O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


18 de julho de 2011

A pré-temporada - fase 2

 ●  14 comentários  ● 
Portugal, 18 de Julho de 2011

Com a vitória no torneio de Guadiana, concluímos a 2ª fase da pré-temporada, marcada pelo evoluir das rotinas de jogo por parte dos jogadores e pelo acentuar de definições do plantel, embora de forma não definitiva devido a várias contingências (a Copa América e contratações de última hora).

Sobre as questões de natureza táctica, volto a sublinhar que não é nem nunca foi, meu propósito criticar o treinador do Benfica no sentido de por em causa a sua continuidade. Mas tenho a minha sensibilidade e conhecimentos que permitem criticar a insistência na adaptação de Fábio Faria a defesa esquerdo, deixando de lado um activo que faria seguramente melhor a posição, Schaffer, e obrigando ao recuo de Javi Garcia que é um trinco de excelência e, como já se verificou, não é substituível por Matic (bom jogador mas de fraca cultura defensiva).

Jorge Jesus voltou a alinhar o quarteto defensivo que tinha sido titular na derrota com o Dijon, pelo que concluo que não percebeu porque perdeu esse jogo. O papel de Javi no meio campo é essencial para filtrar jogadas dos adversários. Quanto menos poder de choque o Benfica tiver no meio campo, mais facilmente os adversários conseguem ganhar as segundas bolas e construir jogadas que passam por meter a bola em profundidade pelo meio dos centrais. E eventualmente obrigam o guarda-redes a jogar mais à frente da baliza (para as dobras).

Deste modo a nossa segurança para os próximos jogos não passa pelo regresso de Luisão e Garay, mas sim porque isso significa que Jorge Jesus terá de colocar Javi no papel de trinco. Quer também isto dizer que Javi terá de se entrosar jogando, uma vez que nos últimos 3 jogos adquiriu rotinas de defesa central. E o próximo jogo oficial vem já aí, e é de alta responsabilidade.

Quero com isto dizer que a gestão do plantel, no sector defensivo, está a ser feita de forma errada e pior: previsivelmente errada. Dizia ontem um comentador da Benfica TV, no pós-jogo, que o treinador tem de tomar decisões e arriscar. Deu o exemplo do Fábio Coentrão que foi adaptado com sucesso a defesa lateral, para explicar a insistência de JJ por Fábio Faria e depois da lesão de Miguel Vítor, por David Simão.

Claro que o treinador tem que tomar decisões e arriscar. Mas uma coisa é arriscar respeitando as características físicas e técnicas do jogador, outra coisa é arriscar tipo “fezada”, 1x2 totobola a ver se dá. Fábio Coentrão, tal como Miguel antes dele, tinha rotinas de médio-ala, pelo que a adaptação a defesa não foi de todo incompreensível. Nem original, como se comprova pelo caso do Miguel. Já não se pode dizer o mesmo de Fábio Faria que com mais de 1.90m nunca poderá ser um bom lateral, ou David Simão que nestes 2 jogos que jogou adaptado, brilhou nas jogadas de golo onde apareceu pelo meio. Como ele gosta e pelos vistos, sabe jogar.

Jorge Jesus após 2 anos de Benfica, continua a querer “re-inventar a roda” e a ser um profissional que denota pouca humildade na assunção dos lapsos que prejudicam o individual e o colectivo. Como resultado disto, o Benfica vai abordar o 1º jogo da 3ª pré-eliminatória com uma defesa que não dá garantias de garantir a inviolabilidade da nossa baliza, e este pensamento aplica-se às duas hipóteses, seja (1) pela inclusão de Garay e Luisão, com Javi a trinco, seja (2) pela manutenção da dupla Miguel Vítor Javi, com Matic a trinco. A primeira solução não dá garantias por falta de entrosamento, a segunda não dá garantias por falta de qualidade defensiva do meio campo.

Jorge Jesus é contudo acompanhado por um Director Desportivo, Rui Costa, que este ano se diz estar mais perto da equipa, e por uma Direcção onde pontifica o Sr.º Vieira que diz estarmos melhor que nunca em matéria de credibilidade, mas a realidade é que só contratamos depois de vendermos uma “pérola”. E depois de a vendermos não paramos enquanto não gastarmos o dinheiro todo.

Não me parece que seja este o caminho mais adequado para colocar o Benfica à prova da batota dos árbitros portugueses e da crítica dos analistas desportivos. Aliás a crítica sobre o futebol do Benfica já começou, embora o nível da mesma seja suave. Para já. Quando a bola rolar a sério, eles já têm muitos temas para desenvolver e tornar o Benfica naquilo que tem sido nos últimos anos: um clube de polémicas e intranquilidade.

Deste ponto de vista, esta 2ª fase da pré-temporada, foi um falhanço.

14 comentários blogger

  1. Acabei de saber que Roberto foi ou vai ser emprestado ao Saragoça. Mais uma vez a comunicação social é que manda no Benfica, já que poucos adivinhariam um desfecho diferente. A pressão sobre Roberto foi premeditada porque se trata de um bom guarda redes, que evitou algumas humilhações ao Benfica, em particular na Champions (Lyon).

    Como se verá, o problema não foi Roberto mas um estúpido esquema táctico baseado na "pressão alta", que como disse Jesus antes do Liverpool, poucas equipas no mundo fazem. Sim, porque não são tão estúpidas como nós. Ou então, respeitam mais os adversários.

    Este Artur Moraes já começou a "contribuir": má reposição de bola no empate do Servette, má decisão de ir fazer a dobra a Fábio Faria, atropelando-o, no 1º golo do Anderlecht. Se fosse o Roberto, a Sporttv teria dado umas 6 ou 7 repetições dos mais variados ângulos, para alimentar o sentido de punição do espectador. O Sr.º Querido Manha teria escrito logo um texto a perguntar pelos milhões que o Roberto tinha custado e o Sr.º Avelãs do Record escreveria um texto a perguntar porque é que Jesus não vê o que toda a gente vê.

    É incrível como não temos ninguém a pensar o futebol. O problema do Benfica é um problema de modelo de jogo e não de executantes. Para bem do Benfica, oxalá me engane ...

    ResponderEliminar
  2. tentei explicar isso mesmo, no que diz respeito aos graves erros e falta de humildade de Jesus.

    mas rapidamente apareceram os defensores da imunidade individual no SLBenfica.

    Lamento. Que acordem quando tiverem o menino nas mãos.

    ResponderEliminar
  3. Porque é que alguém com 1,90m nunca pode ser um bom lateral?

    Porque é que o Matic não pode jogar a 6? Quais são as missões desse jogador? é só destruir e quando recebe a bola, passar só para o lado?

    "Quanto menos poder de choque o Benfica tiver no meio campo, mais facilmente os adversários conseguem ganhar as segundas bolas "

    Quem é que vai a primeira bola? quem é que vai as 2ªs bolas?

    quer isto dizer que o aimar, o saviola, o urreta, o gaitan, ou .. 70% do plantel, não pode jogar, já que não tem poder de choque?

    O futebol praticado é primariamente de pontapé para a frente? ou o objectivo é jogar com a bola no chão?

    ResponderEliminar
  4. Concordo com tudo o q foi dito sobre Artur...está longe de me convencer e acho q tem culpa em muitos dos golos que sofremos até ao momento...

    ResponderEliminar
  5. F. Faria não pode ser bom lateral por ser ter mais de 1.90m? Pois bem ele tem 1.89 e só te dou um nome Jeremy Mathieu e Jansen do Hamburgo, agora se me disseres que ele não é bom lateral porque é lento, mau no posicionamento, dá muito espaço e apoia pouco no ataque, aí acredito.
    Depois o Jardel teve problemas fisicos e enterrou muito, quem querias que lá jogasse? Roderick? LOOL
    o Wass no jogo com o Dijon mostrou que eta mais verde que o André Almeida, ele jogou com o que tinha e o que tem é muito pouco e FRACO.

    ResponderEliminar
  6. Eu por convicção sou contra as adaptações excepto se não houver outra alternativa ou se as caracteristicas do jogador derem minimamente para aquela posição ...
    Porém há que dar tempo ao tempo já que ainda é um pouco cedo para falar acerca de sucesso ou de falhanço e iremos ter oportunidades no futuro mais fiaveis para constatar isso ...
    Como disseste e eu concordo há que responder mais como estrutura de futebol ao invés de só pessoalizar as decisões numa só pessoa ...

    Saudações benfiquistas e espero que com a vinda da malta da copa américa a defesa fique bem melhor e segura ...

    11 por agora

    Artur

    Wass Luisão Garay DE


    Javi

    Witsel Gaitan Nolito


    Cardozo Saviola

    Banco por ordem de entrada - Aimar, Enzo, Jara, M. Vitor e Mika

    ResponderEliminar
  7. Generazione Illuminati18 julho, 2011 21:24

    Bla bla!Bla bla!Bla bla! Vira o disco e toca a mesma m...@!! Façam um comboio!

    ResponderEliminar
  8. Pera lá: se criticamos o Roberto, estamos enganados! Mas se criticamos o JJ, também! A defesa também! Pera lá... Então de quem é a culpa? O Roberto não serviu! Pronto! O que queres mais?

    ResponderEliminar
  9. Para que contratar Wass, Carole, Mora e outros se e para emprestar? So se for para as comissoes, e que nao se entende.

    Depois JJ tem os odios de estimaçao, Shafer, Urreta, Miguel Vitor, Moreira de quem a maioria gosta mas como nao foi ele que escolheu ha que secar.

    Quanto a defesa nesta pre-epoca, JJ para tapar um buraco, centro da defesa, cavou dois. Se com a quantidade de medios que entraram seria necessario conseguir o entrosamento e era logico que Javi se mantivesse no meio campo. Ja que era para remediar e os resultados nem eram o mais importante e o caso da defesa era transitorio era natural o shafer joagar na esquerda, F. Faria ao meio com o Miguel ou Jardel e na direita pelos vistos Wass nao conta adapta-se o
    Almeida. Era o que um bom treinador faria, a nao ser que o Javi perca o lugar para o Matic de que ele tanto gosta mas que nao me parece o mais indicado para o lugar.

    Possivelmente para ele e indeferente saber que e a sua ultima oportunidade pois o responsavel pela epoca passada nao poder ter mais que uma oportunidade depois de esbanjar milhoes e milhoes.

    Sinceramente estou faro deste treinador e desta equipa dirigente.

    ResponderEliminar
  10. Alex Ferguson expulsou Kia Joorabchian do Manchester United

    http://www.blogdopaulinho.net/?p=31100

    ResponderEliminar
  11. Não sei em que te podes basear para considerar
    "... esta 2ª fase da pré-temporada... um falhanço."!!!

    Já sei que é uma opinião e de quem diz ter "sensibilidade e conhecimentos" só não acredito que tenhas mais que JJ, sensibilidade não sei, agora conhecimentos?!?!?!?!

    Mas mesmo que tivesses mais conhecimentos do que JJ, falhavas nos propósitos, pois a não ser que JJ também tenha um bufo, não estou a ver como possas saber o que ele preconizou para esta fase, e isso faz toda a diferença!

    Eu prefiro tentar perceber o que leva JJ a tomar certas decisões e quando não as percebo dou tempo ao tempo para ver se ele falhou ou acertou! Não vou criticar só porque fazia diferente e porque tenho sensibilidade, ou seja, gostos e alguns conhecimentos! Assim, depreendo que Shafer não conta e desse modo não valia a pena dar-lhe ritmo de jogo! Fábio faria podia ser necessário para a Champions dado que Luisão e Garay podiam disputar (era bem provável) a final da Copa América! Assim também entendo o recuo de Javi, que faz bem a posição e sabe de cor a forma de jogar de JJ. Não acho que o músculo seja o mais importante no meio-campo..., lembro-me de Ramires e do seu "cabedal" e fico logo esclarecido. Além de que gosto (sensibilidade, mas minha) imenso de Matic e com as opções que JJ tem no meio-campo...

    Dizes e bem, que a critica ao futebol do Benfica já começou, mas se tens estado atento deves saber que começou com os próprios benfiquistas. O mesmo se aplica às polémicas, que são lançadas para a blogosfera, diariamente, por muito benfiquistas. Devem ser muitos os jornalistas e críticos que se "guiam" pelo que vão lendo em blogues. É neles que eles apalpam a sensibilidade benfiquista e "legitimam" muitas das suas opiniões!!!

    Eu também acho que Roberto é um bom guarda-redes, mas não tenho dúvidas que esta é a melhor solução! A questão à volta dele foi criada pelos próprios benfiquistas e ele não tem condições para continuar, pelo menos por agora!

    A prudência aconselha a termos cuidado com as palavras e o que dizes sobre Artur é totalmente despropositado! Já sei que temos o direito de criticar mas, como benfiquista, não consigo perceber o que ganhamos com isso.

    Não é só a direcção, equipa técnica e jogadores que têm de dar tudo, os adeptos, também o deviam fazer e começar já a criticar Artur ou JJ é dar tiros nos próprios pés.

    Nem quero imaginar o que acontecerá se as coisas correrem mal e não estou a pensar naqueles que logo virão com o "eu bem vos avisei..."

    ResponderEliminar
  12. Jedi.

    Pera lá?
    Ficas chateado porque se criticas o Roberto ninguém te liga. Então apontas as baterias ao JJ e ninguém te liga, a seguir à defesa e ninguém te liga.
    E ficas baralhado? Não percebes porque ninguém te liga?

    Pronto! Já estou com o Generazione Illuminati!! Façam um comboio!! E obtenham os aplausos uns dos outros. Vão ver que vão gostar.

    ResponderEliminar
  13. Ate agora juntando ao problema da defesa o que me tem preocupado é o facto dos reforços mais caros ainda não terem mostrado nada..tirando o witsel aqueles em que mais investimos ainda não "explodiram"!Quem lá esta para o lugar deles terá que aguardar por uma catástrofe para o mestre da táctica apostar neles.
    Gosto que se apostem em portugueses mas o André Almeida(tendo valor) não esta altura das exigencias,não tem rotinas de lateral...tivesse ele Luis Filipe escrito nas costas e andavamos a jogar com um "airton" na direita!
    Saudações

    ResponderEliminar
  14. "Jorge Jesus terá de colocar Javi no papel de trinco"

    Uau! O homem joga uns jogos a central e esquece completamente como se joga a trinco. Até parece que nunca tinha jogado a central.

    Ainda bem que o Jesus é teimoso e não coloca o Faria a central como 1ª opção e o Shaffer a lateral esquerdo, que era quase a única alternativa que lhe restava...

    Jesus é tão mau que conquistou um campeonato com o melhor registo de muitos anos. É tão mau que o ano passado teve quase vinte jogos consecutivos a ganhar. É tão mau que consegue duas das melhores participações nas competições europeias dos últimos anos. É tão mau que inventa e um extremo passa a ser lateral. É tão mau que contrata um número 10 e ele joga uma época inteira a render bem a extremo. É tão mau que coloca um jogador como o Aimar a render muito e sem se lesionar. É tão mau que insiste no Cardozo que marca golos em vez de só passear. É mesmo mau, e fica no clube uma 3ª época, o que já não acontecia desde Eriksson.

    Realmente só o Jesus é que é teimoso e só ele é que denota pouca humildade na assunção dos lapsos.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB.

ranking