O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


quinta-feira, 15 de abril de 2021

Só só eu que acho que negócios com o Wolves são...conta corrente?

Avatar
 ●  24 comentários  ● 
Ou dinheiro tipo Monopólio?

Ou seja, façam as contas a tudo o que já se gastou com a intervenção de Jorge Mendes desde a venda de João Félix.

Percebam que o Jimenez afinal até há pouco tempo ainda não estava pago, assim como outros que tinham sido "vendidos".

Vinícius, como sempre disse, é tão bom mas tão bom que será Jorge Mendes a fazer o SL Benfica compensar o próprio empresário 

Tão bom não é?

(E já descobriram por quem se distribuiu o dinheiro da compra do Darwin?)

24 comentários blogger

  1. Eu diria que é mais a prova que assumiram que o puto do Porto que foi para lá foi um flop...

    Que raio quer dizer “o Jimenez ainda não estava pago”?

    ResponderEliminar
  2. O melhor marcador da época passada não é um bom avançado?
    Voltamos a isso? A sério?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Zé Marinho, não entendeste o post?

      Eliminar
  3. Não esquecer que os. €€€ das vendas tem sido todas antecipadas.
    E vamos começar a pagar os + de 100M das compras.
    Gr "gestão".
    Pagamos 20M em comissoes,, compramos 100M, aumentamos a percentagem porquê?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Porque também há comissões mas vendas

      Eliminar
  4. Agora é tempo de combater os nossos inimigos: porto e sporting.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. CAPRISTANO ESTá CALADO, ouviste guerra?????????????o inimigo esta dentro ó atrasado. o felix pagou comissoes pq?nao era pela clausula?estavas tao bem com covid

      Eliminar

    2. Combater Porto e Sporting sendo que LFV é sócio desses dois, looollll

      Eliminar
  5. o wolfes é o local onde o oliveira da figueira coloca todos aqueles que não consegue colocar em mais lado nenhum.
    é o valencia dos dias de hoje alias não é de estranhar que o treinador actual do wolfes fosse o treinador dessa altura do valencia.

    mas vocês por vezes acho que vivem num mundo diferente, a maioria das transacções de jogadores feitas no mundo são pagas a prazo, por vezes longo, e raramente a pronto.
    só vendas pela clausula ou compras de grandes clubes a outros clubes grandes é que são feitas a pronto.
    a grande maioria das nossas vendas são a prazo.

    ou acham que os jogadores que compramos são a pronto.

    o vinicius não vale o valor pelo qual o querem vender, se calhar nem valor para uma equipa de top de um grande campeonato, mas tem mais que qualidade para ser o titular de uma equipa como a nossa e como demonstrou melhor que o seferovic ou outros que tais.
    curioso é que os acólitos do iluminado acham que ele tem qualidade mas o jejum não o quis e preferiu que fosse despachado mas isso já não piam, hipócritas.

    talvez um dia se saiba onde é que efectivamente as comissões que são pagas, ao oliveira da figueira e a outros, vão realmente parar e nesse dia talvez que tenha a certeza que o vale ao pé deste era um menino de coro.

    ResponderEliminar
  6. venho aqui fazer um pedido ao nosso treinador JORGE JESUS:

    - JORGE, continua com o 3-4-3 pq este é o sistema mais eficiente e eficaz. não vás nas tangas da comunicação social corrupta que estão a tentar influenciar-te para mudares para o 4-4-2

    vamos BENFICA! se ganharmos os 8 jogos que faltam seremos os campeões.

    ResponderEliminar
  7. Faz lá uma pausa nessa tua cruzada, afinal só faltam oito jogos para acabar a "guerra" e, não é com esta lenga-lenga já gasta e por vezes ordinária que ajudas a ganhar.
    Se é que queres que o Benfica ganhe, o que às vezes não parece.

    ResponderEliminar
  8. Já temos 5G no estádio, malta! Somos os campeoníssimos das novas tecnologias, daquela coisa que faz andar pascácios, com ar de génios, o dia inteiro de nariz espetado nos telemóveis «inteligentes». Digam lá se não é uma ganda vitória, um ganda troféu, 10 anos à frente, upa, upa?
    O homem é um portento de argúcia e na arte de bem governar o SLB, vamos lá. É cada golpe d´asa, cada visão, cada rabeta aos rivais, que a gente até fica sem fala e a pensar que o homem é do outro mundo ou arrabaldes.
    Mais um negociozito com o Quim Oliveira, qual é o problema?, ganda camarada – o Pintolas que o diga, que até inventou aquela musiquinha conhecida para dedicar à lealdade canina do seu Jaquim: «Irmãui Olibeirinha / És a minha salbaçãui / Ó e ó ai, dá-me cá um abraçõui / Ó e ó ai, amigo do coraçõui».
    A 5G, benfiquistas! O homem não faz por menos. Ganda presidente! O que é isso de jogarmos bem à bola, sermos campeões e fazermos boa figura na Europa, ao pé disto? Hã? Hã? Hã?
    Taremi? O que é que vale esse coxo? Beto? Deixa-o ir para os rivais, é só corpanzil e tusa do mijo. A gente quer é material a 20 milhões a peça. No mí-ni-mo! Cem milhões (100!), só craques. Ali, a valorizar exponencialmente, pra vender por sete ou oito vezes mais. O homem é que tem olho, ele é que sabe, meus caros.
    E a 5 G, porra, pá! Ganda vitória, ganda troféu, ganda prestígio internacional (o homem não diz há tanto tempo que está a trabalhar para promover o clube lá fora? Ora bem!), ganda emoção, ganda alegria! Ser ben-fi-quis-ta / É ter na alma…
    Obrigado ó deuses, para nos manterem ainda por muitos e longos anos este ganda presidente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também não podemos ser muito cáusticos. Se o nosso presidente disse que era o último mandato dele (no SLB) e quer deixar grande obra feita, nos dias de hoje a 5G é uma excelente aposta, até mesmo para a tal linha virtual do linha de golo. Viram o que aconteceu ao ronaldo? Os títulosm é só para quem não pode viver sem eles, mas nós felizmente não precisamos e por isso também acho ótima ideia a centralização dos direitos desportivos, porque a indústria precisa e temos que colaborar com as outra equipas, sobretudo as mais necessitadas

      Eliminar
  9. O BOOMERANG DOS NEGÓCIOS QUE NÃO SE EXPLICAM

    Todos conhecemos a história daquele indivíduo que vendia pombos-correios de manhã e à tarde tinha-os de volta para os tornar a vender, valendo-se da ingenuidade dos seus clientes compradores e da má-fé dos seus propósitos.
    As constantes “negociatas” que envolvem o Benfica e o Wolverhampton também seguem à risca o mesmo circuito e astúcia destas aves inteligentes, e sendo Jorge Mendes quem controla os pombos (os jogadores), é LFV quem faculta o pombal (o clube), como a base de estratagemas e traficâncias de toda a ordem.
    Este boomerang de negócios que não se explicam tem sempre a complacência e o conluio de um sistema corrupto que não se mostra, como se tudo fosse transparente e linear e não deixasse nas entrelinhas das acções e movimentações um forte cheiro a podridão.
    O mundo do futebol, tal como o da política, navegam constantemente em águas turvas e não se recomendam a pessoas de bem, pois tanto um como o outro, servem de portas giratórias a ganâncias desmedidas de poderes e influências e aos desmandos incontroláveis da cobiça nos enriquecimentos ilícitos.
    As incompatibilidades - já alguém dizia - é a melhor forma de conciliar a desonestidade do interesse ao interesse da ambição e, assim sendo, não há incompatibilidade nenhuma, assim como também não há, alegadamente, em se saber que há pessoas que são simultaneamente sócias e accionistas do Benfica e do Wolverhampton?
    LFV tornou-se presidente do Benfica por imposição do BES e de Ricardo Salgado (empréstimos bancários). A sua continuidade é uma exigência de Joaquim de Oliveira (centralização dos direitos televisivos) e uma necessidade de Jorge Mendes (manutenção de negócios). É tão simples quanto isto.
    Ao contrário do que diz o povo, é com “vinagre” que por vezes se apanham as moscas e se fazem as maroscas…
    Amo-te, Benfica!

    José Reis

    ResponderEliminar
  10. A CORRUPÇÃO É QUE VERDADEIRAMENTE NOS ARRASA!

    A semana que passou foi pródiga em arrasos, um vocábulo hoje muito na moda e sempre à mão de semear, para se consubstanciar uma evidência categórica ou, pelo contrário, se enfatizar uma aparência enganadora, que só por excesso de zelo e ingénuo altruísmo, se poderá tornar convincente.
    Bem sabemos que por norma o que se diz, não tem correspondência ao que se faz, e do muito que se promete, pouco ou nada se cumpre, pois há arrasos para todos os gostos e feitios, sendo certo que este arraso que o Benfica aplicou ao Paços de Ferreira, não só pela exibição mas também pelo desnível do resultado, muito à conta e à custa, diga-se, de um Seferovic endiabrado e eficaz, que desta vez decidiu partir a mobília toda, com dois golos e outras tantas assistências, tornando-se já o líder dos marcadores, é bem diferente daquele arraso que Jorge Jesus pretendeu vender na sua apresentação no Seixal que, tirando num ou noutro jogo, o futebol por ele desenhado tem-se pautado por uma confrangedora mediania, bem patente e exemplificada, aliás, na actual classificação do Benfica.
    Para a comunicação social da marmita, ávida de notícias e de reportagens, como o abutre tem pelos despojos de uma carcaça putrefacta, o juiz Ivo Rosa, no seu despacho de pronúncia em directo para as televisões, terá arrasado o Ministério Público, neste frente a frente musculado e pouco amigável, em que de um lado se critica a acusação pela falta de rigor e de basear-se na especulação e fantasia, e do outro, se achar que todas estas nuances e incoerências jurídicas, revelam sobretudo pouca ambição no verdadeiro combate à corrupção, duas versões distintas, esgrimidas entre o bom senso da lei e a falta de senso do direito, que descredibiliza a justiça e suscita a desconfiança nos cidadãos.
    Também há dias, na Turquia, o presidente Erdogan protagonizou um incidente diplomático e, segundo rezam as crónicas, um pouco por todo o mundo, terá arrasado e até humilhado, os líderes europeus Ursula Von der Leyen e Charles Michel, num encontro marcado no palácio da presidência, em Ancara, quando, inesperada e inusitadamente, numa falha grave de protocolo, faltou uma cadeira, sobrando o caricato da situação para a comissária europeia, que não escondendo algum embaraço e estupefacção, permaneceu de pé sem saber o que fazer, balbuciando timidamente um hum(!), só mais tarde corrigido e reparado, sentando-se a senhora num sofá lateral e distante, com umas almofadinhas a amparar-lhe as costas, numa cruel imagem de fragilidade e desentendimento desta União Europeia.
    Se analisarmos bem este episódio burlesco ocorrido da Turquia e transportá-lo para a realidade do futebol português, obviamente com outros personagens, veremos que há muitas parecenças e semelhanças com o que se passa no campeonato da primeira liga cá do burgo, em que também só há duas cadeiras (para a entrada directa na champions league) para três candidatos, ficando um de fora, fazendo o capitão Varandas de Erdogan, bem recostado, por enquanto, no primeiro lugar, o mafioso Costa faz de Charles Michel, o alarve que aproveitou a deixa para se sentar e esticar as pernas e, finalmente, o sonso Vieira faz de Ursula, a idiota que não conseguiu cadeira e ficou de pé, e tal como ela, também o presidente do Benfica continua hoje a balbuciar o hum… hum… hum… em não saber como é que vai descalçar esta bota, caso não cumpra nenhuma das metas a que se propôs. Na verdade, com cadeiras ou sem cadeiras, uns na política e outros no futebol, todos acabarão por cair, porque o futuro, felizmente, far-se-á sem eles.
    Amo-te, Benfica!

    José Reis

    ResponderEliminar
  11. Tudo ok quanto a essas teorias

    Factos só no RELATÓRIO & CONTAS

    e aí está e outras teorias não conseguem alterar
    a redução de passivo
    Aumento das vendas
    Aumento do activo
    Os capitais próprios positivos

    E tudo isto com constante investimento nas variadas vertentes
    Infraestruturas
    Jogadores

    E tudo isto com
    Captura de patrocinadores de renome internacional com valores altos
    E sucesso desportivo do qual se destaca o PRIMEIRO TETRA DA HISTÓRIA

    Um bem haja e viva o Benfica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A gente quer é capturar títulos (o que não era nada difícil nos últimos anos logo após o tetra) em vez de andarmos a dar a mão a quem nos esmaga sem dó nem piedade. Os patrocinadores vêm ter connosco se houver títulos. O resto são cantiguinhas!

      Eliminar
    2. E então cadê os extraordinários feitos desportivos ao nível dos grandes "feitos" financeiros?
      Ou a coisa passou a empresa da área import-export sem dar-mos por isso?

      Eliminar

  12. Shadows, explica aí as contas-corrente entre:

    Benfica e Wolverhampton
    Benfica e Atlético Madrid
    Benfica e Valência
    Benfica e Mónaco
    Benfica e Braga

    É um belo circuito fechado com Jorge Mendes a liderar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Porko e Portimonense
      Porko e Nacional
      Porko e Wolves
      Porko e Danúbio Azul
      Porko e FPF
      Porko e Liga
      Porko e Árbitros

      É um belo circuito fechado

      Eliminar
    2. Óbviamente que o professor (corrupto-mor) ainda leva avanço do aprendiz (pulha-mor) mas são ambos especialistas em "circuitos fechados"!

      Eliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking