O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


sexta-feira, 13 de maio de 2011

É o pior que nos pode fazer Sr. Presidente: Roubar-nos a ilusão

Avatar
 ●  12 comentários  ● 
Seria fácil ficar calado nesta altura, deixar a mágoa passar, provocada por um final de época verdadeiramente aterrador, arrumar mais um ano de desilusões no baú do esquecimento, renovar ambições e expectativas, celebrar uma qualquer grande aquisição, voltar a gritar bem alto: Para o ano é que é!

Mas como penso que quem escreve num blogue com tanta visibilidade como este, não o deve fazer apenas com casmurrice e orgulho; e porque também entendo que quem cultiva o aplauso nas horas boas também tem de estar preparado para as críticas nas horas más, eu aqui estou para reconhecer, porque esta é uma hora de balanços e o nosso é demasiado triste, que erros houveram muitos, e que muito do que aqui foi escrito por outros “escribas” que comigo partilham este espaço e com quem não poucas vezes discordei, estava certo. Se nas vitórias há heróis, nas derrotas há vilões, e a culpa não pode morrer solteira.

Não significa isto que tenha passado para o “outro” lado, que tenha passado a fazer parte dos que defendem revoluções, calhauzada e golpes de estado, que tenha passado para o lado daqueles que sob um confortável anonimato foram ao longo do tempo pondo em causa, não só a gestão desportiva do Presidente mas também a sua dignidade. Não mudei de opinião na avaliação extremamente positiva que faço de sete anos de presidência. Não deixarei de defender LFV quando achar que defender LFV é também defender o Benfica.

Luís Felipe Vieira continuará a ser o meu presidente até às próximas eleições e, sinceramente, espero que outras opções apareçam, porque às vezes arrepia-me perceber que as críticas a esta direcção têm sido tantas e, no entanto, eu não vislumbro uma alternativa que me entusiasme, pelo menos nas figuras que se conhecem. Assusta-me este vazio.

Mas tenho de dizer que esta época que agora termina me desiludiu por completo. Desiludiu, porque ao fim de longos anos, este era o ano em que se podia dizer finalmente que Benfica e Porto partiam para uma época com as mesmas armas, com as mesmas condições para atingir o sucesso. Estaríamos até um bocadinho à frente, tínhamos jogadores, uma equipa feita, o mesmo treinador e o estímulo da vitória do ano passado. Dependia de nós fazer as coisas acontecer. E perdemos por capote. Esta época é uma derrota gigantesca e em todas as frentes, é uma derrota que nos embaraça e humilha, é uma derrota que não deixa margem para dúvidas de quem é realmente muitíssimo melhor. Esta é uma derrota de quem se fartou de cometer erros. Pinto da Costa ganhou Sr. Presidente. Saiba humildemente reconhecer isso.

Não quero entrar muito na análise à entrevista de LFV na última segunda-feira. Não quero, porque essa análise foi feita exemplarmente pelo GB e pelo Vermelhusco e, tenho de dizer, concordei com quase tudo o que escreveram.

Eu gostava, realmente, que o presidente exigisse mais dos recursos humanos que tem. Eu gostava que ele exigisse e cobrasse dos treinadores e jogadores. Que lhes exigisse muito, muitíssimo. Mas antes de exigir, também gostava que lhes tivesse dado as condições certas para ganhar. Este ano não deu.

Gostava que o presidente percebesse que os problemas do clube não se resumem às festas prolongadas e fanfarronice dos treinadores! Porque garanto-lhe que, quando um dia Jorge Jesus chegar ao banco do Porto (porque chegará lá, não duvide), o discurso fanfarrão desaparecerá por milagre e as vitórias serão umas atrás das outras. Serão com Jorge Jesus como seriam com Quique ou com Camacho, como foram também com Fernando Santos, a quem, segundo sei, nunca ninguém lhe vendeu nenhum Simão Sabrosa a doze horas do fecho das inscrições.

Gostava que o meu presidente não dissesse aos Benfiquistas, ao fim de dez anos de clube, que perdeu porque passaram muito tempo a festejar. Quando se admite um erro destes, ao fim de dez anos (!!), que crédito quer que lhe continuemos a dar?

Gostava também que o vice-presidente do meu clube não se prestasse ao ridículo papel que tem num programa televisivo. Gostava de não o ouvir dizer, como ouvi a seguir ao empate em Olhão: "Enfim, este era um jogo a feijões que já não interessava para nada". Não interessava para nada?! É este o discurso de uma figura directiva, que promove a desresponsabilização e o facilitismo? É que se calhar, até os jogadores já andam confusos, sem saberem bem quando é a sério e quando é a brincar.

Contas feitas, este ano não perdermos por fruto de circunstâncias que não podíamos mudar. Este ano perdemos porque errámos muito. Perdemos porque não nos preparámos devidamente. Perdemos porque esta direcção não esteve à altura de materializar o que prometeu. E já nem falo da perda do campeonato, porque, sinceramente, há que dar mérito ao Porto por um campeonato magnífico. Doeu-me muito mais a forma negligente como perdemos a Taça de Portugal e como entregámos o título aos maiores rivais no nosso estádio. Estava em jogo a nossa honra. E saímos humilhados e vergados, sem ter sequer comido a relva. Fomos uma equipa borrada de medo.

Alguns poderão dizer: “Sim, perdemos porque o Porto foi melhor, perdemos porque o Porto é melhor, não há que ter vergonha disso.” E eu aceitaria essa tese se essa fosse a mensagem que sai de dentro do clube, se tivessem tomates para nos dizer por exemplo que temos de vender o Fábio Coentrão este ano, e que não temos condições de competir com os de lá de cima. Mas a mensagem que sai é oposta, é a mensagem de um clube que vende mas que não precisaria de vender, é a mensagem de um clube que vai vencer tudo e que tem o céu como limite. Das duas, uma: ou assumem o fracasso ou assumem a demagogia.

O futebol é paixão mas nunca deixará de ser um jogo. Que todas as tristezas da vida fossem estas. Estas atingem-nos mas passam, não são definitivas, apagam-se com a vitória seguinte. E como comecei por dizer, vibraremos em breve com novas aquisições, com um novo entusiasmo, com um sem número de novas possibilidades que se adivinham.

Mas eu queria que LFV não esquecesse, e que percebesse que a certa altura são já demasiadas rasuras, demasiadas emendas e demasiados erros. E quando a borrada é muita, tem o condão de levar com ela a nossa fé e a ilusão.

E isso é o pior que nos pode fazer Sr. Presidente: Roubar-nos a ilusão.

12 comentários blogger

  1. Redmoon:
    Evito comentar neste blogue porque muitos dos posts são oposição pura e dura apenas.
    E não sou dos que vai por aí quando não se vislumbra quem ponha o dedo no ar, quem tenha condições para ser verdadeira alternativa.
    Mas não posso deixar de comentar este post ao qual não retiraria uma vírgula.
    Só não posso subscrever a última frase.
    A mim, LFV, depois de todos estes anos à frente do Glorioso, dizer que perderam demasiado tempo em festas é confrangedor demais para que eu possa manter (ainda) alguma ilusão.
    Se a isso juntar o seu discurso em relação aos assuntos que tem a ver com a próxima época....

    ResponderEliminar
  2. Caro Senhor Redmoon
    Permita-me como seu adversário dizer-lhe que, acabo de ler este seu artigo de opinião com toda a satisfação pois nele podemos encontrar um profundo desabafo sem procurar desculpas em terceiros.
    Este artigo, ponderado, com peso, conta e medida, realista quanto baste e fundamentalmente sem destilar ódio contra os adversários directos do SLBenfica, por causa da reconhecida má prestação neste campeonato que está a terminar, é um exemplo do que dificilmente se consegue ler na blogosfera.
    Por isso, Redmoon aceite deste seu adversário os meus respeitosos cumprimentos.
    ftavares

    ResponderEliminar
  3. Excelente texto Redmoon.

    Apenas duas notas, uma para a humildade (que é sinal de inteligencia) de reconhecer que estavas errado em algumas batalhas surdas que travaste, por vezes contra evidências que só tu não vias.

    A outra nota para te dizer que... não há "outro lado". A postura de todos os que escrevem neste blog sempre foi a de elogiar o que merece elogio, mas ser absolutamente exigente no que tem que ser exigido.

    Não há "lados"... há Benfica

    ResponderEliminar
  4. Já sei que como anónimo, provavelmente, não irão publicar, mas não me apetece "logar" para assinar.

    Foram melhores meu caro, mas não dentro do campo e disso não nos podemos esquecer. Este campeonato foi vergonhoso, até penaltis por cortes com o pé foram assinalados a favor dos tais melhores, portanto não há qualquer mérito DESPORTIVO na vitória dos tais melhores.

    Agora, as asneiras desta direcção na gestão desportiva (e não só) foram tantas e tão más que revelam um amadorismo e falta de cultura de exigência e competência e sobretudo falta de cultura de vitória, que não são compatíveis com aquilo que é (ou foi) o Benfica.

    LFV desportivamente é mau, muito mau mesmo e não tem a humildade suficiente para reconhecer os seus limites e delegar em quem sabe. Bem pelo contrário, até ameaça assumir mais protagonismo, o que só pode dar em mais uma época igual ou pior do que esta.

    Para além disso, é incapaz de distinguir os interesses do clube dos seus próprios interesses. Não é por salvador ou oliveira serem seus amigos que lhes dá o direito de tratar mal quer o Benfica quer os seus sócios e adeptos e ele, LFV, fique mudo e quedo e profira umas imbecilidades do tipo "Não percebo estas atitudes, os adeptos do braga sabem que sou amigo do seu presidente". O Benfica não é dele, mas ele gere-o como se o fosse. E depois há as coincidências de négocios de betão misturados com transferências, que minam muita da credibilidade que deveria ter. Serão com certeza apenas coincidências, mas permitam leituras pouco abonatórias a favor de LFV (veja-se a negociata com o Varzim). Ao presidente do Benfica exige-se que para além de ser sério, também tem que parecer sério.

    A ilusão de ganhar campeonatos regularmente há muito que se foi. A minha ilusão é que um dia os benfiquistas se juntem todos e refundem o clube com os principios e valores que fizeram dele um dos melhores e mais respeitados clubes do mundo. Sem Vieiras, Vales e Azevedos, e outros salvadores da pátria. Um clube gerido por benfiquistas e para benfiquistas. Um clube onde os sócios não são clientes. Um clube que respeite a sua história, os seus valores, acarinhe os seus atletas e ex-atletas. Um clube que respeite os adversários, onde uma vitória contra um clube da 3ª divisão é tão importante como uma vitória numa eliminatória da liga dos campeões. Um clube que seja o Benfica, o verdadeiro Benfica, aquele que todos amamos e não esta coisa que já nem se sabe bem o que é.

    Anónimo do Benfica

    ResponderEliminar
  5. O Fernando Tavares vem para aqui falar à boca cheia depois do clube dele ter sido levado ao colo quase todo o campeonato.

    As 1as 5 jornadas foram o que se sabe, depois foi a escandaleira dos penalties duvidosos jogo após jogo. Com o resultados quase sempre por 1-0.

    Claro que isto os vai motivando, desmotivando quem vem atrás e que joga sempre sob pressão.
    É desgastante, percebeu andróide???

    Já para não falar da amarelinha, do Jacinto, nas bolas de golfe, nos Elmanos, na vergonha do túnel da Luz, nas putas, ou no Youtube, palavra que vos deve fazer comichao nos ouvidos, só pode...

    Portanto vai lá para os fóruns dos que apoiam os corruptos e os vândalos, já que quando perdes-te de certeza que andas-te com a conversa de túneis como ainda anda o teu presidente.

    Cápixe???

    ResponderEliminar
  6. Grande post. Concordo com tudo só acho que convém referir que tudo isso se deve à inércia da direcção na defesa da equipa.

    E daí as ajudas aos de sempre.

    Sinceramente alguém acredita que vamos ser campeões no próximo ano?

    Vai ser praticamente desmanchada a equipa campeã à 1ano.

    Vêm aí uma série de sul americanos que precisão de tempo de adaptação, e que são quase sempre uma incógnita.

    Depois a questão do GR.

    Continuamos a ser gozados e atacados todos os dias e ninguém nos defende.

    Um presidente do Benfica pode defender-se que perdeu muito tempo a festejar um campeonato (o 2º em 10 anos no cargo) e por isso não preparou a época como devia.Mas ele está lá para quê???

    Um verdadeiro benfiquista pouco festeja, começa logo a pensar como vai vencer a próxima batalha, aí se vê a paixão ou falta dela de LFV.

    já nem ilusão temos.

    Nisso até o Vale e Azevedo era melhor que o Vieira.

    ResponderEliminar
  7. Nos tempos que correm, passou a ser lugar comum, a desresponsabilização das pessoas perante os erros cometidos. É assim na política e no futebol.
    Depois desta época, que teve episódios humilhantes que não vale a pena estar aqui a repetir, parece que vai tudo ficar na mesma.
    O treinador, depois de falhar totalmente a época, deveria por o lugar à disposição da direcção do clube. A sua margem de manobra para a próxima época é muito reduzida. Os as coisas começam bem ou então quem o irá mandar embora serão os sócios, que já gastaram todo o crédito que ele tinha...
    Quanto ao principal responsável, o presidente, desportivamente é o falhanço total. É só conversa mole, que já não convence ninguém. Para mim chega !O Benfica tem certamente gente mais competente para o lugar.

    ResponderEliminar
  8. Apoiado! Ao fim de dez (!) anos seria de esperar que o presidente já tivesse aprendido! Aprendido como se constrói e mantém um campeão. Devia ter aprendido como se "mexe" o futebol português por detrás do pano... Mas não! A entrevista de 2ªf foi um admitir da fanfarronice deste clube, da incapacidade para gerir emoções e da não percepção do que se passa em redor. LFV meteu este espírito no clube, meteu gente de outros clubes dentro do SLB... Não sabe gerir o futebol... E nunca dá a cara a responsabilizar-se! Nem nesta época ao dizer que vai "delegar menos"! Ou seja, nem nesta época a culpa foi dele. Nunca é...

    ResponderEliminar
  9. Caro Redmoon, faço minhas as palavras do GB. Aqui não há lados. Há Benfica.

    A minha postura como benfiquista pode ser diferente da de muitos benfiquistas que preferem seguir cegamente um líder até ao abismo.
    Acredito que para melhorar é necessário identificar os erros cometidos e se por vezes posso ser mais ofensivo é porque fico desesperado que os erros cometidos prejudiquem o Benfica.

    Agora concordo com quase tudo o que escreveste (o que me admirou imenso) e partilho a tua inquietação de não ver nenhum grupo de grande benfiquistas movimentar-se para apresentar uma alternativa credível a Vieira e dar uma nova vida ao clube.

    ResponderEliminar
  10. Senhor Tacuara
    Em qualquer grupo, ajuntamento ou família, encontramos SEMPRE mesmo que não queiramos uma "ovelha ranhosa"!
    Cápixe?

    ResponderEliminar
  11. Fernando Tavares neste acaso a ovelha ranhosa é você.

    PArece-me que é o único que está aqui a destoar.

    É que o Benfica não lhe deve sair da cabeça uma vez que não sai da Gloriosaesfera.

    Já que comenta e concorda com o post do Redmoon, que comentário lhe merece isto???:

    http://www.sport.es/es/noticias/resto-del-mundo/20110514/corrupcion-oporto-que-entrenaba-jose-mourinho/1004994.shtml

    Aguardo uma resposta

    Cumpts

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking