O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 24 de maio de 2014

NOVA ÉPOCA PARTE III

 ●  26 comentários  ● 

NOVAS FRESQUINHAS DO QUE AÍ VEM PARA 2014/2015 - Parte III ( ou Rambo III - A fúria do Herói )

Perdoem o trocadilho com o filme, mas foi daqueles filmes de juventude, e uma vez que nesta conclusão sobre o que a direcção planeou para a nova época vamos falar do HERÓI (aka Jorge jesus), pareceu-me justa a evocação! 

Somos chegados ao final da trilogia, ficando agora as directrizes sobre o nosso ataque e sobre o nosso treinador.

Mais uma vez, lembrar que o que hoje é verdade, amanhã será mentira se o mercado der uma volta na direcção contrária. Se um bom negócio surgir (espero podermos ter novidades em breve...) pode ser o suficiente para manter um ou outro jogador considerado transferível.


ATAQUE: 
SAÍDAS: Oscar "tacuara" Cardozo. O Ponta de lança paraguaio que terá sempre lugar na história do nosso clube, como um dos maiores artilheiros, nunca foi um bem amado na luz. O seu estilo de jogo, mortal dentro da pequena área, por vezes desesperante fora dela, sempre o colocou na berlinda entre besta e bestial. Depois da cena da final da taça, Cardozo traçou a sua sorte, e apesar de uma proposta da turquia, contra a vontade do treinador, por cá ficou. Quanto a mim, não se quis fazer do Tacuara um "mártir e esta época foi um processo lento de "asfixia" da aura do goleador. Ainda assim, foi de enorme impacto a sua produção no principio da época. Depois, uma lesão muito condicionante nas suas costas, e um sistema de jogo que "cospe" o paraguaio para os cantos, decidiu o fim da linha. Não faz parte dos planos, o seu salário é dos mais altos, e agora, qualquer proposta de 3 Milhões o levará para fora da luz. Espera-se por qualquer telefonema ou fax que termine esta novela. Quero aqui realçar o profissionalismo de Cardozo, uma época dificílima de aguentar, com dores, sacrifício perante a equipa, e um modelo que não foi criado para o seu tipo de características. Obrigado por tudo Oscar.

Rodrigo Moreno: Um rapaz que parecia ter sido partido ao meio por aquela besta de seu nome Bruno Alllvv... Brugno Ahhhrg... desculpem, mas não consigo dizer o nome deste monte de mer**, voltou á forma inicial e valeu a sua venda por 30M. Já não é nosso jogador, parece que o valência já terá reservado um cacifo com o seu nome, apesar de todo um rumor do AC Milan. Importante na manobra actual da equipa, explosivo, raçudo, por vezes complicando o que seria fácil, mas é daqueles jogadores que nos rendeu e muito, quer desportivamente, quer financeiramente. Difícil de recuperar esta perda.

Lima: aos 30 anos, Lima seria claramente para manter, caso não fosse preciso vender. Agora, como é preciso encaixe financeiro, o luso-brasileiro, o canhão lima, é um dos jogadores com mercado. A sua venda depende da oferta, e com a sua idade, esta pode ser a última oportunidade de realizar dinheiro com ele. Aqui a direcção está dividida. Tenta até renovar com ele, para enviar até a mensagem correcta para o grupo e adeptos, mostrando estar a segurar os melhores, mas não se enganem, acima dos 8M, Lima sairá.


PERMANÊNCIAS: Funes Mori: Este argentino que repito para os que não se lembram, era suplente do Mora, e nós trocámos um pelo outro, não me convence. Mas alguém vê nele potencial. É certo que luta, corre, mas... eh pa... não compreendo sequer como é que em todos os festejos de títulos, o Funes apareceu sempre no relvado para festejar. Eu só perguntava, "quem é que o convidou?" O certo é que está em todas... E será mais uma época assim, a estar sempre por ali. Não o acho com valor para cá ficar, mas é o que temos. Atenção, que se tudo correr bem, segue num pacote por troca com outro(s) jogadore(s). E eu estou a fazer figas para que isso aconteça.


ENTRADAS: Nelson Oliveira. O nosso ponta de lança português, terá aqui uma época decisiva. Vai ter que apostar tudo para mostrar que tem cabeça e vontade de ser profissional. Precisa de ser acarinhado para se sentir bem, mas é daqueles que me fazem duvidar e muito do desfecho. Numa época em que se pode assumir como o Ponta de Lança da equipa, vai ter todos os holofotes em cima dele. Depois de uma época do Rennes, onde foi o melhor marcador com... 8!!golos, tem de cerrar os dentes e perceber que tem um longo caminho ainda a percorrer. Espero que a não chamada á selecção para o mundial o tenha feito ver isso mesmo, e o "pique" para no próximo mundial, ser das figuras de cartaz! Já teve proposta para sair, mas LFV aguentou mantê-lo. Pessoal, se com JJ resultou este braço de ferro de LFV, pode ser que resulte com N.Oliveira.

Helder Costa: Vai ser promovido à equipa principal, e dele se precisa também para a contagem de portugueses e de jogadores criados no Benfica para as provas "uefeiras". No entanto, passará mais tempo pela Equipa B, quero acreditar. É ainda novo, tem potencial, mas penso que Roderick, Miguel Rosa, David Simão, Diego Lopes, também tinham... a ver vamos.

Ponta de Lança: Pois é, época sem um ponta de lança, não é época, mas desta vez justifica-se o investimento nesta posição. O Benfica arrisca-se a perder só! três dos seus avançados, e precisa de renovar o faro pelo golo. Temos vários alvos definidos, um deles até português, e agora aguarda-se pelo resultado. Pelo menos, a direcção está apostada em ir até valores a rondar os 12M por este lugar... mas depois ainda temos as parcerias, as compras de 50% dos passes... toda uma ginástica financeira para garantir alguém que a "meta lá dentro!!"

Posto isto relembro aqui as directrizes da próxima época:
Objectivo 1 - Desinvestir claramente no futebol . Calma, antes que se comecem já a levantar das cadeiras a chamar nomes, lembrem-se que estamos á varias épocas a viver acima das nossas possibilidades, recorrendo a empréstimos para poder manter os melhores jogadores e assim recriar um Benfica Europeu. À "pala" deste excesso económico, o Benfica precisa de na pré-época fazer um encaixe de 50 Milhões de euros (mínimo!!), depois de termos de ter vendido o Matic, o Rodrigo e o André Gomes, por EXTREMA necessidade de encaixe!

Objectivo 2 - Reduzir entre 50 a 60% a folha salarial do nosso plantel. Para além de gastar muito menos no reforço da equipa, chegou ao meu conhecimento que este é um dos objectivos a cumprir para se conseguir um "Equilíbrio Financeiro" Somos um plantel com uma carga salarial muito acima da realidade do nosso campeonato, e por isso, vamos ter de ajustar esse facto!

Objectivo 3 - Incorporar os jovens elementos formados no Benfica (temos pela 1a vez neste consulado uma verdadeira geração "made in Benfica", a equipa que tão bem representou o nosso clube na Youth cup sub-19, perdendo apenas na final (mais uma final europeia perdida a juntar ás dos seniores...). Por isso, 1 terço dessa equipa vai ser promovida à B, subindo da B vários elementos.

Assim, que equipa base teremos para o ano? Algo mais ou menos assim:  Oblak; Maxi, Luisão, Lisandro Lopez, André Almeida; Fesja, Ruben Amorim, Salvio, Markovic; Nelson Oliveira, PLança. Faço figas para que Luisão fique, e ainda temos a hipotese Javi Garcia. Depois ainda Pizzi, Djuricic, Sulejmani, Bernardo Silva,... por isso, acredito que temos equipa para revalidarmos o título! E claro, mais um ou outro recém contratado para acrescentar mais valor... será sempre bem vindo. 


Agora, o Treinador!!! Pois é, aqui começa o filme a ganhar contornos interessantes!! 
Jorge Jesus, esteve para não começar a época. Ninguém dentro do Benfica o queria, e foi contra tudo e contra todos, que LFV fincou o pé! Muitos ficaram amuados dentro do Benfica, mas LFV acabou por ter sorte e conseguiu sair daqui como o grande vencedor!

E aqui está a receita para as cenas dos próximos capítulos. LFV conseguiu sair como o grande vencedor, o homem visionário, que cujo profissionalismo impediu que as vozes de condenação do treinador lhe toldassem a clarividência. Foi graças a ele que o Benfica tem uma época vitoriosa, e que inclusive deixou JJ com alguns ciúmes por a LFV ser reconhecido mais mérito pelos adeptos do que ao próprio treinador. 

Sejamos francos, LFV jogou uma enorme cartada! Não podia despedir JJ porque seria um dinheirão o que teríamos de pagar em indemnização, e porque seria o seu fim igualmente com presidente. Caindo Jesus, LFV teria até uma multidão a pedir já que pusesse o lugar à disposição, aceitando o falhanço do seu projecto desportivo. Com um passivo sem fundo, e sem títulos, LFV pouco mais poderia fazer do que agarrar nas malas e fugir da multidão encarnada, que queria justiça! E ainda marcado pelo seu acto de gestão mais doloroso, o despedimento de Fernando Santos, o presidente inverte os papeis, e faz de forma audaz a fuga para a frente. O "ou vai ou racha" acabou por "ir", e ganhou em todos os campos. Perante a massa adepta, mostrou ser um homem que percebe de futebol e que trabalha para o bem do clube sem ligar a vozes de fora ou dentro, e consegue "aprisionar" JJ ao seu virtuosismo. JJ é agora o refém do sucesso do presidente, e contra ele já não consegue moldar as suas vontades.

Jorge Jesus passa de 11º treinador mais bem pago do mundo, homem conhecedor da tática e dos jogadores, para o "gajo" que foi salvo pelo senhor presidente. As leis deixaram de ser ditadas pelo mister, e encontra-se agora numa encruzilhada. Tem mais um ano de contrato. LFV não o vai despedir, ficava mal e estragava a sua aura de "messias". Mas coloca-lhe um cenário diferente, do género de que se não lhe agradar, pode sempre sair. Assim o clube pode poupar e bem uns valentes euros, ficando o caminho aberto para... Fernando Santos. JJ sempre teve enormes orçamentos para contratar jogadores, luz verde para dicidir o planeamento, quem queria na estrutura, Carraças, treinadores da B, etc. Agora, isso já não será assim, agora quem manda é o Presidente, e isto para alguém que se acha o maior da aldeia, poder empurrar quem quiser sem consequências, é difícil de engolir.

Agora, os miúdos que tinham de morrer 10 vezes para entrarem na sua equipa, são os mesmos com que ele vai ter de fazer a gestão durante a época, quase que tendo de engolir as próprias palavras. Jesus é assim um treinador que espera ansiosamente por um telefonema de um clube de topo europeu (inglaterra, espanha ou itália) que lhe permita ter uns valentes milhões para construir a sua equipa. Poder concretizar o sonho de vencer uma CHAMPIONS, para assim entrar no Panteão dos notáveis treinadores de futebol. Mesmo á JJ não acham? 

LFV espera... tranquilamente. Já trabalha o futuro do clube, e mais importante sem os bitaites de JJ, o que leva o mister a sentir que está a perder o tapete debaixo dos pés. E se ninguém liga? e se ninguém me quiser? Assim sendo, JJ só tem uma hipótese: Jura amor eterno ao clube, não só fica como renova por 3 ou 4 épocas, com um ordenado bem mais baixo, mas com prémios por objectivos bem aliciantes. E assim, toma em mãos um novo projecto: criar um 11 com a juventude made in Benfica. Este sim, um sonho de LFV, que da mesma forma que JJ quer a Champions, LFV quer a espinha dorsal da futura Seleção Nacional. 

Tem a palavra JJ, ou melhor, o mercado de treinadores. Tic, tac, tic, tac,... faz o relógio mister! Como é que vai ser? E só aqui entre nós, que ninguém nos ouve eu até sei o que pensas, e o tal amor que afirmas ter pelo clube, por quem te "apaixonaste", fica bem patente nas tuas palavras recentes, fresquinhas fresquinhas:

"Admito vir a treinar o FC Porto ou o Sporting. Sou profissional de futebol. Não fecho as portas a nenhum clube do Mundo", admitindo a possibilidade de surgir uma proposta que cubra o valor da sua cláusula de rescisão no contrato que tem com o Benfica. Mas sublinha que não trocará os encarnados por "um clube qualquer", deixando claro que não é o dinheiro que o levará a mudar, pois, se assim fosse, poderia sair "já amanhã para ganhar aquilo que o Benfica nunca me vai conseguir pagar."
Assim é que se mostra o amor e a paixão, onde numa época em que se ganha tudo a nível nacional, e literalmente "ressuscitou" dos mortos, fazendo jus ao seu nome, o facto de encarar com normalidade ir para o outro lado da barricada, seja do seu clube do coração, seja do lado dos corruptos. E com a agravante de dizer que não é por dinheiro, aí ia para outro lado já amanha, para poder ganhar o que aqui não lhe pagam! Devo dizer-te Jorge, que então já só podes escolher 10 clubes, pois aqui neste clube que pouco te paga, tornou-te o 11º treinador mais bem pago do mundo! Isto sim, é pôr um balde de água gelada em cima da onda vitoriosa e respectivos festejos que ainda ocorrem após a época galvanizante! Não são os blogs que colocam questões incómodas no ar, precavendo e alertando para muitas situações escondidas, que estão a "colher" de morte a onda Benfiquista. Isto sim, e quem acha que não,... pois então que fique na sua ideia de Benfiquista topo de gama.

Só mesmo para terminar, relembrar uma frase do (ainda) nosso mister: "Onde estava o Benfica há 5 anos atrás? Que futebol tinha o Benfica há 5 anos atrás, e quem na europa se lembrava do Benfica há 5 épocas atrás?" Pois eu respondo-te assim: Onde estava Jesus há 5 anos atrás? Quem era Jesus antes de vir para o Glorioso? Quem na europa sabia o teu nome? Quantas vezes foste convidado para o comité de treinadores da UEFA antes de estares na luz? Quantos troféus tinhas ganho antes de ingressar no clube por quem te "apaixonaste"? Uma taça intertoto?... pois... Pelos vistos, o Benfica deve-te muito pelo que fizeste pelo clube, mas a honra e glória não morrem solteiras, acho que bem podes ajoelhar-te perante o terceiro anel e dar graças a Deus por o Benfica ter permitido seres o que és hoje!

Aqui fica um quadro para ti Jorge, já que andas numa de pinturas e arte, acho que um desenho sempre ajuda a visualizares melhor a "coisa" e "acarditares" que tudo na vida é fruto de trabalho, respeito e sobretudo gratidão, nunca sobranceria.



Quanto ao resto, já sabem: CARREGA BENFICA, SINTAM A MÍSTICA!!

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Ah e tal sou tão benfiquista...

Avatar
 ●  18 comentários  ● 
Gosto de ver a velocidade com que os benfiquistas da blogosfera pegam nos temas que a generalidade pensa fazer deles verdadeiros benfiquistas... Ele é insultos aos árbitros, declarações apaixonadas dos nossos jogadores, tributos ao treinador, jogadores ou presidente, acusações aos rivais de que nos roubaram um penalty ou um fora de jogo, etc etc etc.

... Quem não faz destas coisas não é bom benfiquista, não defende o Benfica.

Depois há outros que escolhem "abrir os olhos" a muita gente e fazê-los pensar fora da caixa e aparecem os tópicos como aquele que o Shadows colocou esta manhã. Sim, o Shadows que muitos gostam de insultar apenas porque não gosta dessa visão de rebanho que leva a que só seja bom benfiquista quem diz que sim a tudo... Sim, o Shadows fez hoje mais pela abertura de mentes perante uma "manobra obscura" do sistema do que muitos pensam que fazem quando prestam vassalagem a jogadores, presidente ou treinador, ou quando apontam aos adversários como sendo a causa de todos os nossos males. Sim, é a mesma pessoa.

Curiosamente, olho para as redes sociais e o tópico do Shadows foi partilhado quase mais que a soma de todos os outros até aqui (e olhem que foram já muitas partilhas em muitos tópicos), olho para o blog e este tópico talvez tenha batido todos os records de visualizações... Mas depois olho para os blogs desses benfiquistas superiores a tudo e todos... E nada! Ninguém parece preocupado com estas manobras e com estes esquemas.

Esses verdadeiros benfiquistas só se vão lembrar disto, que o mau benfiquista do Shadows agora alerta, depois do mal feito e quando o Benfica for prejudicado por esta máfia.

Nessa altura, quando o mau benfiquista Shadows escrever tópicos a criticar quem não travou esta situação ou a criticar que se chore nessa altura sobre o leite derramado, nessa altura estarão cá os bons benfiquistas para dizerem que o Shadows é mau benfiquista, que é pago para escrever certas coisas (ah não, espera! Esse estatuto ele ainda não tem, isso é acusação só para mim). Nessa altura é quando vão dizer que o Benfica só não ganha por culpa destes mafiosos contra quem o Shadows está alertar.

Falo do Shadows, como poderia falar de qualquer outro blogger do NGB ou de qualquer outro blog, este tópico não é para defender o Shadows mas sim para perguntar que raio de Benfiquismo é esse, que adormece quando precisamos mostrar que somos Benfica, para acordar depois dos erros cometidos para encontrar desculpas que defendam pessoas, esquecendo o Clube que amamos?

Importante: A armadilha de Joaquim Oliveira chamada Fernando Seara

Avatar
 ●  105 comentários  ● 




Fernando Seara foi o nome escolhido por Joaquim Oliveira para concorrer em nome do sistema à presidência da Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

Porquê Fernando Seara? São várias as razões. 

Primeira: O ex-presidente da CM Sintra é um peão de Joaquim Oliveira e dos interesses da Olivedesportos. 
A Liga de Clubes não tem neste momento qualquer outro papel que não seja o tema da centralização dos direitos televisivos. Fernando Seara quer ser presidente da Liga apenas para tratar desse assunto.

O impacto da Benfica TV no panorama televisivo nacional, na área do desporto, foi brutal. Numa época apenas, a BTV obtém 380 mil assinantes em Portugal e mais de 100 mil no estrangeiro, sendo que o alargamento da disponibilidade do canal lá fora continuará a acontecer.

A SportTV tem 500 mil assinantes. Ou seja, a BTV numa época quase que atinge o mesmo número de assinantes da SportTV. Agora imaginem que o Benfica torna a fazer uma boa temporada. Os números continuarão a subir e a SportTV continuará a perder assinantes, sendo que fruto da expansão internacional da BTV a SportTV será claramente ultrapassada, com consequente diminuição das receitas publicitárias. Será o princípio do fim de Joaquim Oliveira.

Daí que a centralização dos direitos televisivos será a única esperança de Joaquim Oliveira para poder salvar o que resta do seu império.

Segunda: A credibilidade de Fernando Seara e a sua influência junto do universo benfiquista. 

Uma das mensagens de Fernando Seara no lançamento da sua candidatura envolvia  a criação de uma ponte para um amplo consenso entre os clubes de futebol, usando o seu suposto prestígio e credibilidade, que o mesmo pensa usufruir no panorama nacional. 
Nada mais falso. 
Fernando Seara pelas posições ambíguas que tem assumido e pela sua proximidade com Joaquim Oliveira goza apenas da reputação de peão do patrão da Olivedesportos e dos seus interesses. Quem esteve na final de Turim pode atestar que não largou o lado de Joaquim Oliveira.
Sem qualquer credibilidade portanto, quanto a isenção ou capacidade de liderança.

Também a sua imagem de prestígio junto do universo benfiquista seria um trunfo para esta candidatura. Mas que prestígio? 
Fernando Seara é uma figura patética e sem qualquer peso para os benfiquistas. O exemplo disso é a amostra do universo benfiquista representado na sondagem acima onde a sua votação residual deixa bem clara a pouca ou nenhuma importância que tem entre os benfiquistas.

Além disso, ninguém de nós esquece que na mesma altura em que o Sport Lisboa e Benfica vê-se prejudicado na Luz pelo juiz de linha Ricardo Santos e pelo árbitro Pedro Proença que entregam de bandeja o campeonato ao FC Porto, Fernando Seara escolhe cear na companhia de Pinto da Costa, Joaquim Oliveira e com a sua esposa de então Judite de Sousa no Gambrinus, demonstrando para quem quis ver que o Benfica para ele é algo completamente secundário e fê-lo sem qualquer peso na sua consciência.

Terceira: A armadilha para o Benfica e Sporting.
Com este nome vindo da política, ligado ao sistema partidário e supostamente supra-clubes, pretende Joaquim Oliveira que os clubes de Lisboa, que esta temporada arrumaram o FC Porto, não promovam outra candidatura e apoiem Fernando Seara, deixando-os sem trunfos para depois não facilitarem o plano de devolução do controlo dos direitos televisivos a Joaquim Oliveira. 

Esse é um erro em que Benfica e Sporting não devem cair, sob pena de tudo o que foi conseguido esta temporada seja perdido.
O FC Porto e o sistema que o apoia não aguentarão um segundo ano de sucesso do Benfica e 2 anos seguidos de um Sporting em recuperação de força e peso desportivo.

Quarto: O apoio político a Joaquim Oliveira
As ligações de Fernando Seara ao PSD são conhecidas. Juntamente com outro nome ligado ao CDS e um colega do PSD, recentemente ressuscitado, são eles que garantem neste momento a influência política necessária para o que nos bastidores da banca já se fala que será o maior perdão de dívida alguma vez concedido a alguém em Portugal. Fala-se em quase 500 milhões de dívidas do universo de Joaquim Oliveira. Tudo isto com ligações que seguem pelo Atlântico até Angola.

Por tudo o que mencionamos acima, apoiar Fernando Seara para a presidência da Liga de Clubes será apoiar o sistema. 
Será devolver a Joaquim Oliveira o poder sobre o futebol português.

Será salvar o FC Porto e a sua principal fonte de financiamento.
A SportTV e a Olivedesportos não têm receitas para poder pagar os valores que acordaram com FC Porto e Sporting. 
Não têm receitas para poder continuar a comprar direitos televisivos de tudo o que é desporto.

É imperioso encontrar um nome que conclua os processos judiciais que terminam com o monopólio da Olivedesportos. Que obtenha o apoio de Benfica e Sporting e dessa forma motive outros clubes a não se manterem no domínio de Joaquim Oliveira, a fim de servir o FC Porto.

Fernando Seara não é esse nome. Não passa de um peão de Joaquim Oliveira e sem qualquer influência nos adeptos e sócios do Sport Lisboa e Benfica.

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Pinceladas sobre uma época gloriosa I

 ●  7 comentários  ● 
Portugal 22 de Maio de 2014
Numa época desportiva inolvidável, parece-me mais útil tentar perceber como aconteceu o que gloriosamente aconteceu, do que propriamente estar a especular sobre a marca da pastilha elástica do treinador, se deve sair ou se deve ficar, que jogadores vão sair, que jogadores vão ficar, etc., debates estéreis que não levam a nada. Porque nada disso depende de nós, mas sim do “mercado”, ou seja, da lei da oferta e da procura com muito bluff pelo meio.
Entre a última gloriosa conquista, Taça de Portugal, e o primeiro jogo onde senti que esta época tinha um elán especial, Gil Vicente, 2ª jornada, podemos constatar que JJ utilizou os mesmos jogadores (!) com excepção de 3: Artur saiu para dar lugar a Oblak, Matic foi vendido e deu lugar a Ruben Amorim (e André Gomes às vezes), e Cortez dispensado deu lugar a André Almeida (ou Siqueira). Ou seja, constata-se que JJ para esta época acreditou piamente num conjunto limitado de jogadores e no 4-4-2 em losango, com 2 pontas de lança móveis (Rodrigo e Lima), um médio box-to-box que joga a 8 mas também a 6 (Enzo Peres), um médio box-to-box que joga a 6 mas também a 8 (Matic primeiro, Ruben ou André Gomes depois) e dois médios alas que misturam criatividade com velocidade (Gaitan e Sálvio, primeiras opções, Sulejmani e Markovic segundas opções).
Por coisas que no futebol não se explicam mas que se registam, o Gaitan que marcou o golo da vitória sobre o Rio Ave foi o mesmo que contra o Gil Vicente mandou uma bola ao poste na marcação de um livre directo, também na 1ª parte. Quando estava 0-0. A diferença que ambos os lances fizeram! Um deu vitória, o outro acentuou o nervosismo e falta de ideias da equipa, talvez condicionada pela má pré-época e turbulência em volta do treinador, e de que veio depois a resultar 1 golo do Gil Vicente após erro de (Super) Maxi Pereira.
O jogo com o Gil foi ganho em condições verdadeiramente incríveis, com 2 golos nas compensações, e já depois de JJ ter efectuado uma alteração táctica invulgar (que não me recordo de ter repetido) trocando Rodrigo por Djuricic (Gaitan e Sálvio deram lugar a Markovic e Suljmani). Com isso desceu ligeiramente as linhas atacantes do Benfica. Impensável nos tempos que correm, pois com o Benfica a perder por 1-0 os “entendidos” dizem que se deve colocar mais avançados.
O primeiro golo que salvou JJ e quiçá a gloriosa época do Benfica foi marcado por Markovic (que logo aí mostrou que gosta de flectir para o meio) com assistência de Djuricic na posição 8! O segundo golo foi marcado por Lima, à ponta de lança (qual mobilidade, qual carapuça) com ajuda preciosa de Luisão que ao seu lado chamou a si um dos defesas centrais, o que permitiu a caprichosa execução de Lima, que como sabemos não marca muitos golos de cabeça.
Raça, querer, ambição, competência e alguma sorte, e eis o Benfica desta época bem espelhado no que foram as incidências desse jogo com o Gil. O Benfica jogou a pensar na velocidade de Rodrigo e Lima, e o que teve foi o oposto: 2 avançados manietados na sobre povoação do ultimo terço do campo gilista. O Benfica quis pensar o jogo com qualidade e jogadores acima de qualquer dúvida, mas foi na raça das alternativas que conseguiu marcar. Ou seja, JJ fez um plano de jogo, saiu outro e ganhamos na mesma!
Veio o jogo com o SCP e lá esteve novamente o mesmo 4-4-2 em losango, e os mesmos 11 jogadores. A diferença foi que Cardozo já tinha sido integrado porque toda a gente da Direcção percebeu que os 2 avançados móveis, Lima e Rodrigo, não estavam a marcar. Desde a pré-época! Nem podiam, mas isso sou eu a dizer, eu que não percebo nada disto. O SCP, animado por uma boa pré-época e 9 golos marcados em 2 jogos, era favorito ante um Benfica psicologicamente debilitado e sem opções produtivas no 4-4-2 losango. E marcou cedo o 1-0. Mas ficou-se por aí, pois o Benfica soube manter alguma serenidade defensiva, fruto da experiência de uns quantos jogadores com anos de casa e habituados a estas rivalidades com o SCP. Um dos momentos do jogo foi a entrada de Cardozo aos 60 mn. JJ teve de redesenhar o seu 4-4-2, colocando Rodrigo ou Lima nas alas (tinham saído Gaitan e Sálvio, ambos por lesão), e Cardozo como pivot atacante. O suficiente para abrir uma pequena brecha para Markovic (entrou para uma das alas) fazer o empate, o seu 2º golo como suplente utilizado! Note-se que por lesão de Enzo Peres, o nosso meio campo ficou com Matic e Ruben Amorim, dois jogadores que fazem as posições 6 e 8 (tornando o Benfica mais pressionante na defesa adversária), e se revezam!
Ficaram apreensivos os sportinguistas, ficamos nós expectantes. Afinal era possível discutir o jogo com equipas mais moralizadas, com mais golos marcados, com mais pontos, com tradição ganhadora, mesmo estando nós a passar um mau bocado... (continua)

Regressos importantes, saídas temporárias e outras definitivas

Avatar
 ●  21 comentários  ● 

Olhando para os emprestados do SLBenfica, eu diria que apenas um terá espaço efectivo no Benfica 2014/14: Lisandro Lopez - fez uma boa época em Espanha, numa equipa onde foi bastante colocado à prova no aspecto defensivo.

Conhecendo Jesus, parece-me pouco credível acreditarmos que jogadores que não se impuseram em equipas pequenas ou que jogando não fizeram o suficiente para se destacarem, possam vir a ser solução para o SLBenfica: Pizzi, Sidnei, Nelson Oliveira, Djaló, Airton, Fariñas, etc.

Destes acima, a minha opção passaria pela saída definitiva de todos para aliviar o orçamento e para tentar fazer algum dinheiro. De todos, como sabem, mantenho a opinião que não deveríamos libertar o Nelson sem o integrar uma época inteira e puxar por ele até aos limites - se correspondesse, optimo... se não correspondesse seria vendido com as habituais ressalvas que já colocámos nos contratos de outros jogadores da formação e ponto final.

A estes jogadores que tentaria usar para fazer algum dinheiro juntaria os que fizeram parte do plantel e mostraram não ter "estaleca" para as exigências extremas de um clube como o SLBenfica: Artur Moraes, Steven Victoria, Paulo Lopes (a paixão pelo Benfica não chega) e Funes Mori.

Depois, olhando ao passado de Jorge Jesus com eles e ao que acredito que venha a ser um desafio muito relevante de reconstruir uma equipa que vai ser bastante desfalcada, talvez a integração do Bernardo Silva (tendo Djuricic) ou do Cancelo (tendo a polivalência do André Almeida e do Silvio e ainda mantendo Maxi) é capaz de ser contraproducente para a evolução de jogadores com potencial.

Nesse sentido, talvez optasse por emprestar estes jogadores a equipas de cimo da tabela em Portugal como é o caso do Braga, Guimarães, Marítimo, Estoril, Nacional... num contexto que poderia integrar outros valores como o Helder Costa, o Lindelof ou o Ruben Pinto.

Nesse sentido, fica bom de ver que precisamos de um guarda-redes para desafiar o Oblak e ficar com a baliza nas taças nacionais, precisamos de um lateral esquerdo se sair o Siqueira ou dois se sair também o Sílvio, precisamos depois de reforçar as opções no centro do meio campo que este ano se viu que com uma ou duas lesões ficamos "no limite" e precisamos de suprimir as saídas de jogadores nucleares que venham a ser vendidos e que a minha aposta será: Garay, Gaitan e Enzo a juntar ao Rodrigo e ao André Gomes. O desafio será segurar Salvio e Markovic, seguramente mais simples que segurar os outros três acima.

A tarefa não se avizinha nada fácil... e a próxima temporada será um novo desafio que é importante que seja levado a cabo por quem conheça os cantos à casa e ao resto da equipa, daí a importância fundamental de mantermos Jesus.

André Almeida. Um bom exemplo para os mais jovens.

Avatar
 ●  7 comentários  ● 



"Estou neste grupo com muita alegria e felicidade. A minha família ficou muito feliz. Assisti ao anúncio ao lado dos meus pais e escorreram lágrimas pelos rostos no momento em que ouviram o meu nome", afirmou em conferência de imprensa antes do treino de Portugal, no Estoril.

O jogador de 23 anos garante estar disponível para ajudar a seleção em qualquer posição do terreno: "Para onde for chamado vou tentar corresponder. Eu trabalho todos os dias para ajudar o grupo. Cabe ao treinador decidir isso e se a minha polivalência é ou não uma vantagem." - Record.

A postura demonstrada em todos os momentos pelo André Almeida deve servir de exemplo para aqueles mais jovens que estão a trabalhar para demonstrar o seu valor nas camadas mais jovens do Sport Lisboa e Benfica.

Assim como Ruben Amorim, o André demonstra humildade, capacidade de entender o mundo à sua volta mas também confiança nas suas capacidades e qualidade.

Depois da época que teve, em que durante algum tempo não foi opção, este final de temporada é um prémio para a sua perseverança e trabalho. E um orgulho para os benfiquistas e para os seus amigos e familiares.

Parabéns André Almeida. 'May the force be with you!' :)

Fora do futebol - Mão Morta.

Avatar
 ●  5 comentários  ● 



O pessoal de Braga não brinca em serviço.

The Good, the Bad and the Ugly, versão Liga de Clubes.

Avatar
 ●  22 comentários  ● 

Imagem retirada do super-hiper blogue  "As Papoilas do Biscaia"

As candidaturas à Liga Portuguesa de Futebol Profissional até agora dão vontade de rir. Ou de temer pelo futuro. 

Paulo Teixeira tem tudo clarificado nas suas mãos(imagem). The Bad.
Ainda hoje procura tirar proveito da sua imagem de autarca no tempo da infeliz tragédia de Entre-os-Rios. Mas não deixa de ser um portista, fanático, e que apenas irá para a Liga para ser a voz do dono.

Rui Alves não precisa de apresentações. The Ugly.
É um 'loose-cannon', que tendencialmente faz panelinha com Pinto da Costa, mas que pela sua bipolaridade não tem nada de confiável. Um 'wiseguy' dos rafeiros.

Fernando Seara é um camaleão. Muda a côr conforme a conveniência. The Good
Tanto se mostra benfiquista até ao tutano como com a mesma facilidade janta no Gambrinus com Joaquim Oliveira e Pinto da Costa. 
Mesmo que o Benfica tenha acabado de ser roubado pelo 'querido' Proença...remember?

Resumindo, 2 candidatos completamente alinhados com o FC Porto e um terceiro, aparentemente mais independente, mas que face às suas ligações a Joaquim Oliveira e por incluir nos seus pontos principais a centralização dos direitos televisivos, não augura nada de bom.

Com qualquer um destes 3, a coisa para o Benfica não vai ser fácil. Haverá um quarto candidato? Espero que sim. Alguém que não seja um regresso ao passado. Sangue novo e não candidatos bafientos.

quarta-feira, 21 de maio de 2014

A eventual saída do Garay

Avatar
 ●  30 comentários  ● 
20M€ como cláusula de rescisão para um dos melhores centrais da Europa já é baixo, mas foi o que foi possível quando o resgatámos de Madrid.

Agora... Deixar sair ou negociar a saída dele por qualquer coisa que não sejam 20M€ a pronto... Será sempre um mau negócio, na minha opinião.

Que a saída seja inevitável eu percebo... Que tenhamos a simpatia de o negociar, isso já não.

Provincianos de barriga cheia.

Avatar
 ●  9 comentários  ● 

"Os presidentes da Câmara de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, e do FC Porto, Pinto da Costa, uniram esta quarta-feira as vozes em defesa do Norte contra o centralismo de Lisboa, à margem da assinatura de um protocolo desportivo de colaboração.

O autarca de Vila Nova de Gaia, dirigindo-se a Pinto da Costa, realçou a importância para a região Norte da existência de "símbolos e ídolos que não se deixem vencer" e disse que, nos últimos anos, "a região se tem vindo a depauperar".

"Quando o Norte está mal, o país está pior", defendeu Eduardo Vítor Rodrigues, apontando o dedo, com uma série de exemplos, como obras que ficaram por fazer, projetos congelados, privatizações e a derrama paga em Lisboa por empresas que estão no concelho, em que o Norte perde para o centralismo da capital.

Pinto da Costa associou-se a Eduardo Vítor Rodrigues nas "verdades indesmentíveis" que proferiu e apontou que, desde o tempo do ex-presidente da Câmara Municipal do Porto, Fernando Gomes, atual administrador da SAD do FC Porto, "nunca mais se ouviu uma voz a defender o Norte".

O dirigente recordou o "enterro da regionalização" e questionou: "Era este o objetivo pretendido, estarmos a ser comandados por uma alemã (a chanceler Angela Merkel)?". "Portugal é Lisboa e o resto é paisagem", referiu Pinto da Costa, acrescentando que os atuais governantes "deviam ter vergonha, fazer as malas e deixar o país".

O FC Porto e a Câmara Municipal de Gaia celebraram uma parceria de cooperação ao nível da formação para o desenvolvimento integrado do andebol nas escolas e nos clubes do concelho.

Em relação ao projeto, Pinto da Costa referiu que quer que o andebol seja um modo para aproximar o FC Porto das crianças e dos jovens e ajudar a Camara Municipal de Vila Nova de Gaia a ter aquilo que por direito merece." - Record.

---------------------------------------------------------------------------------

As declarações do presidente da CM Gaia bem como de Pinto da Costa mereciam umas boas gargalhadas, não escondessem em si mesmas uma hipocrisia e lata do tamanho do universo.

A CM Gaia, cujo presidente anterior deixou como Câmara mais endividada do país, é um péssimo exemplo quanto ao financiamento encapotado ao FC Porto. 

Basta recordar o escândalo que é a utilização do Centro de Estágio do Olival a 500€/mês, tendo os cofres públicos assumido a totalidade dos cerca de 16M€ da sua construção.

Ao contrário do FC Porto, os clubes de Lisboa bem como outros por esse país fora, pagam as suas próprias instalações e não se aproveitaram de dinheiros públicos através de um favorecimento completamente descabido dado ao FC Porto face aos outros clubes da região do grande Porto.

Além disso, o FC Porto e Pinto da Costa gostavam era do tempo de Fernando Gomes(capachinho) e de Nuno Cardoso na CM Porto, onde os processos judiciais foram mais que muitos face ao favorecimento dado ao FC Porto nos gastos dos dinheiros públicos. Curioso é que a população do Porto não partilhou da visão de Pinto da Costa e deu sempre maioria absoluta a Rui Rio. 
Portanto, a população do Porto não se revê no atestado de estupidez que Pinto da Costa se esforça por lhes passar.

O presidente da CM Gaia devia era olhar para o exemplo dado pelas CM Lisboa e Porto que neste momento trabalham juntas em campanhas internacionais a fim de atrair mais turistas favorecendo assim a criação de postos de trabalho e aumento da entrada de 'dinheiro fresco' nas respectivas cidades e país.

Esse fantasma do 'papão sulista' levantado recorrentemente por Pinto da Costa já não pega. Torna-o sim cada vez mais ridículo. Como tornou o anterior presidente da CM Gaia, completamente humilhado nas últimas eleições. Um zero.

Não vejo a mesma preocupação do presidente do FC Porto com as contas que alguns detém na Suíça, com saldos superiores a 300M€. Isso sim devia ser uma situação a denunciar.

Também não vejo o presidente do FC Porto preocupado com os membros de claques de futebol, que não tendo uma profissão ou ocupação, passeam em carros de luxo e possuem casas luxuosas.

Pinto da Costa e o novo presidente da CM Gaia não se preocupam é com a gente na região norte que se esfola pelo salário mínimo nas fábricas que os seus amigos possuem na mesma região.

A região norte, bem como a do centro e a do sul estão cheias de gente esforçada e trabalhadora que não precisa destes hipócritas para os defender.  

São muito bons a falar de barriga cheia.

Festa no Marquês. Sem PSP ou Marketing.

Avatar
 ●  9 comentários  ● 

Bruno de Carvalho à beira de um ataque de nervos com Marco Silva?

Avatar
 ●  14 comentários  ● 
Dizia ontem o Rui Santos, no Tempo Extra, que o Marco Silva o que quer mesmo é treinar o Benfica e que estará a fazer um compasso de espera nas negociações com o Sporting, com quem terá tudo praticamente acertado, para o caso de Jesus sair do Benfica nos próximos dias...

Bruno de Carvalho, que já queria ter anunciado o treinador, estará à beira de um ataque de nervos com isto, sabendo que o Marco é a melhor opção que tem, mas irritado por ser o Sporting uma segunda escolha...

Veremos o que vai dar, mas nisto eu e o Bruno de Carvalho confiamos no mesmo desfecho: Jesus fica!

NOVA ÉPOCA - PARTE II

 ●  53 comentários  ● 

NOVAS FRESQUINHAS DO QUE AÍ VEM PARA 2014/2015 - Parte II

E agora a 2a parte sobre este post em que partilhei as ideias gerais que se falam dentro do Benfica. 

Desde já, saúda-se o facto de tanta gente ter participado neste tema, ou neste debate, se preferirem a expressão. Mostra que vivemos intensamente o nosso clube e dele queremos sempre mais! Não obstante, continua para mim ser um pouco "triste" ver "adeptos" que não entendem que os "posts" colocados no blog ( e apenas posso falar deste blog porque conheço a sua intenção e essência) são para DEFENDER o Benfica! O permitir um debate das vozes anónimas do adepto comum, permite ao universo Benfiquista medir o pulso do clube, perceber as reacções dos seus adeptos, e como estes entendem ou não quer o momento do clube, quer as ideias traçadas pelo mesmo para o seu futuro. Tenho muita pena que várias pessoas vejam estes "posts" como atentados bombistas, roedores que corroem os alicerces e fundações do clube, quase parecendo o choradinho do Partido Comunista (sem ofensa para os camaradas) cuja 1a reacção a qualquer proposta ou ideia é soltar a frase: estão a vender Portugal ao capital estrangeiro, minando o pequeno e médio  trabalhador português! Pode ser um tema sobre adopção de animais abandonados, que a 1a frase será sempre esta! E alguns "camaradas" Benfiquistas, vêm em tudo um ataque e uma agenda anti escondida em nós! 

Lamentável não perceberem o poder que um blog tem, e de como o público em geral, consegue ser "ouvido" sem ter marcado reunião com o Presidente. Tanta gente fala que devia haver mais referendos sobre as leis, os aumentos, as decisões, que apenas somos confrontados com os factos consumados sem qualquer consulta de opinião... mas depois, quando estes "posts" surgem, em vez de serem entendidos como um belo referendo ao que se prepara para acontecer, dispersam energias em muitos comentários com pobreza de espírito. Espero que esses mesmos autores, quando confrontados com um referendo público para um qualquer tema (aborto, casamento homossexual, macdonalds a voltar o símbolo sobre vermelho e não sobre o verde, etc) se manifestem completamente contra a liberdade do povo expressar a sua opinião e ideias sobre os temas. Que venham dizer que estão a minar o governo com estas ideias, e que a chatice de poder ter opinião e de sobretudo poder torná-la pública, é um reflexo apenas de países parvos, e que nós gostamos é de palas para não olharmos para o lado, fado, pão e vinho sobre a mesa

Quero só terminar esta introdução, reforçando a ideia de que o Benfica está acima de todos meus amigos, e parafraseando uma certa pessoa, até hoje só 1 homem teve direito a estátua pelos seus feitos ( estátuas de senhores para acabar com certas maldições... não contam!). As ideias aqui expressas, discutidas, tornadas públicas sem muitas vezes o deverem ser já que são "sigilosas", acontecem porque queremos o melhor para o nosso clube, e não queremos nova operação coração. Os que falam de alto, tentando mostrar que falar do futuro e das opções em aberto é apenas atrapalhar um trabalho que não nos diz respeito, serão os primeiros a abandonar o navio se este afundar, ao som de frases como: já não me identifico com o clube, já só ligo à selecção. A esses, digo para aproveitarem, que vem aí o Mundial! A todos os outros, o nosso muito obrigado pela vossa participação, e peço-vos que continuem a usar e abusar da vossa liberdade de expressão, construtiva, corrosiva, mas sempre como arma de arremesso para um Benfica mais forte, melhor, mais equilibrado e sobretudo mais amado!!

Bom, voltando ao tema do plantel, já falámos da defesa no ultimo post - Parte I - sigamos para a análise das ideias traçadas pelo clube para a nova época do nosso MEIO CAMPO:

SAÍDAS: 
Nico Gaitán, é um dos nomes vendáveis para realizar encaixe financeiro. Tem proposta do City, que procura abater o valor com a inclusão de Javi... a ver vamos. Um artista que deixará saudades. 
Enzo Perez, curiosamente, a Juventus já perguntou por ele, e é outro dos nomes valorizados pela brilhante época que realizou. Este sim, será muito difícil de substituir, não há um "Fesja" no mercado para este tipo de "Matic", mas a necessidade de vender põe o nosso dínamo do miolo na porta de saída. Poderá ficar se conseguirmos outros negócios rentáveis, mas tudo indica que deixará muitas muitas saudades. 
André Gomes: Já não é nosso, e seguirá com Rodrigo para a nova aventura. Sei que o Benfica tenta um último esforço para o manter, mas já teve uma resposta negativa. Foi um bom negócio, brilhou contra o Porto, falhou na final de Turim. Jovem, Lento ainda de processos, procura a bola sem medo, perdendo-a ainda muitas vezes. O futuro o dirá se foi realmente um bom negócio, ou mau. 

PERMANÊNCIAS:  
Fesja, que veio dar uma consistência apreciável ao nosso meio campo e defesa. Veio para substituir um "insubstituível" chamado Matic, e o certo é que não ficámos a perder. Jogador de características diferentes, que encaixou que nem uma luva. Penso que a Liga Europa, com ele, tinha sido diferente. 

Rúben Amorim, que espero que tenha uma época em que não se lesione gravemente a cada 5 jogos que faça. Um jogador já maduro, e que espero que tenha a sua oportunidade no Mundial. 

Sulejmani, estava a ser o melhor na final de Turim, e a sua saída por lesão tirou-lhe porventura a noite de afirmação de águia ao peito. Tem tudo para se assumir como excelente opção na próxima época. Só a surgir alguma proposta irrecusável é que não ficará, não é presumível que surja. 

Djuricic, dificuldades de adaptação ao nosso campeonato, fazendo lembrar Matic e Enzo, que na 1a época foi para esquecer. Tem talento, e julgo que vai explodir esta época, assumindo quem sabe a batuta deixada por Enzo. Posições diferentes, jogadores diferentes, mas a sua inteligência, tal como Enzo, permite-lhe adaptar-se a um novo figurino táctico e de jogo. Vou acreditar numa grande época! 

Ivan Cavaleiro, precisa de crescer, e com a saída de Gaitan, ira ter mais tempo, até porque acredito que Markovic passará das alas para a sua posição original, de vagabundo no ataque, no apoio ao Ponta de Lança. Com trabalho, julgo poder ser importante numa longa e esgotante época.

Sálvio: Tal como Sílvio, foi azarado, e muito nos custou vê-lo ausente do onze titular. Faltou aos palcos decisivos, e por isso, não terá propostas loucas, e este é dos poucos que só sai pela quase totalidade do valor da cláusula. Prevejo uma época em que vai partir tudo (menos nele, que não se aleije mais).

Markovic, O chelsea bem o quer, mas o sérvio sabe que se for já, não será opção regular, e prefere (e muito bem) explodir esta época, confirmando o seu potencial. Para mim, face ás alterações no ataque, será 2º Ponta de lança, ao estilo de Javier Saviola, só que muito melhor! Só de imaginar, já estou a arrepiar-me!!!


ENTRADAS: 
Bernardo Silva, porventura o maior talento dos últimos tempos, tem via aberta para o plantel principal. Merece, tem talento, só tem de o confirmar perante os "calmeirões" adversários. Vejo-o como um futuro Iniesta, pela semelhança física, quer pelo á vontade com que trata a bola. Não será titular esta época, mas será aposta frequente e espero que confirme tudo o que dele se espera! 

Ruben Pinto, grande época na B, e merece a promoção. Garra, amor á nossa camisola, tenacidade e profissionalismo, fará dele uma óptima opção para alguns jogos. Irá mostrar se o seu trabalho é suficiente para que daqui a duas épocas, seja um dos senhores do miolo.

Javi garcia, poderá vir, caso aceite baixar o ordenado, algo que já terá aceite informalmente para com LFV, mostrando o seu amor ao clube. Mas depois, existem as esposas que lhes enfernizam a vida, e só querem é dinheiro. Está (?) no negócio Gaitan, e vamos ver como será o desfecho. Seria importante quer no balneário, quer dentro das 4 linhas.

Pizzi, regressa de espanha para tentar lutar pela titularidade, quer nas extremas, quer no ataque. O Benfica contava vende-lo após uma boa época em Espanha, mas tal não aconteceu, e assim, terntará valorizar este jogador. A ver como responde na inclusão num plantel onde não será estrela...

Urreta e Ola John, juntos os dois pelo mesmo motivo. Se JJ ficar, ambos vão de guia de marcha, se JJ sair, serão integrados no plantel. Não são apostas de Jesus, que quando um jogador o decepciona, fica desde logo "banido". Sou adepto do primeiro, e gostaria de o ver integrado no plantel. rápido, explosivo, raçudo, e marcador de livres, só precisa de aprender a defender. Se ao menos tivesse quem o ensinasse, casos de Coentrão, Markovic, Melgarejo, Matic, etc... Ola John... o que dizer? pode ser que tenha sido da puberdade e que tenha perdido ali o rumo, e o recupere na próxima época.

Davidowsky, o polaco que parece a cópia do Matic, se Javi vier, segue para a B, pois precisa de se ambientar ao nosso campeonato, se Javi não vier, poderá seguir para a B para se ambientar ao nosso campeonato. Mas parece ter potencial, depende do treinador: se for JJ, como é estrangeiro, passará à frente de Bernardo Silva e Ruben Pinto. Agora fui mauzinho, mas é a fama que ele próprio criou. No youtube é muito bom (tal como Djuricic), falta ver numa intensidade diferente!

Assim sendo, se o Miolo for Fesja/Javi Garcia; Djuricic/Ruben Amorim, Salvio e Sulejmani/ Pizzi ou Markovic, é um excelente meio campo. Não tão forte como o actual, mas desde que com saúde, acredito que a nível nacional não haverá melhor. 

Bom, já vai longo, na III e última parte, a conclusão do nosso plantel para 2014/15 (os planos pelo menos) falarei do ataque, e do treinador. 

Quanto ao resto já sabem, Carrega Benfica, Sintam a Mística!

terça-feira, 20 de maio de 2014

Tripla para a História...

 ●  29 comentários  ● 


Portugal 20 de Maio de 2014

Há momentos em que a felicidade aparece e diz presente. A conquista do terceiro objectivo da época, Taça de Portugal, é uma dessas coisas que não se explica bem, mas que se sente profundamente. Com imensa felicidade...
É reconfortante ver os que choraram de tristeza no ano passado estarem na linha da frente a chorar de alegria, é reconfortante ver estampados sorrisos de orelha a orelha nos rostos dos adeptos que nunca desistiram, é reconfortante pensar que ser do Benfica é ser de um clube diferente, de um clube que se move mais pela paixão dos adeptos do que pelas virtuosas manobras de gestão...
Ganhamos novamente a Taça de Portugal, um dos meus troféus preferidos. Ao fim de 10 anos voltamos a ganhá-la, no final de um trajecto que teve tanto de brilhante quanto de difícil. Para lá chegarmos tivemos de eliminar SCP e FCP em condições de algum dramatismo e muita intensidade. Num caso após prolongamento depois de desperdiçarmos 2 golos de avanço. Noutro caso recuperamos a desvantagem da 1ª mão, jogando com 10 após mais uma má decisão do Sr.º Proença. No Benfica nada nos cai do céu, tudo é conquistado com muita luta e muita dificuldade. Sempre assim foi e assim continuará a ser...
E por ser tudo difícil, a nós não nos calha jogar finais europeias frente a adversários do nível de um Mónaco (que fez bons resultados em casa, mas fora de casa era uma equipa mediana), Celtic (esteve a 15 mn de ser eliminado pelo Boavista) ou Braga (1ª presença na final) que esgotou os “cartuchos” nas eliminatórias. A nós calham, regra geral, adversários difíceis e de qualidade. O campeão europeu em título, Chelsea, o bi-campeão da Taça UEFA, Sevilha, o super Milan de Savicevic, Ancellotti, Papin, Rijkard, Gullit, etc., o emergente PSV alimentado pelos milhões de florins da Philips ou o Anderlecht que dominava a Taça das Taças e Taça UEFA daquela altura.
A somar à qualidade dos adversários, também nos pode calhar uma equipa de arbitragem que erre de forma grosseira e em lances determinantes, sempre contra nós. A nosso favor não, isto é, percebe-se agora o destaque que teve o suposto fora de jogo não assinalado a Lima no golo fora, em casa do PAOK. Os mesmos que destacaram esse erro milimétrico e de televisão, na final da Turim já não conseguiram ver erros graves contra o Benfica, mas sim os méritos do guarda-redes que defendeu de forma irregular.
Temos de ser superiores a tudo. Aos adversários, aos árbitros e à comunicação social portuguesa, que como tenho diversas vezes referido, é um dos braços do “sistema”, manipulando aspectos dos jogos para induzir conclusões prejudiciais aos interesses do Benfica e favoráveis aos interesses do FCP e SCP. Hoje o destaque desses que não viram 3 penaltys a favor do Benfica, é a exclusão de Quaresma da lista definitiva da Selecção que vai disputar o Mundial. Mas não a exclusão de André Gomes!
E no meio de tanta contrariedade, no meio de tanta dificuldade, conseguir ganhar as três principais provas nacionais numa só época, não é para ficar feliz? Não é para nos sentirmos especiais? Não é para nos orgulharmos por termos acreditado (os que acreditaram no treinador e no plantel)? Acho que é...
Aproveitemos estes dias em que o Benfica voltou a escrever páginas de brilhantismo na história, porque uma nova época se perspectiva, cada vez com mais dificuldades criadas de fora para dentro, embora existam também dificuldades criadas intencionalmente dentro do Benfica. Veremos quem vai ser vendido, com a inestimável e habitual intermediação de Jorge Mendes, vamos ver qual a panóplia de jogadores que vão ser contratados, uns para emprestar aos Banyias da Ásia, outros para serem emprestados aos Getafes da Europa em parcerias que ninguém percebe mas que custam milhões de euros ao clube/SAD, vamos ver que jogadores Vieira vai dar e tirar a Jorge Jesus, e vamos ver que novelas esta Direcção vai continuar a patrocinar com a ajuda dos que não conseguiram destacar os 3 penaltys não assinalados a favor do Benfica em Turim.
Para já desfrutemos e sintamos que estamos a viver História...

Eu investia, e tu?

Avatar
 ●  61 comentários  ● 

Danilo Pereira (Marítimo) tem clausula de 4M€
Rafa (Braga) tem clausula de 25M€
Eder (Braga) tem clausula de 30M€
Penso que entre jogadores que poderemos emrprestar e/ou dispensar para fortalecer os planteis destes dois clubes (Steven Victoria, Cancelo, Bernardo Silva, Helder Costa, Mitrovic, Lindelof, Jara, Pizzi, Fariña, Funes Mori, Rui Fonte, Ruben Pinto...) e um investimento efectivo, poderemos conseguir estes jogadores sem loucuras financeiras - até porque os respectivos clubes precisam de capital.

Estou em querer que seriam excelentes soluções para o plantel do SLBenfica e que, porventura, teriam oportunidade de realizar muitos jogos, mesmo que não se constituíssem como titularíssimos do plantel.

A par de Ricardo, que já "fugiu" e que para mim seria o suplente ideal para Oblak como capacidade para rotatividade nas Taças Nacionais, estas seriam as apostas nacionais que elegeria para integrarem o plantel da próxima temporada.

Depois haveria os casos de Bebé (ManUtd) que desconheço a clausula mas a transferência deveria ser acessível e de Nani (ManUtd) que poderia ver no Benfica a hipótese de relançar a carreira e numa ou duas temporadas voltar a saltar para um clube das ligas principais da Europa. Estes dois casos penso que poderiam ser vistos num contexto de interesse eventual do Man Utd em jogadores do Benfica... ou não.

"Fica Siqueira!"

Avatar
 ●  19 comentários  ● 


Foi o que ontem se gritou na Praça do Município de Lisboa. As exibições de Siqueira convenceram os adeptos do Benfica, bem como a sua postura perante o clube e os próprios adeptos.

Tudo indica que o Benfica não vai exercer a opção sobre Siqueira. 
Depois de anos a penar com César Peixoto, Emerson ou Cortez, finalmente tínhamos encontrado um defesa esquerdo sólido, fiável e ainda com muito para dar ao Benfica.

Se a opção realmente não for exercida, espero que a alternativa planeada seja outra que não uma adaptação, que pode resultar num ou noutro jogo mas que não resolve nada a médio e longo prazo.

Mas para quem tem gasto tanto dinheiro em jogadores como Funes Mori, Fernandez, Djaló e muitos outros, não percebo a dificuldade de gastar 6M num jogador como Siqueira.

As vitórias só se repetem consolidando o que foi bem feito. Manter os melhores é a única forma de o conseguir. E Siqueira foi um elemento fundamental na chave do sucesso desta temporada: a defesa.

Se fica, renove já! Se sai, que saia já!

Avatar
 ●  46 comentários  ● 
Esta questão em torno das respostas evasivas de Jesus deveriam exigir desde já um fim por parte da Direcção.

Por muitas leituras definitivas que muitos tinham feito às respostas da "mala feita" ou do "contrato por mais um ano", a verdade é que Jesus ainda não foi capaz de dizer: EU FICO E VOU FICAR.

O treinador tem-se escudado em respostas "La Palicianas" que dão a entender que vai ficar, mas são abertas o suficiente para deixar antever que a saída também pode acontecer.

Eu gostaria que ficasse! Não o acho o "bestial" que virou para alguns, mas considero-o a melhor solução entre as possíveis. 

Depois de terminadas as competições, lá voltou ele para o seu egocentrismo absurdo que tanta desilusão lhe valeu no passado recente. Mas pronto, ainda assim as qualidades e os defeitos dão-lhe um saldo qualitativo superior a outras opções ao alcance.

Ora, sendo assim será, digo eu, do interesse do Benfica que ele fique. Se ele ficar será, digo eu, porque colocou de vez de parte a possibilidade de uma aventura lá fora. Bom... Sendo assim, então a minha sugestão é que as partes se casem de vez e o Benfica assuma uma extensão por mais três anos do contrato de Jesus. Como ja disse antes, nesses três anos não vai ganhar sempre, mas temos que nos habituar a também não achar que quando perder vai perder sempre e querer a cabeça dele.

Se, no entanto, Jesus estiver tentado com os milhões do Valência ou o Milan - que lhe permitiram trabalhar com jogadores de elevado valor efectivo em vez de voltar a jogadores de potencial para trabalhar durante dois anos - então o melhor é que a saída seja anunciada rapidamente, bem como o seu sucessor - à semelhança do que fez o Barça.

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Heróis do nosso contentamento

Avatar
 ●  17 comentários  ● 
Artur – 12
Falhou mais a época passada que esta. Mas perdeu a titularidade para Oblak e, no Benfica, dificilmente voltará a conquistar a confiança dos adeptos.

Paulo Lopes – 4
Para fazer número e cumprir com os regulamentos.

Oblak – 15
Os adeptos suspiravam por ele e ele não desapontou. Deu segurança, sofreu pouquíssimos golos, nunca perdeu um jogo sempre que jogou. Acabou a época parecendo um guarda-redes maduro. Qualidade já sabíamos que tinha.

Maxi Pereira – 15
Época bem acima da época passada em termos exibicionais. Um jogador à Benfica, que no campeonato português assenta como uma luva.

André Almeida – 12
Cumpre sempre que chamado. Mas tem, atendendo à sua idade, uma escolha dificílima para fazer: Ser no Benfica um eterno suplente, ou tentar chegar mais alto, tendo primeiro de dar dois ou três passos atrás.

Sílvio – 13
Agradável surpresa, para mim pelo menos. Um jogador que tentaria contratar a título definitivo.

Siqueira – 15
Começou assim assim. Mas acabou em grande e tem alma, e bons laterais no mundo são cada vez mais uma espécie rara.

Bruno Cortez – 2
Todos perceberam que era um barrete assim que tocou na bola. Todos, menos quem o contratou.

Garay – 19
Superbo ao longo da época. Já sabíamos que defendia bem. A veia goleadora foi um bónus.

Luisão – 20
Época soberba, a melhor que lhe vi fazer. Um verdadeiro líder, dentro e fora do campo. Ele e Garay seguraram a equipa muitas vezes nas horas de maior aperto. Nunca a palavra "Capitão" lhe assentou tão bem.

Steven Vitória – 4
Jogou muito pouco. E aparecendo na equipa de para-quedas ou não, um jogador na sua condição não pode mostrar tão pouco nas poucas oportunidades que tem.

Jardel – 13
Jogou pouco. Mas foi decisivo sempre que jogou. Sempre que joga faz por merecer novas oportunidades.

Matic – 13
Teria nota maior se tivesse jogado a época toda. Matic é Matic, e fez falta no final da época. Teríamos sido mais fortes com ele.

Fejsa – 13
Sempre que jogou equilibrou a equipa. Mas jogou pouco enquanto houve Matic, e esteve lesionado muito tempo na fase decisiva da temporada

Enzo – 18
Talvez o jogador mais importante da temporada. A peça da cristaleira que não podia partir. Uma alma do tamanho do mundo. Nada teria sido conseguido sem ele.

Rúben Amorim – 14
Um excelente terceiro homem do meio campo. Dificilmente será titular, mas na sua idade talvez seja utopia sonhar com muito mais.

André Gomes - 13
Apareceu apenas no final da temporada, mas acabou por ser peça importante nos jogos mais decisivos da época. Mostrou maturidade para quem tem apenas 20 anos. Acho que o futuro vai ser risonho.

Djuricic – 6
Tem pés e talento. Mas como sabemos, para Jorge Jesus isso não chega.

Sulejmani – 11 Figura secundária nas alas da equipa. Cumpriu sem nunca brilhar. Se surgisse uma boa proposta, vendia.

Markovic – 15
Muito novo também. Mas ao contrario de Djuricic parece ter chegado com vontade de aprender. Aprendeu a defender bem mais rápido que Gaitan. No ataque foi decisivo em alguns jogos, e no futuro só pode ser jogador de top.

Sálvio – 12 Aquele que se adivinhava o jogador mais importante da época passou 6 meses no estaleiro. Talento não lhe falta, e a próxima época tem de ser dele.

Gaitan – 16
Grande época do argentino. Muito mais disponível para todos os momentos do jogo. Mas falhou na Final da Liga Europa, o que talvez lhe tenha custado uma grande transferência.

Ola John – 5
Deve ter percebido no Hamburgo, que a não titularidade no Benfica não era teimosia de Jorge Jesus. Mais alma precisa-se.

Ivan Cavaleiro – 10
Tem vontade, mas é um jogador anárquico tacticamente com muito para aprender. No Benfica está tapado por jogadores muitíssimo melhores.

Lima – 14
Médio mais apenas. Esperava mais, para ser sincero. Mais golos nos momentos decisivos.  Mas talvez seja dificil arranjar melhor por pouco dinheiro.

Rodrigo – 15
O melhor dos da frente, não tanto pela veia goleadora mas pela dinâmica que trouxe à equipa.

Cardozo – 12
Falar de Cardozo esta época é lembrar a grande exibição contra o Sporting. Mas é difícil lembrar muito mais, pelo menos pelos melhores motivos.

Jorge Jesus - 18
Excelente, como QUASE sempre. Não creio que Jorge Jesus tenha sido muito mais competente esta época que a época passada (o ano passado conquistou mais 3 pontos que esta), mas um treinador vive de resultados, vive da sorte e do azar, da bola que entra ou não na baliza.

Não começou bem, a falta de confiança foi evidente no início da época... Haver menos Porto que o habitual e a morte de Eusébio deu uma ajudinha. Duas épocas seguidas em todas as decisões até à última, não deixa margem para fazer muito melhor.

Luís Filipe Vieira – 14
A favor dele a aposta em Jorge Jesus e o investimento no plantel.

Contra: O dossier Cardozo foi caricato e influenciou negativamente o início da presente época.

A contratação de três defesas centrais (para nenhum sair) bem como a de Cortês são difíceis de explicar.

Contratação de Pizzi: Não entendi.

A venda de Matic em Janeiro (e para mim é por ter sido em janeiro que há problema) não pode acontecer num grande clube e pode ter comprometido a conquista da taça europeia.

Convocados para o Mundial 2014.

Avatar
 ●  7 comentários  ● 

Beto, Eduardo, Rui Patrício, André Almeida, Bruno Alves, Fábio Coentrão, João Pereira, Neto, Pepe, Ricardo Costa, João Moutinho, Miguel Veloso, Raul Meireles, Ruben Amorim, William Carvalho, Rafa, Ronaldo, Eder, Helder Postiga, Hugo Almeida, Nani, Varela, Vieirinha.

Rápidas notas

- Um abraço ao André Gomes e ao Ivan Cavaleiro. Putos, têm muito tempo no futuro!
- Parabéns ao André Almeida e ao Ruben Amorim! O vosso trabalho e qualidade deu frutos!!
- Vieirinha e Postiga são as anedotas do costume por parte de Paulo Bento.
- Nani convocado depois de jogos fracos pela selecção e de uma temporada medíocre. Veremos se corresponderá, embora se fosse pela sua produção actual, teria que ficar de fora.
- Quaresma vai ao Mundial, mas na Playstation ou para vender camisolas na candonga.

Entretanto no Sporting e FC Porto...

Avatar
 ●  9 comentários  ● 

NOVA ÉPOCA - PARTE I

 ●  149 comentários  ● 

NOVAS FRESQUINHAS DO QUE AÍ VEM PARA 2014/2015 - Parte I

Finalmente, está concluída uma temporada de sucesso. Podia ter sido ainda mais incrível, não tivesse a falta de sorte, de algum engenho, e de alguma isenção arbitral, roubado esse "tetra" Épico!

Mas como a vida é sempre a 100 á hora, já estamos de olhos na próxima época, e no que ela nos vai trazer. E preparem-se, pois segundo o que me parece, mudanças não vão faltar! Entre algumas informações a que tive acesso, e segundo a lógica que me parece vir a ser implementada, estamos num final de ciclo ou numa inversão de tendência se preferirem. Mas digo já que este "fim de ciclo" em nada me tira otimismo na conquista de novo campeonato e nas taças a disputar, apenas na Europa me sinto um bocado "desconfiado", mas mais uma vez digo, trabalhando de forma séria, com 6 ou 10 ovos, as omeletas continuam a ser saborosas!


Objectivo 1 - Desinvestir claramente no futebol . Calma, antes que se comecem já a levantar das cadeiras a chamar nomes, lembrem-se que estamos á varias épocas a viver acima das nossas possibilidades, recorrendo a empréstimos para poder manter os melhores jogadores e assim recriar um Benfica Europeu. Á "pala" deste excesso económico, o Benfica precisa de na pré-época fazer um encaixe de 50 Milhões de euros (mínimo!!), depois de termos de ter vendido o Matic, o Rodrigo e o André Gomes, por EXTREMA necessidade de encaixe!

Objectivo 2 - Reduzir entre 50 a 60% a folha salarial do nosso plantel. Para além de gastar muito menos no reforço da equipa, chegou ao meu conhecimento que este é um dos objetivos a cumprir para se conseguir um "Equilíbrio Financeiro" Somos um plantel com uma carga salarial muito acima da realidade do nosso campeonato, e por isso, vamos ter de ajustar esse facto!

Objectivo 3 - Incorporar os jovens elementos formados no Benfica (temos pela 1a vez neste consulado uma verdadeira geração "made in Benfica", a equipa que tão bem representou o nosso clube na Youth cup sub-19, perdendo apenas na final (mais uma final europeia perdida a juntar ás dos seniors...). Por isso, 1 terço dessa equipa vai ser promovida á B, subindo da B vários elementos.

Como já viram, vamos ter gastos controlados, e finalmente começar a apostar mais nos nossos jovens, uma vez que as constantes contratações no exterior estão postas de parte. Vamos-nos virar mais para dentro do que criamos no seixal, e sobretudo potenciar todo o trabalho desenvolvido nas camadas jovens. Se isto me assusta? Nem por isso! É sinal de que o dinheiro acabou (ha quem diga que o BES e a CGD fecharam a torneira...) de ser gasto ao desbarato. E é sinal de que finalmente, depois de tantos tiros de pólvora vazia, se acredita no valor dos novatos! Claro que não será um projecto liderado por JJesus, pois para ele estes teriam de morrer umas 10 vezes até poderem entrar no onze... mas quanto a isso, será só no final que falaremos do treinador! Vamos então a casos concretos:
Saídas - Garay, Artur, Luisão (dependente apenas da sua vontade), Steven Vitória, Siqueira, Enzo, Gaitan, André Gomes, Cardoso, Lima, Rodrigo.
Entradas  - Bruno Varela, Lisandro, Mitrovic, Cancelo, Lindelof, Ruben Pinto, Javi Garcia ( dependente do negócio de Gaitan para o City), Bernardo Silva, Ola John, Nelson Oliveira, Pizzi, Urreta,  Helder Costa, Ponta de Lança a contratar.
Permanências - Paulo Lopes, Maxi, Jardel, Andre Almeida, Fesja, Amorim, Sulejmani, Djuricic, Markovic, Salvio, Ivan Cavaleiro, Funes Mori
Dúvidas - Silvio, Sidnei.

Esta é a 1a parte deste post, onde iremos falar da defesa.

Guarda-Redes: Mantém-se Jan Oblak, este sim, é intocável! Aos 21 anos, parece que temos GR para umas valentes épocas! Não tardará a ser cobiçado, mas só daqui a duas ou 3 épocas, até lá, e antes de agarrar a titularidade da sua selecção, Oblak continuará entre os nossos postes!

Artur Moraes é para sair. Não que dê grande encaixe, mas aos 31 anos, tem contrato com o clube da Luz até 30 de Junho de 2016. na Luz recebe cerca de 700 mil, mais prémios por objectivos. clausula de 10M. Não sendo o titular, não justifica alto salario no clube.

Paulo Lopes vai ficar com a responsabilidade de ser o GR veterano e seguro, caso haja algum imprevisto. Dos salários mais baixos do plantel, e Benfiquista genuíno, ninguém lhe pensa tirar a hipótese de voltar a subir á trave da baliza na próxima época!

Bruno Varela, será a 3a escolha, sendo o titular ainda da B. Mas fará parte do plantel principal. 

DEFESAS: Garay, finalmente irá abandonar o nosso clube. Ele é um dos jogadores onde o Benfica precisa de arranjar os tais 50 Milhões. Só temos 50% passe, Cláusula de 20 Milhões, por isso apenas 10 Milhões entram nos cofres da luz. E destes, tirando prémios e coisas do género a empresários e outros que tais, veremos quanto fica. Um jogador de classe mundial, a quem só temos de agradecer todo o seu empenho e profissionalismo. Ganha cerca de 1,8 Milhões por época.

Luisão está muito mas mesmo muito bem cotado em Itália. Não o quero já anunciar como vendido, pois quero que seja a direcção a pronunciar-se. Há uma proposta de 11 Milhões pelo nosso capitão de um clube do esparguete. Já se sabe que só a partir dos 33 anos é que os defesas centrais estão prontos para começar a carreira, pelo que para eles, é a altura certa. E depois de uma época destas, a melhor de sempre do Girafa, o Benfica não lhe pode fechar a porta! Depende dele, mas a sua saída permitirá um encaixe financeiro importante, e uma grande poupança salarial. Tem contrato até 2016 e ganha por ano 2,1 Milhões de euros. Clausula de rescisão 20 Milhões de euros.

Guilherme Siqueira, emprestado pelo Granada e com opção de compra de 7 Milhões. O Benfica só aceita comprar por 5 Milhões, e tudo está a tentar com o Granada para que estes cedam. Mas o brasileiro tem mercado, pelo que se afigura quase impossível a sua permanência. Desde Scott Minto, ou Leo, o melhor lateral esquerdo. Melhor para mim... só Coentrão! Desculpa lá shadows! Custará por época 1,3 Milhões para o mantermos por cá.

Sílvio é daqueles rapazes azarados, que só por puro azar não conseguiu uma época de afirmação até ao nível da Selecção. Por causa disso, não se sabe quanto custará a compra do mesmo, mas uma coisa é certa, para ficar por cá terá de baixar o seu ordenado para perto de 1 milhão de euros. A seguir os próximos desenvolvimentos.

Steven Vitória, é para sair. Por empréstimo ou mesmo definitivamente. Não se impôs na luz, deixou pálida impressão no jogo do Dragay (o homem estava sem ritmo nenhum e cai de para-quedas num jogo de alta-rotação...) e é visto como dispensável.

Ficam Maxi Pereira, com a garra do costume, e hoje para mim esteve enorme na final da Taça, já depois de 120 minutos na liga europa! André Almeida, na expectativa de ser titular da canhota caso Silvio ou Siqueira não fiquem, ou até mesmo de ganhar grande parte dos jogos na lateral direita, onde surgirá finalmente a integração de João Cancelo. Agora é que é, altura de crescer! Lindelof vem a acompanhar, para jogar as taças das ligas e as 1as eliminatórias das taças, e ver se tem fibra para voos mais altos.

Um dos titulares será Jardel, que assume o seu lugar na "zaga", sendo acompanhado por um dos regressos. Lisandro Lopez. Lisandro assinou contrato por cinco anos com o Benfica, proveniente do Arsenal de Sarandí, tendo em vista uma possível saída de Garay, o que acabou por não se concretizar nesta época finda. Aos 24 anos, o defesa de 1,89 metros que custou cinco milhões de euros aos encarnados, depois de uma época de empréstimo ao Getafe, vem para assumir a titularidade e assumir-se como o "novo Garay". A confirmar este estatuto.

Stefan Mitrovic, de 23 anos, será o terceiro central. Foi contratado pelo Benfica ao Kortjik da primeira divisão belga por 1.6  milhões de euros e durante a primeira parte da temporada não foi utilizado na principal equipa do Benfica, fazendo apenas sete jogos pela equipa B. Em janeiro foi cedido ao Valladolid.

Outra das incógnitas é Sidnei, nascido no Alegrete, deixou o Internacional em 2008. Ele foi vendido por 7 milhões de euros ao Benfica. Em março de 2011, o defesa renovou contrato até 2016 com clube português. Depois de empréstimos "falhados" ao Besiktas e Espanhol, vamos ver.... Ganha 1 milhão de euros por época... Ou pega de estaca, ou está acabado de vez. Isto se ainda não estiver... E que pena tenho eu, pois para mim, é dos melhores centrais. Rápido, forte, tecnicista, sai a jogar, joga de cabeça, é rapido... falta a mentalidade. Precisa de estabilidade emocional, profissional, e saber que é aposta de alguém, pois nunca o foi. Lembram-se que ele secou por duas vezes o Hulk quando jogou contra o porto? Ah pois é, não ha mais ninguem que se possa gabar do mesmo... por issom, não foi por pura sorte que o travou...

Este é o estado da defesa. Está bonito não está? Acho que sem razões para alarmes. O pior está no meio campo e para a frente... Para o próximo post falarei do miolo e arredores!



Quanto ao resto já sabem: Carrega Benfica, Sintam a Mística!!

ranking