O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


quarta-feira, 19 de março de 2014

Que grande demonstração de Vontade, de Qualidade e Mística!

 ●  8 comentários  ● 

GERAÇÃO BENFICA!!




Já aqui se fez um "post" sobre a grande vitória dos "putos" do Benfica, na Youth League, mas sem desprimor pelo postado, quero aqui aprofundar um pouco mais, e destacar algumas situações, salientando a enorme qualidade que a nossa equipa demonstrou ( e demonstra ) possuir.

A equipa de Juniores do Sport Lisboa e Benfica deslocou-se, esta terça-feira, ao reduto do Manchester City para disputar os quartos-de-final da UEFA Youth League, onde venceu com grande categoria por 1-2, carimbando a presença nas meias-finais!

Uma equipa do Man City, onde a aposta nas camadas jovens é feita, à semelhança da equipa principal, por intermédio de contratações dispendiosas (ou a custo 0 após aliciar alguns meninos...) de jogadores com um potencial elevado e com grandes previsões de qualidade futura. 

Neste paralelo, temos um belo exemplo, de alguém bem próximo de nós - Rony Lopes. Ex-jogador desta equipa, que foi atraído e inserido nesta estrutura milionária, deixando para trás qualquer ligação sentimental, ou perspectiva de singrar no nosso Glorioso ao mais alto nível. Podendo ou não criticar-se a sua ambição, o certo é que não o podemos criticar. Surgiu-lhe a oportunidade de sair para um clube milionário, com boas condições de trabalho, e certamente com um excelente contrato, impensável para muitos "adultos" do futebol. E sabendo-se que no Benfica, a aposta em portugueses tem deixado a desejar... lá foi ele...

Afinal, o querer, a ambição, a garra e o valor nacional ainda contam para alguma coisa, e lá batemos o pé aos bifes, mostrando a Rony que... há sempre dois caminhos para alcançar um fim: o trajecto corta mato... e aquele onde palmilhamos com sangue suor e lágrimas, até atingirmos a meta a que nos predestinamos! Curioso o agradecimento aos adeptos do Manchester City de Rony Lopes no "Twitter", que aqui reproduzo com ênfase ao final:  «Lição aprendida» foi a hashtag usada pelo médio, em jeito de recado aos seus seguidores. Afinal, aprendeste a lição, dos dois caminhos. Eu acredito que lá chegarias, e ninguém iria tirar o teu lugar. Assim como acredito em Bernardo Silva. 

Aqui fica a constituição da nossa equipa do BENFICA - Thierry Graça, Rafael Ramos, Ricardo Carvalho, Alexandre Alfaiate, Rebocho, Estrela, Raphael Guzzo, Filipe Nascimento (Rochinha, 46), Romário Baldé (Hildeberto Pereira, 90), Gonçalo Guedes e Nuno Santos (Gilson Costa, 87).

A equipa da casa entrou forte e aos 12 minutos inaugurou o marcador por intermédio de Fofana. Até ao intervalo, o Benfica cresceu, acercou-se da baliza inglesa com maior propriedade, sem que o Manchester City deixasse de encetar alguns ataques perigosos.
Aliás, à passagem do minuto 33 Nuno Santos obrigou O’Brien a vistosa defesa.

Ao intervalo, o conjunto da casa vencia por 1-0, mas na etapa complementar tudo foi diferente. Os Juniores do Benfica entraram mais perigosos, criaram mais oportunidades e acabaram recompensados.

Aos 74 minutos, Gonçalo Guedes empatou a partida. Nos minutos seguintes, o Manchester City voltou a pressionar, mas foi o Benfica quem respondeu com novo tento, desta feita, por Estrela, quando o relógio apontava aos 82’.  

Daí até final, a turma da casa ainda tentou o empate e Marcos Lopes até atirou ao poste, mas o resultado já não se alterou. Ver aqui as estatísticas.

A equipa portuguesa terá agora pela frente, nas meias-finais, o Real Madrid. O jogo realiza-se em território neutro, neste caso Nyon, na Suíça, a 11 de abril.

Isto, para além do tremendo orgulho sentido por mais uma majestosa exibição de classe em terras de sua majestade no espaço de 1 semana, demonstra que o Benfica tem muita, muita classe nas suas camadas jovens. Trabalha-se bem, estamos como condições de trabalho ímpares (até nos vieram buscar o Rony Lopes!!) por isso, só falha quando chega a hora de os aproveitar e os colocar a jogar profissional. HÁ QUE APOSTAR NA QUALIDADE! NÃO HÁ GRANDES VITÓRIAS SEM QUALIDADE!! E hoje bem que se demonstrou mais uma vez a qualidade dos nossos! 

Os Juniores, a Equipa B, todas estas equipas estão equipadas com diamantes em bruto! Nem todos serão jogadores de top, alguns poderão até enveredar pelo anonimato, mas muitos destes têm de ser aposta, e sem medo, para o nosso futuro! Os da equipa B tem de subir para a Principal ou rodar para voltar á casa mãe com outras armas, e os juniores tomarão o seu lugar na equipa B! Queremos Ivan Cavaleiros, Bernardos Silva, e não novelas como Miguel Rosas... APOSTA BENFICA, TEMOS QUALIDADE!! A nossa estrutura não pode adormecer, ou preferir apostar em jovens estrangeiros, só porque são... estrangeiros, e porque assim se pagam luvas a alguém! O que é nacional é bom ( 4-2 toma lá Manuel Machado - não resisti a fazer a piada!)

Após este triunfo, o Sport Lisboa e Benfica já informou que o voo da equipa chega ao Aeroporto da Portela, em Lisboa, às 13h15 de quarta-feira. Por isso, quem quiser, puder, e primar pela superação, que esteja á espera destes jovens para uma merecida recepção, já que eles bem merecem!! 

CARREGA BENFICA, SINTAM A MÍSTICA!!


8 comentários blogger

  1. Parece que vamos no mesmo vôo.

    ResponderEliminar
  2. Alguém tem vídeo dos golos?

    ResponderEliminar
  3. Excelente vitória contra o Manchester City embora, pelas estatísticas, ma pareça que fomos bastante felizes nesta vitória. Ainda assim excelente participação da nossa equipa de sub-19 nesta 1ª edição da Youth League.

    Quanto ao apostar nos jovens, tem que se apostar de tiverem qualidade. A aposta será feita em alguns deles, mas outros seguirão outro caminho. Antes disso ainda jogarão na equipa B onde poderão crescer como têm feito Ivan, Bernardo, Varela, Helder e outros.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já cá faltavas tu e a estatística.

      Oh meu caro, isto não há vitorias morais nem felizes... há os que conseguem ir a jogo e ser competentes e marcar mais que outros... e há os tipos das vitórias morais, das "felicidades" e das estatísticas.

      Tenho tanta pena de não teres vivido as "estatisticas" da decada de 70 e 80... Já nem vou mais atrás senao...

      Eliminar
  4. Bem, a aposta nos jovens a acontecer só poderia ser agora e não antes, tendo em conta que o centro de estágio e a aposta na formação só agora começa a dar os seus frutos. Antes disso não se trabalhava em condições neste aspecto, por isso não é de surpreender o pouco aproveitamento da juventude no passado.

    ResponderEliminar
  5. Os meus parabéns pelo post. Está-se a provar que qualidade não falta na nossa formação. Acredito que a aposta no futuro passará por esses jogadores!

    E não temos contado com o João Nunes (capitão dos Juniores, e central com muito potencial) li isto na net http://foradejogo08.blogspot.pt/2014/03/benfica-castiga-junior-por-nao.html

    acredito que será verdade!

    Saudações Benfiquistas

    ResponderEliminar
  6. O "Lesson Learned" acho que foi mais porque se calhar acreditavam que estava no papo e lixaram-se...

    ResponderEliminar
  7. Parabéns pelo posto. FInalmente escreves alguma coisa na qual me revejo.

    Quanto ao moço que o Benfica "deixou" escapar para o City e que mereceu amplos textos de defesa aqui neste blogue, há umas semanas atrás, aliás tal e qual a pressão que a comunicação social fez (como sempre disse, há muita gente que não passa de caixas de ressonância do que outros escrevem e pensam por eles), desejo-lhe a maior das sortes no futuro, mas a vida é assim... desta fez ganhamos nós e não sentimos falta de ninguém...

    Mas se a presença nas mais finais valoriza o Benfica, e através do Benfica valoriza o futebol de formação nacional, não me parece que seja oportuno rematar aqui a prova do Benfica. O Benfica onde entra, nunca é outsider, mas sim candidato a ganhar. Por muita alegria que sintamos nesta altura, ontem apenas fizemos aquilo que o nosso ADN é: ganhar.

    Mas queremos ficar na história como os melhores dos melhores. Portanto muita humildade e pouca festa. Para já.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking