Curtas - Novo Blog Geração Benfica
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sexta-feira, 12 de outubro de 2018

Curtas

Avatar
 ●  + 102 comentários  ● 

- As contas do FC Porto comprovam aquilo que escrevemos vezes sem conta durante a temporada passada: ganhar o Penta seria também enviar para o abismo o maior inimigo da verdade desportiva em Portugal desde os anos 80.

Até hoje Luis Filipe Vieira não explica porque desinvestiu no plantel na temporada passada. 

A verdade é que com 2 ou 3 reforços de qualidade o SL Benfica seria pentacampeão.

- As 2 "senhoras" adeptas do FC Porto que se queixaram de revistas intrusivas e abusivas no Estádio da Luz deverão em breve ser indicadas pelo IPDJ para fiscalizarem as condições de revista aos adeptos do SL Benfica no Estádio do Dragão visto serem tão sensíveis e preocupadas com o abuso de poder/autoridade.

- João Tralhão estará de saída do SL Benfica para o Mónaco. Uma péssima notícia a muitos níveis. Mas estou certo que Pedro Mil Homens trará mais um lagarto "profissional e competente" para os quadros do SL Benfica.

- Como sempre defendemos no NGB, a lei 39/2009 não serve nem o futebol nem está de acordo com a constituição portuguesa.

No entanto, a nova lei que aí vem tem já os mesmos problemas de constitucionalidade que a lei que pretende substituir. Obrigar a registos adicionais ou sobrecarregar os clubes e os estádios com sectores e sub sectores é uma anormalidade escrita por gente que não conhece o futebol.

Cá estaremos para combater leis que não são para ser cumpridas. A 39/2009 parece que só serve para ser aplicada ao SL Benfica. A nova também.

102 comentários blogger

  1. És o único a referir que o Tralhão é uma grande perda. Conheço mt pouco o seu trabalho, mas pelos fóruns que acompanho todos referem que o Tralhão é um Vitória mas das camadas jovens.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não duvides que Tralhão é um Vitória! Basta ver o futebol apresentado nos sub23! Apesar de ir na frente! O que faz ir na frente é a qualidade da formação, e não os processos! pobre qualidade de jogo apresentado, e isso viu-se em jogos com o Sporting e o Rio Ave.
      O que seria uma enorme perda, isso sim, seria o Renato Paiva. A equipa, o ano passado, meteu 13 jogadores (e quase tudo titular) na Selecção, e não meteu mais (como por ex. o Alexandre Penetra, capitão, e talvez melhor defesa central da sua idade) porque foi um escândalo para os outros clubes levarmos tantos a mesma selecção. Renato Paiva tem qualidade e sabe o que faz.....bastou ver também o apuramento de campeão e a Alkass Cup, que não ganhamos(não fomos a final) por 2 erros incríveis do GR!

      Fica aqui a entrevista:

      https://tribunaexpresso.pt/no-banco-com-os-misters/2018-08-26-Renato-Paiva-o-treinador-que-tem-uma-panca-pelo-futebol-bonito--Os-resultadistas-vao-andar-todos-atras-de-mim-com-um-taco-de-basebol

      Eliminar
    2. Mas quem se chama Tralhão pode lá ser alguma cosia de jeito ? lol

      Eliminar
    3. Se é um vitoria , entao é muita bom !! la o Henry saberá , porque um Vitoria , ja ganhou 2 Campeonatos , ganhou a um porto com um Central com 45 min jogads e outro adaptado quando ficou com 10 , com um Seferovic que todos chamam de Cepo , com um Gabriel com 2 jogos apenas , e ainda com os RedPass Pizzi e Salvio . Que grande treinador , alem disso deve potencializar jogadres como ninguem tipo :

      Renato
      Lindelof
      Guedes
      Ruben Dias
      Gelson
      Ederson
      Nelson Semedo

      Ah ja sei o Nao treinador nao tem merito , quem tem é a formaçao do SLB, sacana do Vieira pá que anda a criar estes putos todos , graças ao Betão.

      Força Sport Lisboa e Benfica

      Eliminar
    4. Concordo que Renato Paiva é talvez o melhor treinador da formação, algo impossível de aferir ou garantir com toda a certeza, mas Tralhão não é tão mau como o pintam.
      Compará-lo a Rui Vitória é um elogio, mas esses que o criticam são tão burros que ainda não perceberam.

      Já trabalha na formação do Benfica há 8 anos e ainda não ouvi ninguém dizer mal dele a não ser alguns sabichões que se acham a última bolacha do pacote em termos de conhecimentos futeboleiros.
      A ignorância é muito atrevida.



      Eliminar
  2. Hoje era difícil dizer mal.. que cronica mais pobre, mas sempre se arranjou a saída do João Tralhão para meter mais uma bicada. :)

    ResponderEliminar
  3. João Tralhão péssima noticia??! mas brincamos?? de todos os mais famosos da formação é o pior.. de longe.

    Se ainda fosse o Renato Paiva. Além de mais é para uma equipa de sub 23, já estamos a falar de algo profissional. Não será dificil colocar alguém melhor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se sub 23 algo profissional??? Muitos deles nem na primeira liga vão jogar lol os sub 23 é apenas um escalão igual aos dos juniores com ano a mais ponto

      Eliminar
  4. Pior do que o PENTA, para o calor da noite, é mais um TETRA agora.

    ResponderEliminar
  5. O Porto tem maus resultados económicos e tu vens criticar o LFV?

    Que doenteeeeeeeeeeee

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É graças ao Vieira que não tem resultados muito piores...

      Eliminar
  6. Oh Shadows, tu a dares-lhe e a burra a fugir.
    O Benfica foi comido a época passada porque tem no banco um palerma que jogou para não perder o jogo decisivo na Luz contra o Porto.
    Se o Benfica tem vencido esse jogo, sagrar-se-ia campeão, não tenho qualquer dúvida.

    Quanto às contas do Porto, tanto se me dá, como se me deu.
    Não são contas do nosso rosário, nem problemas com os quais nos devamos preocupar.
    Até porque, como qualquer pessoa minimamente lúcida pode constatar, nenhum dos três grandes se pode rir do outro.

    As situações dos três grandes são preocupantes. E não importa a escala dessa preocupação.
    O que há são malabarismos contabilísticos que tentam fazer crer os mais fervorosos deste ou daquele clube que o nosso está muito melhor. Não é assim.

    Se as receitas baixarem, como tem acontecido, a situação de qualquer dos três fica aflitiva, mais do que já está.

    Quanto às claques ou grupos de adeptos organizados, como lhes queiram chamar, o que tenho a dizer é que tenho saudades do tempo em que nada disso havia e quem ia ao futebol fazia-o porque gostava da modalidade e puxava pelo seu clube, sem ofender nem provocar ninguém.

    Hoje muitas vezes quando olho para os sectores onde estão esses "grupos de adeptos organizados" o que vejo é muitos/as deles/as de costas viradas para o relvado, entretidos com 1001 coisas menos com o que se está a passar no campo.

    Mas parece que é agora um modo de vida, ser-se de uma claque ou chefe delas.
    Que o diga Madureira, um zé ninguém sem ofício, mas com imenso benefício.
    E com um património que, tomaram muitos capitalistas, ostentá-lo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Benfica não ganhou pq ficou sem o Jonas e sem o Krovinovic no final da epóca. Se não tinha ganho mesmo com invasões de campo no estoril.

      Eliminar
    2. És tu Jotape? heheh

      Eliminar
    3. As contas não são todas iguais. Isso é conversa da treta.
      Avaliem-se ao detalhe os custos e proveitos operacionais de cada um. Os pressupostos para as projeções de receitas (no Porto, pressupõem a passagem aos oitavos. Sem isso, é o fim).
      Avalie-se a tendencia dos últimos anos, ao invés de um exercício em particular.
      Avalie-se a dificuldade (impossibilidade!) de renovar com os atletas, em particular no FCP.
      E acabe-se olhando para quem detém, efetivamente, os passes dos jogadores - se o clube, ou outros.

      Ao “pormenor”, há diferenças enormes na sustentabilidade das operações dos 3 grandes, mantendo a competitividade atual.

      Eliminar
    4. Os custos operacionais dos três grandes andam perto dos 100 milhões/ano.
      Não custa entender a razão da guerra que se instalou no futebol em Portugal, com o desespero por alcançar o 1º lugar que dá acesso directo aos tais 40 milhões por entrada directa na Champions.
      Mas atenção, o desenho das principais competições da UEFA vai mudar em breve e caso as coisas se alterem, os três grandes portugueses cairão irreversivelmente na II divisão do futebol europeu, com receitas mixurucas e sem expressão orçamental.
      O problema em Portugal é que se olha muito para o imediato, para o que vem daqui a 1 mês e não se trabalha tendo em vista o médio/longo prazo.
      Mas também é verdade que só uma escassíssima minoria consegue "ler" um R&C.
      Os clubes têm uns papagaios que falam para a populaça, dizendo-lhes que se vive num mar de rosas, mas depois, aos jornais de especialidade, lá vão assumindo que as coisas estão feias.

      Eliminar
    5. Queres juntar tudo no mesmo saco, como os pseudo-jornalistas deste país, mas esquece lá isso....
      porto e sporting vão fazer o caminho das pedras nos próximos anos. Temos pena. Só se perdem as que caiem no chão.

      Eliminar
    6. Os custos operacionais por si não têm qualquer significado, muito menos quando se adicionam. É como dizer que um automóvel é composto por 10.000 peças. E depois? O que significa isso?

      Esses valores têm de se colocar em relação a outros valores. Por exemplo, aos proveitos operacionais. Com isso obtemos um resultado operacional que nos diz alguma coisa sobre o que se passa nesse clube. Mas só nesse. Adicionar os resultados operacionais de vários clubes significa zero!!

      Eliminar
  7. Sim, ter investido no ano passado teria evitado provavelmente a perda do penta. Mas poria as contas do Benfica no vermelho. Depois de tantas vendas, isso seria difícil de explicar.
    Ao contrário de tantas manifestações de alegria nos comentários de muitos benfiquistas ao post das contas dos rivais, não veja nada na situação financeira do Benfica que me deixe alegre. E não me alegram as desgraças de Porto e Sporting. Quero lá saber! Deveríamos olhar era para os outros grandes da Europa, que são os nossos pares. Mas aí ...
    Depois de ver ontem, no jogo da selecção, as exibições do Cancelo, do Renato, do Bernardo Silva e de pensar no valor e dimensão extra que trariam ao nosso Benfica, fiquei naturalmente triste. Poderiam estar a jogar no nosso Clube e não estão.
    Afinal, quase oitocentos milhões de euros depois, e de tanto talento vendido (desperdiçado) o Benfica está na mesma situação financeira de 2010. Continua com um passivo praticamente igual, encargos anuais de juros na ordem dos 20 milhões, e sem estádio, que agora pertence à SAD (que só é 62% do Benfica ...). Para acrescer, antecipámos as receitas televisivas até 2020, o que quer dizer que não as teremos nos próximos anos. E já nem adiciono o passivo do SLB, que manda a coisa para os 550 milhões de passivo. Há alguma coisa de positivo nisto?
    Mais preocupado fiquei com a entrevista de hoje do DSO, com a sua afirmação de manter a política actual por dez anos ...! Mais do mesmo: vender talento e comprar desperdício em barda, com muito dinheiro de comissões para os amigos!
    Deliciosa é a parte do treinador ideal para o projecto e a associação a Rui Vitória. Seria hilariante, se não fosse tão triste no significado que implica (na aposta nos jovens para vender ...). Este sim, um tema que deveria ser discutido pelos benfiquistas.
    Mas já sei que a vitória ao Porto e as contas dos rivais fazem parecer que estamos no top do futebol europeu ...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Leo Jardim encaixava neste projeto como uma luva !! O RV definitivamente NÃO.

      Eliminar
    2. Mais titulos mais encaixe financeiro! e imagina agora o foculporto a ir à 3ª pré-eliminatória e ao play-off de acesso à champions e só no fim de agosto saber que tinha 45M para receber.
      Queres perceber???

      Eliminar
    3. Gostei do comentário. Penso que pelo facto fo Benfica ter ficado em segundo lugar e ter disputado duas pré eliminatórias de acesso a champions valeram mais receitas do que o primeiro lugar. Claro que ser campeão é mais prestigiante além de que elimina o risco de se puder ficar pelo caminho.
      Em relação aos jogadores vendidos numa fase precoce penso que não é claro que ficando por cá pudessem evoluir tanto, principalmente com o treinador que temos

      Eliminar
    4. A trajetória do Benfica revela uma estratégia perfeitamente definida e com resultados visíveis.
      Sobre os juros está equivocado, pois o Benfica já reduziu o endividamento e no presente exercício esses custos serão cerca de 10M. Aliás a totalidade dos custos financeiros foram em 2017-18 cerca de 18M.

      Eliminar
    5. Caro Pedro Rodrigues,

      Veja a média de juros pagos pelo Benfica nos últimos 5/6 anos e verá que é superior a 20M, o número que lancei.
      O meu ponto é que depois de 800 milhões de vendas (mais coisa menos coisa) o nosso passivo está praticamente igual a 2010. E tivemos de antecipar receitas futuras!
      Poderia agora trazer mais argumentos, mas penso que não vale a pena. O falhanço da estratégia financeira de LFB e DSO é bem evidente e só não vê quem não quer. Já nem o Estádio é nosso (pertence à SAD a 100%).
      O que não está igual é a qualidade da equipa: compare a de 2010 com a de agora.
      Em declarações de hoje LFV diz que está a preparar o Clube para vencer a LC. Tenho memória suficiente para afirmações semelhantes ao longo dos anos.
      Gostava de poder defender a política de LFV e DSO, mas ela é um insulto à inteligência dos benfiquistas que gostam de ver para lá da classificação actual da Liga de futebol.

      Eliminar
    6. Ó josé vieira, vai lá dar palha pa outro lado pá. Btv, seixal, o centro desportivo, as lojas, deve nascer tudo nas árvores lol Olhas para os outros 2 e não têm nadaaaa!! Nadaa!! Temos as melhores finanças e o maior património de longeeee! Mais que os outros 2 juntos.

      Eliminar
  8. Deixai o Tralhao ir a sua vida ... Fraquinho com a qualidade que sempre teve ao seu dispor .

    Wey

    ResponderEliminar
  9. A violência, o racismo, a xenofobia e a intolerância não se combatem com leis, mas com civismo, educação cívica ministrada aos cidadãos, desde a infância.
    Toda essa praga que invadiu os recintos desportivos, resultam da desintegração (cada vez maior) de muitos indivíduos.

    Quem não tem na vida outro interesse que não seja o seu clube de eleição, já sabemos o que esperar desse tipo de pessoas.

    ResponderEliminar
  10. Rui Benfiquista12 outubro, 2018 14:25

    Shadows, Concordo contigo e não percebo o desinvestimento, e isso deixa-me curioso da razão, até porque és transversal a Direcção, o pk de nao investir.
    As senhoras a sabemos o que ê...desviar atenções....terça feira nem falaram na derrota.
    O Tralhao nao tem culpa, deve ser um contrato de muito dinheiro, temos de substituir, desta vez vai ser Homem da casa..penso eu de que!!!
    Quanto a nova lei, nao percebo nada, mas ja ouvi o Fanha a falar dela...e diz o mesmo que tu...mas que o Benfica cá estará para se defender...palavras dele.

    ResponderEliminar
  11. Em Portugal uma boa parte das pessoas não gosta de futebol, mas sim do seu clube.
    Vão aos estádios, não para ver futebol, mas para prestar culto ao seu clube do coração.
    A maior parte das pessoas nem as leis mais elementares do futebol conhece.
    Perguntem-lhes o que é um fora de jogo, a diferença entre livre directo e indirecto, qual o tamanho e peso de uma bola de futebol, as medidas de um campo, qual a distância que vai entre a marca de grande penalidade e a linha de baliza, quais as dimensões de uma baliza...
    Há quem lá vá apenas para insultar, provocar, fazer desacatos, espalhar pânico e terror, agredir.
    Neste estado de coisas apenas uma medida seria urgente adoptar : PUNIÇÃO EXEMPLAR dos desordeiros.
    Foi o que se fz em Inglaterra (pelo menos) com os resultados que se conhecem : hoje os estádios ingleses são sítios seguros, onde pessoas e famílias se divertem descontraidamente sem receio de apanhar com uma garrafa na cabeça ou pior ainda, com algum artefacto pirotecnico.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em portugal não fazem o mesmo porque o calor da noite sem o bando de macacos perde 90% da força, no scp igual. O Benfica é o único dos 3 que nunca usou as claques como braço direito.

      Eliminar
    2. E verdade que o no name estão legalizados e não são os pseudós suporter benfiquistas que mataram o suporter italiano.
      Também não acharam drogas e armas no recinto dos no name....

      Eliminar
  12. O penta não garantia que o FCP não conseguisse passagem nos playoffs. Aí sim, seria o fim do Contumilense!

    ResponderEliminar
  13. Shadows faltou referir nas curtas k ontem tivemos 3 internacionais a que jogaram muito bem, o Pizzi, o Rúben e o Rafa... E mais uns quantos na sub 21.. O Cervi esteve tambem bem na seleção Argentina, onde também jogou o Salvio... Acho k isto não pode ser esquecido, pois até bem à pouco tempo ninguém dos nossos ia à selecção
    Filipe Cunha

    ResponderEliminar
  14. Caro Shadows

    O maior inimigo da verdade desportiva ? Mas qual deles? E que conheço mais que um. Quem estiver 100% limpo que atire a primeira pedra. O SLB certamente não atiraria.

    LUTEMOS TAMBÉM PELA VERDADE COMENTARISTA.

    ResponderEliminar
  15. 1º: ponto, a limpeza dos recintos desportivos começa com a saída de gente corrupta que teima em minar tudo a sua volta, mas esta gente sao como lapas estao agarradas de tal maneira ao tacho que nao largam o tal de tacho.

    ResponderEliminar
  16. Desde que nao levem o Paiva - esse sim vai dar grande treinador
    Ze

    ResponderEliminar
  17. A saída do Tralhão uma má noticia...
    Ok, quando é para dizer mal, algo serve!
    Menos, ok?!

    ResponderEliminar
  18. Quem manda no Mónaco ?
    Ou melhor, quem é o agente que tem muito poder no Mónaco ?
    É que não estou a ver o Henry a lembrar-se do Tralhão para seu adjunto :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Conheceram-se e estiverem os dois num curso de treinador da UEFA em Inglaterra. Não fales do que desconheces.

      Eliminar
    2. Ah, compreendo, uma espécie de amizade facebookiana :-) :-)
      Bastou ao Henry 5 minutos de conversa num intervalo de um curso, para descobrir o enorme potencial do Tralhão e recrutá-lo para seu adjunto. :-)

      Eliminar
    3. Compreendo. O Tralhão e o Henry são amigos no facebook, trocaram vídeos de gatinhos e frases da CIFRAS, marcaram um encontro, beberam um cafezinho e o francês ficou deslumbrado com a competência do Tralhão.
      Hoje é tudo à la minute :-)

      Eliminar
    4. Não, ignorante, o curso durou 2 anos, era o último nível do curso de treinadores da UEFA. Outro ignorante a armar-se em burro.

      Eliminar
    5. Que grande inveja vai nesse cabeção. Deixa lá o tralhão e preocupa-te com a tua casota.

      Eliminar
    6. Deixa de ser ingénuo. Toda a gente minimamente informada sabe que o Mónaco é do Mendes.
      Faz lá as contas e vê quantos tugas o Mendes já "empregou" no Mónaco.
      Já vem desde o Costinha.
      Queres ver que o Henry não tem amigos franceses que preferia ter como adjuntos a esse tal Tralhão ???!!!
      Ou serás tu intermediário no negócio e também levas algum ?

      Eliminar
    7. sem dúvida que a ida do tralhão para o mónaco tem influencia do agente (não sei quem é).
      todos sabemos que hoje os treinadores, uma das imposições que fazem, é fazerem-se acompanhar de pessoas da sua inteira confiança e que já os acompanham há algum tempo.
      a menos que o th seja amigo do tralhão há muito tempo, o que estranho, pois o tralhão nunca foi jogador a sério nem treinador com palmarés

      Eliminar
    8. Toda a gente sabe que o Mónaco é do milionário russo. É este que manda! Terá sido o Mendes que pediu para despedirem o Jardim?
      E o que tem o facto do Mendes ter tido alguns jogadores seus no Mónaco e a alegada escolha do Tralhão para assistente do Henry?
      Afinal tu não és burro, já passaste essa fase a caminho da ETAR!

      Eliminar
    9. Se estivesses assim tão certo do que dizes, não recorrias ao insulto. :-)
      O Jardim foi vítima dos maus resultados e o milionário russo limita-se a pôr lá o dinheiro, delegando no Mendes ou noutro agente qualquer) a formação do plantel e da equipa técnica.
      Não será de todo inocente essa tua obstinação em defender o indefensável, recorrendo ainda por cima ao insulto :-)
      Em suma, estou perante mais um herói do teclado, um valentão, um bravo :-) :-)
      Se responderes, fa-lo sem insultar, olha que serás bem mais homenzinho e convincente :-)

      Eliminar
    10. Ó anónimo das 22:04, serás tu o...Tralhão ? lol
      É notável o teu empenho em defenderes o Tralhão :-) :-) :-)
      Ou és o Tralhão ou intermediaste o negócio :-)

      Eliminar
    11. Fico por aqui ó anónimo das 22:04, pois não me quero sentir culpado de um eventual AVC que te dê.
      Credo, tanta raiva , ódio e azedume.
      Corre-te mal a vida ? lol

      Eliminar
  19. Não entendo o alcance da notícia que hoje circula e que dá o Benfica como interessado na contratação de Leonardo Jardim.
    A menos que haja um propósito de desestabilizar Rui Vitória, já de si tão desestabilizado e irritado esta época.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso deve ser para destabilizar. LJ vai parar e vai tirar vários meses de férias.

      Eliminar
    2. Realmente, a vitória contra o Porto deve te-lo desestabilizado muito.

      Eliminar
  20. Coloquemos RV a gerir o Seixal e vamos buscar um treinador top para o plantel principal.

    ResponderEliminar
  21. Não percebo a preocupação com o betão do Seixal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como não têm razão, nem coragem, para criticar os activos intangíveis, criticam os activos tangíveis, sem os quais os intangíveis não existiam. Mas isso já é demasiado areia para a sua (dele) camioneta.

      Eliminar
  22. A continua conversa do "desinvestimento", mas ao mesmo tempo quer-se uma equipa com jovens portugueses na equipa A e selecção. Enfim, as contradições usuais.

    Mesmo "com desinvestimento" o Benfica só não foi campeão porque houve um árbitro que não viu um penalti sobre o Zivkovic no ultimo minuto do jogo do título. O Benfica só não foi campeão porque o Krovinovic e o Jonas se lesionaram no final da época. Senão... teria havido penta.

    Seja como for, não tendo muito para criticar depois de duas grandes vitórias da equipa... Tem de se inventar mais um bocadinho e vai-se buscar o Tralhão... um treinador banal. Criticar alguém por algo que ainda não fez é hilariante. Quem colocou o Tralhão nos sub-23? O mesmo que agora criticas porque vai meter alguém que à partida tu não vais gostar porque vai ser escolhido por alguém que não gostas. Seja ele quem for.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O benfica não foi penta porque o pizzi fez um ano em sub rendimento por excesso de carga física. Se tivesse feito um ano como os anteriores teríamos ganho o campeonato mesmo sem jonas e sem krovinovic. Julgo até que se está a appstar demais no krovinovic que sendo excelente jogador ainda não jogou o suficiente para podermos avaliar o seu verdadeiro impacto no futebol do Benfica.

      Eliminar
    2. e continua a conversa de não perceber ou de não querer perceber que porque as lesões são uma recorrência à muitos anos, e continuam, sem que se resolva o problema temos de ter um plantel que consiga tapar esses problemas e o ano passado não tínhamos.

      Eliminar
    3. Se, se, se, se, se, se???? Onde se joga esse campeonato?? Parece ser fixe....

      Eliminar
  23. Alerta Vermelho12 outubro, 2018 17:32

    O calor da noite, arranjou as Sras queixosas, para desviar a atenção da derrota, e dos resultados financeiros. A aposta em fake news continua, e não querem de forma alguma perder o balanço!
    A saída do Tralhão, apenas peca por tardia, não deixa de ser no entanto, uma decisão acertada, por parte da direcção.

    ResponderEliminar
  24. O que é que se passa com o By GB, de quem não vejo artigos há algum tempo? BAM

    ResponderEliminar
  25. Calculo que muitos me cairão em cima, mas tomara eu que o campeonato em Portugal fosse disputado por 5 ou 6 clubes pujantes e cheios de saúde financeira, ou melhor, com o endividamento controlado.
    Não acho que a solução passe por desejar a "morte" e o estrangulamento dos nossos principais rivais.
    É por termos um campeonato miserável em termos competitivos que depois nas provas da UEFA damos as barracadas que damos.

    Tomemos como exemplo o que está a ser discutido na Holanda, em que os grandes do futebol holandês estão a equacionar a hipótese de parte das suas receitas europeias serem distribuídas pelos clubes de menor dimensão.

    A Liga portuguesa é cada vez mais desequilibrada, abundam as goleadas, há clubes com ordenados em atraso, jogos com 300 ou 400 espectadores, para bocejar e até adormecer.

    Não me interessa ser campeão contra Feirenses, Marítimos, Paços de Ferreiras e afins, esmagando-os com goleadas impiedosas, se depois me vejo à rasca e até sou por vezes humilhado contra os mija nas escadas da Europa.

    O Futebol português, tal como está, cairá seguramente num abismo (se é que já lá não está) de onde dificilmente sairá.

    Se continuarmos na conversa da treta de que "a minha pila é maior que a tua", quando formos pelo comboio, já ele irá bem longe e impossível de apanhar.

    Mas como País periférico, também os nossos clubes, mesmo os maiores, serão periféricos. Não tenhamos dúvidas.

    Os colossos do futebol europeu actual são oriundos de grandes Países, onde há massa crítica (riqueza a circular, pessoas com poder de compra e capacidade de gerar receitas).

    Por cá, a nossa sina será a de rapar o tacho, na expectativa de que sobre dos grandes alguma coisita.
    Mesmo na Europa, o Benfica já não seduz por aí além.
    Contra o AEK em Atenas por exemplo, nem meia lotação registou.
    O nosso problema será sempre o de escassez de recursos.
    Que interessa termos 6 milhões de adeptos, se nem 100.000 (cem mil) camisolas (oficiais e réplicas) vendemos ?
    As nossas paixões são baratinhas, investimos pouco. Mas cobramos imenso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alerta Vermelho12 outubro, 2018 18:52

      Discordo de si em alguns pontos, o que não significa que ao fazer reparos ao seu comentário, lhe esteja a cair rm cima, como você diz. Comecemos então:
      " Não acho que a solução passe por desejar a "morte" e o estrangulamento dos nossos principais rivais."
      Além de muito ético, também é politicamente correcto, mas a verdade é que estamos a lidar com talibãs. Eles caso pudessem, destruir-nos-iam, no mesmo instante. Basta ver a cabala que organizaram, e que vem sendo desmontada paulatinamente. Ser condescendente, com gente que não olha a meios para atingir fins, não é para mim. Na teologia cristã, é que Jesus, ensina a dar a outra face, agora aqui, é mais dente por dente, olho por olho! O PDC, agora também veio recentemente, apelar a um clima de paz, agora que as coisas lhe fogem das mãos, e a viola começa a ser metida dentro do saco quer paz!
      No que diz respeito à competitividade, e ao facto de Portugal ser um país periférico, recordo que o BENFICA, já se sagrou bi campeão Europeu, neste mesmo país periférico, e ainda por cima existiam campos pelados no campeonato da I divisão. Apesar do paradigma ter sido algo alterado com a lei Bosman, ainda assim, não compro essa conversa. Se cada vez que o BENFICA tiver um jogador que se destaque, o próprio presidente da direcção, vá a correr ao encontro dos presidentes dos outro clubes para lho vender, nunca teremos uma equipa competitiva na Europa. Nem é tanto por necessidade que o faz, mas sim, para que ele, e mais alguns, estejam constantemente a "mamar" comissões. Não exite é vontade nenhuma de sair de tal registo, o que se torna incompatível com o desejo de transformar o BENFICA, numa marca forte. Como é que o BENFICA, se vai transformar numa marca mais forte, se tiver uma equipa que seja fraca na CHAMPIONS?
      A direcção sonha, através do Seixal, produzir jogadore, como uma linha de produção industrial produz pastéis de nata! Quem goste, e parceba de futebol, sabe que cada jogador é único e irrepetível, além de que, andar todos os defesos a colmatar várias saídas, faz com que a equipa nunca tenha uma consolidação por aí além. LFV, não entende nada de futebol, nem entenderia, por um século que fosse presidente do BENFICA. Só lhe interessam os negócios, mas ainda assim, com tanta "genialidade", o passivo não baixa por aí além, apesar da propaganda!

      Eliminar
    2. "A Liga portuguesa é cada vez mais desequilibrada, abundam as goleadas"
      - realmente, aquele 4-2 em Portimão, legítima o teu ponto de vista. Assim como o Benfica em Chaves, e o Guimarães no Dragão.

      Eliminar
    3. Tens toda a razão. Neste momento face ao que aconteceu não vejo como pode o Benfica fazer pactos com Sporting ou Porto. Agora que temos uma liga fraquinha disso não ha duvidas e o Benfica tem muita responsabilidade no que se está a passar. Por exemplo, não entendo o porquê de ir comprar jogadores que nunca vao vestir a camisola do clube para depois os emprestar a outros clubes. Isso é uma forma de enfraquecer os planteis

      Eliminar
    4. É por ser uma liga desequilibrada que com o enfraquecimento dos 2 dragartos, que nos últimos anos apenas têm estragada o ambiente desportivo com corrupção e tráfico de influências conhecido de todos, o futebol em Portugal irá tornar-se mais forte.
      Semelhante ao que se passa no futebol alemão, francês ou italiano, onde há um dominante e outros muitos fortes e que se tornam cada vez mais fortes.

      Eliminar
    5. Caro anónimo.
      O que está a acontecer na Liga Holandesa não tem qualquer comparação com a realidade portuguesa.
      Uma leitura atenta dessa notícia revelaria que há uma contrapartida para a distribuição do dinheiro: a construção de relvados naturais, para substituir os sintéticos em que muitas das equipas da primeira divisão holandesa ainda utilizam!
      Não é mero desportivismo. Há uma contrapartida, sobre a qual assenta a vontade dos “grandes” holandeses.
      Em Portugal, nenhum clube de primeira, por mau que seja, utiliza um relvado sintético.
      O fosso entre os “grandes” holandeses e as restantes equipas é...ainda maior que o que se vive cá! O interesse dos clubes mais fortes é legítimo.

      Não obstante, a ideia da distribuição das receitas UEFA é interessante. Uma liga portuguesa mais forte resultaria em melhores espetáculos.
      Mas apenas a defendo se for a UEFA aplicá-la de forma global, à escala europeia - distribuindo o dinheiro ganho pelas ligas mais fracas e equipas mais fracas (exemplo: o que faz a Liga Inglesa para as equipas que sobem de escalão).

      De outra forma - aplicando-se localmente, conforme as vontades nacionais - também o fosso entre os grandes portugueses e os colossos europeus continuaria a aumentar... e não é aqui neste mesmo blog que tanto se defende o regresso do Benfica à vitórias europeias!?

      É um bom tema sobre o qual gostaria de saber a opinião de... RGS, agora que se perfila, formalmente, como candidato à liderança do Benfica.

      Eliminar
    6. O cancro do futebol tuga é a FPF, LIGA,e os piores são os agentes que trabalham para o futebol os presidentes que não pescam nada disto só querem é mamar seja ele qual club for ainda não vi algum presidente a queixar da sua vida privada mas no que toca aos clubes ui andam TODOS a MORRER o que é muito triste mas OK é o que temos.. Quando joga o 1. Contra o 2 e o futebol apresentado pelas duas equipas é péssimo que envorganha quem realmente gosta do futebol, pior ainda a haver programas de TV com as pessoas mais estúpidas deste país basta ver vida privada deles foi sempre um fracasso e agora são experts de futebol lol e de rir
      É para ser sincero pouco o nada vejo futebol tuga, vou vendo o Benfica é já chega..

      Eliminar
    7. " basta ver vida privada deles foi sempre um fracasso e agora são experts de futebol lol e de rir"

      Não acredito que este gajo jogue cartas com o baralho todo ...

      Eliminar
  26. A defender Tralhao estragaste tudo Shadows! Nota-se que nao deves acompanhar muito a formacao para dizeres isso.... Qual é tua panca com o Mil Homens???? Dizem todos até os lagartos que ele é benfiquista e socio de longa duracao.

    ResponderEliminar
  27. Ó Shadows, que merda de protocolo é este com a praça de touros do campo grande? O Benfica não sabe que tem milhões de adeptos e milhares de sócios que são contra a prática de actos sádicos contra animais?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O único local onde existem touradas no campo grande é na cagadeira de Alvalidl, porque touros a sério é na Praça do Campo Pequeno :)

      Eliminar
  28. Shadows, o Pedro Mil Homens é benfiquista!! Porque falas das coisas sem saber? Digo-te isto porque conheço várias pessoas que o conhecem e me disseram que ele sempre foi benfiquista. Ou será que acreditas que se converteu ao Sporting só por ter trabalhado lá? É um profissional. Cumprimentos,
    Sérgio

    ResponderEliminar
  29. O nao investimento na equipa professional de futebol foi o maior motivo da nao conquista do Penta apesar dos ataques vis dos azuis verdes fora do campo e de algumas Mas descisoes do Nosso Treinador Rui V estou 100% convicto de com investimento em 2 ou 3 jogadores o Benfica teria sido Campeao havia dinheiro para o fazer e para abater o passivo pena o J Tralhao Saira pela porta grande MAS acho que conseguimos alguem tao ou Mais qualificado para os sub 23

    Carrega Benfica

    Este e o ano da reconquista

    Red 1

    ResponderEliminar
  30. E o passivo do Benfica não se fala?

    ResponderEliminar
  31. Comentários repletos de ódio, intolerância e ordinarice.
    Custa alguma coisa moderar o blog, de modo a que insultos, grosserias e outras alarvidades não sejam publicadas ?
    Será que as pessoas não conseguem discordar sem recorrer ao insulto barato, quiçá cobarde ?
    Há por aqui quem não comente os post's, mas tão somente insulte de forma gratuita quem pensa de forma diferente deles.
    A credibilidade de um blog também se mede pela qualidade das prestações das pessoas.
    Dando uma olhadela pelos blog's, percebemos que se trata de uma amostra, razoavelmente bem conseguida, daquilo que depois vemos e ouvimos nos estádios.
    O insulto, seja em que circunstâncias for produzido, diz muito mais acerca de quem o profere do que propriamente do destinatário que se pretende ofender.
    As vidas frustrantes de muitas pessoas, não justificam o aproveitamento de um espaço público para destilarem toda a sua verborreia fedorenta e patética.
    Provavelmente este comentário não será publicado, mas ao menos pode ser que os administrador(es) fiquem sensibilizados para a necessidade de filtrarem alguns comentários, alguns deles nada acrescentam à discussão das temáticas, bem pelo contrário, mal escritos e com insultos despropositados.
    Razão ? Pensa diferente de mim, logo insulto-o.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. totalmente de acordo.
      na vida real se fizerem o que aqui fazem partem-lhes a cara e têm problemas com a justiça.
      mas aqui, são os heróis do teclado, os rambos do teclado.
      mas é bom que saibam que isto começa a ficar feio
      é bom que os cagaços recentes de alguns blog's possam disciplinar mais a utilização destes espaços
      há gente que não conhece outra linguagem que não a do ódio e da intolerância

      Eliminar
  32. O Tralhao já nem devia cá estar esta época Shadows. Lage, Paiva e Nascimento são muito bons, Tralhao não é nada disso.

    Culpo-o diretamente a ele pela segunda final perdida da Youth League (contra o Salzburgo) onde só a sua inépcia (um pouco como Vitória o ano passado no clássico da Luz) permitiu que se virasse um 1-0 para 1-2.

    Do lado do Salzburgo estava um técnico que hoje dá cartas no futebol sénior.

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Contra os cavalões do Salzburgo só alguém muito ignorante ou que não viu o jogo podia dizer que o Benfica teria alguma possibilidade de ganhar. Ainda antes do jogo começar eu vi que iríamos perder. E não é preciso sermos especialistas de futebol.
      Se lá estivesse o Paiva ou o Lage perdíamos na mesma.

      Eliminar
    2. Anónimo além de burro és parvo viste o jogo??? O Benfica foi melhor que o Salzburg o Problem foi os últimos 25 minutos não tiveram mais andamento mas esse é o mal do Benfica e dos treinadores da formação em todos escalões quando apanhas equipas melhor fisicamente o Benfica perde..
      Vocês acham mesmo que o miúdo Tiago Dantas tem físico para jogar com profissional??? Se for para anda tipo Rochinha do Boavista que era um crack e depois?? Olha outro explo Diogo Gonçalves quando jogo para Champions contra o Manu ele parecia um peso pluma olha o médio que Mourinho lançou vez a diferença está mesmo aí não chega ter bom toque de bola...
      Mas sim a culpa foi do Tralhao....

      Eliminar
    3. Francisco Rocha14 outubro, 2018 04:16

      Tiago, és aquele user que está sempre a escrever sobre força física e que parece pensar que isso é tudo o que importa no futebol? Se sim, fica sabendo que a resposta é... NÃO. Até posso dar o exemplo do Barcelona do Pep Guardiola, onde todos os jogadores eram baixinhos excepto talvez o Piqué e o Busquets (e esses não são muito fortes ou rápidos). O físico não importa se o treinador tiver uma estratégia que tire proveito das características dos jogadores.

      O problema do Benfica não são os jogadores ou o físico dos mesmos, o problema é do treinador que não faz a mínima ideia do que fazer com a equipa.

      Eliminar
  33. Cancelo, Rúben Dias, Mário Rui, Pizzi, Bernardo, Rafa, Danilo, Hélder Costa, Renato Sanches...

    Assim fica difícil bater no betão e no trabalho miserável que o Hélder deixou, mas vamos bater no LFV se Tralhão sair.

    Ainda vos ouviria chorar as pedras da calçada por RV se LFV o despedisse.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mário rui é formação do sporting e Danilo apenas passou pelo Benfica um ano.

      Eliminar
    2. Francisco Rocha14 outubro, 2018 04:17

      Só um louco choraria por Rui Vitória.

      Eliminar
    3. Mario Rui formaçao benfica, Nunca passou no SCP, e o Danilo deu para ser um dos mmelhores jogadores do mundial a par de Nelson Oliveira.

      Eliminar
  34. o problema até nem acho que seja a saída do tralhão mas sim quem o substitui.

    mas sobre as leis, esta e a que vem ai, serão sempre um problema se nada fizermos para que elas sejam considerada inconstitucionais e se ficarmos quietos à espera que elas desapareçam por si próprias.

    ResponderEliminar
  35. o Vieira não explica nem tem que explicar!
    não tem porque é claro o porquê!
    não se pagou a dívida bancária toda ou quase toda? então...
    agora se me perguntares se o pagamento dessa dívida por parte do Benfica em Março tem alguma coisa a ver com a reestruturação da dívida pessoal do senhor presidente em Janeiro e pelos mesmos bancos eh pá, não sei...

    ResponderEliminar
  36. Parabens so tens 390 milhoes de passivo em vez de 460. Respiras saude financeira...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Saude não.. mas pelo menos respira sozinho. Os outros já estão ligados à máquina!

      Eliminar
    2. Desses passivos, o Porto tem 280M de empréstimos bancários e obrigacionistas, um aumento de apenas 90M num ano, enquanto Benfica tem apenas 160M, uma diminuição de 110M num ano.
      É que é quase a mesma coisa!!
      Não estão apenas ligados à maquina, já estão mesmo a caminho da morgue!! Mas respiram saúde!!

      Eliminar
    3. Era!
      Avalia Saúde financeira em função do valor do passivo?
      Não diga mais. Está apresentado, meu caro.

      Eliminar
  37. O QUE ESTÁ A ACONTECER AO MÓNACO
    É QUE VENDE OS MELHORES JOGADORES E NÃO OS SUBSTITUI COM CRITÉRIO!

    Este caso de apagamento que está a acontecer com o Mónaco, a que nem Leonardo Jardim escapou, é um bom exemplo de comparação e de alerta para o Benfica, quando teimosamente LFV levou por diante uma política de desinvestimento, com as consequências nefastas que se seguiram, com a perda indesculpável do pentacampeonato, que estava ali mesmo à mão e se deixou fugir.
    A Leonardo Jardim sucedeu agora o mesmo que a Rui Vitória a época passada. Sem ovos de qualidade não se fazem omeletes, por muita capacidade que tenha o chef cozinheiro de serviço. Quem no caso do Benfica vendeu jogadores como Ederson, Nélson Semedo, Lindelof, Mitroglou, e no caso do Mónaco, que perdeu Bernardo Silva, Fabinho, Mbapé, Lemar, Martial, Mendy, Bakayoko, estavam à espera de quê? De Milagres do tipo da multiplicação dos pães?
    Tanto num caso como noutro, Benfica e Mónaco venderam, tinham e têm dinheiro para investir mas preferiram não o fazer, e se no caso dos encarnados, ainda assim, deu para ficar em segundo lugar (com muita sorte, diga-se), no caso dos monegascos, a disputar um campeonato mais competitivo que o nosso, podem vir até a correr sérios riscos, como as coisas estão, de descer de divisão, o que seria uma tragédia difícil de aceitar, depois das excelentes campanhas que a equipa de Leonardo Jardim fez no campeonato, sendo inclusive campeão, e na Champions League, com exibições de alto nível e resultados surpreendentes, chegando mesmo às meias-finais em 2016/17.
    A irresponsabilidade da gestão de Dmitry Rybolovlev e de LFV têm o mesmo paralelismo, e nestas coisas todos sabemos quem acaba por pagar a factura, optando-se sempre pela solução mais fácil mas nunca por aquela que possa resolver de fundo todos os problemas.
    Assim como o Benfica que perdeu o campeonato e esteve em vias de nem à ir Champions League, com os custos adicionais que isso acarretaria no futuro, também o Mónaco, sucumbindo no campeonato e no acesso aos milhões da Liga Milionária, entrará num ciclo vicioso de colapso de receitas, e sem elas as vitórias e os títulos serão obviamente mais difíceis de alcançar, e a perda de visibilidade, no panorama futebolístico, será uma realidade cruel. Este mesmo alerta se aplica ao Benfica, que andou a brincar com o fogo, e a participação desastrosa na Champions League na época passada, é apenas um sintoma de que algo terá de ser feito e revertido, para que depois não nos lamentemos de nós próprios, quando queremos ser grandes abdicando de competir com eles.
    Vem isto a propósito, do possível interesse do futuro treinador do Mónaco, Thierry Henry, em querer na sua equipa técnica o João Tralhão, o que só prova que além da cobiça nos nossos jovens jogadores da formação, também agora se desperta a preferência pelos treinadores que trabalham no Seixal, o que só abona e avaliza o bom trabalho ali feito.
    Perder João Tralhão não será nenhuma tragédia, mas como diz o Shadows, também eu espero que não seja substituído por mais um lagarto ou tripeiro, não só por uma questão de princípio, mas por uma questão de dever e regras higiénicas, porque foi por causa de infiltrados metidos no clube por LFV, é que o Benfica está a passar agora por aquilo que está a passar, que por coerência e bom-senso eram sempre de evitar.
    Amo-te, Benfica!

    José Reis

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E eu como vou lendo aqui pensava que a culpa era do mister fezadas

      Eliminar
    2. Francisco Rocha14 outubro, 2018 04:19

      José Reis, até tem razão no que escreve. Há, no entanto, uma excepção: o "chef cozinheiro de serviço" não tem capacidade para fazer seja o que for!

      Eliminar
    3. Não. Esta avaliação é incompleta - para não chamar incorreta.
      O problema do Mónaco (falemos deles para não falarmos de nós) é que não conseguiria competir, de modo algum, com os tubarões que vieram atrás dos seus jogadores.
      O muito que o Mónaco pudesse “investir”, na melhoria salarial dos apetecíveis, não seria equiparável à capacidade de um PSG, Man Utd, Man City, Bayern, Barcelona, Real, etc..

      O erro de raciocínio é achar-se que Mbapé, Martial, etc., são “postos à venda” pelos clubes. Não são! São é “alvos de compra”, por tubarões!

      Em dia de avaliação de contas, avalie-se a rubrica de custos com pessoal de um Benfica, um Mónaco, um Liverpool, um City. Continuem. Comparem com Atlético Madrid, Arsenal, Valência, Sevilha, Lyon, Zenit, Fenerbache.

      Eliminar
    4. Nuno Figo, a culpa é do caixeiro viajante, presidente do Mónaco, que é adepto do PSG, e do mister Leonardo "fezadas" Jardim que só ganhava jogos à custa do talento individual dos talentos do Mónaco. Agora que sairam não tem fio de jogo.

      Eliminar
  38. A quantidade de comentários anónimos neste post é impressionante! Num só comentário temos 9 anónimos a discutir entre si, não se percebendo nada já que não há «fio de raciocínio» ;-).

    Quando é que as pessoas metem na cabeça que assinando sempre com o mesmo nome/nick a conversa fica mais fluída, esclarecida, fácil de seguir. Há aqui comentários assinados que eu pura e simplesmente não leio porque já conheço o percurso do autor e sei o que ele vai dizer. Assim poupo tempo a ler alarvidades e passo à frente. Por outro lado aparecem de vez em quando comentários excelentes de anónimos aos quais gostaria de seguir o pensamento em futuros posts. É pena.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também não creio que o seu nome seja Ghozé Pablito.
      Por isso, que autoridade tem para criticar quem opina sob a forma de anonimato ?
      O anonimato é uma forma de expressão, devidamente contemplada e contextualizada. Não é crime.
      Pode e é muitas vezes subvertida por alguns que, ao abrigo desse anonimato, produzem toda a espécie de calúnias, inverdades, insultos e insinuações torpes, presumindo que nada lhes acontece.
      Mas olhe que...olhe que...os tempos mudam.
      É hoje extremamente fácil chegar à identidade de quem produz os comentários.
      E se a maior parte das vezes as patetices são ignoradas, é porque felizmente em Portugal a litigância ainda não é um negócio, ou melhor, ainda está longe de ser um negócio, embora para lá caminhe paulatinamente.

      Eliminar
    2. O meu critério para ler o que me interessa neste blog, é o seguinte :

      a) erros ortográficos, desligo automaticamente e ignoro;
      b) facciosismo, fanatismo, radicalismo e grosserias/insultos, também passo à frente;
      c) fantasias, efabulações e opiniões descoladas da realidade, passo.

      Em suma, resta muito pouco que valha a pena.
      Para mim, mais importante que o autor da opinião, é a opinião em si, quando naturalmente bem escrita e bem fundamentada. E esta tanto poderá vir de um anónimo, como de alguém que se identifique. Mas, como referi, são mesmo muito escassas as que valem a pena e que justifiquem o nosso tempo gasto.

      Eliminar
    3. Quando escrevi isto calculei que fosse levar com anónimos a barafustar. É típico.

      Eu falei em assinar com NOME/NICK! Percebeste agora, gajo que se recusa a identificar das 14:45? Assinar com NOME/NICK é uma questão de respeito para quem se identifica dessa maneira. Podes percorrer este e outros blogues e encontrarás comentários assinados com o meu nick. Podes relacioná-los todos! Já eu não posso fazer o mesmo em relação ao que tu escreves.

      Para o outro das 15:02 (que pode ser o mesmo, who knows?), a opinião em si vale zero se não for contextualizada, neste caso referente a uma identidade (NOME/NICK). Um texto sem identificação pode (e neste blog é-o na maior parte das vezes) servir para manipular. É o que fazem os infiltrados aqui, fazendo-se passar muitas vezes por benfiquistas.

      Eliminar
  39. A estupidez é uma bênção e não paga IVA.

    S.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários.
Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.
Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.
Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares