O blog Novo Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade.
novogeracaobenfica@gmail.com

2 de maio de 2022

ERC "salva" Porto Canal

Avatar
| 19 comentários

Denunciamos em primeira mão no NGB todos estes contratos pornográficos entre entidades públicas do norte do país e o Porto Canal.

Um canal detido a 100% por um clube de futebol e que tem sido instrumento para crimes como o da revelação de mails privados. Sem paralelo em Portugal ou fora do nosso país.

Nem sequer as audiências justificam qualquer compra de espaço nesse canal, pois até o NGB tem mais mais audiência diária que 99% da programação da andrades TV.

Nunca ninguém tinha questionado sequer porque o Porto Canal regista os contratos através da FC Media ou através da Avenida dos Aliados.

Mais ainda: foi aqui no NGB que se levantou pela primeira vez a questão sobre os contratos de várias entidades do norte com o Turismo do Norte, incluindo o Porto Canal, e que hoje se conhece como "Operação Éter".

Como se pode ler na notícia do jornal I(link), o FC Porto goza de uma protecção por parte do Estado que vem dos anos 30 do século XX, nos primeiros tempos do Estado Novo.

Um clube de medíocres que só existe porque é consecutivamente protegido, por um lado, e porque temos tido desde a segunda metade dos anos 90 presidentes do SL Benfica miseráveis que preferiram amizades pessoais ao superior interesse do SL Benfica.

Esperamos que em breve finalmente tenhamos um presidente benfiquista e que saiba, e queira, colocar o SL Benfica no seu lugar cimeiro e o FC Porto no seu lugar de clube de província.

____________________________________________

Em causa estavam duas dezenas de contratos comerciais, datados de 2014 a 2018, entre o Porto Canal – detido pela Avenida dos Aliados S.A., empresa controlada pela Futebol Clube do Porto SAD (82,4%) – e outras entidades, entre as quais as autarquias do Porto, Braga, Matosinhos, Póvoa do Varzim e Chaves.

O procedimento cautelar da Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) que investigava os alegados contratos ilegais do Porto Canal com autarquias e outras entidades do Norte do país, que o i noticiou em 2018, acabou por ser arquivado por ‘caducidade’, o que pode ter poupado ao FC Porto, sócio maioritário do canal, uma coima máxima de 150 mil euros.

A notícia foi avançada pelo Página Um, que cita o Conselho Regulador da ERC, que avançou com o arquivamento do procedimento aberto há quatro anos. Em causa estavam duas dezenas de contratos comerciais, datados de 2014 a 2018, entre o Porto Canal – detido pela Avenida dos Aliados S.A., empresa controlada pela Futebol Clube do Porto SAD (82,4%) – e outras entidades, entre as quais as autarquias do Porto, Braga, Matosinhos, Póvoa do Varzim e Chaves.

Contratos alegadamente «suscetíveis de condicionar ou limitar a autonomia editorial do serviço de programas», conforme pode ler-se na deliberação da ERC. «Pese embora as diligências realizadas, o prazo para a conclusão do procedimento nos termos do citado preceito era 19 de junho de 2018, encontrando-se, por conseguinte, manifestamente ultrapassado», lê-se no mesmo documento.  

Se comentar anonimamente, não use o nickname Anónimo. Deverá inserir um nick seu (em Comentar como: opção Nome/URL).

19 comentários

  1. Anónimo2/5/22 11:50

    Há aquela canção dos Trabalhadores do Comércio com o titulo " Tá quietinho ou levas no focinho", por isso é que tudo aquilo que possa incriminar o FCP e a ser castigado fica sempre em águas de bacalhau. Para que é que servem determinados grupos a que pomposamente chamam claques?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo2/5/22 13:55

      O Roger Schmidt se soubesse na corrupção que se vem meter... não vai durar a comandar o futebol do SLB nem 3 meses!!

      Eliminar
  2. Anónimo2/5/22 11:50

    Na semana em que o porto pode vir novamente ser campeão á luz, é esta palha que atiram ás pessoas? Os benfiquistas são mesmo uns jumentos ao sol.

    ResponderEliminar

  3. Olha que as audiências do Porto Canal são superiores às da Benfica TV.
    É uma vergonha a Benfica TV não estar em sinal aberto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Águia Preocupada2/5/22 15:59

      Pois é! Podes agradecer ao dono do palheiro. O tal salvador do Benfica!

      Eliminar
  4. Anónimo2/5/22 12:12

    Pois eu só vejo porto canal têm programas interessantes a vida não é só futebol, os outros canais são muito centralistas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo2/5/22 15:41

      Tenta arranjar mais espectadores, mas não peçam mais dinheiro na ao Estado. Chamem novamente o julinho magalhaes e tudo começa a andar sobre rodas, cheio de audiências!!!

      Eliminar
  5. Finalmente tenhamos um presidente benfiquista que queira colocar o Benfica em cima e o contumil como clube de província? Quem é essa pessoa? O mauro 11 razões para votar vieira xavier?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Águia Preocupada2/5/22 16:02

      Ao que chegou o Benfica... Num universo de, talvez 50 mil sócios em posição elegível, não existir um, unzinho só para ser um presidente capaz...
      O que fizeram de ti meu querido Benfica!...

      Eliminar
    2. Anónimo3/5/22 06:39

      Porventura votaste no RGS? Então onde está a tua coerência e os teus lamentos?

      Eliminar
  6. Anónimo2/5/22 12:39

    Menos mal que em Espanha ficamos a saber os áudios entre o Rubí e o Geri presidente da Federação espanhola e o dono do grupo que organiza eventos desportivos como a taça Davis a super taça de Espanha na Arábia Saudita e dono do Andorra o jornal Confidential divulgado as escutas sem medos sem medidas cautelares aliás desde que à democracia em Espanha nunca nenhum meio jornalismo foi proibido de publicar apanharam miles de milhões no fisco graças ao football leakes a trama Gurtel entre outros e não passa nada, não interessa o meio da prova mas o fim mas ficamos a saber dos padres e missas é o César Falido da maleta entre outras coisas..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Paulo Guilhões2/5/22 14:31

      Isto à hora do almoço fica muito complicado ...
      Que gente mais estranha :(

      Eliminar
    2. Anónimo2/5/22 15:48

      Não percebo como é que um clube sob o comando da troika não saem da falência. É crónico isso; só falando aí com a doutora leninha de Matosinhos. Os directores e presidentes das câmaras respectivas estão ricos. Porquê? Não pedinchem mais para tb. Ela que se governe com o tem!

      Eliminar
  7. Anónimo2/5/22 13:03

    mau mau mesmo é levar com mais um titulo no focinho ali mesmo . Agora estas distrações para boi dormir. e já la vão 3 aninhos a chupar nos dedos. VOTE RUI COSTA benfiquista desde pequeninho .Até o Rúben É MAIS QUE ELE VERMELHO ...

    ResponderEliminar
  8. Anónimo2/5/22 13:48

    Em português sff!

    ResponderEliminar
  9. Anónimo2/5/22 14:06

    Mas já alguém viu o Caminhos da História do Porto Canal ? Sejam sérios, o Porto Canal não é apenas um canal de clube de futebol.

    ResponderEliminar
  10. Anónimo2/5/22 14:18

    Depois de mais um fim de semana do mais vergonhoso de sempre (parece impossível mas cada semana escavam ainda mais fundo nos roubos escandalosos), que chegou ao ponto de ir a competições juniores e de Sub-23 (que vamos aqui publicar também para que fique gravado para todo o sempre o estado degradante a que chegou o futebol Português), deixamos estes dados para reflexão (já que reflectir é a única coisa que a famosa patética newsletter do Sport Lisboa e Benfica recomenda):

    Grandes penalidades assinaladas a favor dos 3 grandes, nas últimas 4 Ligas:
    FC Porto: 47
    Sporting: 44
    Benfica: 25

    Grandes penalidades assinaladas a favor dos 3 grandes, nas últimas 2 Ligas:
    FC Porto: 25
    Sporting: 20
    Benfica: 7

    Grandes penalidades assinaladas a favor dos 3 grandes, de 2013 a 2017 (Épocas do TETRA do BENFICA):
    Sporting: 38
    FC Porto: 33
    Benfica: 27

    As conclusões são mais do que óbvias e deixam apenas um único caminho para o Benfica continuar a jogar em Portugal: introdução imediata de árbitros e VAR´s estrangeiros nos jogos dos 3 grandes. E obviamente não podemos entrar em absolutamente NENHUM processo de Centralização de Direitos Televisivos enquanto se mantiver esta regra do futebol Português em que o Calor da Noite não ser beneficiado pelas arbitragens é considerado um escândalo e em que o Benfica ser tratado de forma igual pelas arbitragens é ser escandalosamente beneficiado.

    ResponderEliminar
  11. Anónimo2/5/22 14:19

    - Noronha Lopes/Jorge Mattamouros: têm todo o nosso respeito por terem sido os únicos que se disponibilizaram a publicamente lutar contra um criminoso que tivemos ao leme do clube durante 17 anos e que nem Benfiquista era. Contra toda a máquina imparável de propaganda montada via canal do clube e cartilheiros estrategicamente colocados na comunicação social em geral. Perante uma massa associativa completamente ludibriada e manipulada por esse criminoso, deram o peito às balas. Mas é agora, mais do que nunca, que têm de se chegar à frente publicamente também. Como dissemos acima, a situação a nível desportivo é mais grave do que nunca. Estamos perante uma competição completamente viciada, em que dois clubes jogam com regras diferentes de todos os outros. Se nada for feito, estamos a falar de que a Aliança do Altis vai limpar 10 campeonatos nos próximos 10 anos. E sabem bem como nós que a Centralização dos Direitos Televisivos é a machadada final no nosso clube, que jamais terá capacidade de se recompor. O Benfica corre sérios riscos de desaparecer, pelo menos da forma como sempre o conhecemos e vivemos. Por isso, e porque sabemos que têm meios para se chegarem à frente, é esta a altura. E é agora ou nunca. Porque se deixarem passar este momento sem nos defenderem, para nós ficarão também para sempre riscados como opções para o Benfica. O momento é agora. Salvem-nos.

    ResponderEliminar
  12. tens razão mas..
    150 mil euros realmente era isso que os fazia abalar ui que era agora que abriam falência.

    ResponderEliminar

O NGB mantém registo dos comentários. Se comentar anonimamente, não use o nickname Anónimo. Deverá inserir um nick seu (em Comentar como: opção Nome/URL). Seja moderado na linguagem, senão será rejeitado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no contexto do blog.

ranking