Finanças: Análise aos 3 Grandes - Benfica, Porto e Sporting (2017/2018)
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sexta-feira, 2 de novembro de 2018

Finanças: Análise aos 3 Grandes - Benfica, Porto e Sporting (2017/2018)

Avatar
 ●  + 110 comentários  ● 
Finanças: Análise aos 3 Grandes - Benfica, Porto e Sporting (2017/2018)

Benfica: O Benfica em termos operacionais apresentou 121,5M€ de Rendimentos em 2017/2018 tendo descido de 128,3M€ para 121,5M€, desde a época anterior. Essa descida ficou a dever-se às receitas da UEFA. Existiu uma subida de 96,7M€ para 103,6M€ das receitas sem UEFA, e uma descida de 31,5M€ para 17,9M€ das Receitas da UEFA, devido à má época europeia de 2017/2018. Os Custos Operacionais desceram de 124,3M€ para 116M€, essencialmente devido à diminuição dos Custos de Pessoal (de 74,7M€ para 67,9M€ na componente variável, devido aos objectivos desportivos não alcançados). Apesar disso os Resultados Operacionais (sem atletas) melhoraram de +3,9M€ para +5,1M€, sendo os melhores dos 3 Grandes.

Em termos de operações com Atletas, o Benfica vendeu menos jogadores do que na época passada tendo os Rendimentos com Atletas descido de 123,0M€ para 77,7M€. As Amortizações dos Atletas também desceram de 43,7M€ para 36,5M€, e os Custos com Atletas também desceram de 20,3M€ para 13,9M€. Em termos globais os Resultados com Atletas desceram de +59,0M€ para +27,3M€, tendo sido no entanto os melhores dos 3 Grandes.

Os Rendimentos Financeiros e de Investimento melhoraram de -17,5M€ para -11,5M€, essencialmente devido à melhoria dos Rendimentos Financeiros de 2,3M€ para 7,0M€ e ao decréscimo dos Custos Financeiros de 19,8M€ para 18,5M€.

Em termos globais os Rendimentos baixaram de 253,5M€ para 206,2M€ e os custos baixaram de 209,0M€ para 185,6M€, essencialmente devido ao facto de o Benfica ter realizado cerca de 60% das vendas que realizou na época anterior. Apesar disso foi a SAD com os maiores Rendimentos Totais e a única acima de 200M€/Ano.

O Resultado Líquido do Exercício da Benfica SAD baixou de +44,5M€ para +20,6M€, tendo sido no entanto o 2º melhor resultado da história da Benfica SAD, e a única SAD dos 3 Grandes a ter resultados positivos.

O Activo baixou de 506,0M€ para 485,1M€ e o Passivo baixou para 438,3M€ para 398,3M€, com grande destaque para uma queda enorme da dívida financeira líquida sendo neste momento inferior  a 170M€, devido à antecipação de receitas da NOS, tendo baixado de 262,7M€ para apenas 162,9M€. O Benfica apresenta um Capital Próprio positivo em 86,5M€, estando a cerca de 30M€ de recuperar totalmente o valor investido em capital social (115M€), e é a única SAD dos 3 Grandes com Capital Próprio positivo.


Porto: A Porto SAD melhorou os Rendimentos Operacionais de 99,0M€ para 105,8M€. Sem considerar a UEFA subiram de 68,2M€ para 74,9M€, e ao nível da UEFA mantiveram-se estáveis (subida de 30,8M€ para 30,9M€). O problema é que os custos operacionais aumentaram a um nível muito superior do que o aumento dos rendimentos operacionais, tendo passado de 121,9M€ para 133,7M€, tendo contribuído para esse aumento os Fornecimentos e Serviços Externos e também os custos de Pessoal (que passaram de 73,3M€ para 78,8M€) tendo sido a SAD a gastar mais em salários, e também em custos operacionais totais. Devido a esta evolução os Resultados Operacionais pioraram de -22,9M€ para -27,9M€.

Em termos de Rendimentos com Atletas, a evolução foi positiva de 64,8M€ para 72,4M€, no entanto ao contrário do Benfica e Sporting a Porto SAD regista o valor total (bruto) das vendas, e não a mais-valia (não subtraindo o valor que os atletas valiam no balanço. Essa rubrica aparece como Custo com Transações de Atletas). As Amortizações variaram pouco de 36,8M€ para 35,4M€ e os Custos com Transações de Atletas também sofreram poucas alterações (de 23,5M€ para 22,4M€). Os Resultados com Atletas melhoraram de +4,5M€ para +14,6M€.

Os Rendimentos financeiros passaram de -16,0M€ para -14,6M€ devido a um ligeiro aumento dos Rendimentos Financeiros e a uma ligeira descida dos Custos Financeiros.

O Resultado Líquido do Exercício da Porto SAD continuou bastante negativo tendo passado de -35,2M€ para -28,3M€, sendo a SAD dos 3 Grandes com os piores resultados.

Em termos de Activo passou de 378,4M€ para 426,1M€ (considerando 100% da EuroAntas - proprietária do Estádio do Dragão, quando a Porto SAD só detém 47% desta sociedade). O passivo aumentou imenso passando de 398,3M€ para 464,2M€ (sendo o maior passivo registado por uma SAD na história do futebol português). O Capital Próprio é de -38,1M€ negativos, no entanto se forem considerados os interesses minoritários devido à EuroAntas o Capital próprio negativo dos accionistas da Porto SAD é negativo em -97,8M€ estando a Porto SAD numa situação preocupante de "falência".

Sporting: A Sporting SAD melhorou os seus Rendimentos Operacionais tendo passado de 80,0M€ para 91,7M€, tendo melhorado nas 2 componentes (sem UEFA: 65,1M€ para 70,0M€ e UEFA: de 14,9M€ para 21,7M€). Os Custos Operacionais também aumentaram, a um ritmo superior, tendo passado de 96,9M€ para 110,4M€, com grande destaque para o aumento dos Custos de Pessoal (de 64,0M€ para 73,9M€) tendo sido a 2ª SAD a gastar mais em custos de Pessoal. Devido a este aumento de custos os Resultados Operacionais negativos agravaram-se de -16,9M€ para -18,7M€.

Em termos de Rendimentos com Atletas a Sporting SAD apenas vendeu cerca de 40% do valor da época anterior tendo baixado os Rendimentos de 93,0M€ para 34,4M€. As Amortizações aumentaram bastante de 18,4M€ para 28,0M€ e os Custos com Transações baixaram de 15,1M€ para 2,9M€. Em termos globais os Resultados com Atletas baixaram de +59,5M€ para +3,5M€.

Em termos de Rendimentos Financeiros os Custos Financeiros baixaram de -7,4M€ para -7,1M€ e isso representou os Resultados Financeiros da Sporting SAD, já que não tem Rendimentos Financeiros.

Ao nível do Resultado Líquido do Exercício o resultado piorou bastante e a última época de Bruno de Carvalho foi um completo falhanço. Os Resultados baixaram de +30,5M€ para -19,9M€, tendo piorado em 50,4M€ de uma época para a outra.

O Activo baixou de 316,5M€ para 269,2M€ (queda superior a 45M€) e devido a essa situação e também ao prejuízo (a rondar os 20M€) o Passivo baixou de 310,9M€ para 282,5M€ (queda superior a 25M€). O Activo caiu a um ritmo que foi quase o dobro do passivo. Se considerarmos os VMOC's que ainda não foram convertidos em acções, no valor de 127,9M€, então o Passivo + VMOC's é de 410,4M€ superando a Benfica SAD (398,3M€) e ficando abaixo do Passivo da Porto SAD (464,2M€). Considerando o pagamento das responsabilidades com os VMOC's o saldo negativo agrava-se de -13,3M€ para -141,2M€ (a 30 de Junho 2018), encontrando-se também numa situação preocupante de "falência" tal como a Porto SAD.


Como conclusão:
- A Benfica SAD foi a que obteve mais Rendimentos Totais (a única acima de 200M€): 206,2M€
- A Benfica SAD foi a única a obter Rendimentos Operacionais (sem atletas) positivos: +5,1M€
- A Benfica SAD apresentou os melhores Resultados com Atletas: + 27,3M€
- A Benfica SAD já não apresenta os piores resultados financeiros. Está melhor do que o Porto:  (e apenas não tem os melhores resultados financeiros dos 3 grandes devido ao perdão de juros dos VMOC's da Sporting SAD): - 11,5M€
- A Benfica SAD registou o melhor resultado Liquido do Exercício sendo a única dos 3 grandes com resultados positivos: + 20,6M€
- A Benfica SAD apresenta o Activo mais elevado: 485,1M€
- A Benfica SAD apresenta o menor "Passivo" (se considerarmos as responsabilidades com os VMOC's do Sporting, a Benfica SAD é a única abaixo dos 400M€ em responsabilidades totais): 398,3M€
- A Benfica SAD é a única com capital próprio positivo: + 86,8M€, sendo que a Porto SAD tem - 97,8M€ negativos (se considerarmos o efeito EuroAntas) e  a Sporting SAD tem -141,2M€ negativos (se considerarmos o efeito dos VMOC's).


Finanças: Análise aos 3 Grandes (2010/2018)


Em termos de evolução dos Resultados Líquidos do Exercício a Benfica SAD é a única com um registo positivo e uma tendência positiva desde 2010:
Benfica SAD: +77,1M€ de lucros (desde 2010)
Porto SAD: - 157,3M€ de prejuízos (desde 2010)
Sporting SAD: - 135,5M€ de prejuízos (desde 2010)



Finanças: Análise aos 3 Grandes (2000/2018)


A Benfica SAD é a SAD que tem mais receitas desde 2010, e é a única SAD que tem vindo a melhorar os seus Resultados Líquidos do Exercício. 

Seguindo a actual tendência, a previsão de facturação no período de 2015 a 2020 poderá ser a seguinte:
Benfica SAD: 1.050M€ a 1.100M€ (média de 210M€ a 220M€/Ano)
Porto SAD: 850M€ a 900M€ (média de 170M€ a 180M€/Ano)
Sporting SAD: 650M€ a 700M€ (média de 130M€ a 140M€/Ano)

Em termos de Resultados Líquidos do Exercício a tendência 2015 a 2020 poderá ser a seguinte:
Benfica SAD: é possível que alcance 115M€ de lucros de 2015 a 2020 recompondo os capitais próprios da Benfica SAD em apenas 5 épocas!
Porto SAD: devido ao fair-play financeiro no máximo poderá apresentar 140M€ a 150M€ de prejuízos de 2015 a 2020. Neste momento apresenta -122M€ negativos (de 2015 a 2018).
Sporting SAD: neste momento está com um saldo negativo de -21M€ (de 2015 a 2018) e devido à instabilidade financeira actual é difícil de fazer grandes previsões. O Resultado tanto pode agravar-se como pode melhorar. Dependerá da contenção de custos que vier a ser realizada, já que é a SAD dos 3 Grandes que tem menos atletas de valor no plantel para vender.

110 comentários blogger

  1. Agora é aguardar pelos comentários de quem quer é campeonatos, nem que tenha de vender as calças.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não acha normal que a maioria dos benfiquistas queiram campeonatos, títulos e boas prestações nas competições europeias ?
      As contas positivas só alegram alguns "benfiquistas" : os que têm as suas remunerações indexadas à performance financeira.
      Como 99% dos benfiquistas, creio que não são remunerados, o interesse de todos eles passa naturalmente pela senda vitoriosa da sua equipa de futebol principal.

      Eliminar
    2. Acho normal, com certeza. Sou benfiquista e gosto de ganhar campeonatos como os restantes. Mas também gosto de sentir que o meu clube do coração tem estabilidade, tem futuro e tem objetivos.
      Sinceramente, agrada-me ter ganhado 4 campeonatos nos últimos 5 anos e agrada-me a ideia de reter jogadores com o Benfica no sangue, em vez comprar jogadores com dinheiro no sangue. Esta retenção é feita com dinheiro, naturalmente, mas em pessoas da família Benfiquista e, provavelmente, com custos bastante inferiores (todos rejeitamos as mudanças por natureza... e se as famílias estiverem envolvidas, mais difícil será ocorrer a mudança).
      É uma forma diferente de estar na indústria do futebol, que a mim me agrada particularmente. A outra opção é vir um árabe/russo e comprar o clube (hábito muito visto em Inglaterra), investir 200M€ na compra do Neymar ou do Ronaldo e esperar pelas vitórias (o Chelsea ou o PSG têm tido sucesso europeu?).

      Eliminar
    3. As contas positivas alegram todo e qualquer benfiquista que tenha dois dedos de testa e perceba que os resultados financeiros sao importantes para a sustentabilidade do clube.

      Desde que os outros que só querem campeonatos mas que julgam que gerir um clube em 2018 é o mesmo que gerir a colecta de sócios da 3a distrital se mantenham caladinhos e sem poder decisório os benfiquistas que querem um clube forte e com mais possibilidade de sucesso vao tentando conjugar as duas vertentes o mais possivel. Financas e trofeus.

      Eliminar
    4. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

      Eliminar
  2. Excelente análise, os "jornaleiros" deviam de aprender contigo.
    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Este tipo de informação bem como respectiva leitura e interpretação, carece de conhecimentos específicos e até de contraditório.
    Os números são como quando olhamos para um copo. Podemos ve-lo meio cheio ou meio vazio.

    Quanto aos campeonatos, é normal que 99.9% dos benfiquistas avaliem o seu clube pelo nº de títulos.
    E apenas uma percentagem residual seja TOC's ou ROC's e olhem para tanta informação com olhos de conhecedor. Não é o meu caso.

    Mas se na verdade o Benfica respira saúde por todos os poros - e acredito que sim - mais exigentes devemos ser quanto à performance desportiva.

    Parece que com o passar dos anos, muitos benfiquistas não entenderam que Benfica = Futebol.
    O Futebol é o barómetro de toda a actividade de um clube.

    Se eu olhar para o R&C da Jerónimo Martins, avalio-a numa óptica, se olhar para o R&C de um Banco, a minha perspectiva já é outra, se olhar para o R&C da Sonae, a avaliação ainda é outra.
    Há sempre 2 ou 3 indicadores que por norma dispensam a avaliação de todos os outros.

    Parece-me contudo que o "brilho" evidenciado pelos números das contas do Benfica, exige que os sócios/simpatizantes exijam muito mais do que aquilo que se tem visto.
    E não me refiro só a esta época. Mesmo as outras 4 das quais alguns benfiquistas tanto de orgulham, o nível das prestações desportivas globais, ficaram muito áquem do prometido e expectável.

    Mas, parabens ao autor dos quadros e da..."análise". :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 4 títulos de campeão em 5 anos é indicador suficiente?

      Eliminar
    2. Os números são dados objetivos, não são como a analogia do copo. A sua interpretação é que pode ser subjetiva. Mesmo assim não percebo como se pode olhar para estes dados e ter uma interpretação diametralmente oposta à do Eagle.

      Eliminar
    3. Oliveirinha da Serra, se o tempo analisado for de 15 anos (tanto quanto lá está o Vieira) o panorama é desolador. :-)

      Eliminar
    4. 4 em 5 está é conversa que vai ficar certo? É os anos antes? Não contam? O es daqueles que axas que já ganhaste muito?? Tem juiz

      Eliminar
    5. Nao deixa de ser giro umn anónimo vir falar em performances "desportivas globais" num period de 5 anos imposto por ele próprio com fé na memória só se lembrar da época passada.

      É que á excepcao do futsal que é uma aposta clara do sporting como 2a modalidade do seu clube fomos dominadores, á excepcao de 17/18 onde, factualmente, nao ganhámos tanto como gostariamos porque... há essa coisa terrivel das outras equipas tambem competirem

      Eliminar
    6. anónimo das 12:02, e se antes destes últimos 15 analisarmos os 15 anteriores os últimos 15 já são bons. Depende como queiras olhar para os números.

      Há muito trabalho feito em infraestruturas para que o sucesso possa dar frutos.
      O SLB tem um plano e está a começar a dar frutos financeiros e esses têm vindo a espelhar-se na conquista de títulos. Falamos só de futebol mas há todo um outro mundo nas modalidades.
      É muito fácil dizer que poderia ser melhor. Podemos chorar todos os minutos 92 desde o dragão ao Chelsea mas este é um caminho duro que o SLB tem percorrido. Sinceramente creio que com sucesso. Sinceramente acredito num futuro ainda melhor.



      Eliminar
  4. Isto é como a pescadinha de rabo na boca, a boa prestação do futebol influencia o estado das contas e o estado das contas reflecte a boa performance do futebol.
    Tentar dissociar uma coisa da outra, como parece às vezes ser o que se passa no Benfica, é que é um monumental disparate, porque vai contra o ADN do Benfica que é essencialmente futebol.

    Um R&C de um clube de futebol só é exigível porque se trata de uma sociedade cotada e sujeita a regras. Porém, diz muito pouco ou mesmo nada ao comum dos adeptos e sócios.
    Quanto aos quadros comparativos, há um reflexo da realidade : O Benfica está melhor, porque o seu futebol tem estado melhor, a seguir surge o Porto, porque nestes últimos 4 anos eclipsou-se e por último vem o Sporting cujo desempenho da equipa de futebol tem sido desastroso.
    Nenhuma surpresa portanto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "O Benfica está melhor, porque o seu futebol tem estado melhor"
      Não só, embora ajude. O Benfica está melhor porque é maior, e tem mais facilidade de gerar receitas.

      Eliminar
    2. Importa dizer que o tipico adepto que nao liga ás contas está longe de ser maioria. Sabes, é que ser parte de uma associacao (ou fazer parte da vida de um clube) é ter interesse exactamente no trabalho da direccao e de como os bens do clube sao usados para os fins a que se propoe sabendo que quanto melhor os seus bens sao usados melhor a capacidade do orgao associativo.

      é isso que define a vida associativa, é isso que define ser sócio e por extensao é isso que deve definir o comportamento do adepto.

      Eliminar
    3. Falso! O Benfica está melhor não porque sendo maior tem mais facilidade de gerar receitas. Então como explica que não tenha sido maior nos anos 90 e nos anos seguintes quando o Porto teve sempre resultados financeiros superiores?

      Por mais que tentem desviar destes factos, o Benfica está melhor porque é muito mais bem gerido do que os competidores directos!

      Eliminar
    4. Nos anos 90 o marketing ainda era uma criança no mundo do futebol. A internet em Portugal apareceu por volta do ano de 96/97 (mais coisa menos coisa) e começou aí um mundo novo. Hoje em dia há benfiquistas em Luanda ou onde quer que seja, com ligação directa ao clube de todas as maneiras e feitios. É impossível comparar. Para além de que estávamos amarrados a contractos criminosos com os corruptos oliveiras.

      O calor da noite controlava tudo, até o Benfica, sabiam que jogadores queríamos, a táctica que íamos usar, o que a equipa tinha treinado durante a semana. E assim continuou. Ainda hoje roubam os contractos com hackers. Só que já não têm poder negocial, estão nas lonas, gastaram tudo em P*TAS e bananas para a macacada.

      Podem roubar a prospecção do Benfica à vontade porque coitadinhos, nem com os coxos do próprio clube conseguem renovar.

      Hoje em dia é importante ir buscar dinheiro fora do país e o Benfica é o ÚNICO que consegue. 9 dos 10 principais patrocinadores são internacionais. No sporting do porto não há nenhum. Todos os mandaram qatar!!

      O clube do pinto dourado não têm uma única casa nos estados unidos por exemplo, acho que nem na europa, não têm expressão nenhuma. No continente africano só o Benfica tem espaço, é lindo ver aqueles vídeos onde alguém pergunta quem é que é do sporting lol Há um bem recente com o presidente Marcelo.

      Há 10 anos atrás estive na china e a única camisola portuguesa que vi à venda em todas as lojas de desporto, foi a do Benfica, com os restantes tubarões europeus.

      Neste mundo novo no fundo continua tudo igual. O Benfica é o clube do povo, é um clube do mundo e aproveitou as novas tecnologias para se reeinventar. O clube da pide e do crime aproveitou as novas tecnologias para continuar a roubar.

      Assim que o Benfica começar a gerir em parceria um clube inglês, é como se metesse um pé fora do país. O futebol em portugal já tem o funeral marcado e quem o matou vai morrer com ele.

      O karma quando demora muito tempo, é só porque está a ganhar balanço..mas ele vem...e vem com força.


      João

      Eliminar
    5. Essa do presidente Marcelo numa escola Moçambique foi muito engraçada porque ele perguntou aos miúdos quem era do Benfica e quase todos os miúdos levantaram os braços. Depois perguntou quem era do Sporting e ninguém levantou o braço, havendo alguns que perguntaram o que era o sporting? lol

      Eliminar
    6. Por falar na China, temos o Benfica de Macau que é o melhor clube local e até tem feito uma carreira jeitosa nos jogos da Ásia.

      Eliminar

  5. A sad está na miséria.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Do FCP? Tens razão; - 160M negativos de resultados acumulados; -100M de capital próprio = Falência!!!

      Eliminar
  6. Benfica Eagle, na primeira tabela, a linha do capital próprio com e sem vmoc's não esta trocada?

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não está nada trocado. Está certo.

      Considerando os Vmoc's o Sporting tinha -13M€ de capital próprio negativo, porque não estão a ser registados em passivo.
      No entanto, sem o efeito dos vmoc's, o saldo negativo na prática é de -141M€. Os vmoc's ainda estão por pagar.

      Entendeu?

      Eliminar
  7. Caro Benfica Eagle,

    Agradeço-lhe esta análise, sempre útil.

    Peço-lhe, porém, que um dia, quando tiver tempo, faça o levantamento do valor total das vendas de jogadores do Benfica de 2010 para cá. Depois, indicar, ano a ano, o valor do passivo do Benfica e, no final, assinalar qual era o valor do mesmo em 2010 e qual o actual, depois da soma global das vendas.
    E, já agora, o que seria um exercício engraçado, quantos orçamentos da SAD ficariam preenchidos só com o valor das vendas de 2010 até agora. Pode, se quiser, deduzir as comissões e as parcelas de terceiros nos passes dos jogadores vendidos.
    Se quiser ser ainda mais informativo, esclareça os benfiquistas qual o valor da entrada da Benfica Estádio (com o património imobiliário do SLB) no capital social da Benfica SAD (em 2010/11), o seu impacto, e porque razão teve a Benfica SAD de antecipar, em 2018, as receitas televisivas do contrato da NOS até, se não estou em erro, 2022.
    Seria bom perceber que depois de centenas de milhões em vendas de jogadores, mantivemos o passivo da Benfica SAD como estava em 2010 (mais coisa menos coisa), perdemos o património imobiliário do nosso Clube para a SAD e ainda tivemos de antecipar receitas futuras para amortizar dívidas passadas.
    Com essa análise, talvez possamos todos perceber melhor a excelência da gestão financeira de Vieira à frente do Benfica e pode ser até, quem sabe, que os grandes teóricos mundiais da gestão financeira venham perguntar-lhe como, com esses magníficos resultados, se permanece à frente da organização com o apoio dos associados!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quanto vai pagar ao Benfica Eagle por isto? Só por curiosidade.

      Eliminar
    2. Devo deduzir que ja viste esses numeros e que portanto nao estás a lancar larachas para o ar. Como tal nao desafies os outros e mostra o que sabes. É que nao o fazendo passas por uma de duas. ou aldrabao ou preguicoso, ou ambas porque antigamente os aldraboes davam-se ao trabalho de aldrabar em condicoes

      Eliminar
    3. Exacto Mr. Shankly.

      É preciso tempo, e além do mais seria necessário que por exemplo a Benfica SAD apresentasse a tabela de contratações e de vendas, algo que deixou de apresentar.

      Considero essa ocultação de informação como algo de negativo.

      Eliminar
    4. boa tarde... começo por dizer que não sou favorável à ofensa! já sentido critico é algo que aprecio... as questões colocadas, independentemente da forma, são interessantes. uma boa resposta/explicação, sem dúvida alguma, seria serviço público benfiquista. abraços, saudações benfiquistas, e desejos de tudo de bom para o nosso SPORT LISBOA E BENFICA!!!

      Eliminar
    5. Caro Senhor Wipinho
      Agradeço as suas críticas, as ofensas ficam consigo.
      O Benfica vendeu cerca de 800 milhões de euros em jogadores, o que dava para satisfazer todos os orçamentos da SAD de 2010 até agora. Uma parte desse valor, no entanto, o Benfica satisfez em comissões, outra parte pertencia a terceiros.
      Com o valor dessas vendas, o Benfica não liquidou passivo (que só baixou cerca de 40 milhões com a antecipação do contrato com a NOS) e, como se não bastasse, despojou-se do talento que tinha.
      Dê-se ao trabalho de somar os custos (comissões, valores de transferência, salários) com os "investimentos" em jogadores que nunca jogaram no Benfica e que andam por aí e tem uma boa pista sobre como se torraram milhões e milhões de euros nesta brilhante gestão financeira do século XXI.

      Eliminar
    6. Caro Benfica Eagle,

      O meu desafio era retórico e apela à reflexão dos benfiquistas que queiram pensar e tenham dois dedos de testa.
      Claro que o Benfica oculta a informação. Interessa anunciar pomposamente valores de vendas, mas a aplicação do dinheiro em compras inexplicáveis, e não explicadas, é outra conversa.
      Esse é um dos lados obscuros, sombrios mesmo, da gestão de LFV e que permite perceber muita coisa do actual Benfica. Para quem quiser pensar um pouco, claro.

      Eliminar
    7. José Vieira quanto a vendas desde 2010 o valor ronda os 765M€, é aproximado do seu número 800M€.

      Apesar de não saber os valores individuais de vendas, sabe-se o valor global, e existem noticias na comunicação social e sites como o transfermarkt.

      Em termos previsionais a situação é a seguinte:

      765M€ em vendas Totais (2010/2011 – 1º Sem. 2018/2019)
      - 250M€ investidos em cerca de 50 jogadores (com valorização a partir de 10M€/cada. fonte: transfermarkt) (valorização máxima de 400% - 1.262M€, e de 285% de valorização para o Benfica – 873M€)
      - 120M€ investidos em outras contratações (42 jogadores com retorno desportivo e/ou potencial financeiro)
      - 100M€ investidos em flops (cerca de 100 jogadores para o “carrocel” da equipa A e B)
      - 80M€ em comissões na venda (valor aproximado. os tais 10% do valor das vendas)
      - 115M€ em resultados financeiros (-145) & operacionais (+30)
      = 100M€ de lucros em 8 épocas e meia.

      A única situação a melhorar são os flops para a equipa A e equipa B que em 8 épocas e meia representaram cerca de 100M€ em 100 atletas, que não deram grande rendimento desportivo e financeiro.

      No entanto concordo que em cada R&C deve existir uma tabela com os valores detalhados das contratações e das vendas.

      O Braga e o Sporting fazem isso.
      O Benfica e o Porto insistem em não fazer isso.

      Eliminar
    8. Nao precisas de te esconder atrás de falsa cortesia, porque gajos como tu cheiram-se á distancia. O que tu pediste foi uma serie de numeros que provem o que estás a insinuar, como se a insinuacao fosse indicutivel, ora como nao apresentas os factos que balizem as insinuacoes és aldrabao. Nao é insulto, é adjectivacao factual.

      Se por acaso soubesses de algo que suportasse os teus numeros de merceeeiros tratarias de os clar e apresentar, ora como nao o fizeste mostras que és tambem preguicoso, nao bastando nao te dares ao trabalho ainda pedes aos outros que o facam por ti és preguicoso. Nao é insulto, é adjectivacao factual.

      Para alem disso és aldrabao porque o Benfica nao vendeu 800 milhoes desde 2010. Terá vendido á volta de 600. E repara, nao e insulto é adjectivacao factual.

      Mas se fosses sério tambem dirias que os jogadores vendidos nao eram todos 100% do clube.

      Aliás é do dominio publico que a Benfica Star funds (em existencia entre 2009 e 2014) foi uma das maneiras que a SAD teve de se financiar e que implicava que jogadores fossem detidos a 60%, 70%, 75%, por isso essa figura andará mais proxima dos 400 milhoes. Se fosses serio!! Nao é insulto! É adjectivacao factual.

      Se fosses inteligente, repara que isto nao é insulto é uma suposicao, por exemplo perceberias que esses 400 milhoes de euros em 8 anos dá á volta de 50 milhoes de euros por época. Isto faz parte

      Ora é sabido que só de juros bancarios o Benfica pagava mais de 20 milhoes por ano, tambem é sabido que o Benfica contrata novos jogadores todos os anos e gasta sempre á volta de 20 milhoes, tambem é sabido que o Benfica investe fortemente no Seixal, tambem é sabido que existem comissoes a pagar e nao sao segredo (o proprio LFV fala sempre em 10%) por isso e resumindo

      Mete a retórica e a falsa cordialidade no cu e abre a pestana ou muda de nick e arranja cantiga nova.

      Eliminar
    9. O desafio nao é retórico, a insinuacao é baixa e ardilosa e tem como unico intento armar confusao como facilmente se topa pelo facto de acusar encapotadamente baseado em factos que admite nao saber. os numeros que entram realmente nas contas nao andam sequer perto do que diz o aldrabao preguicoso BE e dar-lhe troco é dar-lhe tempo de antena.

      Eliminar
    10. Muito bom trabalho Eagle.

      Só não acho que 100M em "flops" seja elevado naquele volume de jogadores, estamos a falar de seres humanos, e mesmo que estivéssemos a falar de máquinas como alguns parecem julgar aqui, também essas teriam um percentagem de erro.

      A conta deveria ser sempre, entre o total de compras e o total de vendas, e aí o SLB tem facturado positivo, e nem estou a contar com o rendimento desportivo, para cada Taraabt temos 3 Taliscas.

      Eliminar
    11. 10/11 Contratações (8) 22,75M€ - Roberto Jimenez 8,5M€, Franco Jara 5,5M€; Fábio Faria 2,0M€; José Luis Fernández 1,5M€ || Alípio 4M€, Carole 0,75M€, Élvis 0,5€; Leonardo da Silva
      11/12 Contratações (10) 6,6M€ - Capdevilla 2,8M€; Emerson 2,0M€; Mika 0,5M€, Djaniny 0,3M€, Artur Moraes; Yannick Djaló; Nuno Coelho || Leo Kanu 1M€; Copetti, Manuel Liz
      12/13 Entradas (13) 3,7M€ - Luisinho e Michel 2M€, Hugo Vieira || Gianni Rodriguez 0,8M€, Juan San Martin 0,6M€, Carlos Ascues 0,3M€, João Amorim, Wei Huang, Ernesto Cornejo, Ghislain Mvom, Duarte Duarte, João Faria, Cláudio Correa
      13/14 Entradas (14) 21,0M€ – Djuricic 8M€; Funes Mori 4,9M€ 70%; Luis Fariña 2,6M€; Mitrovic 1,1M€, Steven Vitória || Jorge Rojas 3M€; Jim Varela, 0,9M€, Lolo Plá 0,5M€; Flip Markovic, Uros Matic; Harramiz, Marcos Valente, Didi Silva; Deyverson
      14/15 Contratações (17) 19,9M€ - César 3M€ 50%; Loris Benito 3,0M€; Bebé 3M€ 50%; Derley 2,5M€; Jonathan Rodriguez 2,7M€ 40%; Djavan 1,5M€; Mukhtar 1,1€; Luis Felipe; Candeias ||| Dawidowicz 2,5M€; Victor Andrade 0,6M€; Kevin Friesenbichler; Élbio Alvarez, Sérgio Neves, Vitali Lystov, Flávio Silva; Dolly Menga
      15/16 Entradas (10) 8,6M€ - Taarabt 3M€; Jhon Murillo 0,75M€; Diego Lopes 0,1M€ 50% || Francisco Vera 2,8M€; Bilal Ould-Chikh 1,3M€; Dalcio 0,65M€ 75%; Alexis Scholl; Carlos Ponck; Bruno Rodrigues; Reinaldo Mandava,
      16/17 – Entradas (10) 15,4M€ - Óscar Benitez (4,4M€); Hermes (2,9M€); Pedro Pereira (2,7M€); Guillermo Celis (2,3M€); Filipe Augusto (2M€); Pedro Nuno (0,4M€) || Simon Ramirez (0,7M€), Luquinhas; Igor Rocha; Elhouni
      17/18 Entradas (13) 2,1M€ – Mato Milos 0,4M€; Erdal Rakip; Patrick; Salvador Agra || Martin Chrien 1M€; Thabo Cele 0,5M€ 85%; Anthony Carter 0,2M€, Alan Júnior; Matheus Leal; Dmytro Lytvyn, Igor Rodrigues, Fali Candé; Daniel Dos Anjos

      Para mim isto são flops. Não renderam em termos desportivos nem em termos financeiros.
      E é este tipo de contratações que têm de acabar.

      Eliminar
    12. Wipinho,

      Não uso nicks, uso o meu nome e os meus números andam perto da verdade, como se vê.
      Provoquei uma boa reflexão e discutiram-se factos.
      Isso incomoda à propaganda do Vieirismo?
      Você é mais um daqueles idiotas pagos pela propaganda para andar aqui a contaminar discussões sérias para pessoas inteligentes. Vi que foi pedir contas a quem as sabe fazer. Ainda bem que tem números; eles provam bem a qualidade da gestão do Benfica, ou melhor, a falta dela. E nem se falou na política desportiva.
      Abra você a pestana, que bem precisa, e comece a ser inteligente.

      Eliminar
    13. Obrigado Benfica Eagle,
      Aqui estão factos para uma boa discussão, que o Benfica bem precisa.

      Eliminar
    14. Não estou totalmente de acordo com o último comentário do BE, porque uma grande parte dos jogadores ainda jogam, outros ainda não foram vendidos.
      Dos já vendidos, a maioria com lucro ou com pouco prejuízo.

      Dou apenas alguns exemplos, há mais, de jogadores que não são flops, embora não fizessem grande carreira no Benfica:

      Artur Morais, Luisinho (La Liga), Markovic, Ponck, Celis (Guimarães), Elhouni (lesionado, seleção da Nigéria), Daniel dos Anjos (na equipa B), Pedro Pereira (Génova, Itália), Carole (Estrasburgo, 1ª divisão francesa), Vitor Andrade, Derley (1ª Liga), Murillo (seleção da Venezuela), Diego Lopes (1ª Liga), etc.

      Mas concordo que há muita tralha.



      Eliminar
    15. Falar em valores de vendas como sendo receitas brutas é uma falácia. Basta ver o caso do Ederson. Certamente não se recebeu 40M€ pelo jogador. De resto, querer criar apenas uma relação Vendas-Passivo é absurdo por si só. O Benfica não vive apenas das vendas e isso nunca significaria que o passivo tem necessariamente de baixar. Coisa que aliás, até está a acontecer.

      Eliminar
    16. Mas nesses 100M dos "flops", já está contabilizado o que renderam em empréstimos e vendas?

      Eliminar
    17. Para mim um flop é um jogador que não rende desportivamente e que pouco ou nenhum lucro dá.

      Contratar jogadores por 1 ou 2M€, para depois os vender passados alguns anos pelo mesmo valor ou por um valor inferior, sem terem feito grande coisa em termos desportivos, para mim isso é um flop!

      Eliminar
    18. Essa lista deu-me cá umas saudades, do
      King, Paredão, Marcelo, Tahar,Nelo, Tavares,
      Scott Minto,Michael,Edcarlos,Thornton,Pesaresi,Everson,
      Dudic,Escalona,Bossio,Rojas,Mawetw Jr.,Uribe, Quim Bero,
      Nereu,Bibia,Tretnovic,Bergessio,Marcel,Hadrioui, and so one, and so one,

      jogadores também de uma década, em que infelizmente o Benfica comprava cada um.

      Desde o jogador, que eu vi, ninguém contou, que foi desde o meio campo adversário a correr ao lado de quem marcava até sofrermos golo, de seu glorioso nome, Edcarlos, até aquele que poderia ser considerado o pior lateral esquerdo de sempre do Benfica, contando com os veteranos, de seu nome Escalona (embora as opiniões se dividam com o Hadriou), o que diz tudo da sua qualidade tendo em conta que tivemos o Emerson e o Cortez

      Mas o maior flop de sempre foi o Rushfeld, envergou a camisola gloriosa ao lado de Vale e Azevedo e depois foi despachado porque o dinheiro só chegava amanhã ao Rosenborg...ahahahahahah, sempre amanhã, estes não se deixaram enganar como o Munited com o Poborski.

      Agora a sério, listas de flops existem sempre, parece-me que a ideia da UEFA de limitar os empréstimos pode ser um caminho para melhorar isto, e obrigar a maior critério nas escolhas.

      É que ninguém se lembra, mas tivemos um jogador 4 anos no Benfica(contratado pelo Benfica), e que nem sequer tocou numa bola com a camisola gloriosa no corpo.

      Dão-se alvissaras a quem se lembrar deste farináceo...:-)))))))

      Viva o Benfica!

      Eliminar
    19. Ó josé vieira, mas há algum clube em portugal com uma gestão melhor que a do Benfica?

      Fico à espera.

      Chamar de vieirista com quem não concorda contiogo diz tudo.

      Vai morrer longe para não cheirar mal.

      Eliminar
    20. Chakra Indigo, pelo menos os flops dos últimos anos raramente tiveram hipótese de jogar, e por isso nem deveriam ter vindo.
      Nessa tua lista da década anterior havia muitos flops a jogar e a TITULARES, porque não havia mais :)
      Jogadores que nunca fizeram um jogo no Benfica foram vários.
      Qual é o jogador a que te referes? É da década anterior?

      Eliminar
    21. Nos últimos anos "gostei" muito do lateral direito Luis Felipe (brasileiro) que fez um corte num jogo de pré-época e festejou como se tivesse ganho a champions league.
      Cepo do pior, neste momento deve andar pelas divisões inferiores do Brasil.

      Eliminar
    22. ehehehe, Luis Felipe, que saudades..... um bom pandego para a churrascada....ehehehehe

      O farináceo era o Farina, má piada.

      Pois, quanto a más escolhas, há aquelas que acontecem e outras que nunca deviam ter acontecido.
      Não tenho explicação, sinceramente, mas já vi cada uma - tivemos um jogador banalissimo no Estoril Praia, já há uns anitos, que depois foi para fora e apareceu no Milan ??? onde nada fez de jeito. Não me lembro do nome mas era brasileiro.

      A limitação de empréstimos será uma boa forma de começar a acabar com estas experiências.

      Eliminar
    23. Sim. concordo que a limitação de empréstimos (6 a 8 vagas) para jogadores acima de 21 anos poderá ser positiva para os clubes pensarem 2 vezes antes de contratar um possível flop.

      No entanto isso pode ser contornado com cedências em definitivo, com o clube a ficar com 50% a 90% do passe, como já aconteceu com alguns jogadores.

      Eliminar
  8. É possível acrescentar a esta análise os resultados consolidados dos grupos? Acho que ajudava a ter uma visão mais global das coisas, visto que para a SAD parecer bonita há muita coisa que é empurrada para debaixo do tapete dos clubes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto são valores consolidados do Grupo. Ou pelo menos é o que os clubes dizem.

      Eliminar
    2. Resultados consolidados das 3 SAD's.

      Nenhum dos clubes apresenta publicamente o resultado consolidado do Grupo (SAD + SGPS + Clube, etc), como tal não é possível analisar algo que não é publico.

      Eliminar
  9. Fomos campeões? Fizemos melhor figura na Champions? Ah....ok...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E isso invalida que não se possa fazer análises financeiras?

      É que se assim fosse nos últimos 15 anos ninguém analisaria as finanças do sporting, que estão uma desgraça, e nos últimos meses não se ouve falar de outro assunto :)

      Eliminar
    2. Desculpa lá oh Ze Rui, mas esse comentário está ao nivel das do jotape

      Faz lá um esforço para perceber o post

      Eliminar
  10. Boas,

    sou pouco entendido nestas coisas mas, como é que é possível considerar a EuroAntas como activo e depois não a considerar quando se fala nos Capitais Próprios? Para mim que não entendo muito disto, esse tipo de matemática faz-me confusão.
    E já agora, essa consideração é feita apenas pelo autor do texto ou a Porto SAD faz isso no seu R&C?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Porto SAD é que faz a consolidação integral da EuroAntas, mesmo tendo menos de 50% do seu capital social.

      Segundo as boas práticas da consolidação, por norma a consolidação integral só deve ser realizada tendo 50% ou mais da empresa, no entanto é uma indicação contabilística e não há multas caso se faça de força diferente.

      Em alternativa podiam ter realizado a consolidação pelo MEP - Método de Equivalência Patrimonial, em vez do MCI - Método de Consolidação Integral.

      Por isso é obrigada a apresentar no Balanço o Capital próprio -38,1M€ e depois tem de apresentar outra linha com capital próprio (sem interesses minoritários) - 97,8M€

      Na prática, neste momento o capital próprio da Porto SAD é de -97,8M€ e apenas se o clube passar os 53% restantes do Estádio (EuroAntas) é que o capital próprio baixa para -38,1M€.

      No entanto, como por norma os jornalistas nunca fazem esse tipo de referências nas notícias e análises financeiras aos 3 grandes, os adeptos do Porto lêem as notícias como se a situação da Porto SAD fosse melhor do que aquela que é na realidade. Os jornalistas esquecem-se sempre desse "pormenor".

      Eliminar
  11. Se não houver campeonatos não há calças...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Compreendo mas discordo. Basta ver o vizinho do lado. Não ganha nada mas tem sempre dinheiro para as calças dos treinadores que manda passear.
      Eles sim, têm a ganância de querer resultados rápidos sem olhar a despesas... os resultados estão à vista.

      Eliminar
    2. Nem mais, alias, dá pena mesmo pena a exigência de campeonatos e boas prestações na Champions passaram para segundo plano para alguns Benfiquistas acerrimos de LVF...bastou na entrevista desvalorizar o campeonato perdido no ano passado para se embebedarem com estas falácias!!!
      A formação é outro tema de desculpabilizaçao pela não conquista de campeonatos...com uma exigência destas vamos ficando para trás, e depois como dizes as calças alargam e caem!! É que sem campeonato e Champions não há calças!! Digo eu...

      Eliminar
    3. Viriato, por acaso terei de discordar.

      É mais importante haver champions do que não haver.
      A partir desta época a Champions vai render mais de 40M€/50M€ de receita mínima.

      O Benfica não foi campeão e ajustou os custos em 7M€ (pelo não pagamento de prémios), e por causa disso continuou na mesma a ter resultados operacionais positivos (aliás, foi a única SAD).
      A compensação para a queda de receitas da champions é que é dificil de resolver através dos custos operacionais. Tem sempre de ser resolvida pela venda adicional de atletas.

      É verdade que agora só o 1º classificado + 2º classificado (via play-offs) podem ir à champions league, e por isso a conquista do campeonato garante essas receitas de imediato.

      Para o orçamento ser cumprido, ir ou não ir à champions league é a questão prioritária.
      E por causa disso o futebol português deveria fazer pressão para que no próximo ciclo da champions 2021-2024 o 6º país ao 8º país tivessem 2 vagas garantidas, em vez de isso acontecer apenas com o 6º país do ranking, e depois 2 vagas serem disputadas por 8 países em eliminatórias.

      Abraço

      Eliminar
    4. A champions só vale isso se o Benfica não cair no ranking e ganhar jogos na champions.

      Eliminar
  12. Excelente artigo Eagle. Já fazias cá falta nesta área.

    Uma pergunta. Porque é que o Sporting nos impostos tem valor positivo? É como o resto do povo e recebe reembolso se IRS? xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Provisão/reversão para imposto corrente
      Excesso/Insuficiência de estimativa de IRC

      Tinham pago 4M€ no ano anterior e depois pediram restituição de 2,6M€ nessas 2 rúbricas devido aos prejuízos alcançados em 2017/2018.

      Eliminar
  13. Viva,

    Parabéns pelo artigo, mais uma vez excelente, embora confesso que não saiba ler devidamente e de forma correta.

    Penso ser o reflexo da atual estratégia que passou com a vinda da atual equipa técnica uma aposta mais acentuada na formação e que acabou por ter reflexos quer desportivos quer financeiros, Renato, Linfelof e Ederson na epoca do tri, a confirmação da Lindelof e Ederson como opções validas e Nelson Semedo e Guedes na época do Tetra, Ruben Dias na seguinte e atualmente Gedson Fernandes caminha para se tornar titular indiscutível.

    Penso que é um caminho difícil mas que está a provar ser valido, pode-se ver que o passivo com JJ disparou mas que com RV está a baixar de forma solida.

    Estamos cada vez a caminhar e trabalhar melhor na formação, não deixamos de investir no plantel principal como Lema, Conti, ODisseias, Castillo, Gabriel, Ferreyra, renovamos contrato com vários jogadores nucleares, resumindo em 5 anos ganhamos 4 campeonatos e mesmo com uma época passada horrível na Champions ainda temos estes resultados. Por falar nisso as verbas da Champions que se conseguiu devem garantir mais um bom exercício na proxima época, tal como a venda de Talisca, a parte referente aos direitos televisivos que será na integra para abater passivo :)...Mesmo estando tudo tão mal ainda vejo Odisseias mais valorizado de quando chegou, tal como Grimaldo, Krovinovic e por ai fora.

    Abraço

    Targarien


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim esta época, o Benfica tem os custos praticamente assegurados.

      Além da venda de Talisca, ainda há Jimenez, Carrillo e Jovic como potenciais receitas de emprestados até 30 de junho 2019.

      Eliminar
    2. Sim e há outros casos que nos podem trazer verbas, novo contrato a ser anunciado em breve, Nelson Semedo penso star praticamente com 50 jogos no Barça.

      A minha questão é reter talentos e penso que isso já estamos a fazer, acredito que o SLB possa começar a fazer reajustes no plantel e com isso baixar massa salarial e abrir vagas para o lançamento de mais um ou outro jovem, há posições em que temos excesso de opções e vários jovens que podiam subir Jota por exemplo mas com Cervi, Salvio, Rafa, Zivkovic (devia ser no miolo mas pronto) como se faz para se lançar Jota ? E recebem todos bem. Félix tem ido para extremo.

      Duvido que daqui a 3 a 4 anos tenhamos 80/90% de jogadores da casa, como foi referido mas pode ajudar e muito a reduzir massa salarial a saída de alguns jogadores que temos.

      Para já o mais certo é Jovic, Jimenez está a jogar bem nos Wolfes, mas ainda é cedo.

      Finalizo perguntando se é possível quantificar-se que verba será abatida ao passivo na próxima época relativamente à verba adiantada dos direitos televisivos e quando termina já agora.

      Abraço

      Targarein

      Eliminar
    3. Também concordo que dificilmente teremos 80% a 90% do plantel com jogadores da formação.
      Neste momento ronda os 25%, e no máximo dos máximos poderá rondar os 50%, já que os melhores são sempre tentados com grandes propostas internacionais.

      Eliminar
    4. Os 80%-90%, depende se contamos apenas os titulares ou se estamos a falar de toda a equipa de 28 jogadores.
      A diferença é grande. É possível dentro de 3-4 anos ter 8 - 9 jogadores entre os 15-16 mais utilizados.
      Costumam ver os jogos da formação e os miúdos que estão a aparecer? Eu vejo.

      Eliminar
    5. Hoje contra Moreirense vamos começar com 6 portugueses e 3 da formação. Só falta o Alfa.

      Eliminar
  14. Benfica Eagle, os impostos do Sporting estarem como receita é gralha?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Provisão/reversão para imposto corrente
      Excesso/Insuficiência de estimativa de IRC

      Tinham pago 4M€ no ano anterior e depois pediram restituição de 2,6M€ nessas 2 rúbricas devido aos prejuízos alcançados em 2017/2018.

      Eliminar
  15. de quê serve ainda falar dos vmoc se toda gente jà percebeu que estes vão ser perdoados: até o proprio porto se queixou mais desta situação de concorrencia desleal! Nos, ficamos impavidos à ver passar navios! certamente porque o lfv tem interesses com a banca e não se quer chatear com alguns dos seus amiguinhos... Outra coisa: hoje so vejo benfiquistas à falar em cifrões mas cada vez menos falar em conquistas desportivas: a SAD jà entendeu que tem agora andamento suficiente para não precisar mais dos socios e adeptos para validar as suas grandes decisões estrategicas. Nem que acabassemos em 10° este campeonato LFV sairia porque simplesmente hoje aquilo que se chama Benfica està transformado num hipermercado de jogadores e o seu objetivo é fazer lucro, dolares até quer implementar-se no mercado inglês (diversificação). Quanto ao resto continuem à sonhar...Se não recuperamos o nosso clube rapidamente haverà um tempo não muito distante em que nem o recurso à eleições serà necessario para nomear o novo CEO ou presidente do antigo "clube" e da SAD! é isto que queremos, ok tudo bem mas sem mim

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sobre as vmoc: é isso mesmo.

      Eliminar
    2. Veremos o que irá acontecer com os VMOC's e se apenas pagarem 30% do valor estaremos cá para lembrar durante muitos anos que existe concorrência desleal fornecida pelo NOVO BANCO e pelo MILLENIUM BCP.

      Os adeptos do Benfica e do Porto seguramente terão isso em consideração na hora de escolher o banco com quem trabalham.

      Existem eleições em 2020, e por isso nessa altura todos os sócios poderão votar.

      Eliminar
    3. No calor da noite, as eleições são só a fingir praticamte desde que o clube foi fundado em 1906.

      Não confundas o Benfica com a máfia/pide.

      Eliminar
    4. Uma coisa que não percebo é como há pessoas que são tão ignorantes e têm tanta vontade de dizer mal que culpam Vieira pelos VMOCS dos lagartos. Como se ele tivesse a ver alguma coisa com o assunto e não fosse vítima como todos os restantes benfiquistas.

      Eliminar
    5. Muito obrigado ao BenficaEagle mais uma vez pelo contributo.
      Realmente dar acesso a mais informação por vezes não interessa, como é óbvio, a quem apresenta números, seria bom sabermos, como aqui já foi referido, o real peso de transferências, comissões e afins, saber em que medida(valores) a Benfica Estádio influencia os números apresentados pela SAD e ainda a questão do contrato com a NOS.
      Como não é possível saber estes dados (entre outras coisas) isto leva cada vez mais ao distanciamento entre adeptos/sócios e clube mas já não tenho dúvidas que a estratégia é mesmo essas, controlar de forma a "desviar" e "roubar" o clube as pessoas apesar de apregoar o contrário aos sete ventos, dai o sucesso desportivo ficar para 2º plano, quando as coisas correm mal mete-se um bode expiatório qualquer tipo o treinador no olho da rua e invocam-se mais uns quantos lugares comuns de resultados e saúde financeira para baixar a poeira e siga a marinha.
      Não consigo ver isto como um bom caminho, venham os números que vierem.

      Eliminar
    6. Caro Philippe,

      Ao ler alguns, muitos comentarios a este post,apetece-me dizer: Ah ganda Ventoinha, continua, a propaganda esta a funcionar em pleno!!

      Eliminar
    7. Deixa lá o ventoinha e preocupa-te com o pinto dourado, que nem dinehiro para renovar com coxos tem. Esse é que está no bom caminho..no caminho para o inferno.

      Eliminar
  16. Não entendo como há sócios de um clube desportivo, com o exemplo que vemos do outro lado da segunda circular, que achem que a vitória num fim de semana seja mais importante do que a saúde financeira e estejam dispostos a endividar o clube para o fazer.

    Só entendo porque para a paz social os 3 grandes são Too Big To Fail, mas tudo isto acabaria se no final do exercício contabilístico as opções financeiras tivessem repercussão no bolso dos sócios. Final do ano conta para casa, aqui está e ainda tem direito a 0.0001% do passe do Ferreyra.

    Mais um palpite, Varandas brevemente sai defenestrado. Ao Brunalgas 2.0 falta-lhe a classe brejeira e sem filtro do mestre, acho giro como a justiça ainda não o meteu atrás das grades à espera que o SCP resolva as rescisões. Também gostaria de ouvir as respostas de PdC acerca dos emails, tempos giros se avizinham.

    Scaramanga, tenho saudades dos teus textos. Fazem-me lembrar nos anos 80 as repetições da Twilight Zone na RTP2

    ResponderEliminar
  17. Como podem ver, senhores haters, Vieira não é assim tão mau. Temos uma """"pequena"""" diferença para os outros dois neste campo financeiro. Repito, "pequena".

    ahahaha

    ResponderEliminar
  18. Off-topic

    Parece que o Padre de Contumil e mais outros dois conpanheiros vem conspurcar a capital a pedido do Ministério Publico....tic,tac,tic,tac.

    E o pardal maluco das apostas ilicitas já foi dentro!

    E O Chico Traques que ponha as barbas de molho..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece que é a administração toda da fruta que vem. São uns 5 mânfios.
      Temos sorte que entretanto o Web Summit já terá acabado. De outro modo, haveria muito estrangeiro indignado com o cheiro.

      Eliminar
  19. Boa performance económica, se bem que com estes números poderíamos ter uma dívida/passivo mais baixo.
    E então a disparidade para com os nossos rivais é gritante, por isso podemos concluir que iremos ser campeões, ganhar a taça com a equipa B e a taça da liga com os sub-23.
    Com estes números, este ano é tudo nosso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Futebol não é só numeros, ou o PSG ganharia tudo, tendo o orçamento de um pequeno país produtor de petróleo. A China ou os USA ganhariam o mundial.

      É a base fundamental para ter uma visão de futuro num país como Portugal mas não garante que se ganhe os jogos todos, mesmo que se tenha o melhor treinador com os melhores jogadores, não se ganha sempre, e nem sempre ganha a melhor equipa. Caso contrário não haveriam casas de apostas

      Eliminar
    2. Apesar de me custar responder a Anónimos, agora disseste tudo.
      Futebol não é só números, é necessário um bom treinador e um presidente focado no objectivo principal do clube e não na empresa.

      Eliminar
  20. Parabéns, caro Benfica Eagle.

    Excecelente sintese, Grande Trabalho.

    Se olharmos para o gráfico de resultados, verificamos que desde a época 2012-2013 o crescimento tem sido sempre positivo, o que revela a existência de uma estratégia de médio elongo prazo.

    Para teres sucesso desportivo, constante, tens de ter concistência económica.

    Foi establecido, em 2015, reduzir a divida/passivo financeiro para 150/160M de euros. O que está em velocidade cruzeiro, com o excelente acto de gestão, tantas vezes aqui criticado, principalmente por pessoas que o deveriam compreender, de fazer a antecipação das receitas do contracto da NOS por via de factoring , sem recurso, (quer dizer que se por algum motivo a NOS não pagar é um assunto entre a NOS e a empresa de factoring), não para pagar despesas correntes, como fazem FCP e SCP, mas para, e muito bem, saldar uma dívida financeira estrutural existente de mais de 90M de euros. Este acto criou o compromisso de nos próximos 4/5 anos a direcção ter de gerar 20M de euros ano extra, para compensar o 20M que deixa de receber anualmente da NOS, queforam utilizados para amortizar o passivo finaceiro.

    Há uns anos foi definido o objectivo de cumprir, a cuto prazo, todos os parametros do fairplay finaceiro da UEFA. O único por satisfazer era o rácio divida finaceira/receitas operacionais , andava em 2016 nos 310M/120M e que nesta época de 2019 deverá andar nos 150M/150M, cumprindo o critério de rácio 1:1 definido pela UEFA.

    Cumprindo os rácios económico/finaceiro, já sei que vão dizer que falta melhorar os rácios desportivos na UEFA. É verdade, esperemos e tenho a plena convicção que tal irá suceder, o tempo o dirá. De aqui a ¾ anos estaremos cá para verificar.

    Saudações benfiquistas,

    David Gomes da Costa
    Sócio 8999 do Sport Lisboa e Benfica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço e concordo com o comentário.
      Cumprimentos

      Eliminar
    2. Continuo sem perceber a antecipação de receitas do contrato da NOS, que custou mais de 17M de € e que com contas de merceeiro só é benéfico se o juro que pagávamos aos Bancos fosse superior a 6,1%. A "desipoteca" do estádio podia ter sido feita com o mesmíssimo contrato da NOS e receberíamos por inteiro o respectivo valor anual, podendo pagar (gerir) a dívida aos Bancos. O certo é que, como disse acima, a amortização da dívida bancária à média de 20M de euros por ano (50% do contrato da NOS) é até vantajoso em relação ao custo do factoring - e isto sem renegociar o juro aos Bancos, o que parece evidente deveria ter sido feito por gestores de tanta categoria como os que temos na SAD... Portanto, e até que me convençam do contrário, esta decisão poderá ter tido como contrapartida a dívida de Vieira ao Novo Banco ter sido ou renegociada ou o seu pagamento suavizado com a liquidação da dívida do Benfica. Não insinuo nada, apenas me parece que a operação não traz grande vantagem financeira para o Benfica e nunca foi devidamente explicada.

      Eliminar
    3. Não deves estar informado ou não lês os jornais. Mete-me confusão quando se começa a especular.
      A dívida das empresas de Vieira não tem nada a ver com a dívida do Benfica. Foi negociada com outros intermediários e outro tipo de engenharia financeira. E está toda coberta por activos.

      Eliminar
    4. Caro José Andrade

      Fiz as mesmas contas do que o meu caro e para compensar a opção pelo factoring, na prespectiva do custo financeiro, o juro teria de ser, e era de facto superior a 6,1%, tendo por base o mencionado na página 135 do R&C de 2016/2017, Passo a citar: No decorrer do período, a taxa média dos empréstimos obtidos ascendeu a 6,06% (2015/2016: 6,48%). Ora se os empréstimos obrigacionistas tinham uma média de 4,33% de juro, nesse periodo, os bancários andariam por volta dos 8%.

      Por outro lado, o uso do factoring para liquidar a dívida bancária permitiu libertar as hipotecas e garantias apresentadas aos bancos.

      Saudações benfiquistas

      Eliminar
  21. Nos campeonato dos R&C já estamos em 1º destacados.

    Agora é reflectir isso dentro das 4 linhas.


    JVP

    ResponderEliminar
  22. Estou farto dos posts a bater no treinador quando vamos entrar na Jornada 9 (faltam 25 Jornadas), a um ponto do primeiro lugar e querem despedir o treinador. Vamos ver o que os nossos rivais vão conseguir com esta gestão em cima do joelho que aliás é aquela que por vezes é aqui apregoada como a correcta.

    Parabéns por mais um excelente post! Independentemente de como queiram ver os números (meio cheio, meio vazio, tretas!), algo é evidente: o Benfica não está assim tão mal como alguns dizem. É claro que o que interessa é o presente e o futuro. No presente, estamos a disputar as competições internas. Na UEFA, ainda estamos vivos e vamos ver o que resulta do próximo jogo. No futuro: aqueles que sempre têm criticado a falta de aposta na formação e falta de projecto e falta de gestão... acordem! Já está a acontecer. As apostas têm crescido de ano para ano, o que só demonstra que há um projecto e há gestão. Isto tudo não acontece por acaso, que o digam os nossos rivais! Que bem tentam e não conseguem replicar o modelo que o Benfica tem vindo a implementar e que está ainda em desenvolvimento.

    Se vamos ser campeões este ano? Espero bem que sim, mas uma coisa é certa: este ano e nos próximos o Benfica vai estar sempre na luta e mais perto de ganhar titulos (algo que FCP e SCP não podem afirmar com tanta certeza).

    ResponderEliminar
  23. Obrigado pela disponibilidade em fazer este trabalho de Benfiquismo, e ainda por cima ter de ler insultos.

    A performance desportiva deveria ser sempre reflexo da realidadeeconómica/financeira, e custa-me compreender como é que a nossa pujança financeira, que é publica e notória, não nos dá um boost competitivo em relação aos nossos principais rivais.

    Esta é, no fim, a beleza do desporto, é que nem sempre o dinheiro ganha jogos, mas a longo prazo não tenhamos duvidas que ajudam, e muito.

    Sem ser um expert, fico satisfeito porque a nossa situação económica permite que tenhamos meios para crescer desportivamente, investir em melhores meios para os nossos atletas, quer a nível humano quer de estruturas de treino, e outros.

    Que continuemos a, pelo menos nesta área, ter competência para crescer.

    É que o futuro está mesmo à porta, e parece-me que não só por isto, mas também pela nossa grande base de apoio social, somos o clube português mais bem preparado para integrar futuros modelos desportivos de elite - e mesmo assim com reservas, porque o futebol portugues como gerador de receitas está na 2ªa divisão europeia.

    E ja´agora, gostaria de saber se o Benfica Eagle tem conhecimento de algo relativo às novidades explosivas de que Vieira falou na entrevista à TVI, e que muitos supõem tratar-se do naming do Estádio da Luz.

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço e concordo no geral com o comentário.
      Quanto à entrevista de LFV, o contrato que falta renovar dos principais é o da adidas, que salvo erro tem validade actual até 2021. Espero que o valor duplique, já que Arsenal e Real Madrid andam a duplicar com a Adidas, e o Barcelona duplicou com a Nike.

      Quanto ao naming, já se fala há muitos anos e até agora.. nada.

      Cumprimentps

      Eliminar
    2. O Benfica nos ultimos 5 anos foi campeão 4 vezes. Quer mais "boost competitivo" que esse?

      Eliminar
    3. "custa-me compreender como é que a nossa pujança financeira, que é publica e notória, não nos dá um boost competitivo em relação aos nossos principais rivais."

      A sério? Não vês os jogos? Não vês os principais rivais a fugir de campo se for preciso, só para não perder? A pagar 780 mil ao adversário durante o intervalo ilegal mais longo da hist+oria do desporto mundial? Não vês o soares a empurrar um defesa e este entrar dentro da baliza com a bola e tudo e contar como golo? Não vês 2 jogadores do porto a chocarem um contrta o outro e dar penalti para o porto? Não vês os adversários a passar a bola aos avançados do porto? Não vêso var a desligar quando convém? Não vês o var a validar golos ilegais do porto? Não vês os adversários a poupar 8 titulares contra eles?

      Enfim...

      Eliminar
    4. E nos últimos 18?

      Indio

      Eliminar
    5. O que eu chamo um boost competitivo é o que acontece com o Juventus, vai a caminho de se tornar, dentro de 3 anos, o primeiro deca-campeão italiano.

      Tem uma estrutura financeira muito superior aos outros, e alvaancado nisso, criou uma maquina trituradora que até se deu ao luxo de despachar Higuain, um dos melhotes PL do mundo, para contratar Ronaldo, com vista a ganhar a CL.

      O Boost competitivo é criar uma superioridade evidente, o que infelizmente não acontece connosco, apesar de 4/5 nem ser bom, é optimo!

      Viva o Benfica!

      Eliminar
  24. Tremenda análise Eagle, parabéns pelo trabalho!

    ResponderEliminar
  25. Benfica Eagle no lugar de Domingos Soares Oliveira. JÁ.
    É um dos melhores apresentadores de quadros que algum dia conheci.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Domingos Soares Oliveira é um excelente gestor, e eu sou um mero adepto do Benfica :)

      Desde 2010 tenho concordado com a estratégia do Benfica... no entanto antes de 2010 discordei dessa estratégia e felizmente o Benfica tem seguido muitas das ideias que tenho defendido:
      - Valorização dos direitos televisivos + grupo de media Benfica
      - Modernização das casas do Benfica
      - Reconfiguração do Grupo Benfica (reavaliação da marca entre clube e SAD).
      - Recomposição dos capitais próprios da Benfica SAD.
      - Benfica Stars Fund até determinada altura e aumento do investimento no plantel
      - Aposta em jovens talentos mundiais + formação do Benfica
      etc.

      Neste momento só a questão do treinador e o Ranking da UEFA são questões de alerta.

      Eliminar
  26. Excelente análise, parabéns! O Benfica está no bom caminho, claramente sustentável. Não vamos ganhar sempre o campeonato, isso é impossível, mas se formos Campeões 8 em cada 10 anos ou algo do género já é uma hegemonia tremenda. É disso que os rivais têm medo, de o Benfica se tornar no PSG, Bayern ou Juventus do futebol português, em que por regra são campeões e, de vez em quando, lá escapa um campeonato. Talvez seja essa a causa dos ataques recentes...

    ResponderEliminar
  27. Parabéns, finalmente alguém que apresente factos e não apenas opiniões. O Benfica esta no bom caminho. Alguns nestes comentarios chamam a Lfv infiltrado. Pois que venham mais infiltrados destes... Parabéns pelo artigo!

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares