O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sexta-feira, 20 de novembro de 2009

O Túnel da Corrupção

 ●  3 comentários  ● 
Já todos perceberam que a jogar futebol... não nos ganham! Os que não têm meios, usam o autocarro... os que têm meios fazem o quê?

Participações contra o Benfica
"o clube minhoto juntou aos vídeos participações contra Rui Costa e os jogadores Oscar Cardozo, Di María e Javi García".

Já todos sabemos que o Braga, em conjunto com quem manda no Sistema, arranjou forma de roubar pontos ao Benfica no jogo na "pedreira dos vendidos".


Não vale a pena voltar a repisar o tema. Mais do que tentar que Cardozo não jogasse com o Sporting... foi sim fundamental afastá-lo do jogo com o Braga (e se possível do máximo de jogos seguintes). A isto juntaram os cartões cirurgicos à defesa do Benfica.

Agora aparecem participações que afectam "apenas" os jogadores mais influentes da manobra do SLBenfica: DiMaria, Javi e Cardozo! Uma perfeita anormalidade?

Claro que não. Aproxima-se o jogo na Luz com o FCPorto, e com isso aproxima-se a possibilidade de dos corruptos levarem uma cabazada das antigas na Luz. Há que resolver desde já esse tema e avançar com todas as armas para a fragilização da nossa equipa.

As campanhas que se aproximarão por parte do jornalismo avençado já não são novidade, portanto eis uma marvilhosa e sublime tentativa de afastar do jogo do FCPorto o DiMaria, Cardozo e Javi Garcia. Tudo isto ocorre 20 dias depois do jogo com o Braga: 20 Dias!

Mas pergunto eu: E porque não Saviola e Aimar? A resposta é simples:

Para esses dois estão reservados, nos primeiros 15minutos de jogo, os miminhos de Bruno Alves e Raul Meireles.

Eu podia até lamentar-me com esta atitude do FCPorto, ops! do Braga... mas não o vou fazer. O que vou perguntar é:

O QUE TEM O BENFICA FEITO PARA SE ANTECIPAR A ISTO?

O QUE IREMOS FAZER PARA RIPOSTAR A ESTE TIPO DE ATAQUES?

Contra esta corja, ganhar em campo já não chega! É preciso mostrar-lhes que sabemos contornar estas estratégias e responder-lhes a um nível ainda mais forte, capitalizando o seu ataque para os... atacar a eles.

FICO À ESPERA, PRESIDENTE! Seja astuto... se quiser use algumas sugestões que o GB tem dado (ainda que acho que seguramente não deveria ser - nem será - preciso).

PS- Como a merda ligada à corrupção e doping nos azuis é sempre pouca... não percam os tópicos:

Code Name: AMARELINHA

Exclusivo GB: Mensagem de Madaíl @ Rapidinhas Gloriosas

Code Name: AMARELINHA

 ●  1 comentário  ● 
Atentem a esta situação ocorrida nos... juniores:

Hugo Moreira e Hélder Postiga formavam uma dupla temível no ataque dos jovens dragões, que viriam a conquistar o título nacional da categoria. Ambos sobem à equipa B do F.C. Porto, a par de nomes como Ricardo Costa, Bruno Alves ou Tonel. O baixinho Moreira, com apenas 175 centímetros, marcava golos como se não houvesse amanhã.

«Olhando para o meu passado, claro que me entristece a situação, não ter chegado à primeira Liga. Na altura, marcou-me bastante. Ainda para mais, sabendo que sou inocente. Calhou ser sorteado para o controlo. Eu apanhei seis meses, enquanto ao colega que estava comigo não aconteceu nada. Enfim, é melhor nem falar muito sobre esse assunto. Talvez um dia fale»

As pessoas ligadas ao futebol gostam muito de falar de histórias relacionadas com o doping no Benfica, dado a entender que o caso do Hernani que foi apanhado com cocaina, teria sido para esconder o real "dopado", que seria um jogador de topo do plantel.

Pois bem, atentem sobre a história acima e tirem as vossas conclusões à forma como se sacrificou um jovem promissor e com futuro para proteger alguém que tinha que se safar a uma situação de utilização de substâncias que adulteram as capacidades emocionais e físicas dos jogadores, a conhecida (aparentemente só as entidades competentes não conhecem) AMARELINHA!

Reparem que o jovem acima não fica surpreso por ter sido apanhado... mas sim que "só ele" o tenha sido.

Talvez com estas situações comecem a entender porque uns singram e outros não... ou porque alguns só jogam bem em determinado clube... e enquanto esse clube quer. Basta tirar-lhes a amarelinha e "puff".

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Narrar com o coração!

 ●  1 comentário  ● 
Oiçam: Link

Uma rapidinha...

 ●  4 comentários  ● 
Lembram-se disto: Os braços Armados do Poder ???

Pois bem, para os que me consideraram exagerado, leiam agora:

"Por favor, não me fiquem com o dinheiro dos bilhetes, que o pessoal dos Super Dragões mata-me." De acordo com os agentes da PSP ouvidos ontem no Tribunal do Bolhão, no Porto, foi este o desabafo de Bruno Mendes, membro da claque portista detido no dia 12 de Outubro de 2005, junto ao Estádio do Dragão, por venda ilícita de ingressos.

Nessa quarta-feira, dia de jogo entre Portugal e Letónia (3-0), Bruno e Adriano Silva, este já octogenário, foram apanhados por agentes da PSP a pedir 50 euros por bilhetes de 20 para o clássico entre FC Porto e Benfica, a realizar quatro dias depois.

Contudo, dos dois, apenas Bruno – com mais seis pessoas – foi levado para a esquadra mais próxima. Isto porque Adriano terá escapado graças à intervenção de elementos dos Super Dragões, entre os quais Fernando Madureira, ou ‘Macaco’, chefe do grupo de apoio, Hélder Mota e ainda António Oliveira, acusados de resistência e coacção. Depois de todos terem desmentido a autoria dos crimes, ontem foi a vez de os agentes da PSP testemunharem.

"Eles eram para aí trinta e estavam identificados com casacos dos Super Dragões. Empurraram-nos e diziam que nos f... a boca e pediam aos que estavam na carrinha para fugir", contou Cláudio Rocha.

Tanto Cláudio quanto o colega Valdemar disseram contudo que a partir de certa altura foi Fernando Madureira quem permitiu acalmar os ânimos na confusão.

Pois é... são relatos de agentes da autoridade que enquanto tentavam prender quem cometia crimes, foram eles próprios assaltados pelo braço armado do FCPorto e que assim garantiu a fuga desses elementos.

Antes disso, no momento da detenção, o criminoso afirmara que o mínimo era ser preso, porque o real problema era não entregar o dinheiro aos ChupaLadrões pois... seria morto!

Mais uma "descoberta" de JJ

 ●  Sem comentários  ● 
Foi hoje anunciada a contratação, a custo zero (estava sem contrato com o ManUtd, onde foi formado) Evandro Brandão. Poucos o conhecerão, a mim despertou-me a atenção à umas épocas quando jogava FM e me deparei com um português nos Sub18 do ManUtd. Depois disso já tive oportunidade de ver dele boas indicações ao serviço da selecção Sub18 de Portugal.



Não é um craque! Mas é claramente um jogador à imagem e estilo de Jorge Jesus que já na época passada o tentara resgatar para os juniores de Braga, tal como tentara com Jean Silva. Ambos estão agora no SLBenfica, ambos pela mão de Jorge Jesus que demonstrou aos responsáveis do SLBenfica tratarem-se de apostas seguras.

Jean Silva já o demonstra ao serviço dos juniores, para Evandro começa agora a aventura e terá em Jorge Jesus uma importante ajuda e um determinante incentivo na sua evolução. O Evandro te ainda um longo caminho a percorrer e é fundamental não queimar etapas na sua formação, pelo que entendo uma medida muitíssimo acertada a de o colocar nos juniores - pois todos sabemos que o JJ tem uma atenção especial para com a evolução destes jogadores, acompanhando sempre que pode os jogos realizados no Seixal.

Em paralelo a esta política de aquisição de jovens de elevado potencial - este ano já vamos em dois pela mão de Jorge Jesus - demonstra que o nosso treinador está a assumir uma elevadíssima importância na nossa estrutura no que diz respeito não só ao Benfica de hoje... mas também ao de amanhã e depois...

À margem desta estratégia, evoluem ainda ligados ao Benfica com contrato profissional, valores como Miguel Rosa (Carregado), Ruben Lima (Setúbal), Romeu Ribeiro (Gil Vicente), David Simão e Carvalhas (Fátima), Yartey e Leandro Piementa (Beira Mar), Lassana Camará, Danilo, Roderick e Nelson Oliveira (juniores), entre outros... todos fruto de um projecto de formação que deu um elevado impulso ao SLBenfica, mas que carece de continuidade para se manter na frente do pelotão... na frente do Sporting e do FCPorto, que continuam a apostar na formação em conjunto com a prospecção de jovens em idade já junior e juvenil.

Rui Costa (e/ou Jorge Jesus?) tem agora um desafio fundamental que é o de cada vez mais dar a estes jovens uma integração planeada, apoiada e estruturada no futebol profissional. Dos acima indicados, poucos são aqueles que nesta fase estão efectivamente num processo de início de carreira com perspectivas de poder vir a integrar o plantel do SLBenfica. Nesta fase talvez apenas Miguel Rosa e Yartey se aproximem deste patamar, mas ainda a alguma distância.

Poderá ser por falta de qualidade, não que sejam maus jogadores, mas cada vez mais têm que ser de excelência, de topo... craques que fazem a diferença. Mas também poderá por não estarem em clubes que tenham um enquadramento favorável.

Nesta última vertente, cabe-nos escolher antecipadamente os melhores clubes e até treinadores para tal (talvez por esta altura preparar já o plantel desses clubes na próxima época). Estabelecer modelos de colaboração e compensação desses clubes e/ou treinadores por apostarem nos nossos jovens, lhes darem responsabilidade e os ajudarem.

Não tenho dúvidas que, com o projecto-Carraça, demos um salto qualitativo muito grande na formação e na prospecção... mas esse salto tem cada vez mais que começar a dar frutos. É um excelente indicador o numero e tipo de jovens que aparecem com contrato profissional, mas a formação só dará efectivos frutos e uma real rentabilização do investimento quando os nossos jovens integrarem com um papel activo o plantel de forma sustentada.

Bem sei que temos jogadores com esse potencial (ou pelo menos assim o desejo) e anseio por ver esse potencial consumado e orgulhar-me de os ver no plantel principal, em campo a lutarem por uma camisola que sentirão sempre de forma especial.

Para concluir, e regressando ao tema Evandro Brandão, reforço a enorme alegria e entusiasmo que me desperta este envolvimento global de Jorge Jesus na estratégia do nosso futebol. Demonstra um trabalho a vários níveis notável e que é reconhecido como de elevada qualidade pela Administração da SAD, facto demonstrado na materialização das contratações quer para o Benfica de hoje... como para o Benfica de amanhã.

Obrigado JJ
Viva o Benfica!

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Teoria do Copo de Água: Meio cheio ou meio vazio?

 ●  3 comentários  ● 
Antes de mais gostava de me regozijar pelas recentes declarações de DiMaria e pelas notícias que dão conta que ele terá mostrado pouco entusiasmo na mudança para o City. Não posso desde já deixar de recordar uma quase antevisão desta situação, no meu tópico de ontem: Uma questão de coerência! onde desde a primeira hora disse que o City é pequeno para tamanha qualidade e dimensão do futebol no nosso DiMagia.

Não sou dono da verdade, mas o tempo tem-me vindo a dar razão num conjunto de matérias relevantes para o dia-a-dia do SLBenfica, ainda que no momento em que as apontei tenha sido muito mais fácil acusarem-me de "vendido" e muitas outras coisas.

Olhamos hoje para o Jornal A Bola e acumulam-se as histórias de brincadeiras de benfiquistas com apostas ao golo, à vitória... a reverter em jantaradas, viagens, convívios entre benfiquistas entusiasmados com o Clube. Para quase todos é unânime o factor diferenciador desta realidade: Jorge Jesus.

Podia aqui e agora avançar para um conjunto de questões filosóficas em torno do "e porque não há mais tempo?" ou "onde já estariamos se este tivesse sido o caminho traçado há quatro anos atrás?"... mas não o vou fazer. Chorar sobre o leite derramado não é solução e está à vista de todos que a actual estratégia é a correcta. Luis Filipe Vieira corrigiu o rumo de mais de meia década de insucessos e entende hoje que um esforço financeiro, quiçá arriscando acima de certos limites, numa realidade única como o Benfica, se traduz num enorme proveito futuro, a todos os níveis.

O Presidente apostou e apostou com tudo! Arriscou e arriscou tudo! Os resultados estão à vista... Um Benfica avassalador, uma molde humana determinada e carregada de mística, uma equipa que faz sonhar e anda nas bocas do Mundo pelos melhores motivos.

Está na cabeça de todos o título deste ano e eu não tenho quaisquer dúvidas que o vamos conquistar... e por isso a minha cabeça já está no percurso da Liga Europa este ano e no bilhete para Hamburgo para assistir à final. Temos equipa, treinador e futebol para lá chegar.

Apesar das grandes (em alguns dossiers) diferenças que nos separam, atribuo grande parte deste sucesso ao Presidente Luis Filipe Vieira, pelos motivos que acima apresentei e que acima de tudo se resumem ao elevadíssimo risco assumido. Podia lamentar que tivesse demorado tanto tempo a perceber o caminho... mas prefiro regozijar-me pelo sucesso actual ao invés de lamentar o insucesso passado.

Foram vários anos perdidos em contratações de camiões de jogadores a baixo preço, gastanto possivelmente o mesmo que se gastou este ano em opções mais cirurgicas, mas ainda assim deitando algum dinheiro à rua em jogadores que poderiam ter sido alvo de escolha mais criteriosa como Shaffer, Peixoto ou Patric.

Mas avante camaradas, avante!!! O caminho futuro é risonho e resta-nos desejar que esta estratégia de aposta nos títulos tenha vindo para ficar... e seja cada vez mais afinada de modo a evitar erros passados e presentes.

Posto isto e enquadrado o tema, chegamos agora às palavras de Pedrag Mijatovic que diz agora que Javi Garcia será um médio do Top10 Mundial. Tão bom que é poder dizer isto agora, não?

Depois de ter havido um treinador que acompanha a sua carreira desde o Real Madrid C que o escolheu como "pêndulo" do meio campo de uma equipa que pratica um futebol do mais atractivo que a Europa vê neste momento, é muito fácil vir dizer o melhor de Javi.

E logo vir dizer por parte de alguém que nunca deu ao "futuro Top10" uma aposta de estabilidade e futuro, sobrepondo-se às escolhas galáticas do Real Madrid em prol da qualidade do Javi. Ele na Luz aprimorou-se... mas a qualidade ele já tinha, infelizmente pouco a pôde demostrar (ao ponto de terem sido estranhos os 7M€ dados por ele e hoje comprovados como certeiros).

Lá está, não há formulas certas... mas haverá umas mais certas que outras. Se ao sucesso actual do Benfica podemos agora perguntar onde estaríamos se tivessemos tomado esta opção audaz há três ou quatro anos atrás (copo meio vazio), também poderemos sempre ser conservadores ao ponto de dizer que tal não teria sido possível sem estabilizar outras vertentes (copo meio cheio). Eu mantenho em mim a sensação de "copo meio vazio" e a noção de que esta estratégia teria sido sempre possível num passado recente, evitando um conjunto de inúmeros investimentos deitados à rua.

Javi Garcia e DiMaria, dois dos mais desejados atletas do SLBenfica neste momento, permitem-nos essa abordagem do "copo meio cheio" olhando para verbas na casa dos 30 a 40M€ e olhando para percentagens de rentabilidade do investimento de 3x, 4x ou 8x... mas podemos também olhar para o "copo meio vazio" e querer marcar um período da história do futebol europeu mantendo esses jogadores orientados à maximização do sucesso (Campeões de Portugal e com um percurso de sucesso na Champions) para depois chegarem a nunca menos de um lugar na história também apenas de colossos do futebol (Barcelona, Real, Inter, Milan, ManUtd, Liverpool...).

Novamente, prefiro o "copo meio vazio"... e contínuo (apesar das opções) apostado em manter os nossos craques até final da próxima época.

Porque estamos em Portugal, não poderia deixar terminar este tópico sem vos lançar a "Teoria do Copo de Água" a algo, no mínimo, caracterizador das práticas de subserviência reinantes neste futebol nacional:

É hoje notícia, de pouco destaque como é desejável nestes casos, que a Oliveirense (adversário do FCPorto na próxima eliminatória da Taça de Portugal - próximo sábado, penso) investiu esta semana numa equipa técnica de assistência ao relvado em dedicação "full time", ao qual juntou um investimento superior a 3.000€ em relva para compensar algumas falhas do relvado... mas relva que vem... idêntica à do Estádio do Dragão.

Vamos lá ver se nos entendemos... o próximo adversário do FCPorto, que os vai receber no seu próprio estádio e que jogou no passado dia 15 com o Gil Vicente em casa sem quaisquer preocupações... vai agora investir mais de 3.000€ numa semana (o equivalente se calhar ao ordenado de dois jogadores) apenas para... receber o FCPorto?

E como se não bastasse... o arranjo da relva é precisamente de acordo com a relva utilizada no... Estádio do Dragão?

Querem aqui aplicar a "Teoria do Copo do Água"? Simples...
Se quisermos ver isto pelo lado do copo meio cheio, teremos uma Oliveirense altamente desafogada financeiramente, ao ponto de investir em equipas de técnicos de relva dedicados e relva plantada de acordo com os melhores standards, porque tem interesse em que o jogo decorra num relvado muito bem preparado e que permita aos jogadores tecnicistas da Oliveirense explanarem todo o seu futebol perante o FCPorto.

Se quisermos olhar isto pelo lado do copo meio vazio, como percebem é sempre a minha abordagem, fica absolutamente evidente que o FCPorto em defesa dos seus interesses em perpetuar a sua presença em prova, financiou a Oliveirense no tratamento do seu relvado, de modo a conseguir que estes não sejam sujeitos às dificuldades da relva, que poderiam causar desgaste físico e dificuldades em levar a modesta equipa da Oliveirense de vencida.
Por seu lado a Oliveirense, em tributo por esta atitude benemérita do FCPorto, irá como se espera "abrir as perninhas" e permitir ao esse clube regional assumidamente corrupto (aka CRAC) manter-se em prova sem grande risco ou esforço.

Que merda de futebolzinho corrupto!!!!

terça-feira, 17 de novembro de 2009

O 4º Poder - A imprensa

 ●  5 comentários  ● 
Para os que não sabem, um estado democrático é composto por três poderes (Legislativo, Executivo e Judiciário). Mas a Sociedade da Informação criou um quarto poder: O dos mídia.

Essa expressão refere-se ao poder da imprensa e à sua capacidade de manipular a opinião pública, a ponto de ditar regras de comportamento e interferir nas escolhas dos indivíduos e até da própria sociedade.

Lembram-se do filme "Mad City"? Trata-se de filme onde se discute o poder dos mídia sobre a opinião pública, fazendo uma espécie de jogo com as emoções. O filme fala do poder e da manipulação da imprensa para favorecer interesses de terceiros. Recomendo!

Mas o que me traz hoje a este tópico não é a defesa dos interesses da sociedade perante a imprensa, mas sim, de uma forma muito breve, demonstrar o poder de manipulação da mesma. Senão vejamos:

Eu não sou, longe disso, expert em matérias económicas, financeiras ou sequer de contabilidade, mas recordo-me bem dos "fait divers" da imprensa quando o SLBenfica apresentou resultados com um prejuízo na SAD de 34M€ e capitais próprios negativos de 12M€, alguns exemplos:

IOL Diário - SAD do Benfica com prejuízo de 34 milhões de euros
Benfica - SAD regista prejuízo de 34,8 milhões de euros - Contra ...
Benfica tem prejuízos de 35 milhões Económico
SAD do Benfica com prejuízo de 34 milhões de euros > Economia > TVI24

Enfim... um fartar vilanagem, então se abrirem os links, o acumular de tentativas de lançar alarmismo e demonstrações de falência, etc. são mais que muitos. Vejamos agora a mesma situação, mas quando da apresentação de resultados do FCPorto:

Porto SAD com lucro de 5,1 milhões de euros mas passivo maior
IOL Diário - F.C. Porto: SAD anuncia lucro de 5,1 milhões
PUBLICO.PT Desporto - SAD do FC Porto apresenta lucro pelo ...
Oje - o Jornal Economico - Negócios - SAD Porto com lucro pelo 3.º ...

ESPETACULAR! São os maiores... 3º ano consecutivo! Campeões das transferências e no campo, blá blá blá blá!!! Ou seja, o FCPorto é um exemplo de gestão e sucesso financeiro e o Benfica um manancial de dívidas e buracos. Mas eis senão quando, um mês depois da apresentação de resultados do FCPorto, acontece isto:

Futebol FC Porto SAD emite empréstimo obrigacionista de 18 milhões ...
IOL Diário - FC Porto SAD emite empréstimo obrigacionista de 18 ...
Agência Financeira - FC Porto SAD emite empréstimo obrigacionista ...

E então o que lemos agora? Preciosidades como esta:

"A SAD do FC Porto pretende encaixar 18 milhões de euros com o novo empréstimo obrigacionista" in ABola

Pois bem, a informação posta a circular é parca em conteúdo e não é mais do que um telex da Lusa para as redacções onde "blá blá blá inicia-se no período de vencimento do anterior, de 15M€ e é a terceira vez que a SAD recorre a esta ferramenta financeira".

Agora pergunto e quem quiser que responda:

1. Porque ainda ninguém questionou como o FCP conseguiu mais de 70M€ em vendas este ano (e desde 2004 que é isto) e apresenta apenas 5M€ de resultado positivo? Para onde vai o dinheiro?

2. Porque é que o FCPorto continua a não divulgar as contas realmente consolidadas do Grupo FCP?

3. Porque motivo um clube que obtém em média mais de 50M€ em super-hiper-mega transferências todos os anos, não tem liquidez para pagar empréstimos obrigacionistas e já vai no terceiro refinanciamento e com o valor sempre a subir face ao anterior (este ano são mais 3M€)?

Não quero, obviamente, com isto esconder as fragilidades económicas do SLBenfica. Muitas são até assumidas pelos dirigentes e outras há são factos, mas não são assumidos como tal. Mas quero sim tentar com isto demonstrar a podridão da imprensa na tentativa de fazer passar para a opinião pública uma demonstração de poder e capacidade financeira de uma entidade que estará cerca de 10x pior que o SLBenfica.

Já muito neste blog escrevi sobre o tema imprensa, comunicação e a forma como nos relacionamos com eles. Podem consultar muita dessa informação na barra lateral no "Dossier Benfica by GB", mas será demais recordar que não é por acaso que Joaquim Oliveira é um pessoa tão "desejada" em muitos meios desportivos, políticos e económicos, apresentando-se hoje como uma figura (triste) de destaque em dossiers importantes como os que envolvem a ZON, BES, BCP, os direitos televisivos, o monopólio Sporttv, a relação promiscua com a RTP, o acesso ao Governo, etc.???

Nosso amigo? Oh sim!

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Uma questão de coerência!

 ●  5 comentários  ● 
Já vão entender porque escolhi esta foto para acompanhar este tópico...

Acordei ontem com uma notícia: Aparentemente, diz-se em Inglaterra (AKA país sensacionalista) que o DiMagia estará a caminho do City por 40M€ já em Janeiro.

Às Damas das Camélias que já começaram a temer pelo futuro ou mandar pedidos em lágrimas ao Presidente para não o vender, vou responder de duas formas:

UM: link - Acho que nem preciso comentar!

DOIS: A lei do mercado existe e é essa que deve sempre prevalecer! O SLBenfica investiu há dois anos em DiMagia. Um puto que em boa hora José Veiga e Luis Filipe Vieira aceitaram negociar com um grupo de empresários. O primeiro quis trazê-lo em trânsito directo para o estrangeiro (um negócio tipo Ramires, onde o Benfica pouco investiria, mas também menos lucraria no futuro) e o actual Presidente optou por, no momento em que colocava Veiga "fora do barco" negociar DiMaria directamente e investir 8M€ na totalidade do passe do jogador.

Depois de dois anos de um ano com o jogador "por ali" e mais um, com Pako Ayastaran, onde o jogador fez um trabalho específico (ao nível do que foi feito em Inglaterra com o Cristiano, ou em Espanha com o Figo), eis que sem qualquer surpresa, aparece este ano um DiMaria pronto a assumir-se mesmo como DiMAGIA. Encanta qualquer adepto, jogador, treinador, presidente, olheiro... enfim!

E o que nos diz a experiência, e porque não a realidade, em países da dimensão de Portugal? Que estes valores, depois de identificados e quando estão a maximizar as suas potencialidades, são rapidamente aliciados para outros voos aos quais dificilmente conseguem resistir, tamanhas são as pressões:

- Dos empresários: recordo que Mendes pagou 2M€ por 10% do passe do jogador e anseia por uma transferência milionária para receber os seus 10% do passe + os 5% de comissão. Em 40M€ estamos a falar de 6M€ direitinhos para o bolso de Jorge Mendes.

- Dos clubes compradores: que acenam com aumentos de ordenado de 100, 200 ou mesmo 300% ao mesmo tempo que colocam os jogadores nas grandes Ligas Mundiais (Inglaterra, Itália e Espanha).

- Da quantidade de parasitas que gravitam em torno dos jogadores: que "bebem" destas situações para continuar a viver à custa dos jogadores.

- Da imprensa: que lhes reserva "caixas" diárias e os torna Deuses do Olímpo.


Perguntam então: Mas achas que o Presidente deveria deixar sair o DiMaria já em Janeiro?

Assumindo o pressuposto que, desta vez (o que não aconteceu no passado, nunca) o Presidente efectivamente só vende pela cláusula de rescisão, respondo com uma pergunta: Face aos factores acima descritos, terá ele alguma alternativa?! NÃO!

A alternativa que nos resta é o jogador! E é aqui que deve entrar em campo o "factor Rui Costa" como fundamental para as decisões não que o Benfica venha a tomar (40M€ são 40M€ e se alguém os bater o Benfica tem mais é que aceitar, nem se sequer se deve dar ao luxo de recusar), mas sim o jogador:

- Na longínqua época de 1994, Rui Costa saiu para a Fiorentina por 7M dólares. Em valores de hoje estamos a falar de pouco menos de 10M€... há mais de 15 anos.

Nessa mesma época, o Benfica teve uma oferta do Barça, mas que dava menos dinheiro pelo seu passe. O Damásio diz que foi ele que recusou, o Rui diz que foi o Rui que recusou em prol do Benfica. Enfim... isso agora não interessa!

O que está em causa é que esse "pequeno" desvio de percurso foi o suficiente para... O Rui Costa, um dos melhores nº10 do Mundo, nunca ter sido coroado como... o melhor nº10 do Mundo (como merecia - mais até do que Figo).

E onde quero chegar, então? Simples... o City é muito pouco para DiMaria que não merece passar na "casa da partida" para chegar (tarde) a um colosso Mundial que o City nunca será nem permitirá que ele seja.

O DiMaria tem que chegar ao Barcelona, Inter, Real, Chelsea, Liverpool, Milan, Juventus nos próximos dois anos (até final da época de 2011)... mas não pode nem deve fazer uma passagem que em nada o engrandecerá por um Clube como o City que mais não é do que um entreposto de vedetas bem pagas.

A saída do DiMaria para o City pode ser o seu passaporte de entrada na "alta roda do futebol", pode! Mas também pode ser o início de um "percurso Robinho"... e o nosso DiMagia merece bem mais que isso.

Negocialmente?!? Bom... negocialmente é fácil dizer que o Benfica deve vender, seja para quem for, pelo mais alto valor e se é o City a dá-lo... é de vender.

Mas eu, no momento do SLBenfica actual e conforme defendi no tópico Reverter um Acordo com... um Reconhecimento, deveremos apostar em manter os jogadores em rendimento ao mais alto nível durante nunca menos de 2 anos (o DiMaria está no 1º ano ainda).

Posto isto, fica claro para mim que se houver MESMO quem esteja disposto a pagar os 40M€, o Benfica não tem sequer uma palavra a dizer sobre isso. Recebe e pronto, tendo apenas que assegurar que não há cá facilitismos do passado: é "Cash in one shot".

Onde acho que o Benfica tem uma palavra a dizer é na "educação" do jogador para lhe assegurar que um percurso de glória no Benfica o levará não ao City... mas ao Barcelona, Real, Inter, Milan, Juve, ManUtd, etc.

E se esses só derem 35M€? Se só derem esses 35M€ agora... não deveremos vender, mas se só derem esses 35M€ a meio da próxima época ou no final da próxima, sim... prefiro receber menos 5M€ e ter o DiMaria mais um ano, garantindo-lhe um passaporte directo para um "colosso".

E só vejo vantagens:

- O jogador permanece mais um ano e consolida o seu projecto com título (e não falo apenas dos nacionais). Novo aumento? Quem sabe!
- O Clube mantem nas suas fileiras um jogador adaptado ao Clube, ao futebol português e ao treinador, sendo um valor seguríssimo.
- O jogador transita directamente para a ribalta do futebol Mundial e não para um entreposto de vedetas pagas a peso de ouro.
- O Clube consegue com isto mais título e logo mais receitas que tornaram insignitificante um diferencial negativo entre os 40M€ e eventuais valores inferiores pagos por esse dito colosso. Ainda assim, num momento desses, nada nos garante que a concorrência entre colossos não fará o valor subir.

Esta é, portanto, a minha tese no que diz respeito à saída do DiMaria e que se aplica a todos os outros. Não podem, nem devem, jogadores deste nível sair para a segunda linha do futebol Mundial e muito menos sem títulos ou "apenas" o título de campeão nacional.

A questão da sucessão!??? Bom essa é mesmo a que menos me preocupa. Como disse no ponto UM, penso que o Fábio Coentrão nos dá todas as garantias de sucessão, assim como o facto de o sucesso actual (e que se espera maior ainda de futuro) nos permitir entrar no "radar" dos clubes atractivos para os jogadores ainda desconhecidos de elevado potencial e que os empresários querem colocar na ribalta do futebol.

Entendem agora a foto que acompanha o tópico???

domingo, 15 de novembro de 2009

Que nome dar a... "isto"?

 ●  4 comentários  ● 
Que o Clube está de rastos... eu sei!
Que esta gentinha se está aproveitar daquele Clube que é cada vez mais rival do Belém e do Leixões do que do Benfica... eu sei!
Que já pouco me surpreende quando toca a esfregar o nome da instituição na lama... eu sei!

Também sei que os tópicos GB Quiz; Carvalhal em AlvaLIDL e o Bufo a Team Manager (LOL...; Depois do F.Mendes... O Pacheco e o Doping!?; Os braços Armados do Poder e Esconder a Incompetência mais o Os jogos ganham-se cada vez menos no campo são tópicos que não merecem ser escondidos por merda desta. Mas...

O que posso eu dizer "disto"?

GB Quiz

 ●  2 comentários  ● 
Quem é o Presidente de Clube que para avançar para a presidência teve como contrapartida... uma garantia de um lugar à espera num banco muito conhecido quando saísse desse Clube!?

E agora a "million dollar question": Porque é que esse banco tem tanto interesse nesse clube, ao ponto dos últimos presidentes serem todos "testas de ferro" na defesa dos interesses do banco... muito e muito mais do que a defesa dos interesses do clube e dos seus sócios?

E... Porque está esse banco ligado à Selecção (e a Madaíl) e tem nos quadros de funcionários um conhecido árbitro?

Para terminar uma "gift question" (para esta eu dou a resposta):

- Quem é o treinador "do Sistema" que anda em campanha para "as sobras" das movimentações de Villas Boas, Domingos e Jorge Costa na próxima época e na seguinte em função da saída do Juju Bebedeira: resposta aqui.

Carvalhal em AlvaLIDL e o Bufo a Team Manager (LOL)

 ●  Sem comentários  ● 
O inovador treinador que este ano percebeu que só com um autocarro se podia pensar em tirar pontos ao Benfica... é o próximo treinador da OSGA!

Do resultado da luta pela manutenção vai depender a continuidade, dado que terá apenas contrato até final da época com opção até final de 2011 - deve ser se conseguir este ano a manutenção.

Então vejamos a maravilhosa obra do Cotonette:

Director Desportivo - mas que já disse que não faz contratações nem gere o plantel, apenas estará perto do balneário (deve ser uma espécie de porteiro, digo eu): Sá Pinto.

Team Manager (ou o que quer que isso seja) - para esta posição avança Salema "Bufo" Garção. A única explicação para isto é o Cotonette ter quota na imprensa desportiva, pois meter o bufo que fazia a cama ao Paulo Bento nesta posição é para... vender jornais.
Mas o GB já soube que quem deu a ideia ao Cotonette foi o Giorgio di Bufa, convencendo-o que se ele meteu o AntaZero "benfiquista" Henrique da comunicação para marioneta dele no futebol... também o bufo do Salema pode fazer o mesmo.

Treinador - aproveitando de ter sido o único treinador que o Pinto da Costa deixa contratar e que já conseguiu estacionar o autocarro na Luz, foi contratado Carlos "Autocarro" Carvalhal. Sabe o GB que, fruto de toda esta experiência com "autocarros" e de ter sido dos primeiros a ser despachado este ano, o Cotonette tem fortes esperanças de também ele conseguir um precioso ponto na próxima jornada em AlvaLIDL contra o Benfica.

... Com esta estrutura no futebol, qualquer pontinho vai ser positivo na luta pela manutenção.

Muito nos vamos rir com estes! Já não chegava a vergonha de, como o GB adiantou em primeira mão no Twitter, o Giorgio di Bufa lhes ter roubado o Villas Boas... os adeptos da OSGA ainda têm que levar com esta galáctica estrutura para o futebo. Dá pena!

ranking