cardozo mas senão vier não faz mal porque apartir de hoje são os 28 melhores jogadores do mundo....

Dia de boas notícias na Luz

 ●  10 comentários  ● 
Olhando a imprensa, é só notícias interessantes e que me enchem de entusiasmo para a nova temporada:

- Luisão inegociável, independentemente do seu pretenso desejo de sair. Eu também quero muita coisa que não tenho.
- Maxi Pereira motivado, para começar já ganhar na Champions
- Danilo péssimo negócio para o FCPorto (quem acha que vão continuar as transferências de milhões depois das novas regras de FairPlay Financeiro está enganado e Alex Sandro e Danilo custaram 22,5M€ juntos e um deles só vem em Janeiro e ainda cedem 10% futura tranferência.
- Garay, Eduardo e Capdevilla estarão hoje na Luz para se estrearem
- Miguel Victor e Roderick, como eu desejava, devem ser os terceiro e quarto centrais, dado que - como faz sentido - Ruben Pinto parece estar a caminho de um empréstimo ao Aves
- Urreta, com o feliz falhanço de Danilo, vai ficar no plantel
- Roberto e Julio César serão os dois colocados. O primeiro não tinha condições emocionais para cá ficar o segundo não tem qualidade
- Por mim o plantel está fechado a entradas e saídas, agora é trabalhar forte e procurar colocar bem os jogadores a emprestar e tentar vender os que estiverem mesmo a mais

Como já disse antes, Jorge Jesus tem pouco a queixar-se do que a SAD lhe proporcionou. Desta feita Luis Filipe Vieira meteu "a carne toda nos assador" e, imagine-se, a custos controlados algo que nos dias que correm é muito complicado. Ele está de Parabéns, como está pela não-loucura de ter empanzinado o negocio do Danilo e do Alex Sandro até o Giorgio se estropiar todo.

terça-feira, 19 de julho de 2011

Muro das Lamentações: Danilo nos corruptos

 ●  69 comentários  ● 
Este post foi aberto unica e simplesmente para que todos nós possamos desabafar depois dos corruptos nos terem ganho o Danilo.

Força aí na caixa de comentários!!! Desabafem e digam o que vos vai na alma!!! Toca a malhar em Vieira, no Rui Costa, no JJ, no roupeiro ou em quem quiserem porque sei que muitos de vocês não vão dormir esta noite depois deste roubo. Quando falo em roubo não estou a falar dos valores que o Santos sacou aos corruptos.

Estava tudo a correr bem e agora sem Danilo fiquei desorientado e já nem sei como iremos conseguir jogar.

Metro do Porto ou Estádio do Dragão? Pagam os contribuintes...

 ●  7 comentários  ● 
Em 2009 foi assunto a "denúncia" feita na blogsfera benfiquista do favorecimento do FCPorto na construção do Estádio do Dragão. Dizia-se na altura num blog benfiquista, entre outros assuntos, a propósito da contribuição do Metro do Porto:

"o custo inicial do Estádio do Dragão apontava para valores a rondar os 123,3 Milhões de euros, mas no final a obra acabou por custar 98 Milhões de euros ao Futebol Clube do Porto. Para esta diferença entre o valor orçamentado e o valor concluído (descida única no mundo das obras de construção portuguesas) existe quem assegure que tal se deveu ao facto de a Metro do Porto (Empresa de capitais públicos) ter assumido o pagamento das fundações do Estádio do Dragão pelo facto de ter construído nessa altura o Terminal do Dragão, ou seja, neste caso estamos a falar em cerca de 25 Milhões de euros de apoios indirectos, já que a Metro do Porto podia ter feito uma Estação normal na Zona, e além disso trata-se de investimento em Acessibilidades ao Estádio do Dragão."Hoje, conhece-se que o Metro do Porto tem que liquidar 200 milhões de dívida até Agosto, fruto de uma gestão na altura presidida por... Valentim Loureiro.Ora, volvidos pouco mais de cinco anos deste horror económico, afirma o jornal I e o JN que será "o governo vai pagar a dívida de 200 milhões de euros da Metro do Porto ao banco francês BNP-Paribas". in Jornal I

Depois da cedência pro valores irrisórios, praticamente zero, do Centro de Estágio Porto-Gaia para o FCPorto utilizar a seu bel-prazer com o dinheiro dos contribuintes...

... Depois do arquivamento em tribunal do processo de Nuno Cardoso pelos benefícios concedidos, enquanto presidente da autarquia do Porto, onde a justiça fez questão de permitir que fossem os contribuintes a pagar esses elevadíssimos (e ilegais?) benefícios directos e indirectos dados ao FCPorto para a construção do Estádio

... Agora mais um exemplo de pagamento pelos contribuintes dos excessos cometidos pelo Lobby do Norte em prol do Futebol Clube do Porto, cujo presidente ainda tem a lata de reclamar poder à Capital, ao Parlamento da República.

UMA VERGONHA!

... Como pergunta Pedro Santos Guerreiro, do Jornal de Negócios, e quem paga os meus 200 milhões? Questionando-se se é para este tipo de humilhações que vai servir o dinheiro da troika?

Apresentação do Benfica na Benficatv

 ●  16 comentários  ● 
NÃO! Apresentação do Benfica na RTP1. Ora porra! Então temos dinheiro para dar 180 jogos de uma porrada de equipas, mas depois escolhemos empoxar dinheiro da RTP para dar a transmissão da apresentação do Benfica, quando se podiam fazer umas coisas bem interessantes como ouvir os jogadores, treinador, o Carraça? Perdem-se assim oportunidades que não se entende.

Já sei que precisamos de dinheiro, mas se temos para ir buscar jogadores que nem sequer vão jogar, não temos meia duzia de patacos (digo eu que devem ser uns 50.000) para por o jogo no canal do Benfica?

Pedido de Desculpas, Parte II

 ●  33 comentários  ● 
Pronto, tal como antes o Jorge Jesus afinal é real potenciador e salvador do SLBenfica e não se lhe devem pedir nem assacar responsabilidades porque ele já demonstrou que é o maior, agora fica também claro que no SLBenfica está tudo bem também no que diz respeito à organização.

Confesso que algumas das coisas escrevi de forma propositada para obter algumas reacções também elas premeditadas.

Objectivo cumprido em poucas horas e que só vem provar a minha tese sobre a forma como se interpretam as notícias dos jornais: A GENERALIDADE DE NÓS NÃO PERCEBE O ESSENCIAL E LIMITAM-SE AO ACESSÓRIO.

Eu escrevi o tópico a dar uma opinião/sugestão para melhorarmos em matéria de organização e movimentação num mercado de transferências cada vez mais espremido, mais concorrencial e mais mortífero.

Resultado? Fixaram-se 99% dos comentários nas desculpas dos jornais, procurando sustentar a tese de que eles, sendo uns mentirosos avençados, são uns dos grandes culpados dos problemas do SLBenfica ao invés de se preocuparem com o que nos diz realmente respeito, com a nossa própria evolução e melhoria.

Talvez este pequeno exercício de "controlo da mente" seja suficiente para percebermos porque os jornais vendem muito à nossa custa.

Quando desistimos da nossa própria evolução e nos preocupamos em disparar contra os outros sem querer investir tempo a melhorar a nossa própria atitude... pouco mais há a concluir.

Do tópico anterior fica a conclusão dos leitores: Nós estamos bem, a imprensa é mente e nos prejudica nos negócios porque estão comprados pelos interesses corruptos! Oh pobres de nós que não fazemos o mesmo... (pouco!)

O "negócio" Danilo

 ●  29 comentários  ● 
Ponto prévio: Eu não acredito que os jornais mintam! Acredito, sim, que fruto do momento actual onde as vendas são colocadas à frente dos interesses deontológicos de divulgação, informação e respeito pelos valores e pela verdade.

Isto para vos dizer que não acredito em "invenções" de jornais sobre supostos interesses de clubes em jogadores, com o objectivo de defender os interesses seja de quem for.

Ao mesmo tempo, também não acredito que os clubes apenas manifestem interesse nos jogadores que efectivamente procuram compram. Qualquer grande clube que se preze, e mesmo os mais pequenos, ao longo de uma temporada faz centenas de observações, através dos seus observadores, e muitas dessas chegam a contactos informais para aferir a disponibilidade e condições de transferência dos jogadores, por forma a serem comunicadas as directivas completas aos clubes.

Ora, perante estes cenários há dois factores a ter em conta: 1. Aos empresários interessa dar conta disto à imprensa por forma a valorizar e divulgar o seu produto - os jogadores; 2. Aos jornais interessa ter estas conversas para alimentar, porque infelizmente vendem muito. Depois é tudo uma questão de "habilidade" de escrita para uma simples sondagem ser comunicada como um interesse real.

Só com milhares de observações, centenas de contactos e dezenas de negociações se consegue chegar a algumas poucas boas contratações.

Penso que esta minha teoria explica bem o porquê de todos os defesos aparecerem vários nomes ligados ao SLBenfica como supostas contratações. Eles só são efectivamente "supostas contratações" porque os benfiquistas teimam em não entender este tipo de questões e papam qualquer nome como futura contratação, futuro craque, logo videos do Youtube... enfim, os benfiquistas são aquele tipo de adepto que agrada à redacção dos jornais.

Essas redacções de jornais, no que às secções do SLBenfica diz respeito, estão a ficar cada vez mais próximas das redacções da Lux ou da Caras. Escreve-se todo o tipo de "fofoca" que o benfiquista é ávido disso, escreve-se as peças jornalísticas com títulos sugestivos porque basta ler o título para o benfiquista tirar as suas conclusões.

Agora, no que toca aos jogadores "desviados", quero dizer que RECUSO por completo essas desculpas esfarrapadas de que o SLBenfica nunca esteve interessado no jogador A ou B apenas porque ele foi para um rival, que o envolvimento do SLBenfica foi "inventado" pelos jornais para denegrir o Clube junto dos sócios, como estratégia de vitória bla bla bla bla... Esqueçam! Não compro essa!

Há dias o Dr. Vitor Bento, a propósito da campanha contra a Moody's dizia que era muito céptico sobre mega teorias da conspiração que visavam de forma constante uma mesma vítima (no caso era o Euro). Eu penso da mesma forma sobre esta questão.

Posto isto, é hora de os benfiquistas perceberem que o problema não está nos jornais, não está sequer no oportunismo portista que utiliza este tipo de "movimentações" para enfraquecer um rival directo ao mesmo tempo que se reforça. No caso dos jornais acho que não têm qualquer culpa neste tema e no que diz respeito aos portistas, é uma estratégia como qualquer outra.

O VERDADEIRO PROBLEMA
O que interessa então, como já disse no passado, é evitar que este tipo de situações aconteça. Se não podemos controlar as estratégias de clubes rivais que procuram neste tipo de jogadas enfraquecer-nos e reforçarem-se numa só "tacada", temos que saber ser mais astutos e incisivos neste tipo de processos.

Há semanas o Prof. Manuel Sérgio falava num clube blindado, depois de uns dias antes o jornalista Jorge Batista ter falado na existência de escutas de deixavam claro que o FCPorto era informado de ocorrências nas SAD de SLBenfica e SportingCP.

No SLBenfica, e as recentes declarações do Dr. Rui Gomes da Silva foram um bom exemplo disso, a bazófia e a sede de protagonismo é enorme. Todos gostam de se considerar parte de alguma coisa e isso acaba por abrir "buracos" em toda a estrutura. A pessoa A partilha com a B pedindo-lhe que não conte a ninguém e este vai só partilhar com a C porque confia pedindo-lhe que não conte a ninguém, repetindo este o mesmo processo... e pronto: Assunto nos jornais ou, pior, assunto no conhecimento de quem não devia.

MAS HÁ PIOR AINDA!
Se a necessidade de protagonismo constitui o verdadeiro problema, ou seja, a incontinência verbal que alarga as informações por várias pessoas, o timming com que isso acontece é ainda pior.

No SLBenfica tudo se sabe cedo demais! Quando começam as conversas exploratórias, quando as negociações se iniciam... lá vai o assunto de boca em boca até chegar às bocas erradas e aos jornais. Se isto não constitui qualquer problema em meras abordagens exploratórias feitas ao longo da temporada, pior se torna quando se trata efectivamente de jogadores com quem o SLBenfica pretende contar...

O mercado de bons jogadores é cada vez mais disputado e basta uma noticia num jornal, num momento demasiado antecipado das negociações, para isso representar a disputa de outros clubes.

Se é verdade que é difícil conter as informações prestadas pelos clubes vendedores e pelos respectivos empresários, mais verdade ainda que aumenta essa dificuldade se deixarmos os processos negociais arrastarem-se na esperança que a pressão negocial feita na imprensa e nos jogadores nos ajude a pagar menos.

E QUANDO ACHÁVAMOS QUE NÃO PIORAVA... PIORA!
Em resumo: O SLBenfica negocia mal, mas isso não acontece porque as pessoas são incapazes, mas sim por dois motivos:
1- Não dominam os meandros do futebol e acreditam de forma inaceitável que dominam
2- Não restringem as negociações a funcionários/dirigentes do clube, envolvendo com frequência emissários, muitas vezes de pouca confiança e que acabam por fazer jogo duplo.

Na prática o SLBenfica tem que ter na sua estrutura A PESSOA responsável por TODAS as negociações de jogadores (compras, vendas, dispensas, empréstimos...) tem tudo que ficar sob a responsabilidade de uma pessoa, que tem que ter um staff de funcionários do Clube - com remuneração variável indexada ao sucesso qualitativo e aos resultados desportivos.

TODOS as negociações têm que ser conduzidas directamente por esse responsável e secundadas pelo seu staff que devem representar os seus pilares jurídicos, financeiros e operacionais. Um staff de duas, três pessoas (máximo).

Ora, se todos os processos, sem emissários a conduzi-los, forem levados a cabo EXCLUSIVAMENTE por este responsável e o seu staff, se houver "fugas de informação" é fácil perceber onde estão e "cortar o mal pela raiz". Mais, esse responsável não pode ser escolhido porque se dá bem com o Presidente (e com isto já estou a assumir que o Presidente não tem a mínima capacidade para o cargo), tem sim que ser escolhido pela suas competências de conhecimento do mercado, relação directa com os principais países, fundos de investimento em jogadores, empresários, etc.

Só com uma estrutura dedicada, exclusiva e altamente restrita em termos de recursos e relação com o resto do clube, permitirá começar-se a desenvolver métodos negociais mais eficazes, mais assertivos e que não arrastem as negociações ao ponto de fazer valer a pena aos vendedores o envolvimento de "concorrência".

É a tal postura "sniper" que em tempos falei num tópico aqui no blog. Podem recordar aqui: A postura "Sniper" que se exige

Na actual estrutura apenas Rui Costa tem (em parte) este perfil, tendo ainda ele próprio um longo caminho a percorrer. No cenário ideal, já o afirmei, para lidar contra Pinto da Costa e Carlos Freitas só uma dupla impossível constituída por Rui Costa e José Veiga.

CONCLUSÃO
Enquanto o SLBenfica continuar a confiar em emissários ou em incontinentes verbais para conduzir processos negociais, continuarão a aparecer dificuldades após dificuldades porque a informação difunde-se ao mesmo tempo que o SLBenfica não compreende como nem porquê vão aparecendo as dificuldades.

Voltamos ao tema da "Organização" que o Prof. Manuel Sérgio diz ser exemplar e que eu continuo a considerar o calcanhar de aquiles do SLBenfica. O Presidente não sabe lidar com muitos dossieres relacionados com a gestão desportiva e acaba pecando por excesso ou defeito na ânsia de ser capaz de fazer tudo, ao mesmo tempo, evidencia uma incontinência verbal motivada pelo seu entusiasmo e vontade de partilhar o que estará prestes a conseguir fazer bem... e acaba a fazer mal.

Solução? ORGANIZAÇÃO!
Não é de hoje nem de ontem esta minha sugestão! Não se resolve com cada vez mais "profissionais" para quem é igual se vem este Danilo ou fica o André Almeida, o Urreta ou outro qualquer.

A solução passa por criar uma estrutura organizativa virada para dentro, muito restrita (ou seja com poucos elementos de decisão), altamente capaz e com uma enorme paixão pelo sucesso e especialmente pelo sucesso do SLBenfica. Precisamente o inverso do que temos no SLBenfica hoje...

Ao mesmo tempo importa ter um departamento de Comunicação bem perto de todos os possíveis pontos de divulgação da informação, podendo actuar para a conter e/ou fazer contra-informação, desviando a imprensa dos reais objectivos, introduzindo novos (mas fictícios) e inclusivamente direccionando os clubes concorrentes para as direcções erradas de forma premeditada e organizada, ao invés de depois de correr mal virmos comodamente dizer "ah e tal não estávamos interessados e só usaram o nome do Benfica para aumentar o preço, eles pagaram foi muito porque os enganámos". Por amor de Deus... já ninguém acredita nessas balelas.

Ou então... se calhar está tudo bem e sou só eu que estou a desestabilizar e a ver o copo meio vazio como me vão acusando.

PS- Sim, o SLBenfica está interessadíssimo no Danilo! Sim, acho que o FCPorto não tem a mínima hipótese de ficar com o jogador! Sim, acho que com o deixar arrastar das negociações o FCPorto intrometeu-se apenas para fazer o SLBenfica aumentar a parada e com isso ganhar mais um aliado que fica em dívida futura com eles...

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Nem tudo é bom e nem tudo é mau

 ●  14 comentários  ● 
Pessoal, nem tudo o que se passa no Benfica é bem feito e nem tudo é mal feito. Nem JJ é o supra sumo dos treinadores, nem é o pior dos treinadores.

Há muitas coisas bem feitas esta época, mas mesmo muitas mas também há aquelas mal feitas. Atenção a um pequeno pormenor que faz toda a diferença, o que eu ou outro adepto qualquer acha que foi mal feito, não quer dizer que na prática tenha sido mesmo mal feito, ou seja, como não vai de encontro á nossa opinião nós achamos que foi mal feito mas tal pode não ter acontecido. As nossas opiniões baseiam-se naquilo que nos chega pelos jornais, pelo que visualizamos em jogos, pela nossa ideia de futebol ou pelos conhecimentos que fomos adquirindo ao longo dos anos a visionar futebol e até por vermos como outros clubes funcionam, etc., mas falta-nos sempre muita informação que nos passa ao lado porque simplesmente não estamos lá para ver.
JJ tem uma característica muito especial e que já foi dita por jogadores e por quem o conhece bem, que é ser um homem de convicções, ou seja, em linguagem aqui da malta, é um teimoso. Por vezes isso pode ser bom mas por outras pode não ser bom prejudicando-o e, mais grave, prejudicando o Benfica, vide a época passada.

Com isto quero dizer que não estou totalmente satisfeito com o que foi feito, não porque JJ foi incompetente mas porque a minha opinião em relação a determinadas opções não vão de encontro ás minhas, mas isto não faz de mim melhor que JJ, que sabe mais de futebol a dormir do que eu acordado.

Não vou falar de quem entrou e de quem saiu, vou falar daqueles que ainda cá estão e num sector que apresentava debilidades. Como adepto, e não estando dentro de todos os pormenores, a minha opinião é que JJ não geriu bem a questão da falta de Máxi, Luisão, Garay e do defesa esquerdo que ainda está para vir.

As perguntas que eu faço são as mesmas de milhares de Benfiquistas. São perguntas ás quais eu não tenho resposta e quem mas pode dar certamente tem mais que fazer.

As questões são as seguintes:

- Porquê André Almeida na direita e não Wass?
- Porquê Faria na esquerda e não Shaffer ou César Peixoto? - Sim, Peixoto é bem melhor que Faria na esquerda.
- Porque não testou a dupla Faria e M. Vitor?

Penso que muitos de nós fazemos estas perguntas e as respostas que lemos por aí são variadas, algumas até são mesmo rebuscadas.

Estou mesmo expectante para ver como JJ irá montar o meio campo este ano, porque não foi por questões de qualidade dos defesas que sofremos tantos golos o ano passado, foi no meio campo que tivemos o nosso grande problema com JJ a insistir num modelo kamikase, lá está as tais convicções de JJ que prejudicaram a equipa. Eu quero acreditar que JJ aprende com os seus erros e espero um Benfica com um meio campo forte e equilibrado, um meio campo forte nas transições ataque-defesa que foi o que falhou na época passada.

Lembrem-se sempre que quando alguém critica JJ não quer dizer que JJ esteja mal ou que seja incompetente, quer dizer que somente existem pessoas com opiniões diferentes, desde que não passem para o lado do insulto.

A pré-temporada - fase 2

 ●  14 comentários  ● 
Portugal, 18 de Julho de 2011

Com a vitória no torneio de Guadiana, concluímos a 2ª fase da pré-temporada, marcada pelo evoluir das rotinas de jogo por parte dos jogadores e pelo acentuar de definições do plantel, embora de forma não definitiva devido a várias contingências (a Copa América e contratações de última hora).

Sobre as questões de natureza táctica, volto a sublinhar que não é nem nunca foi, meu propósito criticar o treinador do Benfica no sentido de por em causa a sua continuidade. Mas tenho a minha sensibilidade e conhecimentos que permitem criticar a insistência na adaptação de Fábio Faria a defesa esquerdo, deixando de lado um activo que faria seguramente melhor a posição, Schaffer, e obrigando ao recuo de Javi Garcia que é um trinco de excelência e, como já se verificou, não é substituível por Matic (bom jogador mas de fraca cultura defensiva).

Jorge Jesus voltou a alinhar o quarteto defensivo que tinha sido titular na derrota com o Dijon, pelo que concluo que não percebeu porque perdeu esse jogo. O papel de Javi no meio campo é essencial para filtrar jogadas dos adversários. Quanto menos poder de choque o Benfica tiver no meio campo, mais facilmente os adversários conseguem ganhar as segundas bolas e construir jogadas que passam por meter a bola em profundidade pelo meio dos centrais. E eventualmente obrigam o guarda-redes a jogar mais à frente da baliza (para as dobras).

Deste modo a nossa segurança para os próximos jogos não passa pelo regresso de Luisão e Garay, mas sim porque isso significa que Jorge Jesus terá de colocar Javi no papel de trinco. Quer também isto dizer que Javi terá de se entrosar jogando, uma vez que nos últimos 3 jogos adquiriu rotinas de defesa central. E o próximo jogo oficial vem já aí, e é de alta responsabilidade.

Quero com isto dizer que a gestão do plantel, no sector defensivo, está a ser feita de forma errada e pior: previsivelmente errada. Dizia ontem um comentador da Benfica TV, no pós-jogo, que o treinador tem de tomar decisões e arriscar. Deu o exemplo do Fábio Coentrão que foi adaptado com sucesso a defesa lateral, para explicar a insistência de JJ por Fábio Faria e depois da lesão de Miguel Vítor, por David Simão.

Claro que o treinador tem que tomar decisões e arriscar. Mas uma coisa é arriscar respeitando as características físicas e técnicas do jogador, outra coisa é arriscar tipo “fezada”, 1x2 totobola a ver se dá. Fábio Coentrão, tal como Miguel antes dele, tinha rotinas de médio-ala, pelo que a adaptação a defesa não foi de todo incompreensível. Nem original, como se comprova pelo caso do Miguel. Já não se pode dizer o mesmo de Fábio Faria que com mais de 1.90m nunca poderá ser um bom lateral, ou David Simão que nestes 2 jogos que jogou adaptado, brilhou nas jogadas de golo onde apareceu pelo meio. Como ele gosta e pelos vistos, sabe jogar.

Jorge Jesus após 2 anos de Benfica, continua a querer “re-inventar a roda” e a ser um profissional que denota pouca humildade na assunção dos lapsos que prejudicam o individual e o colectivo. Como resultado disto, o Benfica vai abordar o 1º jogo da 3ª pré-eliminatória com uma defesa que não dá garantias de garantir a inviolabilidade da nossa baliza, e este pensamento aplica-se às duas hipóteses, seja (1) pela inclusão de Garay e Luisão, com Javi a trinco, seja (2) pela manutenção da dupla Miguel Vítor Javi, com Matic a trinco. A primeira solução não dá garantias por falta de entrosamento, a segunda não dá garantias por falta de qualidade defensiva do meio campo.

Jorge Jesus é contudo acompanhado por um Director Desportivo, Rui Costa, que este ano se diz estar mais perto da equipa, e por uma Direcção onde pontifica o Sr.º Vieira que diz estarmos melhor que nunca em matéria de credibilidade, mas a realidade é que só contratamos depois de vendermos uma “pérola”. E depois de a vendermos não paramos enquanto não gastarmos o dinheiro todo.

Não me parece que seja este o caminho mais adequado para colocar o Benfica à prova da batota dos árbitros portugueses e da crítica dos analistas desportivos. Aliás a crítica sobre o futebol do Benfica já começou, embora o nível da mesma seja suave. Para já. Quando a bola rolar a sério, eles já têm muitos temas para desenvolver e tornar o Benfica naquilo que tem sido nos últimos anos: um clube de polémicas e intranquilidade.

Deste ponto de vista, esta 2ª fase da pré-temporada, foi um falhanço.

A regra do Fair Play Financeiro da UEFA

 ●  4 comentários  ● 
Em traços muito gerais, porque o documento é complexo, vamos ver o que diz então a lei. Os clubes têm que se preocupar cada vez mais com esta futura regra da UEFA para participação nas competições deste organismo

A regra básica do novo regulamento da UEFA é clara: os clubes não devem ter despesas superiores às receitas no conjunto das três épocas anteriores

As contas dos clubes na temporada de 2011/12 serão as primeiras a ser analisadas à lupa. A UEFA aguardará pelas contas seguintes - referentes à temporada/exercício de 2012/13 - para tomar as primeiras decisões.

Ora, se todos os custos estão a cair precisamente nesse exercício, lá se vai a teoria de estarmos a antecipar seja o que for... Seja aquisições, seja custos elevados com salários tudo penalizará os clubes perante esta regra da UEFA.

Se algum clube quiser preparar-se para esta regra, a solução passa por uma crescente e qualitativa aposta na FORMAÇÃO!

Assim, o exercício de 2010/11 foi o último em que os clubes europeus puderam gastar de forma descontrolada. As contratações do passado serão amortizadas ao longo dos anos e entrarão igualmente nas contas dos próximos exercícios, é certo. Mas uma parte do investimento (contratação, salários) já pôde ser incluída nas contas de 2010/11.

Ao longo da época de 2013/14, a UEFA fará a análise das contas dos clubes nas duas temporadas anteriores (2011/12 e 2012/13). A partir da época seguinte (2014/15), a UEFA passará a analisar blocos de três exercícios financeiros. O objectivo é que os clubes atinjam o ponto de "break-even" (ou limiar de rendibilidade) no cômputo desses blocos, isto é, que o conjunto das receitas seja suficiente para cobrir todas as despesas. Quem não o fizer será penalizado pela UEFA.

A UEFA tomará em consideração apenas as receitas e despesas directamente ligadas à actividade do futebol.

A UEFA olhará para proveitos tradicionais dos clubes como bilheteira, direitos audiovisuais, marketing, patrocínios, merchandising e transacção de jogadores e para os custos salariais, contratações, FSE (fornecimentos e serviços externos) e outras despesas com as actividades do futebol.

Eventuais receitas com operações ligadas ao imobiliário, por exemplo, serão descartadas. Por outro lado, as despesas relacionadas com a formação de jogadores e os investimentos nas infra-estruturas desportivas (estádios, centros de treinos) serão excluídas e não entrarão no cálculo do "break-even".

Roberto emprestado

 ●  12 comentários  ● 
... ao Saragoça. Não havia outra solução, aí vão 8,5M€ deitados ao rio.

Afinal está tudo bem, Desculpem!

 ●  24 comentários  ● 
Sinceramente não se entende! Começo a acreditar que o SLBenfica é o clube perfeito. O Clube onde todos estão imunes a críticas e a que lhes sejam pedidas responsabilidades. Só é pena é que títulos... poucos, mas mesmo isso a malta vai começando a dizer que "são poucos mas bons", parecemos cada vez mais o Sporting - claro que só se explica pela Corrupção e o Vale Azevedo!

Desde 1992 (vai para 20 anos), o SLBenfica conquistou três títulos de campeão apenas. Três em vinte anos - claro que só se explica pela Corrupção e o Vale Azevedo!

Nesse período, já chegaram à Luz cerca de 227 jogadores, a uma média de 10 jogadores por ano e treinadores são mais de 20. Só desde 2007, já gastámos mais de 160M€ na contratação de jogadores - fora salários, rescisões e afins - claro que só se explica pela Corrupção e o Vale Azevedo!

Devia dar que pensar, logo num ano em que o SLBenfica já contratou mais 15 jogadores e se prepara para aumentar esse número. E dar que pensar em quê?

No facto de não podermos MESMO falhar. O endividamento do SLBenfica é enorme, as finanças estão muito, muito saturadas e já se esgotaram praticamente todas as fontes de receitas, isto para já não falar num serviço de dívida (juros) com um peso enorme e crescente - claro que só se explica pela Corrupção e o Vale Azevedo!

Mas ainda assim, se passam "cheques em branco" a tudo e todos no SLBenfica. Como acontece com o país, só quando "estivermos na merda" é que os benfiquistas vão dizer "ah e tal se não tivessem feito isto, se não tivessem gasto naquilo, se não tivessem aturado aqueloutro".

Da minha parte, tive o cuidado de chamar antecipadamente a atenção, no tópico Vieira deu-lhe tudo! Ele que não falhe agora!, para um conjunto de situações que me parecem, na minha opinião, potenciadoras de riscos para o SLBenfica. Contudo, temos que ter a humildade de aceitar que a democracia diz que "ganha a maioria".

Ora, a maioria diz que Jorge Jesus é que sabe, que pode continuar com aquela atitude de quem veio com a sua super sabedoria para salvar o ele faz parecer um "clubezeco Benfica" (está tão enganado, coitado). Comodamente, Jesus, como Vieira, tem sempre uma desculpa, só nunca o vi a ele a ter foi... culpa de nada - claro que os culpados são a Corrupção e o Vale Azevedo!

E quando assim é há que saber "guardar a viola no saco" e esperar pelo momento do "eu avisei" ou (desejavelmente) do "ainda bem que me enganei". É uma chatice quando acontece a primeira, que invariavelmente essa maioria defensora não gosta de ouvir, porque é aborrecido. Quando acontece a segunda, fico aliviado de perceber pouco das coisas e que os meus receios não se confirmam.

PS- Villas Boas e Mourinho que se cuidem, porque o Jesus é que percebe de potenciar jogadores. Se não fosse ele, não sei o que seria do SLBenfica. Se tiverem alguma dúvida sobre potenciar o Ramires, DiMaria, Coentrão ou David Luiz, perguntem ao Jesus, se não fosse o Jesus eles seriam pouco diferentes do Filipe Menezes, que o Jesus se esqueceu de potenciar.

domingo, 17 de julho de 2011

Vieira deu-lhe tudo! Ele que não falhe agora!

 ●  26 comentários  ● 
As minhas diferenças para com a gestão de Luis Filipe Vieira são muitas. Para com o homem e a pessoa Luis Filipe Vieira são NENHUMAS! Quando discordo de algumas acções, discordo disso mesmo, de acções, políticas, decisões... nunca da pessoa.

Isto para vos dizer que, como sempre fiz e não admito que ninguém o desminta porque as provas estão escritas no blog, quando se deve elogiar... sempre elogiei Luis Filipe Vieira e a sua equipa. Mas quando entendo que há motivos para criticar algumas atitudes, não escondo o desacordo.

No entanto, há muito tempo que vos digo que esta temporada tem tudo para dar certo. Luis Filipe Vieira, num estilo próprio um pouco atabalhoado no que toca a política desportiva, deu a Jorge Jesus tudo o que pode e tudo o que ele pediu. A meio da pré-temporada e a menos de 10 dias do início dos primeiros objectivos "a doer", é hora de fazer um ponto da situação.

Se noutras ocasiões algumas decisões de Luis Filipe Vieira condicionaram totalmente a temporada, nesta temporada o esforço pela permanência de alguns jogadores, aliado à loucura desenfreada para conseguir todos os pedidos do treinador, colocam toda a responsabilidade sobre Jorge Jesus. Se mais não fez, foi porque não soube, não deu ou não lhe foi pedido.

Poucos directores desportivos admitiram, na mesma temporada, contratar três guarda-redes. Nem isso a Direcção do SLBenfica se negou. Artur, Eduardo e Mika para uma revolução total, incluindo um pedido referenciado por Jesus e que custou 8,5M€ +2M€/ano.

Na defesa, Garay é um valor seguro e Capdevilla dispensa apresentações, tal como o desejo perseguido por Mangala, aliado à permanência de Luisão e Maxi, quando em Janeiro Jesus tinha pedido mais um brasileiro que agora dispensa - Jardel - e ainda o jovem Carole que deverá ter o mesmo destino para a chegada de Emerson e Capdevilla (dois bons jogadores).

As apostas na formação para Jorge Jesus são assim tipo um almoço que avó lhe obriga a comer. David Simão nunca pôde jogar nem 10 minutos a médio, Ruben Pinto nem um minuto, Nélson Oliveira deve acabar a jogar tanto como Weldon, Miguel Victor teve que lhe mostrar em campo o que só ele não via e Mário Rui saiu porque ele em Janeiro achou que o Carole é que era... mas afinal não é.

Para o Brasil voltaram Eder Luis e Kardec que ele trouxe em Janeiro da temporada anterior (09/10), tal como Filipe Bastos que Carraça em tempos impingiu ao SLBenfica. E responsabilidade pedida a Jesus? Nada! Agora chega de lá também Bruno Cesar que faz lembrar Roger, tem habilidade mas é pouco produtivo, espero que venha a render muito mais (recordo que ele vem de competição... não está em pré-temporada).

Jesus pediu ainda Witsel, um excelente jogador, mas parece que vai conseguir fazer uma baralhação imensa no centro do campo com Aimar e Witsel, encostando de novo Gaitan a uma posição que não é sua, tudo porque é teimoso e não quer sequer testar o 4-3-3 que beneficiaria, Witsel, Gaitan, Nolito, Jara, Enzo Perez e, claro, Aimar que joga bem em qualquer sistema ou posição. Pelo caminho veremos que destino está reservado para Urreta. Os responsáveis do Santos e o Danilo falam em proposta do Benfica real, se assim for, lá vai mais um bom jogador que já conhece o Benfica e a Europa ser dispensado para vir um puto brasileiro.

No ataque, Cardozo está igual a si próprio, no entanto, com Rodrigo a impressionar e Nelson Oliveira a ser "imposto" pelas regras da UEFA, inacreditavelmente Rodrigo Mora foi contratado, mas como não foi pedido por Jesus... simplesmente teve 20 minutos para mostrar o que vale.

Aliás, se virmos, os jogadores trazidos pelo "scouting" do Benfica foram: Mora, Wass, André Almeida e Nuno Coelho. O que eles têm em comum? A falta de oportunidades por parte de Jorge Jesus. Rodrigo ia pelo mesmo caminho e Nolito, também sugerido pelo "scouting" apesar da qualidade nunca jogou sequer de início.

Em resumo, Jorge Jesus não tem espaço para falhar!
Obrigou a SAD pela terceira temporada consecutiva a fazer os maiores esforços financeiros e até a cometer algumas loucuras de gestão desportiva. Ao contrário de outros anos, nesta temporada será fácil perceber quem será o culpado de um insucesso que será difícil alcançar. Ou seja, esta temporada será mais complicado a Jesus falhar do que acertar...

Jorge Jesus já custou ao SLBenfica muitos milhões de euros em erros. A seu pedido chegaram jogadores como Roberto (8,5M€), Eder Luis (3,8M€), Kardec (2,5M€), Menezes (1,5M€), Julio Cesar (0,5M€), Peixoto (0,4M€), Fábio Faria (2M€), Leo Kanu (1M€), Weldon (0,2M€), Jardel (1,5M€), Fernandez (1,5M€) e Airton (3M€). Todos dispensados mais tarde por Jorge Jesus esbanjando mais de 20M€.

Não estou a colocar a competência de Jorge Jesus em causa.
Não estou sequer a dizer que ele não é o homem que vai levar esta equipa ao título!

Nem sequer estou a criticar o seu trabalho, mas sim a pedir-lhe que o faça com menos teimosia e mais humildade. Estou a pedir-lhe de uma vez por todas que entenda que ganhou o 32º titulo do SLBenfica, não ganhou os 32 títulos. Aliás, há jogadores do SLBenfica que já ganharam muito mais no clube do que ele em toda a carreira.

Portanto, é hora de humildade, muito, muito trabalho e parar de acreditar que só Jorge Jesus é que sabe "potenciar jogadores" como ele diz (e pior: na Luz acredita-se) e que o SLBenfica só tem a ganhar com a sua "sabedoria". Tem muitas soluções (algumas ainda a caminho) e muito esforço e dinheiro dado pela SAD. É hora de retribuir com mais humildade e trabalho do que cagança e com resultados que nos orgulhem!

ranking