Ainda os Palermo Catalunha...
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 25 de agosto de 2012

Ainda os Palermo Catalunha...

Avatar
 ●  + 32 comentários  ● 
Sexta-feira, 11 de Março de 2011:

"Lá como cá...os regionais precisam sempre de ganhar com favores...

Mas não precisavam. 
Tanto Barcelona como a Palermo do Douro têm equipa suficiente para ganhar pelos seus próprios méritos. Mas tanto uns como outros beneficiam sempre dos erros das arbitragens ou da falta de empenho dos adversários.
Eu nem sou fã do vedetismo do Cristiano Ronaldo, mas ele 'apanha' dos adversários a torto e a direito. Já  Messi...é raro meterem o pé. Equipas medianas fazem os jogos do ano com o Real. Com o Barça...enfim. 

Lá como cá, contra o Benfica todos dão o que têm e não têm. Contra o clube da Palermo do Douro os melhores estão sempre lesionados, os esquemas tácticos são com defesas macias...raras são as excepções.
 
Lá como cá, há certos jornalistas de certas cores clubísticas regionais que não despem a camisola do clube quando estão a exercer as suas profissões. E isso torna tudo mais inquinado. E termina em casos tristes como o relatado no Record de hoje(11/03/2011): 
'Já aconteceu um interveniente do futebol ser aplaudido pelos jornalistas no final de uma conferência de imprensa, normalmente quando anuncia a sua retirada da profissão ou a despedida de um clube, por exemplo. Mas o que aconteceu em Barcelona ganha contornos inéditos. Javier Mascherano(na foto), médio argentino dos blaugrana, foi aplaudido pelos jornalistas catalães na conferência de imprensa de quarta-feira passada.
O motivo? As duras críticas do argentino contra aqueles que desvalorizam os triunfos catalães por considerarem que estes são favorecidos pela arbitragem, como aconteceu após a vitória sobre o Arsenal (3-1), na qual a expulsão de Van Persie foi muito contestada.'
Esta atitude dos jornalistas catalães está a ser criticada por toda a Espanha e mostra como não é grande quem quer, é grande quem pode. E claramente os clubezecos regionais por mais troféus que amealhem, nunca terão a mística dos grandes clubes. Estarão sempre reduzidos à sua pequenez psicológica, aos seus complexos de inferioridade e à sua mesquinhez..."
 
Acrescento ao que escrevi na altura que assim como o FCP é movido por ódio ao Benfica, a motivação do Barcelona é vencer o Real Madrid. E olhando para as arbitragens, em especial na Champions League, de que o Barça beneficiou em 2 ou 3 anos...ainda sobram dúvidas a alguém? A mim não.

32 comentários blogger

  1. CALMA(!)
    Eu também não gosto muito do Barcelona e concordo que é um clube regional.
    Porém, essas analogias Benfica-Real e Porco-Barcelona são exageradas. O Barcelona tal como o Benfica foram perseguidos e pressionados pelos respectivos ditadores de cada país. Todos sabem que o clube do Franco era o Real, todos sabem que Franco desviou jogadores do Barcelona para o Real.
    Enfim, milhões de histórias para contar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A história vale o que vale. Mas o que conta é o que estamos agora a viver. Isso é o presente. E neste presente, não tenho quaisquer dúvidas em quem identificar com quem...

      Eliminar
  2. Estas a falar do passado mas este post tem mais a haver com o presente portanto podes nao concordar mas e tambem preciso nao misturar as coisas.La como ca a maior vergonha passa-se na comunicacao social que me mete um nojo dos diabos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lá ao menos os jornais desportivos não fingem que são imparciais. AO menos aí todos sabem com que contar.

      Eliminar
  3. Não posso concordar com esse discurso mourinheiro, basta ver as cenas de violência de vários jogadores madrilistas que passaram sem admoestação nos derbies posteriores ao que mourinho veio dizer que os jogadores do barça só faziam teatro. Lá por as equipas contra o Barça se fecharem não significa que estendam a passadeira(até o real já jogou assim). Em termos de comunicação social em Espanha existem duas grandes facções e não têm "problemas" em admitir o lado de onde estão. Não é jornalismo, é uma guerra. Obviamente que sou contra isso, mas também prefiro isso ao que se passa em Portugal, em que ninguém assume partido (oficialmente) mas as baterias estão todas apontadas ao mesmo(é ver o ataque cerrado esta semana ao melgarejo, quando, por exemplo, o rolando continua afastado e nada se fala).
    Quanto aos "clubezecos regionais"...todos os clubes merecem total respeito, tenham eles a dimensão que tiverem. Nós, sendo de um dos históricos Mundiais, devemos dar o exemplo e maior respeito deveremos ter por todos, foquemo-nos apenas em nós. Não tentes pôr o Barcelona no mesmo saco que os corruptos porque é como água e azeite. O Barcelona não celebra as vitórias pelo real perder, não ouves cânticos anti real quando estão a jogar contra outras equipas. Não vês um discurso de ataque obstinado da direcção ou equipa técnica como estes cá de cima

    Cumprimentos vermelhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mogi, apenas concordo com a tua observação sobre as 'facções' jornalísticas.
      Mas de resto discordo.
      Em especial com a parte final. Não há quem vibre tanto com as derrotas do Real como os do Barça. Eu já assisti dezenas de vezes a isso na terra deles. E nunca assisti a manifestação igual da parte contrária.
      O mesmo é cá. Pergunta a um corrupto o que prefere: ver o FCP ganhar ou o SLB perder. Penso que já sabes a resposta.

      Eliminar
  4. No caso do Messi... o Ronaldo parte sempre para cima do defesa, o Messi não. Daí que seja a diferença entre os dois. O Messi quando faz isso também as leva.

    Quanto ao Barça na liga dos campeões... curioso que ganhou duas levados ao colo (3, se contarmos com a do Rijkaard onde eliminaram o Benfica com muita polémica e o A.C. Milão depois de anularem um golo ao Shev depois de o Puyol tropeçar na linha da pequena área) e foi gamado pelo Olegário Benquerença na que perderam frente ao Inter de... Mourinho.

    Daí podem parar as comparações porque o Mourinho também ganhou duas ligas dos campeões oferecidas. E o resto é conversa.

    Não gosto dos dois clubes (Real e Barcelona), não gosto do que os jornais portugueses fazem com o Mourinho (quando estava no Chelsea parecia que era o único português em inglaterra...) mas acho também que falares na situação dos jornalistas é um pouco exagerado. Eles são daquela região, de um país que está dividido assim. É normal que eles puxem pelos seus... Já cá, somos todos do mesmo saco e só puxam para uns, mesmo que sejam de lisboa... aí está a diferença.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não somos todos do mesmo saco. Temos regiões, assim como eles. E quem diz que os catalães são todos do Barça? Será que no Porto são todos dos corruptos? Ambos sabemos que não é assim.

      Eliminar
    2. Não... cá em Portugal não é como em Espanha... apesar de haver um corrupto que quer que seja. Mas lá a rivalidade vai para além do futebol e cá a rivalidade só existe no futebol...

      Quanto ao resto tens razão.

      Eliminar
  5. Carlos Pereira25 agosto, 2012 16:10

    Shadows mantém-te na sombra em relação a esta temática. É que são tiros nos pés, atrás de tiros nos pés. Fala do Benfica que isso sim, é importante. ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma desculpa para ir tratar das balas nos pés à minha médica. Ela é uma beleza! :)

      Eliminar

  6. Foi o Franco que fez do real, nesse tempo, 5 vezes seguidas campeão europeu quando a Espanha até estava isolado por motivo de uma guerra fraticda.

    E, como dizem os da palermo de Contumil também foi Salazar que levou p Benfica a ser Bi-Campeão Europeu e a mais TRÊS FINAIS EUROPEIAS nos anos seguintes quando este país estava isolado fruto de uma guerra colonial que o mundo desaprovava.

    Claro que os grandea rtifes destes feitos foram o Franco e O salazar.

    Tenham juizo e não tentem desviar as atenções da realidade actual.

    A barcelonesa, os corruotos da palermo de Contumil, as juves, os milans e mais alguns são farinha do mesmo saco.

    A corrupção está-lhe nos genes e só em função disso, mercê da sua pequenês a tacanhês conseguem alcançar feitos de forma tão corrupta que só a sua constante vitimisação e compadrios vão escondendo.

    Grande Mourinho, que inteligentemente e sem medo lhes destapou a carapuça e lhes dá guerra sem cartel.

    A tactica é a mesma pois os aplausos dos amestrados de Barcelona são copy/paste dos de Contumil.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ás vezes parece que o meu LCD é diferente dos outros...devo ver lá outro mundo!

      Como ainda há tantos que negam esta realidade que está à vista de todos é espantoso!

      Eliminar
  7. Nao é por aí...
    O barça tem uma identidade própria, coisa que o porto não.
    Estão a misturar coisas só porque o maior clube do país está na capital e o grande ribal está numa região que reclama a sua autonomia e identidade própria.

    Comparar o barcelona com o porto é o maior elogio que podem fazer ao porto e a pinto da costa. Tenham lá calma.

    Abraços

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Claro que eu só comparei os metodos.

      Eliminar
    2. Não estou a misturar esse ponto, em que tens razão.

      Eliminar
  8. patriarca disse:


    Excelente texto, resume o que de facto se passa lá com o barça, cá com os porcos do ladrão. Ambos são BENEFICIADOS CONSTANTEMENTE pelos sistema Corruptos que consiguiram engendrar e COMPRAR, tendo tudo na mão. Na UEFA são os beneficiários das Arbitragens do Costume, assim o digam NÓS os Benfiquistas que quando jogamos com eles FOMOS ROUBADOS CÁ na Catedral e depois lá Foi Repugnante como marcaram um penalty contra o Benfica, onde cá em falta semelhante a NOSSO FAVOR não marcaram e outras peripécias duvidosas.

    portugal CORRUPTOS: Porto, espanha Corruptos: barcelona: italia Corruptos: JUVENTOS. Assim o Diz o Grande Jornalista Santiago Svirola do Jornal a Marca.

    ResponderEliminar
  9. O problema do Shadows, é um pouco falta de maturidade que o leva a pensar que sabe do que fala, mas não sabe. Shadows, já estiveste lá, no Nou Camp? Já visitaste Barcelona?

    O que aqui dizes é apenas a reprodução do discurso do FCP. É o FCP que lhe interessa colar-se à Catalunha, como grande capital de uma parte deste pobre país, o tal grande norte. Mas tu conheces o norte? Sabes o que as pessoas daqui pensam das regiões do litoral e do Porto em particular, para poderes assumir que há uma colagem absolutamente correcta, dos interesses do Porto e de Barcelona?

    É estranho um benfiquista colar-se às ideias e estratégia do FCP e da minoria fundamentalista que manda no bairrismo de lá. Barcelona nem imagina que há gentes de Portugal que se colam a eles.

    Mas deixa-me lembrar-te o seguinte. Em toda a Catalunha há uma cultura própria alicerçada ao longo de séculos. No grande norte português não há. Em toda a Catalunha há uma língua própria, que é reconhecida pelo estado espanhol. No grande norte não há, há apenas uma pronúncia que se esgota em Amarante e já não passa daí. Como aliás há outras pronuncias noutras regiões do norte. A única língua reconhecida como tal, é o mirandês .. mas por favor não me peças como um colega de faculdade, que eu me ponha aqui a falar mirandês .. de Miranda do Douro aqui são 120 km, agora perto mas em tempos eram mais dde 2 horas de viagem ...

    Qualquer comparação entre Barcelona e Porto, apenas serve para elevar o Porto aquilo que não é nem nunca será: a capital natural de uma região que não tem ligações ao Porto. O Porto é cada um para si e o resto que se lixe. Mesmo com as outras regiões mais pequenas e na sua órbita. O Porto nunca será uma capital natural desta região do Grande Norte.

    Se tu queres continuar a promover o Porto, força, mas tenta disfarçar a tua ignorância. No resto, o que eu vi em Barcelona? Uma cidade linda, com mar (ao contrário de Madrid) e se Lisboa tem 7 colinas, Barcelona terá seguramente o dobro ...

    Quanto às arbitragens a tua incoerência não me surpreende, é típica do adepto português, e no Benfica pelos vistos é "mato". O Benfica não pode justificar perda de títulos com erros inenarráveis de arbitragem, o teu Mourinho e o teu Real podem ... Fala do Inter-Barcelona arbitrado pelo Benquerença, ou do Ajax-Real da época passada arbitrado pelo Proença, e depois conversamos ...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eagle, a maturidade vem essencialmente com a vida, e não com a idade, como está à vista.

      Eu colo os métodos, que são idênticos. E são usados em mais lugares, como em Itália ou em França.
      O vencer usando não importa o quê. O que interessa é vencer, não por nós mas contra alguém. Esse é o espírito do Barcelona. Essa é a colagem que faço ao corruptos cá do burgo. São movidos por ódio, por raiva, por inveja.

      Quanto ao resto que misturas para aqui, nem comento. Tenho kms suficientes de Portugal para não precisar de explicações de geografia.

      Já estive em Barcelona mais de 10 vezes. Já assisti a 3 jogos no Nou Camp. O último em Abril de 2006 quando o nosso Benfica visitou o Barcelona para os quartos de final da Champions, onde fomos visivelmente roubados na primeira mão. Ou não te interessa relembrar isso?

      E para finalizar, a cereja no topo do bolo quanto às tuas aulas de Catalunha: as origens da minha família remontam ao ano 900 e qualquer coisa, na Catalunha. Como podes ver, se há sítio que conheço bem é esse.





      Eliminar
    2. E fomos roubados também na segunda mão... depois de o Simão quase marcar golo, sempre que o Benfica recuperava a bola era falta e o Barcelona começou a poder fazer as faltas que quisesse que não era assinalado nada. Arbitragem habilidosa, como estamos habituados... roubo descarado sem lances críticos (tirando o penalty que não foi marcado cá mas foi lá... curiosamente as equipas mudaram os papeis...)

      Eliminar
    3. Tens razão. Mas lembrar estes pormenores pouco interessa, para alguns claro.

      Eliminar
    4. Para mim tem maior importância limpar tudo cá em Portugal primeiro... só depois podemos atacar algo maior.

      Mas falar de Espanha é algo que não interessa ao Benfica... o Real e o Barça são os dois levados ao colo (sim, o ano passado, no dia em que ganhamos ao Sporting na primeira volta o Barça era roubado com um golo mal anulado e um penalty contra o Getafe) e nenhum tem moral para falar. Pelo menos o Barça não desculpa as derrotas com os árbitros como faz o Mourinho, quer tenha sido favorecido quer tenha sido roubado.

      Para falar de Espanha acho que temos de falar da atitude dos dois clubes para aprender. Um pouco de classe da parte dos nossos dirigentes podia fazer maravilhas nalgumas alturas... noutras, precisamos de alguém que defenda o clube com tudo como o Mourinho. E nisso nós não temos tido nada...

      Eliminar
  10. Absolutamente de acordo com Eagle. Caro Shadows, comparar Porto com Barcelona? Lol! Eu também sou, em relação a "nuestros hermanos" simpatizante do Real Madrid...mas desde que lá está o "LLourinho" até me custa ver como joga uma equipa com alguns dos mais caros jogadores da actualidade..até chego a pensar que contra o actual "Barça" até uma equipa de 2ª liga faria um futebol pelo menos não tão descaradamente "acagaçado" como tem feito o Real do Special One...E se formos falar em favorecimentos de árbitros...é não ter visto como o Real foi levado ao colo o ano passado, embora nas últimas jornadas tenha havido dois ou três penalties a beneficiar o Barça, por causa das estatísticas e até porque o título já estava entregue...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fernando, a comparação não é total. Resume-se à parte desportiva, à forma como usam alguns métodos para atingir os seus objectivos. E nisso são igualzinhos!

      Eliminar
  11. Um verdadeiro chorrilho de PALERMices...

    ResponderEliminar
  12. Comparar o Barcelona ao Porto e ridiculo. Um tem a melhor cantera do mundo, pratica um futebol(gostem ou nao) k mais ninguem consegue praticar. E outro e simplesmente um clube corrupto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Volto a repetir pela enésima vez: estou a comparar métodos e posturas. Mais nada. Se te revês nisso como o teu nick o indica, já é outra coisa.

      Eliminar
  13. Completamente de acordo como Carlos Pereira e o mais recente anónimo. Sinceramente, tanto disparate junto, até doi. Doentio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Laaz, Também não vou tomar comprimidos para esta 'doença'. É preferível ver as coisas sem estar toldado, como alguns...

      Eliminar
  14. Entre o Barça e o Madrid venha o diabo e escolha relativamente a proteccionismos, quer caseiros, quer na Europa.

    Nem o Real é comparável ao Benfica, nem o Barça aos Corruptos.

    O 1º deve muito daquilo que é ao franquismo (v. a história do Di Stefano); o 2º pertence a um país, com língua e cultura próprias, que por razões várias nunca conseguiu ver-se livre de Castela e da Espanha posteriormente. A luta dos catalães é multisecular. A questão Barcelona/Madrid é pois muito mais política do que desportiva.

    O Barça beneficia muito com o facto de a Catalunha ser uma região rica e ser praticamente o único clube (o Espanhol não conta e os demais não têm expressão sendo que os adeptos destes no limite são do Barça)o que lhe dá um poder tremendo.

    Ambos são protegidos em doses iguais pelas arbitragens. Contudo, nos últimos anos o Barça leva vantagem por, no meu entender, ter uma equipa que joga como ninguém, tinha um treinador muito simpático, tem um grande jogador muito simpático; tudo o que o Real não tem.

    Tem o treinador mais antipático, tem um jogador pouco simpático, e joga um futebol normal.

    Ora, estas diferenças tornam natural alguma protecção quer da UEFA (direitos televisivos oblige)quer dos árbitros que em situações de dúvida caem sempre para o mesmo lado (excepto com o Boiquerença).

    Entre Messi e Ronaldo não escolho o melhor porque ambos têm características que o outro não tem. Aquilo que digo é que escusam de vir com estórias de melhores jogadores de sempre porque só o serão quando praticamente sózinhos ganharem jogos, campeonatos ou torneios, como aconteceu com Maradona, Pele ou Eusébio. Nesse dia entrarão para esse podium. Ainda estão longe de lá entrar. Mais perto do que eles estão, estiveram Ronaldo, Ronaldinho, Figo e Zidane, Cruyff e Platini, e não conseguiram.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares