O futebol inglês!
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


segunda-feira, 12 de setembro de 2011

O futebol inglês!

 ●  + 6 comentários  ● 
Aquela que, para mim, é a melhor liga do Mundo vive um escândalo de doping e cocaína. É uma facada para os amantes do "belo jogo". Mas não é para isso que deixo esta "postadela". É para dar um "lamiré" acerca do Manchester United. Observando o último jogo dos "red devils" para Liga reparo num pormenor interessante: 6 ingleses como titulares no campeão inglês! Dois deles da formação. Phil Jones, 19 anos; Rio Ferdinand, 32 anos; Johnny Evans, 23 anos (formação); Ashley Young, 26 anos; Tom Cleverley, 23 anos (formação) e Wayne Rooney, 26 anos. Contra o Arsenal estiveram 7 ingleses! Smalling e Wellbeck, este último da formação. Se alguém pensa que Evans, Cleverley e Wellbeck são já grandes craques e titulares indiscutíveis, desengane-se. Mas são recorrentes apostas de Sir Alex Ferguson. E, a par de Phil Jones, de apenas 19 anos, estão a ser moldados paulatinamente. E se o escocês tem a coragem de lançá-los numa equipa com tamanhas responsabilidades, porque não adoptar um modelo similar no Benfica? Estes miúdos, ao treinarem e jogarem com craques feitos, como Rooney ou Ferdinand, crescem e amadurecem! Tornam-se melhores! E Portugal é fértil em jovens jogadores... Pena é não terem espaço...

6 comentários blogger

  1. Esqueces um pormenor. É que os melhores portugueses querem sair da Liga Portuguesa para ir jogar para outras ligas, enquanto que os ingleses querem ficar por lá.

    E quanto ao apostar em jovens:

    - em 2010 o United pagou 16 milhões de libras por Phil Jones;

    - em 2000 o United pagou 18 milhões de libras por Ferdinand, que na altura tinha 24 anos.

    - Jonny Evans esteve 3 anos emprestado antes de Ferguson apostar nele;

    - Ashley Young chega em 2010 ao Manchester, com 26 anos, por cerca de 15 milhões de libras;

    - Tom Cleverley esteve 3 anos emprestado antes de Ferguson apostar nele;

    - Wayne Rooney chega em 2004 por 25 milhões de libras;


    É esta aposta sustentada que defendo no Benfica.

    Não é apostar cegamente nos jovens, só porque vêm da formação.

    Já no Barcelona fazem a mesma coisa.

    Vão ver quantos jogos fizeram o Valdés,Puyol,Xavi,Iniesta,Pedro e Busquets na equipa B antes de jogarem pela equipa A.


    O Manchester tem esses 6 jogadores na equipa, mas 4 deles custaram 74 milhões de libras!!!!


    Mesmo os outros 2 jogadores que referes:

    Danny Welbeck - Esteve 2 anos emprestado;

    Chris Smalling - Esteve 3 anos emprestado;


    O Manchester põe-nos a crescer fora da equipa e vai buscá-los quando estão em condições de serem opções.

    Não há pressa em metê-los na equipa A.

    ResponderEliminar
  2. Gandaia, quem defende a pressa em apostar nos miúdos? Eu n! O David Simão já esteve emprestado, o Miguel Vítor, o Nelson Oliveira também! O problema é esse: andam emprestados para aquecer e gastar o que resta do contrato! E todos eles mostraram nível e qualidade para chegar ao plantel do SLB!
    Tb estás coberto de razão: os melhores querem sair! E o caso Fábio Coentrão? Porque não apostar em portugueses, comprando-os por pouco, criá-los e depois vendê-los por milhões! É o que defendo!Ter mais portugueses não é só patriotismo! É ter a chance de fazer mais dinheiro para o clube!
    Pena é que JJ e LFV n tenham coragem para apostar! E prefiram encher os bolsos a outros!

    ResponderEliminar
  3. Ainda bem que o benfiquista Gandaia deixou este comentário pois eu confesso que não conhecia em pormenor o plantel do MU.
    O JJ podia apostar um pouco mais nos jovens? Acho que podia em certos jogos ir pondo um ou outro.

    Abraço.

    ResponderEliminar
  4. Gandaia ainda bem que escreves isso:
    O Miguel Rosa vai para o terceiro ano emprestado e a brilhar na Liga de honra.

    O David Simão esteve a época passada toda a jogar no Paços a titular.

    O Nélson Oliveira esteve emprestado ao Paços a época passada toda.

    O Míguel Vitor esteve a época passada toda a jogar na Division 1 de Inglaterra além de já ter feito bastantes jogos a titular no Benfica.

    Qualquer um destes quatro jogadores já tem provas mais do que dadas de que têm valor para pelo menos merecerem uma aposta na equipa do Benfica jogando pelo clube frquentemente mesmo que não sejam titulares.
    Espero ver uma aposta consistente nos três jogadores que mencionei que estão no plantel este ano embora não esteja optimista pois nenhum deles foi ainda sequer para o banco em jogos oficiais (tirando o Míguel Vitor por motivos de força maior)!

    ResponderEliminar
  5. Diz-me lá se apostar em qualquer um destes quatro é apostar cegamente na formação. E diz-me lá quem neste blogue defende uma aposta cega em jovens que não provaram nada.

    TODOS OS COMENTADORES NO BLOGUE DEFENDEM QUE OS JOVENS DEVEM RODAR PRIMEIRO EM CLUBES MENORES.

    ResponderEliminar
  6. O Miguel Rosa está no 3º ano de empréstimo e foi bom ter sido emprestado mais um ano. É titular e ao que parece tem jogado bem.

    O David Simão acredito que irá ter minutos de jogo este ano, principalmente na Taça da Liga e em alguns jogos em casa para a Liga.

    O Nelson e o Rodrigo são as 3ªs opções para avançado, após Cardozo e Saviola.
    Tal como David Simão terão mais hipóteses a titular na Taça da Liga. Mas acredito que entrarão várias vezes do banco em muitos jogos.


    O Miguel Vítor, apesar de gostar dele, acho que o Jesus não gosta dele por causa da altura.
    Já todos sabemos que para Jorge Jesus, e muitos outros treinadores, a altura num defesa é essencial, pelo que aí há que respeitar a opção do treinador. E apesar disso faz parte do plantel. E o Miguel Vítor sendo bom, não é nenhum Cannavaro.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares