O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quarta-feira, 7 de março de 2018

Hora de dizer “Basta!”, sim. Mas não como se o cancro esteja só na casa dos outros

Avatar
 ●  72 comentários  ● 
Como já aqui tinha escrito anteriormente sobre o caso dos emails que abalou a vida do Benfica, é óbvio que quer a defesa do Benfica por parte dos Benfiquistas, quer a condenação do Benfica por parte de Sportinguistas e Portistas neste caso, é uma opinião parcial, sustentada 99% num desejo próprio que se compreende, e muito pouco (para não dizer nada) sustentado em qualquer conhecimento real do caso.

Por isso me tenho abstraído quase sempre de o comentar e a única coisa que disse sobre ele é que, até agora, do que foi tornado público, não vejo nada nos emails que imediatamente sugira qualquer tentativa de corrupção por parte do Benfica na vertente desportiva, mas também não posso ir ao ponto de branquear aquilo tudo, porque há evidentemente em muitos emails claros indícios de se querer controlar tudo, emails esses que qualquer Benfiquista condenaria de imediato fossem os seus autores de uma outra cor qualquer.

Sinceramente, acho que chegámos à hora de dizer “Basta!”! Mas não é ao “Basta!” de atacar o Benfica, nem o Sporting nem o Porto nem outro qualquer clube em particular. É hora de dizer “Basta!” a todos aqueles que, independentemente da cor, maltratam o desporto que amamos e o ferem de morte, um pouquinho mais ano após ano!

Um clube que teve Apitos Dourados e que paga dívidas mal explicadas em intervalos de jogos em que perdem por 1-0 não tem seguramente moral para falar de ética ou moralidade nenhumas! E um clube que tem um Paulo Cristóvão que coloca dinheiro na conta de árbitros na esperança de que o dinheiro lá fique e depois se possa chantagear daí em diante obviamente para recolher benefícios dentro do campo, também não tem moral para falar de ética ou moralidade ou para querer dar sempre a entender que as páginas negras do futebol português nunca bateram à sua porta, mas...

Um clube que é envolvido em emails de carácter no mínimo altamente duvidoso como aconteceu com o Benfica, também não pode mais apregoar a santidade nem plantar à sua janela a bandeira da verdade desportiva! Quem continua a discutir estas coisas na base do ascendente moral só pode, na verdade, viver em negação profunda!

O futebol português bateu no fundo! E bateu no fundo há muito tempo, diga-se, fruto em grande parte de uma classe dirigente maioritariamente sem nível nenhum, com algum amor aos clubes (admito), mas se calhar com muito mais amor ao usar o futebol e o dirigismo como Feira de Vaidades e para organizarem muito bem a sua vidinha pessoal, do que propriamente ao servir os clubes da forma desinteressada que fez escola em alguns Senhores do passado!

O futebol jogado em Portugal há muito que morreu! O que resta dele é uma Liga fraquíssima, com três clubes que só não ganham 90% dos seus jogos se forem nabos, três clubes grandes que conseguiram secar tudo à sua volta ao ponto do que resta hoje serem 12 ou 13 clubes a mendigar migalhas aos Grandes para poderem sobreviver, e que em função disso têm de viver debaixo das suas asas, sempre sem qualquer independência, até porque o campeonato dos falidos é muitas vezes decidido pelos jogadores emprestados que vêm dos grandes e que acabam por fazer a diferença entre os clubes que morrem mais cedo e os que sobrevivem mais uns aninhos!

Esta catrefada de programas de debate desportivo que nos entram pela casa dentro todos os dias nasceu de quê? Do futebol jogado? Mas alguém perde duas horas diárias do seu dia para assistir à análise da vitória do Benfica sobre o Tondela?!

O fio condutor do futebol em Portugal há muito tempo que é a polémica, ponto final! O futebol das 4 linhas é acessório! E foi esta classe dirigente dos clubes que fertilizou o terreno para que esta indústria da polémica florescesse, que permitiu que as figuras dos clubes não fossem mais os jogadores nem os treinadores nem sequer os Presidentes, mas sim os Diretores de Comunicação e respetivos Cartilheiros e Paineleiros e Jornalistas mascarados, e quando vemos esses mesmos cartilheiros desejar nas Tvs o fim das polémicas para que se possa finalmente falar de futebol, apetece perguntar: “Mas de que futebol querem vocês falar, meus hipócritas? Se o motivo destes programas que vos dão palco fosse o futebol, há muito que quer vocês quer os programas tinham morrido!”

Será que o que realmente importa discutir neste momento é se o foco está hoje sobre o Benfica, amanhã sobre o Sporting e depois sobre o FCPorto?! Será que o que importa é discutir quem é o menos corrupto de todos os corruptos, ou quem é aquele que, participando em jogadas sinistras ou ilegais, participa nas mais leves ou menos condenáveis?!

As jogadas sinistras e a desonestidade estão em todos os clubes meus caros, e quem quiser dizer “Basta!” não o pode querer fazer achando que o cancro está só na casa dos outros e que na nossa casa é só gente impoluta!

Independentemente da gravidade e das intenções, o teor de alguns emails em que o Benfica se vê envolvido é condenável e não deveria existir! Ponto! E quem quiser dizer “Basta!” tem de começar por aí, porque não começando por aí, não começando por querer resolver primeiro toda a merda que se passa na nossa casa, sobra muito pouca moral para apontar o dedo aos outros!

E no caso do Benfica, com uma agravante: É que algumas das figuras apanhadas no “escândalo” são os chamados Profissionais, e que por serem tão bons profissionais até podem ser adeptos de outra cor, sendo hoje adeptos de outras cores a arrastar o nome do Benfica para a lama!

“Basta!” sim, mas basta disto tudo! Basta por exemplo de uma casa tão mal arrumada como a nossa, de uma salada de frutas profissional em que já ninguém percebe quem é quem, onde dá até para suspeitar da forma como muita da informação confidencial sai cá para fora!

E basta desta corja toda de todas as cores que tomou conta dos clubes e que fez do futebol uma indústria sombria onde só gente rufia e “espertalhona” tem lugar e onde muita gente séria não equaciona sequer entrar para não manchar o nome, por muito que gostasse de servir os seus clubes um dia!

Hoje em dia é o futebol que precisa de ser salvo meus caros, muito mais do que um caso pontual ou do clube a, b ou c! E disso somos todos culpados, todos aqueles que seguem no redil como ovelhas amestradas, dando eco e fertilizando o terreno onde cresce esta loucura toda!

72 comentários blogger


  1. Abalou o caralho.

    Os emails não abalaram nada porque praticamente só foi divulgado pelo FJM.

    Só mais recentemente é que o CM e a Sábado pegaram naquilo.

    Na Bola e no Record está tudo controlado, fdx.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. amigo, os emails estao a ser muito bem analisados pela PJ e MP, nao interessa para nada o que o FJM, isso apenas da a conehcer ao povo, nada mais.
      quem de direito precisar de os analisar, esta a faze-lo, e qto a isso aguarda...

      Eliminar
    2. Portanto só o que vem na CS é que é válido.

      É mesmo assim. Ainda ontem passou "O homem que matou Liberty Valance".

      Eliminar
    3. Exacto!O resto é conbersa!

      Eliminar
    4. É o problema disto. Até agora apenas tem servido como forma de ameaça e intimidação. Porque esse é o intuito principal dos emails, criar uma ordem de poder. No final as decisões de tribunal são peanuts... Mas o que custa a muito boa gente perceber é que com ferros mata com ferros morre. E se mataram o Apito Dourado invalidando a prova principal não é com provas ilícitas que vão construir caso algum. Em tribunal qualquer coisa que dependa dos emails para fazer ter algum nexo de causalidade estará à partida amputado de legalidade. E é bem feito.

      E já agora... EU NÃO AGUARDO. Eu quero saber se a UEFA deixou passar a dívida por Carlos Eduardo porque esta se referia a uma participação de direito económico da Energy Soccer e se assim foi não existia qualquer dívida ao Estoril em 2017/18.

      José Alexandre Martins

      Eliminar
  2. Sinceramente uma publicação cheia de nada.

    ResponderEliminar
  3. Já agora,

    Fala-se muito de BASTA neste blog. Todos, Shadows, BEnficabyGB, Benfica Eagle, REDMOON.... Mas olhar aqui para o lado direito e ver links para todo o tipo de blogs com publicações ofensivas e prejudiciais ao clube que aqui defendem... estamos conversados. Mister do Café, Artista do Dia, Sporting com Filtro... é dar uma vista de olhos e ver como tratam, como chamam e como publicitam o nome do NOSSO CLUBE.

    Aqui o Geração Benfica está a fazer um optimo trabalho na defesa do clube ao publicitar estes amigos. Falta só um link para o Rapaziada 1904 e os Super Dragões.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estão e estarão todos na lista da barra lateral. Não há anjinhos nem santinhos em lado nenhum, Rui.
      E a melhor forma de acompanhar o que todos dizem e fazem é mesmo assim. Aliás, a maioria de vós nem sonharia o que muitos andam a dizer ou a cozinhar sobre o SLB se não fosse isto.

      Não é a fingir que não existem que se lida com ataques ou acusações.

      Pergunta antes porque é que o departamento de comunicação do clube é tão eficiente em passar algumas frases chaves para a imprensa mas nestes casos...é um silêncio enorme.

      Eliminar
    2. Como já disse noutra publicação concordo contigo na grande parte das criticas que apontas à direcção, principalmente no silêncio ensurdecedor que tem tido quando o nome do Benfica abre jornais pelos piores motivos.

      Mas aquilo que estou a falar vai para além disso, estamos a falar de um blog que passou a mensagem de ontem para hoje de "BASTA". Então se basta.... BASTA mesmo. Esses blogs que mencionei são uma afronta e uma vergonha do ponto de vista de argumentação. Ninguém é mesmo santinho, mas cada macaco no seu galho. Nos somos no nosso canto e eles no deles. BASTA de publicitar gente desta. CHEGA mesmo.

      Eliminar
    3. e porque é? ou o que achas que pode ser?

      Eliminar
  4. Sim. Basta de Vieira!

    À mulher de César não basta sê-lo, também tem de o parecer.

    Rua com Vieira e demais lixo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É muito difícil defender vieira neste caso do e-toupeira. Para se defenderem do caso emails onde pelo que é publico há irregularidades e falta de ética mas não corrupção ou crime mais grave, decidem desafiar a justiça receptando ou mesmo organizando a sonegação de informação em segrdo de justiça ainda por cima subornando agentes da justiça. Ou seja para se defenderem de eventuais crimes menores praticam de forma descarada crimes mais graves envolvendo nisto tudo o nome do Benfica.
      E as outras estruturas do clube estão em silêncio quando deveriam desde já suspender toda a direção.
      Quando isto tudo começou, se eles tivessem uma pinga de seriedade e respeito pelo clube, deveriam ter logo suspendido de funções no clube as pessoas envolvidas, como fez o periquito na federação que foi o único que se portou decentemente. Em vez disso ficaram no silêncio e deixaram os responsaveis por isto continuar a desenvolver a sua perniciosa acção até o Benfica ficar completamente exposto. Isto acontece porque essa quadrilha que tomou o Benfica se considera dona do clube. Eles sáo o Benfica e o Benfica são eles.
      Espero que os dirigentes que não estão envolvidos e que são sérios sejam suficientemente corajosos para actuar enquanto é tempo e salvem o bom nome do clube para os adeptos já que os sōcios parecem ser incapazes.
      Suspendam a equipe dirigente até que a verdade se apure e arrange-se uma equipa provisória que defenda o benfica de forma honrada e legal e que permita o ataque aos que estão tentando destruir o Benfica por fora e por dentro.

      Eliminar
    2. Rua com o Vieira? Isso querias tu! Mas ninguém vai conseguir parar o Benfica!

      Eliminar
  5. Redmoon, que grande chapada que acabaste de dar aos teus colegas Shadows, BG, etc...
    É que neste momento, ser SLB como o Shadows diz, é ser corrupção, é ser tráfico de influências, padres, missas, jogos comprados, túneis, cartilheiros, vouchers, Estorilgates (o verdadeiro de 2005 e não esta colagem que tentam fazer agora a este nome para apagar a vergonha do original), o tentar ir à Champions na secretaria em 2008, a fanfarronice, as mentiras, os Vale e Azevedos, os Veigas, os Vieiras, etc...
    Podem ter conhecido outros Benficas, outros Portos, outros Sportings ou o que quer que seja, porque a história faz-se desde o ano 0, mas eu, que fruto da idade comecei a acompanhar futebol com olhos de ver em 1999, é este o Benfica que conheço e lamento informar-vos, é muito mau!
    Nuno

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. És um badameco.

      Um jogo comprado... Um!

      Eliminar
    2. Sisifo, respondo-te usando a tua argumentação e sem te tratar mal, pode ser?
      Apito Dourado, um jogo comprado... Um! O empate com o beira-mar, em que aquela senhora de bem, diz que o presidente entregou num sei quantos contos numa altura de euros? Como ves, pela tua argumentação, o AD tb não foi nada de especial.
      Nuno
      pimenta no cú dos outros...

      Eliminar
    3. Nuno, não te quero ofender, mas és profundamente burro.

      O que o Sísifo queria dizer, parece-me, é que lhe apontasses um jogo que o Benfica tenha comprado.

      Mas asno como és, não percebeste patavina do que o gajo escreveu e zurraste.

      Só podes ser lagarto. Dasse!

      Eliminar
    4. Pulpus Corruptus07 março, 2018 19:18

      Este Nuno pensa que andamos a dormir. Estás com azar, temos tudo guardado!!! Um jogo comprado? Centenas durante 30 anos!!!!

      "Como comprar os favores dos adversários?
      A compra de favores, por parte do FC Porto, aos clubes adversários – através da contrapartida de cedência de jogadores – é uma estratégia antiga, comprovada por denúncias de ex-dirigentes.
“Quando emprestamos os nossos jogadores graciosamente, procuramos fazê-lo com quem o FC Porto tenha boas relações e não falham os compromissos assumidos, tal como aconteceu com a Ovarense”, disse Pinto da Costa ao Record, a 7 de Junho de 1991, aquando do caso “Lee Springfellow”.


      O basquetebolista foi desviado do FC Porto para Ovar, o que desagradou a Pinto da Costa, que desde logo faz saber que a Ovarense teria um preço alto a pagar: nunca mais teria ajuda, “graciosamente”… Graciosamente tem aspas porque Pinto da Costa não ajuda ninguém graciosamente.
      Pede sempre algo em troca.
E esse ‘algo’ dependerá das necessidades do clube: uma vitória – como conseguiu com o Vitória de Setúbal (o treinador Carlos Cardoso retira da equipa os melhores jogadores, cedidos pelo FC Porto), ou como aconteceu diante da União de Leiria, na presente época, com o técnico Pedro Caixinha a prescindir dos seus melhores jogadores…

      Uma das denúncias mais directas deste tipo de promiscuidade (“Levas o jogador, mas fazes o que te pedimos”) partiu de Braga, em 2002. As preparação das eleições para a Liga não correu bem a Pinto da Costa, que estava em guerra com Valentim Loureiro.
O presidente do FC Porto prepara uma candidatura alternativa, ao lado de Guilherme Aguiar, mas não consegue sequer formar uma lista e culpa o Sporting de Braga, acusado de retirar o tapete a Pinto da Costa. Os minhotos não gostam da acusação, zangam-se as comadres e… já se sabe.


      “A Administração do Sporting de Braga sofreu pressões no sentido de influenciar a sua posição [nas eleições da Liga]. Essas pressões foram muito fortes e entraram pela madrugada dentro do último dia da apresentação das listas. Acenaram com jogadores do FC Porto e tentaram manipular-nos na altura da formação do plantel”, afirmou Luís Machado, dirigente dos minhotos, no Record, a 1 de Setembro de 2002.


      Assim se justifica o facto de o FC Porto ter dois ou três clubes na Primeira Liga com relações privilegiadas… Portimonense, Leiria, Olhanense, Setúbal… São muitos pontos em jogo, suficientes para que o empréstimo de sete ou oito jogadores (que não servem ao FC Porto) valha, afinal, um título…

      “Elementos afectos ao FC Porto, próximos do presidente Pinto da Costa, pressionaram, poucas horas antes do acto eleitoral para a direcção do Gil Vicente, o líder da lista única apresentada a sufrágio, Afonso Costa, para que a escolha do próximo técnico gilista recaia sobre um homem do chamado ‘lobbie das Antas’.”
«Já no início dos anos 80 há notícias nos jornais de clubes “à pesca” (para usar uma expressão da altura) nas Antas”. Em 1991, por exemplo, o Rio Ave reforça-se com oito jogadores dispensados do FC Porto. Até o treinador, Inácio, transita dos quadros do FC Porto, da equipa técnica dos juniores.

      Uma cópia do Olhanense da época transacta, que teve sete jogadores emprestados pelo FC Porto e o seu treinador foi um ex-capitão portista, Jorge Costa.
Carlos Azenha é outro dos treinadores conotados com os azuis-e-brancos. Na época transacta treinou o Vitória de Setúbal e contou com três jogadores emprestados pelo FC Porto, mas nem assim resistiu aos maus resultados. Já nesta época 2010/11, podemos ver três antigos jogadores do FC Porto a rodar noutros clubes para mais tarde, eventualmente, assumirem funções, é o que se diz, no Dragão: Domingos (treinador do Sp. Braga), Jorge Costa (treinador da Académica) e Fernando Couto (Director Desportivo do Sp. Braga). Voltando atrás, a 1992, o Record traz a seguinte peça, reveladora sobre o tema:

      continua...

      Eliminar
    5. Pulpus Corruptus07 março, 2018 19:20

      Elementos afectos ao FC Porto, próximos do presidente Pinto da Costa, pressionaram, poucas horas antes do acto eleitoral para a direcção do Gil Vicente, o líder da lista única apresentada a sufrágio, Afonso Costa, para que a escolha do próximo técnico gilista recaia sobre um homem do chamado ‘lobbie das Antas’.


      Na base destas pressões (que apresentavam como moeda de troca a continuidade da habitual cedência de jogadores com vínculo ao FC Porto) terá estado a inflexão de Afonso Costa relativamente à contratação do futuro treinador principal, lugar que chegou a ser dado como certo para um de dois homens: Vítor Oliveira ou Carlos Garcia. (…)

      Sobre o relacionamento com o FC Porto, Afonso Costa reconhece que ‘foi um pouco deselegante, mas terá oportunidade de justificar, junto da direcção portista, a sua atitude, e está certo e esperançado de que será perdoado.”
      (Record, 21 de Junho de 1992)


      Outro indício de como funciona este sistema são as declarações, em 1995, de Jorge Gomes, funcionário do departamento de futebol do FC Porto, que acompanha o percurso dos atletas emprestados para, se possível, fazê-los depois regressar ao clube. O acompanhamento, explica, baseia-se na observação de jogos e “nas informações que chegam dos técnicos dos respectivos clubes”. E acrescenta: “É por essa razão que temos o cuidado de privilegiar clubes cujos técnicos estejam identificados com a filosofia de trabalho do FC Porto.”
Jorge Gomes,
      (Record, 28 de Junho de 1995)

      Ora, se, como vimos atrás, no caso do Gil Vicente, o FC Porto dá também umas dicas para a escolha desses próprios técnicos, ficamos com uma ideia do poder de influência do clube portista junto de clubes da mesma divisão, com quem disputa pontos após pontos, jogo após jogo, semana após semana.
Muitos clubes pequenos sujeitam-se assim ao poder do FC Porto, quer escolhendo um treinador que sabem que vai agradar nas Antas quer unindo-se ao clube nas suas várias lutas. E o FC Porto nem precisa de fazer nada, toda a gente sabe como funciona, quanto mais não seja porque os avisos e os castigos aparecem sempre na imprensa. E tudo por causa de meia dúzia de jogadores que sobram dos super-plantéis portistas.

      Já em 1991 tinham surgido insinuações de que o FC Porto se estava a imiscuir na composição da liderança técnica de outro clube, desta vez da Ovarense, mais concretamente sugerindo o nome de Inácio. Só que os dois clubes desentenderam-se e Inácio, como já referimos, acaba por ir para o Rio Ave. Ele e mais oito jogadores emprestados… Nesse ano, outro treinador da órbita portista, Rodolfo Reis, treina outro clube premiado com empréstimos portistas, o Tirsense. Os exemplos são inúmeros.
Pinto da Costa diz que é mentira, que não se mete nos outros clubes, que não decide quem é o treinador. Ninguém estava à espera que o assumisse. Seria um escândalo se o fizesse. As coisas têm de ser lidas nas entrelinhas.
      Como nesta declaração, a propósito do caso Ovarense: “Pretendemos saber quem são os treinadores desses clubes, porque queremos que os técnicos saibam orientá-los em todos os aspectos.”
Record, 7 de Junho de 1991.

      Este poder junto dos clubes mais pequenos era ainda maior devido a um pormenor: emprestava-se o jogador, mas com a condição de ele não defrontar o FC Porto quando as duas equipas se defrontassem. Imagine-se o cenário quando o clube tem mais do que um jogador emprestado. Havia, assim, por vezes, várias baixas na equipa do clube mais pequeno quando defrontava o clube emprestador. Uma norma que só seria alterada, por lei, há pouco tempo.

      Eliminar
    6. Águia Preocupada07 março, 2018 19:46

      "Estorilgates (o verdadeiro de 2005 e não esta colagem que tentam fazer agora"

      Essa agora! Esse, que tu apelidas de verdadeiro, foi jogado num estádio, com público a assistir e com transmissão televisiva!...
      O que apelidas de colagem, foi congeminado e engendrado à vista de quem?
      Vai catar macacos, palerma!

      Eliminar
    7. Rosa Rodrigues07 março, 2018 20:15

      Anónimo palhacito, já foste ao YouTube ouvir as escutas vergonhosas do teu presidente porcalhão? Estás a querer sintetizar mais de 3 décadas de putas e vinho verde a um jogo com o Beira Mar???!!!
      Pára de fumar essas merdas que fazem rir...

      Eliminar
    8. Que nabo ó Nuno.
      Qual foi o castigo por esse jogo que admitem ter sido comprado? Bola.
      Agora estamos todos a espera que digas um jogo comprado pelo Benfica. Um!

      Eliminar
    9. Pulpus Corruptus07 março, 2018 21:56

      Ó palhacito dragarto, ainda falas do Estoril de 2005? Tens aqui a explicação da boca do António Figueiredo.


      As declarações surgem na sequência das acusações feitas ontem por Carlos Xavier relativas ao encontro entre o Estoril Praia e o Benfica disputado no Estádio do Algarve em 2005.

      “Parece que o anormal não sabia que os jogadores estavam com vários meses de salários em atraso.
      Parece que o anormal não sabe que eu falei com a equipa toda antes de irmos para lá.
      A decisão não foi minha, foi uma decisão do conselho de administração, não foi uma decisão individual.
      Parece que o anormal não sabe que isso permitiu pagar os salários.
      Parece que o anormal não sabe que se tentou jogar no Estádio Nacional e se estava a mudar a relva.
      Parece que o anormal não sabe que o Estádio do Restelo estava impedido pois estava cedido para os jogos da cidade e não pôde ser emprestado.
      Parece que o anormal não sabe que se tentou montar uma bancada provisória no sítio onde está agora aquela bancada, mas que razões de segurança não o permitiam”, contra-atacou o antigo presidente do Estoril Praia.

      António Figueiredo explicou-nos ainda pormenores relativos à mudança do encontro para o Estádio do Algarve, reafirmando a decisão colectiva que foi tomada.

      “Foi pedida opinião ao treinador, aos jogadores… Sabe o que é os capitães de equipa me disseram? Disseram-me que para eles até jogavam no Estádio da Luz. Queriam era receber o dinheiro”.

      “O Estoril quando passou à primeira, tinha acabado o dinheiro. E assim que garantimos a subida, o Sr. Joaquim Oliveira adiantou metade do valor das transmissões televisivas do ano seguinte. Eu fico na 1ª divisão e, entretanto, o Veiga vai para o Benfica. Vendeu acções a um grupo inglês que nunca entrou com dinheiro. O Damásio saiu.

      Fiquei eu, mais o Manuel Alves, mais o Laranjo, e ficámos agarrados com aquilo e com dinheiro para metade da época. Depois deu o que deu. Se não fosse aquele jogo tínhamos acabado a época recheados de dívidas. Se calhar no outro ano a seguir nem na 2ª divisão competíamos”, acrescentou.

      António Figueiredo reforçou ainda a ideia de que o jogo do Algarve foi uma bóia de salvação para o Estoril Praia: “Foi por milagre, já quando nos preparávamos para declarar falência, que eu lá convenci o João Lagos a entrar naquele negócio. Onde até perdeu um dinheirão, mas permitiu que o João Lagos tivesse negociado com a Traffic e o Estoril esteja agora onde está. Quando chegámos ao Estoril o clube estava na 2ª divisão B e perto de descer. A prioridade era não descer da II B. Era só o que me faltava”.

      O antigo líder do clube estorilista atacou ainda Carlos Xavier devido a decisões técnicas que apelidou de “muito estranhas” quando o Estoril recebeu o Sporting nessa temporada:

      “Eu nunca disse isto, mas digo-o agora. Tendo uma equipa técnica que ainda hoje eu estimo e de quem sou amigo, tendo o director desportivo do Sporting, o treinador do Sporting, adjuntos do Sporting, estranho muito que quando nós recebemos o Sporting tenhamos mudado a defesa toda e o Estoril tenha perdido em casa com o Sporting por 4-1.
      As maiores goleadas que o Estoril teve nesse ano foram contra o Sporting. Bastava ter empatado esse jogo. A defesa foi toda modificada, mudaram o capitão e o Sporting que estava a atravessar uma fase difícil conseguiu ir ali buscar três pontos o que endireitou as coisas por algum tempo”.

      “Não foram capazes de ganhar ao Sporting e no Algarve, onde o Estoril se bateu praticamente de igual para igual, onde o Benfica se viu aflito para ganhar o jogo com um golinho do Mantorras já a acabar, onde o Estoril vendeu a alma em campo e onde teve um jogador expulso por culpa do banco, que parecia uma gaiola de malucas, tudo a excitar os jogadores…”, acrescentou.

      continua...

      Eliminar
    10. Pulpus Corruptus07 março, 2018 21:56

      ….
      António Figueiredo assegurou mesmo que em mais nenhum encontro da liga nessa temporada o Estoril teve as mesmas condições de trabalho:
      “O jogo do Estoril foi aquele, não por parte do Estoril, que o prémio de jogo era igual ao do Sporting e FC Porto, e soube isto por eles, onde houve mais um prémio suplementar de mil e tal contos dado por um fulano qualquer que dava para que o Estoril roubasse pontos ao Benfica”.

      “O Litos foi uma semana antes para o Algarve preparar o jogo. Tiveram uma semana no Algarve. Tudo isso foi possível porque conseguimos encher o estádio. Porque o tempo estava bom e porque o Benfica tem essa dinâmica de levar muita gente atrás e nós facturamos 600 mil euros. Se é a isso que ele se refere, então sim, o jogo foi vendido. Mas era imprevisível. Quando a administração tomou essa decisão não sabíamos se íamos fazer muito dinheiro. Claro que mais do que se jogássemos no Estoril faríamos sempre”, acrescentou.

      Por fim, António Figueiredo assegurou que o caso irá ser entregue às autoridades e será decidido na justiça.

      “A minha reacção só pode ser através da justiça. Isto realmente ultrapassou tudo. Ao fim deste tempo todo, esse cavalheiro que foi trabalhar para o Estoril por esmola e a pedido do Mário Jorge, por esmola, ainda tem a desfaçatez de dizer aquilo que disse… devem estar a pagar-lhe com certeza…”.

      “É ridículo. Eu já entreguei isto à polícia. Já mandei isto para o meu advogado. Eu realmente tenho de calar este anormal. Este individuo tem sido de uma insensatez…
      Veja só se o Litos mais alguma vez foi buscar este cavalheiro para o ajudar. Isto demonstra que, mesmo sendo amigos, mostra o desempenho que este indivíduo teve por lá. A maior parte das vezes nem sequer aparecia.

      Ao fim destes anos todos, porque lhe arranjaram também uma esmola no Sporting, veio ressuscitar uma coisa com tanto tempo que eu já expliquei tanta vez. Dei-lhe emprego por esmola, por piedade e por pedido dos amigos dele”, disse ainda.

      António Figueiredo, in Bancada

      Eliminar
  6. Quero só ver quando tudo isto passar
    ...

    ResponderEliminar
  7. Sim caro Redmoon, vamos fingir que vivemos noutro planeta !!!
    Anjinhos há muitos no céu!!! E não me venhas dizer que os portugueses é que são corruptos, a corrupção existe em todo o mundo, só que me alguns lugares é melhor escondida ou chamam-lhe outra coisa!
    Se alguém no Benfica for condenado por corrupção, terá de lidar com as consequências! Até lá não serei eu a contribuir para que sejamos novamente espoliados de campeonatos em benefício de gente, faz tudo e mais alguma coisa impunemente!
    Como se costuma dizer: Ou há moral ou comem todos. Agora, COMER SÓ O BENFICA!!!
    Eu não sou carneiro, mas também não sou BURRO, e sei como funcionam as coisas nesta sociedade!

    ResponderEliminar
  8. É curioso ver muitos " basta " agora que o Benfica começou a ganhar ....realmente é curioso.

    ResponderEliminar
  9. Parabéns Redmoon pelo post, és o único neste blog que consegue escrever com inteligência e lucidez sem cair em fanatismo como os outros colegas.
    Tem cuidado porque ainda vão falar que estás ao serviço do Porto ou Sporting.

    ResponderEliminar
  10. Caro Redmoon,
    O dia em que abandonar o NGB, este blogue deixa de ter massa crítica e passa a ser mais um manual de instruções. Posso não concordar com tudo, mas reconheço que obriga a refletir. Um bem-haja pela honestidade intelectual.
    Bessa

    ResponderEliminar
  11. Rui Benfiquista07 março, 2018 17:22

    O CESAR BOAVENTURA já foi ouvido pelas tv´s, pela PJ, JA O CALARAM??? A BTV não escalpeliza isso????

    ResponderEliminar
  12. Numa altura que estamos a ser atacados por todos os lados, com determinados orgãos de comunicação social a encherem a mula à nossa conta e saiem estes artigos que não interessam a ninguém. Nesta altura há que cerrar fileiras, podem não gostar do Vieira e de quem lá anda, mas não é difícil ver o que está aqui armado. Oportunismos e lições de moral no fim do campeonato, nessa altura até se agradece!

    ResponderEliminar
  13. A tua música é sempre a mesma, és como os urubus, só apareces quando cheira a sangue !

    Contam-se pelos dedos das duas mãos os teus "comentários" após os jogos do Glorioso.

    Lugares comuns, frases feitas, e não sais do mesmo registo.

    Agora eu pergunto, tens sugestões ou alternativas para melhorar as relações dos clubes com a Com.Social, Media,com os empresários, e também porque não, com os sócios e adeptos?

    Tens algum remédio para melhorar o estado " catatónico " que atacou uma larga franja de adeptos sobretudo dos clubes mais mediatizados, e que tantos prejuizos materiais lhes tem causado?

    Tens alguma solução milagrosa para "formar" dirigentes e adeptos quando tens uma classe política que fede à distância ?

    Pensa nisso ...

    ResponderEliminar
  14. Como li algures há dias, facciosismo, tudo pró mesmo lado é na hora em que o Glorioso joga.
    Nos intervalos, haja clarividência e exigência, tal como exigimos dos governantes ou daqueles que dependem de nós.
    Daí, a única coisa inquestionável e intocável é o Sport Lisboa e Benfica e o seu símbolo.
    Excelente texto!

    ResponderEliminar
  15. Quando falam em PPC deviam de colocar o video da taça lucilio baptista.

    Uma bola que bate no peito,fora da área,é transformado em grande penalidade a favor do SLB.

    Vocês deviam de ter vergonha de querer comparar uma denuncia caluniosa com o Apito dourado e com o caso dos Vouchers/Emails/Jogos para perder.
    Mas por outro lado fica visivel a vossa falta de argumentos.Parecidos com o SLB em PT só mesmo o FCP.È aquela mistica que faz dos benfiquistas lampiões desde a década de 30 do século passado e que vocês tentam esconder com mentiras e propaganda.

    Enfim,espero que no fim se faça justiça e que os adeptos do SLB colham o que andaram a semear.
    Seria sem duvida um sinal de que o País estava a evoluir.

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ó monte de merda, qual foi o jogo para perder? O do Rio Ave, em que dois dos «comprados» já não jogavam lá? Ou o do Brian Ruiz? Ou o jogo dos teus sapos no Porto há dois anos? Ou estás a falar no papel de Juca noutras eras? Ou as garrafadas no dobrar do século e do célebre jogo com o Salgueiros? Ou do bigodes? Ou de Sousa Cintra?

      O que é um lampião? É aquele poste que segura o Vasco Santana de tomar de tão bêbedo? Ou é o porco do teu presidente que anda a palitar a mulher enquanto ela fica em casa de tão prenhe?

      Ou referes-te aos milhões que o Sobrinho e o Mosquito andam a lavar no esterco que é a agremiação de que és adepto? E queres que te fale de Venâncio?

      Um gajo que não sabe escrever uma simples frase que seja em português e vem para aqui falar em argumentação? Ó rapazola, vai lá aprender a ler e escrever e deixa o... tu sabes.

      Eliminar
    2. Estás mesmo a falar do Lucílio Batista, um árbitro adepto dos lagartos?
      Se ele via mal que culpa é que tem o Benfica? Que fosse ao oftalmologista.

      O país a evoluir é a lagartada voltar ao lugar que é deles, o 4º lugar atrás do Braga. Já falta pouco!

      Eliminar
    3. Águia Preocupada07 março, 2018 19:52

      Qual é a mística que faz de vocês animais nojentos rastejantes? Diz ó lagarto porco?
      Vocês têm é inveja! Foi sempre isso que vos moveu na vida! Javardos!

      Eliminar
    4. Águia Preocupada07 março, 2018 19:56

      Nem li toda a merda que escreveste... Por isso vou complementar!
      Vamos colhendo sim, as vitórias que o teu clube nem com depósitos consegue...
      Vamos colhendo sim, os troféus que o teu clube nem com 8 milhões mensais ganha!
      Ah! e o país vai evoluir é com gente tipo brunalgas, um arruaceiro da pior espécie e uma coisa sem carácter, que emprenha as fêmeas e as larga de seguida! É desta evolução que falas? Bem me parecia que os valores humanos e sociais andam muito cá por baixo...
      Olha, BARDAMERDA PÁ!

      Eliminar
    5. Balakov estás a comparar um erro de um árbitro com um depósito na conta do árbitro? A comparação é essa? Algo que acontece diversas vezes em todos os jogos em maior ou menor número e magnitude com um vice a depositar dinheiro na conta? Vocês devem bastante á inteligência!

      Esses "casos" todos são zero. Não tenho dúvidas que ainda não percebeste isso... Pelos teus comentários és daqueles que só acorda para a realidade depois de ela te cair em cima.

      Eliminar
  16. E o pior ainda está para vir. Lfv tem que colocar mais uns quantos elementos da pj na sua comissão de honra o mais rápido possível. Ao que chegaram.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem assim o avisaram atempadamente para se pirar para uma Vigo qualquer.

      De onde tu nunca saíste.

      Eliminar
    2. Avisar porquê, ele foi preso...?
      Não, e dificilmente será (apanhado, quero dizer). Quem anda com juízes...

      Eliminar
  17. Basta?
    Mas Basta o que?
    Continuo sem perceber este basta?
    Nós gostamos do futebol assim sempre foi agora única culpa disto tudo é dos sócios do Benfica e eu incluído Nr.160223 votei nas pessoas erradas com muita pena minha Vale (vol1) LFV (vol2) A história continua.
    Neste momento tou sem palavras e sem argumentos nunca pensei

    ResponderEliminar
  18. "E um clube que tem um Paulo Cristóvão que coloca dinheiro na conta de árbitros na esperança de que o dinheiro lá fique e depois se possa chantagear daí em diante obviamente para recolher benefícios dentro do campo"

    Não era preciso ficção para dar força à narrativa....enfim. Uma merda julgada, provada e com condenação por difamação já leva uma pintura nova para parecer outra merda.

    ResponderEliminar
  19. Muita tensão Redmoon. Aproveita o bom futebol aí do reino Unido. Isto não presta.

    ResponderEliminar
  20. Caro Redmoon,

    Deixo apenas dois comentários ao seu artigo:

    1) OS Benfiquistas sabem o que é o Benfica, não precisam que se esteja constantemente a apelar aos valores éticos e morais inerente a ser do Glorioso. Se alguém acha que ser Benfiquista é semelhante a ser Portista ou Sportinguista, então não é Benfiquista, mesmo que prefira que os de vermelho e branco ganhem. Posto isto, esta contínua reafirmação serve que propósito? Haver uma admissão por parte dos inimigos do Benfica sobre o que é ser "Benfiquista a sério"? Eles jamais o assumirão, jamais farão outra coisa que não tentar, de todas as formas erradas, ser Benfica - exactamente porque não percebem o que isso é. Eles sabem invejar, mas nem sabem o que invejam.

    2) A certa altura escreve: "três clubes grandes que conseguiram secar tudo à sua volta ao ponto do que resta hoje serem 12 ou 13 clubes a mendigar migalhas aos Grandes para poderem sobreviver". Faço notar que grande parte destes clubes actualmente na I Liga foram promovidos por compradios com Pinto da Costa e Pedroto. Grande parte destes clubes não tem quaisquer condições para ser clube de topo em Portugal, não porque os três grandes lhes tenham secado (o Benfica não o faz seguramente, dado que cada vez que os visita, só de assistência com os bilhetes mais caros da época, paga grande parte do orçamento), mas sim porque não têm nem nunca tiveram. São falsos clubes de I Liga: não têm público, não têm formação, não têm estádio com condições mínimas, não têm infraestruturas para sequer ser aceite numa primeira liga mediana por essa Europa fora. Contudo, há clubes nos escalões inferiores que têm melhores condições a todos os níveis, mas que foram ou aniquilidados quando não aceitaram colaborar com o círculo de amizades que a norte se montava, ou são travados na sua ascenção exactamente pelos clubes que já estão inseridos, há décadas, nesse círculo de interesses. Misturar o nome do Benfica nisto é cometer uma falácia: "se os outros fizeram, nós, porque ganhámos, também devemos tê-lo feito". Incorrecto do ponto de vista lógico e falso na sua verificação factual. Repare que a sul, neste momento, até Portimonense e Belenenses têm ligações ao referido círculo montado historicamente pelo FC Porto! Não, o Benfica não fez nem faz o mesmo, mas os nossos inimigos (sim, é essa a palavra adequada) jamais o admitirão.

    Cumprimentos,
    A.do Isaías

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem visto, isso que relatas em 2) é exactamente o que o Benfica tem feito nos últimos 7 ou 8 anos, por isso foi contratar alguém que tirou o mestrado nas antas e no bessa.

      Eliminar
    2. Águia Preocupada07 março, 2018 20:09

      Isso ninguém fala. Os merdas dos mérdia fazem tantas alusões históricas mas esquecem de mencionar clubes com história na parte sul do país e que militaram muitos anos na 1ª divisão e que foram sendo excluídos para que o lobi do norte tomasse de assalto o campeonato.
      Os mais velhos, lembrar-se-ão do Farense, do Lusitano de Évora, do Oriental, do Atlético e do Portimonense que só agora teve permissão para voltar!
      É preciso lembrar que durante quase meio século, não houve equipas abaixo de Setúbal! Estranho, não é?

      Eliminar
    3. Estranho...?
      Vamos ver quantas escolas, quantos miudos, quantos clubes existem só no Minho, por exemplo, e comparar com Alentejo e Algarve juntos?

      Eliminar
  21. Sinceramente, não consigo perceber quando se fala no Apito Dourado... O Luis Filipe Vieira também não foi apanhado nas escutas telefónicas ?
    Porque é que esse assunto é tratado como sendo do FCPorto??
    Alguém me consegue esclarecer??

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Animal, antes de zurrares, informa-te.

      Eliminar
    2. Não consegues perceber porque tens alguns bloqueios mentais.. provavelmente porque ainda continuas a pensar que tráfego e tráfico significam exactamente a mesma coisa !

      Eliminar
    3. Pulpus Corruptus07 março, 2018 19:39

      Quais escutas, fruteiro? Não sabes do que falas!!!


      A escuta (e não escutas) remonta a um jogo da Taça de Portugal entre Benfica e Belenenses.
      Valentim liga para LFV (e não o contrário) a dizer que o árbitro escolhido e nomeado (Paraty) não podia arbitrar porque tinha acabado de apitar um Belenenses vs Nacional na jornada anterior.

      LFV fica indignado com a situação e é então que Valentim começa a sugerir árbitros para substituírem Paraty.

      Luís Filipe Vieira (LFV) - Eu não quero entrar mais em esquemas nem falar muito...(...)
      Valentim Loureiro (VL) - Eu penso que ou o Lucílio... o António Costa, esse Costa não lhe dá... não lhe dá nenhuma garantia?
      LFV - A mim?! F.., o António Costa? F... Isso é tudo Porto!
      VL - Exacto, pronto! (...) E o Lucílio?
      LPV - Não, não me dá garantia nenhuma o Lucílio!
      VL - E o Duarte?
      LPV - Nada, zero! Ninguém me dá!... Ouça lá, eu, neste momento, é tudo para nos roubar! Ó pá, mas é evidente! Mas isso é demasiado evidente, carago! Ó major, eu não quero nem me tenho chateado com isto, porque eu estou a fazer isto por outro lado.(...)
      VL - Talvez o Lucílio, pá!
      LPV - Não, não quero Lucílio nenhum!(...)
      VL - E o Proença?
      LPV - O Proença também não quero! Ouça, é tudo para nos f...!
      VL - E o João Ferreira?
      LPV - O João... Pode vir o João. Agora o que eu queria... (...) Disseram que era o Paulo Paraty o árbitro... O Paulo Paraty! Agora, dizem-me a mim, que não tenho preferência de ninguém (...) à última hora, vêm-me dizer que já não pode ser o Paulo Paraty, por causa do Belenenses.

      Quanto às escutas diz que não pediu favores, “Não escolhi árbitro nenhum. Naquela altura era capaz de rejeitar todos mas quando ouvi o nome do João Ferreira, que era militar, senti que podia ter garantias de honestidade. A conversa que houve comigo também houve com o Belenenses. A escuta não tem nada, era normal procurar-se um consenso na escolha do árbitro. Não vai aparecer nenhuma escuta minha a pedir favores”.

      Foi ainda confirmado pela FPF que chegando aos quartos de final da Taça de Portugal, todos os clubes eram consultados no sentido de se obter unanimidade para a nomeação do árbitro que fosse dirigir os referidos encontros.

      Das 720 escutas onde aparece Pinto da Costa, que fala em fruta para dormir, três Deusas, alterações de classificações de árbitros, encontros com árbitros em casa, oferta de bilhetes a árbitros e a juizes, notícias falsas para despenalizar jogadores, mentiras para abafar o caso da camisola rasgada, etc., veio a lume uma em que fala com o Major ou Pinto de Sousa, onde acerta a nomeação do árbitro Pedro Henriques para o encontro FCP – Leiria.
      Sabe o que aconteceu a esta escuta? Foi para o caixote do lixo, porque na altura era prática comum consultar as partes.

      Curioso (ou não) é verificar que não existe um andrade sequer a admitir que o seu presidente é uma personagem suja, aldrabona, que não olha a meios para atingir os fins.
      Instigador de ódios, com discursos carregados de bílis contra o Benfica e contra o Sul, os tripeiros, qual ovelhas bem amestradas, dizem ámen a tudo o que sai da boca deste asqueroso presidente.

      E pior, ou talvez não, é a complacência da lagartagem. É que se estes se têm unido à verdade pelo futebol, quando estoirou o Apito Dourado, talvez as coisas cantassem de outro modo. Mas foram calados e comprados com 50% do passe do Postiga. Assim optaram pelo silêncio. E agora, em vez de se preocuparem com a gravidade que este clube do norte fez e faz ao futebol português, ainda se aliam a este antro de corrupção, na esperança de umas migalhinhas (taças e supertaças) enquanto que eles mamam o resto (campeonato, a competição mais importante).








      Eliminar
    4. Esclarecemos sim.
      Não. Não foi apanhado a fazer nada de ilegal. Qual é a próxima dúvida?

      Eliminar
    5. "....eu não quero nem me tenho chateado com isto, porque eu estou a fazer isto por outro lado.(...)"


      Caramba, o homem estava mesmo 10 anos à frente.

      Eliminar
  22. O Benfica tem toupeiras na PJ e mais não sei onde, mas blogues, «sites», jornais e revistas publicam o que querem, quando querem e como querem e tudo porque consultaram a Maya. Deve ser assim que sabem o que pensam que sabem e publicam. Não têm ninguém lá dentro.

    Vieira poderia oferecer p...as, fruta com chocolate, quinhentinhos, viagens por esse mundo fora, dinheiro vivo (Alô, Jorge Gonçalves! Alô, cervejeiro!); poderia comprar resultados ao intervalo; poderia «visitar» as casas e estabelecimentos comerciais de famílias de árbitros; poderia visitar centros de estágio dos próprios árbitros; poderia lavar dinheiro roubado um e sangrado outro; mas nâo, não faz nada disso: compra tudo isto com camisolas do Eusébio, um par de refeições e uns bilhetes para uns jogos. Ah, c...o! Que gente incompetente! Não fazem nada de jeito!

    A imprensa já está às portas do Estádio da Luz e da casa de Vieira muito antes de a PJ chegar. Deve ser a toupeira do Benfica que informa os prestáveis jornalistas.

    Pelo meio, entre 3,5 e 4 mil milhões de euros vão sair dos nossos bolsos para continuar a tapar o buraco do BES, o tal de onde desapareceram, da sede em Angola uns valentes milhões que precipitaram a sua queda e que estão no «bolso» de um sobrinho qualquer.

    E toda esta merda foi arquitetada pelo pobre cérebro do Vieira. É tudo de uma simplicidade atroz.

    PS - Já agora, Vieira sai pelo próprio pé ou terá de ser escorraçado?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muita coisa que foi publicado, teeve origem nos servidores do Benfica.

      Eliminar
  23. Criminosos, a pagar dividas antes que o prazo para as pagar termine. CRIMINOSOS...
    Tenham lá juizo! Olhem, se o vosso presidente for dentro pode ser que lhe consigam arrestar bens de forma a pagar o que deve ao Estado, ou seja, a todos nós.
    Tenho dito. Over and out

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estás a falar das VMOC ou do Olival? Hum?

      Ou és tio do sobrinho e o sangue do mosquito?

      Ná, tu és azul. Já agora, prova lá a dívida, mas antes passa pela UEFA, só para confirmares.

      Eliminar
    2. Tem cuidado o lagarto daltonico pode ser q tenhas de ir visitar o teu presidente antes pois de caloteiro de falências não se livra e o calote ao fisco continua de pé o Vieira está se a cagar para o q tu grunhem com as tuas falsidades ou o teu não lhe fizeram arresto de tudo mas tu ajudas a dar uns euritos ao carneiro mor para ele gozar com os carneiros verdes

      Eliminar
    3. Quem acusa é que deve provar. Consegues?

      Eliminar
  24. Basta ver o blogue do Hugo Gil q tem poucas horas de hoje onde a marosca verde tem de ter castigo ,ou a PJ o MP e a PGR só lêem e ouvem quem querem e quem.lhes dá guarida será

    ResponderEliminar
  25. bom, na se passa nada, sao tudo mentiras..e prontus

    ResponderEliminar
  26. O Balakov que não se esqueça que além da questão dos 2 mil euros na conta do fiscal de linha, houve espionagem a árbitros e a rivais por parte do PPC. E claro, isto já para não falar nas imagens intimidatórias nos interiores do estádio de forma a semear receio nos adversários e nos árbitros...

    ResponderEliminar
  27. Como de costume os carnidenses para se defenderem das acusações de corrupção activa, atropelam toda a verdade, o que interessa é fazerem como os miúdos da pré-primária, quando são apanhados a fazer uma tropelia dizem "não fui só eu, os outros meninos também o fizeram", cresçam, sejam homenzinhos. Estou a falar do caso PPC, todos nós sabemos que foi o PPC o cérebro da coisa, mas, contrariamente ao que vocês apregoam (para confundir o pessoal) o que pretendia o PPC era mandar depositar o dinheiro na conta do Cardinal, para afastá-lo do jogo Marítimo-SCP (lembro que o Cardinal antes esteve implicado no caso que ficou conhecido pela Taça da Lucílio Batista), não era chantageá-lo, como vocês querem fazer crer, para passarmos a ser todos iguais a vocês, para isso o PPC mandou depositar na conta do Cardinal 2.000€, depois fez chegar o talão de depósito pelos correios ao Sporting, o presidente da altura (Godinho Lopes) fez queixa na PJ do depósito, denunciando à PJ da suspeita de corrupção do árbitro auxiliar José Cardinal, o SCP constitui-se assistente no processo, e foi provado que não teve nada com o assunto. O PPC esteve mal, sem dúvida, (para vocês isto são peanuts, decerto) mas daí até à corrupção, como antes (só antes?) praticava o FCP, e agora pelos seus dialectos alunos de carnide, vai uma grande distância.

    Temos pena, mas, não queremos misturas connosco.

    Agora chorem, mas, a única coisa que vos podemos oferecer, é uma bisnaga de vaselina, com areia à mistura, para vos dar prazer.

    Alvaro Pinhal (vendedor de vaselina)

    ResponderEliminar
  28. Cada vez mais, o único autor que se pode ler neste blog.

    Saudações portistas...e desportivas!

    ResponderEliminar
  29. Os 3 grandes têm via verde para fazerem tudo o que lhes apetece.
    São um ou mais dos 3 grandes que metem os dirigentes na Liga e na Federação.
    Portanto nenhum dirigente da Liga ou Federação punirá como deve ser um dos 3grandes.

    Todos devem favores a alguém
    Todoa têm esqueletos no armário.

    Não ha solução para a trafulhice e corrupção que impera no futebol português. Ja não ha credibilidade.
    O Porto teve zero consequências do apito dourado. O Sporting teve zero consequências do dinheiro na conta de arbitros. o Benfica também não será punido agora.


    Os 3 grandes são 3 eucaliptos. Secam tudo à sua volta. Todoa os outros mesmo que unidos nunca farão frente aos 3 grandes, porque os dirigentes destes estão também feitos com os 3grandes. Alguma vez o Presidente do Portimonense ou do Setúbal ou o dragao de ouro do Belenenses SAD irá levantar uma mão contra pinto da costa ?

    Só quando os 3 grandes falirem é que isto irá melhorar.
    Enquanto eles continuarem a comprar tudo é todos e a exercerem pressão e a exigirem que tudo seja feito como pretendem o G-15 nunca passará da cepa torta.

    O Sporting vive numa desorganização completa. Ninguem se entende naquela casa. O Porto vive daquilo que vive noa últimos 35 anos e nada irá mudar enquanto o papa lá continuar e o Benfica como maior clube Português continuará a atrair para si a maior parte das pessoas o que fará que ninguém se interesse por um Setúbal por exemplo, porque o Benfica é que tem mais chances de ganhar e as pessoas não gostam de pertencer a clubes que nunca aspiram a nada

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking