O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


terça-feira, 4 de março de 2014

Urban Value ou a explicação para um Centro de Estágio à borla.

Avatar
 ●  5 comentários  ● 

A revista Visão publicou um artigo sobre uma até agora relativamente desconhecida empresa do ramo imobiliário chamada Urban Value.

Diz a Visão:

O que juntará Luís Filipe Menezes (ex-autarca e líder do PSD), Martins da Cruz (ex-conselheiro diplomático de Cavaco e antigo MNE) e Jorge Costa (ex-secretário de Estado das Obras Públicas de Durão Barroso) numa desconhecida empresa do ramo imobiliário, com fortes laços em Angola? 

Política, diplomacia e negócios constituem um triângulo dourado que passa por Gaia e conta com ramificações de peso em Luanda. Quem são, o que fazem e que ligações têm os homens com quem a Urban Value conta?


A revista produz um artigo muito interessante a que aconselho a leitura para quem gosta de perceber mais a fundo as ligações obscuras entre a política, os negócios e as obras públicas que criam uma dívida enorme para os contribuintes mas ao mesmo tempo enriquecem estes personagens representantes de interesses muitas vezes sem rosto.

Para a nossa realidade(futebol) interessa-me destacar 2 nomes: 
Luis Filipe Menezes e ...surprise!!!! Adelino Caldeira, do FC Porto.



O Centro de Estágio do Olival custou aos contribuintes 16 milhões de euros e foi oferecido ao FC Porto durante 50 anos por uns míseros 500 euros/mês.

O Centro foi contruído com verbas canalizadas através das fundações  Portogaia e Gaia Cidade d´Ouro, que afinal nem cabimento legal tinham.

Nesse capítulo, o papel do Ministério da Administração Interna foi decisivo e, no mínimo, incompreensível. O MAI considerou que a Portogaia - da qual a FC Porto, SAD detinha a maioria - tinha património suficiente para os fins propostos, apesar do seu financiamento «certo e regular» ser proveniente da Fundação Gaia Cidade d´Ouro, a qual não tinha personalidade jurídica e cujo reconhecimento viria a ser chumbado, mais tarde, pelo próprio ministério.

À época, o titular da pasta era Fernando Gomes(capachinho), ex-presidente da Câmara do Porto e agora de regresso ao FC Porto para o lugar de Angelino Ferreira. É do seu ministério que saem as decisões feridas de ilegalidade.

A Urban Value(podem ver AQUI) é um exemplo dos interesses que mais cedo ou mais tarde vêm a público.

Luis Filipe Menezes e Fernando Gomes(capachinho) serviram bem o seu FC Porto
Serviram pessimamente a causa pública. 
O oficial de ligação, Adelino Caldeira, encarregou-se de os manter na linha e no plano.

Perante tudo isto, não sei porquê ainda há quem ache que quem está ou esteve ligado ao FC Porto e às suas cúpulas é capaz de sair da alçada do clube sem continuar a trabalhar para o mesmo amo.

Fernando Gomes(FPF), Tiago Craveiro ou até mesmo Mário Figueiredo são actores do mesmo filme.

Nada até agora provou o contrário.

Para quem não se lembra, houve um tempo em que os clubes tinham uma máxima de não dar lugares de poder no futebol português a ninguém ligado ao FC Porto. 

A razão desse princípio tem-se comprovado nos últimos 30 anos e todos os dias surgem novos dados que dizem que o caminho de renovação e limpeza do futebol português nunca pode passar por ninguém ligado ao FC Porto.

Espero que Benfica e Sporting, clubes líderes de opinião em Portugal, não caiam novamente na mesma esparrela.

Como já ontem tinha sido destacado no NGB:

   

5 comentários blogger

  1. Carapau de Corrida04 março, 2014 09:39

    Deixa o velho morrer que ainda vão todos presos... haja vontade e coragem e vai ser o maior escândalo de sempre em Portugal... não sei se acredito no que acabei de escrever!

    ResponderEliminar
  2. o luis filipe menezes não actuou neste processo para favorecer o seu clube, já que ele é fanático mas de um clube de lisboa que equipa de verde, mas por interesses políticos e de meter dinheiro ao bolso.

    ResponderEliminar
  3. @Carapau de corrida , aqui o luis imbecilmente acreditaria que ia tudo de saco. Mas não havendo prisões para não haver desordem publica os sucessivos governos como se pode anal isar têm aparelhos com rabos de palha. Enrabando milionária mente o povo distraído com novelas da bola clubística ;)

    Grande post Benfiquista Shadows ;) enfim o meu caro dá goleadas de coerência a muita gente e anda sempre atento quer nos empates , quer nas vitórias ;) .

    B T T

    ResponderEliminar
  4. Para que não caia no esquecimento, seria bom perguntar a quem de direito, o que realmente aconteceu no interior da etar de Contumil e que motivou a morte de um diretor dos andrades corruptos, fara em novembro já dois anos...

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking