Mas que rico futebol e que rico País...
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 14 de abril de 2012

Mas que rico futebol e que rico País...

 ●  + 6 comentários  ● 
Fico completamente repugnado com o escândalo de corrupção no Sporting não por ser um escândalo de corrupção no futebol e neste País (isso é novidade?) mas sim porque Paulo Pereira Cristovão já foi inspector da PJ na unidade de combate ao crime organizado.
Se antigos inspectores da PJ se envolvem em situações destas, mesmo já não trabalhando lá acabam por arrastar para a lama a própria credibilidade de uma das instituições do Estado que devia ser um baluarte de confiança para a população portuguesa. O único paralelo de que me lembro agora é da situação no México em que membros retirados da Polícia e Exército são a principal força dos cartéis de droga.

Tudo isto me leva a interrogar quantos mais PPCs estão dentro da PJ e que outros interesses servem lá dentro para além da Lei. Maçonarias, outros clubes de futebol (se percebem o que quero dizer),  Opus Deis ou cliques partidárias?...
E como todos os casos de corrupção neste País, também se prevê que este se arraste infidavelmente perdido nas varas dos tribunais portugueses até resultar em nada como aconteceu recentemente no Caso Portucale.

O mais patético de tudo, é que no que toca a resolver um caso grave de Justiça a maior parte dos agentes envolvidos nisto vão acabar por perder a objectividade que é um garante de uma Justiça funcional tal como aconteceu quando foi o escândalo Apito Dourado. Por envolver um Porto, um Sporting ou um Benfica os agentes de Justiça e Lei pura e simplesmente perdem toda a sua objectividade e passam a tratar isto como um "jogo de futebol" em que têm que defender o seu emblema clubístico em vez da Instituição que deviam fortalecer com a sua imparcialidade. É assim a vida neste rico País onde gente que supostamente devia ser séria vai continuar a minar os pilares de um Estado democrático por não saberem manter a objectividade e imparcialidade.

O que é que isto tudo tem a ver com o Benfica e o futebol? Pois é, nada. Infelizmente, o futebol em Portugal é isto. Não tem nada a ver com 20 jogadores a correr atrás de uma bola em campo mas tudo a ver com casos de Justiça como corrupção, crimes económicos, promiscuidade entre políticos, dirigentes desportivos e agentes económicos.

6 comentários blogger

  1. O Vermelhusco fez em 4 parágrafos o resumo, não só do futebol tuga como do país!

    A outrora muito prestigiada PJ anda pelas ruas da amargura

    ResponderEliminar
  2. Águia Preocupada14 abril, 2012 17:52

    Já escrevi noutro blog que isto vindo dum ex judite é grave em duas vertentes:
    1 - Tendo sido um elemento da PJ devia ser o exemplo de verdade e de justiça.
    2 - Tendo sido um elemento da PJ e cair numa trapaça destas, é dum ser menor, ridículo, burro, convencido e sobretudo incompetente. Tendo chafurdado na lama do crime, deveria saber como as coisas se fazem. Afinal é um INCOMPETENTE!
    Ando eu a pagar impostos, para pagar os ordenados chorudos a estes parasitas!

    Mas se isto não é corrupção, é o quê? E se o SCP nada tem a ver com isto, quem tem? PPC fez isto em seu benefício ou do seu clube?
    Será que PPC tem lá em casa um clubezito de futebolzinho e precisa de favores de árbitros? Hum! Será?
    Pois cheguem à conclusão que entenderem e que acharem melhor. O SCP foi apanhado em corrupção e disso já ninguém o livra! E se um adepto se porta mal, o clube é castigado com multas ou mesmo interdição de campo, o que será preciso para castigar um clube quando um seu dirigente é apanhado em situações fraudulentas ao serviço do seu clube?! Repito: PPC fez o que fez para proveito do seu clube e não seu particular!

    ResponderEliminar
  3. Excelente comentário do Vermelhusco!

    A cada dia que passa, aumentam as semelhanças entre governantes e dirigentes desportivos.

    Infelizmente,não vejo desanuviar-se o céu,e as nuvens negras continuam teimosamente a pairar sobre

    todos nós,que politica quer desportivamente ainda continuamos abaixo da linha d'água em comparação

    com os países do norte da Europa !

    Os países periféricos sofrem todos da mesma "doença", basta recordarmo-nos do que se passou aqui

    ao lado na vizinha Espanha com o Juiz Baltazar Garzon, que foi suspenso pelo Conselho Judicial

    Espanhol,só porque o homem que mandou prender o ditador Augusto Pinochet,se declarou competente

    para julgar os crimes do Franquismo.

    Existem certos "valores", que estranhamente, conseguem permanecer intocáveis através dos tempos...

    ResponderEliminar
  4. Recordemos que estamos a lidar com um tipo ''pré histórico'',não me esqueço do ''Botafogo'' não sei se nos entendemos . Quanto ao País o Post retrata tudo o que se passa. Excelente postadela.E agora bou bober uma tassa de xampanhe ''Moet e Xandon''que me foi oferecida pelo Fiuza. ahaha.sabe bem aaaaaaaaahahaah.

    ResponderEliminar
  5. Até pode ser que o futuro me venha a contradizer mas qual foi o jogo do sporting em que se suspeite que o árbitro estava comprado? O que aqui aconteceu foi um condicionamento de sorteio, ou seja basicamente afastou-se um fiscal de linha do jogo o que não quer dizer que os outros que foram arbitrar estivessem condicionados de alguma forma. Mais do que os termos desportivos que aqui são claramente o menos importante é a facilidade com que se tentou incriminar uma pessoa. E sim, isto é realmente um crime gravíssimo. Para mim até mais grave que corrupção. Se for verdade faz impressão não só devido ao amadorismo, mas também porque o senhor esteve na PSP durante anos no departamento contra a corrupção. No entanto não foram obtidos favores desportivos. Mas estar a falar deste caso é pura especulação. Ainda muita tinta irá correr.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares