O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Barça com onze "canteranos". Sonho ou Realidade?

 ●  9 comentários  ● 

Aos 14´ com a saída de Dani Alves por lesão, o Barcelona ficou em campo com 11 jogadores formados no clube. Valdés, Montoya, Piqué, Puyol, Jordi Alba, Busquets, Thiago Motta, Iniesta, Pedro, Fabregas e Messi. E a meio do jogo ainda se juntou... Xavi no lugar de Thiago, elevando a contagem para 12 num jogo.

Claro está que só um clube da dimensão do Barça, e acima de tudo o seu poder fínanceiro, é que pode segurar jogadores de craveira mundial num plantel, resistindo à pressão de vender.

Contudo, não deixa de ser igualmente um facto que esse momento poder financeiro poderia possibilitar ao Barcelona avançar para a contratação dos melhores do Mundo, como fazem Real Madrid, City, etc.

Ou seja, se por um lado é verdade que é preciso dinheiro para segurar os jovens formados no Clube. Não deixa de ser igualmente verdade que é preciso igualmente ter uma estratégia para os formar, dando prioridade aos jovens da formação ao invés dos jogadores estrangeiros para posições secundárias. Atente-se bem na facilidade com que o Barça dá tempo e espaço a Tello, Montoya, Cuenca, etc... e muitos outros já estão a brilhar na equipa B e prontos para despontar a qualquer momento.

Em Portugal, acredito realmente que o SLBenfica é talvez o único clube capaz de se aproximar deste modelo de geração de talentos como o Barcelona. Capazes somos! Temos as condições e até os recursos humanos mais qualificados em matéria de formação... se daremos aos jovens a oportunidade de crescer ao invés de lhes exigir que cresçam sob a ameaça dos estrangeiros... isso já é outra história.

9 comentários blogger

  1. Quanto custaram o Piqué, o Fabregas e o Alba por exemplo?
    O Piqué, o Fabregas e o Pedro passaram quanto tempo na formação do Barça?
    O PSG emprestou o Tiago Mota ao Barça para esse jogo?

    ResponderEliminar
  2. Se os recursos humanos forem do calibre do traidor PEPA está tudo muito bem!

    ResponderEliminar
  3. GB, Pedro, Busquets e Puyol para mim não contam como formação pois só chegaram a Barcelona já com 17 anos.

    E quando o GB diz Thiago Mota ele queria dizer Thiago Alcântara.

    ResponderEliminar
  4. Esses sonhos são daqueles que sujamos as cuecas a noite, mas com vieira nunca irá acontecer

    Ps: o Barça vai buscar miúdos estrangeiros mas muito jovens

    ResponderEliminar
  5. Há quanto anos o Barcelona tem equipa B? Há 40 anos!!! Desde 1970.

    Quantos jogos fizeram esses jogadores antes de jogarem na equipa A?

    Xavi - 61 jogos
    Puyol - 89 jogos
    Valdés - 77 jogos
    Iniesta - 54 jogos
    Messi - 22 jogos
    Busquets - 32 jogos
    Pedro - 55 jogos
    Thiago - 59 jogos
    Tello - 39 jogos
    Montoya - 68 jogos


    O Pique jogou na formação dos 10 aos 17 anos e custou 5 milhões de libras, depois de ter saído da formação para o Manchester United.
    O Fabregas jogou na formação dos 10 aos 16 anos custou 29 milhões de euros, depois de ter saído da formação para o Arsenal.
    O Jordi Alba jogou na formação do Barcelona dos 11 aos 16 anos. E custou 14 milhões de euros.


    Há que dar tempo aos nossos jovens para crescerem na equipa B. Há jovens com valor na nossa formação, mas há que apostar neles com calma e tranquilidade. Não há que ter pressa em colocá-los na equipa A.

    ResponderEliminar
  6. Gandaia, isso é muito areia para certas carroças :-)

    ResponderEliminar

  7. Espero que a partir de agora se aposta na nossa formação com razoabilidade e que o profissionalismo comece numa organização muito profissionalizada que forme homens e jogadores que pensadamente vão chegando à primeira equipa não descurando contudo a pesquisa africana e sul americana.

    Por falar em Barcelona parece que estão em polvorosa porque quando do jogo da Farsa no Celtic um dirigente do Benfica escreveu na altura que eles não tinham sido profissionais.

    Li o artigo e pensei logo cá para comigo que estava a dar um tiro não no pê dele mas no Benfica.

    Isto até se pode pensar, mesmo que eu não acredite, mas escrevê-lo publicamente só um patarata o faria que é o que eu penso desse senhor.

    Depois queixa-mo-nos....

    ResponderEliminar
  8. É esperar para ver.

    Não sou utópico mas gostava muito que a formação servisse, pelo menos, para colmatar as posições no plantel e não gastarmos dinheiro em estrangeiros de qualidade duvidosa q ao fim de seis meses acabam por ser emprestados ou dispensados.

    ResponderEliminar
  9. O Benfica a par do porto deve ser a equipa que menos condições para fazer isso tem, a exigência é muito grande tal como em Barcelona, por isso tens as situações do Pique, do Fabregas e mais recentemente o Jordi Alba, nessas contratações o Barcelona deve ter gasto 2 ou 3 vezes o orçamento do Benfica sem contar com os vencimentos, isso no Benfica ou em qualquer clube português é utopico na minha opinião. E claro a cultura de aposta nos jovens não existe e isso paga-se caro na altura de passar jogadores para a equipa A, vêm pouco preparados ou então nem sequer há coragem de assumir aposta clara nos jovens do clube!

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking