Com outro treinador...
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


domingo, 20 de maio de 2012

Com outro treinador...

Avatar
 ●  + 25 comentários  ● 


...não tínhamos perdido o jogo da primeira mão como Chelsea, e quem sabe não estaríamos hoje em festa.

Di Matteo teve uma carreira interessante como jogador, mas como treinador o seu currículo era quase em branco. Treinou o Milton Keynes Dons(clube fundado em 2004, na sombra do Wimbledon) e o WBA. Até chegar ao Chelsea para integrar a equipa técnica. 
Após o despedimento de AVB, ficou a tomar conta da casa até ao final da época.
E conseguiu aquilo que milhões gastos em treinadores de renome não haviam feito: vencer a Champions pelo Chelsea.

Utilizou as armas que tinha: jogadores de classe mundial, já na fase final da carreira na sua maioria, mas com querer e qualidade mais que suficientes para serem um adversário difícil.
Eliminou Benfica e Barcelona, e venceu o Bayern na sua própria casa.

O segredo? Todos viram que além da táctica adequada a cada adversário, a equipa do Chelsea actuou sempre como um corpo, com uma união e vontade fantásticas.
Por muito que queiram olhar para o futebol como um conjunto de estatísticas, apenas dependente de arrumar peças como no xadrez, o futebol é paixão, é entrega, é querer. Quem entra assim em campo ultrapassa muita coisa. Tudo começa no treinador.

"It is an art in itself to compose a starting team, finding the balance between creative players and those with destructive powers, and between defence, construction and attack – never forgetting the quality of the opposition and the specific pressures of each match." - Rinus Michels

Tivesse o treinador do Benfica mais tempo calado e tivesse o treinador do Benfica colocado em primeiro lugar o interesse do Benfica na primeira mão com o Chelsea, aplicando uma táctica adequada e colocando em jogo os melhores que se encaixassem no plano para esse jogo, e quem sabe...não tínhamos estado na Portela às 3h da manhã.

25 comentários blogger

  1. Águia Suiça20 maio, 2012 17:25

    Se, há muitos ses como por exemplo se se a minha avó não morresse ainda agora estaria viva.

    ResponderEliminar
  2. Com outro treinador dávamos duas goleadas ao Barcelona e na final menos de 3 ao Bayern era coisa para meninos.

    ResponderEliminar
  3. Concordo a 100%. Estes gajos estavam perfeitamente ao nosso alcance.

    ResponderEliminar
  4. Nem o campeonato nacional ganharam ao Vitor Periera e queriam ganhar a champions?!

    Cumprimentos,

    Pedro Carneiro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Vitor Pereira não ganhou campeonato nenhum. Alguém ganhou por ele....os do costume!!!

      Enquanto o Mafioso Gerente da Caixa, continuar a ser o Padre da Freguesia das Antas, qualquer tijolo como treinador, ganha aquilo.
      Mas é difícil de perceber???

      Eliminar
    2. O Vitor Pereira ganhou o campeonato com 83% de pontos conquistados, frutos dos habituais truques de arbitragem e da protecção da comunicação social controlada a partir dos interesses da Olivedesportos.

      83% é um bom numero embora os mesmos analistas desportivos controlados pela Olivedesportos tenham feito eco de um suposto "pior FCP dos últimos anos". No campeonato foi o 4º melhor FCP desde que a Liga de Clubes organiza as provas, há 18 anos ... Sintomática a manipulação que a comunicação social faz, e com intenções bem determinadas. A 1ª das quais, retirar espaço de manobra ao treinador do Benfica, para favorecer a próxima época do FCP. Infelizmente há benfiquistas otários que continuam a não perceber nada disto ...

      Este 4º melhor FCP esteve à frente por exemplo, do FCP que ganhou o 2º titulo com Mourinho. Mourinho esse mesmo, fez "apenas" 80% nesse 2º título. A diferença é que esse Mourinho ganhou a Champions e este FCP foi eliminado sucessivamente por adversários que quer Benfica quer SCP eliminaram: Zenit e Manchester City.

      Ficou pois a evidência: com árbitros estrangeiros para o FCP é sempre mais dificil. Com árbitros portugueses ATÉ o Vítor Pereira ganha.

      Eliminar
  5. Com outro treinador... Se calhar não passávamos da fase de grupos... Deixem-se destas tretas pá... Fizemos uma grande Champions!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mania de alguns só verem a água que falta para encher o copo, e não o trabalho que deu encher o copo com a água que tem, leva-nos mais tarde a piores resultados pois nem essa água conseguimos meter.

      Exemplo: o andebol ... no ano passado o treinador era isto e aquilo. Mudaram e de um 2º passamos para um 4º, e da Taça de Portugal e Supertaça passamos para ZERO taças ... mas esta malta não consegue perceber nem aprender ...

      Eliminar
  6. Se queres que o Jesus entenda o que citaste do Rinus Michels, convinha traduzires isso para Português... ;)

    ResponderEliminar
  7. Já agora, com outro treinador, se calhar em 2009-2010, teríamos ganho a Liga Europa, para além do campeonato e taça da Liga. Mais, se calhar até teríamos conseguido ir ao Jamor... mas, isto já são muitos "ses"...

    ResponderEliminar
  8. ... " Com outro treinador " ...

    O " Miguel Relvas " não faria melhor !

    Eu sei que é dificil não falar de tamanha prostituição inteletual; não vou alongar-me muito mais, como tudo na vida há benfiquistas e benfiquistas ...

    ResponderEliminar
  9. Perdemos uma oportunidade unica de chegar a uma final europeia, já o ano passado perdemos contra o braguinha. talvez daqui a 20 anos tenhamos outra desta. Bem, espero que não sejam 20 anos, pode ser já para o ano ou para 2014 mas para isso suceder teremos de ter outro treinador e outro presidente.

    ResponderEliminar
  10. Reafirmo: SOU CONTRA A SAÍDA DE JESUS E CONSEQUENTE RESPONSABILIZAÇÃO POR ESTA TEMPORADA

    ResponderEliminar
  11. É isso!!! O barcelona por exemplo mandou embora o guardiola por isso... desculpa mas isso nao tem pés nem cabeça

    ResponderEliminar
  12. e no basket ? é com ouro treinador ? e no andebol ? e no voleibol ?
    e o chelsea faz jogos " pobres" mas o chelsea tem o drogba , nos temos o cardozo . conseguem ver a diferença ????????? nao ? um é preto o outro é branco . peter che , lampard mesmo de muletas é um grande jogador , terry so estes chega , mas sim sem duvida podiamos ter chegado mais longe se o benfica fosse o antigo BENFICA e isso nao é so culpa do treinador

    ResponderEliminar
  13. Conde de Vimioso20 maio, 2012 20:35

    Detesto que Benfiquistas que pensam como coitadinhos.

    Contra os corruptos não podemos fazer nada.

    Ganhar ao Selse o à barcelonesa teria que ser uma obra divina.

    Com gente tão pequenina como querem que o Benfica seja grande.

    Não foi o Vira que disse que seriamos maiores que o R.Madrid?????

    Então porque é que os seus apoiantes pensam tão pequenino.

    Há aqui qualquer coisa que não bete certo.

    Os exremos atraêm-se.....

    ResponderEliminar
  14. Não tem nada a ver, mas se tivéssemos um treinador de baskete não perdíamos o título em CASA!!!!

    ResponderEliminar
  15. Quero agradecer pela pluralidade de opinioes neste espaço de democracia. Obrigado por aceitar o meu comentário. Vendo o seu encorajamento no enriquecimento do debate aqui deixo outro comentário.

    Ridiculo...

    ResponderEliminar
  16. Com outro presidente, especialmente um que cuidasse dos interesses do clube em vez de andar a cuidar dos seus, este treinador tinha baixado a garimpa, não falava e punha a equipa a jogar em condições. Enquanto o Benfica não tiver um gajo que mande, não há treinador que resista.

    Olhem, no basket, com o campeonato na mão, levámos hoje na peida, deixamos empatar a final a 2 e temos de ir jogar a negra às antas. Ou seja, vamos morrer na praia. Acho que o slogan dos corruptos nos começa também a assentar que nem uma luva: este é o nosso destino...

    ResponderEliminar
  17. Com outro treinador os resultados poderiam ser bem piores, no fim é fácil criticar-se ou apontar-se os erros que se comete ao longo de uma época, mas só quem lá está a tomar as decisões todos os dias é que sabe o que deve ou não fazer, por vezes tem-se boas decisões e noutras menos boas. Os Di Matteo não aparecem todos os dias, foi um risco que o Chelsea correu, e não lhes podia ter corrido melhor, o Jorge Jesus não é um treinador brilhante mas é dos melhores treinadores do Benfica senão o melhor dos últimos anos, é um treinador teimoso, e por causa dessa teimosia comete alguns erros, mas ele colocou o Benfica a jogar como à muito não jogava, antes do JJ o Benfica ficava em 6, 4, 3 e 2 lugares, com más épocas europeias pelo meio, com o JJ o Benfica tem 4 títulos ganhos, uma meia-final de uma competição europeia, e levou o Benfica às quartas-de-final da Champions, o que o Benfica era e o que é, na minha opinião o Benfica melhorou e de que maneira. O JJ tem mais um ano de contrato com o Benfica, a época correndo da maneira que correr, sendo o Benfica campeão ou não, talvez seja a última época dele ao serviço do clube, e um dia ainda iremos a dar por nós a dizer, com o Jorge Jesus o Benfica fazia melhor. Espero que o próximo treinador do Benfica faça melhor, ou pelo menos que ganhe mais títulos, aquilo que eu acho é que o JJ ainda vai deixar saudades.

    ResponderEliminar
  18. O que acho mais interessante, e ao mais tempo extraordinariamente triste, é ver gente que é rápida a defender a mediocridade, mas inofensiva a defender o Benfica dos seus abutres.

    ResponderEliminar
  19. Shadows, estava eu a ler o teu texto e a gostar de ler o que estava a ler, quando subitamente viraste para o nosso treinador e borraste a pintura. Pensei que tinhas percebido o trabalho do Di Matteo e afinal não percebeste nada. Ou pouco ...

    O Di Matteo alterou duas coisas fundamentais numa boa equipa de futebol: (1) os níveis de confiança dos jogadores, (2) táctica de jogo montada para reagir ao jogo adversário, mais do que provocar as situações de golo.

    Diz-se que Matteo colocou o Chelsea a jogar à "italiana", um chavão que acaba por ter aceitação quando nos lembramos do "catenacio". Na verdade este Chelsea jogou um futebol que esperou o erro do adversário, mais do que o provocou.

    Esta diferença é fundamental para se perceber como jogou o Benfica com o Chelsea, cá e lá, e como jogou o Chelsea contra TODOS os adversários que lhe passaram pela frente, mais fortes ou menos fortes.

    Pensei que tinhas percebido isto. Mas não percebeste. E como não percebeste, não consegues entender que o Benfica com o orçamento mais baixo de TODAS as equipas que estiveram nos quartos de final da Champions, jogou contra o Chelsea como jogou contra a Académica: procurando o golo, procurando provocar o erro do adversário.

    O Chelsea teve a humildade de jogar com o Benfica como jogou mais tarde com o Barcelona: procurando não sofrer golos.

    Consegues ver o Benfica em posição defensiva (como dizem os analistas desportivos), numa fase da prova tão avançada? Não consegues, porque não está no teu ADN, porque alegadamente o Benfica pode perder mas tem de jogar ao ataque, porque é melhor perder jogando bem do que ganhar jogando mal ... é o que dizem por aí, não é o que eu penso, nota ...

    Até porque depois é isto que escreves: perdemos, jogamos bem, dominamos quase todas as variáveis do jogo, até nos tiraram um penalty com 0-0 e o que dizes tu: que com outro treinador, com os jogadores certos nas posições certas, tinhamos feito outro resultado.

    Lá se foi o "prefiro jogar mal e perder do que jogar bem e ganhar" ... entre os benfiquistas devia haver mais uniformidade na apreciação de certos valores de jogo. Uma coisa é não termos Direcção à altura de um clube como o Benfica, mas mais talvez para um como o Alverca. Outra coisa bem distinta é o futebol. Nós perdemos muitos jogos porque nos falta a capacidade para jogar reactivamente, com Di Matteo colocou o Chelsea (mais de 110 milhões de orçamento) a jogar ...

    ResponderEliminar
  20. Lá está! Jogou da maneira que mais se adequava aos seus objectivos. JJ na primeira mão esteve mal, como esteve quase sempre mal em todos os primeiros jogos nas competições europeias. Porquê? Porque prepara mal o adversário! Confia demasiado na suas escolhas e desvaloriza o que outros poderão fazer.

    "O Chelsea teve a humildade de jogar com o Benfica como jogou mais tarde com o Barcelona: procurando não sofrer golos."

    O Chelsea e o seu treinador tiveram aquilo que JJ nunca mostrou: humildade!

    Não podemos estar sempre com as desculpas das arbitragens! Não chega!

    JJ viu os seus erros branqueados após o final da época 2010/2011.
    Da minha parte, os erros que cometeu nesta época que agora finda não podem ser desculpados.

    Ou há alguém que é colocado junto dele para lhe fazer sentir que o Benfica está acima de tudo, ou então rua.

    Nem sequer percebo esse sentimento de 'fim do mundo' quando se fala na saída de JJ. Vimos um futebol mais bonito? E depois? Ganhamos mais por jogar assim? Pelos vistos não!

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares