Só quando o árbitro apita...
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Só quando o árbitro apita...

 ●  + 14 comentários  ● 
Portugal, 27 de Agosto de 2013



Finalmente um motivo para celebrar: a vitória dificílima sobre o Gil Vicente, obtida apenas no mn 92 e 93m quando tudo parecia perdido. E a mim em particular me incomodava, porque sou crente nas capacidades e competência de Jesus e sei como funciona o Benfica, a pressão dos “midia” e dos adeptos.

Não sei se já se escreveu tudo sobre este jogo, mas quero dar mais alguns contributos a esta vitória.


1)     Mais uma vez foi evidente a dificuldade que o Benfica tem para marcar golos, situação perceptível desde a pré temporada. A ausência de um jogador fixo, do tal falso-lento que tanto irrita muitos jornalistas, e por tabela os adeptos, e por tabela os dirigentes, é a principal – se não única – explicação para esta situação. Já aqui o escrevi várias vezes, sendo 13 de Agosto a primeira vez que o fiz: Lima ou Rodrigo sem o contributo de Cardozo não marcam nem metade dos golos da época passada. 


2)     Caso houvesse dúvidas, o lance do 2 º golo explica. Luisão foi à frente, funcionando como um avançado, segurou os dois centrais e permitiu com essa movimentação um pequeno espaço para Lima poder entrar. E fazer golo. Não perceber isto é não perceber nada.


3)     E nem repararam que na época passada foi igual. Cardozo não jogou contra a Académica e apenas ganhamos ao mn 92, com 1 penalty (dentro da área e onde houve mesmo falta). Mas os jogos europeus com Spartak fora, e em casa (Cardozo entrou a tempo de “matar” o jogo), podiam elucidar as “anedotas” que pensam o futebol do Benfica. 


4)     Apesar de terem sido os 3 jogadores sérvios que estiveram nos golos, na realidade também foi com eles em campo que o Gil marcou. Claro que me podem dizer que foi Maxi quem falhou, mas esta forma de ver é errada e desfasada da realidade. Maxi foi de facto o último a falhar, mas alguém falhou antes na pressão sobre o jogador do Gil que tinha a bola e que fez o passe/remate para a zona de Maxi. Quem foi? Obviamente foi quem estava na ala esquerda: Markovic ou Djuricic, pois era a zona deles.


5)     Repito, para que não restem dúvidas, que vejo muita qualidade nos referidos jogadores sérvios, mas apenas quando têm a bola nos pés. Sem bola, não sabem defender e o tempo que levam no Benfica ainda não os fez perceber que em Portugal o nosso jogo exige mais polivalência a cada jogador. Ora temos defesas que atacam, ora temos atacantes que defendem. Sálvio já faz isso muito bem, Ola Jonh a espaços também, com antes deles, Nolito e Bruno César faziam também. Mas nas 3 recentes contratações sérvias não vejo nada. E já ando a não ver nada – defensivamente - há vários jogos.


6)     Uma palavra para Cortez que fez um jogo bestial, quer no que diz respeito aos lances de ataque que produziu, onde chegou a arrancar muitos “bruás” quer quanto aos movimentos defensivos onde não comprometeu.


7)     Podia falar de futebol sem falar de arbitragem? Poder podia, mas não era a mesma coisa. Ora bem. No global acho que o árbitro não errou tendenciosamente, pois errou para ambos os lados nas vertentes técnica e disciplinar. Paulo Batista, tal como antes Lucílio Batista, erraram contra e a favor, sem ver nisso intenção. Mas houve alguns erros, que repito, onde não vi má intenção do árbitro e que podiam ter dado uma volta diferente ao jogo. O fora de jogo tirado a Rodrigo aos 8 mn, em que ficou isolado e podia fazer golo, é um lance infeliz para nós, porque o mesmo assistente deixou passar dois foras de jogo a nosso favor, um que deu o golo mal invalidado a Lima, outro que não deu em nada. As jogadas duras e divididas foram várias e estranhamente, Batista não assinalou falta contra nós sempre que o adversário caía no chão, como é hábito nos árbitros de “manual”. Contudo ao mn 86 teve falha grave pois não viu um corte de braço, fora da área, que iria originar um cartão e um livre perigoso, embora não em posição frontal.


8)     Esta arbitragem foi bastante diferente para melhor do que a que aconteceu na Madeira, onde os erros foram todos para o mesmo lado. Não perceber a “lógica” de funcionamento dos “melhores” árbitros é não perceber porque razão o FCP já leva 2 penaltys inexistentes a seu favor, e nós levamos 1 não assinalado sobre Lima ao mn ... 92.


Para Alvalade não tenho ilusões. Sem Cardozo, com sérvios que não sabem defender, acho que eles nem vão precisar do árbitro para ganhar até porque têm um tipo de futebol criativo, sem jogadores criativos e compacto nos processos defensivos e ofensivos (já agora, sublinho que em 8 jogos para o campeonato, JJ ganhou 7 e perdeu 1 com ajuda de Soares Dias). Contudo acredito sempre até ao mn 99.

14 comentários blogger

  1. olha....a culpa do golo do Gil foi dos Servios querem ver...

    foi o Markovic que pegou no pezinho do Maxi e o fez passar a bola ao Artur com "tanta forca"...e foi o Markovic que depois pegou nas perninhas do Maxi e o fez "correr" atras daquela bola perdida...

    nao ha paciencia!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso até me enganei. Naquela altura era o Suledjmani que estava daquele lado. Continua a ver o ultimo que falha e não o conjunto, e continuas sem perceber porque sofremos mais golos do que os rivais directos...

      Eliminar
  2. Boa análise, objectiva e sem crítica fácil.
    Acho que mesmo sem Cardozo o jogo em Alvalade não vão ser favas contadas para eles.
    Aposto num empate, que nos vai colocar a uns preocupantes 5 pontos, mas também acredito que este ano os Sportings vão tirar mais pontos ao Porto do que o habitual.

    Uma nota: com Jesus ganhámos 6, perdemos 1 e empatamos outro (0-0 em 2009/10). Mas ganhámos mais dois para a Taça de Liga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela correcção. De facto esqueci esse empate 0-0 onde o Javi levou uma patada na cabeça e ficou a sangrar, sem que o árbitro, Proença, tivesse sancionado essa falta.

      Mas é isso. A colecção de bons resultados é enorme, acho que nunca na história do Benfica fizemos tão bons resultados com o SCP.

      Quanto à possibilidade de ficarmos a 5 do FCP, depois de vermos como os árbitros marcam penaltys a favor do FCP, e não marcam a nosso favor os que existem, tens dúvidas sobre quem será o campeão? É que a seguir aos penaltys há os foras de jogo, as faltas no meio campo, etc. Apesar de ter achado que o árbitro errou para os dois lados e como tal não lhe vi uma tendência pré-planeada de nos prejudicar (ao contrário da Madeira), não tenho duvidas que o golo de Lima seria validado ao FCP, o fora de jogo a Rodrigo não existiria e o lance em que é assinalado falta a Lima, daria penalty a favor do FCP. Com 0-1? Claramente que dava.. e depois estavamos aqui a falar de um vitória folgada de 3 ou 4 golos...

      O FCP ganha os campeonatos que quer e só quando são muito nabos ou quando há ordens para abrandar um pouco a pressão sobre a arbitragem, para dar ideia que o nosso campeonato não está viciado, é que podem não ganhar...

      Eliminar
    2. Olha depois dos 7-1 fizemos melhor, eles tiveram muitos jogos e alguns anos sem ganharem ao Benfica na Luz e em Alvalade, tiveram 11 jogos sem ganhar ao Benfica, 8 vitorias e 3 empates, estiveram praticamente 6 anos sem ganharem 1 jogo ao Benfica para o campeonato, e ainda perderam uma final da taça pelo meio, ganharam foi uma supertaça

      Eliminar
  3. Já o mencionei várias vezes mas o amigo Eagle foge à resposta. LOL. Acho piada defender-se JJ, acreditar na sua qualidade e depois, ao mesmo tempo, criticar tantas vezes o estilo de jogo do SLB. E, pior, achar que JJ é condicionado pela opinião dos jornalistas...logo JJ. :)

    1) Nada a dizer. Cardozo ou alguém com o seu perfil é fundamental para que a equipa rentabilize em golos o caudal ofensivo que tem. Infelizmente poucos percebem isso.

    4) Aqui não sei se concordo. A falha de Maxi é individual. A bola está controlada e é um erro dele que a faz perder. Bastava passar a dita para Artur e tudo estava resolvido. Cortez ía fazendo uma igual...

    5)Achei que entrarem três jogadores novos sem noção do campeonato e da realidade do Benfica para resolver o jogo uma opção muito arriscada. Eles têm muita qualidade mas ainda têm que melhorar rotinas como é natural nesta fase para quem chega só agora. Por isso, três de uma vez, muito arriscado.

    6)Os bruás que arrancou vieram daqueles que acham que o SLB precisa de avançados que corram e fintem 358 adversários e tal. São os mesmos. Cortez é rápido, tem técnica, não tem medo de ir para cima do adversário, faz fintas e centra. Isso não significa que tenha jogado bem ou decidido bem. Defensivamente não teve grandes trabalhos. Gosto de o ver como elemento mais recuado nos cantos uma vez que é bastante rápido e pode, por isso, defender os contra ataques adversários. Vamos ver sábado onde a pressão será maior.

    Em Alvalade tb não tenho grande feeling. Vamos ver..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que não há incoerência entre as duas situações. Passo a explicar. O Benfica tem uma história e um modelo de jogo que é por tradição, o 4-4-2. Qualquer treinador que venha para o Benfica e não alinhe desta forma, será criticado, mais tarde ou mais cedo. Não sei se as criticas são de jornalistas adeptos do Benfica que também cresceram e se fizeram benfiquistas a ver o 4-4-2, se são criticas por pressão de sectores de notáveis que também têm opinião sobre as tácticas, como Gaspar Ramos recentemente reconheceu (inadvertidamente, mas reconheceu).

      É um facto. Quando F Santos esteve aí, um texto de reflexão ou debate assinado não sei por quem no RECORD, questionava a "viabilidade" do 4-4-2 em losango que F Santos implementou. Ora se é tema de texto, é porque é assunto sério e importante. É que nunca vi ninguém debater os modelos de jogo de FCP e raramente do SCP.

      Ponto n.º 1: eu critico o modelo de jogo do Benfica, o tradicional, o que se impõe sobre as opções dos treinadores. Haverá uns que conseguem granjear capital de crédito e lhes é permitido alterá-lo, como foi o caso de Jesus há 2 épocas quando passou a utilizar o 4-2-3-1, o tal - como lhe chama agora - triângulo invertido a meio campo. Mas mesmo tendo obtido bons resultados, como o empate em Manchester lá houve os "cromos" do costume a falarem que o futebol do Benfica tinha perdido espectacularidade.

      São os mesmos que quando vêem o Benfica avassaladoramente ofensivo, com JJ, e perdem, depois vêm lamentar-se e pedir mais gente no meio campo. "CROMOS"...

      Ponto n.º 2 - com este modelo de jogo fazer bons resultados em continuidade ou regularidade ao ponto de ganhar títulos, é uma ilusão. Pelos riscos que a equipa se expõe quando sobe as linhas e permite autoestradas na retaguarda, que normalmente são aproveitados por adversários com bons plantéis. E quando o adversário faz golo primeiro que nós, costuma ser uma chatice. O Gil não tem o plantel de um Braga ou um SCP ou até um Guimarães ou Marítimo, e lá conseguimos, com a mesma ponta de sorte que não tivemos noutros jogos, dar a volta ao resultado.

      Portanto se o modelo é fraco e temos tido bons resultados (ainda não dá para os títulos) é porque o treinador tem de ser forçosamente bom para conseguir ultrapassar essas lacunas com a sua capacidade de liderança, de incutir espírito de sacrifício nos jogadores, de saber escolher os jogadores para as posições do modelo, de saber intervir para corrigir erros.

      Não vejo incoerência de opinião.

      Quanto ao Cortez o Pedro que me desculpe mas vi movimentações ofensivas de elevada qualidade técnica. Falhou o último lance? Sim, mas e se Cardozo, a referência estivesse na área. Será que falhava? Não sei.. mas para cruzar bem, é preciso saber fazer o que ele fez nesse jogo: ir para cima do adversário, sem medo, e com drible.

      Para Alvalade vejamos se nos entendemos. A minha leitura é que vamos estar mais fracos em termos de compacidade, porque não temos Cardozo a segurar a defesa adversária e porque temos médios sérvios de grande qualidade no passe, mas muito fracos a defender. E quando não se faz pressão em cima do adversário quetem a bola, ele vai por ali em diante... acho que já muita gente reparou que até Enzo e Matic este ano estão menos fortes na defensiva, em particular quando jogam os sérvios (e 3 de uma vez, meu Deus, foi um grande risco, mas Slavio sem ritmo e Rodrigo se espaço e cansado, já não podiam fazer muito mais)

      Eliminar
    2. "Portanto se o modelo é fraco e temos tido bons resultados (ainda não dá para os títulos) é porque o treinador tem de ser forçosamente bom "

      Não necessariamente. O que nos tem salvado é a superior qualidade dos jogadores e quando isso não chega no banco não vem ajuda e o SLB perde. Concordamos em tanta coisa mas na que discordamos é mesmo totalmente. hehe
      Abraços grande amigo!!!

      Eliminar
    3. "O Benfica tem uma história e um modelo de jogo que é por tradição, o 4-4-2" não concordo alias o clube tem sempre andado ao sabor das tácticas que os treinadores trazem e este treinador nos clubes por onde passou principalmente nos últimos três anos antes de vir para o clube já utilizava o 442 em losango ou o 4132 como por vezes lhe chamam.
      quanto à pressão que fazem sobre as tácticas não acho assim tanta existe uma pressão grande para se jogar bem com nota artística isso sim e por essa via questiona-se a táctica, seja qual ela seja, quando isso não acontece.

      Eliminar
  4. A parte da analise do Cardozo concordo a 100%! E sugiro que vao ver o Lacina Traore, esta a venda e bem que podia vir para o Benfica para rodar com o Cardozo! E nao me digam que Benfica nao tem dinheiro que isso e das maiores mentiras que a direção tenta que nos acreditemos! quem tem dinheiro para comprar 40 jogadores para emprestar tem que ter dinheiro para comprar jogadores para posições que precisamos defesa esquerdo seria sempre prioridade, mas a verdade e que Cardozo nao tem substituto

    Rodrigo marcar golos nao dever ser no Benfica... dos maiores flops que ja vi espero que ele melhor! Nelson onde andas!

    Discordo do que foi dito para justificar a falha do Maxi foi uma mega falha a bola era dele e tentar justificar aquele erro, com os outros tambem nao fizeram o seu trabalho, não e bem assim, a bola chegou a ele e mais que em condições para ele fazer o seu trabalho bem feito, ja a dois anos que ve-se perfeitamente que ele e o jogador mais fraco do benfica, mas houve alguns jogadores que desviaram as atenção dele, Emerson e Roberto. Maxi corre mt sim sr.(nao e veloz) e esforçado e da pau, mas como jogador nao te mais nada para oferecer ao Benfica para alem disso. Abram a pestana!

    O Benfica tem jogadores com mt melhor qualidade para aquela posição, são Andre Almeida e João Cancelo! Pensei que o Benfica ja nao era o clube das cunhas, negociatas e amigos, e quem joga e quem esta em melhor forma na posição, atualmente vejo mts cunhas, negociatas e amigos a jogarem. Por mim era vendido ou dispensado! Mas se jogar vou apoiar durante os 90min depois no fim se não ganharmos vou mandar vir com o treinador e direção!

    ResponderEliminar
  5. Vai ver os jogos do ano passado e diz-me onde estava o Cardozo "fixo". Este modelo de jogo já não tem a ver com o 442 losango com um fixo e um móvel. Vais reparar sempre no momento ofensivo, que dos dois avançados, um foge para a lateral e outro tenta buscar entre linhas. No golo do Lima houve superioridade numérica e mau posicionamento da linha defensiva do Gil. A questão da não responsabilidade completa do Maxi no golo sofrido tem de ser brincadeira de mau gosto, já que só muito rebuscadamente é que se consegue imputar responsabilidade a qualquer outro jogador.

    O Djuricic e o Markovic (principalmente este) são craques! E só o Djuricic é que parece que tem alguma falta de intensidade na altura de pressionar.

    O problema do SLB não tem a ver com esquema, tem a ver com confiança. Própria (Lima) ou com o treinador. Mas aparentemente, este jogo demonstrou vontade de vencer, o que me alegra. Esse é o principal problema do SLB. Se irá ser resolvido com ou sem JJ é que não sei ainda, vamos lá ver.

    ResponderEliminar
  6. apesar do jogo de termos ganho nos descontos e depois aquela mini festa de jorge jesus com os jogadores. nao sei o que se pode esperar nos proximos jogos principalmente agora com o sporting, na champions sera para esqueçer, como querem lutar pela champions com uma defesa fraca?. andre almeida steven garay e melga talves resulta-sem ou resgatem coetrao. onde para o airton ja foi vendido?, andre leao podia muito bem ser contratado bom jogador.ou manuel fernandes para o meio campo.

    ResponderEliminar
  7. Realmente Soares Dias prejudicou o Benfica nesse jogo, mas será que o famigerado Capela não prejudicou o Sporting, não achas que eles se podem queixar do mesmo, oh és como os treinadores e dirigentes que só falam quando são prejudicados, é que quem te ouvir falar pensa que o Benfica não é beneficiado, os grandes uns mais outros menos são os mais beneficiados, toda a gente sabe disso, o Benfica onde eu acho que é mais prejudicado, apesar de algumas vezes ser beneficado é nos jogos contra os outros 2 grandes, principalmente contra o Porto, mas isso já vem desde principalmente desde os anos 70.
    Depois para haver golos, qualquer que seja o golo, tem que haver sempre erros sem erros o futebol acabava sempre 0-0, o que se pssa no Benfica é que erramos demais e mais vezses que o desejavel.
    O treinador é que tem que ver as caracteristicas dos jogadores e ver a melhor forma de enquadra-los, pois os jogadores é que fazem o sistema e não o contrario, cabe ao treinador equilibrar a equipa, os treinos servem para corrigir e aprimorar, mas qualquer dos 3 servios que vieram são bons, eu gosto especialmente do Sulejmani, qualidade tem ele, tem condições para ser o melhor jogador do Benfica a grande distancia, assim ele se consiga adaptar e explanar todas as suas qualidades e potencialidades, agora não se pode pedir a ele que defenda, apenas tem que fechar que é diferente, senão quando precisarmos dele para decidir já não tem descernimento, o Salvio é bom jogador mas nos jogos grandes quase sempre desaparece, para mim jogador é aquele que nos jogos de maior expressão, decisivos consegue explanar todas as suas qualidades, em tempos distantes tivemos um jogador assim, nos jogos grandes fosse contra quem fosse aparecia sempre, Diamantino, só tive pena de não ter jogado a final de Estugarda

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares