O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


20 de janeiro de 2013

Vários 'Lance Armstrong' no futebol de hoje.

Avatar
 ●  23 comentários  ● 
"Pensavam que era só eu?"

A história de Lance Armstrong está longe do seu epílogo. 
A entrevista que deu a Oprah Winfrey foi concebida para tentar obter a simpatia da opinião pública, mas não se livrou ainda das repercurssões que as suas declarações certamente causarão. 

Durante anos, foi apresentado como um exemplo do atleta quase perfeito. 
Performances fantásticas, 7 vitórias incríveis na prova rainha do ciclismo, a Volta à França, um herói que tinha vencido um cancro...era a imagem perfeita para empresas e dirigentes desportivos.

Entre esse sucesso, surgiram por vezes algumas alegações de doping. 
Em 2005, alegadamente as análises a 6 amostras de urina recolhidas durante a prova francesa em 1999 tinham acusado a presença de Eritropoetina, que de forma simplificada, aumenta o nível de glóbulos vermelhos no sangue, melhorando assim a troca de oxigénio, aumentando a capacidade muscular e elevando a resistência ao exercício físico

Após acusações em público entre jornalistas, o atleta e vários organismos, o resultado dessas análises não foi validado pois foi considerado que as amostras tinham sido contaminadas. E a coisa, apesar de recorrente polémica, passou.

Nos últimos dias, Armstrong na entrevista que concedeu e que foi exibida em 2 partes, admitiu ter tomado a Eritropoetina, ter recebido transfusões do seu próprio sangue, ter tomado testosterona, hormonas de crescimento e cortisona.

Este homem fez mais de 600 testes de doping oficiais durante a sua carreira. Apesar de alguma controvérsia com as já referidas análises de 1999, as vozes oficiais sempre negaram qualquer irregularidade e este batoteiro pode passar mais de 10 anos incólume. Vencendo, estabelecendo recordes, sendo apresentado como alguém de 'outro mundo', com a conivência de comentadores, jornalistas e organismos.

Afinal...era uma fraude. 
Fê-lo sozinho? 
Que dizer de quem lhe fornecia as substâncias? 
Que dizer dos técnicos e organismos anti-doping dos países onde Lance correu e supostamente fez análises? 
Que dizer de quem encobriu não só Lance, mas como as dezenas de atletas que recorreram aos mesmos esquemas e que ainda não estão formalmente acusados, sob pena de o ciclismo mundial ir quase parar?

A batotice e a fraude, em troca de subornos e esquema de favorecimento de milhões de euros, nunca estiveram tão envolvidos nos resultados desportivos actuais no futebol como agora. 
As alterações nos formatos das competições europeias na última década não foram estranhas a essa influência.

O que me preocupa é que devido a esses esquemas, os verdadeiros atletas e desportistas são ofuscados por outros que, embora possam até ter talento e qualidades técnicas superiores, não tinham ou têm capacidade atlética para competirem profissionalmente
Outros mantém-se sempre em forma, sem lesões, mantendo constante durante os 90 minutos a capacidade invejável de sprint e resistência devido a essas mesmas substâncias que tomam.

Lance Armstrong manteve durante anos a fio o seu mito. 
Quem mais se manterá como mito e durante quanto mais tempo? Quantos ídolos falsos adorarão os adeptos do futebol?

  

23 comentários blogger

  1. Unidos pela “paixão ao azul-e-branco”

    A ligação de Fernando Gomes e Tiago Craveiro ao FC Porto está a preocupar outros clubes e outras instituições do futebol português – temem que a FPF esteja a ser fortemente influenciada pelos dragões.



    Vários dirigentes, aliás, garantiram ao CM que circula nos meios do dirigismo de topo uma mensagem de telemóvel em que o presidente da Federação diz ao diretor-geral da instituição (na altura ainda não exercia este cargo) que têm um longo caminho a percorrer juntos e que além da amizade que os liga, também estão unidos pela "paixão ao azul-e-branco".

    "É uma vergonha", disse ao CM um dirigente, que pediu para não ser identificado. Outro frisou não ter dúvidas sobre a influência do FC Porto na FPF. "Só lhe falta dominar ou acabar com a Liga", acrescentou o mesmo dirigente, que também pediu para não ser identificado.

    O CM contactou Mário Figueiredo, líder da Liga, que recusou comentar o teor da mensagem de Gomes.

    Tiago Craveiro, que foi secretário-geral da Liga na altura em que Gomes liderava a instituição – cargo que deixou quando Mário Figueiredo ganhou as últimas eleições a António Laranjo –, sempre foi conotado com o FC Porto. Em agosto de 2012 foi oficialmente nomeado diretor-geral da FPF, embora já estivesse no organismo há vários meses. Quando esteve na Liga, como o CM já noticiou, chegou a telefonar várias vezes por dia a dirigentes do FC Porto, mas não fazia o mesmo em relação a outros clubes.

    Já Fernando Gomes foi dirigente dos dragões durante vários anos, durante a presidência de Jorge Nuno Pinto da Costa.

    O CM tentou obter uma reação do presidente da FPF, o que não foi possível, dado que não atendeu o telemóvel. Um assessor de comunicação da FPF contactou o CM e perguntou "o que se passava". Foi-lhe dito que em causa estava uma notícia que envolvia Fernando Gomes, Tiago Craveiro e o FC Porto, pelo que era necessário falar com o líder federativo. Gomes, no entanto, manteve o silêncio. Tiago Craveiro, por seu lado, disse ao CM: "É verdade que sou amigo de Fernando Gomes há muito tempo, mas não me lembro dessa mensagem. Em relação ao domínio do FC Porto, apenas digo que o presidente da Federação é presidente de todos os clubes e não só de um."

    ACUSADO DE DESVIAR PATROCÍNIOS

    Em junho de 2012, a Liga apelou ao presidente da FPF, Fernando Gomes, para que, "de uma vez por todas, coloque um ponto final na atuação do ex--secretário-geral da Liga, Tiago Craveiro, que muito tem prejudicado as boas relações institucionais entre os presidentes das duas instituições".

    "Esta ação reiterada tem-se manifestado através de campanhas de desinformação, bem como pela tentativa de desvio de patrocínios e patrocinadores, que tinham sido começados a negociar em sede de Liga e antes de esse dirigente ter abandonado as suas funções na instituição", pode ler-se ainda no comunicado da Liga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como me custa engolir que o Benfica, representado pelo nosso belíssimo presidente, ajudou a eleger este corrupto...

      Eliminar
  2. Já disse varias vezes , existe no desporto muitos dopados então tudo Americano, Russo ou chinês nem se fala. ex : o Phelps,Bolt etc... Quanto ao futebol os últimos que me lembro foi o Kennedy, e o Nosso jogador Assis. Agora se o clube do norte consegue escapar com o poder que tem não admirava.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Águia Preocupada20 janeiro, 2013 13:36

      O mais escandaloso foi o caso, muito bem branqueado, do João Pinto - defesa direito dos corruptos - cujas culpas, para "safar" o corruptozito, recairam em cima de Veloso. Talvez os mais novos não saibam e alguns mais velhos não se lembrem! Mas o Mundial de 1986 ficará para sempre nos anais da história como a fraude e manipulação do século.
      Veloso, levou e bem o caso até às últimas consequências tendo recebido da FPF uma indnmização de 25.000 contos.
      É bom irmos lembrando estes casos. Quem estava dopado era João Pinto e não Veloso!

      Eliminar
    2. E não só. Lembro-me de o Semedo(salvo erro) no FCP ter assumido o doping que era de um jogador muito mais importante. Esta história contam muitos que estiveram ligados ao futebol no norte.

      Eliminar
  3. Excelente, Shadows...como sempre.

    PS: O River Plate foi ganhar ao campo de Boca Juniors por 2-O os dois golos do eximido Rodrigo Mora.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Boss.

      Não percebo como o Mora não ficou cá.

      Eliminar
  4. O quê? Estão a insinuar que "uns" que eu cá sei, que correm igual no último minuto de jogo do que no primeiro são uns "Armstrongs"???? Nãããoooo!!!

    ResponderEliminar
  5. BENFIQUISTA DO CORAÇÃO20 janeiro, 2013 12:19

    COPIADO DO ANTI-TRIPA

    "A ligação de Fernando Gomes e Tiago Craveiro ao FC Porto está a preocupar outros clubes e outras instituições do futebol português – temem que a FPF esteja a ser fortemente influenciada pelos dragões.
    Vários dirigentes, aliás, garantiram ao CM que circula nos meios do dirigismo de topo uma mensagem de telemóvel em que o presidente da Federação diz ao diretor-geral da instituição (na altura ainda não exercia este cargo) que têm um longo caminho a percorrer juntos e que além da amizade que os liga, também estão unidos pela "paixão ao azul-e-branco".
    Tiago Craveiro, que foi secretário-geral da Liga na altura em que Gomes liderava a instituição – cargo que deixou quando Mário Figueiredo ganhou as últimas eleições a António Laranjo –, sempre foi conotado com o FC Porto. Em agosto de 2012 foi oficialmente nomeado diretor-geral da FPF, embora já estivesse no organismo há vários meses. Quando esteve na Liga, como o CM já noticiou, chegou a telefonar várias vezes por dia a dirigentes do FC Porto, mas não fazia o mesmo em relação a outros clubes

    DOU OS PARABENS AO NO WORRIES
    POR TRAZER AQUI ESTA NOTÍCIA
    DO QUE CIRCULA POR AÍ NOS MEANDROS
    DA BOLA TUGA

    É UM ASSUNTO CHAVE

    E VAMOS SOMAR DOIS MAIS DOIS

    SABENDO DISSO O PEREGRINO DE COMPOSTELA
    RESOLVEU FAZER CONTRA INFORMAÇÃO
    PARA ACALMAR OS RECLAMANTES
    E TENTAR PROVAR O CONTRÁRIO

    MOSTROU A TAL IMAGEM DO SITE DA LIGA
    COM O BENFICA COM 3 A 2
    E DIZENDO QUE A LIGA QUERIA QUE O BENFICA GANHASSE

    ISTO DEVE ESTAR TUDO LIGADO

    O PROBLEMA É QUE SE DESCOBRIU
    QUE A FALHA NO SITE DA LIGA FOI ERRO
    DA EMPRESA INFORMÁTICA QUE TRABALHA
    PARA A LIGA E DIZEM QUE TAMBEM
    TRABALHA PARA O PORTO CANAL
    ISTO É GENTE QUE NÃO DORME

    O BENFICA SER CAMPEÃO É QUASE IMPOSSÍVEL
    É MISSÃO HERCÚLEA

    PODESSEM ELES E ATÉ BOMBAS ATÓMICAS LANÇAVAM

    ResponderEliminar
  6. Águia Preocupada20 janeiro, 2013 13:30

    Efectivamente este caso veio - será que veio? - despoletar a discussão quiçá séria e conclusiva sobre o uso de doping.
    Todos sabemos que o uso de substâncias proibidas é recorrente - estou a ver o encontro de tenis que já dura há várias horas o que me parece sobre humano - e nunca ninguém se preocupou com a verdade.
    Organismos estatais, particulares, empresários, agentes desportivos, atletas, jornalistas, todos tem comido da malga e assim, tudo vai bem.
    Ainda ontem ouvia o senil do Ribeiro Cristóvão a tecer loas e elevar ao culto divino a gestão e organização dum certo clube corrupto, como se essas virtudes não estivessem feridas das piores fraudes e das mais ardilosas artimanhas.
    Mas este sistema é conivente e alimenta a fraude de que muitos se alimetam...E enquanto os interesses instalados se mantiverem...
    Será que esta confissão veio abrir uma janela para a discussão e resolução destes casos? Cá p'ra mim, terá aberto apenas uma fresta!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Águia, o que vejo é os organismos internacionais colocarem o Armstrong como o bode expiatório do doping 'sofisticado'.

      Faz-me lembrar as velhas tretas do futebol português: todos sabem o que se passa, mas quando aparece alguém a chamar os nomes pelos bois, fingem-se desconhecedores da realidade e exigem cobardemente que esse alguém denuncie sozinho a podridão.

      Eliminar
  7. SE ISTO DA MENSAGEM FOR VERDADEIRO

    (E A PJ PODE COMPROVAR ISSO FACILMENTE)

    ESTES SENHORES NÃO TÊM CONDIÇÕES
    LEGAIS E OBJECTIVAS
    PARA CONTINUAREM NA FPF

    SE ISTO DA MENSAGEM FOR VERDADEIRO

    E ESTES SENHORES TIVEREM VERGONHA
    SAIAM PELO SEU PÉ

    SE NÃO A TÊM
    DEVEM SER EXONERADOS

    ResponderEliminar
  8. O ciclismo é, desde há muitos anos, a modalidade mais podre que existe. Só não via quem não queria... Eu sempre suspeitei deste "amigo", pela insistência das acusações que lhe faziam e grandes turras tive com um amigo meu que o idolatrava. Agora, o herói dele caiu e ele ficou de rastos...

    Por cá, o futebol também é podre, mas por outros motivos. O que não quer dizer que o outro sobrenome do Póvoas não pudesse ser Ferrari!! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu chamo-lhe antes Druida Povoix!! :)

      Alguma vez era possível este homem aguentar-se todos estes anos sem ter a colaboração e cobertura de muita gente influente na UCI?
      Suspeito que será mais um que será culpado...sozinho.

      Há outro que é o ídolo de muitos, e que não merece o lugar que ocupa.

      Eliminar
  9. o SHADOWS, não está só a referir-se aos amarelados lá de cima.
    Há tempos defendeu aqui a tese de "doping MESSIanicos" e tudo lhe caiu em cima.
    Com esta descoberta num atleta que ia todos os dias ao controlo quando corria e não só, temos a certeza agora que há dopings e do grosso, que não é detectado porque também há gente que trabalha, e muito, para a sua não detecção.

    Sobre o doping a partir de agora, nada fica como dantes.
    O Luis Horta que superintende neste País podre e corrupto os controlos dos dopings, tem que deixar de acreditar no Pai Natal e no coelhinho da Páscoa, para passar à acção!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gracias Viriato por essa lembrança. Não acrescentei aqui esse ponto pois interessa-me que se discutam os assuntos sem ter aqui aqueles que nada dizem mas apenas vêm para chamar nomes a tudo e todos.

      Daqui a uns anos ou menos, se descobrirá o mesmo sobre o anão dos milagres.

      Eliminar
  10. BULLSHIT!!!!!

    O problema não é o Lance!
    Então querem ver que o Contador, Franck Shleck, Pantani, Ulrich, e todos os outros ciclistas de top que foram apanhados nas malhas do doping são uns coitadinhos e verdadeiros atletas????

    O CACETE!

    A mentira não é o Lance, esse é apenas mais um mentiroso como TODOS os demais e como a UCI. A mentira é o ciclismo que promoveu o "homem-maquina". A MENTIRA É O CICLISMO da década de 90 e inicio dos anos 2000.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não digo isso, GB. O Lance foi mais um.

      Toda a UCI está minada e a nuvem de fumo que é o Lance procura esconder toda essa fraude instalada.

      E vai mais longe. Vai às indústrias farmacêuticas que produzem muitas dessas drogas. A haver uma verdadeira investigação, garanto-te que seriam centenas de prisões efectuadas por esse mundo fora.

      Eliminar
  11. E ninguém fala do Indurain?! 5 tours consecutivos??!! não será, igualmente, humanamente impossivel?! E o Chris Froome?! em que ajuda o o Wiggins praticamente toda a montanha e no fim tem força para dar um sprint com tivesse ffesquinho??!!

    A amarelinha do Póvoas também está bem patente no clube dos corruptos. O jogo que me vem À cabela foi a meia-final com o villarreal (5-1) no Dragão. Na primeira parte, nadinha de nada. Na segunda parte fresquinhos como alfaces sublinhando que o porto jogava em tres frentes, nao rodava muitoa equipa e estva em final de temporada.

    Para mim a alta competição, na generalidade, esta toda dopada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens toda a razão. Como já outros mencionaram, o esquema é demasiado elaborado e apurado. Isto ainda é uma pequena amostra da fraude que é o ciclismo, e não só.

      O esquema de controles anti-doping do futebol é antiquado, previsível e sem capacidade para assustar os prevaricadores.

      Eliminar
  12. Para os mais desatentos, deixo só a nota que o p jaquim agostinho que é idolatrado pelos tugas, foi desclassificado em 2 anos no tour por dar no doping, que ao contrário do que diz o gb é um fenómeno antigo e recorrente no ciclismo. Na verdade, nesses anos do lance, a maioria dos primeiros classificados usava o mesmo esquema, pois se forem ver, muitos também já foram desclassificados e por isso não há possibilidade de achar vencedores para esses anos.
    Ao fim ao cabo o homem era mesmo um fenómeno, porque em condições iguais, estavam todos dopados, acabava mesmo por ser o melhor.
    Se houve alguns que não acusaram, se calhar foi porque não tiveram resultados de destaque que os obrigassem a ser controlados.
    A questão é que quem esteve por trás, escapou, como escapa sempre e por isso é que às vezes, certos atletas no seu auge acabam por bater a caçuleta.
    Em Portugal, temos um bom exemplo de especialistas, basta puxarem um pouco pela memória para se lembrarem de uma equipa onde estavam para aí 10 ciclistas que foram apanhados

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB.

ranking