A Taça que ninguém ligava...
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

A Taça que ninguém ligava...

 ●  + 9 comentários  ● 


Portugal, 29 de Janeiro de 2014

Tenho acompanhado um pouco à distância, esta polémica que envolve o SCP e a Liga de Clubes, a propósito de mais uma eliminação de uma competição que ainda podiam ganhar. A polémica envolve afirmações bombásticas de dirigentes e ex- dirigentes do SCP, uns falando em “jogo sujo” outros em “canalha”, e até já se deu o caso de um dirigente do SCP, Luís Manuel Lobato, responsabilizar os “otários” da Direcção pela referida eliminação. Claro que já foi obrigado a demitir-se...
Subitamente a tal taça que ninguém ligava, quando se queria diminuir os méritos de Jorge Jesus e/ou do Benfica, tornou-se quase tão importante com a Champions League, valendo quase tudo para impor argumentos pseudo – desportivos sobre a falta de verdade desportiva que esteve na base da eliminação do SCP...
Mais uma vez a verdade está no meio, talvez mais do lado do SCP, mas nunca totalmente do lado do SCP. Queixa-se o SCP que o jogo do FCP acabou mais tarde. Mas na realidade não foi por causa disso que o FCP passou, mas sim porque lhes foi oferecido mais 1 penalty que desta vez foi transformado. Ao contrário de Coimbra, onde o FCP perdeu, apesar da oferta vinda do tal Capela que os adeptos do SCP – por mera cegueira irracional – colaram ao Benfica. Agora foi o Mota, outro que eles rotularam de “benfiquista” após o jogo com o Nacional.
Nesta matéria o SCP continua a errar o alvo, mas quem os ouvir falar, são os paladinos da moral e da ética desportiva.
O SCP também fala – e bem – do 4º golo em claro fora de jogo, do FCP ao Penafiel. Mas que interessa isso se na altura o jornal a BOLA colocou uma foto enviesada com legenda a explicar que Varela estava em jogo?
Mas note-se que o FCP também poderá falar – e não tenho dúvidas que a seu tempo irá falar – do penalty que foi tirado ao Marítimo em Alvalade, com o resultado em 1-0. E ouvindo alguns – suspeitos - adeptos, até teriam sido 2 penaltys, e não só um...
Ora entrando na conversa da contabilidade dos erros a favor e contra, o FCP ganha porque tem muito mais gente na comunicação social a desviar a conversa para o lado dos “erros tácticos” e portanto, erros do treinador. Leonardo Jardim que se cuide, porque se perde na Luz, como espero, o seu lugar estará em risco.
Mas bom, esta guerra SCP/Liga/FCP sempre nos faz pensar que afinal eles querem todos é jogar contra o Benfica... Somos e seremos sempre o seu adversário predilecto, porque somos grandes e toda a gente quer ganhar às equipas grandes...
Ao contrário destes adversários, o Benfica fez o seu papel. Ganhou na Madeira ao sempre complicado Nacional, confirmou com um lutador Leixões e terminou em passeio frente a um decadente Gil Vicente. O nosso treinador, à semelhança dos últimos anos, fez alinhar alguns jogadores da equipa B, batendo o recorde nesse último jogo com o Gil Vicente.
Não tenho dúvidas que foi um jogo especial para Hélder Costa e João Cancelo, estreantes absolutos com a camisola da equipa principal.
Quanto ao jogo, viu-se muita coisa interessante apesar da falta de rotinas de jogo. Da alegria que colocam no jogo, à falta de decidir bem o que têm de fazer, viu-se de tudo um pouco. É isto o jogador português, por muitas voltas que os puristas queiram dar ao texto, querendo transformar uma massa de pão ázimo (na maior parte das vezes), numa bela massa de pão-de-ló.
Por exemplo. André Gomes nos dois primeiros remates que fez à baliza, escolheu mal o lado e executou pior, num caso à figura, noutro caso querendo colocar tanto que rematou para fora, rente ao poste. Bernardo Silva, outro putativo Miguel Rosa, teve um cruzamento milimétrico, mas colocou-se mal e cabeceou para fora. Hélder Costa, teve um pormenor fantástico para fugir ao adversário, mas a seguir rematou para os 3 pontos do País de Gales. Os jogadores com grande futuro, normalmente não falham nestas situações.
Ok, mas também não precisamos de Rooneys ou Ronaldos. Concordo. Temos ali bons jogadores que se não se perderem – mentalmente – poderão vir a encaixar-se na equipa principal. Quantos? Não sei. O Benfica compete em alta rotação em várias competições. Só um autista poderá acreditar que uma equipa baseada na Formação pode alcançar altos níveis de resultados. Claro que não. Outros dirão que os 4 milhões que JJ custa teriam de operar alguns “milagres”, transformando alguns desses jovens em portentosos jogadores. Nem o Mourinho o faz, que custa mais do triplo de JJ, não é JJ que o irá conseguir...
Pessoalmente tenho uma preferência, desde os seus tempos de juvenil: Hélder Costa. Já defendia a qualidade deste jogador antes de se dar a promoção de Ivan Cavaleiro (curiosamente representado por Jorge Mendes). E antes de aparecer aí uma campanha mediática no youtube, “Bernardo Silva futuro Aimar”.
Trata-se de um jogador com razoável estampa física, que joga bem como médio ala, como médio interior e tem polivalência adequada para saber defender quando é preciso, quando não temos a bola. É um jogador quase completo. Falta-lhe mostrar na equipa principal que pode fazer o que tem feito na equipa B e em todos os escalões de formação: jogar e fazer jogar. Não me costumo enganar. Com André Gomes pelo menos, não me enganei.

9 comentários blogger

  1. Desprezam a Taça da Liga - a que chamam, pejorativamente, uns, a Taça Lucílio Batista, outros, a Taça da Cerbeija - uma ova! É ver como se esmifram para tentar ganhá-la!
    O problema deles é dor de corno - já temos 4!

    ResponderEliminar
  2. "Os jogadores com grande futuro, normalmente não falham nestas situações."
    Ainda vais tirar o lugar ao Vieira em futurologia... Mas e como cá em cima se diz, "a tua prima" também falhou a primeira vez que se pôs de 400, e isso não a impediu de ser a prostituta que é hoje... Só um cego não vê Bernardo com talento incomum... e o pior cego é aquele que não quer ver...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sou cego e para o ano venho cá mostrar que continuo cego... só que nessa altura tu não estarás aqui. Ninguém saberá quem é o "Laranja". Eu estarei cá.

      E por falar "cá em cima" em sou "cá de muito cima".

      Contudo desejo estar muito enganado relativamente a Bernardo Silva, como aliás a qualquer outro jogador da formação que ainda não me tenha convencido.

      Eliminar
  3. Já para não falar na parte do "decidir bem" que falar aí, como se o "decidir bem" se resumisse apenas à fase da finalização, e na fase da construção, a mais importante, não decidiram bem? Não, pois não, foram brutais, mas isso nem sequer sabes o que é, falar que o remate devia ter sido mais 1,33 metros para cima e 56 cm para a esquerda não passa de estupidez... O futebol é tão mais que isso

    ResponderEliminar
  4. Se o slb souber fazer a formacao como deve de ser, no minimo havera um par de rui costas, paulos sousas e outros de tantos em tantos anos...quem sabe em cada 5 anos..ou coisa parecida uma super estrela...nao acho impossivel de todo e sera o minimo a esperar.
    Nesta fornada de cavaleiros,almeidas,gomes,bernardos,cancelos e etc, ja se nota que pelo menos existe uma certa vontade.
    Andre gomes apesar de nao ser interessante para o JJ,por razoes que ele deve saber, e para mim sem duvida um jogador de fino requinte e enorme utilidade.
    No futuro e na seleccao nao vamos poder jogar com o matic, nem o aimar e muito menos stromberg ou valdo.
    Por isso estes miudos que falei vao ser a nossos futuros craques e tenho pena de ver andre partir.
    Se houver uma formacao honesta,paciente e justa pos miudos sera sonhar algo pedir um craque europeu de 5 em 5 anos?
    Falamos aqui a 5 anos entao:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que não é sonhador pensar num craque de X em X anos. O problema é que somos NÓS que damos cabo de tudo. Somos NÓS entenda-se, o universo benfiquista, os sócios e adeptos como o Laranja, que esperam que o treinador faça de qualquer jogador, um grande craque.

      É esta pressão que dá cabo dos jogadores da Formação do Benfica. Mentalmente eles vêm muito enganados sobre as reais possibilidades de serem craques. Porque lêem blogues, fóruns, programas de televisão e vêem ali muita e muita gente falar deles como se de salvadores da Pátria fossem. Ou porque serão jogadores da equipa A porque têm de jogar X portugueses.

      O adepto junta-se em turba à comunicação social que, pouco desinteressadamente, interessa criar um problema com a Formação do Benfica, como com o Bruxo, como com qualquer coisa que não caia nos padrões comuns do adepto comum. Excepto falarmos da gestão intencionalmente ruínosa do Sr.º Empreiteiro,. porque os Bancos não querem e são os Bancos que mandam na comunicação social...

      O jovem jogador da Formação. é um equivoco de mentalidade e expectativas. Veja-se Rodderick, veja-se Miguel Rosa, veja-se Nélson Oliveira.... a comunicação social criou a ideia que eles seriam estrelas a despontar, o jornal do Benfica empolou, a Benfica TV, empolou, as ilusões criaram-se, as expectativas criaram-se... e o pior que há num jogador é ver que afinal não era bem assim...

      A desilusão destrói muito jogador.

      Por este "sistema" que há dentro e fora do Benfica com a evolução dos jogadores jovens, é que tenho muita dificuldade em acreditar que aparecerão craques com possibilidade de lutar pelo lugar na equipa A.

      Hélder Costa é a minha mais recente aposta ...

      Eliminar
  5. Podemos ter tido uma épocas menos boas no lançamento de jovens, mas já dá para ver que a mentalidade está a mudar e que a aposta agora será mais na formação. Com esta fornada de talentos não vamos notar grande diferença. Bernardo Silva tem tudo para ser grande.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um dos problemas de Bernardo Silva é ser .. pequeno. A partir daí não há talento que possa valer. Já cá tivemos Aimar e se para uns foi um luxo ter,os tão grande estrela, para mim apenas no 1º ano vi um Aimar de grande utilidade.

      Ao contrário de muitos, acho que perdemos o titulo (para além das arbitragens) da época passada, pela entrada de Aimar aos 82 mn no estádio da Galinha...

      Gosto de estar em minoria nestas coisas. Já quando andavam aqui os do costume a zurzir forte e feio no Jesus por não dar hipóteses ao Miguel Rosa, eu defendia o treinador, com pena minha, porque pelo seu profissionalismo MR merecia ao menos uma oportunidade na equipa principal. Mas a realidade é um Benfica super pressionado pelas vitórias batoteiras do FCP. E nesse Benfica pressionado, nem Miguel Rosa nem Bernardo Silva têm lugar. Sairia quem para eles entrarem?

      Ah, a lógica do matraquilho: jogavam uns minutos aqui, outros ali, e depois sairiam grandes jogadores porque o Benfica faria grandes resultados.. desenganem-se...

      Com Miguel Rosa não me enganei. Infelizmente...

      E não sei se reparam. Eu aposto em alguém. Simplesmente não é em quem vocês (os que comentaram) pensam. Mas sim Hélder Costa...

      Eliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários.
Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.
Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.
Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares