O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

A mensagem do ainda presidente, comentada.

Avatar
 ●  9 comentários  ● 

Os comentários em negrito são meus. Lamento, mas falta-me a paciência para este discurso vazio de medidas efectivas. Continua tudo na mesma e parece que afinal nós é que estamos a ver mal. Temos que estar confiantes em quem falhou consecutivamente. 

“Natal é tempo de família, é tempo de reunião e solidariedade. É também um tempo de reflexão e de memória.

Espero que todos possam celebrar esta data em família.

Vivemos tempos difíceis, tempos em que muitos portugueses enfrentam situações que nunca viveram, em que o desemprego não pára de crescer e as limitações financeiras são cada vez maiores.

Para eles - benfiquistas ou não - vai uma palavra de esperança e de coragem num novo ano que necessariamente tem de ser melhor.
Esqueçam é a baixa prometida do preço dos bilhetes, das quotas ou qualquer outra das promessas feitas relativamente aos sócios do clube.
2013 acaba para todos nós com um sabor amargo que não deve ser esquecido, o final de época representa uma lição de futuro que não podemos voltar a repetir. É tempo de olhar em frente e de renovar forças para os novos desafios.
Não alteramos nada na orgânica do clube, na estrutura ou no que erramos. Renovamos o contrato ao treinador que falhou por culpa própria todos os objectivos, que se ajoelhou perante os adversários e ainda lhe reforçamos os poderes.
Estamos fora da Liga dos Campeões e isso é, evidentemente, uma desilusão para quem, como eu, aspirava chegar mais longe. Muitos acusam-me de ser demasiado optimista, mas liderar é transportar optimismo para dentro de qualquer organização. É isso que sempre tenho feito, com a perfeita consciência de que coloco muitas vezes a fasquia demasiado elevada, mas a verdade é que a exigência tem de fazer parte da cultura do Benfica. Foi por essa exigência que chegamos até aqui.
Foi com essa (ausênca de)exigência que chegamos aqui. A um trajecto de 12 anos com um endividamento brutal, com um treinador milionário à custa dos benfiquistas, e sem triunfos. Com um responsável pelo futebol que não aprecia o desporto e que se preocupa com protocolos e obras de betão. 
Fui sempre assim ao longo da minha vida e assim vou continuar a ser!
Esqueçam se pensam que vou fazer algo diferente do que fiz até agora.
Quando se ganha não significa que tudo esteja bem. Também quando se perde não significa que tudo esteja mal. Temos de melhorar no que fizemos mal, temos de persistir no que fizemos bem, mas acima de tudo não podemos deitar fora todo o trabalho que até aqui realizámos.
Quando se ganha, não significa que tudo esteja bem. Não que saibamos o que é ganhar algo importante nos últimos 3 anos, embora gastemos milhões de euros e os resultados financeiros continuem a ser negativos. Temos que melhorar no que fizemos mal, esperando que o Divino Espírito Santo possa resolver os problemas pois da nossa parte não vamos mudar uma palha do que temos feito até agora.
Temos o Campeonato, a Liga Europa, a Taça de Portugal e a Taça da Liga – quatro objectivos em que temos de nos empenhar para ganhar, mas para isso o vosso apoio é fundamental.
Mais uma vez, apesar do historial de vergonhas e derrotas, esperamos que ainda acreditem nas nossas histórias da carochinha e continuem a gastar o vosso dinheiro para ver um futebol miserável, um treinador analfabeto e que envergonha a imagem do clube cada vez que se mete aos saltos ou tenta agredir outros intervenientes no final dos jogos, supostamente em nome daqueles de quem diz não perceberem nada de futebol: os adeptos e sócios. 
Desde o futebol às modalidades, todos nesta casa, sabem a responsabilidade que têm, mas é evidente que o apoio que recebem das bancadas é fundamental. Esse é o meu desejo para 2014. Apoiem os jogadores e façam-nos sentir a responsabilidade que tem de vestir esta camisola.
Já que eu não o faço, façam-no vocês. Já sabem que eu não posso ser responsabilizado por nada. Apenas pelo betão, pois é a única coisa que realmente entendo.
A história é aquilo que nos conseguirmos fazer no presente, e essa história só pode ser desenhada com a vossa participação.
Esqueçam a competência, o zelo e o amor à camisola. Coloquem gostos no Facebook e comprem na Loja do Clube. Ah! E mesmo que tornemos a ser derrotados pelo clube de que fui sócio quase 25 anos, não esqueçam que voltar ao tempo do Vale e Azevedo era bem pior. Afinal, naquele tempo estavamos falidos com 86 milhões de euros de passivo. Hoje com quase 500 milhões estamos cheios de pujança financeira e ninguém nos pára. Já somos o 15º clube mais valioso do mundo e isso de facto é o mais importante. Estamos nas decisões.
Feliz Natal e um excelente ano de 2014!”
Aguentem-se em 2014 porque nada vai mudar.

9 comentários blogger

  1. Shadows gostei do Aguentem-se que em 2014 nada vai mudar lolllllllllllllllll, nao era preciso ele gastar saliva a dizer isso nos ja o previamos,a verdade e que ja estamos ficando habituados ao eco das suas palavras,mas pronto diz uma verdade temos de melhorar no que fizemos mal, entao aqui nasce em nos uma restea de esperanca porque na minha opiniao nao fez nada bem em renovar com o JJ agora inverta a situacao em 2014 que o despeca so isso ja nos da uma grande alegria e se ele for tambem a alegria sera ainda maior.

    ResponderEliminar
  2. Tu perdeste o tempo a escrever e eu perdi o tempo a ler. Vocês assim não vão a lado nenhum.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens toda a razao.
      Ate porque quem escreve uma frase como esta
      Cada vez que se METE aos saltos

      Nao tem autoridade para chamar analfabeto a ninguem

      Carlos palma.

      Eliminar
  3. AINDA presidente? Ele vai ser presidente enquanto quiser, não se iludam!

    ResponderEliminar
  4. Águia Preocupada20 dezembro, 2013 01:06

    Ainda bem que vim aqui antes do e.mail... Fiquei a saber que o Querido Líder quer ganhar, que se preocupa e que acha (não quer dizer que o faça!) que deve melhorar o que está mal... Eu diria antes, evitar repetir o que de mal foi feito... Mas pronto, melhorar já é um começo!
    Mas quantas vezes já ouvimos isto e quantas mais teremos de ouvir? Irra!

    ResponderEliminar
  5. "Espírito santo"...ontem, ámen!
    Bes ... abri os olhos !!

    Benfica Todos Tempos !!!

    ResponderEliminar
  6. Sobre o post digo: o Presidente LFV falou mas não disse o que muitos Benfiquistas queriam ouvir nesta altura que se demitiria caso o Benfica não vença pelo menos duas das quatro competições.
    Uma delas seria obrigatóriamente o campeonato e a outra a taça ou a liga,isso seria o mínimo exigível a uma Equipa como a do Benfica que tem como treinador um dos mais bem pagos do mundo.

    ResponderEliminar
  7. LOL!! Muito bom Shadows!

    ResponderEliminar
  8. Quem ouviu o discurso de LFV na AG de Maio de 2011 (não a fantasia que apareceu nos jornais, no dia seguinte), depois de mais uma vez termos falhado quase tudo, reconhecerá o mesmo tipo de lamentação, de desresponsabilização, "que estamos pesarosos", "que fizémos tudo bem, mas...", etc. De ano para ano, a mesma história e o mesmo discurso. De facto até custa a crer que a incompetência na gestão do futebol do Benfica seja só incompetência. E até parece que este senhor não é o responsável máximo e primeiro.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking