Autoridade da Concorrência
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


terça-feira, 1 de maio de 2012

Autoridade da Concorrência

 ●  + 48 comentários  ● 

Quando em 14 de Janeiro de 2012, na sequência das declarações de António Oliveira produzidas na imprensa nacional a propósito das eleições para a FPF, fazendo uso das prerrogativas Democráticas que nos assistem, submeti à Autoridade da Concorrência e DCIAP, uma exposição sobre o tema, solicitando a abertura de um processo de averiguações, tinha consciência das reduzidas probabilidades de sucesso.

Porém, surpreendi-me hoje ao receber resposta da Autoridade da Concorrência. Esta entidade, fez o que lhe competia, o que não é pouco, nos dias que correm! Agradeceu o contributo que lhe permitiu melhorar o conhecimento do funcionamento do setor, cotejou os factos apontados com a legislação em vigor e reenviou a exposição para onde entende mais apropriado; o Ministério Público, visto que, no seu entender, os factos expostos, poderão envolver atos do foro penal.

As minhas expetativas continuam a ser muito baixas, no entanto, não deixa de ser gratificante que, pelo menos esta instância, tenha dado sequência às preocupações cívicas de um cidadão comum.

Caso haja entre nós alguém com conhecimentos jurídicos para conferir a sustentação do argumentário expresso pela Autoridade da Concorrência, agradeço a sua colaboração, manifestando desde já a minha disponibilidade para o que for necessário – dentro das minhas possibilidades.

Na verdade, não estou convencido, uma vez que, perante o senso comum, os factos apontados, indiciam violação grosseira da sã concorrência, no caso em apreço. Por outro lado não posso deixar de estranhar que, tendo a matéria em causa a ver com o futebol nacional, a resposta tenha vindo precisamente no dia em que ficou definido o campeão da prova em curso no primeiro escalão! Fiquei com a ideia que houve a preocupação de não provocar instabilidade na prova!

Devo dizer ainda que, após o desempenho de ontem na TVI 24. No programa “Olhos nos Olhos” com Judite de Sousa e Medina Carreira, onde interveio o Presidente (salvo erro) da Autoridade da Concorrência Dr Manuel Sebastião, mudei a péssima opinião que tinha dele, pela clareza das explicações que deu sobre o preço dos combustíveis, prestando um excelente serviço público.

Resta-me aguardar a reacção do Ministério Público esperando que, igualmente, cumpra o seu dever de garante do Estado de Direito, pois, neste caso, não é apenas o nosso clube que está em causa, mas as condições do exercício de toda a atividade desportiva profissional, e não só, em Portugal.

E assim poderemos conferir o funcionamento das instituições e formar a nossa opinião, traduzindo-a no momento do voto, dando-a previamente a conhecer aos candidatos a funções políticas.

Viva Portugal Livre!

48 comentários blogger

  1. realmente só é pena que não sejam assim para outras questões bem mais importantes para o nosso país. Tudo pelo futebol, o resto é paisagem. Parabéns pela iniciativa, mas não deixa de ser triste ver as pessoas tão preocupadas com o futebol quando o país está de rastos e a precisar de um movimento cidadão a sério.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto01 maio, 2012 20:47

      Presumir que as minhas preocupações cívicas se resumem ao futebol revela falta de sensatez da sua parte. Por outro lado, considerar que o futebol e o desporto não merecem a atenção das pessoas idóneas é precisamente o que os trafulhas da bola pretendem, para poderem fazer suas trafulhices tranquilamente. O desporto é uma atividade social de grande relevância em todas as vertentes e um direito de todos os cidadãos; nomeadamente o de participar em provas sem sujeição destas à viciação promovida pelos "chicos-espertos do burgo.

      Finalmente, não entender que as vicissitudes que se têm verificado no futebol são o sintoma dos atropelos mais profundos, que se têm cometido em todos os domínios da sociedade portuguesa durante as últimas décadas e que acabaram por conduzir o país à ruína,revela um grave défice de perspetiva de análise da sua parte.

      Nenhum problema se resolve em nenhuma Democracia enquanto as instituições fecharem os olhos às alegadas vifgarices que se têm cometido no futebol em Portugal.

      Capichi?

      Eliminar
  2. A B - Um cidadão que tem obrigação de não ser menino na materia, de acreditar nas instituições pós-25 A.


    Meu caro,
    estamos como estamos porque as instituições foram criadas para abrir os caminhos para a actualidade.
    E pior, sempre em nome de um futuro muito melhor, democraticamente, asseguram os mentores.

    Bera... bera era o Cunhal que nunca acreditou em democracias representivas. Ele lá sabia porquê, mas era comuna... a suprema ofensa à sociedade de 2000 anos implantada pela força, pela religião e pela demagogia do capitalismo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto01 maio, 2012 20:58

      Conhece algum regime comunista onde a liberdade de expressão seja permitida? Quer que lhe conta uma experiência que tive em Cuba? Álvaro Cunhal granjeou o respeito de quase toda a gente, porém não se distinguiu pela tolerância Democrática sendo por muitos questionado o seu patriotismo.

      As instituições Democráticas têm muitos, demasiados defeitos, sendo o maior a evidência da contaminação pelas oligarquias partidárias e económicas que dominam o País. Porém, em Democracia, compete-nos a nós melhorar o seu funcionamento, o que pode ser feito de várias maneiras, entre as quais, interpelando idóneamente os respetivos titulares confrontando-os com as suas obrigações institucionais.

      E não volte a chamar-me menino senão responder-lhe-ei à letra.

      Capichi?

      Eliminar
  3. Ó caraças... até vou olhar para o homem também com outros olhos... eu que achava que ele era apenas mais um dos 'orfãos' do Pinto de Sousa!

    Já estou arrependido de não ter visto a entrevista mas entre um orfão e uma viuva do exilado mais famoso e 'abonado' em Paris não tive pachorra!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto01 maio, 2012 21:05

      Os debatas existem para nos fazermos entender, para entendermos os outros e para melhorarmos a nossa compreensão das coisas.

      Confesso que detestava a pessoa por estar convencido que protegia os operadores do setor dos combustíveis que parece cartelizado. No entanto fiquei a perceber com rigor o processo de formação dos preços dos combustíveis e a razão pela qual em Portugal, se praticam dos preços mais caros da Europa, já agora; que são os impostos. Portanto alterei a ideia que tinha da pessoa em causa, sem prejuízo de continuar a acompanhar o seu desempenho.

      Se aspira a perceber, sem demagogias, os fundamentos da grave crise que se abateu sobre Portugal, uma das coisas que pode fazer é ver esse programa.

      Eliminar
  4. É esperar sentado...que o raio das varizes podem dar de si....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto01 maio, 2012 21:06

      Em ver de permanecer sentado é melhor fazer alguma coisa! O nosso Eúsébio diz que marcava muitos golos porque rematava muito! Óbvio; quem não remata, não marca golos!

      Eliminar
  5. Excelente iniciativa, caro António. No entanto, o Ministério Público deixa-nos a todos de pé atrás. Não que se esforcem e não tenham a melhor das intenções, mas os resultados até agora têm sido todos torpedeados quando sobem a um nível superior. Todos nós sabemos o que acontece quando as coisas vão a julgamento! Deve ser muito desmotivador para quem anda a investigar!

    A mesma desmotivação que acontece aos clubes do sul que ao longo dos tempos foram sendo ano após ano empurrados para baixo! A mesma desmotivação que ataca os benfiquistas quando, mais uma vez e ano após ano, são espoliados de uma competição, seja ela de futebol, hóquei ou basket ou mesmo de juniores pelos suspeitos do costume

    Mas só os fracos desistem!

    Off-topic, embora mais interligado com o post do que pensam, hoje li algo que me fez sorrir.

    Para aqueles que querem ver a Olivedesportos desaparecer e não querem que o Benfica renove com eles (eu não quero!), o caminho está aberto.

    O relatório da APCT confirma que os diários e semanários caíram perto de 15% nas vendas da banca. O JN (menos 21,5% ou 18000/dia) , o DN (menos 16%) e o Jogo (menos 12,7%), todos jornais do Oliveirinha, são quem mais baixou. Estão a definhar como o sabonete! lol!

    Baixando as vendas na banca, baixa a publicidade, criando-se uma espiral negativa! Espero que vão de vela rapidamente! Agora percebe-se melhor o seu desespero!

    Os jornais irão perder cerca de 20 milhões de exemplares (55.000/dia!!) em 2012.

    É caso para dizer, bendita crise!

    PS. Penso que o Benfica está em conversações com a Al-Zajeera para a renovação dos contratos televisivos. Esta noticia vem de fora. O Benfica não irá renovar com a Olivedesportos. Tenho a certeza!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oxalá, que tudo isso se concretize.

      No Ministério Público está tudo minado. Aquilo é um antro de ociosos, gamelistas que só querem é fim de meses para receberem o seu, ou então largas, altas e chorudas reformas. Basta ver que quem está no topo das reformas são os Juízes.

      Este País que está na merda e na bancarrota, por causa da JUSTIÇA que (não) temos e dos Juízes acéfalos que a administram.

      Apenas têm força, para a velhota que roubou um frasco de perfume no Lidl, naquele miúdo que copiou tres musicas e para coisas de pouca monta...desde que sejam pobres e desamparados.

      Eliminar
    2. António Barreto01 maio, 2012 21:12

      Concordo Manuel; mas tem que ser confrontado com as suas responsabilidades. Se nada fizermos, sustentaremos o habitual argumento de que não há queixas! Presume que, a ausência de queixas implica ausência de perceção de crime ou sentimento de injustiça.

      Também acho que o MP está contaminado pelas tais oligarquias e poderia desenvolver longamente os fundamentos que assistem esta minha teses; porém, não tenho a menor dúvida de que há magistrados competentes, corajosos e incorruptíveis! Exemplos; Rui Teixeira, Carlos Alexandre, Maria José Morgado...e alguns outros!

      Eliminar
    3. António Barreto01 maio, 2012 21:18

      Quanto ao que referes acerca da CS e dos direitos desportivos do Benfica; concordo plenamente. As quebras de vendas são contínuas - o JN já passou para a 3ª posição -, o DN está a ser oferecido, o Público está económicamente inviável!

      Espero que a Direção do Benfica não caia na asneira de renovar com a Olivedesportos. Nunca; por dinheiro nenhum! Nem que fosse por mil milhões de euros! Rua com essa gente do Benfica; Sportinveste, Somague e BES! Todos para o olho da rua! É morrer ou viver! Mais vale morrer a lutar que viver subjugado por chicos-espertos e síciopatas,assistindo à morte lenta do nosso clube!

      Eliminar
    4. eu ouço cada uma, que é de bradar aos céus...a Al-Zajeera?!?! Por amor de Deus...

      Ricardo Tavares

      Eliminar
    5. Sr. Ricardo Tavares, se sabe algo que nós não sabemos, desembuche! Se não sabe, cale-se!

      Eliminar
    6. Sr. Manuel, nem preciso de saber nada, basta ter cabecinha para pensar um pouco...
      Já agora, vivi durante 3 anos no Catar.
      A Al Jazeera é um canal que só transmite em inglês e árabe, para sua informação.
      Você acha mesmo que um canal árabe estará interessado em pagar 40 milhões de euros para transmitir 15 jogos do Benfica por época? Mas em que Mundo é que você vive homem?! Qual seria o interesse deles em fazer isso? Levar o canal à ruína? Já para não falar no facto que a Al Jazeera é um canal informativo, tipo CNN, ou seja, duvido muito que alguma vez durante a sua existência tenha transmitido jogos de futebol em directo.

      Ricardo Tavares

      Eliminar
    7. Embora não acredite que a Al-Jazeera esteja interessada em só 15 jogos do Benfica, devo informar-lhe que hoje em dia a Al-Jazeera transmite vários jogos, não sei se tem um canal dedicado aos desportos se no canal generalista, mas que transmite jogos de futebol é um facto

      Eliminar
    8. Os idiotas que não sabem o que é a Al Jazeera tenho de lhes dizer que os vossos amigos da Sporttv já vendem jogos da Liga Portuguesa para lá.

      Eliminar
    9. Viveu 3 anos no Catar mas pelos vistos com palas nos olhos! Ou seriam vendas? A Al-Jazeera à falência? lol! Você é que não sabe do que fala! Sabe de quem é a Al-Jazeera?
      Como se as coisas fossem estáticas e o mundo não evoluísse...

      Eliminar
    10. E, já agora, sabe quantos canais de desporto tem a Al-Jazeera, sr. Ricardo Tavares? E há quanto tempo eles existem?

      Eliminar
  6. Parabéns pela acção! Pode não resultar em muito mas é com estes protestos que se pode mudar alguma coisa!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto01 maio, 2012 21:31

      É uma das vias democráticas. Mas há outras! A seu tempo falarei delas. Obrigado.

      Eliminar
  7. Águia Preocupada01 maio, 2012 20:07

    Caros benfiquistas!
    Estive ausente e sem internete, pelo que só agora pude dar andamento a esta raiva e grito de revolta que me invadem a alma.
    Por isso e antes de ler este post, pelo que peço já desculpa e porque possivelmente este caso terá passado despercebido a quem trabalha, venho tonar público o meu protesto junto do Provedor da RTP e instar a todos os verdadeiros benfiquistas a inundar o Sr. Provedor de queixas para que, duma v ez por todas algo se transforme neste mundo podre e lamacento. Já que a Direcção do nosso clube nada faz, não defende o Benfica nem os seus atletas e empregados, sejamos nós a tomar em nossas mãos essa árdua, mas justa tarefa.
    Estejamos alerta e não deixemos passar em claro estas manobras de amesquinhação de uns e elevação de outros.

    Exmo. Sr. Provedor,

    A propósito duma atitude que refuto de inofensiva, mas cuja oportunidade ou gravidade me abstenho de comentar, foi a RTP lesta e determinada a tomar a decisão de demitir, afastar, expulsar ou o que queira considerar, o Sr. João Gobern, habitual comentador dum programa do canal RTP Informação.
    Não mereceria esta minha repulsa, crítica, censura e exigência de uma outra tomada de atitude, caso a RTP pautasse as suas regras pela exigência, pela verdade e pela igualdade de tratamento em todas as situações fossem quais fossem os actores em causa.
    Ora, ontem, dia 30 de Abril, qual não foi o meu espanto, quando no programa Praça d’Alegria da RTP1, a Sra. D. Sónia Araújo, se apresentou de cachecol do Futebol Clube do Porto ao pescoço, exibindo-o durante a totalidade da transmissão do referido programa.
    Perante tal facto, este sim, altamente ofensivo e PROVOCATÓRIO , venho exigir junto de V. Exa. uma tomada de atitude junto da RTP no sentido de usar a mesma medida para com a Sra. D. Sónia Araújo, que usou para com o Sr. João Gobern.
    Ou será que uma atitude fugaz e inofensiva que não durou mais que uns décimos de segundo, é mais punível que uma atitude exibicionista e provocatória durante 3 horas?
    Exijo pois, como pagante dos meus impostos e por inerência dos vencimentos e despesas da RTP, que a Sra. D. Sónia Araújo seja dispensada do programa em causa e bem assim dos ecrãs da Televisão Estatal, logo de todos nós.
    Haja moral e decência para todos e não só em relação a alguns!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto01 maio, 2012 21:36

      Muito bem águia! Desconhecia esse facto!

      Ou será que a RTP está ao serviço do Futebol Clube do Porto?

      Querem subjugar o País à ditadura portista instrumentalizando istituições públicas como é o caso da RTP.

      Viva Portugal Livre!

      Benfica ou morte!

      Eliminar
    2. Quer apostar que nada farão? Há muito que a a RTP, relativamente ao futebol, está ao serviço dos corruptos. Na época passada Benfica e Porto jogam no sabádo à noite. Ambos ganham os seus jogos. No dia seguinte no Telejornal da noite fazem uma simples referência à vitória do Benfica...apresentam as imagens da vitória do Porto e acabam a reportagem com..."Porto a caminho do título contra tudo e contra todos". Nem acreditava no que ouvia, verifiquei varias vezes se estava mesmo sintonizado na RTP. Mas estava mesmo. A actual RTP significa Radio Televisão do Porto. Por isso caro "Aguia" pode esperar sentado que actuem contra essa senhora.

      Eliminar
    3. Águia Preocupada02 maio, 2012 10:44

      Talvez tenha razão! Mas não podemos cruzar os braços e dizer que nada podemos fazer. Se eles receberem dezenas, centenas de queixas, vão ter que fazer algo. Que mais não seja, que essa senhora não ande nunca mais a bambolear o trapinho ao pescoço como se isso representasse uma vitória digna e limpa.
      Calados, só conseguiremos piorar as coisas.

      "Quem cala, consente"

      E nós, queremos continuar a consentir? EU NÃO!

      Eliminar
  8. Maria José Morgado corajosa?. Que eu me lembre só a teve para mandar prender JVA por suspeita de..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exactamente ! pensei o mesmo quando li essa referência a essa senhora.

      Eliminar
    2. A. José

      Há gente sem memória. Além da que tu enumeras, o que é que ela fez no apito dourado?

      Eliminar
    3. António Barreto02 maio, 2012 00:53

      Sim, invulgarmente corajosa! Se quiser saber porquê poderei explicar-lhe noutra ocasião.

      Quem condenou MJM, foi o Tribunal com um coletivo de Juízes Presidido por um Juiz, alegadamente Portista. O mesmo que, alegadamente, calculou o cúmulo jurídico de VA em (salvo erro) 18 anos! O mesmo que alegadamente, o mandou prender imediatamente após o cumprimento da pena de três anos e meio, quando saída da prisão para casa! Alegadamente, o mesmo que condenou os NN a pena de prisão! MJM, dirijiu a investigação para instrução processoal por um juiz que entendeu haver indícios suficientes da prática de crime por VA.

      Raramente as penas de homicídio ultrapassam os 18 anos! O Sr Juz, alegadamente portista, deveria ter pedido escusa do processo! Assim eu tenho dúvidas quanto à sua isenção na determinação da pena e fiquei com a suspeita que se tratou de uma vingança "do sistema dominante no futebol" por interposto Juiz!

      Os Tribunais julgam os casos e os casos julgam os Tribunais! Neste processo, quanto a mim, o Tribunal ficou em cheque!

      Pena tenho eu de que no caso do Apito Dourado, ter ficado com a convicção da condescendência dos Magistrados para com alguns réus,concedendo-lhes a absolvição e condenando-nos, implícitamente à sujeição de alegadas práticas espúrias estão a destruir o desporto profissional em Portugal, pela discriminação desportiva.

      Eliminar
  9. Mas qual a duvida que a RTP serve o Frutabol Corrupto do Putedo?

    O outro até parece que tem razão. SData ingenuidade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto02 maio, 2012 00:56

      Modera a linguagem ou vais borda fora! Aprende a interpretar ff!

      Já sabemos há muito tempo, décadas, que a RTP está ao serviço do norte e do Porto em particular! É preciso denunciá-lo; repeti-lo até à exaustão, confrontando quem de Direito! Mobilizando todos os Benfiquistas!

      Estás a perceber ou queres que faça um esquiço?

      Eliminar
  10. Uma coisa tambem é certa Antonio Barreto, as declarações desse cavalheiro não devem ser levadas a sério porque às tantas até diz que foram produzidas em offrecord (lembram-se?), ele que ao tempo dos DONOS DA BOLA disse alto e bom que o seu irmão Jaquim ainda viria a ter direito a uma estátua (se calhar já a tem erigida por alguns entre os quais o presid.Vieira).

    ResponderEliminar
  11. por favor tanta conversa é jesus é lfv, por acaso acham normal o penalty que da o primeiro golo dos corruptos!aquele filha da puta estava comprado de certeza!
    Falem disso ate a não poder mais, aquilo é escandaloso nao se pode esquecer isto, acho ainda pior que o próprio arbitro roubar.

    ResponderEliminar
  12. FL e conde,

    Digo o mesmo; há gente sem memória! A vida de MJM não se restrinje ao futebol! Procurem informar-se se estiverem interessados.

    No caso do Apito Dourado, fez a parte que lhe competia que foi investigar os casos reunindo e carreando provas dos ilícitos em causa. Coube ao Juiz de instrução considerou-as suficientes para levar os casos a julgamento e os Tribunais ilibaram os principais criminosos, graças a alterações jegislativas introduzidas no código Civil pels principais partidos do poder; PS e PSD! Nada mais poderia fazer!

    Reparem,nos meus trabalhos anteriores que o FCPSAD, integra no seu conselho consultivo figuras relevantes - pesos pesados - dos três partidos do poder; PS, PSD e CDS!

    A minha leitura da intervenção neste caso é que, na sequência do clamor público que o livro da Carolina suscitou, o poder político e o MP ficaram tão alarmados que "usaram" o prestigio de que MJM goza junto da opinião pública, para atenuar esse efeito.

    Só poderíamos responsabilizá-la, caso o processo tivesse sido mal investigado! Isso não sei! Mas, na maioria dos casos que vieram a público, as provas dos ilícitos, que seriam suficientes para a condenação dos arguidos, foram invalidadas por ação política!

    E ação política já é de nossa conta! É aqui que está a saída deste pântano!

    ResponderEliminar
  13. António José;Têm que ser levadas a sério pela gravidade que encerram. pela substância que encerram e porque é convicção comum que os fatos referidos são verdadeiros. António Oliveira poderá, eventualmente, condições para provar o que todos nós há muito sabemos. Compete ao MP fazer a sua obrigação investigando o caso pela relevância de que se reveste!

    ResponderEliminar
  14. Anónimo 05-43; É normal num futebol viciado e num regime corrompido! Bastaria que os erros grosseiros dos Srs Árbitros nos últimos jogos do Benfica não se tivessem verificado para este ser campeão!

    Tens toda a razão; não nos devemos calar nem conformar! Começando pela Direção do nosso clube!

    ResponderEliminar
  15. Águia Preocupada02 maio, 2012 10:48

    Caros benfiquistas,

    Na sequência dos acontecimentos da última jornada, enviei a mensagem que a seguir reproduzo. Penso que é um assunto de interesse para discussão.
    Cabe à administração do blog publicá-lo ou não. Aqui fica a minha ideia sobre a questão:

    Exmo. Sr. Presidente do Sport Lisboa e Benfica,

    O Sport Lisboa e Benfica tem uma história de verdade, de lealdade, de honradez a defender, que o mesmo é dizer, a continuar.

    Os últimos acontecimentos na Liga de Futebol, a que uma vez mais e infelizmente o nome do presidente e por arrasto o nome do clube são mencionados, leva-me a que, preservando a sua história gloriosa e de solidariedade e o bom nome do Sport Lisboa e Benfica, lamentar o sucedido e repudiar qualquer envolvimento de qualquer Orgão Social ou alguém em particular.

    Porque o respeito e a honorabilidade se conquistam com pequenos grandes gestos que nos levem ao cumprimento da nossa génese natal, insto a que o Sport Lisboa e Benfica entre em campo no próximo sábado com o mesmo número de jogadores com que o seu adversário se apresentar.

    Só assim se cumprirá a verdade que o Sport Lisboa e Benfica teve ao longo da sua história como lema e luta.

    As grandes vitórias, são o somatório de pequenos gestos e actos que fazem a diferença entre a justiça e a moral e a maldade e ignomínia.

    Ganhar sim, mas com trabalho em igualdade, em verdade e solidariedade, tal como aconteceu nos idos anos 60 com a malograda equipa do Turino que, dizimada num brutal acidente de aviação, apresentou até final do campeonato a sua equipa de Juniores. E todos os outros clubes italianos, num gesto inigualável de sã competição, seguiram-lhe o exemplo, apresentando também as suas equipas de Juniores.

    São estes pequenos gestos que tornam grandes homens e entidades e granjeiam o respeito e admiração universais.

    Espero pois que o presidente do meu clube seja sensível e cumpra uma vez mais a vocação solidária e democrática que presidiram à constituição do Sport Lisboa e Benfica.

    Apresento os meus cumprimentos,
    Saudações Benfiquistas,

    (Assinatura)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto03 maio, 2012 02:27

      Ideia interessante! Até porque, precisamos de ganhar o jogo!

      Eliminar
  16. Antes era só no papel mas agora temos a net onde muitas coisas são ditas como absolutas verdades mas que não passam da verdade de quem as escreve.

    Mas, cada vez mais concluo, que devemos deixar alguns incipientes com as suas verdades.

    Como diria o outro são catedráticos do saber.

    Sabem tudo e via ver-se......

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto03 maio, 2012 02:30

      Tens que te explicar melhor; o teu comentário parece uma parábola do Confúncio!

      Eliminar
  17. AB,

    " porém, não tenho a menor dúvida de que há magistrados competentes, corajosos e incorruptíveis! Exemplos; Rui Teixeira, Carlos Alexandre, Maria José Morgado...e alguns outros!

    A 1ª parte é indesmentível, a segunda é...um MITO!

    Relativamente ao que descreveu o Águia Despreocupada, o episódio é verdadeiro (também vi) mas há outro tão ou mais grave: A bebedeira em directo (RTn, Trio d'Ataque) do Rui Oliveira e Costa.

    ResponderEliminar
  18. Apenas para dar os parabéns ao Barreto, porque se de facto vivemos numa democracia, é para exercermos os direitos de cidadania a quem temos direito. Andar a cuspir criticas e comentários ofensivos em blogues e cafés, é característica de sociedades subdesenvolvidas.

    Os benfiquistas têm de reagir. E esta via do Barreto é um bom exemplo. Em tempos cheguei a enviar reclamações ao Sindicato dos Jornalistas, mas percebi que era tempo perdido.

    Quanto à Águia Preocupada, quando comecei a ler o seu texto, parecia que ia falar da arbitragem do Rio Ave - Benfica. Depois verifiquei que afinal, você acharia grandioso que o Benfica alinhasse contra o Leiria, com os mesmos jogadores que o Leiria alinha contra nós. Mas os outros que faltam falecerem num acidente? Ou desapareceram devido a má gestão? Que é que o Benfica e os outros clubes têm que ver com isso? O Leiria que meta os juniores a jogar de modo a perfazer 11 jogadores. Os espectadores que forem ao estádio, não têm culpa e não deveriam assistir a um jogo de 11 contra 8, mas 11 contra 11. Nunca 8 contra 8.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António Barreto03 maio, 2012 02:42

      Exatamente! Compete-nos a nós demonstrar que os adeptos de futebol não são um bando de mentecaptos como alguns querem fazer crer! E confrontar os titulares das instituições democráticas com as suas responsabilidades.

      Quanto à ideia do Águia; de facto, o UL, não foi vítima de nenhum infortúnio como foi o caso do Torino - e do Manchester United -, foi uma das muitas vítimas do estado de insustentabilidade do futebol nacional!

      Quando é que os dirigentes do futebol internos e externos,as respetivas tutelas nacionais e da UE, percebem que, nas condições atuais, o futebol não tem sustentabilidade?

      Agora é a UL, mas também o Setúbal, o Guimarães,,,e por aí fora! Boa parte dos clubes têm sido generosamente financiados, direta ou indiretamente pelas respetivas câmaras municipais e governos regionais! Ou seja; pelo erário público! Finito! Caput! Acabou! Já não há ferrinhos! Vai tudo pelo fundo abaixo e não tarda nada! É altura do Benfica "atacar"!

      Eliminar
    2. António Barreto03 maio, 2012 02:43

      Obrigado pelos parabéns eagle.

      Eliminar
  19. AB,

    Sem entrar em grandes pormenores direi que:

    Um MiTo pode ser um Alfa-Romeo;

    Um mito é de certeza :
    1 - Personagem, facto ou particularidade que, não tendo sido real, simboliza não obstante uma generalidade que devemos admitir.
    2. Coisa ou pessoa que não existe, mas que se supõe real.
    3. Coisa só possível por hipótese; quimera.

    Portanto e relativamente aos 3 mencionados, basta escolher uma das definições ou todas ao mesmo tempo.

    Justiceiros ? Nunca. Jamais. Não, obrigado.

    Mas podia, alegadamente (adoro esta palavra, principalmente como refúgio de cobardes) dizer que o 1º tem por sinónimo - pau mandado, tótó, incompetente, perigoso, preguiçoso, crente (e não é em Deus)ou seja dado a crenças e não a juízos.

    O 2º equivale a prepotente, arrogante, Baltasar Garzon de pacotilha, lugar tenente de Deus na Terra.

    A 3ª, o verdadeiro mito; blá, blá, blá, o Direito só serve para empatar, dispara 1º e pergunta depois, pólvora seca, voluntarismo inconsequente, produto dos media.

    Capichi?

    Por aqui me fico.

    ResponderEliminar
  20. Jonhy Rock!

    Um mito poderá também ser a incapacidade dos idiotas construirem esteriótipos imaginários em resultado da sua incapacidade de aceitar a realidade e de reconhecer os méritos alheios, quando contrários aos seus desígnios. E isto é que é uma grande cobardia!

    A utilização do termo alegadamente, reflete a responsabilidade cívica de quem emite a sua opinião e convicções em nome próprio, salvaguardando a honra alheia e a condição do Direito.

    Cobardes são os que ofendem os outros a coberto de pseudónimos patetas!

    Que é exatamente o seu caso!

    Capichi?

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares