O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


24 de dezembro de 2011

Exemplos

 ●  3 comentários  ● 
Por via de um vastíssimo rol de circunstâncias que vão desde os problemas transversais que a sociedade portuguesa atravessa à triste última época desportiva do Sport Lisboa e Benfica, 2011 poderá não deixar saudades a muitos de nós, mais ou menos afortunados, mais ou menos permeáveis ao negativismo que assola o país e é propalado por rádios, televisões, jornais e redes sociais.

Do nosso «pequeno país à beira-mar plantado», cujo passado épico não merecia o destino que o chico-espertismo que se aproveitou das liberdades alcançadas pelo 25 de Abril lhe deu, pagamos o preço da meia-dúzia que muito recebeu e pouco ou nada deu em troca.

Na antítese perfeita, existem aqueles que tudo dão sem nada exigir em troca. João Gomes, presidente da Casa do Benfica em Coimbra, que faleceu prematuramente nesta sexta-feira, é o perfeito exemplo disso. Presença assídua no apoio às diferentes modalidades do Clube, telespectador activo da Benfica TV, um exemplar defensor dos interesses do clube e um exemplo de entrega e dedicação à causa benfiquista, deve fazer-nos pensar que podemos estar errados ao exigir do clube mais do que aquilo que damos em troca.

São estes exemplos de benfiquismo que nos deveriam fazer reflectir para que, antes de dispararmos nesta ou naquela direcção quantas vezes precipitadamente, tivéssemos a capacidade para parar e pensar e, de uma forma pausada, assumirmos a melhor opção.

3 comentários blogger

  1. Infelizmente, o Benfica não é excepção dentro da nossa sociedade! Vive de vaidades pessoais, de populismo fácil e, ultimamente, de discursos de austeridade!
    A militância de certos agentes, como alguns presidentes de casa, só nos pode encher o peito! Porém, isso só não chega! A Casa-Mãe deve instalar confiança nos milhões de adeptos. Deve instigar força e correcção numa sociedade entrevada que bem o autor refere no início do post...
    Parar e pensar já o clube fez de mais! É altura de agir, de reclamar "what's rightfuly ours"!
    Abraços aos escribas

    ResponderEliminar
  2. Coimbra fica sem menos um Benfiquista de eleição e o nosso Enorme mais pobre.
    Mas outros levantarão e bem alto a nossa Bandeira.
    O nosso Clube é IMORTAL !!!

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB.

ranking