Campeonato da fraude - T18 parte II
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quarta-feira, 2 de maio de 2012

Campeonato da fraude - T18 parte II

 ●  + 15 comentários  ● 

Portugal, 2 de Maio de 2012

Como referi no texto anterior, há 18 anos que os campeonatos de futebol profissional são organizados pela Liga de Clubes sediada no Porto. Os campeonatos da fraude. Também referi que esta mudança de local e entidade organizativa, foi vista por gente de responsabilidade no domínio da opinião mediática, como a entrada em vigor de uma nova ordem no futebol nacional.

Os números de facto assim comprovam. Nestes 18 anos de Liga de Clubes, o FCP venceu 13 campeonatos (72%), o Benfica e SCP venceram 2 cada um, e o Boavista ganhou 1. Por comparação, nos anteriores 15 campeonatos organizados pela FPF (lamento não ter dados sobre os anteriores 18 anos) o Benfica venceu 7, tantos como o FCP (47%), e o SCP venceu 1.

Se o algodão não engana, os números também não: a mudança de entidade organizativa dos campeonatos apenas favoreceu um clube, o FCP! Não por mera coincidência, o clube da cidade onde se localiza a Liga de Clubes.

Importa colocar então uma questão. Se o Presidente do FCP e estrutura do clube continuaram as mesmas, como é que a sua eficácia nos campeonatos ganhos, quase duplicou?

Para tornar a pergunta mais difícil, poderemos acrescentar que os principais rivais do FCP, Benfica e SCP, até se reforçaram cada vez mais, melhoraram vários aspectos da sua organização interna, endividaram-se para sustentar uma estrutura futebolística mais competitiva, e contudo o FCP passou de 47% de campeonatos ganhos num intervalo de 15 anos, para 72% num intervalo de 18 anos.
 
A resposta terá de ser encontrada no controlo da arbitragem.

Na altura criou-se a ideia de que o FCP ganhava mais títulos porque as Associações de Futebol, com a do Porto à cabeça por ter maior número de votos (função do número de clubes), controlavam a arbitragem e demais lugares da FPF. Eu próprio vi com bons olhos, a mudança da FPF para a Liga de Clubes, porque assim as Associações deixavam de mandar na Arbitragem. Apenas achei um ponto frágil à instalação da Liga no Porto, mas dei o benefício da dúvida essencialmente porque as jogadas (também conhecidas por “chitos”) de Adriano Pinto, iam acabar.

Passados estes anos todos, tenho de reconhecer que era uma análise errada. O controlo da arbitragem deixou de ser negociado entre 4 das maiores Associações de Futebol do País, Porto, Braga, Funchal e Aveiro, para passar a ser controlada pela teia de interesses económico - desportivos que a nova estrutura dos clubes / SAD passou a representar. Todos os clubes e SAD’s aumentaram a dependência dos direitos televisivos, detidos em exclusividade pela Olivedesportos, e do seu parceiro económico, o BES que viu no futebol um bom nicho de mercado (que lhe tem proporcionado bons retornos financeiros, como eles reconhecem).

Assim, se antes as Associações “cozinhavam” as listas para as eleições e dividiam entre si os interesses, com a Liga quem “cozinha” as listas é o FCP através de outros clubes, com o beneplácito da Olivedesportos e do BES. Obviamente que o FCP nunca apoiou qualquer lista para a Liga, nem mesmo a última com Fernando Gomes um fanático adepto do FCP, que enquanto presidente da Liga de Basquetebol nos anos 90 do século passado, conseguiu a proeza de “arrumar” a equipa do Benfica que dava cartas na Euroliga (a Champions do Basket).

Na estrutura “Associações”, os interesses eram divididos. Na estrutura “Liga”, os interesses são concentrados e o FCP é o denominador comum. Terá pois de se estabelecer uma relação de causa e efeito, entre esta nova ordem do futebol e os resultados do FCP.

Em particular não nos podemos ficar apenas pelo número de títulos conquistados, 13 em 18, mas na qualidade desses títulos. Se a Liga ajudou o FCP a ganhar mais do que ganhava quando a FPF e as Associações organizavam as provas, também a presença de Fernando Gomes na Liga está a ser caracterizada por vitórias mais fáceis ou menos previsíveis

Nestes dois últimos títulos, o FCP conseguiu 93% de pontos com Villas-Boas (o pior treinador da era Abramovitch) e se Vítor Pereira conseguir ganhar os 2 jogos em falta, faz 83%. Estes 2 resultados estão entre os melhores 4 que o FCP fez no milénio, e obviamente isto tem de fazer pensar como serão os campeonatos seguintes...

Até porque o Benfica fez 70% num caso (depois de perder o título, Jesus optou por rodar a equipa para poupar titulares para a Taça de Portugal e Liga Europa) e 77% neste ano se ganharmos os 2 jogos em falta. E 77% é apenas a 2ª melhor pontuação que o Benfica conseguiu nestes 18 anos (a maior são os 84% de Jesus há 2 anos). Não foi pois pelo treinador que o Benfica perdeu este título...

15 comentários blogger

  1. LFV anda há procura de um treinador de renome e de um jogador de classe mundial, estamos quase nas eleições.
    Treinador não vai conseguir.
    Jogador ??????
    Existe um portugues que pôs uma equipa média a jogar bom futebol, quase ganhou a Taça UEFA e o Campeonato. Conheçe bem o nosso campeonato e tem experiençia na europa.
    Com uma estrutura forte no futebol(porque não existe), José Peseiro seria uma boa solução.
    Que dizem???

    André Silves

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vais-me desculpar mas não digo nada. Porque o problema do Benfica não são treinadores mas um conjunto de regras que os impedem de mostrar o seu real valor no Benfica. Passo a explicar.

      Se ganharmos os próximos 2 jogos, conseguimos fazer 77% de pontos. Como já expliquei, é o 2º melhor registo de pontuação do Benfica nos últimos 18 anos. Apesar dos tais "erros" que a comunicação social de falhados e fala-baratos, insiste em atirar para cima de JJ.

      Ora estes 77% são claramente inferiores ao que a nossa equipa jogou. Há demasiados erros grosseiros com influência nosresultados pelo que sabemos que a serem assinalados os penaltys que fácilmente se viram na TV, e fosse invalidado só o golo do FCP em fora de jogo (porque fomos mais prejudicados noutros lances nesse jogo), o Benfica teria mais uns 6 a 8 pontos. E o FCP teria menos alguns.

      Ora neste caso o Benfica seria campeão com mais de 80%, jogando como jogou, cometendo o JJ os "erros" que dizem ter cometido.

      Então a pergunta é: outro treinador vai alterar este estado de coisas? Os 17 que tivemos nos últimos 18 anos acho que respondem à tua questão.

      E Peseiro falhou no SCP, um clube lisboeta, protegido pela comunicação social e com relativamente boa arbitragem (embora eles não concordem). No Benfica estes itens não existem, logo ...

      Eliminar
  2. excelente post eagle!!! claro que mais facil é dizer que a culpa é do JJ. Quanto à direccção e a LFV aguardo por comentários. Julgo que está na hora de vir a terreiro explicar a estratégia... de quem dizia que sabia o que estava a fazer quando apoiou o Facturas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado. A resposta é dada na Odivelas TV. Ele diz que há 10 anos o Benfica esteve para acabar. Ora há 10 anos ele era o gestor de futebol e Vilarinho o Presidente. Ora conclui-se que ele não sabe o que diz, fala o que lhe escrevem e quem escreve está a perder qualidades... estamos entregues a um tipo que não sabe o que diz e diz o que lhe mandam dizer coo no caso das criticas à arbitragem do jogo com o Chelsea ...

      Eliminar
  3. excelente artigo ! acho que os proximos vão ser mais do mesmo pois o faturas tratara de olear a maquina para que assim seja.e nós vamos continuar a ver na poltrona sem nada fazer (a direção).
    vamos ver o que as eleições nos vão trazer se a mudança ou a continuidade.
    saudações benfiquistas de um conterraneo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exactamente. O pior é que agora passaram-se para a FPF e aumentaram a escala do seu poder. A estratégia do Vieira é contratar mais jogadores, vender uns quantos para equilibrar e recomeçar de novo, para os Proenças e os Benquerenças nos gozarem outra vez como há 11 anos para cá ... O Benfica só tem liderança para enganar os benfiquistas. Lá fora ninguém dá crédito a Vieira porque sabem como ele é um tipo frágil mentalmente.

      Eliminar
  4. Uma coisa não justifica a outra. A arbitragem vergonhosa não serve de desculpa para as opções falhadas de JJ nos últimos 2 anos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Absolutamente de acordo. Querer limpar as asneiras do JJ e persistir nos mesmos erros que no colocaram aonde estamos. Não foi só ele mas também são dele muitas das culpas do fracasso.

      Eliminar
    2. Shadows já te percebi e se não me consegues perceber... Vou-te explicar novamente: um treinador não faz erros. Pela simples razão que "erro" é um desvio à norma. Ora tu que parece perceberes muito destas coisas, podes-me dizer qual é a norma? Onde está o livro da "norma" para podermos perceber quando um treinador seja do Benfica do FCP ou SCP, desvia da norma e comete erros?

      Já te disse que se não lês jornais desportivos, se não vês programas portugueses de futebol, se não ouves programas da treta na rádio, parece que sim.

      O treinador do Benfica se fizesse as opções "certas", as da "norma", será que os árbitros apitavam os penaltys, os cartões eram mostrados de forma igual a uns e outros, o FCP não era beneficiado com penaltys como o 2º contra o Maritimo ou perdoado 1 penalty claro quando estava 0-1?

      Já mudaste 17 vezes de treinador. Tens visto alguns treinadores ex Benfica ter sucesso lá fora, os ex FCP nem tanto. E não percebes? Que posso fazer mais?

      Eliminar
  5. Excelente post, mais uma vez. Só não vê quem não quer ver. E há muito benfiquista que não quer ver.
    "Não há maior cego do que aquele que não quer ver", é um ditado já muito antigo..

    JJ cometeu erros? Quem não os comete? Nem Jesus o Filho de Deus! O próprio Pai os comete, quanto mais o filho...

    As opções falhadas são consequência directa, grande parte das vezes, das opções bem sucedidas dos outros. Como, por exemplo, das arbitragens manhosas. Como os 2 penalties não marcados pelo Olegário. Essas é que foram as opções falhadas! Porque quis falhar!

    Por isso as arbitragens vergonhosas servem, e devem servir, como desculpa para algumas opções falhadas do JJ, exactamente porque teve se confrontar com opções de outros (árbitros) que não estavam no programa de jogos!

    Quem não se lembra da ida da Liga para o Porto e do então presidente da câmara do Porto, Fernando Gomes, logo pronto para oferecer o lote de terreno onde ficaria a futura sede da Liga? Sempre prontos para ajudar o futebol português!

    Eu lembro-me como se fosse hoje! Pois vi imediatamente onde tudo isso iria desaguar! Nos números que o António Barreto mostra!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Manuel,
      Não sei se o seu amigo americano irá gostar desse seu bater palmas a este EAGLE01 .....
      ....você sabe que eu sei que ele sabe, que este inginheiro eagle é um perigoso anti-Benfiquista, um acéfalo anti-Vieira (que sacrilégio) e um fervoroso pró-V.A.

      ---------------
      Agora mais a sério,
      Apesar de nós os dois sabermos o que sabemos, você neste blogue tem sido uma das maiores valias. Os seus comentários são muito apreciados. Quando estou na moderação e vejo o seu nome, nem me dou ao cuidado de ler o conteúdo e publico-o de imediato, porque sei que vem por aí prosa boa (embora seja sempre a defender os mesmos...mas cada um defende de quem gosta e ninguém tem nada com isso)

      Mas desta vez passei-me ao ler os aplausos a quem, você mais o seu sócio americano tanto denigrem,ofendem e enxovalham, lá na tal possilga de blogue...tão nojenta que até já mudou de nome....

      Eliminar
    2. Primeiro, peço desculpa pois escrevi António Barreto mas queria dizer Eagle01.

      Em segundo, eu não ligo a nomes, ligo a ideias! E não me interessa absolutamente nada em apoiar alguma pessoa que diz num comentário algo de que eu aprovo, e acho importante aprovar, e no seguinte criticá-lo e tratá-lo até abaixo de cão se achar que ele merece. Ideias, opiniões, não pessoas. Para mim é como se todas as pessoas assinassem "anónimo".

      É difícil de compreender? Olhem que não é! Eu apenas defendo o Benfica, ou melhor, o Benfica como eu acho que deve ser defendido! No fim de contas o lema do Benfica é, "Todos por um". Apela à unidade. Mas nem toda a gente sabe o que isso significa.

      PS. Quanto ao meu amigo americano, com lhe chama, tenho mais amigos que concordam. E ele tem razão em muito do que diz. Não gosta de gente sem coluna vertebral, seja ela benfiquista ou outra coisa qualquer. Eu também não! E há muita gente na blogosfera benfiquista que são uma vergonha quando se dizem adeptos benfiquistas! O Benfica não merece gente assim!

      E temos de ser agressivos pois há muita gente que apenas abanada reage. Outra que é tapada como uma porta. E só reage a pontapé.
      Como os andrades, por exemplo!

      Quanto ao nome do blogue, posso dizer que o acho muito bom! É bem um nome que espelha bem os novos tempos que vivemos. Temos de nos preocupar mais com os inimigos internos, que campeiam na blogosfera, do que nos externos. É triste, não é?

      Eliminar
  6. Muito bem Eagle. Seria interessante, talvez o faça um dia, com mais tempo e disponibilidade, seria interessante, dizia, cruzar tudo o que fala no seu post com a história e os jogos de poder que foram estes ultimos anos no Benfica. Para quem quer entender o que se passa actualmente no Benfica é bom que conheça bem o passado, principalmente desde 1994.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida. Porque as derrotas nos campeonatos têm influenciado e de que maneira os destinos do clube. Ou seja, pela arbitragem, o nosso Benfica tem seguido um caminho que outros escolheram para nós e que nós demonstramos incapacidade em altera o estado de coisas. E pior: também influencia a nossa saúde financeira ...

      Eliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares