O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Que vás e sejas feliz, esta será sempre a tua casa...

Avatar
 ●  22 comentários  ● 
Evidentemente partilho do sentimento generalizado, e é com pena que vejo sair do clube um jogador à Benfica (alias, já aqui tinha escrito sobre David Luís por duas vezes), embora me parecesse que nestes últimos tempos a sua cabeça já andava dividida.

Dito isto, e tentando ver esta venda de um ponto de vista menos emotivo e mais racional, tenho de dizer, embora isto vá contra o sentimento da maioria dos que por aqui têm escrito, que acho que não foi um excelente negócio mas, foi um muito bom negócio.

Num ano de crise e de vacas magras, num ano em que os únicos grandes agitadores do mercado têm sido os clubes que vivem da fortuna pessoal dos seus donos (porque o resto anda parado), é fácil constatar que este mês de Janeiro foi um mês sem grandes movimentações, um mês em que ao Real Madrid chegou um avançado por empréstimo, e em que a única excitação aconteceu em Inglaterra, com Abramovich a puxar de 58 milhões para trazer um Torres insatisfeito em Liverpool, verba essa imediatamente gasta num Carrol do Newcastle e no uruguaio Suarez que chegou a Liverpool por 25 milhões!

E este é com ponto de exclamação, porque Suarez é craque como mostrou no mundial e na minha opinião bem melhor do que Cardozo, e se fosse o Benfica a vender Cardozo por 25 milhões, não haveria quem viesse para aqui reclamar que deviam ser 40!

Que o Benfica tem dificuldades de tesouraria, há algum clube europeu nesta altura que não os tenha? Que não é possível a nenhum clube português suportar os seus orçamentos sem recurso a verbas extraordinárias, isso é também alguma novidade? Para mais quando os valores dos passes dos jogadores ameaçam cair drasticamente, quando a UEFA se prepara para impor aos clubes rígidos critérios financeiros de participação nos campeonatos europeus, alguém pode criticar o Benfica por ter sido talvez o clube mais vendedor do ano e, com algum engenho, não deixando oscilar muito a competitividade da equipa?

O problema aqui é psicológico. O problema é que o termo de comparação que é feito não é a realidade do futebol europeu nesta altura mas, as vendas do FCPorto. Para alguns, vender bem é vender por 40 aquilo que só vale 20, e ninguém sossega enquanto o Benfica não vender um jogador por mais de 30 milhões
. Pois já vendeu! Di Maria já é hoje a maior venda de sempre do futebol português! São já 32 milhões, que poderão ser 34 ou 36, dependendo das vitórias do Real Madrid no campeonato e Liga dos Campeões. E não sou que o digo. Disseram os jornais e o vice-presidente Rui Gomes da Silva no Dia Seguinte.

Sei que custa ouvir a alguns mas, David Luis não é melhor do que Ricardo Carvalho. O David Luis nunca venceu a Liga dos Campeões nem a Liga Europa, o David Luis nunca representou o Brasil numa grande competição internacional, o David Luis nunca foi eleito para o onze ideal da Europa, o David Luis chega a Londres como um perfeito desconhecido! E ainda assim, o David Luis foi o defesa mais caro do ano!

Claro que não é por isso que deixa de ser o "nosso" David mas, há que reconhecer a realidade, e perceber que na hora de vender o Porto tem argumentos que o Benfica não tem. O Porto tem o palmarés dos últimos vinte anos como cartão de visita! O Benfica, há falta dessa força, usa o paleio por vezes patético, invocando cláusulas de rescisão procurando uma posição de força que todos sabemos que não é real. Mas são as armas que há!

E isso não tem de ser motivo de vergonha! O Benfica tem de viver a sua realidade, não a dos outros. Há ano e meio, David Luiz e Di Maria não valiam um pires de tremoços! O Nacional da Madeira também tem de viver a sua realidade, e obviamente que quando um clube grande quer levar Rubem Micael, o Nacional não tem como o manter, mesmo que lhe pagasse 75000 euros ao mês.

Não tento dar lições de moral a ninguém mas, é preciso por vezes ver mais além. Respeitar por exemplo a vontade do jogador em experimentar outros palcos, perceber por exemplo que se há posição em que o Benfica me parece precavido neste momento é precisamente nos centrais, perceber que temos um excelente Sidnei que também precisa de ser rentabilizado e espera uma oportunidade há vários anos. Di Maria também só explodiu porque Reyes saiu. E há ainda um Jardel que chegou barato e me parece capaz de dar boa conta do recado.

Se fosse Coentrão a sair neste momento, isso sim seria para mim totalmente descabido.

É tempo dos adeptos perceberem que o campeonato Português não tem projecção nenhuma no mundo, e eu sei do que falo, que vivo fora. Os jornais ingleses de hoje só falam de Torres, Suarez e Carroll. David Luis teve um quadradinho no canto da página sem direito a fotografia! É tempo dos adeptos perceberem que um jogador que deixa o seu país e a sua família aos 18 anos e parte sozinho para a Europa, faz sacrifícios e aposta tudo na sua carreira, tendo como objectivo legitimo alcançar o máximo desportivamente e financeiramente, situação essa que, por muito que nos custe, não é no Benfica que vão encontrar. É tempo dos adeptos aceitarem que a vontade dos jogadores conta muito e é preciso sensibilidade quando se gerem certas questões, sendo impossível manter jogadores contrariados e esperar deles rendimento máximo.

E dito isto, termino com um comentário de Harry Redknapp, treinador do Tottenham, que sobre a realidade das transferências do futebol europeu disse há um ou dois meses o seguinte:

O caso Wayne Rooney demonstrou-nos uma situação que hoje é muito clara: todo o poder no futebol está nas mãos dos grandes jogadores. O poder não está nos clubes, seguramente não está nos Managers, e muito francamente, muitos contratos não valem sequer o papel em que foram assinados. Se os jogadores querem sair e estão sob contrato, eles quase de certeza conseguem criar as situações certas para sair. Uma vez que um jogador tenha decidido que quer sair, ponto final, é jogador perdido. Não há absolutamente nenhuma vantagem em mantê-lo, porque isso causará problemas desnecessários no balneário, que trarão imensos problemas ao clube, para mais quando o jogador envolvido é uma estrela e ídolo das bancadas.

22 comentários blogger

  1. Beeem, este é capaz de ser um dos melhores posts sobre a venda do David que li por esta blogosfera fora.
    Parabéns! E que lição para os teus colegas de blogue. Pelo menos que façam um esforço para a entender.

    Para mim esta frase diz tudo: "Suarez é craque como mostrou no mundial e na minha opinião bem melhor do que Cardozo, e se fosse o Benfica a vender Cardozo por 25 milhões, não haveria quem viesse para aqui reclamar que deviam ser 40!"
    Claro como a àgua e esclarecedor quanto à postura de certos ditos benfiquistas.
    Alguns (poucos, felizmente) deixam que o ódio ao Presidente do Benfica os cegue a tal ponto que não conseguem perceber a realidade.

    ResponderEliminar
  2. no global, de acordo redmooon!
    saudações benfiquistas
    socio slb nº218219

    ResponderEliminar
  3. Concordo Inteiramente ! E mais meto aqui um link do site recomendado pelo GB.

    http://www.eddg.gloriosasfera.com/

    ResponderEliminar
  4. Eu sou fã deste REDMOON...plenamente de acordo!!!

    ResponderEliminar
  5. Leio muito a blogosfera benfiquista mas raramente comento, mas ao ler este post....só posso dizer tiraste-me algumas palavras da boca e acrescentaste muitas mais que não eram necessárias,porque mesmo assim vai haver muitas pessoas que ou por burrice ou por teimosia vão continuar a bater no ceguinho....
    EXELENTE REDMOON, O TEU POST DEVIA DE SERVIR DE REFERÊNCIA a todos aqueles que acham que faziam melhor!!!!

    ResponderEliminar
  6. Caro Redmoon,

    Assino TOTALMENTE por baixo.
    Pode parecer repetitivo, mas vou postar o que já tinha escrito da parte da manhã, mas não consegui postar, tendo gravado em Word, e que passo a transcrever, em duas partes:
    Parte I
    Coitado do meu Benfica.
    Com tanta escolha, tem logo um Presidente como LFV.
    Ponto prévio: já o disse e volto a dizer: desportivamente falando, só sou pró de uma coisa: Benfica.
    Mas… não há paciência:
    Querem comparar negócios feitos em 2004 e 2005 com negócios feitos em 2011? Preciso de lembrar a diferença ao nível da Economia mundial e da facilidade com que os Bancos emprestavam dinheiro para o que quer que fosse?
    Preciso de lembrar o CV de Pepe, Paulo Ferreira, e até Bruno Alves, com o CV de David Luiz, sem colocar em causa a qualidade de qualquer um destes jogadores?
    Preciso de lembrar que o Benfica, tal como o Porto, são clubes PORTUGUESES e que a negociação não é assim tão elástica, minada que está pela possibilidade do jogador auferir um salário muito mais elevado e estar num campeonato muito mais competitivo e com muito mais “montra” como o Inglês e com estádios sempre cheios?
    Querem avaliar o negócio em função de declarações feitas por responsáveis do Benfica, ainda que tenham sido proferidas há 6 meses, ou até menos? Em que Mundo vivem? Os negócios são mesmo assim…
    Como conseguem avaliar um negócio quando não dispõem de todas as variáveis. Caso não saibam, o valor de venda do David Luiz só vai estar concluído quando recebermos a primeira proposta pelo Matic. Não tenho opinião formada sobre este jogador do Benfica, mas em vez de o defenderem, como jogador do Benfica que é, já apregoam que é um cepo, que não vale 5 milhões, fomos enganados, etc. Parafraseando o GB, MAS VOCÊS SABEM O QUE É O BENFICA? Não conheço o jogador, é verdade, por isso não falo e, muito menos, falo mal dele (é do Benfica, não se esqueçam…);
    Andamos a mando do BES? Claro! As Empresas andam, não raras vezes, a mando dos credores. É a realidade.
    Vão para o FC Porto, já que gostam tanto do Pinto da Costa e das suas capacidades negociais: querem-me convencer que o Quaresma, o Lucho e o Lisandro foram bem vendidos? Fico à espera, então. Curioso que em vez de compararem vendas de 2007 ou 2008 com uma de 2011, vão comparar as de 2004 (Paulos Ferreiras e afins…). Só come quem quer… e o que vocês querem sei eu!
    A única coisa que acho que podia ter sido feita de outra forma seria a venda do David Luiz apenas no final da época. Mas até isto tem prós e contras. Desconheço se o jogador ia ficar contrariado ou desconcentrado (vide o caso do Vukcevic, Moutinho, Miguel Veloso, bem ali ao lado…), que seria o mais provável, com a consequente desvalorização (que já se vinha a verificar desde o início da época… ou não?).
    Refiro também o facto de para quando a valorização do Sidnei, por quem demos 7 ou 8 milhões. Já se aperceberam que enquanto o David Luiz não saísse ele – e Jardel, Roderick, Miguel Vítor, Fábio faria – nunca evoluiriam e, consequentemente, não se valorizavam? Vão dizer que são todos maus?
    E teria que ser aumentado, com as consequências que daí resultam para os restantes…. Ou não? Ou vocês, se estivessem no lugar de jogadores do Benfica, ficavam na mesma? Preciso de lembrar o efeito JVP, quando ele ganhava mais que a média do plantel? Os outros em campo passavam a bola e diziam: joga tu…
    E vocês falam com tanta certeza do impacto no jogo de amanhã, quando não sei se já ponderam a hipótese do David Luiz, se jogasse, poder jogar receoso, em função do mau jogo para a Liga. Falam sempre com tantas certezas….


    Ricardo Gomes

    ResponderEliminar
  7. Parte II:
    Custa-me ver o David Luiz sair, claro, mas esta saída foi uma saída à Benfica, tal como a de Di Maria, tal como a de Ramires. Quiçá, se um dia não voltam cá?
    Sinceramente, acho que foi o negócio possível, nem excelente, nem ruinoso para o Benfica. Confesso que estava à espera de um pouco mais, sim, mas não vou dizer que é ruinoso, nem delapidação de património, até porque o valor de venda ainda não está fechado, como disse acima. Força MATIC!
    Se querem avaliar o negócio pelas capas de jornais que o mesmo provocou, acho que está tudo dito acerca da Vossa capacidade de análise!
    VIVA O BENFICA !!

    Ricardo Gomes

    ResponderEliminar
  8. Redmoon, tudo certo. Eu próprio vou a seguir fazer um tópico a enterrar o machado nesta questão.

    Ainda assim, só nao concordo com a relativização do valor que o Chelsea pode pagar. Eles podiam pagar mais... disso nao haja duvidas.

    ResponderEliminar
  9. Vamos ver se o David Luiz não vai representar o Brasil em competições internacionais q o Carvalho a selecção nacional..

    ", vender bem é vender por 40 aquilo que só vale 20"

    E não é?

    ResponderEliminar
  10. Completamente de acordo! Excelente post em clara discordância com a histeria anti-negócio que se leu um pouco por toda a blogosfera e em especial neste.
    E há ainda a questão das comissões, que as empurrámos todas para o Chelsea contrariamente ao que costuma acontecer nas vendas de jogadores. O porto, por exemplo, pagou quase 5M€ de comissões na venda do Bruno Alves...

    ResponderEliminar
  11. Excelente perspectiva e que coloca muita racionalidade num assunto de enorme emotividade!

    Apenas discordo quando falas que os corruptos têm outros argumentos na hora de vender os seus jogadores visto terem o palmarés dos seus últimos vinte anos, em contrate com o Benfica que usa, dizes bem, o paleio!

    Para mim o que mais conta é o verdadeiro valor do jogador e muitas vezes o treinador. Se vires os casos de RC e PF, foi Mourinho quem os quis levar e com isso valorizou imenso os seus passes!!!

    Não foi com paleio que vendemos Di Maria ou David Luiz, claro que isso contou muito, mas conta para todos aqueles que vendem, pois se não se mostrarem um tanto ou quanto irredutíveis as ofertas não são muitas altas. Depois há a concorrência e quando ela é muita paga-se mais!

    Nani foi vendido por 25 milhões, e o seu clube não tem palmarés significativo nos últimos tempos!

    Simão foi vendido por 20 milhões e era isso que ele valia, embora para nós valesse muito mais!

    Quaresma foi por 19 milhões mais um jogador e devia valer muito mais que Nani - vinha do tal clube com muito palmarés. Anderson foi vendido por 30 e só queiróz é que o conhecia, e a julgar pelo que aconteceu com Moutinho dá para pensar se não houve luvas..., se não houve há enorme incompetência, pois Anderson tem sido um flop para jogador de 30 milhões!

    Considero, este, mais um grande negócio juntamente com o de Di Maria! E acho que LFV foi um negociador implacável, e se o Chelsea não satisfizesse as exigências ele tinha mesmo ficado!

    Acho também que o jogador envolvido no negócio foi o que o Benfica quis e não imposto. Se virmos as últimas contratações, o Benfica anda muito observador dos jovens valores europeus. Apenas desejo que tenha acertado, mas pelo que já vi do jogador pode estar ali mais um bom negócio!

    Tenho grandes esperanças em Sidney e Jardel e por isso não estou muito apreensivo com a saída de David Luiz!

    Parabéns pelo post, que trouxe ao blog um belo momento de benfiquismo, que não de seguidismo seja para que lado for!!!!

    ResponderEliminar
  12. Um excelente post com o qual posso concordar no geral agora que ja me acalmei e consigo racionalizar esta venda.

    So nao concordo com um ponto deste post e acho que te falta analisar esta venda numa outra perspectiva para considerar este post como verdadeiramente equilibrado e racional. Assim parece-me que queres apenas desculpabilizar os valores desta venda porque concordas com ela e porque defendes o Vieira. :)

    Basicamente neste teu post falta uma analise a pessima gestao do negocio desta venda. O problema desta venda nao foi "psicologico" como tu aqui defendes mas sim de ma gestao de toda esta novela.

    Mesmo que a venda fosse efectuada por estes valores, nao teria sido tao desastrosa e mal recebida por bastante gente se tivesse acontecido imediatamente a seguir ao jogo com o Rio Ave por exemplo. E inadmissivel que a venda tenha sido feita em cima de um jogo decisivo com o Porto numa competicao que o Benfica tera que fazer tudo para ganhar e em que David Luiz ia fazer imensa falta (se o JJ o pusesse a jogar na sua posicao).

    Outro dos erros foi a forma como a politica de comunicacao do clube foi usada como arma de negociacao em vez de divulgacao de noticias aos adeptos/entidades responsaveis (como a CMVM). Porque e que se anunciou o final das negociacoes com o Chelsea, induzindo em erro os adeptos e a CMVM quando estas la continuaram ate se atingir os valores pretendidos pela Direccao?

    Por estes pontos esta venda nunca se deveria ter arrastado tanto e depois de se comunicar o cancelamento das negociacoes com o Chelsea, so por uma proposta verdadeiramente irrecusavel e que ele deveria ter saido.

    ResponderEliminar
  13. @Vermelhusco

    Nao opsso deixar de dizer que acho extremamente redutor dizeres que penso como penso porque defendo o Vieira.

    Ou entao, passo tambem a dizer que tu escreves o que escreves porque atacas o Vieira. Reduz-se assim as nossas opinioes aos pro vieira e aos anti.

    A comunicacao 'a CMVM a cancelar o negocio nao foi para enganar ninguem. Foi a posicao de forca do benfica que fez com que o Chelsea percebesse que se nao melhorasse a proposta, nada feito.

    O facto de ser vendido antes do jogo do Porto, pois, nao foi essa a data em que fechou o mercado?

    O Torres nao foi vendido no ultimo dia do mercado? Sabes qual 'e o proximo jogo do Liverpool? 'E contra o CHelsea!

    Nestas questoes ja se sabe que os clubes esticam a corda ate ao ultimo dia, nao percebo a surpresa.

    ResponderEliminar
  14. A comunicação á CMVM nunca podia ser usada como uma tomada de posição ante o Chelsea. Aí é que está o cerne da questão.

    Se se comunica que acabaram as negociações é para o jogador ficar. Serviu basicamente para tranquilizar alguns adeptos (como eu) quando de facto ainda haviam negociações.

    Se se comunica que as negociações acabaram o jogador devia ficar e ponto final. Enganaram os adeptos ao fazerem essa comunicação.

    ResponderEliminar
  15. Estas foram as palavras que me puxaram a razão em todo este assunto. Muito bem visto RedMoon, tens os meus parabens!

    ResponderEliminar
  16. SouBenfica: Como anteriormente escreveste num outro tópico, realmente na generalidade não estamos longe na forma de analisar as várias situações no que ao Futebol do Benfica diz respeito, mas continuarão a existir sempre coisas que nos separam. Eu percebo onde queres chegar com a tua fundamentação, mas o que está aqui em questão não é apenas o valor da transferência...Já comprovei no “Desmontrar a Transferência de David Luiz” que os valores que vem na imprensa estão muito longe de ser os que o Benfica irá receber e depois aquilo que à dias falámos, a Gestão de Expectativas.

    Quem anda a apregoar aos sete ventos que “Ninguém saí abaixo da claúsula” e “não saí ninguém em Janeiro” e depois faz isto...convenhamos, é um completo hipócrita.

    Eu aceitaria (a muito custo porque estamos a meia da época) esta transferência, por estes valores e com estes contornos se o discurso dos responsáveis fosse um discurso honeste desde o princípio e em que se assumisse que a transferência é imprescindível para a saúde financeira do clube! Mas não, andam sempre a dar música aos ignorantes que depois como não sabem nada de nada, nem sabem o que são direitos desportivos e direitos económicos vem para aqui colocar em causa o benfiquismo dos outros.

    Não vou dizer que “enterro o machado de guerra” porque isto para mim não é uma guerra. A guerra para mim começa logo depois das oito naquela espelunca do dragão.

    p.s Agora completamente off-topic, não deixa de ser curioso que aqueles que vem para aqui tentar ofender quem faz criticas fundamentadas acusando-os de falta de benfiquismo, não se dignem sequer a comentar nos tópicos em que se mencionam vitórias ou factos positivos do clube.

    ResponderEliminar
  17. Os tópicos são como janelas de entrada e se elas focarem factos positivos do clube, estão há vista de todos os que por aqui passam, já os comentários precisam que se abra a janela para lá chegar!

    Quando gostamos da janela, contempla-mo-la com satisfação... Já quando focam aspectos negativos, consubstanciados na opinião do escriba e, como tal, sujeitos ao contraditório, e porque isso mexe com o "nosso" benfiquismo, precisamos dizer qualquer coisa!

    Apesar do que digo, dou-te razão em parte, pois esses tópicos mereciam comentários de regozijo pelo benfiquismo lá exposto, mas é sempre mais fácil comentar quando atacam as nossas convicções/emoções do que quando as vemos elogiadas...

    Se fizeres um tópico a criticar um jogador vais ter muita gente a comentá-lo, com uns a concordar e outros a discordar, isso deve-se à questão da emotividade que faz fervilhar as convicções de cada um!

    Acho que não se deve dar muita importância às ofensas, se não forem insultuosas, pois isto é um blogue, e em muitos tópicos também nós nos sentimos ofendidos sem sermos insultados!

    ResponderEliminar
  18. @jonas Thern
    So um reparo: nao 'e o SOuBenfica, 'e o Redmoon:)))

    COmpreendo o teu ponto de vista e ha sempre mais do que uma forma de olhar para as questoes.

    Concordo que as vezes o Vieira fala demais mas, as vezes as coisas que diz sao para valorizar a mercadoria. Quer passar a imagem que so uma grande proposta o fara mudar de ideias porque nao anda a vender nada ao desbarato.

    Aceito que possa nao se gostar do estilo, e eu tambem confesso que nao gosto particularmente, mas tambem te digo que nestas coisas dos negocios acho que nem tudo o que se passa tem de ser publico.

    O Vermelhusco por exemplo acha hipocrita que o benfica anuncie as negociacoes como encerradas 'a sexta feira e o jogador seja vendido na segunda. Eu acho que foi a posicao de forca encontrada pelo benfica na altura, fazendo ver ao chelsea que por aqueles valores nada feito. na segunda feira subiram a parada e o negocio fez/se.

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  19. @Jonas thern

    e mais uma questao: de facto desmontaste o negocio, nao sei se 'e exactamente da forma que disseste mas tambem nao interessa para o caso.

    Mas o que 'e que a forma como desmontaste o negocio tem a ver com a venda do david luis? Devia ter sido vendido por 40, era? Mas como seria vendido por 40 se ninguem dava 40? E como 'e que o mantinhas na luz contrariado? Nunca mais o vendias?

    Isso 'e uma forma muito simplista de ver as coisas: Quando se veem os fundos so para ganhar e nunca para perder. Se os fundos partilham o risco e ajudam em alturas criticas, tambem teem direito a partilhar o lucro, ou nao?

    So servem para entrar com o guito nas horas de aperto?

    ResponderEliminar
  20. Partilho da opinião do RedMoon e sobre o comunicado do Benfica a cancelar a transferência, foi por causa da insistência do Chelsea na questão das comissões e do fundo de solidariedade, já que queriam que estas fossem subtraídas aos 25 milhões.

    ResponderEliminar
  21. VCruz: Estamos de acordo, mas não podia deixar de passar esta realidade. Do apregoado benfiquismo á prática do mesmo…vai realmente uma grande distância :)

    RedMoon: Epá, as minhas desculpas, mas como estava com a janela aberta do tópico do Soubenfica acabei por trocar os nicks ehehe
    Olha, parte do que ia dizer já o Vermelhusco de certa forma o escreveu. A gestão do processo de transferência foi na minha opinião mal gerido. Mas mais importante que a questão dos valores é a forma como as negociações são feitas. A questão da venda de activos pode deixar-te “refém” em futuras negociações por uma razão muito especifica que é a forma como “vendes o produto” (os jogadores que me desculpem!).
    Se estás constantemente a pedir 30 ou 40 e vendes sempre por 20, estás claramente a dar um sinal ao “mercado” que és benevolente. É que convém lembrar que não estamos a comprar relógios aos marroquinos ou aos ciganos, estamos a falar de jogadores de Top Mundial!

    Agora poderás dizer-me: “Bem, mas financeiramente estamos á rasca”.
    Bom, então que não se ande a aldrabar o povo e a dizer que financeiramente o clube está muito melhor, etc etc…
    Eu percebo que muitos benfiquistas queiram ouvir isso e de certa forma serem enganados ou enganarem-se a eles próprios, mas eu sou demasiado pragmático para essa forma de lidar com as expectativas dos outros. Na minha vida profissional estou todos os dias a lidar com contratos, “vendas” e gestão de riscos, por isso não acho que a aldrabice seja um bom caminho.

    Enfim, que o novo companheiro do Luisão no centro da nossa defesa seja tão bom ou melhor e se possível que enfie já uma batata naqueles ursos para eu gritar bem alto os golos no Benfica hoje no Dragão.

    p.s espero regressar a casa “são e salvo” de bolas de golfe e com uma grande vitória do nosso clube.

    ResponderEliminar
  22. Redmoon,


    Grande post! Parabéns.

    Xenrik

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking