O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Lucky, Me? ( I )

 ●  18 comentários  ● 

Portugal, 16 de Novembro de 2012

A recente apresentação do Dr.º Vale e Azevedo (JVA) às autoridades britânicas e posterior extradição para Portugal, 3 anos depois do Correio da Manhã a ter anunciado como estando “eminente”, veio mais uma vez dividir a opinião que os adeptos do Benfica têm do ex-Presidente mais polémico da sua centenária história.

Para perceber boa parte do que tem sido a vida do Dr.º Vale e Azevedo depois de ter perdido as eleições no Benfica e ter passado a sua posição na SAD para os vencedores, com galhardia e elevação, temos de recuperar parte da mini biografia de Joaquim Oliveira, publicada no Expresso em 25 de Março de 2005:
Por falta de fôlego financeiro, em dado momento desta guerra contra a dupla Emídio Rangel/Vale e Azevedo, Joaquim esteve à beira de atirar a toalha ao chão. Encarou mesmo vender o grupo, então avaliado no intervalo entre os 12 e os 15 milhões de contos, a Francisco Balsemão. Mas Ricardo Salgado deu-lhe a mão, comprando-lhe o tempo necessário para ganhar a guerra. Foi o início de uma bela amizade com o banqueiro. Mais tarde, o BES e a PT desaguaram no mundo do futebol - até então muito ligado ao BPI, que montara as SAD do Sporting, FC Porto e Boavista - pela mão de Joaquim, patrocinando os três grandes e a Selecção. Durante a guerra foi cuidadoso. O alvo dos processos judiciais foi sempre Vale e Azevedo, nunca o Benfica. Na hora da vitória, com o inimigo atirado para a cadeia, soube ser magnânimo, ao converter em 20% do capital da Benfica Multimédia os 2,1 milhões de contos que o clube encarnado teria de lhe devolver.”

Como facilmente se percebe, sou dos que pensa que há algo mais do que conduta imprópria ou eventualmente ilícita, a justificar todo o aparato judiciário, judicial, mediático contra o Dr.º João Vale e Azevedo. E para que se perceba um pouco melhor a minha posição, posso revelar que em 1994 apoiei Manuel Damásio, em 1997 apoiei Luís Tadeu e em 2000 apoiei Vale e Azevedo, que aliás foi o único que conseguiu que eu fizesse 900 km, ida e volta, para votar nas eleições em que ele saiu derrotado. Penso, pois, ter a credibilidade necessária para abordar o tema.

Em minha opinião os problemas de JVA não começaram quando perdeu as eleições, em 2000, mas sim quando Manuel Damásio se demitiu em directo nas televisões, balbuciando um conjunto de ideias e lamentos, de que ressaltou o (para mim) famoso: “não tenho mais formas de inventar dinheiro”. Foi aí que JVA decidiu recandidatar-se, foi aí que deu o primeiro passo atrás na sua vida. O segundo passo atrás foi quando decidiu – por razões justificadas – declarar nulos os contratos com a Olivedesportos.

Ganhando as eleições ao “romântico” Tadeu, JVA viu-se desde logo confrontado com um clube sem receitas televisivas (já recebidas por Damásio por conta de um contrato que só começaria em 1999), sem liquidez na tesouraria, com compromissos assumidos pela Direcção de Damásio das quais se destacam a contratações de vários jogadores, como Gamarra que foi adquirido contra o pagamento de 36 letras! Ou seja, a situação era muito pior do que ele esperava.

A ruptura com a Olivedesportos foi pois um acto simultaneamente englobado numa estratégia de fazer face ao “polvo” que comandava o futebol, mas também por necessidade de encaixar dinheiro. Para isso precisou de se aliar a outro operador televisivo, desconhecendo eu quais as razões que o levaram para a SIC. Não será também difícil adivinhar porquê: com José Eduardo Moniz (o das quotas por pagar) na TVI, com a influência de Joaquim Oliveira na RTP através dos seus contactos com os membros do governo, nomeadamente o Secretário de Estado, o benfiquista Arons de Carvalho, a JVA só restava a SIC.

Esta parceria ajudou o Benfica a sobreviver financeira e desportivamente. Mas pôs em causa os milhões de euros que os tais interesses, que ficaram de fora do Benfica – BES, PT e Joaquim Oliveira, tinham como expectativa ganhar, caso Luís Tadeu tivesse sido eleito.

Esta hipótese nunca antes colocada por nenhum analista, ou seja, Tadeu ser o candidato dos mesmos interesses que 3 anos mais tarde viriam a colocar Manuel Vilarinho na presidência do Benfica, é a hipótese mais credível e razoável para explicar porque razão Luís Tadeu e tantos outros que o apoiaram, sabendo a situação em que Manuel Damásio tinha deixado o Benfica, optaram sempre por criticar e atacar quem estava a tentar resolver o problema, e não quem o tinha criado!

Neste contexto não posso deixar de lembrar a entrevista que Tadeu deu ao JN onde defendeu que “o Benfica devia perder (no futebol) porque se não nunca mais conseguiam tirar de lá Vale e Azevedo”. Pela primeira vez na vida, não percebi o que era, o ser benfiquista. (cont.)

18 comentários blogger


  1. Eagle01

    Estranho, nem um comentário.

    Será porque a forma linear e objectiva não admite discussão.

    Perdoa que te aponte uma falha mas foste muito sintético na herança de Damásio.

    Lembro que ainda andam por aí umas dividas ao fisco porque o celebre totonegócio nunca as liquidou.

    Porque será que estes Benfiquinhas ((sim porque do Benfica nada sabem))nunca se aperceberam que o Benfica não entrou no toto negocio quando o Damásio deixou uma divida ao fisco de 3.6 milhões de contos????

    Queres ver que o vigarista pagou e às tantas da sua carteira.

    E aquela do fecho do terceiro anel à Teixiera Duarte que hipotecou a sede do Jardim do Regedor???

    Queres ver que também foi o aldrabão que o resgatou.

    E aquelas dezenas de jogadores que Damásio comprou e mandou porta fora com ordenados a sr pagos pelo clube???

    E a divida a um banco Holandês de 1 milhão de contos????

    O Director financeiro de Vilarinho era um quadro que o Bes pôs no Benfica, (((seria para defender os interesses de quem ???)) andou pelo país a explicar as virtudes de aumento de capital da SAD, ((a cargo do Bes, sempre o Bes))

    e numa dessas sessões perante a descriça~do estado calamitoso, segundo ele, fiz-lhe uma pergunta;

    Diga-me o nome dos credores a quem o Benfica de JVA fiocu a dever mais de 500 mil contos.

    O homem ficou em silêncio, meio aburricado mas perante a minha insistência balbuciou:

    Não me lembro de nenhum. Foi a gargalhada geral na sala que muito ofendeu um tal Salgado que ainda lá anda e que resolveu provocar-me com alguns monossilabos do quilate dele.

    Coitado levou para contar pois retorqui-lhe que como bom rafeiro teria que laber as botas a quem o tinha recuperado e que como funcionário do clube não lhe admitia jogo sujo já que estava não devendo estava lá porque eu e outros o sustentavamos. Desapareceu e nunca mais foi visto durante a sessão mas ainda lá anda essa eminência parda possivelmente a lavar os copos de Wiski mas pago pela categoria de mordomo.

    Arons de Carvalho, aquele a quem JVA exigiu um inquerito aos negocios entre a RTP e o oliveirnha e que perante a sua resposta foi apelidado de ""peão da olivedesportos""???

    Vou para, senão nem durmo.

    Pense nisso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Conde, de facto até eu fiquei admirado pela "avareza" de comentários, mas os mais ofensivos seguramente foram barrados pelas regras do blogue.

      Apesar de tantos me insultarem com acusações gratuitas, a verdade é que tu sabes bem mais desses tempos do que eu. Eu sei o que vinha sendo "ventilado" (em letras pequeninas) pela comunicação social. Assim quando falo das dividas fiscais que Damásio deixou a JVA, estou a falar do que foi público e não de algum conhecimento privilegiado que eu tenha. Quando falo dos jogadores contratados por Damásio ou do fantástico despedimento de Manuel José (rescisão no valor de 500 mil contos na altura, antes dele próprio se demitir na sequência de mais um a derrota, a 2ª em 4 jogos, 3-1 em Vila do Conde se te recordas, falo do que veio a publico: Taument veio a custo zero mas teve de alugar uma casa ao Damásio por algumas centenas ou milhares de contos mensais. Quando falo que Gamarra foi contratado contra 36 prestações mensais, foi da auditoria da Arthur Anderssen que JVA mandou fazer e que concluiu que o Benfica devia 9 milhões de contos a curto prazo. Ou seja a 6 meses.

      Ora para além disto o Benfica tinha ZERO de receitas televisivas, pois Damásio tinha-as recebido antecipadamente, antes de se demitir. Como é público menos para uma cambada de gente que continua a querer re-escrever a história recente do Benfica. E tudo para legitimar a conduta dos Tribunais e MP contra JVA, e acima de tudo para legitimar a entrada dos interesses alheios e hostis ao Benfica, para dentro do Benfica: BES, Joaquim Oliveira, Somague e .. Luis Filipe Vieira.

      A mim só me preocupa a busca pela verdade, na defesa dos interesses desta centenária instituição. A outros preocupa-os encontrar argumentos que sustentem a mentira em que vivem e preferem viver.

      Quanto a esse João Salgado, cuidado que esse é um homem que já foi Chefe de Gabinete de Manuel Damásio e agora é ... assessor de Filipe Vieira. Quem não consegue estabelecer uma relação entre o antes JVA e o depois JVA, acho que deve voltar para a escola primária. Um episódio que guardo com este cavalheiro, em 1997 no 2ª encontro nacional das Casas do Benfica, foi quando o abordei para agradecer o convite que Damásio me tinha feito para ir ver um jogo do Benfica ao camarote presidencial. Entabulamos uma conversa a a páginas tantas ele diz-me: sabe uma coisa? Fodi o Manuel José! Fiquei a olhar para ele, parvo da vida, pelo teor da linguagem (afinal, tinhamos acabado de nos conhecer). Mas ele continuou (o Benfica ia jogar cnotra a Lázio, no jogo de apresentação que perdemos 0-1 e o Coroado invalidou um golo limpo, seria 1-0, ao Paulo Nunes): o Manuel José queria que eu lhe desse o relvado 1 hora antes do jogo, mas eu falei com o Eriksson e ele disse que meia hora bastava. E pronto. Fiquei a saber que no Benfica, para além do treinador, manda muita gente. Daí compreender as dificuldades que os treinadores têm dentro do Benfica, a somar às que têm do lado de fora ...

      São estas coisas que poucos sabem mas que caracterizam a pequenez do nosso clube em termos organizativos. De grande temos a história e o numero de adeptos. Quem manda no Benfica ganha muito dinheiro e não larga o osso. Ao contrario de JVA que lutou como pôde, contra tudo e todos, e hoje paga por isso...

      Eliminar
  2. COnde,

    No seguimento do nosso diálogo anterior:

    Porque não dizer, se conhecem de facto as razões, a razão pela qual saiu Joao Vieira Pinto a custo zero do nosso clube?

    POrque razão disse Gamarra aquilo que disse de Joao Vale e Azevedo, como alguem comentou no post que escrevi?

    Porque razao disse Graeme SOuness, uma pessoa respeitadissima em Inglaterra e conhecido pela sua coluna direita, que JVA era um mentiroso compulsivo, a unica pessoa capaz de lhe olhar nos olhos e estar a mentir ao mesmo tempo?

    Porque razao diz Robert Enke no seu livro, que era prativa em JVA deixar de pagar a jogadores que deixavam de interessar para os obrigar a sair pelo proprio pe, citando Carlos Bossio como um cliente especial desta politica?

    Porque razao Joao Pinto, a quem tambem reconheço como uma pessoa sensata e nao conflituosa, so tem coisas negativas a dizer de JVA?

    Repara, eu nao estou a tomar partido por ninguem, eu estou a querer informar-me, porque pessoas como eu, os tais benfiquistas da net, têm de se agarrar é aos pequenos sinais que vão vendo, não podendo obviamente conhecer as situaçoes por dentro.

    EU não sei nada de falsificaçoes de documentos. O que eu sei e conheço é os inumeros exemplos que retratam JVA como uma pessoa de comportamentos eticos muitos duvidosos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fale da situação ao tempo que JVA chegou e não quando saiu.

      Sobre esse assunto o que se soube é que João Pinto era conflituoso e tinha a mania que mandava naquilo tudo. Ele e a sua esposa que era quem abria a porta para as mulheres dos jogadores entrarem nas cabinas respectivas. E custava um balúrdio (para a época) fruto do contrato para toda a vida que o amigo Damásio lhe fez (há quem em garanta que desse contrato Damásio recebia X, Figueiredo recebia Y e dois jornalistas recebiam Z e K por mês ...)

      Foi para o SCP e como você sabe, o SCP não lhe renovo o contrato. Vá lá perguntar porquê ...

      Sobre o que Gamarra disse, eu não li o que diz que foi aqui escrito no blogue. Mas li o que Gamarra disse ao jornal o JOGO: o titulo era "Vale e Azevedo pediu-me 250 mil euros". Certo? Mas depois lendo as letras pequenas o que JVA lhe pediu foi para Gamarra perdoar 250 mil euros ao Benfica, porque o seu salário era brutal na época (à Damásio: contrata e não paga depois a culpa foi do Vale e Azevedo), julgo que cerca de 150 mil euros por mês. Um dia destes coloco aqui essa noticia para que as pessoas percebam como a comunicação social ainda hoje faz a cama de JVA ... e muito burro deita-se, sem ler bem ...

      Eliminar

    2. Caro RedMoon

      Deixa-me só relembrar-te que já te disse que o tempo em que por motu próprio saía a terreiro em defesa de JVA já lá vai embora como também disse não fuja a um desafio ou às provocações de algumnas indigentes que trazem sempre no bolsos as cassetes arranhadas.

      Também e dispus a transmitir-te, dentro do conhecimento que tenha, factos ou ocorrências que possas estar interessado.

      Mas mesmo assim:

      O que é que censuras no tal comentário de um MC???? Que o benfica precisou de vender Gamarra??? É verdade e nestes posts foi por demais explicada a razão.

      Para aqueles que diziam que JVA não pagava Gamarra diz que lhe pagaram tudo.

      O que é mentira é a aleivosia parva dos charutos com que esse tal de MC pensou ter graça.

      1º.- Charutos era mais no tempo do Damásio que custavam ao benfivca uma média de 5.000 contos por ano a a contabilidade fazia referência a isso.

      2º- Vale nunca na vida funou um charuto ou um cigarro que fosse e dos directores o único que sei que fumava era o Capristano mas conforme a resposta que dei a esse MC no escritório de Vale não havia ciinzeiros e repito que estive lá muita vez e para aziar mais alguns até poderei dizer que almocei 2 vezes com ele em privado, lá no seu escritório mais um outro amigo.

      O Eagle juntou mais qualquer coisa ao grande ""enigma""

      Sobre Souness quem te poderá responder a isso talvez um tal de António Simões ou Nelo Vingada. É melhor ir por aí que eu fico-me sobre isto por aqui porque nem vale a pena perder tempo com gente reles mas se fizeres questão pela tal via não tenho problema nenhum em te esclarecer.

      Sobre Henke não falo e estou certo que compreendes.

      Direi só que no tempo de vale a não ser um tal de Hugo lealzinho ninguém rescindiu contrato por falta de pagamento. (((chegou-me ao ouvido que o Viera parece que pagou há o celebre cheque da compra do Poborski, o ridiculo mata.)))

      João Pinto, no teu post deixei-te uma dica e penso que há uns bons tempos já abordei aqui esse caso que dava para perceber a coisa mas se quiseres saber tim por tim já sabes a caminho por nesse caso ficarás sem a minima dúvida.

      O Eagle refere algumas coisas mas mesmo essa ainda têm uns retoque fora outras mais pornográficas.

      Sobre esta tua frase:

      ...""a quem tambem reconheço como uma pessoa sensata e nao conflituosa,..."

      Vou-te responder assim: Eu também pensei que ""conhecia"" uma personagem que é hoje uma figura no Benfica e sofri uma grande desilusão depois de a conhecer que cada vez se confirma mais. Quando digo conhecer, digo pessoalmente que penso não ser o teu caso com JVP ((olha fui eu que o crismei assim nos estágios e ficou e fiz o mesmo a outro comecei a chamar-lhe Diamante))

      Para terminar também te quero dizer que já que no que ao benfica diz respeito nunca olhei pela minha ida é altura de o fazer e se andar para aqui a relatar tudo depois...ninguém compra o livro.





      Eliminar
    3. Estás portanto a escrever um livro? Heheh, muito bom! Acredita que o comprarei e, da minha parte, vou tentar manter a mente aberta. COmo dizia o outro: Só sei que nada sei:))

      Eliminar
  3. Tenho andado um pouco ausente. Só hoje, sábado, vi este post do "Eagle". "A comunicação social ainda hoje faz a cama de JVA". E fará cada vez mais. Vale é o alvo a abater, mesmo para fazer esquecer os "esquecimentos" da "justiça" relativamente à alta corrupção, à banditagem de banqueiros e afins, etc. Vêem algum orgão de comunicação falar disto? No máximo só em nota de rodapé. Algum está preso? Só um que ja está em casa. Os processos de que estava a ser alvo devem estar a ser bem trabalhadinhos, como costume, para prescreverem. De resto, silêncio total. Vale é o ideal para entreter o pagode, porque o problema da corrupção, na justiça, na política, nas finanças vai dar cabo deste país, e nada como um bom "bode expiatório" para tudo seguir nos "conformes". Vejam este link: http://videos.sapo.pt/kzZH4Ua8qCjuDPNQkL9a. Acho que a maioria dos portugueses nem imaginam o nível que a corrupção atingiu neste país.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, JVA também serve nesse aspecto entretendo o povo com o seu folhetim, há muitos outros "trutas" que se escapam entre silêncios e arranjinhos de gente pertencendo à própria Justiça... Se ler o terceiro e ultimo texto sobre esta matéria (apenas 3 para não chatear os iludidos) verá que até a marcação dos julgamentos de JVA parecem coincidir com outros calendários, para maximizarem o efeito mediático (ou seja, o julgamento popular)...

      Eliminar

  4. FL

    Mas o que essa corja ainda não se apercebeu é que vai conseguir por o JVA no Guiness.

    São milhares de horas nas pantalhas.

    São muitos mais milhares de horas nos altifalantes das radiosecas deste corrupto país.

    E são toneladas de papel e pasquins com a nefasta quantidade de arvores que foi preciso abater e que muito contribuíra para a camada do do ozono.

    E que todos muito contribuíram para a intoxicação geral pretendendo fazer crer que este é um país de direito elegendo esta interminável telenovela para que continuem debaixo do tapete as vergonhas que tu referes.

    Se de um simples vigarista se tratasse, como muitos por aí, roubou, ""peculou"" foi preso e acabou mas não por isto é um ataque ad homine que convém a muitos e em diversas áreas, uns santinhos manter silenciado mas temo bem que isto acabe mal para esses porque eu garnto que é é duro e muito resistente.

    Dizem por aí que:

    ""SÓ SE ATACA QUEM TEM VALOR"" e se o valor for proporcional ao ataque????......

    ResponderEliminar

  5. Já em tempos propus que a Gloriosasfera deveria organizar-se em grupo ou associação para de uma forma conjunta defender o GLORIOSO deixando de andar cada um por aí a chorar baba e ranho.

    A ideia não vingou porque parece que os individuais UMBIGOS falaram mais alto.

    A ideia surgiu-me de uma outra que dava os primeiros passos no mandato de JVA e que englobava as Casa do Benfica associadas precisamnete para o mesmo objectivo.

    Não era fácil nesse tempo em que as novas tecnologias gatinhavam ((embora hoje seja eu ainda a gatinhar nelas isso não me impede de aferir das suas potencialidades, economia de tempo e dinheiro e da simplicidade na implementação e proveito dos objectivos.

    Também em tempos havia o grupo dos amigos de JVA que se foi diluindo depois do termino dos julgamentos que os dirigentes do Benfica lhe moveram.

    Há muito amigos me vêm empurrado para a criação de um blogue e a que fui sempre resistindo mas agora que novo julgamento começo e segundo dizem outros se vão seguir, sabe-se lá por quanto tempo, começo a pensar sériamnete na criação do tal Blogue e até já tenho nome:

    BAVA ((descodifiquem lá, é simples.

    Como atrás referi fui apanhado pelo advento destas tecnologias já depois da segunda juventude e por isso lanço um repto a quem queira colaborar em igualdade de circusntãcias.

    Fica o desafio e o meu agradecimento.

    Por um ideal até à morte (((o ideal e O GLORIOSO, a verdade e a justiça.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha eu criei o site e agora o blogue www.basta2002.blogspot.com não para dedicar exclusivamente ao ex Presidente, longe disso, mas a todo o tipo de aldrabices que este gente de colarinho, fato e gravata, impingem sucessivamente ao incauto, ingénuo e apaixonado adepto. BASTA: benfiquistas anónimos saturados de tanta aldrabice! :)

      Eliminar
    2. Caro "Conde". Conte comigo para colaborar. Em livro ou em blog é tempo de se fazer alguma coisa. Nunca estive por dentro do Benfica nem tenho os dados e conhecimento do Eagle. Mas dentro das minhas possibilidades colaborarei de bom grado. Como nos poderemos contactar?

      Eliminar

  6. Por falar em corrupção:

    https://mail.google.com/mail/u/0/?ui=2&ik=79dad4e815&view=att&th=13b0fc10c17b6f81&attid=0.1&disp=safe&zw

    ResponderEliminar

  7. Eagle

    Quando no meu primeiro comentário referindo-me a Salgado ((será parente do do Bes???)escrevi falava em recuperado como a seguir reproduzo. Claro que o recuperador foi Vilarinho saltando aos tempos de Damásio

    ""a quem o tinha recuperado""

    Mas já que horrorizaste com essa confidência que ele te fez ((falavas em 2º encontro mas penso que terá sido O 3º. ENCONTRO INTERNACIONAL DE CASAS E FILIAIS DO BENFICA, realizado no Porto no Palácio de Cristal do qual o grande Manuel Monteiro foi o responsável-mor pela organização e com quem tive o prazer de colaborar.

    Tinha coisas engraçadas para contar pois fiquei com a responsabildade na recepção a acomodação aos diversos convidados Benfiquistas e não só numa sala para o efeito onde entre muitos esteve o Eusébio e o amigo da ""minha amiga Margarida e do Manecas gente seríssima e fina como uma vez, esse mesmo , o Malheiro que eu já conhecia de um jantar em Vila do Conde onde estive a convite do grande Toni pouco tempo depois indigitado director desportivo da gestão do Damásio a quem entregou um saco de caramelos como ele com graça dizia e que deram para comprar o Deco, Caju e Anderson que aterraram directamente num clbe dos arredores de Lisboa, hoje falido e que ao tempo era propriedade....vocês sabem de quem e do que eu estou a falar como dizia também o outro que ia por de pantanas a corrupção desportiva e Portugal e acabou a tratar da vinha ali para os lados de palela.

    Mas malheiro lá apareceu no tal encontro das Casa embora a nossa relação tenha esfriado quando um dia o procurei e lhe revelei a minha preocupação perante rumo que o Benfica levava. Claro que o cumprimento foi frio e por ali ficou algum tempo a espumar-se pois esse encontro foi um exito já que passaram pelo pavilhão Rosa Mota sensivelmente 10.000 Benfiquista durante o dia.

    Um, caro Eagle vou dar-te um livrinho comemorativo desse evento editado para o efeito.

    Nunca percebi porque nunca mais se repetiu mas às vezes assalta-me a ideia que ali se dsicutia o Benfica olhos nos olhos e qualquer Benfiquista podia usar da palavra.

    Se calhar essa de discutir o Benfica assim incomoda, digo eu.

    Mas Eagle, tu já e conheces para para é complicado, já que nos contaste essa barbaridade do tal salgado deixa que te conte esta:

    Se que causou perplexidade a muita gente uma personagem escolhida pelo Vilarinho para o departamento de markting um tal Seara Cardoso pescado numa cervejeira dos arredores de Palermo e figura desconhecida dos Benfiquistas.

    Certo dia o clube de uma pequena cidade resolveu festejar o aniversário nas instalações, por mais confortáveis e espaçosas na Casa do benfica dessa cidade tenso eu sido convidado.

    A determinada altura e num grupo de meia dúzia de pessoas este Seara exaltava os mériotos da gestão desportiva de Vilarinho e sai-se com estas.

    Despachamos o Dudic e ainda fizemos bom dinheiro pois o moço era completamente cego de um olho. Os ouvintes estarreceram mas ninguém reagiu mas a melhor ainda estava para vir e avança ele e o marchena, esse é que foi um negócio pois ele até tem menos dois centimetros numa perna.

    A festa era de um clube onde estavam alguns Benfiquistas com quem alguns ainda não sonhavam e que já estiveram com Viera.

    É lógico que ninguèm deu mais ouvidos a um patarata destes a quem todos viararam as costas ficando embatucado e a falar sózinho.

    Amigos isto não é anedota e ainda hoje sou amigo de todos e privo regularente com três dos presente à altura.

    Depois este Seara saiu pela porta dos fundos sem se saber porque e também sem honra nem gloria mas a esse tempo já se sabia o pato bravo e as façanhas de que tinha por aí deixado rasto.

    Quando hoje vejo atacar o mandato de JVA temo que daqui a alguns tempos, certo que os benfiquistas evitarão uma sucessão, o Vale não venha ainda a santificado.

    Pensem nisso.

    ResponderEliminar
  8. Caro amigo Conde, não, foi mesmo o 2º congresso das Casas do Benfica em Lisboa, Agosto de 1997. Fui lá de propósito, com o desespero de quem queria dizer algo pelo Benfica. E assim fiz um texto com 6 páginas no qual dissertei sobre os meus temas preferidos, e que ainda hoje continuam a ser: as estatísticas dos resultados.

    Terei feito algum sucesso, porque quando desci do palanque onde tinha discursado, alguém me bateu nas costas, era o Eng.º das instalações desportivas, a pedir-me o discurso escrito. Eu disse "mas, está cheio de gatafunhos que lhe acrescentei" e ele disse "o presidente não se importa".. e eu lá dei, todo embevecido por achar que tinha feito um bom discurso.

    Bons tempos, eu era muito mais ingénuo ... :)

    Essa do Marchena espelha bem a que ponto esta gente desceu para destruir o plantel de JVA, como se fosse dele e não do Benfica. Tinha 2 centimetros a menos na perna? E a seguir foi campeão de Espanha e duas vezes finalista da Champions LEague, coisa que nos - infelizmente - não cheiramos .. temos de partir as pernas aos nossos jogadores e tirar-lhe 2 centimetros ... Mas é a este tipo de gente, a que se soma o também já corrido António Simões, que o nosso Benfica está democráticamente entregue. Nada a dizer: este é o Benfica .. e ponto.

    Por ultimo a questão do saco de caramelos, que foi obviamente mediatizada, não deu origem ao Deco, Caju, Wagner e outros, esses vinham com um acordo com o Corintians Alagoano. Não. Deu para contratar o Martin Pringle, quando o objetivo era o Van Nystelroy que já na altura acho que custava mais de 2 milhões de contos ...

    ResponderEliminar
  9. Vejo aqui pessoas que conhecem muito bem o Benfica de JVA. Quando acabará esta história? depois admirem-se de ler e ouvir na imprensa "o ex presidente do Benfica...". Já é tempo de se acabar de tanto falar desses tempos e de Vale e Azevedo, a história e a justiça se encarregarão disso.
    Viva o Benfica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Diz isso ao Vieira que sempre que abre a boca é para falar de Vale e Azevedo.

      Eliminar

  10. Haverá pessoa que mantenha mais vivo o Vale e o seu mandato do que o Viera??????

    Como é costume dizer-se perdeste uma grande oportunidade...mas infelizmente são muitos os que têm tiradas infelizes como as tuas.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking