A dimensão de um "bom negócio"
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 16 de outubro de 2010

A dimensão de um "bom negócio"

 ●  + 5 comentários  ● 
O futebol é acima de tudo paixão (do lado dos adeptos)! O copo nunca está meio cheio, nem meio vazio... há sempre opiniões distintas para um mesmo facto, uma mesma ocasião, até um mesmo lance de um mesmo jogo. Também por isso, quando o "negócio DiMaria" vem à baila, curiosamente quando se noticia a aquisição de mais um ou dois argentinos por valores na ordem dos 10/12M€, achei pertinente dar novamente a minha opinião porque 25, 30 ou 36M€ por DiMaria são não são um bom negócio, não podendo obviamente considerar-se mau.

Sustentam uns, lá está a parte do copo meio cheio - a dos que se contentam que algo tenha corrido bem em vez de querer que tivesse sido melhor ainda, que no final do primeiro ano de águia ao peito, o jogador então de 19 anos era visto por muitos como "despachável".

No que me diz respeito, sempre olhei para DiMaria como um jogador que aproveitava muito mal o seu potencial e que, como tal, cabia ao clube ter capacidade para "moldar" e formar o jogador. Ou tínhamos arte e capacidade para o fazer... ou desperdiçaríamos muito potencial desportivo e financeiro. O tempo deu-me razão, com Jorge Jesus a "história" foi outra e DiMaria ganhou a "consequência" que lhe faltava para apoiar a defender e para ser consequente no último terço do terreno.

Posto isto, Jorge Jesus diz hoje que DiMaria é o melhor ou dos melhores DO MUNDO na sua posição, algo que acredito que a generalidade dos benfiquistas concordam - ainda para mais se pensarem na falta que ele nos tem feito.

A realidade - e voltamos ao copo meio cheio e meio vazio - é que DiMaria não foi vendido quando ainda estava "em potencial", quando ainda tinha tudo para aprender (além da sua fantasia), mas foi sim vendido depois de o SLBenfica e Jorge Jesus o colocarem na ribalta e cotado entre os melhores do Mundo na sua posição.

O facto de em tempos ele não ter valido o que vale hoje, não pode ser atenuante para o SLBenfica ser condescendente na negociação de um dos melhores do Mundo. DiMaria possivelmente queria sair, ao seu lado tem um dos mais influentes empresários do Mundo (Jorge Mendes) e estava na rota de todos os grandes clubes do Mundo (se não tivesse "prometido" há muito ao Madrid).

São estes argumentos que sustentam que o SLBenfica deveria ter-se feito valer da sua intransigência e transmitir ao Jorge Mendes que nunca abaixo de 35M a pronto + 5M em objectivos ao máximo de um ano, sendo que o "bluff" deveria ser sempre explorado aos 40M. Um jogador desta qualidade nunca pode ser "prometido" ou "reservado" a um Clube, pois é na concorrência e no jogo da "oferta e procura" que o preço sobe.

E se não saísse?
Alguns dizem que não haveria outros interessados e o negócio ou se fazia assim... ou não se fazia e o SLBenfica precisava de dinheiro. Bom... Olhando para as contas da época, em que gastámos praticamente tanto como recebemos, sou forçado a concluir que financeiramente era perfeitamente aceitável que ele ficasse. Desportivamente, era tudo uma questão de lhe renovar o contrato e forçar a nota do plantel sobre a Champions para, ao cabo de uns jogos, ele estar motivadíssimo.

Isto é apenas a minha opinião! Não está certa nem errada... é a forma como vejo as coisas!

Isto num momento em que sabemos que Coentrão e David Luiz serão os "DiMaria" desta temporada, ou seja, que estão nos radares de todos os colossos mundiais, é importante não voltar a ter a tentação de "prometer" ou "antecipar" os jogadores a algum/alguns clubes.

E não me venham com as tretas que o Real Madrid "facilitou" Saviola e Javi Garcia, porque no caso desses dois e o mesmo se aplicou a Balboa, o SLBenfica foi apenas buscar jogadores que não contavam para o plantel e teriam que ser dispensas/vendas a solucionar. Rui Costa foi, sim, astuto e inteligente! São caso totalmente diferentes de vir ao SLBenfica buscar o jogador mais valioso da Liga, do Clube e um dos mais valiosos do Mundo.

Para terminar, é preciso lembrar que até ao momento DiMaria rendeu "apenas" ao SLBenfica 26,4M€ (já contando com estes 5M) e uma mais-valia de 18,4M (retirando o valor do custo) - recordo mais uma vez que estamos a falar de um jogador de TOP mundial. Sobre isto brevemente voltarei ao tema da (in)utilidade dos Fundos, até a propósito da (mais uma) manobra manhosa do FCPorto.

Por falar em negócios, a confirmar-se o interesse na contratação do Funes Mori por valores na ordem dos 10M, independentemente do valor do jogador, teremos de o juntar depois a Cardozo (11M), Saviola (5M), Jara (5,5M), Kardec (2,5M) e Rodrigo (6M), e devemos ainda considerar Nélson Oliveira e os potenciais dispensados do final da temporada Nuno Gomes, Weldon e Mantorras.

Ou seja, são cerca de 30M investidos em cinco jogadores de ataque, aos quais o Record afirma que o SLBenfica quer juntar mais um jogador por valores na ordem dos 10M€.

Se um das ideias for a venda do Cardozo, sugiro que a façam antes de anunciar a aquisição do Mori ou de qualquer outro jogador para o ataque, sob pena de perdermos capacidade negocial, dado que qualquer comprador vai perceber que queremos "despachar" jogadores.

Depois, fico curioso para ver o "destino" dado aos milhões investidos em Jara e Rodrigo (11,5M) num enquadramento destes e, especialmente, se isto vai significar mais um empréstimo do Nélson Oliveira.

Fica o desejo que seja uma especulação do Record...

5 comentários blogger

  1. O Sr. Luís Filipe Vieira é um homem importante dentro do SPORT LISBOA E BENFICA não precisa mentir para si próprio nem tão pouco recorrer a nenhum embuste para persuadir a sua massa associativa em seu proveito , necessita sim, deixar de ser medroso e encarar o medo, que de tão óbvio, torna-se desnecessário sua descrição.
    Dizer frontalmente aos sócios o que ao S.L.B. faz falta a curto e médio prazo, o resto e nas assembleias gerais e que se fazem as descrições ou as narrativas dos contra informação, aqui NÃO leva a resposta ao teu ego.

    Força presidente, força Benfica, força Rui.
    VIVA O BENFICA.
    FORÇA BENFICAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA...

    sabio

    ResponderEliminar
  2. O DiMaria foi muito bem vendido. Embora eu gostasse que tivesse continuado no clube. Era o nosso Messi.

    No entanto, aproveitam logo para criticar o presidente, pois por 40 é que era e não por 35. Enfim, quem é bome o GB. Os outros são todos uma merda.

    Mas se nos dermos ao trabalho de ver o que se disse neste e noutros blogues as críticas ao DiMaria quando veio foram terríveis. Assim como ao preço que pagámos por ele. Enfim, é só sabichões.

    Mas para mim não passam de gente medíocre que critica apenas por criticar.

    ResponderEliminar
  3. gastamos 34 milhoes. recebemos 47 milhoes. a diferenca e a meu ver significativa.

    quanto a di maria. o mercado nao e o que era ha 10 anos, nem ha 5. ja nao e facil venderes jogadores por 30 ou 40 milhoes. a nao ser quando falas de ronaldos, kakas e por aí, ou quando ha sheiks das arabias a fazer manchester citys.

    no resto, nao é cmo era. vender um miudo de 22 anos que nunca teve visibilidade na champions por 30 milhoes e um enorme negocio.

    ResponderEliminar
  4. Benfica force against corruption in football in Portuga.
    Benfica are dreaming and not give up .. I think very well!
    I can not believe pessoalemnte .. not by the players and technicians and so on but to know that the least slip, it existed a maozita, is pushing the corrupt, is to debase our Benfica ...

    THE CHAMPIONSHIP CHEAT MUST SAY ENOUGH, ENOUGH FOR BOTH ALWAYS IN THEFT OF THE SAME BENEFIT OF THE CORRUPT ANTAS

    ResponderEliminar
  5. As escutas são instrumento actual.

    São meios específicos de obtenção de prova! E há uma escutomania na sociedade portuguesa que é muito pouco saudável, porque elas são um meio de obtenção de prova como outro qualquer e regulamentadas no Código de Processo Penal.

    Que são generalizadas.

    Mas qual generalizadas, as escutas são excepcionais e utilizadas nos crimes graves. A me-nos que… Esta é uma discussão esquizofrénica!

    Maria José Morgado, em entrevista ao DN, para ler aqui (link).

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking