Mentiras que não se tornam verdade por mais que as repitam...
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


segunda-feira, 14 de maio de 2012

Mentiras que não se tornam verdade por mais que as repitam...

Avatar
 ●  + 11 comentários  ● 
Continuamos a ler na comunicação social e até na blogoesfera mais um efeito da 'fulanização' a que o Benfica tem sido sujeito nos últimos anos, tendo os respectivos reflexos em muitos benfiquistas.

Um desses efeitos é a mentira descarada de que JJ 'deu' a ganhar ao Benfica cerca de 100 milhões de euros, entre transferências e champions.
Pegando no post sobre a 1ª época de Mourinho , pergunto eu: quem era JJ antes do Benfica? Quanto valia a marca 'JJ' antes de vir para o Glorioso? Que vitórias tinha JJ? Que façanhas tinha ele conseguido?

É a primeira vez na sua história que o Benfica consegue grandes encaixes com transferências? É só agora que o Benfica consegue encher o seu estádio, ou afinal no tempo da antiga Luz, até fins da época 93/94, não era comum termos assistências acima de 80 mil pessoas?

Sinto-me compelido a relembrar quem utiliza estes argumentos 'financeiros' para tentar valorizar JJ de que a única coisa que valoriza um treinador são as vitórias. Não em jogos avulsos, mas em títulos.
Campeonatos, competições europeias, Taças de Portugal. 
Por muito que se queira valorizar a Taça da Liga, não posso ser hipócrita.
Nunca valorizei a Supertaça como competição por isso a da Liga, embora de cariz diferente, não vale ainda grande coisa.

Um líder não precisa de se colocar em bicos de pés para se saber que é ele quem manda.
Mourinho, o tipo descoberto pelo visionário Vale e Azevedo(gritem e esperneiem! Ele é um vigarista mas foi ele que descobriu o melhor do mundo!) teve que vencer títulos para se tornar no melhor. E vale pelo todo. As suas equipas não jogam o melhor futebol do mundo, mas vencem. 

Tudo se resume às vitórias finais.

O Benfica tem uma história gloriosa com 32 títulos de campeão nacional. 
JJ apenas foi líder num deles. 

JJ tem de facto qualidades que o podiam tornar num grande treinador no Benfica. 
O Benfica podia encontrar em JJ um treinador com liderança e qualidade suficiente para estar no clube durante muitos anos.

Mas JJ dá mais importância ao seu ego, à sua pretensa mestria técnico-táctica, ainda por provar.
Nas alturas vitais, perde. Não tinha que ganhar sempre, mas perde sempre. Com opções demasiado discutíveis para um treinador tão, supostamente, sabedor.

Em conclusão, JJ não descobriu nada nem inventou nada. 
O Benfica já existia antes e com uma história ímpar. 
Não idolatrem JJ porque nada nem ninguém está acima do Benfica.

11 comentários blogger

  1. para criticarem a tordo e a direito recorre-se à fulanização sem preconceitos... só porque se elogia alguém já não se pode fulanizar?

    mas digo-te já que quem mais tem fulanizado o Jorge Jesus é quem acha que ele é o único da estrutura que tem de permanecer.

    ResponderEliminar
  2. Idolatram Vieira, Jesus e etc, só se esquecem de idolatrar o próprio clube..

    ResponderEliminar
  3. Rui Sérgio Guerra14 maio, 2012 20:46

    CLAP... CLAP... CLAP!

    Brilhante, Shadows! Pelo n/ BENFICA... SEMPRE!

    Provaste que... "não tens óculos de Penafiel"!
    (isto é apenas "uma imagem" daqui da região do Porto, que visa transmitir que..."não tens palas"! Nada contra os penafidelenses, claro!)

    Abraço,
    RSG

    ResponderEliminar
  4. Sobre a valorização...

    Qual o jogador que Jesus "vendeu" que não seja um fabuloso jogador?

    ResponderEliminar
  5. JJ não é perfeito, JJ falha nos momentos chave, JJ é egocentrico mas por muito que tentem há coisas que não se podem desvalorizar... JJ deu um "perfume" ao futebol do Benfica que nenhum outro deu desde a decada de 90!!! Mas não pensem que com isto eu estou satisfeito, porque não estou!!! Eu sei que ele é capaz de muuuuiiito mais mas o seu ego não lho permite. Neste momento o Benfica está bem organizado empresarialmente mas a nivel do futebol continua o amadorismo e é aqui que o Benfica tem de apostar muito forte e depois verão que JJ ou outro treinador terá muito mais hipóteses de ser campeão. Deixo só duas perguntas:

    1- Quem é o treinador do Bayern, finalista da Champions?
    2- O que fez ele enquanto treinador do Benfica?

    No que ao futebol diz respeito, continua a faltar hoje o que faltava há 10 anos atrás ou mais... Um departamento de futebol organizado, virado somente para a equipa de futebol e para os meandros do futebol podre cá do burgo. em termos empresariais estamos a trabalhar bem na maioria dos aspectos, faltam os titulos e a organização no futebol!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Simões

      Eu acho que quem deu perfume ao jogo do Benfica...

      foram os jogadores.

      Eliminar
    2. Caro amigalhão Conde, então por essa lógica de ideias porque foi o Real buscar o Mourinho? Aquilo é só estrelas que nem precisam de treinador, ou se calhar precisam...

      Tu sabes bem que eu critico e muito o JJ porque não concordo com a disposição táctica da equipa que leva a que soframos uma média de quase um golo por jogo mas em termos de ataque e de espectáculo temos de reconhecer que o Benfica deu um grande salto qualitativo. Agora, eu sei bem que ele é capaz de bem melhor e sou da opinião de que a equipa falha nos momentos chave também porque a equipa não está trabalhada para saber defender, saber guardar a bola, a equipa está trabalhada para sair sempre em transições rápidas e estar sempre no ataque.

      Eliminar
  6. Shadows

    jj chegou ao Benfica depois dos 50 com curriculo zero.

    Mourinho chegou ao Benfica com 30 e pouco.

    A diferença está aqui. Cada um é para o que nasce.

    Tomara eu que o JVA fosse o maior vigarista dste país.

    Que grande país seria este. Alvo, cristalino...um paraíso.

    ResponderEliminar
  7. O Jesus utiliza discursos nos quais se coloca acima do Clube e há gente que aceita isto e ainda o reforça.
    Enquanto benfiquista acho isso aberrante e as razoes estao bem expressas neste post.

    Subscrevo este texto em absoluto.

    ResponderEliminar
  8. Eu também acho que o JJ tem um problema de egocentrismo mas se pensarem bem, e basta andar 3 anos para trás, o que jogava o Benfica, quem era o campeão e o 2º classificado?
    Vejam lá se com ele, bem ou mal, não temos andado a jogar bom futebol e não temos estado na luta pelo campeonato até bem tarde na época...

    É verdade que ele erra, é teimoso, e por vezes essa teimosia estraga aquilo que de bom tem feito, como colocar o David Luiz a defesa esquerdo, ou manter o Emerson quando se via que ele não estava a jogar ou a correr nada, ou ainda mandar o Ruben Amorim para o Braga quando ele fazia e faz falta pela sua polivalência no Benfica, mas também não se esqueçam que antes dele chegar não jogávamos NADA à bola e agora não é bem assim...

    Não concordarmos com as opções é uma coisa agora atacar o homem por tudo e por nada, também não me parece lógico nem racional. E também não deixa de ser verdade que ele tem valorizado alguns jogadores que por cá andavam e não jogavam nada de jeito antes dele vir, ou já se esqueceram que Di Maria já cá estava e nem calçava com o Quique Flores? e o Coentrão? quem apostou nele não foi por acaso o Jesus? mesmo o caso do David Luiz que nem titular de caras chegava a ser... quem apostou nele não foi o JJ?

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares