O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


domingo, 17 de outubro de 2010

O enchimento do copo - Mais um acto

 ●  22 comentários  ● 
Depois de ontem ter falado no copo meio cheio ou meio vazio a propósito das expectativas dos sócios sobre o negócio DiMaria, mais uma vez aplica-se a mesma teoria sobre Fernando Gomes e a entrevista que deu a DN.

Copo meio vazio:
- Não assume qualquer ruptura com Pinto da Costa
- Fala com orgulho e saudade dos anos no FCPorto
- Não nega o interesse na sucessão de Pinto da Costa
- Considera as escutas ilegais no Apito Dourado
- Deixa entender um apoio à recandidatura de Madaíl
- Nega que a FPF esteja ilegal, apenas não está de acordo com RJFD

Copo meio cheio:
- Não revela conversas e acordos tácitos, mesmo os reveláveis
- Tem um projecto de gestão para a Liga assente nas receitas
- Apresenta ideias de dinamização da Liga e do Futebol (equipas B, patrocínios, etc)
- Assume um modelo de apoio/solidariedade aos clubes sem receitas
- Sustenta a atitude de Vitor Pereira na análise das arbitragens
- Relativiza a centralização dos direitos televisivos, dando a batalha como inútil

Escolham a opinião que querem ter (LINK). Eu mantenho que se trata de um "político" com agenda própria em defesa do Sistema que pretende controlar o futebol português durante a próxima década.

22 comentários blogger

  1. O presidente da Fundação Benfica, Carlos Móia, teceu duras críticas ao FC Porto no seu discurso de agradecimento à homenagem de que foi ontem alvo na Casa do Benfica de Ovar, cidade de onde é natural. O empresário, de 64 anos, começou por explicar por que, nascendo tão perto da Invicta, preferiu apoiar a equipa de Lisboa.

    “Ser do FC Porto era ser o que o FC Porto era: um clube a fechar-se dentro de uma região, a olhar todo o resto de Portugal como um espaço de inimigos em delírio, de mouros a abater. O Benfica dava-me a imagem oposta: a ilusão de um universo sem limites”, começou Móia por dizer, considerando que se “o FC Porto ganhou mais do que nós, não soube aprender a ganhar o que ganhou.”

    Ditadura

    Mantendo o mote, o responsável pela fundação encarnada fez uma referência histórica aos tempos da ditadura. “Naquele tempo, ser Benfica era escolher simbolicamente a liberdade. Enquanto os nossos adversários tinham a dirigi-los homens da Legião, deputados da União Nacional, magnatas e burocratas enfeudados no salazarismo, nós, no Benfica, tínhamos presidentes que tinham sido operários e sindicalistas, que tinham sido deportados e perseguidos pela PIDE, que não se resignavam à ditadura, antes pelo contrário”, disse.

    E concluiu: “Não, o Benfica nunca foi o clube do regime, foi sempre o clube que o regime teve de suportar a contragosto e de que, depois, se apoderou para, na sua propaganda, lhe parasitar a glória.”

    Ida ao Dragão

    Móia, que recordou o papel da Fundação do Benfica na ajuda às vítimas das cheias na Madeira e na criação de um projeto na Amadora de combate ao absentismo e insucesso escolar, não se furtou ainda a comentar a próxima visita das águias ao Estádio do Dragão.

    “Acusaram-nos de sermos ridículos por ameaçarmos não jogar no Dragão se não nos derem condições de segurança. Ridículos? Só assim, levando essa nossa luta para além dos 3 pontos que estão em jogo, poderemos ganhar o que é preciso ganhar: a batalha por um futebol mais respirável, menos subterrâneo. Onde a viagem a um estádio não se transforme na vertigem de uma intifada com meia dúzia de aprendizes de talibãs escondidos a rirem-se dos vidros partidos, dos desaforos, dos insultos, do sangue talvez”, concluiu acusador. (desculpem mas tinha de colocar isto, tá perfeito, não conhecia este senhor mas vou passar a respeitá-lo)

    ResponderEliminar
  2. O Futebol português está viciado como nunca esteve. Anda tudo distraído ou precisam de oculos.
    QUEM QUER VÊ QUEM NÃO QUER DEIXA

    ResponderEliminar
  3. Este campeonato está desvirtuado cheio de batota. O Benfica não pode ser campeão! O resto e areia dos corruptos para os olhos da gente...



    Onde estiver o BENFICA estarei, sempre

    ResponderEliminar
  4. Fernando Gomes, então dirigente da SAD portista, mantém conversas telefónicas algo comprometedoras com outros elementos ligados ao FC Porto, acabando por ver o seu nome envolvido nas escutas do Apito Dourado. Em 2010, abandona as funções que desempenhava no clube recentemente condenado por tentativa de corrupção e é eleito presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional. Como foi possível constatar nas 5 partidas já disputadas pelo FC Porto, os erros de arbitragem têm sido especialmente abundantes e favoráveis ao 3º classificado da temporada passada.
    O CAMPEONATO DA BATOTA E DA FALSIDADE TEM NOMES NO SISTEMA e só investigar ...

    BASTA DE ROUBAR O BENFICA SENHORES DO APITO AZUL , BASTA DE ROUBAR O BENFICA ..

    ResponderEliminar
  5. mas não [s.l.bENFICA] estaríamos a mais de 2 pts do FCP se:

    - os 4 penalties do Benfica (1 contra a Academica, 1 contra o Nacional, 2 contra o Guimarães) fossem assinalados

    - os 2 penalties contra o fcp (Rio Ave e Nacional) fossem marcados.

    ResponderEliminar
  6. De acordo com a edição de hoje do jornal, o "Ministério Público controlou 80 mil chamadas de todos os titulares dos órgãos de soberania feitas de números privados" durante ano e meio.

    O "24horas" acrescenta que não encontrou no processo qualquer documento que validasse juridicamente esse registo das chamadas nem conseguiu obter junto da Portugal Telecom (que fornece os registos) o despacho do juiz de instrução específico sobre as chamadas, efectuadas a partir de telefones fixos.

    "Aquilo que eu sei e em termos gerais é que é crime a existência de escutas sem autorização judicial, mas não estou a dizer que seja o caso. Estou a dizer que não pode haver escutas em Portugal sem autorização judicial, é esse o nosso quadro legal", salientou, em declarações à TSF, a procuradora-geral adjunta do Tribunal da Relação de Lisboa e ex-directora nacional adjunta da Polícia Judiciária.

    "Quanto ao caso, não conheço e aguardo explicações do senhor procurador-geral como me incumbe", acrescentou Maria José Morgado.

    Segundo o jornal, não se trata de chamadas feitas para esses números, mas sim a partir desses números, ou seja, a Portugal Telecom entregou ao Ministério Público e ao juiz Rui Teixeira informação específica sobre as chamadas realizadas a partir de telefones particulares.

    Sobre a forma como a Portugal Telecom forneceu as chamadas aos investigadores, fonte oficial da empresa afirmou ao "24horas" que nestes casos a PT cumpre "escrupulosamente todas as regras legais exigido o despacho do juiz de instrução", seja para pedidos de intercepção de chamadas, facturação detalhada ou chamadas recebidas.

    A empresa, no entanto, sublinha que "fornece informação relativa a números de telefone, não informação relativa a pessoas".

    Hoje, o procurador-geral da República, à saída de uma audiência com o Presidente da República, admitiu que a notícia do "24horas" contém "elementos extremamente graves" e reafirmou que será "instaurado um inquérito rigoroso".

    ResponderEliminar
  7. AS ESCUTAS SÃO LEGAIS sr Fernando Gomes LEGAIS
    Quem deve ser investigado e posto sob escuta e esse sr Fernando Gomes caso contrario o futebol portugues vai ter de parar e fachar as portas ante de acontecer uma desgraça ai vai vai ...

    ResponderEliminar
  8. Por isso temos que ser nós, unidos, sempre em defesa dos nossos e "bater" onde mais doi.
    esse corrupto e mafioso do fernando dos porcos das antas que se cuide pois a treta pode muito bem custar o ruir do castelo da mafia do norte ..

    ResponderEliminar
  9. Já pra não falar das escutas do apito dourado VALIDAS PELOS TRIBUNAIS O PORCO GOMES VALIDAS ....É sempre em frente!! Corruptos nojentos!!
    O CAMPEONATO ESTA VICIADO COM ESTES CORRUPTOS TODOS A MINAR A VERDADE DESPORTIVA..

    ResponderEliminar
  10. É verdade que conversas privadas nao devem surgir no dominio publico mas... elas estao ca fora e nao adianta dizerem que sao ilegais.. o que é certo é que sao esclarecedoras de actos ilicitos.. mas obviamente que isso nao interessa a muita gente

    ResponderEliminar
  11. A Constituição, no art. 34 nomeadamente, toma posição muito forte contra as escutas telefónicas. Todas as
    normas legais que as permitam devem ser interpretadas de forma muito restritiva. Se não gostam que assim
    seja, podem propor a revisão da Constituição num sentido securitário, que depois falamos.
    And Benfica can not do anything ... I think we just be weird to see the shame that is happening in this league. I knew they could not be two years without losing would act in some way, but this is being outrageous ...! It is an average of 1 or 2 cases (BASS) Steals per game to Benfica! Where the benefit of the same corrupt towers of tapirs.
    And these nimguem investigates why Portuguese football ROBBERIES

    ResponderEliminar
  12. And Benfica can not do anything ... I think we just be weird to see the shame that is happening in this league. I knew they could not be two years without losing would act in some way, but this is being outrageous ...! It is an average of 1 or 2 cases (BASS) Steals per game to Benfica! Where the benefit of the same corrupt towers of tapirs.
    And these nimguem investigates why Portuguese football ROBBERIES

    ResponderEliminar
  13. E o Benfica não pode fazer nada... eu acho estranho sermos só nós a ver a vergonha que se está a passar neste campeonato. Eu sabia que eles não podiam estar dois anos sem perder que iriam actuar de alguma maneira, mas isto está a ser escandaloso...! É uma média de 1 ou 2 casos (GRAVES) roubos ao Benfica por jogo! Sempre a beneficiar os mesmos corruptos das torres das antas .
    E nimguem investiga estes ROUBOS no futebol portugues porquê

    ResponderEliminar
  14. A justiça mandou arquivar o processo “Apito Dourado”, mas não pode e nunca conseguirá mandar arquivar a memória.

    ResponderEliminar
  15. As escutas telefónicas são um instrumento legítimo de investigação criminal e, portanto, um elemento do
    Estado de Direito. Essa é a posição da Ordem dos Advogados e a minha própria. Não vale a pena por isso
    tentar afirmar o contrário. É habilidoso, mas não é verdadeiro.

    ResponderEliminar
  16. "F***-** que barulheira...
    Os No Name não se calam! Isso é que é alma! :)"
    Força Иo Иame Boys FORÇA os Benfiquistas estão convosco sempre ...

    ResponderEliminar
  17. Demasiado cedo para perceber mas inclino-me mais para a visão do GB

    ResponderEliminar
  18. deve ser record, 12 comments, sempre por anonimos...

    ResponderEliminar
  19. GB:

    Tens toda a razão do mundo neste post!
    E eles só não vão dominar a próxima década se...............José Veiga voltar ao Benfica. Aí sim vai piar fininho!! Mt fininho......

    ResponderEliminar
  20. Só para alertar os mais distraidos...o sr Barnabé, tratador da vossa aguía foi agredido por stewards e responsáveis de segurança do Benfica, pelo simples motivo de entrar no relvado para tirar uma fotografia com crianças! Agora algumas coisas fazem sentido...

    José

    ResponderEliminar
  21. As escutas são legais, desde que aprovadas por um juiz, como foram. A única coisa que é ilegal é a sua divulgação pública, mas apenas depois de 2007, quando saiu a nova legislação. As escutas telefónicas são um instrumento legítimo de investigação criminal e um elemento do Estado de Direito. Por isso, são públicas. Agora, discuti-las não é proibido, pelo contrário, é saudável. Numa democracia podem e devem discutir-se todos os assuntos.

    O que o Fernando Gomes disse não é verdade. As escutas SÃO LEGAIS. Ele não passa de um andrade manhoso. Em reuniões com os amigos no Porto já disse que com ele à frente da Liga o Benfica nunca irá ganhar. E isto não é invenção, é verdade!

    ResponderEliminar
  22. Se o BIN LADEN for escutado a mandar bombardear o Terreiro do Paço, deve ser a risada geral no posto de escutas dos nossos serviços secretos (se é que os há) porque, se as escutas são ilegais, tal não vai acontecer e nem sequer serão tomadas as necessárias providências...eheheheh

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking