O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Preconceito e táctica l(ar)ouca....

 ●  11 comentários  ● 
Portugal, 8 de Dezembro de 2013

Não terá sido seguramente por mera coincidência que a equipa que nos voltou a tirar pontos em nossa casa, tal como a que o conseguira na última vez, é uma equipa do fundo da tabela classificativa. Primeiro o Belenenses, agora o Arouca.
“Desapontamento” é uma palavra que não traduz com rigor o que senti, logo após ter terminado esse jogo. Talvez “lixado” com “f” estivesse melhor... De facto há coisas que não se entendem no Benfica, e não é de agora, desta época, deste treinador. Deu um trabalho enorme adquirir as rotinas positivas de jogo e consequentes vitórias, e quando alcançamos o 1º lugar, parece não estarmos muito à vontade e deitamos tudo a perder na primeira oportunidade...
Vejamos. Durante a semana, após a magnífica vitória em Vila do Conde, alguns entendidos viram nos golos de Lima (2) e Rodrigo, a ressurgimento do “génio” destes jogadores. Seguiu-se o habitual exagero mediático (o Benfica vende, não é?), falou-se de “brasucas do golo” nas 1ªs páginas dos jornais, escreveram-se opiniões sobre a fantástica dupla de jogadores e pronto, o Rodrigo até confessou que gosta muito de jogar ao lado de Lima, ficando por saber se também gosta de jogar ao lado de Cardozo. Ou se essa sua preferência pode indicar que não gosta de jogar ao lado de Cardozo, o que na minha opinião seria mau.
Também não faltou a desastrada contribuição da SAD com a notícia encomendada de que “estavam a preparar Funes Mori para substituir Cardozo”. Não sei o que é que têm contra Cardozo, pois com 30/31 anos, ainda tem muito para dar ao Benfica. A não ser que eles não queiram e prefiram os velozes Lima e Rodrigo, ou a incógnita Funes Mori, mais uma das contratações de Vieira.
Ou seja, andaram uma semana a promover Lima e Rodrigo, incentivando-os a marcarem mais golos de modo a que outras opções da SAD pudessem ser promovidas (Funes Mori), mas não consideraram que jogar em Vila do Conde em 4-3-3 é bem diferente do que jogar em 4-4-2 na Luz, mesmo com um dos últimos. A inteligência da SAD e seus assessores de futebol “impressiona”...
É importante sublinhar que não estou a criticar qualquer jogador do Benfica, simplesmente julgo que Lima e Rodrigo são jogadores para o 4-3-3, um modelo com um ponta de lança que deixa encaixar o adversário, que deixa o adversário jogar no nosso meio campo, e assim permite linhas de passe amplas e nítidas como as que deram a vitória em Vila do Conde. Querer fazer de Lima e Rodrigo, goleadores em ataque continuado e massivo, como costuma originar o habitual 4-4-2 em losango, é um erro tremendo e custa pontos importantes, como se viu com o Arouca.
Isto é. Ou jogamos com Lima ou Rodrigo ao lado de um bom jogador posicional, como é Cardozo, se quisermos jogar em 4-4-2, para aliarmos o benefício das linhas de passe que Cardozo origina, pela marcação que lhe é feita, com a velocidade do segundo ponta de lança. Ou quando Cardozo não está, por lesão ou impedimento, o melhor é optar pelo sistema 4-2-3-1 já ensaiado em jogos de maior coeficiente de dificuldade.
Aqui é que a coisa se complica, porque nem a comunicação social nem os adeptos iriam entender bem que jogássemos contra o Arouca (ou equipas de autocarro), com apenas um avançado! Porque no Benfica isso não é natural. Mas é natural ver o SCP golear o Arouca só com um ponta de lança! Ou o FCP que joga sempre com um único ponta de lança, nas mais variadas combinações do 4-3-3. Para eles já pode ser...
A constatação que estou aqui a registar, baseia-se também na vitória contra a Académica, na época passada, também com Pedro Emanuel do outro lado e também sem Cardozo, mas com Lima e Rodrigo, em que o Benfica dominou e apenas marcou 1 golo de penalty aos 92 mn. Nada acontece por acaso no futebol. Pedro Emanuel estrutura as suas equipas da mesma forma, sempre que vai jogar a casa do Benfica. Ponto! E nós cometemos sempre os mesmos erros tácticos quando jogamos contra autocarros. Ponto!
Perguntava um amigo meu, “mas se eles se encaixam lá atrás, o que é que podemos fazer?” Uma boa pergunta. Será que são eles que se encaixam lá atrás, ou será que somos nós que os empurramos lá para trás? Aí recordei-me de uma derrota do Benfica na 2ª passagem de Camacho, contra o Belenenses de Jesus! Jogamos só com um ponta de lança (Cardozo) e aos 60 mn com 0-0, já nos tinham invalidado um golo por fora de jogo que, para variar, a Sporttv não mostrou bem. Camacho (à boa maneira benfiquista) entendeu mexer na equipa e meteu um 2º avançado, Nuno Gomes, preterindo Maxi Pereira, na altura a jogar a médio. Bastaram 6 mn para o Belém marcar o golo, porque nos apanhou em contra pé, com a nossa linha defensiva coincidente com o meio campo!
Ora se antes isso não tinha ocorrido antes no jogo, porque aconteceu depois da entrada do 2º avançado? A explicação parece-me pois encontrada. Mais um avançado, mais proximidade do meio campo com os avançados, mais proximidade dos defesas com o meio campo, sobem-se as linhas, e encosta-se o adversário no seu ultimo terço do campo.

Também podíamos falar do árbitro que marcou 1 penalty a favor do Benfica, quando podia fazer como os outros e não marcar, apesar de existir. É que a jogada do 1º golo do Arouca nasce de um contra ataque em que o médio que lançou o Pintassilgo, ajeitou abola com o braço, e o árbitro “não” viu. Depois o Fejsa fez a falta de onde sai o golo, com uma barreira mal posicionada, e pronto, está explicado porque razão o FCP (e também o SCP) não sofre certo tipo de golos. Porque a jogada seria interrompida pela falta devida ao corte com o braço.

11 comentários blogger

  1. Ainda não percebi bem o que este post quer dizer? Tas a querer dizer que a comunicação social é que empurra o Benfica para uma intranquilidade que não se percebe? Estas a querer dizer que Jesus não é culpado?
    A comunicação social que tanto dizes que prejudica o Benfica, se reparares muito bem nestes ultimos meses tem vindo a prepetuar uma campanha ao bom nome de Luis Filipe Vieira! Repara que até no jornal do jogo ontem na capa tinha um titulo a dizer que LFV foi ao balneario "puxar as orelhas" aos jogadores, curiosamente hoje é a vez da bola...todos os dias existe nos jornais um referência a LFV é só ler! Isto não é o sistema no seu melhor?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou a dizer que a comunicação social, por critérios de vendas ou por agradar à Direcção de Vieira, andou uma semana a elogiar o que não devia: Lima e Rodrigo. Mais o Funes Mori, que de acordo com o RECORD ou CM, está a ser preparado pela Direcção da SAD para substituir o Cardozo.

      Como é que estas coisas passam cá para fora e com que interesse passam cá para fora?

      Qual o impacto que tem na mentalidade dos jogadores em questão, estas primeiras páginas que falam da dupla de "brasucas" que marcam que se farta, como titulava a BOLA na 5ª feira?

      O resultado do Arouca foi devido aos erros e golos falhados por Lima e Rodrigo (contem quantas bolas eles remataram mal), os tais que brilharam em Vila do Conde mas noutro sistema de jogo, o 4-3-3, que lhes dá mais linhas de passe para eles aproveitarem com a sua corrida e técnica. Em 4-4-2 é isto que se viu: todos lá em cima do adversário e depois não há tempo para pensar quando há que rematar apertado pelos defesas...

      Posso não perceber muito de futebol, mas que culpa teve Jesus desses falhanços que só na 1ª parte davam uma vantagem tranquila? Que culpa teve Jesus que o árbitro do Porto não tivesse visto a mão na bola que precedeu o golo do David Simão, mas tivesse visto as mãos na bola, mesmo que há "queima", de Garay e Cortez, na mesma 1ª parte?

      Ando há anos a acompanhar o pensamento da massa adepta do Benfica, pelo menos da que faz barulho. E a treta é sempre a mesma: Souness não servia, Heynckes não servia, Mourinho não servia, os que serviam eram o Toni e o Jesualdo, depois o Camacho não servia, o Trappatoni no inicio também não servia, o Koeman não servia, o Fernando Santos não servia, o Quique não servia, o JJ não serve.. entretanto servem os mesmos árbitros, os mesmos erros, o mesmo 4-4-2.. é só inteligentes na bancada...

      Mas obrigado pelo teu comentário. Os outros ou não perceberam o que escrevi, ou estão de acordo comigo, o que ma apraz registar...

      Eliminar
    2. a dupla marcou mais 2 golos! Agora os que falhou... Mas luisão e cavaleiro é inadmissivel aqueles falhanços, inacreditavel mesmo!

      Eliminar
    3. So relembro que nenhum dos treinadores que descreve teve 1/3 da matéria prima que tem JJ, e não ganhavam sequer metade! JJ ganhou 5 trofeus, mas os que perdeu quantos foram??? Aí está! JJ neste momento é 1 treinador mediocre e ganha fortunas, ou não acredita que outro treinador qualquer mais novo não teria ganho muito mais que este "sabedor" da tática!!!

      Eliminar
  2. O nosso treinador não sabe o que esta a fazer. Só inventa, o melhor que ele fazia era colocar o seu lugar a disposição enquanto à tempo para inverter esta situação.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O nosso treinador não inventa. Com Cardozo, Amorim, Sálvio lesionados e com o omnipresente 4-4-2, tem de adaptar jogadores... o que ele fez qualquer um teria feito: Lima e Rodrigo brilharam e Vila do Conde, deviam continuar no ataque. Markovic o tal menino de 19 anos que brilha quando é suplente, e que a comunicação social empurra sistemáticamente para a equipa principal, teria de entrar a médio ala direito. O resto? Só por hipocrisia poderemos dizer que não foram utilizados os jogadores habituais para as posições habituais: Fejsa no lugar de Matic, Enzo no lugar de Enzo, Maxi no lugar de Maxi e Cortez no lugar de Siqueira...

      Estes jogadores em 4-4-2 não funcionam, como era um pouco previsível. Falta Cardozo ao lado de Lima ou de Rodrigo (os dois ao mesmo tempo, não), porque Lima e Rodrigo são jogadores de velocidade e não de posicionamento, como o 4-4-2 exige...

      Mas mesmo assim, criaram-se e falharam-se várias situações de golo, pelos tais "brasucas que marcam que se fartam" e JJ não tem culpa disso.. ou tem? Se ele não tivesse metido estes dois a titulares, mais o Markovic, o que é que você iria dizer?

      Deixe-me adivinhar: que JJ tinha medo do Arouca pois só tinha jogado com um ponta de lança puro...

      Eliminar
    2. O benfica neste momento só perdeu praticamente a passagem na LC, mais nada!
      Agora não se pode vir de vitorias e perder pontos em casa contra belenenses e arouca!
      Agora se não ganharmos amanha contra os suplentes do PSG e se não ganharmos ao olhanense, JJ terá de ser despedido na hora!

      Eliminar
  3. É incrível!!!!!!!!!!!!!!!!
    A culpa é de todos, menos dos mestres.
    Um criou o maior e mais dispendioso plantel dos últimos 30 anos, o outro criou um sistema táctico que ridiculariza o 4.3.3, aliás um sistema que é utilizado pelos treinadores ganhadores.
    Parabéns a ambos, obrigado pelo fizeram, mas por favor, vão embora.
    Viva o Benfica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro, o problema é que no Benfica NUNCA se jogou em 4-3-3... mas sim em 4-4-2 e se tens duvidas vai perguntar ao Jose Augusto ou ao Gaspar Ramos..

      Há muitas resistência a utilizar um derivado do 4-3-3- no Benfica. Se reparares, quando empatamos na Escócia 0-0, com um 4-2-3-1 que é um derivado de 4-3-3, ouviram-se muitas criticas à falta de audácia de Jesus.. percebes? Ele tem pouco espaço d emnaobra porque na Direcção não há ninguém que perceba de futebol moderno. apenas estão apoiados em preconceitos...

      O outro que criou o "melhor" plantel dos últimos 30 anos, sabe que isso não é verdade, mas tem de justificar os mais de 40 milhões investidos num ano de crise e austeridade, em que o Benfica deve tudo aos Bancos...

      Olha só quantos golos falhou o Lima e o Rodrigo, duas contratações de Vieira, para outras posições que não estas que têm jogado....

      Eliminar
  4. O Vieira é um presidente tal como são os presidentes de Câmara...gastar para povo calar. Mas pior que isso, não tem a mística de benfiquista nem a mentalidade de um ganhador, muito menos, sabe o que é o sofrimento de um adepto benfiquista. Na minha óptica, Vieira é zero. Aliás, para mim, é pior que JVA.

    No que concerne ao JJ, este é alheio à mentalidade que existe, neste momento, por parte do benfica, isto é, títulos são peanuts ao invés do merchandising e vender. Não obstante, JJ tem o rei na barriga, pensa que nunca está errado. Ele tem que se adaptar às características do conjunto e não o contrário. Ele tem q ser flexível e tem que perceber que não é nenhum mestre nem catedrático da bola ou do treino. Caso o queira ser, tem que ganhar mais títulos , inclusive títulos importantíssimos, que os outros. E não ganha.

    Eagle01, não sei onde vês preconceitos. O único preconceito que eu possa ter é de não ver o benfica não mostrar em todos os jogos a vontade e o querer de ganhar todos os jogos. Para mim, ate pode não jogar com nenhum ponta de lança mas tnh q ver que querem ganhar e para isso há q haver cooperação, trabalho e humildade dentro de campo.

    PS- nos jogos com os corruptos devíamos ter vontade de ganhar e humilhar aqueles filhos da puta.

    ResponderEliminar
  5. 4-3-3, 4-4-2, 3-5-2, 4-4-1-1, 5-3-2, quem faz a tactica são os jogadores e a dinamica que empregam no jogo, o resto é só teorias. O Benfica está farto de jogar em 4-3-3 e os resultados são os mesmos quando joga em 4-4-2 ou outro sistema qualquer
    Independentemente de outros erros que possam ter existido, como existem em todos os jogos, tens que dizer é em que tv o penalty sobre o Sulejmani é penalty, o homem tropeça nele proprio, dêem mas minutos ao Sulejmani, que o homem tem qualidade bem acima do normal.
    7 meses depois sofremos um golo de livre identico ao que iniciou o descalabro da ultima epocá o que mostra, se é que era preciso que não aprendemos nada com os erros cometidos. Quantos mais jogos tem o Artur que enterrar até alguem ter uma oportunidade, o que precisamos é de um rumo e ganhador, porque já chega de perder, não por causa de arbitros, comunicação social e sistema que ganhamos o que ganhamos

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking