Obrigatório haver clarificação
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


terça-feira, 19 de abril de 2011

Obrigatório haver clarificação

 ●  + 4 comentários  ● 
Seria o «Ai Jesus» de nós benfiquistas se isto tivesse acontecido com os corruptos. Mas não, foi com o Benfica que uma instrutora de um processo impôs uma medida de penalização de 2 meses ao treinador Jorge Jesus e depois a Comissão Disciplinar da Liga alterou a sua leitura (e pode fazê-lo, não é nenhuma irregularidade) para apenas 11 dias.

«enquanto a instrutora - Drª Maria João Ribeiro - deu como provada a agressão de Jorge Jesus ao jogador do Nacional, concluindo ser "ajustado aplicar ao arguido Jorge Fernando Pinheiro de Jesus, treinador do Sport Lisboa e Benfica, Futebol SAD, as penas de suspensão de 2 (dois) meses e multa de € 6000 (seis mil euros)" a Comissão Disciplinar da Liga considerou que o treinador do Benfica apenas tentou agredir Luís Alberto, sem o ter conseguido

O relatório elaborado pela instrutora do processo refere o seguinte nesse número: "Em face do termo utilizado, e da insistência de Luís Alberto em falar com Jara, o arguido apanhou o jogador Luís Alberto de surpresa e, lançando o braço direito para a frente na direcção do jogador, atingiu-o com a mão direita". Um ponto de vista contrariado no acórdão final que, no mesmo ponto, refere: "Em face do termo utilizado e da insistência de Luís Alberto em falar com o Jara, o arguido apanhou o jogador Luís Alberto de surpresa e lançando o braço para a frente na direcção do jogador, não logrando atingi-lo com a mão direita". Logo a seguir há mais uma divergência. Enquanto o relatório refere no ponto 16 que "como consequência desse gesto o jogador Luís Alberto foi tocado na parte esquerda do rosto e pescoço" acrescentando no ponto 17 que "na sequência do referido gesto do arguido, a cabeça do jogador Luís Alberto foi projectada com força para trás e para a direita", o acórdão da CD ignora a menção ao eventual toque no rosto e pescoço de Luís Alberto para referir apenas que "na sequência do referido gesto do arguido, a cabeça do jogador Luís Alberto foi projectada para trás e para a direita".»
O Jogo

Esta situação está repleta de incoerências que devem ser esclarecidas pela Liga de Clubes para bem do futebol e da transparência. Nós não somos os corruptos e não ganhamos, nem queremos ganhar nada por baixo da mesa.

A Liga deve dizer claramente porque a instrutora do processo viu o que mais ninguém na Liga viu, porque estas coisas chegaram ao jornal do Joaquim Oliveira num teor de que a Liga teria «abafado» esta situação em proveito do Benfica.

4 comentários blogger

  1. Isto está cozinhado desde o início para ser este o resultado! O timing e a duração do castigo servem este propósito! O que se quer é levantar dúvidas e suspeitas quando são eles que as provocaram logo desde o início! Como é que alguém pode das imagens tirar a conclusão que houve agressão quando o plano não mostra o contacto. E o jogador do Nacional inicialmente só falou num empurrão. E não há castigo ao Luís Alberto porque?

    ResponderEliminar
  2. VOTE NO GLORIOSO EM:

    http://www.montemor-evora-arraiolos.blogspot.com/

    PEÇO O FAVOR DE DIVULGAREM SFF.OBRIGADO

    ResponderEliminar
  3. Não querendo desculpar o Jesus, eu vi ontem o "senhor" Luis Alberto marcar um golo pelo Nacional! Não deveria ter sido suspenso tb este intreveniente na situação? Ou tb ninguem viu a tentativa de agressão que este individuo protagonizou, depois do que me pareceu um empurrarm excessivo do Jesus. Pelo que sei para jogadores a lei é mais pesada e nem por isso vi este individuo suspenso.

    ResponderEliminar
  4. "Em face do termo utilizado...". Qual terá sido o termo utilizado e por quêm? Terá Luis Alberto voltado para trás indo em direcção a Jara ao mesmo tempo que lhe chamava "viado" (em bom portugês - paneleiro) termo que o jornal por certo não quis mencionar para não susceptibilizar os muito susceptiveis leitores andrades?

    De resto, mais uma fuga de informação convenientemente tornada pública no último dia do castigo aplicado e em véspera de um jogo importante!

    FPereira

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários.
Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.
Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.
Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares