O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 3 de novembro de 2012

Jesus: Calar ou Dispensar?

 ●  10 comentários  ● 

Fica desde já a minha escolha: CALAR e MANTER... com regras novas.

Antecipo um jogo complicado com o Guimarães hoje. É sempre assim quando começa a correr bem, Jorge Jesus deixa-se tomar pela soberba e desata a dizer o que não deve, quando não deve e numa forma totalmente desadequada.

Nas duas últimas vezes que abriu a boca, conseguiu "rebentar" publicamente com o Luisinho, Ola John e agora com o Melgarejo...

... Não satisfeito, quis considerar-se maior que o SLBenfica e ser ele a definir as condições de uma eventual renovação, assumindo desde logo que não estava dependente do título para tal.


Não sei se o Moniz estará como Administrador da SAD para cuidar da comunicação, ou apenas para os Direitos Televisivos, mas uma coisa eu sei: ALGUÉM QUE CALE O JORGE JESUS... ou pelo menos que lhe digam o que dizer.

Juntamente com o lote de Domingos, José Peseiro e Fernando Santos, Jorge Jesus integra um grupo de excelentes treinadores portugueses capaz de fazer parte das escolhas dos grandes. Todos eles têm defeitos, cada um o seu. Peseiro precisa de quem "segure" o balneário, por exemplo...

Portanto, há duas questões que se colocam:

1. O que é exigível a um treinador com um contrato milionário como Jorge Jesus - fala-se em 4M€/ano.

2. De quem é a responsabilidade de colmatar as falhas e defeitos do treinador?


No que me diz respeito, um treinador com um vencimento tão elevado (mesmo que fosse metade do que se diz, eu considerava muito alto) tem mesmo que valer campeonatos. Tem que fazer a diferença nos momentos decisivos da temporada... mas diferença positiva, pois as últimas intervenções de Jesus marcaram a diferença sim, mas pela negativa, dado que nenhum líder de um grupo de homens faz intervenções tão disparatadas.

Nesse sentido, entendo que um novo vínculo desta dimensão financeira para Jesus deveria estar necessariamente indexado ao cumprimento dos objectivos para os quais foi contratado: Ser campeão em 2/3 das temporadas do contrato, juntamente com a conquista de pelo menos uma Taça de Portugal e atingir uma final Europeia.

Porém, se não houver uma equipa de gestão da SAD, devidamente interventiva e competente para colmatar as suas evidentes falhas e faltas de competência no domínio comunicacional com os seus jogadores e nas intervenções públicas... e Jorge Jesus verá sucessivamente as suas equipas ruirem como castelos cartas ano após ano.

Poderemos ficar contentes por fazer milhões em vendas, pois os jogadores que são contratados com elevado potencial, saem com elevados encaixes - ainda estou por perceber a magia disto! Ou seja, quando será que vou ver jogadores de potencial pouco perceptível, se transformarem em jogadores de topo - isso sim é potenciar jogadores (exemplo: Paulo Ferreira, Costinha, Bosingwa, Raul Meireles, Maniche, etc. com Mourinho. São jogadores que só renderam com Mourinho... tal como muitos dos jogadores do Inter).

Mas se quisermos antes ser campeões, Jorge Jesus tal como o conhecemos tem que mudar. O SLBenfica tem que ter realmente um director desportivo que exerça efectivamente uma liderança sobre o treinador, limitando as suas tarefas ao que se espera realmente dele - que treine e oriente os jogadores, de acordo com um modelo de jogo definido, para o atingimento dos objectivos do SLBenfica.

Depois, terá que isto ser complementado por uma equipa de comunicação que funcione nos bastidores e que compreenda o futebol nacional, os interesses e conheça os interlocutores (jornalistas e outros). Essa equipa de bastidores (não é suposto dar a cara) é quem deverá orientar o discurso e a mensagem de Jorge Jesus, limitando-a aos interesses do SLBenfica... e não aos interesses do treinador.

O melhor para o SLBenfica, não é o Jesus que decide.

PS- Já agora expliquem ao homem que ele não conquistou os 32 titulos do SLBenfica, mas sim o 32º.

10 comentários blogger

  1. 333.334,00 euros mensais.

    segundo dizem....

    Artur Soares

    ResponderEliminar
  2. Enorme artigo, parabéns.
    Estou a preparar um semelhante, para, de forma simples, comparar Jesus com Mourinho (dois arrogantes, mas...).

    Para mim Jesus já não devia fazer parte do Clube há muito tempo. É teimoso e não é uma mais valia como se chegou a pensar que seria.

    ResponderEliminar
  3. PS: gosto muito da checklist ali ao lado... Veremos.

    ResponderEliminar
  4. Geração Benfica, concordo contigo neste ponto:

    Mourinho é muito melhor treinador do que Jesus em todos os apetos.

    Contrate-se de imediato. Não sei qual é a cláusula dele, ou sequer se este está interessado em treinar o BENFICA, mas para melhor muda-se sempre...

    Isto sim é ser um Benfiquista com exigência (como todos devemos ser), a comparar o nosso treinador, só compará-lo ao melhor do mundo.

    p.s.: O JJ devia resguardar-se mais e ser protegido por uma estrutura sólida e um departamento de comunicação competente. Coisa que não se tem visto nos últimos anos. Mas se calhar, a culpa de não termos uma estrutura forte, deve advir do facto de não termos um lider forte...

    (ex: Cada vez que me lembro que apagamos a iluminação do estádio e ligamos o sistema de rega, quando o nosso rival estava a comemorar o título de campeão fico envergonhado. Atitudes baixas à fcp devem servir de exemplo para que o nosso clube faça PRECISAMENTE O CONTRÁRIO.)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E quem correu com a hierarquia que existia entre JJ e LFV? Isso é a pergunta para jackpot!!!

      Eliminar
  5. Burro velho não aprende línguas...

    E para vos ser franco, eu sou do tempo em que um velho capitão dizia "quem vem para o Benfica arrisca-se a ser campeão", por isso, acho que o Jesus depende mais de nós do que nós dele...

    Já agora, já repararam na quantidade de treinadores que existem na 1ª Liga com passado ligado ao Porto e a inexistência de treinadores com passado ligado ao Benfica e que têm tido excelentes resultados noutras ligas inferiores?

    ResponderEliminar
  6. 4 milhões por ano?! Está tudo maluco?!

    ResponderEliminar
  7. Nâo é por acaso que na CS, tingida de tons azulados, a invasão de alusões anti-JJ povoam os pasquins.

    Vá, digam que é pura coincidencia.

    zédaluz

    ResponderEliminar
  8. Permitam-me juntar esta análise:

    http://simaoescuta.blogspot.pt/2012/11/jorge-jesus-o-homem-que-nao-nasceu-nos.html

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking