O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


domingo, 3 de fevereiro de 2013

SL Benfica 3 x 0 Caldeirada de Chocos

 ●  11 comentários  ● 


Para a 17ª Jornada recebemos o Vitória de Setúbal, sabendo que o nosso directo rival tinha goleado fora o outro Vitória, o de Guimarães.

O 11 escolhido por Jorge Jesus tinha alterações em relação ao jogo de Braga.

A principal novidade foi a inclusão de Luisinho no lado esquerdo da defesa. André Gomes recuou para o lugar do castigado Matic, Ola John foi para o flanco esquerdo  e Rodrigo ocupou o lugar de 2º avançado ao lado de Lima.

O Glorioso entrou com tudo e aos 5 minutos inaugurou o marcador com um golaço de Enzo Péres, ao colocar a bola "onde a coruja mora" !! Mas já antes um livre directo frontal de Rodrigo, proporcionou a Kiesczak uma excelente defesa.
O Setúbal reagiu ao golo e à passagem dos 15 minutos, Jorginho respondeu solto na área a um cruzamento de Pedro Queirós e quase empatava.
O Benfica tinha mais posse de bola mas tinha dificuldades em chegar à baliza dos Setubalenses, pois só aos 35 minutos numa boa iniciativa de Maxi, Rodrigo atirou em boa posição ao lado.

Ao intervalo valia assim o golo madrugador de Enzo. As razões na minha opinião foram :

- A dificuldade que o Benfica apresenta quando apenas joga com dois médios em sair a jogar em posse até ao último terço de campo, onde resolve essa situação com Luisão ou Garay a jogarem longo. O Benfica geralmente só conseguia ter posse de bola e instalar-se no meio campo adversário quando ganhava a bola, pressionando o Setúbal ou em transição rápida, a partir do seu meio campo.
- A posicionamento da equipa de José Mota; Miguel Pedro tentava suster as investidas de Maxi enquanto Cristiano bloqueava mesmo o tímido Luisínho. Bruno Turco, Bruno Gallo primeiro ( e depois José Pedro ) e Bruno Amaro, criavam superioridade numérica, pois mesmo quando Rodrigo baixava para buscar jogo, Bruno Turco seguia-o e Jorginho o homem mais avançado na equipa de José Mota, baixava para a zona de André Gomes, fazendo um losango.
- A bola ao entrar nos flanqueadores John e Sálvio, Turco juntava-se aos centrais para fazerem o 3x2 aos avançados e sobrava o lateral do lado contrário para o extremo oposto da bola, e os dois interiores fechavam o corredor central para as segundas bolas.

No reatamento, novo golo Benfica madrugador. Dificuldade em sair em posse, Luisão com um passe longo, desta vez rasteiro, para uma boa diagonal de dentro para fora do desaparecido Lima, que frente ao Polaco guarda redes do Setúbal, carimbou.
O Setúbal abanou com o 2 x 0 e o Benfica motivou-se e colocou velocidade no seu jogo o que lhe valeu o 3 x 0 aos 55 minutos ( 10´da 2ª parte ) numa triangulação John / Rodrigo / Lima e com Rodrigo a só ter de encostar a bola.
A equipa "cresceu" após o intervalo porque André Gomes não foi tão posicional como 6, Enzo ajudou-o mais, e a equipa teve mais dinâmica como se viu no 2º golo, o de Lima.
À passagem dos 63 minutos, Gaitán entrou para o lugar de Sálvio, bem na minha opinião para o poupar do excesso de minutos que teve no mês de Janeiro com jogos da Liga, Taça e Taça da Liga, e John passou para a direita tendo Gaitán se fixado à esquerda e 7 minutos mais tarde, Rodrigo deu o seu lugar a Aimar. Entre as duas substituições uma jogada individual de André Gomes poderia ter um desfecho feliz se tivesse tocado ao lado para Rodrigo, mas também se compreende a sua decisão em tentar finalizar.

Até ao final, menção para a substituição de Enzo por Urreta, um Benfica que baixou de intensidade, mas que estava sempre com o jogo controlado apesar do Vitória de Setúbal esteve muito perto do golo de honra pelos pés ( felizmente tortos ) de Jorginho.

Melhor em campo hoje foi o capitão Luisão, estava a voltar à sua boa forma, o que é positivo tendo em conta que agora vamos ter os jogos da Liga Europa.
Luisinho foi o menos bom, com poucas investidas no processo ofensivo.

P.S. - Corre um rumor no Twitter que Peseiro foi demitido no Braga e que Sérgio Conceição é o senhor que se segue. Repito, rumor, pois no site do Braga ainda não há confirmação.

11 comentários blogger

  1. "A dificuldade que o Benfica apresenta quando apenas joga com dois médios" - Contam-se pelos dedos de uma os jogos em que o Benfica 2012/2013 jogou com 3 médios.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "A dificuldade que o Benfica apresenta quando apenas joga com dois médios em sair a jogar em posse até ao último terço de campo"

      Pedro, cita mas segue o contexto. Quando o Benfica tem uma equipa que pressiona mais um pouco, com 2 médios, sente dificuldades. Se calhar por isso é com as equipa do nosso nível ao que tenham mais qualidade que o nível da nossa Liga, o Benfica sinta dificuldades.

      Eliminar
  2. Jogo tranquilo com o Benfica a jogar q.b. Notava-se que se o Benfica carregasse o jogo todo, o Setúbal saía da Luz com o saco cheio. Mas face a um mês de Janeiro infernal com imensos jogos, alguns deles bem complicados, compreende-se este ritmo mais baixo do Benfica. Gestão de esforço.
    Não concordo com o Luisinho ter sido o menos bom. Por acaso até achei que fez um bom jogo. Bons cortes na defesa e quando teve oportunidade tentou e criou algumas situações de desequilibro no ataque.
    Agora segue-se o jogo na Choupana com a porcaria dos jogos das selecções pelo meio.
    Carrega Benfica

    ResponderEliminar
  3. Hertz concordo a 100% com o qb. Foi mesmo esse o termo que usei com os meus colegas escrigas aqui do NGB.

    ResponderEliminar
  4. será que está esquecido? ha dois meses aprox. foi encontrado no interior da etar de contomil o cadaver de um director dos andrades corruptos com dois tiros no chapeu de cabra; esse director chamava-se mesquita alves; afinal o que aconteceu realmente?

    ResponderEliminar
  5. Acabou o ciclo complicado de 10 jogos em 36 dias:

    Moreirense 1 - SLB 1 (Taça da Liga)
    SLB 6 - Aves 0 (Taça)
    Estoril 1- SLB 3 (Liga)
    SLB 3 - Académica 2 (Taça da Liga)
    SLB 2 - Corruptos 2 (Liga)
    Académica 0 - SLB 4 (Taça)
    Moreirense 0 - SLB 2 (Liga)
    Braga 1 - SLB 2 (Liga)
    P. Ferreira 0 - SLB 2 (Taça)
    SLB 3 - V.Setúbal 0 (Liga)

    Balanço positivo (apesar do empate na Luz perante os corruptos):
    8 vitórias e 2 empates. 28-7 em golos.

    Quanto ao jogo de hoje:

    Vitória tranquila perante um Vitória sem argumentos.
    Fiquei sempre com a sensação, durante o jogo praticamente todo, que o Benfica jogou quanto baste, sem se esforçar muito.
    Artur esteve sempre bem quando foi chamado (raramente) a intervir.
    Luisão e Garay seguros. Excelente a assistência do capitão para o golo de Lima.
    Luisinho e Maxi aventuraram-se amiúdes vezes no ataque e defensivamente estiveram bem.
    André Gomes esteve uns furos abaixo do que pode fazer.
    Enzo encheu o campo novamente. MVP do jogo.
    Ola John e Sálvio na 1ª parte tentaram desiquilibrar. Na 2ª parte desapareceram um bocado do jogo.
    Rodrigo e Lima a procurarem espaços na 1ª parte, e a molharem a sopa no 2º tempo.
    Gaitán, Urreta e Aimar entraram sobretudo para rodar a equipa, testar o 4-2-3-1 e fazer descansar Sálvio e Enzo.

    Agora é esperar que os internacionais não se lesionem nas respectivas selecções e treinar com afinco para o próximo jogo que será no próximo domingo, perante o Nacional na Madeira, onde habitualmente o nevoeiro faz das suas.

    VIVA O BENFICA !!!

    ResponderEliminar
  6. Águia Preocupada03 fevereiro, 2013 23:12

    Não gostei do jogo e muito menos da atitude! Que falta gritante de ambição! Com um Setúbal abaixo de nada e sabendo que temos golos para recuperar não era para ir com tudo para cima deles? Há anos foram 8-1 e ficou tudo chateado porque deixámos que eles no último minuto marcassem... Hoje, não foi qb, foi abaixo do qb... Ou o que temos basta? Para mim não!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exactamente. Foi do tal tipo de jogo que me provoca urticária. Os jogadores não estavam focados em marcar muitos ao Setúbal. Porque há um despique entre eles, notório em mais uns jogos do que em outros, de quem consegue fazer mais passes errados. Ontem acho que ganhou o miúdo, o A.Gomes, mas foi à tangente, porque quase todos os outros foram bem "competentes" neste campo. Era nisso que estavam focados: "consigo fazer mais passes errados do que tu...". Neste despique Luisão ficou em ultimo lugar, deu-se mesmo ao desplante de fazer um passe rasgadinho para o Lima marcar mais um golo. Foi por engano, com certeza.

      Eliminar
  7. O jogo ficou fácil para o Benfica com o golo cedo, mas o Vitoria de Setúbal também não tem grande equipa. Grande golo do Enzo Perez.

    ResponderEliminar
  8. o melhor em campo foi o enzo.

    ResponderEliminar
  9. após o primeiro golo também pensei que poderíamos marcar 10, mas se a jogarmos moles, q.b. e em ritmo de gestão de esforço conseguirmos dar sempre 3-0 acho que estamos bem e ñ vejo falta de ambição na equipa. o ano passado muita gente acusou o jesus de ter perdido o campeonato porque estoirou a equipa, este ano criticam a equipa por jogar apenas o necessário, a esses adeptos eu só digo, tenham calma porque todos queremos o mesmo, no final da temporada festejarmos o 33.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking