Onde está a coerência deste processo?
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quinta-feira, 18 de julho de 2013

Onde está a coerência deste processo?

Avatar
 ●  + 21 comentários  ● 

Imagem da notícia no site do SL Benfica

A 11/12/2012 foi assim:

"O jogador Leandro Pimenta renovou esta terça-feira contrato com o Sport Lisboa e Benfica por três anos, o que significa que ficou ligado ao Clube até 2016. 


O futebolista, de 22 anos, tem agora uma cláusula de rescisão fixada em 30 milhões de euros.

Recorde-se que o médio Leandro Pimenta tem feito esta época parte da equipa B do Sport Lisboa e Benfica, onde tem sido um dos elementos mais utilizados pelo treinador Luís Norton de Matos."

- retirado de Sport Lisboa e Benfica

A 18/07/2013 é assim:

"Aos 23 anos, Leandro Pimenta rescindiu com o Benfica e assinou três temporadas pelo Gil Vicente. O anúncio foi feito no site oficial dos galos e faz do ex-jogador da equipa B das águias o 15º reforço gilista. 


Leandro Pimenta é um médio defensivo e já trabalhou na época 2011/12 com o treinador João de Deus, na altura ao serviço do Atlético. No último mês de dezembro renovou com o Benfica até 2016 e passou a ter uma cláusula de rescisão de 30 milhões." - retirado de Maisfutebol.


Como se renova um contrato em Dezembro (pagando prémio de assinatura) para 7 meses depois prescindir do jogador?

O Gil Vicente pagou 30 milhões de euros pelo Leandro Pimenta? O jogador foi liberto a custo zero do seu contrato?
Mais um caso na verdadeira roda viva de entradas e saídas que é a equipa B do nosso Benfica. 

21 comentários blogger

  1. Brilhante texto, Parabéns. O que o Benfica devia ter feito era pôr o miudo a jogar na B, como fez, mas com o contrato a acabar. Assim se o miudo se desse bem podiamos teriamos um jogador cobiçado a acabar contrato ou com apenas um ano de contrato e com a balança negocial do lado dele e do seu empresário. Brilhante. Aplaudo de pé.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aparentemente, queriam que ele jogasse na B sem renovarem o contrato. Isso já era uma boa medida.
      Não vale a pena que o que importa aqui é dizer que é mal feito. É tudo mal feito e quem acha o contrário é um benfiquista resignado.

      Eliminar
    2. Depois teríamos neste momento um texto também a criticar o Benfica mas por não ter renovado com o jogador.

      Eliminar
    3. Tá tudo um espectáculo neste projecto desportivo! renovar em dezembro e despachá-lo em julho o que é que tem? coisa mais normal, é o que se vê mais por essa europa fora...
      Tá tudo controlado e vê-se bem que eles sabem o que estão a fazer.

      Eliminar
  2. Já com o João Pereira aconteceu o mesmo. Renovamos e depois foi emprestado ao Gil Vicente até rescindirmos contrato com ele.

    ResponderEliminar
  3. Coerência? No Benfica... Não estaremos a pedir demais? Há um ano atrás falei do Cornejo, como seria possível contratar um jogador tão fraco, com tão poucas provas dadas! Claro que apareceu logo a PB! Hoje, um ano depois, eis que o espanhol sai dispensado! E hoje, claro que esses adeptos tão leais ao rumo actual não aparecem a questionar esta gestão altamente danosa do clube! Basta olhar p equipa B, o jogador português está a ser purgado do Benfica! E ng repara?

    ResponderEliminar
  4. A minha candidatura, foi apreciada? OLLOLL

    ResponderEliminar
  5. Se a roda viva fosse só a equipa B estávamos nós descansados...

    ResponderEliminar
  6. É a plataforma de enchimento de bolsos! Alguém duvida do pq da criação da B?

    ResponderEliminar
  7. Uma vergonha esta situação!!!! Já aconteceu o mesmo (similar pois não tinha renovado contracto um ano antes mas dois) com o Luis Martins, com o David Simão, etc etc etc!

    Não consigo mesmo entender!

    Confesso que não vi o jogador vezes suficientes para perceber se é craque ou não mas que raio de sentido faria ter renovado com ele se não fosse?

    Alguma coisa foi mal feita! Ou a renovação ou agora a dispensa!

    Parece-me urgente questionar-se a direcção acerca desta gestão de recursos humanos!

    Não digo que o jogador tenha qualidade para a equipa do Benfica mas seguramente se tinha não a perdeu em 6 meses!!!!!

    ResponderEliminar
  8. E os 104 sob contrato? Deixaram de ser problema?

    ResponderEliminar
  9. O Leandro Pimenta disse na apresentação como jogador do Gil que queria jogar na I Liga e como não tinha possibilidades de o fazer pelo Benfica então decidiu sair para o Gil. Até compreendo esta saída pois se o jogador não contava para o clube, então que não lhe "cortem as pernas" e o deixem prosseguir a carreira dele. Agora, o que é estúpido no meio disto tudo é terem-lhe renovado o contrato em dezembro. Nessa altura já não se sabia que ele não contava com o Benfica? Só deram conta disso passado meio ano? Claro que não. É estas renovações que eu não percebo, tal como o Roderick que passa a vida a renovar contrato com o Benfica. Deve lá ter uma cunha muito boa.

    ResponderEliminar

  10. mais um portugues ! Q se julga uma vedeta ! tempo ...

    ResponderEliminar
  11. Alguém aqui sabe dizer em concreto em que moldes realizado o respectivo contrato. Como não gosto de criticar sem saber ao certo o que estou a criticar, por agora fico calado.
    Mas quero lembrar que as regras actualmente em vigor impedem o empréstimo puro e simples de jogadores a outros clubes da mesma Liga. Ou estão a se esquecer em que moldes o Oblak foi "vendido" ao Rio Ave.
    Será que o SLB ficou com alguma cláusula de opção em que molde e qual o valor se houver para a exercer? Pois bem se o Benfica tem um quadro excessivo de jogadores como muitos dizem é criticado. Se começa a colocar esses excedentários por empréstimo é criticado; se é por venda é criticado; se rescinde… é criticado. Em que ficamos.
    Há uns que vão dizer; é pá mas então porque renovamos o contrato com o jogador. Pois é; ai é que está o cerne da questão; o porquê da renovação e o porquê da dispensa, venda ou rescisão? Só quem nunca geriu uma empresa e respectivos RH é que não sabe que pode haver mil e um factores que levem a uma decisão tão contraditória á 1ª vista como esta; e que igualmente não saiba que ambas tiveram todos os pressupostos de um bom acto de gestão. O contrário também é verdade.

    ResponderEliminar
  12. rui benfiquista18 julho, 2013 16:44

    Meus caros temos de perceber como são os negócios, o Josué foi emprestado ao Paços da mesma forma que( d. Martins ao belenenses, Luis martins ao gil, Leandro tbm ao gil, djanniny possivelmente , de certeza Miguel Rosa e Roderick e Nelson oliveira aos clubes que forem emprestados) e o Josué ao dar nas vistas no paços o Porto acionou a clausula de 50% e o josué voltou, estes jogadores assinaram com 3/4/5 épocas o que permite ao Benfica ficar com a totalidade de alguns e parte de outros dos passes e poderem durante este período controla-los e poder trazer de volta os que se revelarem interessantes para o Benfica , relativamente a noticias dos bastidores , fala- que o Nelson e o Farina irão ser emprestados ao Braga, para diminuir o preço do Eder para vir substituir o Cardozo.

    ResponderEliminar
  13. Não se pode criticar tudo o que esta direção faz. Eu acho que é um bom negócio, pois o Benfica ficou com 50% dos direitos do jogador e além disso tem opção de compra. Qual é o mal de se ter renovado com ele em dezembro? As coisas mudam de um dia para o outro e entretanto surgiu a oportunidade dele sair para o Gil Vicente. Os clubes conversaram e chegaram a acordo. Alguém acha que atualmente ele vale 30M? Era melhor o empréstimo? Talvez. Mas o jogador provavelmente não queria e ele também tem uma palavra a dar.

    ResponderEliminar
  14. Isto é mais do mesmo, amadorismo e incompetencia!
    Foi bonita foto que tiraram com o presidente a assinar papeis...publicidade meus amigos!! Com essa mesma publicidade e a ilusão de que o Benfica aposta em jovens da formação é que vemos a merda do passivo a aumentar...depois precisam de vender os melhores pois precisam, pudera!

    ResponderEliminar
  15. Alguém aqui sabe dizer em concreto em que moldes realizado o respectivo contrato. Como não gosto de criticar sem saber ao certo o que estou a criticar, por agora fico calado.
    Mas quero lembrar que as regras actualmente em vigor impedem o empréstimo puro e simples de jogadores a outros clubes da mesma Liga. Ou estão a se esquecer em que moldes o Oblak foi "vendido" ao Rio Ave.
    Será que o SLB ficou com alguma cláusula de opção em que molde e qual o valor se houver para a exercer? Pois bem se o Benfica tem um quadro excessivo de jogadores como muitos dizem é criticado. Se começa a colocar esses excedentários por empréstimo é criticado; se é por venda é criticado; se rescinde… é criticado. Em que ficamos.
    Há uns que vão dizer; é pá mas então porque renovamos o contrato com o jogador. Pois é; ai é que está o cerne da questão; o porquê da renovação e o porquê da dispensa, venda ou rescisão? Só quem nunca geriu uma empresa e respectivos RH é que não sabe que pode haver mil e um factores que levem a uma decisão tão contraditória á 1ª vista como esta; e que igualmente não saiba que ambas tiveram todos os pressupostos de um bom acto de gestão. O contrário também é verdade.

    ResponderEliminar
  16. Eu acho que o prémio de assinatura foi parcialmente recebido pelo Dr.º Vale e Azevedo.. aliás ele é culpado da situação ruinosa do Benfica, mesmo passados 13 anos (quase) de ter saído .. há gente que não enxerga um palmo à frente do nariz e por isso tem de continuar a pagar...

    Por outro lado esta permanente série de ofertas do Benfica a clubes mais pequenos, reforça o papel de centralidade do Sr.º Vieira nesse pequeno mundo, onde apenas conta a opinião que depois os dirigentes desses clubes vêm trazer cá para fora: não há um que critique Vieira, para não perder a vez...

    Entretanto estes jogadores são contratados pela SAD, os empresários ganham as comissões (eu não) e no final, alguém se continua a governar, e o clube/SAD a pagar...

    ResponderEliminar
  17. Então a SAD perde um jogador que faz parte do ativo do clube.
    O que é português é considerado dispensável.
    Algo vai mal no reino do senhor dos pneus.
    Ainda estou à espera de mais notícias destas.
    Até quando uma aposta credível do jogadores de topo nacionais.
    Será impossível alcançar isso?
    Pelos milhões gastos em flops já tínhamos maioria de jogadores nacionais na equipa principal.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares