Violência no desporto - Novo Blog Geração Benfica
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quinta-feira, 17 de maio de 2018

Violência no desporto

Avatar
 ●  + 51 comentários  ● 

As reacções do Governo e das entidades envolvidas na gestão do desporto são uma evidência da inoperância de toda esta gente e em como, provavelmente, ainda não vai ser desta que os que procuram fazer do desporto uma guerra, são afastados.

No ano passado mais de 100 pessoas morreram em incêndios criminosos. As pessoas de responsabilidade neste país encheram a boca de frases de indignação, prometeram mundos e fundos mas fugiram ao essencial: punir os incendiários.

Quando temos mais de 90% dos incêndios com origem criminosa, o urgente seria punir severamente todos os que conscientemente participarem nesses crimes de destruição de bens e de vidas humanas. Pois bem, estamos a entrar na época de calor e a lei não mudou uma vírgula. E os tais meios reforçados não passaram de conversa.

Também quanto à violência no desporto, a falta de acção de legisladores, dirigentes e governantes caminha para uma espécie de "acto criminoso".

A Lei 39/2009, como já explicamos várias vezes no NGB, é uma lei mal feita, cheia de inconstitucionalidades, e que coloca no fenómeno das claques o foco da violência, quando está longe disso.

A impunidade de quem agride é que é o verdadeiro problema em Portugal.

Quando pais agridem árbitros ou outros agentes em jogos de infantis o problema são só as claques?

Quando familiares ou amigos de jogadores invadem o campo para agredir outros elementos de campo ou árbitros, o problema são só as claques?

Que cultura cria isso nos jovens? Que percepção dá à opinião pública sobre as consequências de exercer violência sobre os outros?


Que noção da importância da vida e da festa do futebol terá gente que achou que algo como um very-light era adequado para se levar para um estádio de futebol e o custo disso foi uma vida humana? 


Quando estamos num estádio em que regularmente há confrontos entre adeptos do próprio clube, que ideia passa isso do futebol?


Quando em directo na televisão se viu a Polícia fugir num estádio de futebol, que percepção deu isso a todos que estavam a assistir?

Imagem publicada pelo líder dos SD
Que ideia passa para os jovens e para a sociedade quando alguém que publica a imagem acima depois é convidado para falar sobre prevenção da violência no desporto?


Alguém que toma decisão de fazer um ataque bárbaro como o que vimos em Alcochete não tem em si uma clara noção de impunidade e de confiança na falta de eficácia das leis?


O que dizer quando alguns dos terroristas que invadiram Alcochete foram os mesmos que deixaram para trás um dos seus camaradas a jazer sozinho numa estrada de madrugada?

Que dizer dessa escumalha que marca confrontos e que fomenta a guerra? Há algum clube que possa dizer que está à parte dessa realidade?

Criar uma Autoridade para a Violência no Desporto servirá para quê, senão para a criação de lugares ou "tachos"? 

O que têm de ser criadas são leis eficazes que punam quem vai para um estádio e não pretende fazer a festa mas sim a guerra.

Penas de prisão efectivas, proibição de frequentar estádios com pena suspensa e obrigatoriedade de apresentação em dias de jogos com início de cumprimento de pena em caso de falta injustificada bem como outras medidas que mostrem que quem segue o caminho da violência é punido.

Foi com conversa que em Inglaterra dominaram os hooligans? Ou foi com medidas duras e eficazes?

Mas todos nós temos responsabilidades. Enquanto como sociedade não condenarmos de forma igual toda a violência, estaremos a contribuir para a manutenção deste ambiente miserável.

Não há criminosos bons só porque são do nosso clube. Enquanto não meterem isso na cabeça nada vai mudar. Alguém tornará a ser agredido e alguém tornará a morrer.

O exemplo que dei ontem quanto ao que esperava do SL Benfica é uma evidência clara do que é preciso mudar mentalidades. 

Disponibilizar as instalações do SL Benfica aos agredidos seria um sinal de grandeza. Algo que estaria à altura daquilo que o nosso clube durante décadas cultivou: o desportivismo, o fair play e os valores como a solidariedade, o civismo e o respeito.

Era colocar ao dispôr de atletas e equipa técnica algo provisório e com qualidade que lhes permitiria numa altura de excepção poderem trabalhar.

Se aceitariam ou não, já não seria nosso problema.

Quando o Bayern Munique ajudou financeiramente o seu principal rival será que todos ficaram satisfeitos? Claro que não. Mas o que era mais importante? Era passar uma mensagem clara de solidariedade e que momentos de excepção pedem medidas de excepção. 

51 comentários blogger

  1. gosto da sugestão e concordo: o benfica poderia ter oferecido / disponibilizado condições de treino (em segurança) para jogadores e equipa técnica do sporting. poderia depois ser ou não aceite pelo SCP. sou benfiquista, e ficaria muito orgulhoso e mais satisfeito com este gesto do que com ganhar o campeonato. a rivalidade no contexto de competição não iria acabar. uma coisa não implica outra. no desporto há muitos exemplos de rivalidade leal e correcta ("por cá" é que isso é visto como algo inovador e estranho). o mundo não iria acabar. nem o benfica.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é mas infelizmente o pensamento comum em Portugal é sempre exigir aos outros aquilo que não fazemos.

      Eliminar
    2. Nós exigimos apenas respeito. Quando o sporting oferecer esse mínimo...

      Eliminar
    3. Quem não se da ao respeito não pode ser respeitado

      Se o FC PORTO tiver o mesmo problema, tb abriremos a nossa casa aos jogadores que nos insultaram durante os festejos do campeonato sujo?

      Nós Benfiquistas não precisamos de lições de moral e muito menos nos rebaixaremos perante a Associação Criminosa SCP/FCP

      EXEMPLO
      Quando o Vit. Setúbal estava à rasca o Benfica foi o único a ajudar

      e quem nos respeitar terá sempre a mão do Benfica para ajudar e a compreensão dos adeptos

      O teu exemplo Shadows não é de todo aceitável no contexto atual pois SCP neste momento não é rival...é inimigo

      Eliminar
    4. Este é o problema das massas. Não perceberão nunca que responder ao ódio pelo ódio ou pela indiferença nunca será solução.
      Ignoram os valores mais altos. Não se compra o respeito e não se deve haver expectativa de retorno.

      Behelit

      Eliminar
    5. Águia Preocupada17 maio, 2018 15:37

      E fomos o único clube a ajudar o Belenenses! É preciso ter memória!

      Eliminar
    6. A troco dumas vitoriazitas combinadas..pois...

      Eliminar
    7. Ora cá está aquilo que nos acusam aqueles que estás a propor ajudar!
      Ajudamos = vitórias combinadas.
      Bora lá convida los.

      Eliminar
  2. O Benfica poderia ter oferecido mas já se sabia que vao treinar apenas no Jamor, pelo que nao teria qualquer efeito pratico

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O gesto seria importante como sinal de modificação de mentalidades.

      Eliminar
    2. Mas esta gente não pensa? Acham que os lagartos iriam aceitar a oferta? Até gozavam connosco!!
      É preciso alguma noção!!!

      Eliminar
    3. Madre Teresa de Calcutá a esta hora?

      Tem dó !

      Eliminar
  3. Quanto aos fogos, tema com que inicias este post, sabemos todos que os fogos são um negócio chorudo que dá dinheiro a ganhar a muita gente.

    Não há propriamente (muitos) culpados materiais, embora haja, e muitos, culpados morais.

    Em Portugal criou-se a ideia de que os grandes culpados pelos incêndios, são tipos alcoolizados, desempregados, com deficiências mentais, ou então, fumadores descuidados que atiram as beatas dos cigarros pela janela dos automóveis. Ou ainda, queimadas descontrolados feitas por pastores ou agricultores imprevidentes.

    Atacar o problemas dos incêndios de frente, era "secar" a torneira de um negócio de milhões, que enche os bolsos a alguns loobys.

    Quanto à violência no futebol, ela resulta de uma conjugação de inúmeros factores, alguns dos quais ainda praticamente desconhecidos.

    Mas o primeiro de todos, tem a ver com o imenso dinheiro que nele corre e da loucura que muitos têm por ganha-lo de forma fácil.

    As sociedades tornaram-se de há uns 20 anos a esta parte, muito mais violentas, fruto de múltiplos factores e o futebol, como meio de enorme ressonância social, foi o escolhido para muitos pousarem : dirigentes, claques, adeptos, comentadores, tornado-a uma actividade carregada de ódio, em que entra o facciosismo, o fanatismo e consequentemente a violência.

    O futebol tornou-se num mundo à parte.
    A própria UEFA e FIFA vêem com maus olhos a ingerência do poder político e judicial nos assuntos que, no entender daquelas duas organizações, só ao futebol dizem respeito.

    Um comportamento que na sociedade civil me pode trazer sérios problemas, como por exemplo insultar alguém, no futebol tem imensas atenuantes.

    Chamar alarve e labrego, no mundo do futebol tornou-se normal e até elogioso. Sinal de valentia e frontalidade.

    O espaço mediático conferido ao futebol com um sem número de programas televisivos, aonde os comentadores se insultam, agridem e ameaçam, tornou-se no grande maná das televisões, todas elas orientadas pela máxima do "quanto pior, melhor".

    Já não falo dos crimes económicos, como fuga ao fisco, branqueamento de capitais e afins, os quais são tolerados, quer pelo poder político, quer pelo poder judicial, quer ainda pela generalidade dos adeptos.

    Ou seja, o futebol tornou-se num mundo à parte.
    Culpar as claques, o dirigente A, B, C ou D é fácil. É o que está mais à mão.
    Se for então do clube nosso rival, melhor ainda, mais pedras atiraremos sem que a mão nos canse.

    Isto é uma luta sem tréguas e sem quartéis.
    Todos têm telhados de vidro e nódoas horríveis, das quais até muitos se gabam.

    As empresas, organizações e instituições, são o espelho das pessoas que lhes dão rosto.

    Não é possível reformar o que quer que seja, mantendo lá todas as pessoas que há muito são parte do problema e não da solução.
    As leis ou o melhoramento das mesmas, não resolve absolutamente nada.

    Neste momento, creio que o perfil do dirigente desportivo, deixa muito a desejar.
    A começar pela dependência que muitos deles têm dos clubes dos quais SE SERVEM, para governar as suas vidinhas.

    Depois, como os exemplos - MAUS - vêm de cima, acontece o efeito cascata e os comportamentos desviantes vêm por aí abaixo e são replicados pelos adeptos, façam ou não parte de claques organizadas ou desorganizadas.

    No fundo, bem lá no fundo, o futebol mais não é que o espelho da sociedade desequilibrada que todos nós, sem excepção, construímos.

    ResponderEliminar
  4. A cultura desportiva cultiva-se com quem a tem.
    Tudo o que dizes é muito bonito, mas enquanto esta direcção do scp se mantiver em funções a única cultura possível é distância, deixá-la cair sozinha.
    Já não é preciso fazer nada, o doente mental está a tratar bem disso.
    Nada contra os jogadores, mas não quero ser insultado por estar armado em bom samaritano, já chegam os que não são da nossa iniciativa.
    Porque era isso que ia acontecer!


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O gesto não era com a direcção nem era para os receber. Os únicos que seriam o alvo do gesto eram os agredidos: jogadores e técnicos.

      Enquanto acharmos que só os outros é que devem mudar, tudo continuará na mesma. Alguém tem que dar o primeiro passo e porque não o maior clube português?

      Eliminar
    2. Sim, o alvo do gesto eram os jogadores.
      Mas esses jogadores têm um clube, que tem um presidente e que por sinal é um pirómano.
      E que iria logo aproveitar a situação para capitalizar vitimizando-se e dizer que estávamos a aproveitar-nos da situação para atacá-los...
      Será assim tão difícil de perceber isto ou não conhecem o modus operandi da besta?
      E não sabem como a maioria dos adeptos daquele clube estão cegos e instrumentalizados que basta ver BENFICA para salivarem?
      Deixemos-nos estar quietos no nosso canto porque ele não ganhou eleições, voltou a ganhar com mais votos ainda novamente e como se não bastasse voltou recentemente a ter mais força sozinho.
      No dia em que tiverem uma direcção com quem se possa sentar à mesa e falar de futebol têm todo o meu apoio.
      Perante este cenário é AFASTAMENTO TOTAL, nem sequer quero ouvir que queremos A, B ou C para o noso clube.

      Eliminar
    3. Vê o que aconteceu recentemente no futsal que tentaste fazer uma homenagem conjunta aos campeões europeus.
      Vê o tratamento que levaste por te armares em bom samaritano com bestas.
      Levaste logo com insultos que só revoltam de pensar como é que a direcção ousou ser possível qualquer iniciativa com aquela besta.
      Abram os olhos sff e pensem aquilo que escrevem.

      Eliminar
  5. Concordo com o que escreves. Temos dirigentes de terceiro mundo que andam engravatados e em carros de alta cilindrada, mas continuam pobres de espirito, é uma pena. Recordo com saudade os senhores Jorge de Brito e João Santos, depois disso só tristes, pavões ou ineptos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Saudade mesmo. Grandes senhores.

      Eliminar
    2. Concordo a 1000% com a sugestão, pois estive e continuo há muitos anos ligado ao desporto, quer como atleta quer como treinador. Acontece que existe só um pequeníssimo problema! Lembram-se da "parvoíce" de LFV quando foi contratar o André Carrilho? O que é que o SLB ganhou com isso? Jogaram dinheiro fora, ele não rende de forma nenhuma, só o "mestre da m..." é que ia fazer dele um fora de série, como os outros 140, dos 150 que LFV contratou nos anos em que ele esteve no SLB e ninguém sabe onde andam. Segundo o esquema táctico engendrado pelo "cérebro", o amigo Jorge do LFV, Carrilho estaria destinado a jogar encostado à linha, possivelmente na parte de fora do campo, mas a correr sempre a 4 patas, ou então daria um razoável defesa lateral ao estilo Bernardo Silva. Com gente como LFV, não se vai a lado nenhum. Atitudes "sérias e honestas" de indivíduos destes só foram consideradas boas para o amigo Pinto da Costa. Tenho pena de ver um clube, o SLB, que poderia ombrear facilmente com os maiores do mundo, gerido/comandado por gente que não é do Benfica e que só se aproveita dele.

      Eliminar
    3. Carrillo não rende? Jogou por nós, foi emprestado 2 (?) milhões, está na seleção do Peru no campeonato do Mundo na Russia e pode ser vendido por muito milhões.

      Eliminar
    4. Isso tudo José. Carrillo infelizmente é um fiasco, tem 2 ou 3 arrancadas por jogo e só isso, não vale um décimo do que dizem valer. Enganou-me.

      Eliminar
    5. Estes gajos que nasceram na decada de 70 são tão mas tão engraçados que até mete dó !

      Esquecem-se que o ex-banqueiro limitou-se a EMPRESTAR o pilim, e que após a sua morte os herdeiros foram devidamente ressarcidos do pilim emprestado !

      Haja no mínimo coragem para assumir a verdade dos factos, e deixar de uma vez por todas de empunhar em bandeiras que não tem qualquer espécie de cabimento ! ! !

      Eliminar
  6. O Presidente da FPF devia ser o 1º a apresentar a demissão por ser incapaz de travar este espectáculo miserável da violência físico-psicológica desde as camadas jovens até aos seniores contra os jogadores, árbitros, treinadores, adeptos, etc.

    É uma autêntica vergonha o silêncio da FPF.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A FPF, como orgão tutelar do nosso futebol, tem as mãos manchadas de sangue. O seu presidente nunca veio a público fazer nada contra isto. Umas declarações de circunstância e nada mais.

      Eliminar
  7. Isso que propões é a parte romãntica do futebol e praticamente inexequível.
    Ou seja, o Benfica assumiria, nem sei como, a segurança do plantel do Sporting caso aceitasse trabalhar o Seixal.

    Quem nos garante que os jagunços que os atacaram cobardemente em Alcochete (com cara tapada e com matracas, ferros e outros objectos, agredindo homens indefesos e que estavam a trabalhar), não os atacariam no Seixal, ainda com mais violência por terem aceite trabalhar nas instalações do rival ?

    Neste momento, o futebol está cativo de grupos que destilam ódio e violência. E o pior é que as direcções dos clubes já não têm mão neles. Até os incentivam e fazem deles os braços armados para rixas e situações em que acham que é necessário mostrar bíceps desenvolvidos e caras de maus.

    Um familiar de Bruno Fernandes (jogador do Sporting) confessou informalmente que o jogador pondera seriamente rescindir com o Sporting, mas sairá de Lisboa, temendo represálias e viver o resto da vida sob a ameaça de gente violenta e de gang's organizados. Portanto, jamais lhe passará pela cabeça assinar pelo rival Benfica.

    Essa proposta de ceder as instalações, é de facto muito bonita e nobre, mas completamente descolada da realidade que vivemos, em que a violência impera e já atingiu níveis assustadoramente preocupantes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A segurança seria assegurada pelos mesmos que a vão assegurar no Jamor e que estão a assegurar por estes dias.

      Ceder ao clima que estes animais pretender instalar é que não é solução.

      Eliminar
  8. Incrivel. Para comentar um caso especifico... do sporting... colocas 3 fotos de cenas com adeptos do Benfica.
    Não... não somos todos iguais!
    A culpa é de quem comete os crimes e de quem faz as acções violentas... não é de "todos".
    EU não tenho culpa. Os sportinguistas têm!

    Depois esse exemplo do bayern não se aplica. O bayern foi insultado todos os anos pelo borussia? NÃO! o Benfica deixou treinar o marítimo no seixal... qual foi a reação daqueles para os quais agora pedes apoio? "corrupção". Quando o Benfica estava em dificuldades qual foi a reação deles? vir buscar jogadores e gozar com a "operação coração". Não compares o incomparável... o sporting e o borussia não são a mesma coisa. É deixar arder e comer umas pipocas! Merecem tudo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está esquecido de quando também cerca de 50 adeptos afetos aos NN tentaram invadir o caixa futebol campus no Seixal?

      Eliminar
    2. Martins, tens fotos de todos porque não há anjinhos ou inocentes. E sim tu tens culpa quando não condenas de forma clara todos de igual modo.

      Vê-se mesmo que só tens olhos para o Porto Canal. Acompanha os diários desportivos alemães e encontrar várias declarações acusatórias entre clubes. Não encontras de facto coisas tão graves como as que cá são ditas mas encontras. Isso não impediu que um bem maior fosse a preocupação.

      Tentas baralhar tudo...os problemas judiciais ou financeiros do Sporting bem como o maluco do presidente são problemas que eles terão de resolver.

      Só me referi aos jogadores e técnicos que foram barbaramente atacados e que por estes dias não têm condições para voltar ao local onde foram agredidos. Talvez um dia quando fores atacado por alguém com um passa-montanha possas valorizar a situação.

      Ou nem precisas ir tão longe. Olha para os benfiquistas idosos, mulheres e crianças que ainda esta temporada foram atacados por um bando de criminosos em Braga.

      Ou olha para aqueles benfiquistas que reoslveram fazer uma batalha de madrugada com os outros e em plena avenida do Estádio da Luz.

      Ser Sport Lisboa e Benfica não é imitar o que de pior os outros têm. É dar o exemplo!

      Eliminar
    3. Águia Preocupada17 maio, 2018 13:18

      "Ou olha para aqueles benfiquistas que reoslveram fazer uma batalha de madrugada com os outros e em plena avenida do Estádio da Luz."

      Nem acredito que li isto escrito pelo Shadows! Então vem provocar-me junto a minha casa, e eu é que "resolvi" fazer uma batalha!... Essa agora!

      Eliminar
    4. Águia, eles combinaram a batalha pah!

      Eliminar
    5. Anónimo e isso foi causado por algum dirigente do Benfica chamar meninos mimados aos jogadores? De dizer que ou lhe fazem as vontades ou batem contra uma parede? Agora vamos todos esquecer o que foi dito durante 5 anos e achar que é tudo igual?

      Shadows tu próprio dizes: "Não encontras de facto coisas tão graves como as que cá são ditas mas encontras." Quanto aos jogadores j
      a te responderam acima... o Benfica tentou homenagear os campeões europeus de futsal... qual foi a resposta?
      Eu CONDENO todas as agressões. Ponto inicial e final. A partir dai... cada um que assuma as consequências do que cultiva. Essa tentativa de argumentar que "ah e tal" como não concordas és a favor da violência... não pega! Eu sou contra o Benfica intrometer-se num caso interno de quem passa a vida a querer nos mal. Simples.

      E dar o exemplo não é isso... dar o exemplo é ter um comportamento de respeito... como temos tido! Se acontecesse algo semelhante eles iam andar em festa ás bocas... é preciso recordar os incidentes das cadeiras numa AG do Benfica e o que eles disseram? Falsos moralismos não pf.

      Eliminar
    6. Combinaram? Já que estás tão informado divulga la a fonte que te intrujou e disse que foi combinado...
      Não sei se sabes mas nesse dia era a entrega de bilhetes para os derby...
      Saudações Benfiquistas

      Eliminar
    7. Águia Preocupada17 maio, 2018 13:18

      Pergunta quem foi primeiro a onde e depois fala

      Eliminar
    8. Águia Preocupada17 maio, 2018 15:42

      Não me interessa saber quem foi primeiro! Se a vida se pautasse por vinganças, por ele fez eu também faço, o mundo há muito não existia!
      E para quem se clama de diferente, o que aconteceu mostra isso mesmo... Diferentes mas na violência, no holiganismo, na inveja... Na ININPUTABILIDADE!

      Eliminar
  9. E esqueceu*se de uma agressão que foi punida por menos de 3000 euros no clássico do dragai neste campeonato que vem de terminar! ou foi simplesmente um simples abraço que o adepto do porto foi dar ao Pizzi?
    E que dizer das autoridades desportivas que ficam caladas e sem tomarem medidas e assistem a jogos ouvindo cânticos de insultos ao adversário como o "SLB,SLB,SLB, filhos da p..." ou " ai quem me dera que o aviao da Chapecoense..."ou ainda que o clube que recebe e nos altifalantes do estádio menciona o adversário nao pelo nome próprio do clube mas por "adversário"? ou ainda o que se tem visto estes últimos anos com vários clubes a seguirem praticas de incentivo ao ódio e confronto ao interditem a entrada para certas zonas do estádio e bancadas de pessoas vestidas com as cores ou adereços do clube visitante?
    Quando vejo ainda a diferença como o gesto do Brahimi a chamar maluco a um arbitro sair impune e sem alguma consequência comparado ao exemplo à punição que recebeu o Zlatan Ibrahimović por um simples gesto com a mao de pistola, nao para o arbitro do jogo mas para o banco do Toulouse F.C. fica logo tudo dito... e fico por aqui tal é a sensação de voltar para um pais nao moderno mas pior que todos os países chamados do 3° mundo...
    Ah já agora com isto da corrupção suposta de SCP porque nao fazer já a incorporação do Gil Vicente na 1° liga no lugar do SCP, pois estes merecem ser integrados de imediato!!!!
    E PLURIBUS UNUM

    ResponderEliminar
  10. Pedes soluções aos governantes mas um dos problemas deste país é a justiça e aí, os juízes são reis e senhores.

    Esta madrugada estive a ouvir o agente da PSP dirigente sindical Paulo Rodrigues e ele disse que a PSP tem identificados todos os elementos violentos e perturbadores das claques. Eles prendem-nos, são presentes a juiz e no jogo seguinte lá estão novamente na molhada.

    Mais, ele disse que não é preciso mais leis, é preciso é aplicar as que existem! Existe, como sabemos, corrupção nos juízes e esse, creio, é o problema mais grave da nossa democracia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pablito,
      Elementos das claques suponho legalizadas. O SLB nao tem claques ( disse LFV) por isso elementos do Benfica estão em roda livre. Ah pois mas eles são educadissimos e mansos. No final fo jogo Benfica vs Porto viu- se.... a polícia é que se meteu com eles?
      És mais um acefalo benfiquista sem pensamento próprio..

      Eliminar
  11. Águia Preocupada17 maio, 2018 12:47

    Concordo com quase tudo o que o post descreve. Efectivamente, são necessárias medidas efectivas, duras e drásticas para que os arruaceiros arrepiem caminho.
    Tivemos 30 anos de "guerra", protagonizada por Pedroto e Pinto da Costa. Um finou-se e o outro envelheceu e perdeu "faculdades"...
    E quando tudo parecia ter acalmado, eis que surge um pirómano, um terrorista, um hooligan da pior espécie que veio reavivar e exponenciar todo o mal que estava adormecido.
    A situação que se adivinhava - só não viu e percebeu quem não quis - atingiu um auge tal que mesmo prevendo é impensável.
    Punição, leis incisivas e efectivas precisam-se.
    Já não concordo com a tua última sugestão de oferecer as nossas instalações aos profissionais da equipa de futebol do SCP. E por uma única razão: Isso iria ser considerado como uma provocação e atiraria por certo mais achas para a fogueira.
    Nem sempre a solidariedade é bem entendida ou aceite!

    ResponderEliminar
  12. A ideia é nobre!Mas estamos a falar do conspurcado futebol tuga!

    ResponderEliminar
  13. Espera lá os adversários que te declararam uma guerra mortal com o intuito de destruir o Benfica e tu queres dar-lhes a mão, eu pensava que só existia um louco a colocar posts descabidos, afinal temos dois.

    Mete lá a mão na consciência Shadows.

    1- Quem te diz a ti que recebendo os jogadores e a equipa técnica do SCP na luz não seriam os mesmos objecto de agressões no estádio da luz pelos mesmos capangas que os agrediram em alcochete e pelo caminham voltavam a incendiar o estádio da Luz apenas por vandalismo e puro gozo!?

    Sim porque todos concordamos que foi tudo premeditado e existe alguém que estava com os atletas que confirmou de certeza que era a hora de "atacar" pois eles encontravam-se todos no balneário.

    2- Portanto tu és apologista que um pedofilo molesta a tua filha, tu perdoa-lhes tudo e o deixas entrar na tua casa e vais lavar a louça enquanto ele fica a brincar com ela na sala.

    3- Tu queres comparar um acto premeditado, organizado em grupo que só pode ter um mandante com situações anormais de individuos isolados, ou que se encontravam a ver a bola e se uniram num momento espontÂneo!?

    Olha que francamente já não existe paciência para tanta besteira da tua parte.

    O Benfica simplesmente só tem que se insurgir com aquilo que tens falado, mas muito pouco ou quase nada, que é a não almogação deste campeonato pois existem provas que ouve corrupção e foi deturpada a verdade desportiva.

    Não a campeão para ninguém nem competições Europeias para aprenderem e acaba a mama para todos os que vivem a custa dos clubes de futebol.

    Ass: Quero ver se aprovas este comentário!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tantas vezes se criticou aqui os lagartos metidos dentro do Benfica por LFV e agora o Shadows quer ser ele a metê-los... Quanta hipocrisia..

      Eliminar
  14. É o reflexo do país que temos.
    O maior cancro de Portugal é a ineficácia do sistema judicial. E é ineficaz porque não dá jeito nenhum reformá-lo e torná-lo mais célere e assertivo. Com tanto político e amigo de político a fazer negociatas obscuras, facilmente se percebe por que razão não existe interesse em descomplicar e tornar o sistema judicial a solução em vez de se manter como um problema, o maior de todos.
    Isto leva a sentimento de impunidade, à ideia de que em Portugal o crime compensa.
    Temos um ex-PM corrupto, que vai gozando a vida até ao suposto julgamento, que dará em pouco mais que umas multas;
    Temos o presidente da CM Oeiras, a quem é permitido voltar ao cargo em que anteriormente cometeu os crimes que o levaram à cadeia (e que voltou porque existem dezenas de milhares de idiotas que votaram num criminoso);
    Temos um banqueiro que roubou milhares de portugueses que trabalharam anos e anos no duro, e que se mantém em liberdade, tendo ainda o descaramento de tentar defender o indefensável, quando a sua família tem depositado no estrangeiro o resultado do saque.
    Claro que os grupos organizados se impõem às direcções dos clubes e agem como querem.
    Olhem para o que foi feito em Inglaterra.
    O que há a fazer? Adeptos radicais identificados e proibidos de frequentar estádios e pavilhões; instigadores do ódio (directores de comunicação ou comentadores) multados em valores acima de 50.000€ por expressões ofensivas.
    Quem os tem no sítio?

    ResponderEliminar
  15. Rivalidades e facciosismos à parte, louvo a atitude dos Conselhos Geral e Fiscal do Sporting que se preparam para se demitir em bloco, de acordo com as últimas notícias.

    Por cá, leia-se Benfica e perante casos públicos de extrema gravidade, assobiou tudo para o ar, fingindo nada passar-se.

    Lá como cá, há apenas e tão somente indícios de corrupção.
    A dignidade e a grandeza de um Clube, manifesta-se acima de tudo nestes momentos.
    No Benfica, estão todos bem agarradinhos ao tachinho.
    Também é verdade que todos conhecem os podres uns dos outros e portanto a estratégia de sobrevivência é tentarem passar pelos intervalos da chuva.

    Gostava de ter visto no Benfica, mal se soube da implicação efectiva de alguns elementos em processos obscuros, que houvesse a dignidade de se demitirem.

    Não sei sinceramente quem está pior.
    Tirando a cena escabrosa de Alcochete, o Sporting mexe-se com vista à renovação e virar de página.

    Por cá, continua tudo na mesma, pantanoso, fétido, nauseabundo e à espera que não aconteça nada mais comprometedor.

    ResponderEliminar
  16. Tanta nobreza...
    Passado umas semanas e depois ter feito marcha atrás uma série de vezes lá alguém ganhou coragem.

    Vamos distinguir as coisas.
    Não estão a demitir-se pelo caso de corrupção, nem nenhum dos envolvidos foi demitido ou pondera fazê-lo.
    Estão a demitir-se porque há culpas no cartório pela situação vivida em Alcochete por parte da direcção do clube que levou ao caos.
    Percebe a diferença?
    Felizmente não estamos em estado de sítio, com jogadores a arriscarem-se a rescindir contratos.
    Estão a fazer o mínimo que alguém pode fazer perante a gravidade da situação e perante a relutância do doente mental em ver a realidade.

    ResponderEliminar
  17. Primeiro passo: demissao do secretário de estado do desporto que disse há bem pouco tempo que nai havia problemas de maior com grupos organizados de futebol. Claro que o pensamento dele era o Benfica que ha dá conta de dois mortos.
    Só um pensamento independente situado para além sa clubite poderá resolver ou ajudar a resolver esta difícil questão. ENQUANTO PENSARMOS QUE OS NOSSOS SÃO MELHORES QUE OS OUTROS NÃO VAMOS A LADO NENHUM.
    OU PRECISAMOS DE TRAGÉDIAS MAIORES COMO JÁ ACONTECERAM NO ESTRANGEIRO?? INGLATERRA BELGICA ITÁLIA E SEI LA MAIS ONDE.!?

    ResponderEliminar
  18. Qual a diferença entre a invasão da claque portista do centro dos árbitros na Maia e a invasão da claque do Sporting ao centro de estágio em Alcochete?

    Controlo da ação da polícia e da cobertura mediática...

    Só.

    E ainda vem agora o clube do Apitado Dourado mais uma vez a pressionar na comunicação social...

    Areia para os olhos com certeza., são mestres nisto desde o início dos anos 80, Bruno de Carvalho é um meramente um aprendiz tolo...

    Dean Saunders

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários.
Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.
Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.
Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares