2019
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Uma vitória preciosa...mas imerecida

Avatar
 ●  + 57 comentários  ● 
Uma exibição miserável.

Uma segunda parte de equipa pequena, à medida da mentalidade de Bruno Lage.

Um golo da vitória caído do céu, fruto de um erro enorme de Anthony Lopes e do mérito e única coisa de jeito que Pizzi fez.

Opções de Lage inacreditáveis e a encarar a Champions como palco para experimentalismos. Muda quase meia equipa de um jogo da Champions para outro sem explicação ou logica.

Bruno Lage é um treinador medíocre. Alguém que se preocupa com muita coisa menos com o interesse do SL Benfica. 

Ganhar era o mínimo. Foi conseguido sem mérito. Mas foi o mínimo do mínimo, contra o 17o da Liga Francesa.

SL Benfica - Lyon: 11 inicial e suplentes

Avatar
 ●  + 87 comentários  ● 



11 inicial do SL BENFICA: 
Odysseas, Tomás Tavares, Rúben, Ferro, Grimaldo, Florentino, Gabriel, Rafa, Cervi, Gedson e Seferovic.

Suplentes: 
Zlobin, André Almeida, Jardel, Taarabt, Pizzi, Raul de Tomas e Vinícius.

----------------------------------------------

Uma equipa que tem a titulares jogadores que não contam para o treinador noutros jogos não pode ser levada a sério.

Ou então é o treinador do SL Benfica que anda a gozar com a cara dos benfiquistas.

Volto a dizer: 
GANHAR HOJE É O MÍNIMO QUE SE EXIGE.

Convocados SL Benfica - Lyon

Avatar
 ●  + 82 comentários  ● 


Lista de convocados do SL Benfica:
Guarda-redes: Zlobin e Odysseas;

Defesas: Jardel, Ferro, André Almeida, Rúben Dias, Tomás Tavares e Grimaldo;

Médios: Taarabt, Florentino, Pizzi, Gabriel, Gedson, Rafa e Cervi;

Avançados: Raul de Tomas, Seferovic e Vinícius.

------------------------------------------

2 titulares do primeiro jogo com os alemães não convocados: Jota e Fejsa.

Também fora dos convocados: Samaris, Zivkovic ou Caio Lucas.

Bruno Lage prossegue, desta forma, executando o seu papel serviçal na perfeição.

Até porque faz todo o sentido pressionar Florentino a jogar à força quando vem de uma lesão, por exemplo.

Continua a ser um mistério(ou não €€€€€) a vinda de Caio Lucas para Lisboa. Para fazer o que ele faz não estava cá o Willock?

Depois, os 2 proscritos e que tanta comichão fazem: Samaris e Zivkovic.

Quando se tem nos convocados um Taraabt que andou ANOS a gozar com o SL Benfica e os benfiquistas, com mensagens públicas de chacota, com noites intermináveis no Urban e que está muito longe de ser um "craque", perde-se a legitimidade para dar lições de moral seja a quem for.

Aliás, seria interessante Bruno Lage explicar porque não gosta de Samaris e porque lhe fez confusão o grego assumir no balneário a defesa do grupo. Para azar de Lage, Samaris é um profissional exemplar desde o seu primeiro dia de SL Benfica e por isso é que, mesmo excluído, fica na bancada a vibrar com os companheiros.

Mas é preciso colocar à força o catálogo em campo.

Já sobre Zivkovic, já o acusaram de tudo. Não treina bem, é gordo, é alcoólico, é drogado, não joga nada...já foi tudo colocado cá fora para justificar uma única opção: manter o jogador fora do campo para não se notar a sua qualidade e o obrigar a sair partilhando os despojos. Certamente que Caio Lucas, por exemplo, não tem nos 2 pés a qualidade de Zivkovic.

Com tudo isto à parte, a única coisa que esperamos logo é uma vitória perante o 17º classificado do campeonato francês.

Golos de Pizzi, Seferovic e Taraabt, para depois virem cá dizer "Toma Shadowsss!!!!".

É o mínimo que se exige. 

terça-feira, 22 de outubro de 2019

Centralização dos direitos televisivos e a reformulação dos campeonatos nacionais na mão do SL Benfica

Avatar
 ●  + 76 comentários  ● 


A centralização dos direitos televisivos é o objectivo de 99% dos clubes e dirigentes desportivos nacionais. Com isso pensam ter na mão a viabilização financeira do nosso futebol bem como assegurado o futuro das competições. 

Mas só quem não conhecer os dirigentes desportivos portugueses é que pode acreditar que os fundos que chegariam de um contrato de centralização de direitos seriam utilizados para modernizar clubes e o nosso futebol. 

Basta lembrar como no final dos anos 90 foi apresentada ao adepto do futebol a grande solução para os problemas financeiros dos clubes: as SAD. 

Como percebemos hoje, cerca de 20 anos depois desse fenómeno "fantástico", não só as SAD não resolveram nada como continuamos a ter clubes endividados, sem capacidade de afirmação europeia, e um quadro de competições completamente desproporcional face ao país que temos. 

Os dirigentes que realmente mandam do futebol português, na sua maioria, já cá andam há quase 30 anos. Alguns até mais que isso. Foram incapazes de promover o nosso campeonato como espectáculo desportivo atractivo para o público. 

Temos um presidente da FPF que desaparece sempre que surgem problemas que envolvem corrupção, arbitragens ou negócios obscuros envolvendo tomadas de poder em SADs de pequenos clubes. 

Não é capaz de exigir ao poder político uma legislação eficaz que combata a violência como um todo. Andar a fazer decretos-lei destinados a claques é não querer resolver este tema. Não temos uma lei ou justiça eficazes que sejam céleres em proibir que adeptos violentos ou envolvidos em confrontos sejam interditados de ir a eventos desportivos. Em Inglaterra, há adeptos que se não se apresentarem na esquadra local em hora do jogo, são imediatamente procurados e detidos para cumprir pena de prisão. 

Cá em Portugal, os adeptos violentos são escolhidos pela FPF para liderar “a claque de Portugal”. 

Temos um conjunto de associações de futebol que continuam dominadas pelos mesmos senhores desde final dos anos 80 do séc.XX e cujo grande objectivo é estar bem representados nos órgãos da FPF e estar perto do poder. 

Ora, mediante tudo isto, há um ponto fundamental: nunca haverá centralização de direitos televisivos em Portugal sem o SL Benfica. 

O que se passou com a Sport TV durante os anos em que o SLB teve na mão os seus direitos televisivos demonstra que, sem o Glorioso, não há viabilidade financeira para qualquer projecto. (Imperdoável o que Vieira fez ao devolver o poder à Sport TV). 

Por isso, defendo que deve ser o SL Benfica a liderar um projecto de renovação do nosso futebol e, forçar essa mudança, introduzindo o tema da centralização dos direitos televisivos. 

Para o SL Benfica partilhar o seu valor financeiro num contrato desta dimensão, então teria que se promover, antes, uma reformulação profunda dos nossos campeonatos. Reforçar a competitividade e envolver todo o país no fenómeno desportivo, como forma de puxar os jovens para o desporto. 

A distribuição do dinheiro num quadro reformulado de competições visaria assim a divulgação do futebol e da prática do desporto. Como? 

a) Defendo a diminuição do número de equipas na primeira divisão do campeonato para um número a rondar os 12-14. 

Poderá ser estudada a formula mais adequada: 2 voltas simples ou 2 voltas, em que na segunda volta a primeira metade das equipas disputaria o título e a segunda metade disputaria a permanência. Prefiro esta segunda formula em que o interesse na competição se manteria até ao final. 

b) Defendo também a criação de 3 zonas como substituição da segunda divisão. Seria uma espécie de recriação das zonas norte, centro e sul que já tivemos no passado. 

Sei que há quem se oponha a esta medida por achar que assim não se está a premiar o mérito. Pelo contrário: não só se premeia o mérito como se garante o crescimento da modalidade e a distribuição uniforme pelo país dos dinheiros da centralização como forma de promover o futebol e o desporto. 

Assegura que todo o país terá direito a futebol de primeira divisão e impede assim as "batotas" que levam regularmente dinheiros públicos a ajudar alguns clubes, ao invés de outros que não têm esses apoios.

Quanto às equipas das ilhas, não sei se a solução passaria por uma “zona” das ilhas mas também teria que se assegurar pelo menos uma vaga para o Portugal Insular. 

Só num cenário de completa reformulação dos nossos campeonatos é que poderia aceitar uma solução de centralização de direitos televisivos. E com a salvaguarda de que o SL Benfica, em caso de as mudanças promovidas no futebol serem descontinuadas, teria a opção de recuperar os seus direitos. 

O Sport Lisboa e Benfica, como clube de grandeza e abrangência nacionais, tem direitos e obrigações como resultado da sua dimensão. 

Defendo que o presidente do Sport Lisboa e Benfica, seja quem for, tem na mão o futuro do futebol português. 

Parece algo arrogante esta posição? Sim, até pode parecer. Mas se os clubes portugueses querem ter futuro num quadro de competições europeias cada vez com mais importância, ou se adaptam ou desaparecem. 

Cabe ao SL Benfica este papel de liderança.

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Exclusivo: O Benfica que quero!, por Rui Gomes da Silva

Avatar
 ●  + 110 comentários  ● 


Comecemos - então - pelo Benfica que eu quero .. .
Pelo Benfica sem igual em Portugal e sem superior na Europa e no Mundo.

Esse Benfica é o que fez questão de oferecer a sua parte da receita do jogo da passada sexta feira ao Cova da Piedade!

Um gesto à Benfica do Presidente, sublinhado pelo Presidente do Cova da Piedade, no agradecimento que fez!

Um pequeno gesto financeiro, mas uma atitude de enorme significado ético e desportivo.

Para que fique registado o elogio público!

TUDO É RELATIVO?

Se compararmos tudo teremos de concluir que sim! Mas será mesmo assim?

Na verdade, há sempre quem o pense porque ... “até não nos podemos queixar”!
Se compararmos com o “nosso vizinho” ... só temos de agradecer à providência divina!

Foi assim que deixámos de ser importantes no Mundo!

Será assim que - enquanto Benfica - deixaremos de ser importantes na Europa do futebol.
Rir-nos-emos do Sporting, e até ... muito possivelmente ... do FC Porto!

Voltaremos ao Marquês uma quantas vezes ... porque os outros estarão piores!

Mas os vossos filhos, os nossos netos, pedirão camisolas dos clubes europeus que joguem - para ganhar - a Liga dos Campeões.

E será com elas que jogarão futebol na escola!

Como, antes, se era do Salgueiros, do Leixões, do Beira Mar, do União de Leiria, do União de Tomar, do Lusitano de Évora, do Desportivo de Beja, ... de tantos outros e se era ... do Benfica!

Tudo é relativo!

Mas é esse Benfica ... melhor relativamente a um Sporting a desfazer-se em ritmo acelerado ... que eu não quero!

E se tudo é relativo ... então que o seja, outra vez, em comparação com os novos senhores (alguns dos quais também velhos senhores) da Europa do futebol!

É esse o Benfica que quero, ... é esse o Benfica com que sonho!

Mas, infelizmente, não será o Benfica que teremos ... se não conseguirmos mudar!

ESTABILIDADE (PRECISA-SE)!!!

Esse Benfica com que sonho é um Benfica feito de estabilidade.

Mas de estabilidade enquanto meio de preparação e consolidação interna para ganhar na Europa!

E nunca estabilidade como meio para ir ganhando cá dentro, de forma a que, com a montra da Europa (que só serve mesmo para isso, ... para “montra”), se consiga vender tudo lá fora!

Dizia o Embaixador José Fernandes Fafe que ... “da ideia que uma pessoa faz de si, posso antecipar a sua resposta a uma situação”.

Basta conhecer a natureza humana e - dentro dela - o perfil psicológico de quem temos pela frente para sabermos a resposta que será dada a cada situação em concreto!

Com essa “ajuda” poderemos resolver, em 3 tempos, todas as dúvidas postas a correr sobre o que sairia da reunião de órgãos sociais marcada (agora) para 28!

Nada a não ser o que já está! Mas a seu tempo anteciparemos o que de lá sairá!

O que não será difícil de adivinhar.

Não só porque ... “da ideia que uma pessoa faz de si, posso antecipar a sua resposta a uma situação” ... como estabilidade foi a palavra que a “estrutura de comunicação” sublinhou mas palavras do Presidente, no evento do Seixal, na passada semana!

E percebe-se porquê!

Porque acham que, com esse discurso, inverterão a enorme instabilidade em que vive a “estrutura”!

O melhor - para defesa do Benfica - é não falar dos pormenores porque só os títulos dos jornais diários ... falam de tanto nervosismo, .. de tanta confusão, ... de tanta instabilidade!

E AINDA ASSIM ... HÁ OS QUE ACREDITAM!!!

Ainda assim ... há os que - não sendo pagos, porque esses têm desculpa - ainda acreditam ... em tudo o que lhes dizem!

Contra os que parecem clamar no deserto! Até os desertos passarem a ser florestas tropicais, dando razão a quem apontava o dedo a tanto erro.

Assim vai o Benfica!

Não na construção ... mas, antes, no excesso de betão!

Não na formação ... mas, isso sim, no excesso de comercialização!

Não em cada contratação ... mas, quase sempre, na sua não utilização!

Não nas vendas ... mas no excesso de comissões!

Se o Benfica fosse uma grande área comercial ... mas não é!

E isso só não ê verdade porque o Benfica é muito grande!

Até um dia!

TANTA ASSINATURA ... TANTA RENOVAÇÃO

Nesse frenesim comunicacional, do que não nos podemos queixar é de notícias sobre cada assinatura ou renovação de contrato.

Como se cada um desses processos fosse uma telenovela, com muitos episódios.

E quando o processo entusiasma mais uma assistência presa aos folhetins, quando a “coisa” já leva mais do que uma temporada ... eis que surge, das trevas ou do nevoeiro ... a Gestifute e o seu Cavaleiro Andante ... para, num ápice, resolver as dúvidas, aumentar cláusulas, fazer crescer vencimentos ... e por-nos a prever a próxima conquista europeia.

A das vendas com lucros para tanta gente ... menos para o Benfica ... cada vez mais longe da Europa do futebol!

E quem ganha com isso?

O GRANDE CAPITAL (I)

Quem ganha com isso, com toda a certeza, é o “grande capital”!

Não o “grande capital” inimigo de classe do Partido que o Presidente do Benfica apoiou no penúltimo acto eleitoral, mas, antes, o “novo grande capital” feito dos novos senhores do futebol: os empresários!

Os que são “parceiros estratégicos” e os que, mesmo sem serem estratégicos, se contentam em ser parceiros!

Parceiros conjunturais de contratos que, na sua esmagadora maioria, todos sabem não ser para ter futuro ... a não ser nas folhas de comissões desses mesmos empresários,

Por assinarem eles ... ou por deixarem que outros assinem !

Para além deles - parceiros estratégicos ou não - há outros que dizem ter ganho bem ...

O GRANDE CAPITAL (II)

Têm sido pródigas as redes sociais em referências a empresas que nascem e vivem por causa de prestações de serviços ao Benfica ...

Não conheço como não me recordo de - no tempo em que fui VP - essas tantas sociedades (a cuja identificação, poupo, obviamente, os leitores da NGB) terem presença assídua entre os parceiros do Benfica!

Mas duas coisas posso afirmar: nunca delas tomei conhecimento como Administrador da SAD nem com elas me foi dado qualquer contrato para assinar!

Haverá, por certo, razões que terão presidido a essas escolhas!

Até porque a natureza do Benfica - como clube dos sócios e instituição de utilidade pública - a isso obriga!

Como se já não bastasse pagar comissões de negócios que não queremos!!!

A INJUSTIÇA DO GOLDEN BOY

Por falar em pagar comissões de negócios que não queremos, veio-me à memória o facto de só um jogador “made in Seixal” estar entre os finalistas do troféu “Golden Boy”!

Ora, pela narrativa com que vamos sendo inundados, nos últimos tempos, 4 ou 5 jogadores da formação do Benfica deveriam estar a lutar pela distinção!

O problema é esse!

É acreditarmos no que as “forças da propaganda” nos vão impingindo!

Há por lá muito bom jogador ... mas daí a podermos ser Campeões Europeus só com jogadores do Seixal ... vai uma diferença enorme!

A diferença entre a realidade e a demagogia!

“VOTO ELECTRÓNICO É A NOVA APOSTA DO LEÃO”

Para fechar ... uma notícia boa!

Li, nos jornais de sexta - logo após a derrota do Sporting, em Alverca - que o Sporting vai apostar no voto electrónico.

Concluí - de mim para mim ... vá lá saber-se porquê - que Frederico Varandas (apesar da contestação das últimas horas) ... vai ser Presidente do Sporting por muitos anos!

Os que quiser!

Se calhar é sobre isso que tem andado a receber lições em encontros reservados ... algures em Cascais!

FUTEBOL FEMININO

Lições que não chegam para impedir a derrota no 1.º derby da História do futebol feminino.

Benfica - Sporting, 3-0!!!

Um grande jogo!

Mas - para quem viu o jogo - um argumento mais a favor de quem acha que, também no futebol feminino, só valerá a pena apostar ... se a Europa for o limite!!!

TAÇA DE PORTUGAL
(O melhor e pior da semana)

Foram muitas as eliminações surpresa na segunda competição mais importante do nosso calendário.

Costuma-se dizer nestes casos que... "houve Taça!". Honra seja feita às equipas mais "pequenas" mas que se revelaram grandes em campo! Foi o melhor da semana!

Mas é preocupante quando equipas profissionais perdem com outras equipas em que os jogadores têm trabalhos "normais" e a tempo inteiro. Isto é o pior da semana.

Pior da semana e preocupante no sentido que confirma que o nosso campeonato não apresenta a qualidade que tanto se apregoa em alguns momentos da temporada. Infelizmente para todos nós que gostamos de futebol...

Infelizmente porque, essa falta de qualidade, confirma depois a irrelevância dos clubes portugueses nas competições europeias e que, sem isso, não permite darem um salto qualitativo necessário para subirmos o nível do nosso campeonato.

Daí que, no caso do Benfica, desprezar a Europa, querendo só ser campeão em Portugal e nas transferências milionárias, é condenar o Benfica à mesma irrelevância a que alguns já estão destinados.

Esse não é o caminho que defendo para o Benfica nem é o caminho que fez do nosso clube um clube de fama mundial. 

Queremos ser os melhores e maiores pelo que a equipa faça dentro de campo e não pelo betão ou pelo campeonato dos empresários.

domingo, 20 de outubro de 2019

A "paixão" Zivkovic... e a memória selectiva sobre o Jovic

Avatar
 ●  + 55 comentários  ● 
O "Santo" que preferiu ficar seis meses sem jogar e a treinar à parte no Partizan porque, além de não querer renovar o contrato - para poder empochar ele a transferência - ainda teve o paizinho a ser agressivo e rude com o clube que o formou, parece que virou vítima.

Na Sérvia, os mesmos que lhe reconhecem o potencial nas pernas (por confirmar), confirmam isso sim a efectiva falta de cabeça e responsabilidade deste rapaz - como apenas este exemplo (mas há mais).

Antes de escrever fui pesquisar e fazer exercícios de memória e falta-me encontrar um jogo o sérvio tenha deslumbrado e justificado tanto burburinho à volta da sua utilização. O rapaz jogou mais de 80 que fez pelo Benfica, quase todos incompletos (o que não será um acaso).... mais de 1300 minutos na época passada e cerca de 2000 na época anterior. Com Lage esteve em campo em 10 jogos na época passada. Na primeira temporada marcou tres golos e fez nove assistencias. Na época passada nada...

O Shadows pelos visto sabe que o rapaz treina a 100% e os treinadores são todos estúpidos porque ele dedica-se totalmente mas optam por jogar com os que treinam menos que ele.

Por outro lado, o Shadows acha também que o problema é que ele não aceita sair... e por isso não joga. Isto porque, alegadamente, o contrato dele prevê aumentos significativos ano após ano - o que não me parece desadequado sabendo o Benfica que a valorização dos jogadores com qualidade dificilmente os mantém em Portugal - mas esquece-se o Shadows que se o problema é querer que ele saia... então porque o "escondem"?

Ora deixa cá ver se entendo:

- Profissional exemplar
- Treina afincadamente
- Qualidade acima dos jogam / ou pelo menos igual
- Contrato que aumenta bastante anualmente

Perante isto, o clube porque quer que ele saia... não o deixa jogar?!

Faz todo o sentido, realmente!

Pergunto eu: Não se dará o caso de ninguém querer dar um bom ordenado a um jogador (e um pai) conflituoso e pouco profissional e, perante isto, o empresário/pai prefere que ele fique (outra vez, como já ficou no Partizan) sem jogar para poder ganhar mais dinheiro do que empenhar-se para justificar o que ganha e, com isso, justificar em campo que possa ir jogar noutros clubes?

Porque raio a tentação é culpar o SLBenfica quando, o lógico seria por o jogador a jogar para que ele pudesse valorizar e sair??

Porque razão não se tenta usar a cabeça e perceber que o principal prejudicado - e com isso interessado no inverso - é precisamente o SLBenfica que investe bastante num jogador que, aparentemente, não quer trabalhar porque tem o seu contrato chorudo mesmo que nada faça por isso?

Não será de estranhar que os tubarões que o pai dizia que o tinham debaixo de olho... tenham todos percebido que seria um mau investimento?

E por falar em maus investimentos, aqui muito se criticou (para não variar) que a culpa de o Jovic não ter rendido no SLBenfica era... do Benfica, pois claro! Ainda que o jogador tenha ASSUMIDO que no SLBenfica não foi profissional e que jamais poderia ter ocorrido algo melhor para ele face à sua atitude em treino... os benfiquistas criticam é o clube.

Mas o tempo não falha.... e vejam bem o Jovic no Real Madrid. Em Espanha sucedem-se os memes sobre a total ausência do jogador em campo, na medida em que mal toca na bola e o que faz... pouco acrescenta. Quem o viu e quem o vê? Ou efectivamente estar num "clube de segunda" e ser treinado por um sérvio ajuda muito...? Pois é... jogar nos grandes é outra história.

Este rapazinho custou 60M ao Real Madrid... mas tardam os comentários do Shadows...

sábado, 19 de outubro de 2019

Que mulheres!!!!!

Avatar
 ●  + 62 comentários  ● 
3-0 frente às "lagartas" e sem sofrer golos!

sexta-feira, 18 de outubro de 2019

RIP Rui Jordão

Avatar
 ●  + 52 comentários  ● 


Jogou no SL Benfica e no Sporting CP.

Foi um dos jogadores pelo qual valia a pena ir a um jogo de futebol. 

Um grande senhor do nosso futebol. 

RIP RUI JORDÃO.


Convocados SL Benfica

Avatar
 ●  + 61 comentários  ● 

Guarda-redes: Mile Svilar e Ivan Zlobin;

Defesas: Jardel, Ferro, Tomás Tavares, Grimaldo e Nuno Tavares;

Médios: Caio, Samaris, Florentino, Pizzi, Gabriel, Gedson, Cervi e David Tavares; 

Avançados: Seferovic, Raul de Tomas, Vinícius e Jota.


"Quais as expectativas para este jogo com o Cova da Piedade?

As expectativas são, sobretudo, fazer um regresso à competição com enorme qualidade e com uma entrada forte. O jogo é de Taça de Portugal, mas poderia ser de campeonato ou de outra competição. O que queremos é ter uma entrada muito forte depois desta longa paragem. Vamos jogar com o Cova da Piedade, uma equipa de II Liga, bem organizada, com bons valores, essencialmente na frente, onde tem jogadores muito experientes. Jogamos fora de portas… sentimo-nos mais confortáveis a jogar no nosso Estádio, mas a nossa mentalidade é entrar com muita força para encarar este ciclo que se avizinha terrível para todas as equipas." - SL Benfica.

------------------------------

Era só o que faltava não passarmos esta eliminatória. 

Não somos lagartos por isso a conversa da "entrada muito forte" ou do eventual valor de uma equipa de segunda divisão...é só para Lage continuar a debitar conferências de imprensa aborrecidas e cheias de palha.

Espero sim que Bruno Lage aproveite o jogo para ser mais ousado e procurar novas soluções de jogo. O SL Benfica tem sido previsível, com evidentes problemas de concretização, e com muito pouca imaginação e fluidez na construção de jogo.

Continua a ser lamentável o que Bruno Lage tem feito na gestão dos jogos na Champions, bem como em situações específicas como com Samaris e Zivkovic.

Dizer que Zivkovic não joga porque treina mal não só não corresponde à realidade como demonstra que o treinador do SL Benfica preferiu seguir o caminho destrutivo de Rui Vitória. A diferença, como já foi dito várias vezes, é que Zivkovic tem como empresário o pai e não um tubarão qualquer preocupado em ganhar comissões por o jogador andar a saltar de clube em clube. E quando o pai de Zivkovic não aceita ceder qualquer percentagem ao senhor dos 10%...está tudo estragado.

Lembro que o bom contrato que Zivkovic tem foi negociado e aceite pelo SL Benfica. Se o clube achava que poderia vender rapidamente o jogador, à sua revelia, enganou-se. A situação de Zivkovic é um dos maiores exemplos da gestão gananciosa da Benfica SAD e que não dá prioridade ao sucesso desportivo.

Já com Samaris o caso é ainda mais grave. A coluna vertebral da recuperação do SL Benfica da temporada passada era composta por Samaris e Gabriel. Lembro que ambos os jogadores andavam a ser empurrados para fora do clube na abertura do mercado de Janeiro de 2019. Ambos viam comentários e insinuações de que não treinavam com afinco, que não tinham qualidade suficiente, que estavam tapados por outros jogadores, etc, etc...

Quando entraram e pegaram... foi o que se viu.  
 
Só que para jogar Samaris não pode jogar...Florentino, o tal alvo seguinte dos negócios milionários com Jorge Mendes. Por isso é que assistimos à decisão ridícula de Bruno Lage em colocar Fejsa em campo na ausência de Florentino e não Samaris. É fácil tirar Fejsa porque é um jogador muito limitado fisicamente. Já seria difícil tirar Samaris estando o grego a corresponder novamente na posição 6.

Infelizmente, as prioridades passam por andar a exibir miúdos como parte de um catálogo e não por ter uma equipa equilibrada, com experiência e qualidade, que possa ser capaz de jogar com a mesma seriedade e empenho em qualquer jogo.

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Última hora!

Avatar
 ●  + 55 comentários  ● 
Frederico Varandas pede ao Estado Português para voltar ao Afeganistão, em busca de paz.

LUÍS FILIPE VIEIRA: “QUANDO O BENFICA GANHA, OS NOSSOS PARCEIROS TAMBÉM GANHAM”

Avatar
 ●  + 68 comentários  ● 

"Diogo Almeida, 19 anos, ainda não foi informado de qual será o futuro dele em janeiro. Já sabe, porém, que será jogador do Benfica e assinará contrato de cinco temporadas com os encarnados. A ideia, na Luz, é integrar o jovem avançado o mais depressa possível. E, tudo indica, deverá acontecer já em janeiro.

O Benfica vai pagar a cláusula de rescisão de Diogo Almeida - 500 mil euros - e pretende que o avançado comece a treinar-se e a competir nas equipas B e sub-23 já no início do novo ano. O P. Ferreira prefere que o jogador continue no clube, evitando a fragilização do plantel. Mas será o Benfica a ter a palavra final.

Os encarnados entendem que a mudança já em janeiro facilitará a integração de Diogo Almeida numa realidade nova - nova cidade, novo clube, nova equipa, novos companheiros, novas rotinas, nova forma de jogar. No Benfica, Diogo Almeida até terá oportunidade de jogar com mais regularidade do que tem acontecido no P. Ferreira." - A Bola.

----------------------------------------------------

"Zan Jevsenak, médio esloveno de 16 anos (15.05.2003), assinou contrato com o Sport Lisboa e Benfica.

Juvenil de 2.º ano, chega ao Benfica oriundo do NK Bravo, da Eslovénia. Zan Jevsenak é internacional pelas seleções jovens do seu país natal, onde já soma 21 presenças (seis pelos Sub-15, oito e um golo pelos Sub-16 e sete e um golo pelos Sub-17)." - SL Benfica.


quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Um abraço a 3 grandes senhores do nosso futebol

Avatar
 ●  + 19 comentários  ● 




Cada um com a sua luta e o seu desafio.

O nosso desejo é que os 3 possam sair vitoriosos.

Um grande abraço a:

- FERNANDO CHALANA

- RUI JORDÃO

- FERNANDO GOMES

terça-feira, 15 de outubro de 2019

Plenário dos orgãos sociais agendado para 21 de Outubro - o que vem aí? Eleições ou ameaças?

Avatar
 ●  + 137 comentários  ● 


"O terceiro e último plenário dos orgãos sociais do Benfica está agendado para 21 de outubro e terá como ponto único a discussão de assuntos de interesse para o clube. 

A reunião ganhou outra propriedade depois da última assembleia-geral dos encarnados ter acabado de forma quente e com o presidente Luís Filipe Vieira a colocar a mão no pescoço de um sócio que havia subido ao palanque para discursar já no início da madrugada do dia 28 de setembro. 

Em declarações a Record, o presidente da mesa da assembleia-geral, Luís Nazaré, disse que a possibilidade de haver alterações no funcionamento das AG é "um não-tema"." - Record.

------------------------------------

Luis Filipe Vieira já tinha anunciado esta reunião, mesmo antes de a comunicar aos restantes orgãos sociais do clube.

Estou curioso para saber o que se vai deliberar nesta reunião.

Certamente que não será para Vieira pedir desculpa ao sócio que "incomodou" muito menos para pedir desculpas aos sócios e adeptos do SL Benfica pelo seu comportamente lamentável, revelado pelas imagens em que se dirige à bancada proferindo palavras pouco edificantes para qualquer um, quanto mais para um presidente da maior instituição portuguesa.

Até porque qualquer pedido de desculpas agora soaria a calculismo e cinismo e não teria qualquer valor.

Ficamos descansados quanto a alterações no funcionamento das AGs do clube, pois Luis Nazaré garantiu que isso é um não-tema.

Sinceramente? Não acredito que Vieira ou os seus ministros da Informação resistam à tentação de limitar os sócios ou as suas intervenções.

Penso que vamos entrar numa fase em que os sócios serão ameaçados de expulsão por questionarem a direcção ou insinuarem que a transparência dos atos de gestão da mesma é quase nula.

Há o argumento ridículo de que agora é que vai haver rigor nas entradas nas AGs do clube. Agora?!

Então estão a dizer que têm entrado não-sócios? Estão a referir-se aos seguranças à paisana que ameaçam sócios do clube?

Espero bem que Luis Nazaré seja a defesa do SL Benfica e dos sócios perante quaquer tentativa de silenciar ou calar qualquer voz dissonante no clube. Sei que tem "estatura" suficiente para o ser e para não ceder.

Por isso, também será importante verificar o que ficou registado na acta da última AG, caso a direcção pretenda entrar num caminho de perseguição aos sócios. Só mesmo gente mesquinha é que pode considerar que houve um movimento organizado para criticar a gestão do SL Benfica ou o seu presidente.

O que podem ter a certeza absoluta é que os benfiquistas de gema não festejam negócios ou negociatas. Não exultam com comissões pagas a ninguém.

Não festejam vendas de jogadores fundamentais ou muito menos festejam ao avistar camiões de betão.

Não sonham com o RGEU ou com o REBAP.

O Sport Lisboa e Benfica foi construído com sucesso desportivo e com o ecoar do nome do Glorioso por essa Europa do futebol.

Não somos orgulhosos vendedores de talento nem vibramos com o sucesso alheio com esses mesmos talentos que já não temos.

As decisões que o Plenário dos Orgãos Sociais tomar marcará de uma vez por todas o futuro imediato desta direcção.

Acredito que Luis Filipe Vieira fará uma de duas coisas: 

- Demissão e Eleições 

- Posição de força contra "pequenos grupos que querem desestabilizar o Benfica" e amordaçamento dos sócios nas AGs e no espaço mediático

Ficarei surpreso se uma destas 2 coisas não acontecer.

Seja como for, qualquer uma delas será o princípio do fim de Luis Filipe Vieira no SL Benfica. Só ele é que acha que não. Mas se perguntar à maioria dos que o rodeiam, eles respondem em OFF que pensam o mesmo.

Forçar eleições a 1 ano do seu tempo natural sem qualquer razão de força maior que o justifique será mais um golpe na democracia no clube. E como todos lembramos, Vieira já o fez no passado. O que interessa são timings que ele acha que servirão os seus interesses.

Assumir uma posição castradora quanto aos sócios que discordem do rumo do clube ou da sua gestão será outro erro tão grande ou ainda maior.

Tirando os "leais a Vale e Azevedo" que também são "leais a Vieira", a esmagadora maioria dos benfiquistas preza a liberdade de opinião no SL Benfica. Isso é histórico e faz parte do nosso ADN.

Portanto, quanto mais Vieira quiser "apertar" os benfiquistas pior será para ele.

Se o presidente do SL Benfica quiser manter-se no cargo mais uns anos, largue a conversa do Seixal como um fim e centre-se em colocar o clube no mapa dos imprescindíveis da Champions.

Podemos continuar sem a ganhar, mas se estivermos lá sempre e nos batermos regularmente olhos nos olhos com os mais fortes, conseguindo prestações regulares até quartos-de-final ou meias finais, os benfiquistas não irão regatear o apoio.

Mas se quiser eleições ou amordaçar os benfiquistas...vamos a isso!!

Sem voto electrónico, com debates com os vários candidatos (sim, vários), com tempos de antena iguais na BTV e sem o presidente poder utilizar qualquer meio do SL Benfica durante a campanha eleitoral.

É que a Venezuela é do outro lado do mundo.


segunda-feira, 14 de outubro de 2019

Uma selecção subserviente a um empresário...

Avatar
 ●  + 83 comentários  ● 

...e com um treinador francamente mau.

Como é possível termos um grupo de jogadores com esta qualidade e não jogarmos um chavo?

O que o "Montinho" tem para Fernando Santos não o deixar de fora bem à lei da bala?

Curioso como o maior clube do país e a selecção nacional do mesmo país só servem para promover os interesses do catálogo do empresário.

Em ambos os casos, grupos europeus acessíveis, mas uma prestação miserável.

Exclusivo: "Numa semana sem futebol...de que gostamos!", por Rui Gomes da Silva

Avatar
 ●  + 66 comentários  ● 


Numa semana sem futebol, daquele que gostamos, daquele que gosta quem gosta do Benfica, há poucos motivos para escrever!

Daqueles que geram paixões, que geram mais razões para nos irmos convencendo que o caminho para um Benfica Europeu - verdadeiramente europeu - é outro!

E mesmo sem comentar o que diz quem quer ajudar quem lá está (mas só desajuda) vamos percebendo que há ordens para todos falarem na Europa!

Mas uma Europa no condicional, não no título ... sempre sem convicção ... porque “lá dentro” ninguém acredita nessa hipótese.

Quem sabe ... num futuro longínquo ... vai dizendo ... para calar o descontentamento mas sem comprometer ninguém!

ENTÃO EM QUE FICAMOS: JJ É BOM OU MAU?

Para além disso, na 1.ª página do Record de ontem havia uma notícia que falava dos bloqueios gerados à formação do Benfica ... nos tempos de Jorge Jesus.

Um dos administradores da SAD anunciava - e cito - que “havia treinadores que erguiam barreiras à formação”!

Para logo o atual treinador confirmar - e volto a citar - que “com Vitória houve aposto no trabalho feito na formação”!

Quem era esse treinador, antes de Rui Vitória?

Jorge Jesus ... adivinharam!

Sendo assim, só poderemos concluir que o Presidente do Benfica - para quem tudo é devidamente pensado, até as coisas que acontecem por acaso - e senhor omnipotente, omnipresente e omnisciente da “Estrutura Profissional” sabia disto, mesmo quando andaram a tratar - dizia a comunicação social - no regresso desse senhor, enquanto repetiam aos 4 ventos que o “Projecto” do Benfica deve assentar na formação!

E já nem sequer falo de - perante este seu comportamento - o terem mantido por 6 anos ... enquanto anunciavam que o projeto era outro!

Como diria António Figueiredo ... “são pouquíssimos os que querem Jorge Jesus no Benfica”!

Pena é que entre esses pouquíssimos esteja (tenha estado, muito recentemente, ou vá voltar a estar) ... o atual Presidente do Benfica!

E que os outros risquem muito pouco ... ou - para ser verdadeiro, em relação a treinadores e compra e venda de jogadores - nada!!!

Será que o campeonato do Brasil passou a ser o melhor do mundo, como parece que o da Arábia era enquanto lá esteve Jorge Jesus? 

O CALENDÁRIO 

Numa das suas newsletter da semana passada, o Benfica insurgiu-se contra o calendário das competições em Portugal.

Atacando uma prolongada paragem, nestas semanas, para depois termos muitos jogos em pouco tempo!

"É urgente repensar e alterar estas questões da calendarização. Não se trata somente da paragem prolongada – ainda mais se nos cingirmos ao Campeonato Nacional –, mas também da elevada concentração de jogos que se seguirá a esta paragem"!

É este o texto em que o Benfica se queixa (embora tenha adiado o jogo da Taça da Liga ... na Covilhã ... para depois).

Ora, pergunto eu: mas o Benfica só descobriu isto agora?

E - segunda pergunta - o Benfica não tinha um representante no grupo que elaborou o calendário?

E tendo (como tinha), porque aceitou e porque não reclamou, publicamente?

Ora, sendo assim, o que lá fez e faz - nessas reuniões - Tiago Pinto?

Porque, mesmo e apesar de ser o novo “menino querido”, dentro da estrutura, do Presidente, isso não chega!

SPORTING: O ESCÂNDALO DO PERDÃO BANCÁRIO (O PIOR DA SEMANA)

Ainda pelos jornais ... como quase todos ... soube do novo perdão de cerca de 100 milhões de euros ao Sporting.

Tirando a graça que por aí circula, que, nos últimos 20 anos, o Sporting ter tido mais perdões de dívida que campeonatos ganhos, ... o que me preocupa é o silêncio do Benfica!

O Sporting, com esse perdão, ganhou quase tanto quanto o que o Benfica anunciou ter ganho pela venda de João Félix!

E - não menos importante - sem ter de pagar 12 milhões a Jorge Mendes!

E - tão importante como o não ter pago comissão de uma operação que queria, ao contrário do Benfica que paga comissões por operações que não quer - sem ter de comprar RDT ou Vinicius, inflacionados para compensar vá-se lá saber o quê!!!

Ou sem quase ter comprado um guarde redes com mais lesões que títulos!!!

Ou ... o que ainda veremos!!!

Valha-nos que - pelo menos - não foram os empresários a emprestar dinheiro ... ao Sporting!

Só espero que, um dia destes, não venhamos a descobrir que o nosso silêncio se deveu a um novo entendimento estratégico com o Sporting ... com encontros secretos e tudo ... para os salvar!

Porque isso não é assunto que preocupe quem gosta a sério do Benfica!

MONIZ: O (VP) FUGITIVO (O MELHOR DA SEMANA)

Hugo Gil compareceu num Tribunal, no Porto, por força do que que escreveu por acreditar ser isso o melhor para a defesa do Benfica.

Hugo Gil pode ter muitos defeitos mas há um que, por certo, não tem: o de não defender o Presidente e a Direção do Benfica, mesmo e até quando (porque o conheço bem) tem dúvidas sobre se esse é o caminho certo.

No processo de que foi alvo, indicou - li nos jornais - o Presidente e um dos VP do Benfica como testemunhas de defesa.

Ambos faltaram!

Ora, se ainda se percebe a ausência do Presidente - pelas razões que julgo estar na mente de todos - já a do VP indicado é incompreensível!

Daria dessa forma apoio presencial a quem se “atravessa” tanto por tudo (tudo, mesmo) o que a Direção faz.

Seria incompreensível se não fosse ... o mesmo VP de sempre.

O que foge de ir a tudo o que envolva justiça ... como ainda há 2 ou 3 semanas voltou a acontecer!

Moniz, pois então!

Foge a tudo, o personagem, ao que dizem as sucessivas justificações, ... para o Brasil!

E se já havia “o espião que veio do frio”, temos, agora, entre nós, ... “o VP que foge para o calor”!

Se não fosse trágico ... dava para rir!

“Moniz, o Fugitivo”!!!

domingo, 13 de outubro de 2019

POR FAVOR: Não estraguem o projecto de formação do SLBenfica!

Avatar
 ●  + 54 comentários  ● 
O Presidente, e ao que parece o treinador, estão "embebedados" com os resultados da formação e com a ascensão dos jogadores ao plantel principal.

João Felix trouxe a Vieira a ganancia do dinheiro multimilionário pelos miudos e, com isso, a exigência que para essa ganância seja possível, os miudos têm que "ir la para dentro" como foi feito com o João Felix.

O problema é que, como não há dois CR7... também não haverão dois JF7... pode até haver melhor, mas não serão vários, pode até haver parecido, mas nunca igual... e a probablidade de haver muito bom, mas inferior... é muito grande.

É uma enorme demonstração de falta de conhecimento e amadorismo achar que agora "há que apostar nos miudos a titulares" para que volvemos a ter mais "Joãos Felixes". Que o Presidente o pressione, eu até entendo... não é obrigado a perceber de futebol, de formação, etc... embora o devesse. Mas que Bruno Lage "embarque" nessa ideia... ou que Rui Costa o permita e não suporte o Bruno Lage noutro caminho, sendo o Rui Costa o único que percebe de bola na Direcção / Administração... isto já me parece vontade de caminharmos para a destruição do projecto.

Vamos lá ver, para o projecto de formação do SLBenfica funcionar há um pré-requisito:

- o SLBenfica tem que vencer títulos.
- os miudos têm que entrar na equipa sem penalizar o seu potencial
- a formação tem que funcionar na perfeição ao nivel do scouting e do treino
- o SLBenfica tem que ter, com tudo isto, um lugar na Europa do futebol.

Nada disto se coaduna com um projecto de PRESSÃO para meter os miudos em campo a todo o custo. Nada disto é possível penalizando o equilibrio do plantel em prol da ascensão demasiado rápida.

O SLBenfica teve sucesso até agora porque nunca queimou etapas e porque venceu titulos. Se deixarmos de vencer, os jogadores desvalorizam... Se os jogadores desvalorizam começam a perder mercado e a preferir outros clubes para se formarem e desenvolverem.

Se o SLBenfica não demonstrar capacidade na Europa... onde genericamente os clubes têm mais qualidade e onde o equilibrio e experiencia é fundamental... dificilmente os jovens valorizam todo o seu potencial.

Dito isto a PRIORIDADE do SLBenfica deve ser a formação, mas SEMPRE (e como até aqui) manter a competitividade do plantel com jogadores experientes e de qualidade. Começar a por tudo em causa acreditando que podemos mandar os miudos todos lá para dentro e um dia ter um plantel formado por 11 jogadores da formação, é absurdo... até para quem entende que o projecto de formação deve ser a prioridade - como eu.

sexta-feira, 11 de outubro de 2019

Não misturem o Sport Lisboa e Benfica com política

Avatar
 ●  + 112 comentários  ● 


As ideias mais perversas combatem-se com ideias justas e cumpridoras da constituição.

Basta olhar para as bancadas da Luz e perceber que no Sport Lisboa e Benfica a xenofobia é algo que não tem cabimento.

Portugueses de nascença, de adopção, brancos, pretos, amarelos, de carapinha ou de cabelos lisos...homens, mulheres e outros...

Todos cabem na Luz e nas bancadas do Estádio da Luz.

Daí que não faz muito sentido a Carta Aberta escrita por alguns benfiquistas e dirigida à direcção do Sport Lisboa e Benfica. 

O que esperam que o clube faça? Que expulse o sócio em questão? Com que base? E já agora, que faça uma purga entre todos os benfiquistas que possam ter votado no Chega? Ou em qualquer outro partido classificado como extremista? Quem define o que é ser extremista?

Quando um governo corta nas reformas, fruto de um contrato firmado entre o cidadão e a Segurança Social ou um sistema de pensões privados durante uma vida de trabalho, não é isso também um extremismo violento?  

Quando um governo impõe um nível de impostos superior a 50% do rendimento, não é isso também um extremismo violento?

Quando são impostos cortes cegos no SNS que impedem os com menos rendimentos de aceder a cuidados de saúde urgentes, e morrem com o nome em listas de espera, não é isso também um extremismo violento?

André Ventura aproveitou a sua visibilidade na TV para chegar mais rápido aos seus objectivos? Mas onde está a novidade disto? Foi o primeiro? Que me lembre, o agora deputado começou por fazer comentários jurídicos e não sobre o SL Benfica.

Quantos políticos não eram outra coisa qualquer antes de terem destaque na televisão? Quantos não foram oportunistas quanto à notoriedade na televisão?

O atual presidente de República não andou anos a ganhar espaço na televisão como comentador? 

O antigo presidente do CDS, Paulo Portas, não era ele próprio um jornalista temido pelos políticos antes de se meter "no submarino" da política?

O agora presidente da MAG do Sporting não chegou a Bastonário da Ordem dos Advogados devido à sua exposição como comentador de assuntos jurídicos na televisão?




A Constituição Portuguesa estabelece, até para deputados, limites bastante claros quanto a situações que qualquer pessoa normal repudiará, como o racismo.

Mas a mesma Constituição defende o direito de todos terem o seu pensamento, mesmo que possamos considerar que esse pensamento é errado ou desprezível.

Todos os extremismos devem ser condenados. Racismo não tem cor por isso tanto faz que seja exercido por brancos, pretos, amarelos ou de qualquer outra origem.

Quem é racista ou faz a apologia do racismo deve ser combatido com ideias, se for assim que procura passar essa ideologia. Qualquer outra forma, a reacção deve ser a prevista na lei.

No entanto, o politicamente correcto hoje em dia é uma forma de censura também ela desprezível.

Seja o André Ventura, a Joacine Katar Moreira, a Catarina Martins, a Assunção Cristas, o Rui Rio, o António Costa ou o Jerónimo de Sousa...nenhum tem o direito de limitar a expressão do outro.

A Carta Aberta destes benfiquistas é pouco eficaz e só consegue trazer mais atenção sobre aquilo que estão a tentar censurar, além de puxar o Sport Lisboa e Benfica para uma discussão que não é sua.

Vejo isto mais como uma reacção dos partidos do sistema que qualquer outra coisa. O BE abriu uma brecha que anos mais tarde foi utilizada pelo PAN. Agora entraram mais 3 partidos e é natural que nas próximas eleições mais ainda venham a obter lugares no Parlamento.

Preocupem-se em escrever Cartas Abertas a denunciar a Corrupção ou o clientelismo partidário e se calhar os extremistas de direita e de esquerda deixam de ter assunto.

Misturar o clube com política, que é o que isto é, é um erro tremendo. 

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

E agora de quem é a culpa!?

Avatar
 ●  + 84 comentários  ● 
Já está!

Chegaram os maus resultados, os apertões dos sócios e demorou menos de uma semana até se deixar "cair" no suspeito do costume (Jornal Record) a notícia que afinal tudo está como está porque o Bruno Lage não quis reforços...

Com isto Luis Filipe Vieira e sua entourage apressou-se a sacar as culpas do capote... e a "entregar" Bruno Lage aos sócios. Não é a primeira vez que o faz, bem pelo contrário!

E logo sai a notícia que o Bruno Lage quer o que ninguém quer (nem sequer eu que primo pela formação): um 11 formado no Seixal.

Ora, se a ideia é culpabilizar o treinador do Benfica pelo momento, bem pensado.

Se a ideia é virar os jogadores (que não sejam do Seixal) contra o treinador, a julgar pela atitude da equipa, também me parece uma missão cumprida.

... assim pelo menos já sabemos que quando houver pescoços para apertar, será o do treinador que o Presidente, mais uma vez passa nos pingos da chuva.

"Benfica não tem um presidente, tem um 'dono'"

Avatar
 ●  + 117 comentários  ● 

As seguintes palavras são do atual vice-presidente Fernando Tavares, proferidas em 2012, mas que se mantêm mais atuais que nunca.

----------------------------------------------------

Em que falha a liderança de Vieira?

O que muitas vezes divide uma boa de uma má liderança é a escolha das pessoas. Eu diria que sobretudo falha na escolha das pessoas e esse factor é crítico numa liderança. Os seus principais conselheiros estão contaminados pela falta de competência e, mais grave, pela total ausência de benfiquismo. 

No Benfica actual, as decisões não são tomadas em função do benfiquismo das pessoas, são tomadas com base na defesa do lugar. 

Quanto piores forem as pessoas que o rodeiam, pior será a sua liderança. Por outro lado, Vieira não devia ter medo da história do Benfica. Por isso foi criada outra, com dez anos, criando nas pessoas o fantasma de que será Vieira ou o caos. E não é assim, a seguir a Vieira não virá o caos, virá o Benfica, o grande Benfica.

Disse nessa carta aberta que o primeiro mandato tinha sido desportivo e que este já não é por causa das pessoas que o roderaram. Que pessoas? E o que fizeram essas pessoas?

Repare na importância da escolha das pessoas. No primeiro mandato de Vieira, o Benfica foi capaz de ganhar mais, no futebol e nas modalidades, do que neste último, designado pelo próprio presidente como o mandato desportivo. E ganhou-se mais, investindo muito menos, incomparavelmente menos. 

Como foi possível? Com uma escolha acertada de pessoas, que pensavam Benfica, que sofriam pelo Benfica e que, em cada decisão, sobrepunham o seu benfiquismo a qualquer interesse pessoal. 

Pessoas como Domingos Soares Oliveira, Paulo Gonçalves e João Gabriel, para além de não serem benfiquistas, exercem uma má influência sobre o presidente. 

Na defesa de uma estratégia de poder atacam os verdadeiros benfiquistas e empurram o Benfica para estratégias erradas. Os resultados estão à vista. E, por agora, apenas os resultados desportivos, já que os financeiros, são uma calamidade de que os benfiquistas apenas se aperceberão mais tarde.

Como vê a revisão dos estatutos promovida por Vieira quando foi eleito? Foi uma forma de "fechar" oportunidades a outros nomes?

Não tem outra explicação. Repare, os estatutos foram a peça final na estratégia de personalização de poder no clube. Neste momento, o Benfica não tem um presidente, eu diria que tem um "dono". 

Mas já agora, vale recordar uma frase célebre quando Rui Costa assumiu o cargo de diretor-desportivo, em que se disse que iria ser preparado para presidente do clube, no espaço de dois mandatos. Caricato é ter um clube que nos seus estatutos estabelece uma restrição de idade (43 anos) que o país não criou para eleger o seu Presidente da República.

Que críticas faz à comunicação e à gestão de Vieira?

O problema, hoje em dia, é que o Benfica não tem comunicação. Tem propaganda. 

A comunicação é um instrumento que o Benfica devia ter ao seu dispor para divulgar mais e melhor o clube, a sua história e os seus valores. 

Pelo contrário, o que existe é propaganda, muito centrada na pessoa do presidente e dos constantes louvores à sua obra. Digamos que a comunicação do Benfica vive um período de "venezuelização". 

Quanto à gestão diria que assenta numa estratégia errada. O Benfica tem uma estratégia de marca, ou seja, a marca resolve tudo. Tal como indicou Manuel Sérgio no triste e recente episódio a marca só se constrói ganhando. 

Ora o que o Benfica necessita é de uma estratégia de produto, ie focada no seu principal produto que é o futebol. A marca desenvolve-se a partir das vitórias desportivas e não ao contrário. Não é a fazer acordos com agências funerárias que a marca se desenvolve. 

Vieira diz que recuperou financeiramente o clube. Concorda?

O Benfica tem um passivo de 400 milhões de euros. Onde é que está o milagre disto? O milagre é o Benfica ainda conseguir pagar as suas contas. As pessoas ainda não perceberam que a situação actual do Benfica é muito preocupante. O que o Benfica precisa é de um milagre desportivo, que possa ajudar a resolver, no futuro, os graves problemas financeiros que afetam o clube. Mas para isso é necessário outro modelo de governo e de gestão.

Revejo-me em pessoas que se preocupam com o futuro do Benfica, que não se resignam, que não se conformam e que não se deixam iludir mais pelas promessas ocas com que são bombardeados todos os dias. Se essas pessoas estão no Movimento A ou B, não sei, mas têm o meu respeito e a minha admiração. 

Porque, hoje em dia, não é fácil ser do contra, no Benfica, porque ser do contra é ser abutre. Mais uma vez, nada disto se compadece com a história democrática do Benfica."

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

A caminho da sportinguização? Não obrigado.

Avatar
 ●  + 128 comentários  ● 

"Luís Filipe Vieira quer ver mais jovens na equipa principal do Benfica e já comunicou essa vontade ao técnico Bruno Lage, apurou o Correio da Manhã.

O presidente do Benfica pretende manter a dinâmica entre as escalões de formação e a promoção à equipa principal dos jovens talentos, onde o melhor exemplo é João Félix, jogador que em pouco mais de seis meses na equipa sénior rendeu um encaixe financeiro recorde de 120 milhões de euros com a transferência para o Atl. Madrid.

Bruno Lage está ciente dessa necessidade e já prepara uma nova fornada para a equipa principal, com destaque para o defesa central brasileiro Morato, que foi contratado neste defeso ao São Paulo.

Apesar dos 18 anos tem vindo a afirmar-se na equipa B e já reclama uma oportunidade com Bruno Lage, o que deve acontecer brevemente, pois com a abertura do mercado de transferências em Janeiro existe sempre a possibilidade de um dos tubarões europeus avançar por Rúben Dias ou Ferro.

Vieira só admite vender um e pela cláusula de rescisão. Morato está a fazer essa transição para o caso de ter de ingressar na equipa principal. Para já tem surpreendido tudo e todos.

Além de Morato, também Gonçalo Ramos, avançado de 18 anos, e Rafael Brito, médio de apenas 17 anos, estão na calha para dar o salto para a equipa principal.

O objetivo de Vieira é manter a competitividade entre os jovens do escalão de formação, com a possibilidade real de chegar à equipa de Bruno Lage.

O técnico do Benfica é um conhecedor profundo da formação do clube e tem lançado com sucesso vários dos jovens na equipa principal.

Vieira não esconde o desejo de chegar à conquista de um título europeu com uma equipa maioritariamente constituída por jogadores da formação. O plano está em curso e pelos vistos não falta matéria prima no Seixal." - CM.

--------------------------------------

A propaganda está em força. Equipa maioritariamente constituída por jogadores da formação. 

Ou seja, jogadores que por muito bons que possam vir a ser, não têm experiência internacional ou sequer de alta competição. Gestão do esforço, das emoções, dos momentos de jogo...

Depois ler que Bruno Lage já prepara uma nova fornada é de achar que o treinador do SL Benfica ou é cozinheiro ou vai repetir as burradas que tem feito nos últimos tempos.

Só o que estamos a fazer é a aproximação ao modelo do...Sporting, que tão belos resultados deu, não é?

A aposta em Alcochete deu-lhes tantos títulos (!) e eles, como nós, não retiveram a maioria dos grandes talentos que produziram.

Eu sei que na estrutura do SL Benfica não faltam lagartos (e andrades), daí não me supreender esta conversa. 
A sua lealdade não é ao clube mas sim ao dinheiro que recebem por isso se o SL Benfica ganha ou perde para eles é igual.

O caminho definido por Vieira está aí: apostar nos miúdos e deixar de comprar jogadores feitos, com experiência e qualidade.

Já cá temos metade da antiga equipa de gestão da Academia de Alcochete, com o expoente máximo no Mil-Homens.

Já somos uma nulidade na Europa.

Só falta deixarmos de ser campeões? Assim replicaremos o que o Sporting tem executado nos últimos 10 anos.

Perder o comboio de 2024 será definitivo. Ou entramos no princípio ou os países com mais visibilidade ficarão com quaisquer vagas que surjam no futuro. Portugal não tem dimensão de mercado para apanhar este comboio mais tarde.

Só poderemos entrar no comboio de 2024 se, o quanto antes, tivermos prestações de qualidade na Champions! Nem falo em ganhar, só em termos prestações que nos façam ser um player com que se conte!

E não é possível fazer nada de jeito na Champions com uma equipa em que a maioria sejam miúdos sem experiência, por muita qualidade que tenham.

Não abram os olhos não!

terça-feira, 8 de outubro de 2019

Aí está o pós-espionagem empresarial...

Avatar
 ●  + 72 comentários  ● 
O FCPorto "descobriu" a formação e até já tem um projecto de Academia (só falta o dinheiro) que mais parece o melhor do Benfica Futebol Campus (em mais pequeno) e também descobriram alguns talentos que "por acaso" o scouting deles descobriu...

... e o Sporting desatou a cair em cima de miudos observados pelo SLBenfica e agora tem um plano de remodelação de Alcochete que, muitas das zonas, mais parece o Benfica Futebol Campus.

Mas não se passa nada... os bandidos são os do SLBenfica!

segunda-feira, 7 de outubro de 2019

Certeiro

Avatar
 ●  + 120 comentários  ● 

Exclusivo: Europa por um canudo, por Rui Gomes da Silva

Avatar
 ●  + 217 comentários  ● 

EINSTEIN OU VIEIRA?

Entre as citações de Albert Einstein há uma que pode, hoje, ajudar à análise do momento do Benfica!

“Loucura é querer resultados diferentes fazendo tudo exatamente igual!”

Ora, o que é que Einstein poderá ter a ver com o momento atual do Benfica?
Tudo ... se atentarmos na afirmação do Presidente do Benfica, depois mais uma derrota na Liga dos Campeões.

“Temos de dizer a todos os benfiquistas que estamos tristes, para não dizer, envergonhados. Mas é nestas alturas que temos de levantar a cara e acreditar sempre no que estamos a fazer e no que preconizamos para o futuro, pois estamos no caminho certo.”

Ou para o que aqui interessa ... “estamos envergonhados [pelas 12 derrotas nos últimos 15 jogos na Liga dos Campeões] mas estamos no caminho certo”!

Estão a perceber ... não estão?

ARROGÂNCIA, INCOMPETÊNCIA OU SUBSERVIÊNCIA?

Mas, então - sendo tão evidentes os sucessivos erros de construção do plantel, a cada época que passa - o que leva Vieira a persistir no erro?

O que o levou a reduzir a um nível ridículo a competitividade do Benfica na Europa?

Três razões: arrogância, incompetência e subserviência!

Arrogância ... por se achar acima de tudo e de todos, por se achar infalível, por achar que antes dele tudo era mau e depois dele será o caos!

Incompetência ... por força dos sucessivos erros em contratações que não são dignas de um Benfica europeu!

Subserviência ... porque se fascina com quem lhe dá palco, aproveitando as suas limitações, reduzindo, dessa forma, os canais de compra e venda de jogadores, de contratação de treinadores e de comunicação com os líderes dos outros clubes europeus que importam.

A LÍNGUA E AS LÍNGUAS 

O problema do Benfica tem muito a ver com isso.

Com raríssimas excepções, as aquisições e os treinadores falam sempre português ou compreendem minimamente quem em português se expressa.

E quando o Benfica mais precisa de ser um parceiro ouvido no grupo de clubes históricos da Europa que vão ser a base do poder nos tempos mais próximos do futebol, quando chega o tempo de decidir, de ser ouvido, de entrar para onde interessa ... o Benfica não entra ou não é ouvido ... porque o Presidente do Benfica ... não está!

PORTUGAL ... NÃO CHEGA 

Luís Filipe Vieira - com o que representou e com quem esteve na base da sua cooptação para o cargo que o levou a Presidente do Benfica - foi importante na resolução de muitos problemas que o Benfica tinha.

Essas suas limitações - que tenta disfarçar, como ninguém, na arrogância, na infalibilidade e na omnisciência em relação a tudo sobre que possa opinar ... desvalorizando ou ridicularizando o que não conhece ou não controla - levaram-no para os braços de parcerias estratégicas que não são boas para o Benfica.

E não são boas porque se contentam com vitórias em Portugal e com a Liga dos Campeões como “montra” de produtos para essa parceria!

Há um filme do 007 “The world is not enough” que poderá ser bem o lema do que o Benfica precisa!

O mundo de Vieira (que, para leste, acaba nos Pirinéus e que, para ocidente, só quase “conhece” S. Paulo, Rio e Buenos Aires) não chega para os desafios do Benfica europeu que todos desejamos!

UM FRACO REI FAZ FRACA A FORTE GENTE

E - em tempo de citações - nunca será tão apropriado como para o atual momento do Benfica invocar Luis de Camöes (então, a propósito de D. Fernando): “um fraco Rei faz fraca a forte gente”!

Como então, nas vésperas da 1.ª grande crise da nossa nacionalidade, as “paixões” de Vieira serão a razão do definhamento do Benfica da Europa.

Eu sei que a corte - pelo que se vê na televisão - não se cansa de elogiar tanto erro ... invocando mentiras para justificar este “apagão” do Benfica europeu!

Como em 1372 terá havido, na corte portuguesa, quem elogiou D. Fernando por desposar Leonor Teles, também agora haverá quem, no Seixal ou na Luz, elogie as “parcerias estratégicas”,

Esses defensores de convicções alheias, por um bom ordenado, como bons mercenários, são capazes de tudo!

Anos depois (de 1383 a 1385) pagamos - e bem - essas opções ... como, agora, muito mais depressa do que pensam, pagaremos os erros que estamos a cometer.

Luís Filipe Vieira (se tirarmos a ideia tão grandiosa quanto louca que lhe impingiram de o Benfica comprar um clube inglês) deixa todos os dias o Benfica a pensar cada vez mais pequeno!

O que é contra a Historia do Benfica, ... uma História que, embora não conheça, todos os dias faz por reescrever!

E como li numa mensagem que recebi ... esta semana ... “foi a pensar grande que o Benfica se fez grande”!

2022 ou 2024 ... é já amanhã!

O Benfica não desaparecerá ... mas - tal como o Celtic, o Steua, o Estrela Vermelha, o Aston Villa, o Nottingham Forest, o Hamburgo - deixará de contar para a Europa.

Iremos ao Marquês ... algumas vezes ... até deixarmos de ir!

Isso só não acontecerá ... se Vieira deixar de estar no palco ... já daqui a um ano ... ou, quem sabe, mais cedo (porque ontem ... já era tarde)!

QUEM COMPRA ASSIM ... 

Mas será tanto assim ... perguntarão os com memória seletiva?
Vi ontem ... num grupo nas redes sociais ... uma lista de jogadores comprados nos últimos anos.

Confesso que alguns deles não conheço (pelo que, se houver algum erro, só posso pedir desculpa por a ter repetido).

Anthony Carter, Vitalii Lystkov, Filip Markovic (irmão do Lázaro Markovic), Uros Matic (irmão do Matic) , M. Chrien, Conti, Lema, Pawel Dawidowicz, Simon Ramirez, Alan Júnior, Pedro Henrique, Chicho Arango, Bernardo Martins, Corchia, Matheus Leal, Marcelo Hermes, Pedro Pereira, Thabo Cele, Alex Pinto, Matos Milo, Ponk, Alfa Semedo, Emir Azemovic, Pélé, Alan Benítez, Lolo Plá, Oliver Šarkić, Kevin Friesenbichler, Léo Natel, Igor Rocha, Hamdou Elhouni, Steven Vitória, Alexis Scholl, Reinildo Mandava, Jim Varela, Elbio Álvarez, Victor Andrade, Bilal Ould-Chikh, Clésio Baúque, Juan San Martín!

Ou Filipe Augusto, ... ou Danilo (com um obrigado especial a quem - seja ele lá quem for - evitou o seu regresso)!

Ou ... os que - por lá estarem - eu não devo citar!

BENFICA TV COM PROPAGANDA ... TIPO IRAQUE
(O MELHOR DA SEMANA)

Não, não vou falar dos ataques inacreditáveis que a “máquina de propaganda” me faz ... com mentiras “made in Porto” ... que até envolvem histórias com o meu Pai ... falecido há 33 anos!

Deixarei isso para outra altura!

Na 4.ª feira, veio-me à memória o tempo da Guerra do Iraque (90/91), em que o então Ministro da Informação anunciava a vitória de Saddam Hussein, quando as tropas aliadas já estavam às portas de Bagdad!

Pois assim vai a Benfica TV, quando, após a derrota em São Petersburgo, anunciava:

“Benfica em 4.º lugar a 4 pontos do 1.º lugar”!

Não sendo mentira - antes pelo contrário - recordei-me do velho título do jornal afeto a uma equipa que perdera uma final com um rival.

“Ficamos em 2.º lugar, o nosso principal adversário em penúltimo”!

Também não sendo mentira ... 

SPORTINGUISTA FERRENHO
(O PIOR DA SEMANA)

Por último ... mas não menos importante ... há uma entrevista de Rui Miguel Tovar a João Dinis, ... “cozinheiro das viagens do Sporting ao estrangeiro e da Churrasqueira do Campo”.

Pois nessa entrevista, o Sr. João Dinis - que eu não conheço - afirma que Luís Filipe Vieira era ... “sportinguista ferrenho”!

Então ... lê-se uma acusação destas e a máquina do Benfica não desmente???

Eu - na minha escala de valores - era uma mentira que nunca calaria!

Como estou convicto que se dissessem isto de um dos NN ou dos DV, com toda a certeza que eles nunca se calariam ... 

Sabem porquê?

Porque sentimos mesmo o Benfica!

E ... já agora ... porque sempre fomos do Benfica!!!

Como diria, adaptado a este caso, o Rei Juan Carlos - ... “por quê te calas”?

ranking

recentes

Mensagens populares